Forum Espirita

GERAL => Fluidoterapia => Outros Temas => Prece => Tópico iniciado por: ANYALUZ em 04 de Junho de 2005, 18:25

Título: Oração do Adolescente
Enviado por: ANYALUZ em 04 de Junho de 2005, 18:25
Oração do Adolescente



   A adolescência não é a " idade horrível", é a idade explendida em que Deus, pelas leis da natureza, põe no corpo, e no coração do jovem um apêlo profundo para outro corpo, um outro coração.
     Quem dera, que nesse tempo, o jovem tenha alguém para dizer-lhe isto. Pais que o amem bastante para não rete-lo egoísticamente, mas dirigir-lhe o olhar para a estrada nova e clara onde, um belo dia, a outra vai despontar.
    Quem dera que ele tenha um amigo, um irmão que o ajude a sair de si próprio e dar-se aos outros; sem isto ele se tornará escravo de si mesmo, incapaz de amar.


SABEMOS QUE  PASSAMOS DA MORTE PARA A VIDA, PORQUE AMAMOS NOSSOS IRMÃOS.QUEM NÃO AMA PERMANECE NA MORTE... NISTO FICAMOS CONHECENDO O AMOR: ELE OFERECEU SUA VIDA  POR NÓS. DEVEMOS, TAMBÉM NÓS, OFERECER A VIDA POR NOSSOS IRMÃOS.(Primeira carta do apóstolo João, 3. 14, 16).


MEUS QUERIDOS, AMEMO-NOS UNS AOS OUTROS, POIS O AMOR É DE DEUS, QUEM NÃO AMA NÃO CONHECEU DEUS, PORQUE DEUS É AMOR. (Primeira carta do Apóstolo João, 4.7-8).


Quisera amar Senhor,   
 Preciso amar,
 Todo o meu ser é um imenso desejo:
 meu coração,
 meu corpo dentro da noite se tesam como quem busca um corpo para amar,
 Meus braços batem no ar e não consigo pegar um objeto para o meu amor,
 Estou só e queria ser dois,
 Vivo, e ninguém para acolher-me a vidas,
 Porque ser rico assim e não ter ninguem para enriquecer?
 Donde vem este amor?
 E para onde vai?
 Quisera amar, Senhor,
 Preciso amar
 Aqui esta, Senhor, esta noite todo o meu amor é inativo.
 Escuta, filho,
 Pára um pouco, e faze, silenciosamente uma profunda romaria até o fundo do teu próprio coração.
 Caminha ao longo do teu amor novinho como quem remontasse a corrente de um regato para achar a nascente.
 E bem no fim, já no fundo, no infinito mistério de sua alma conturbada me encontrarás, a mim,
 Pois meu nome é amor,
 E desde sempre não fui outra coisa senão amor,
 E o amor está em ti.
 Fui eu que te fez para amar,
 Para amar eternamente,
 E teu amor passará para uma outra (tu mesmo):
 E aquela que procuras,
 Fica tranquilo, ela esta em teu caminho,
 a caminho desde sempre, na estrada do meu amor,
 Há que esperar que ela passe,
 Ela se aproxima,
 Tu te aproximas,
 Vos reconhecereis,
 Pois para ela fiz o teu corpo, e para você fiz o corpo dela
 Para ela fiz o teu coração, e para ti fiz o coração dela,
 Procurai-vos os dois dentro da noite, em minha noite que se fara luz se me mostrais confiança.
 Guarda-te para ela meu filho,
 Como ela se guardou para ti,
 Eu vos guardei um para o outro, e já que tens fome de amor, botei no teu caminho todos os teus irmãos para amar.
 Crê, é um aprendizado bem longo o do teu amor,
 E não há muitas espécies de amor: muito embora "NÃO EXISTA AMOR ERRADO".
 Amar, sempre é deixar-se para ir aos outros...
 "Senhor, ajuda-me a esquecer-me por meus irmãos os homens, para que um dia, dando-me, eu aprenda a amar".


  09 de abril de 1.999 - biba por espíritos diversos.


L.E.M.A. Legião espiritual e material de ajuda.
 http://lema.not.br