Forum Espirita

GERAL => Mensagens de Ânimo => Acção do Dia => Tópico iniciado por: dOM JORGE em 08 de Setembro de 2012, 22:53

Título: Uma receita para afastar os maus Espíritos
Enviado por: dOM JORGE em 08 de Setembro de 2012, 22:53
                                                                     VIVA JESUS!




             Boa-noite! queridos irmãos.



                  
Uma receita para afastar
os maus Espíritos


Toda vez que alguém envolvido em um processo obsessivo busca auxílio numa Casa Espírita, as pessoas, sobretudo seus familiares, imaginam que o resultado positivo se dará rapidamente, o que nem sempre ocorre.

Será que os bons Espíritos, os protetores espirituais chamados para o socorro, são mais fracos do que o Espírito causador da obsessão?

Não. Não é isso que ocorre. Não é o bom Espírito que é mais fraco: é a pessoa que não é bastante forte para sacudir o manto lançado sobre ela, para se livrar do constrangimento dos braços que a enlaçam e nos quais, é preciso que se diga, algumas vezes se compraz. Ora, se a pessoa prefere comprazer-se no envolvimento que a constrange, nada ou pouco poderá fazer o amigo espiritual.

Imaginemos, porém, que a pessoa tenha realmente o desejo de se desembaraçar desse jugo e mesmo assim nada consegue. Qual a explicação?

Examinando esse assunto, Kardec explica que nem sempre o desejo, em casos assim, basta, porque a tarefa da desobsessão é uma espécie de luta contra um adversário. Se duas pessoas lutam corpo a corpo, aquela que tem músculos mais fortes derruba a outra.

Nos processos obsessivos, é necessário lutar não corpo a corpo, mas Espírito a Espírito, e é ainda aqui o mais forte que domina, sendo que nesse caso a força está na autoridade moral que se pode tomar sobre o Espírito.

Esforçar-se para ser bom, tornar-se melhor se já é bom, purificar-se de suas imperfeições, em uma palavra: elevar-se moralmente o mais possível, esse é o meio para se adquirir o poder de dominar os Espíritos inferiores e, desse modo, afastá-los.

Mas – alguns ainda perguntam – não podem os Espíritos protetores ordenar ao mau Espírito que se afaste?

Sem dúvida, podem e o fazem algumas vezes; contudo, permitindo a luta, deixam também à vítima do processo o mérito da vitória. Se deixam se debaterem pessoas merecedoras sob certos aspectos, é para provar a sua perseverança e fazê-las adquirir mais força no bem, o que será, para elas, uma espécie de ginástica moral.

Muitos, sem dúvida, prefeririam uma receita prática para a expulsão dos maus Espíritos. Quem sabe? algumas frases de efeito, alguns sinais cabalísticos, o que seria mais cômodo do que corrigir seus defeitos. Não se conhece, porém, nenhum meio eficaz para vencer um inimigo senão sendo moralmente mais forte do que ele.


                Editorial - O Consolador





                                                                                           PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Uma receita para afastar os maus Espíritos
Enviado por: Mariazinha C.Valenti em 12 de Setembro de 2012, 21:48
Nos espiritas conhecemos a Lei de de sintonia,por tanto e facil entender que so nos libertamos das açoes de um Espirito mau girando o botao de sintonia .Qando melhorarmos a maneira nao so de agir ,mas tambem de pensar passamos a vibrar numa faixa superior .Saimos da sintonia,ele nao nos atinge mais.

Um abraço fratermo a todos              Mariazinha
Título: Re: Uma receita para afastar os maus Espíritos
Enviado por: Marcos W. Silva em 12 de Setembro de 2012, 22:44
Gostei do texto e hoje estive pensando por que sempre que vimos um professor nosso, mesmo que de há muito tempo, sentimos e o chamamos de professor. Em respeito a sua posição. Um amigo um dia ao ouvir um ex-aluno me chamando de professor também disse __ esse nome "professor " nunca se esquece.

O problema da autoridade moral é que num mundo como o nosso, alguns a impõem, e assim muitas vezes agem nossos obsessores, impondo suas vontades ou condições, e como não nos conhecemos bem, aceitamos o jugo, muitas vezes.

Abraços.
Título: Re: Uma receita para afastar os maus Espíritos
Enviado por: Wilsonmoreno em 19 de Novembro de 2013, 01:31
O pensamento é um imã.
Atraímos  bons ou maus espíritos, conforme, o Padrão Moral dos pensamentos, pensamentos de inveja, ciúmes, raiva, medo, egoísmo, falsidade, ódio, desonestidade, vai atrair vibratoriamente espíritos desencarnados que pensam e sentem da mesma forma, os iguais se atraem. Para atrair os Bons Espíritos, temos que purificar pensamentos, sentimentos e atitudes, buscando o Cristo, que é o modelo de perfeição moral e espiritual, que devemos nos esforçar para seguir.
Seguir Jesus o Cristo não é simples declaração Verbal e sim problema de comportamento Moral, seguir o Cristo é ser honesto e correto, seguir o Cristo é ser cordial e educado, seguir o Cristo é ser solidário e fraterno, seguir o Cristo é cultivar pensamentos nobres e positivos, seguir o Cristo é combater os Vícios nocivos, seguir o Cristo é combater os maus pensamentos e os maus desejos, seguir o Cristo é respeitar e amar os animais, seguir o Cristo é antes de tudo combater as próprias imperfeições morais, para o Cristo interno brilhar em nossos pensamentos, sentimentos, palavras e atitudes.
É difícil é, mais o Espírito se reencarna no mundo terra ou plano material é para Evoluir moralmente e intelectualmente, ate a Matéria temos que santificar, ou seja, cuidar muito bem do corpo carnal que é a grande ferramenta de trabalho evolutivo do Espirito.
Como disse Emmanuel, o Espírito esta no mundo terra é para VENCER e não ser um vencido pela Matéria.
Eu mesmo que escrevo essas coisas tenho montanhas de dificuldades morais para transpor, mais o trabalho evolutivo tem que ser feito, estamos na matéria é para Vencer a matéria, o Espírito tem que ser Senhor da matéria e não escravo.
Perguntamos, Deus criou algum Espírito para ser fraco, derrotado, vencido e escravo da matéria???
Pense nisso meus irmãos, nós somos filhos de Deus o Grande Foco de Luz e não da matéria.
Vamos avante discípulos do Cristo, lutar, perder, sofrer, chorar, rir, ganhar, sonhar, correr, é somente experiências evolutivas para nosso crescimento espiritual, se Jesus, Espírito Puro sofreu na matéria corporal, por que, nós espíritos pecadores morais deveríamos ficar isentos da Dor???
A Dor depura o Espírito quando o Espírito procura VENCER a dor pela elevação moral e pelo amor.


Título: Re: Uma receita para afastar os maus Espíritos
Enviado por: Wilsonmoreno em 19 de Novembro de 2013, 01:35
A Obsessão e o Livre arbítrio
1)Pelo livre arbítrio eu tenho a liberdade de pensar, sentir e agir.
Quem controla meus pensamentos, meus sentimentos e minhas atitudes sou eu.
Isso se chama  livre arbítrio, é a liberdade que eu tenho para guiar minha vida.
Nenhum espírito desencarnado pode anular meu livre arbítrio ou controlar minha mente, quando os espíritos perturbadores e obsessores conseguem influenciar a mente de uma pessoa, é por que ela PERMITIU, mediante as suas imperfeições morais, maus pensamentos, maus sentimentos, vícios, maus hábitos, ela atraiu pela sintonia vibratória esses espíritos perturbadores e maldosos.
Vejamos  a Metáfora do vampiro.
Um vampiro só pode entrar em sua casa quando você o convida.
Da mesma  forma, os maus espíritos só podem entrar em nossa casa mental, quando, convidamos eles, pelos nossos maus pensamentos, vícios, maus desejos, maus hábitos, vamos atrair o que cultivamos internamente em nosso Espirito.
Atraímos  externamente aquilo que cultivamos internamente.
Se eu sou o dono dos meus pensamentos, sentimentos e atitudes, eu posso e devo, controlar  a minha vida.
Nenhum espírito obsessor pode controlar a nossa mente, quando estamos vibrando bons pensamentos e bons sentimentos, as vibrações positivas vão afastar as vibrações negativas e atrair outras vibrações positivas, os semelhantes atraindo os semelhantes.
O bem atrai o bem.
O mal atrai o mal.
Pelo uso correto do Livre arbítrio eu vou afastar os maus espíritos, vamos concluir, que a obsessão é causada pelo uso errado do livre arbítrio
Quando eu uso meu livre arbítrio para praticar o bem e as virtudes, cultivando pensamentos elevados e nobres, quando eu procuro combater as minhas imperfeições morais, eu estou elevando o meu PADRÃO VIBRATÓRIO e dessa forma  vou  afastar as vibrações pesadas e negativas dos espíritos inferiores, perturbadores e obsessores.
Vibrações com freqüências diferentes se repelem, vibrações com freqüências iguais se atraem, essa é a Lei da Sintonia vibratória, que o ser humano pratica com seus pensamentos.
Os espíritos obsessores não tem nenhum poder sobre as pessoas de Bem, somos nós que damos para eles esse poder, quando entramos em sintonia com eles.
Vamos também concluir, que a proteção espiritual quem faz é a própria pessoa, conforme seus pensamentos e conduta moral, não adianta usar velas, amuletos, talismã, roupas brancas, imagens, nada disso funciona, somente nossos Pensamentos e sentimentos é que tem valor.
Também não existe o Jesus salvador, proteções divinas milagrosas, para nos salvar ou proteger, pela Lei de Causas e efeitos, vamos colher o que plantamos pelos nossos pensamentos, sentimentos e atitudes.
Quem planta pimenta vai colher pimenta, somos livres para semearmos mais a colheita é obrigatória.
Quem planta colhe.
Quem planta maus pensamentos, vícios, ódios, raiva, inveja, falsidade, desonestidade, racismo, medo, egoísmo, desejos de vingança, vai colher (atrair) processos obsessivos, portanto, a terapia é elevação moral e mental.

2)Eu sou DONO dos meus pensamentos, sentimentos, palavras e atitudes, eu posso escolher os meus caminhos, eu posso repelir os maus pensamentos, eu posso repelir os maus sentimentos, eu posso repelir os vícios, eu posso repelir a palavra fútil e viciosa, eu posso repelir as atitudes negativas, eu posso me iluminar, eu posso e devo me torna um discípulo do Cristo, por que, eu tenho o Livre arbítrio, a liberdade para pensar, sentir e agir, portanto, eu sou DONO de mim mesmo, nenhum espírito obsessor pode me controlar, nenhuma magia, macumba ou bruxaria pode me afetar.
O livre arbítrio me fez dono de mim mesmo, meu destino, minha evolução e minha vida, quem CONSTRÓI  sou eu.
A culpa básica da Obsessão é mais do obsidiado do que do obsessor, por que, nós PERMITIMOS que os espíritos inferiores, perturbadores e obsessores se aproximem de nós, pelas nossas imperfeições morais, maus pensamentos, maus desejos, vícios, maus hábitos e atitudes negativas, basta eu elevar meus pensamentos e sentimentos e praticar boas ações, que eu vou afastar gradativamente os maus espíritos.
Perguntamos, seu Livre arbítrio é seu ou dos espíritos obsessores???
Se eu tenho o meu Livre arbítrio, eu posso controlar minha vida, eu posso controlar meus pensamentos, sentimentos, palavras e atitudes.
Livre arbítrio é liberdade para pensar, sentir e agir.
Os maus espíritos se aproximam de nós, por que, nós PREMI TIMOS que eles entrem em sintonia com a nossa mente, não devemos esquecer nunca isso, o vampiro só entra em sua casa se você convidar ele, da mesma forma, os maus espíritos só entram em sua casa Mental se você CONVIDAR eles com seus maus pensamentos, vícios, maus desejos, maus hábitos e ações negativas.
Portanto, somos nós que convidamos os espíritos desencarnados para entrar em Sintonia com a nossa Mente, vamos CONVIDAR (atrair) os Espiritos de Luz, com os convites dos bons pensamentos, bons sentimentos, boas palavras, boas atitudes.

3) Uma outra questão. Deus só pode me proteger, se eu estiver numa faixa vibratória eleva e positiva, dessa forma os Bons Espiritos podem entrar em sintonia com a minha mente, eles se aproximam de nós e nos ajudam com seus fluidos puros e benéficos e dando boas inspirações para fortalecer moralmente as pessoas.
Vamos concluir, que a proteção espiritual quem faz é a própria pessoa com seus pensamentos e conduta moral.
Pela Lei de Causas e efeitos cada pessoa colhe o que planta, a cada um segundo as suas Obras, portanto, se eu planto maus pensamentos, maus sentimentos, vícios e ações negativas, eu vou Colher (atrair) a assistência espiritual dos maus espiritos, pelo uso do Livre arbítrio eu vou determinar que tipo de assistência espiritual eu vou ter.

Existe alguns espíritas que falam, que existe processos obsessivos que são muitos difíceis de obter a cura, quando eu falo que é difícil, eu estou ajudando os espíritos perturbadores e obsessores.
Perguntamos, quem é mais forte o Bem ou o mal??
O Livre arbítrio é do obsedado ou dos obsessores??
O Mestre Allan Kardec é bem claro, são as imperfeições morais da alma que atraem os maus espíritos, portanto, se o obsidiado procurar combater as suas imperfeições morais de forma gradativa, ele vai fechar a porta da sua mente para os espíritos obsessores, não dando campo de aproximação eles não tem como entrar em sintonia com a nossa mente.
O obsidiado tem que receber ajuda de pessoas esclarecidas e de formação moral positiva, dessa forma vamos atrair os Bons espíritos e eles vão nos ajudar na cura.
Para fechar, quem é mais forte Deus ou os espíritos obsessores???