Forum Espirita

GERAL => O que é o espiritismo => Pluralidade Mundos Habitados => Tópico iniciado por: Marianna em 06 de Setembro de 2009, 17:40

Título: Seres de outros planetas
Enviado por: Marianna em 06 de Setembro de 2009, 17:40

O UNIVERSO É COMPOSTO DE UMA INFINIDADE DE SERES EXTRATERRESTRES COM CARACTERÍSITCAS BEM DISTINTAS DA NOSSA. COMO ESTE ASSUNTO VEM GERANDO MUITAS DÚVIDAS RESOLVEMOS INICIAR ESTES ESTUDOS  COM ESTE TEMA.

P- Podemos conhecer exatamente o estado físico e moral dos diferentes mundos?  
R- "Nós, Espíritos, não podemos responder senão na medida do vosso grau de evolução. Quer dizer que não devemos revelar estas coisas a todos, porque nem todos estão em condições de compreendê-las, e elas os perturbariam".

Kardec faz seus comentários em seguida mas não aprofunda a questão da diferença física entre os habitantes dos outros mundos diante da resposta de que ainda não era o momento

P- Porque os Espíritos não ensinaram desde todos os tempos o que ensinam hoje?  
R- "Não ensinai às crianças o que ensinai aos adultos e não dais ao recém-nascido um alimento que ele não possa digerir. Cada coisa tem  o seu tempo. Eles ensinaram muitas coisas que os homens não compreenderam ou desfiguraram, mas que atualmente podem compreeender. Pelo seu ensinamento, mesmo imcompleto, prepararam o terreno para receber a semente que agora vai frutificar." Como se pode notar, nem tudo foi dito nos séculos passados e mesmo na época da criação do Livro dos Espíritos há 146 anos atrás PORQUE nem tudo podia ser dito sem causar um certo embaraço.

Por exemplo na pergunta anterior à 181, Kardec pergunta:
- Os seres que habitam os diferentes mundos têm corpos semelhantes aos nossos?"

- Também não foi dito que forma tinham os Seres de outros mundos porque era de fato muito complicado.
- Também porque eu entendo que nem era mesmo necessário.

Mas veja a Resposta abaixo dado pelos Espíritos.
 
R- "Sem dúvida que têm corpos, porque é necessário que o Espírito se revista de matéria para agir sobre ela; mas este envoltório é mais ou menos material, segundo o grau de pureza a que chegaram os espíritos e é isto que determina as diferenças entre os mundos que temos de percorrer. Porque há muitas moradas na Casa de nosso Pai, e muitos graus, portanto. Alguns o sabem e têm consciência disso aqui na Terra, mas outros nada sabem." Antes de entrarmos na descrição de diferentes povos que vieram para a Terra gostaria de trazer outro ponto que Kardec não pode esclarecer com profundidade que são as Cidades Espirituais.

P - O QUE É A ALMA NOS INTERVALOS DA ENCARNAÇÕES?
R- "ESPIRITO ERRANTE, QUE ASPIRA UM NOVO DESTINO E O ESPERA".

Na pergunta 234 Kardec pergunta se:

- Existem mundos que servem de estações ou de lugares de repouso aos EspÍritos Errantes?
R- "Sim, há mundos particularmente destinados aos seres errantes, mundos que eles podem habitar temporariamente, espécie de acampamentos, de lugares que eles possam repousar de erraticidade muito longas.

Vemos aqui que os Espíritos da Codificação não puderam dar maiores esclarecimentos sobre as Colônias e Cidades Espirituais, mas apenas falou em "acampamentos". Informações somente vieram mais tarde com as obras de André Luiz e outros.

Já tivemos a oportunidade de trazer desenhos das COLÔNIAS ESPIRITUAIS:

  A Colonia Espiritual "NOSSO LAR;
  A Localização das Colônias sobre a Terra;
  A Colônia Espiritual Alvorada Nova II;
  A Colônia Espiritual Alvorada Nova III.

Desde estas informações dadas há alguns anos, muitas mudanças aconteceram até então, porque a vida na espiritualidade é muito mais dinâmica que a nossa terrestre. Por exemplo a população em Alvorada Nova é praticamente o dobro agora (estamos em 2003)  e novos complexos foram construídos na cidade.

O que queremos dizer aqui é uma coisa muito simples:  

A Obra Espirita teve sua pedra fundamental com Kardec, mas a construção do Espiritismo vem sendo feita e complementada com as centenas de obras que aí estão e não apenas obras espíritas, porque a evolução vem envolvendo tudo e a todos. Hoje os que buscam conhecimentos e pesquisas na Ufologia servem também ao progresso do Espiritismo pois vem provar seus fundamentos.
Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: Marianna em 06 de Setembro de 2009, 17:46
É necessário e fundamental que o Espiritismo progrida em consciência para sua própria sobrevivência como doutrina.  

A cristalização de conhecimentos que aconteceu na Religião Cristã Católicos, Evangélica; Batista etc e dos povos do Oriente vem gerando total insatisfação espiritual até mesmo de espíritas e a exploração de pessoas inocentes pela religião dita cristã, como foi no passado pelo Catolicismo.

O Espiritismo praticado pelos espíritas (não estou falando da Codificação) está precisando com urgência de uma renovação. Infelizmente, até mesmo no meio espírita vem acontecendo uma certa regressão.  

Muitos centros fazem orações decoradas e sem emoção alguma; muitos oradores estão repetindo frases feitas há dezenas de anos; muitos oradores vindo do Católicismo vem pregando o "sentimento de culpa" católico do pecado; muitos não se cuidam da higiene pessoal antes de dar passe e o praticam totalmente fora da Doutrina, soprando na cabeça  das pessoas; tocando-as; pronunciando frases repetidas durante o passe; murmurando assobios ou fazendo barulhos. E isto vem ocorrendo em Centros Espírita de grandes Metrópoles e não apenas nos grupos do interior com pouca orientação doutrinária.

Acredito que a divulgação do REIKE iria ajudar muito na prática do passe espírita. Mas vamos ficar por aqui. Esta página não é para críticas mas é para dar uma contribuição a uma nova onda na energia espiritual que rodeia a Terra que são AS NOVAS ENERGIAS DA TRANSIÇÃO PLANETÁRIA  que vêm trazendo consigo um grande ansiedade e angústia a todos os espíritos encarnados e desencarnados; terrestres ou não; humanos ou não.

Para ilustrar esta batalha espiritual que virá em breve na superfície da Terra na forma de eventos diversos entre os homens  queremos relembrar um fato ocorrido num Colônia conhecida como "Casa de Fabiano" citada por André Luiz em "Obreiros da Vida Eterna" página 61, 62 Ed. FEB. Quando na região estava por passar uma tempestade elétrica denominada "Fogo Purificador", os seres humanos e não humanos ( leões e panteras e outros seres  monstruosos que André Luiz não teve autorização para descrever) atacaram a Colônia em busca de Abrigo.

A Diretora da Colônia teve que se utilizar de baterias que lançavam forças elétricas para sua defesa. Em página recente, IMPLANTES COMENTÁRIOS e  DECRETO PARA RETIRAR IMPLANTES, foi ensinado aos visitantes do site como remover Implantes, que é uma das formas de auto-defesa diante de tantas energias descontroladas que aí estão.

AMIGOS, Estes Seres de Inteligência sub-humanas existem aos bilhões  em torno da Terra, NO FUNDO DOS MARES E NO INTERIOR DO PLANETA e Emmanuel  

(no Livro Roteiro pág. 43 3.a ed. FEB) nos diz que existem mais de 20 bilhões de Espíritos humanos. Atualmente a população vem crescendo de maneira fantástica o que sinaliza a encarnação desesperada de milhões de Seres próximos ao Planeta em face da Transição Planetária.

A forma encontrada para fugir de uma eventual retirada obrigatória do Planeta será a busca de abrigo de espíritos até mesmo no reino animal, como já ocorreu numa certa passagem biblica após a ação de Jesus.

"Revisitar Kardec" é isto. - Reler Kardec com a mente aberta diante de novas informações sobre os Extraterrestres e a transição Planetária trazida por Ramatís, Irmão X (Humberto de Campos) e os Mestres da Grande Fraternidade Branca entre tantos outros.

"Revisitar Kardec"  - É também saber que a Doutrina disse muitas outras coisas que estão escritas em "Obras Póstumas" e na Revista Espírita com entrevistas com espíritos encarnados fisicamente em outros mundos.

"Revisitar Kardec" - É transformar uma religião em informação concreta em que você se esclareça diante dos fatos que aí estão e que te ajude a manter seu barco navegando rumo ao Sol e à Luz com o coração consolado .

Mas, voltando ao tema inical sobre povos de outros Planetas, como estamos enfocando a Civilização Egípcia com os Diálogos de um Faraó, vamos traçar um esboço de tantas civilizações que aqui estiveram e que estão voltando agora diante da Transição Planetária de nossa Galáxia.
 
De baixo para cima estão as civilizações que habitaram o Tibete; Egito; Rússia e países que formavam a antiga URSS; Atlântida; Grécia Antiga; Roma Antiga; Maias e Incas; Tribos nos EEUU e Lemuria. Esperamos poder tratar de cada um desses povos num futuro próximo.
 
TEREMOS QUE ESPERAR ATÉ QUANDO PARA CONHECERMOS DE FATO "O QUE É DEUS?" 1ª Pergunta do Livro dos Espíritos.

SERÁ QUE AINDA NÃO É TEMPO DE CONHECERMOS ESTAS COISAS COM MAIOR PROFUNDIDADE?

Carlos A. Baccelli e Inácio Ferreira.
Título: Re: SERES DOS OUTROS MUNDOS
Enviado por: Ace em 07 de Setembro de 2009, 20:24
Encontrei um texto que fala sobre o nome que está no maior circulo desse esquema.


Federação Galáctica Universal

A Federação Galáctica Universal (GF) é uma grande federação das civilizações de muitos diferentes, planetas, galáxias e universos trabalhando juntos para uma existência harmônica de toda a vida. Há uma federação galáctica em cada galáxia habitada em nosso universal. Essas federações são partes da estrutura de gerenciamento universal muito como um conjunto de escritórios são partes da estrutura gerencial de uma grande corporação.

A Federação Galáctica da Via Láctea é chamada de Federação Galáctica dos Mundos, mas algumas raças representadas em suas Federações Galácticas podem chamar de outros nomes, por isso a diferença do nome dado pelos Zetas, Andrômedos, etc.

Cada raça, civilização, e planeta tem um conselho na Federação Galáctica para representá-los. Esses conselhos variam em tamanho, dependendo da população, bem como do montante de responsabilidades que têm na estrutura de gerenciamento da Federação Galáctica. Há ligeralmente milhares destes conselhos, pois há muitas raças a serem representadas. A Federação Galáctica é muito grande, maior do que nós podemos imaginar.

O Grande Salão da Federação Galáctica

A Federação Galáctica tem o maior conselho com representante de cada membro dos conselhos. Esse conselhos encontra-se no Grande Salão. Mas cada conselhos tem o seu próprio Grande Salão. Talvez por isso que há tanta confusão em torno do Grande Salão de Negócios. Muitos chanceleres participam de reuniões no Grande Salão e pensam que há apenas um, quando, na realidade, podem estar no Grande Salão de uma raça membro ou civilização.

Você pode ver como tudo rapidamente pode ficar totalmente complicado.

O Conselho Nibiruano, o maior de todos estes conselhos, tem o seu próprio Grande Salão, mas também atende no Grande Salão da Federação Galáctica com mais freqüência que no seu próprio, pois as suas funções implicam na gestão da Federação Galáctica.

Nibiru não é um planeta com uma civilização, uma vez que é uma nave estelar da Federação Galáctica representante de muitas raças cujo papel é o de uma equipe de gestão de viagem galáctica. Sua missão é ajudar a negociar alianças e manter a paz entre os diferentes mundos da FG e ajudar e receber novos membros. Daí seu lema, “Servir o Universo.”

A Federação Galáctica da galáxia Via Láctea está localizada no sistema estelar de Sírius. Nosso sol é um portal estelar desse sistema, e a FG. É por isso que a estrela Sirius cão é tão importante para a Terra e tem um papel significativo na nossa história.

História da Federação Galáctica

A Federação Galáctica da Via Láctea é a mais antiga Federação Galáctica deste Universo. Ela foi estabelecida no final da Primeira Grande Guerra Galáctica que foi travada na Constelação de Lyra entre os Humanos, Reptilianos, Felinos e Carians. Depois desta guerra, os sobreviventes decidiram que eles deveriam estabelecer alguma forma de arbitrar disputas para que este tipo de destruição (destruição do mundo natal dos humanos Avyon – a Primeira Terra) não ocorresse novamente.

Assim, a Federação Galáctica foi estabelecida com os membros fundadores sendo Lyra e Órion. A sua prmeira bandeira foi Pelegai, um dos poucos navios que ficaram intactos depois da guerra. Esse foi um momento muito doloroso e as feridas dessa guerra levariam muitas dimensões de tempo para cicatrizar.

No início a Federação Galáctica era muito pequena desde então poucos sobreviveram a guerra, O Conselho Lyriano e de Orion duplamente eram os braços administrativos de sua pequena inexperiente federação. Em outras palavras, eles eram a Federação Galáctica. Com o tempo novas raças foram criadas como filhas das quatro originais e a Federação Galáctica deu boas vindas a eles congradulando-os com um estatuto galáctico, como estamos fazendo agora.

Assim, a Federação Galactic cresceu e tornou-se uma grande e poderosa federação do mundo dedicada à paz universal e a prosperidade. Agora há milhões de membros de toda a nossa galáxia.
Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: Marianna em 09 de Setembro de 2009, 22:47
Isto é pra você ver como são as coisas amigo.
Diante da imensidão das maravilhas de Deus, nós somos menor que uma poeira.

Jesus contigo, sempre.
Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: Marianna em 30 de Outubro de 2009, 23:54

Vida em outros planetas

De acordo com o ensinamento dos Espíritos, de todos os globos que compõem o nosso sistema planetário, a Terra é onde os habitantes são menos avançados, tanto física quanto moralmente.

Marte ainda estaria inferior e Júpiter muito superior em todos os sentidos.

O Sol não seria um mundo habitado por seres corporais, e sim um lugar de encontro de Espíritos superiores que, de lá, irradiam seus pensamentos para outros mundos, que dirigem por intermédio de Espíritos menos elevados, transmitindo-os a eles por meio do fluido universal. Como constituição física, o Sol seria um foco de eletricidade. Todos os sóis parecem estar numa posição idêntica.

O volume e a distância que estão do Sol não têm nenhuma relação necessária com o grau de adiantamento dos mundos, pois parece que Vênus é mais avançado que a Terra, e Saturno menos que Júpiter.

Muitos Espíritos que na Terra animaram pessoas conhecidas disseram estar encarnados em Júpiter, um dos mundos mais próximos da perfeição, e é admirável ver, nesse globo tão avançado, homens que, na opinião geral que fazemos deles, não eram reconhecidos como tão elevados.

Isso não deve causar admiração, se considerarmos que alguns Espíritos que habitam Júpiter podem ter sido enviados à Terra para cumprir uma missão que, aos nossos olhos, não os colocava em primeiro plano; que, entre sua existência terrestre e a de Júpiter, podem ter tido outras intermediárias, nas quais se melhoraram.

E, finalmente, que nesse mundo, como no nosso, há diferentes graus de desenvolvimento, e que entre esses graus pode haver a mesma distância como a que separa entre nós o selvagem do homem civilizado. Desse modo, o fato de habitarem Júpiter não quer dizer que estão no mesmo padrão dos seres mais avançados de lá, da mesma forma que não se está no mesmo padrão de um sábio da Universidade só porque se reside em Paris.

As condições de longevidade não são também as mesmas que na Terra, e por isso não se pode comparar a idade. Um espírito evocado, desencarnado há alguns anos, disse estar encarnado há seis meses num mundo cujo nome nos é desconhecido.

Interrogado sobre a idade que tinha nesse mundo, respondeu: “Não posso avaliá-la, porque não contamos o tempo como vós; além do mais, o modo de vida não é o mesmo:

Desenvolvemo-nos lá com muito mais rapidez; embora não faça mais que seis dos vossos meses que lá estou, posso dizer que, quanto à inteligência, tenho trinta anos da idade que tive na Terra”.

Muitas respostas semelhantes nos foram dadas por outros Espíritos, e isso nada tem de inacreditável.

- Não vemos na Terra um grande número de animais adquirir em poucos meses seu desenvolvimento normal?

- Por que não poderia ocorrer o mesmo com os habitantes de outras esferas?

Notemos, por outro lado, que o desenvolvimento adquirido pelo homem na Terra, na idade de trinta anos, pode ser apenas uma espécie de infância, comparado ao que deve alcançar. Bem curto de vista se revela quem nos toma em tudo por protótipos da criação, e é rebaixar a Divindade crer que, fora o homem, nada mais é possível a Deus.

Por Allan Kardec
Deconheço a fonte.


Título: Re: SERES DOS OUTROS MUNDOS
Enviado por: PAULORICARDORG em 31 de Outubro de 2009, 03:33
Seria possível saber a fonte de onde saiu essas informações?   OBRIGADO 

 
Encontrei um texto que fala sobre o nome que está no maior circulo desse esquema.


Federação Galáctica Universal

A Federação Galáctica Universal (GF) é uma grande federação das civilizações de muitos diferentes, planetas, galáxias e universos trabalhando juntos para uma existência harmônica de toda a vida. Há uma federação galáctica em cada galáxia habitada em nosso universal. Essas federações são partes da estrutura de gerenciamento universal muito como um conjunto de escritórios são partes da estrutura gerencial de uma grande corporação.

A Federação Galáctica da Via Láctea é chamada de Federação Galáctica dos Mundos, mas algumas raças representadas em suas Federações Galácticas podem chamar de outros nomes, por isso a diferença do nome dado pelos Zetas, Andrômedos, etc.

Cada raça, civilização, e planeta tem um conselho na Federação Galáctica para representá-los. Esses conselhos variam em tamanho, dependendo da população, bem como do montante de responsabilidades que têm na estrutura de gerenciamento da Federação Galáctica. Há ligeralmente milhares destes conselhos, pois há muitas raças a serem representadas. A Federação Galáctica é muito grande, maior do que nós podemos imaginar.

O Grande Salão da Federação Galáctica

A Federação Galáctica tem o maior conselho com representante de cada membro dos conselhos. Esse conselhos encontra-se no Grande Salão. Mas cada conselhos tem o seu próprio Grande Salão. Talvez por isso que há tanta confusão em torno do Grande Salão de Negócios. Muitos chanceleres participam de reuniões no Grande Salão e pensam que há apenas um, quando, na realidade, podem estar no Grande Salão de uma raça membro ou civilização.

Você pode ver como tudo rapidamente pode ficar totalmente complicado.

O Conselho Nibiruano, o maior de todos estes conselhos, tem o seu próprio Grande Salão, mas também atende no Grande Salão da Federação Galáctica com mais freqüência que no seu próprio, pois as suas funções implicam na gestão da Federação Galáctica.

Nibiru não é um planeta com uma civilização, uma vez que é uma nave estelar da Federação Galáctica representante de muitas raças cujo papel é o de uma equipe de gestão de viagem galáctica. Sua missão é ajudar a negociar alianças e manter a paz entre os diferentes mundos da FG e ajudar e receber novos membros. Daí seu lema, “Servir o Universo.”

A Federação Galáctica da galáxia Via Láctea está localizada no sistema estelar de Sírius. Nosso sol é um portal estelar desse sistema, e a FG. É por isso que a estrela Sirius cão é tão importante para a Terra e tem um papel significativo na nossa história.

História da Federação Galáctica

A Federação Galáctica da Via Láctea é a mais antiga Federação Galáctica deste Universo. Ela foi estabelecida no final da Primeira Grande Guerra Galáctica que foi travada na Constelação de Lyra entre os Humanos, Reptilianos, Felinos e Carians. Depois desta guerra, os sobreviventes decidiram que eles deveriam estabelecer alguma forma de arbitrar disputas para que este tipo de destruição (destruição do mundo natal dos humanos Avyon – a Primeira Terra) não ocorresse novamente.

Assim, a Federação Galáctica foi estabelecida com os membros fundadores sendo Lyra e Órion. A sua prmeira bandeira foi Pelegai, um dos poucos navios que ficaram intactos depois da guerra. Esse foi um momento muito doloroso e as feridas dessa guerra levariam muitas dimensões de tempo para cicatrizar.

No início a Federação Galáctica era muito pequena desde então poucos sobreviveram a guerra, O Conselho Lyriano e de Orion duplamente eram os braços administrativos de sua pequena inexperiente federação. Em outras palavras, eles eram a Federação Galáctica. Com o tempo novas raças foram criadas como filhas das quatro originais e a Federação Galáctica deu boas vindas a eles congradulando-os com um estatuto galáctico, como estamos fazendo agora.

Assim, a Federação Galactic cresceu e tornou-se uma grande e poderosa federação do mundo dedicada à paz universal e a prosperidade. Agora há milhões de membros de toda a nossa galáxia.
Título: Re: SERES DOS OUTROS MUNDOS
Enviado por: Ace em 31 de Outubro de 2009, 12:23
http://www.historiasdaterra.com/?page_id=139&lang=pt-br (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5oaXN0b3JpYXNkYXRlcnJhLmNvbS8/cGFnZV9pZD0xMzkmYW1wO2xhbmc9cHQtYnI=)


Abraços, Paz.
Título: Re: SERES DOS OUTROS MUNDOS
Enviado por: Aldebaran em 31 de Outubro de 2009, 16:35
Citar
A Federação Galáctica da galáxia Via Láctea está localizada no sistema estelar de Sírius. Nosso sol é um portal estelar desse sistema, e a FG. É por isso que a estrela Sirius cão é tão importante para a Terra e tem um papel significativo na nossa história.

Olá,

De fato, Emmanuel se refere a um mundo evoluído girando  em torno de Sírius, na introdução do livro  "Renúncia", Chico/Emmanuel  ed. FEB.

abçs

Renato

Cz, muito legal o texto sobre a "confederação galáctica". vlw. 

Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: Marianna em 01 de Janeiro de 2010, 21:01


- QUEM SÃO ESSES SERES DE OUTROS PLANETAS QUE NÓS CHAMAMOS DE EXTRATERRESTRES?

- Por quê temos a necessidade de acreditar que o Sol, a Lua e as Estrelas foram feitos somente para nós humanos?

O Universo é infinito e existem vários planos de evolução onde são dadas oportunidades de vida. Claro que todos esses planos têm suas características, seus graus de dificuldades, suas lições a serem aprendidas. A Terra é apenas um desses mundos onde é possível se viver.

Observem o céu, vejam quantos pontinhos de luz existem e que chamamos de estrelas, planetas, etc, pois é, a Terra é apenas mais um pontinho que faz parte de uma galáxia.

Diante da nossa ingenuidade acabamos imaginando que os espíritos somente possam viver em corpos humanos e densos como os nossos, mas isto é ilusão, qual é a garantia que temos de que em outros planetas não possam existir seres com corpos totalmente diferentes dos nossos e que como nós estão em processo de evolução?

Apesar de vivermos em um mundo tridimensional sabemos que existem outras dimensões e por quê então, esses mundos não poderiam abrigar outros espíritos dando-lhes a oportunidade de crescimento espiritual?

Esses seres que vivem em outros planetas, estrelas, etc, nós chamamos de extraterrestres e eles pertencem a inúmeras raças com matérias e corpos diferentes, com estruturas e formações diferentes, que são criados para que possam se adaptar aos seus planetas de origem e sobreviver nos mesmos. Esses seres que operam nas vizinhanças da Terra são semelhantes a nós e estão aqui para monitorar e proteger o planeta, como elevar a consciência do ser humano de forma pacífica.

Outra de suas missões é impedir que a humanidade se auto-destrua através do uso de armas atômicas e das usinas nucleares nocivas ao meio ambiente. Estão entre nós há muito tempo procurando nos alertar do perigo que estamos correndo e do quanto isto é prejudicial para os outros sistemas e esferas interligadas a nós.

Outra missão deles é preparar o ser humano para que possa viver em um outro corpo físico mais sutil que o nosso atualmente. Existem naves extraterrestres superpotentes e ultradimensionais mantidas nas proximidades da Terra, em espaços paralelos, com a finalidade de serem realizadas as mudanças necessárias.

Essa grande frota à serviço do planeta existe com a finalidade de promoverem a paz universal e não a guerra, pois eles não usam nenhuma força que possa levar os homens a escravidão ou a morte.

Estão ampliando a vibração da Terra para que suas naves possam chEgar até nós, mas antes que isso aconteça pretendem informar a humanidade terrestre que virão, a fim de que não se apavore.
Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: Marianna em 08 de Janeiro de 2010, 03:52

Como dizia Hermes, o Trimegisto:

"O que está em cima é como o que está em baixo, e o que está embaixo é como o que está em cima".  

Então, por que não haver cidades espirituais? Elas existem, fisicamente acima das grandes cidades, mas obviamente em outra dimensão (ou plano, ou vibração). Servem como ponto de apoio para trabalhos a serem realizados nas cidades físicas, e para recebimento e adaptação dos que desencarnaram recentemente. A mais conhecida (e a primeira de conhecimento do público) é Nosso Lar, que fica em cima do Rio de Janeiro, e é descrita no livro homônimo de Chico Xavier.

Sim, os espíritos moram, comem e dormem nestas cidades.  

Quem morrer achando que vai virar anjo e morar no meio das nuvens, se encontrando com todos os seres que já morreram antes, está no mínimo mal informado. A pessoa que morre leva consigo todos os seus vícios, costumes, lembranças, e continua a ser ela mesma, só que em uma freqüência mais elevada. Ela vai sentir necessidade de comer e dormir, embora NÃO precise, de fato.

Espíritos mais evoluídos não dormem nem comem, apenas bebem água energizada, para revigorarem-se dos trabalhos no umbral (que são compostos de energia mais densa).

A pessoa geralmente não se lembra de todas as suas encarnações depois que morre. Pode levar meses, ou anos. Afinal, depois de décadas vivendo apenas como uma pessoa, o ego vai ter dificuldades para reassimilar as outras personalidades. A natureza não dá saltos!

Ela também geralmente não vai saber como sair dessa cidade, a não ser que vá a passeio visitar as outras cidades.  

Muita gente não sabe se deslocar no espaço (o que pode ser feito voando/volitando, ou teleportando-se) ou tem medo, então usam os Aerobus, que são uma espécie de ônibus voador (quem pratica projeção astral já os viu por aí).

As pessoas vão vivendo suas vidinhas pós-morte de forma bem similar à nossa. É até frustrante. Mas notem que essa é a realidade para a grande maioria das pessoas, que são tão limitadas às suas vidas que não concebem ir além disso.

Então Deus, em sua imensa sabedoria, providencia uma continuação de seus afazeres enquanto os espíritos se preparam para uma nova encarnação.

Eles trabalham em serviços assistenciais ou burocráticos e recebem em troca os bônus-hora, que são uma espécie de moeda que permite que se vá a teatros, cinemas, enfim, ter lazer.

Isso é feito tão-somente para incentivar as pessoas a procurarem um afazer e evitar o ócio. Para quem faz seu trabalho com prazer, isso nem é necessário.
Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: Marianna em 08 de Janeiro de 2010, 03:56

A tecnologia em alguns planos chega a ser 500 anos mais avançadas que a nossa, então imaginem o nível de diversão!

Como podem notar, as pessoas nessas cidades pessoas vivem no Brasil, cercadas de brasileiros. Mas é uma questão tão-somente de limites para pessoas limitadas. Ou de afinidade. É como na Internet: existem servidores de bate-papo de toda parte do mundo, mas os brasileiros procuram servidores brasileiros, para conversar com brasileiros. Alguns poucos se aventuram em servidores de outros países, e a maioria desiste por sentir-se deslocada. A língua também é um empecilho.

A pessoa pode ter tido centenas de encarnações em vários países, mas enquanto não lembrar perfeitamente delas, não adianta!  

Mais uma vez, isso não é um problema para os espíritos elevados, que se comunicam por telepatia: blocos de idéias que são transferidos de mente para mente. E as cidades deles também se formam através de afinidade: existem as cidades dos Rosacruzes, da Fraternidade Branca, e de outros grupos afins, que não ficam geograficamente sobre nenhum lugar em especial, só sendo acessíveis por teleporte (pessoas que não vibrem na mesma freqüência da cidade não a verão).

Já as cidades européias que ficam próximas à crosta são ainda um mistério para nós. Por serem muuuuuuuito antigas, constituem-se de castelos e lugares tenebrosos, onde pouca gente tem coragem de entrar. As cidades orientais são ainda mais esquisitas. Como cada lugar reflete a cultura do local, temos perambulando por esses lugares magos, bruxas, dragões e outras coisas, que são na verdade espíritos atrasados que assumem essas formas mitológicas para aterrorizar os inimigos.

Pra quem não sabe, o perispírito (o corpo que assumimos quando nos projetamos ou morremos) é perfeitamente moldável pela força do pensamento. Muitos espíritos zombeteiros assumem a forma de pessoas famosas para psicografar, dar conselhos, e tal, e espíritos vampirizadores assumem formas de mulheres fascinantes para conseguir - através de sexo no plano astral com pessoas projetadas - energia vital. São as conhecidas Sucubus (se homens, Incubus).

Acho que embolei o meio de campo, falando coisa demais mas, bem, um dia eu tinha de falar. Se tiverem dúvidas, se manifestem que eu pesquiso a respeito. O que sabemos (através de livros psicografados e relatos de projetistas) é tão pouco e tão limitado que tudo, mas tudo mesmo que vocês imaginarem pode existir do "lado de lá", afinal, são N freqüências diferentes, todas moldáveis em maior ou menor escala pela força do pensamento.

Desconheço a fonte.
Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: Marianna em 23 de Janeiro de 2010, 13:31


Entre esses seres de outras planetas vamos encontrar As Cidades Espirituais.

Em relatos provenientes das mais antigas civilizações conhecidas ou nas comunicações mais recentes de médiuns, espíritas ou não, a presença de cidades maravilhosas tem sido uma constante, assim como o contato com os seres que nelas habitam e que trabalham pelo bem da humanidade.

Os sábios e místicos das mais antigas civilizações da Terra já afirmavam que nosso mundo não era exatamente o que se pensava. Ou melhor, que ele era composto por camadas diferenciadas de realidades, nem todas imediatamente visíveis ou perceptíveis para todas as pessoas. Sob determinadas circunstâncias, alguns indivíduos atingiam a capacidade de obter percepções mais ou menos nítidas dessas outras camadas de realidade que, de certa forma, circundavam o planeta.

Mais que isso, essas realidades paralelas à nossa estavam habitadas por entidades.

Algumas eram vistas como sendo quase deuses, outras, como quase humanas. Todas poderiam, mais uma vez sob determinadas circunstâncias, entrar em contato com o nosso nível de realidade, transmitindo informações ou apenas tentando contatar com uma realidade da qual ainda não haviam se libertado completamente.

Essa sabedoria antiga foi transformada na base de muitas crenças religiosas, algumas das quais existem ainda hoje. Isso era uma realidade na Índia antiga como o é hoje. As referências à existência de um “mundo invisível”, encoberto dos simples mortais pelo “véu de Maya”, são constantes na religiosidade hindu.

Hoje em dia, noções como essa fazem parte da especulação científica, ainda que muito pouco comentadas abertamente, especialmente na concepção dos chamados universos ou dimensões paralelas. Uma constante na literatura de ficção científica, a noção de existências paralelas à nossa se desenvolveu principalmente a partir de alguns aspectos da teoria quântica, os quais estão sendo cada vez mais seriamente considerados no meio científico.

Outras Dimensões:

São justamente os contatos com essas outras dimensões que, ao longo de milhares de anos, têm surgido como o centro de alguns dos maiores mistérios das religiões e crenças místicas da humanidade. Mais do que apenas relatar vislumbres de outras realidades, os relatos desses contatos fazem referências claras à existência de locais muito reais, às vezes, cidades, outras vezes, países ou terras maravilhosas.

Para alguns, Shamballah e Agartha seriam exemplos de cidades situadas numa das inúmeras dimensões paralelas, ainda que as lendas também se refiram a elas como sendo cidades subterrâneas. Esses relatos ou lendas –como preferem os cientistas – devem estar entre os mais antigos do planeta, formando a base de inúmeras crenças hindus e tibetanas. Na verdade, contos fantásticos sobre cidades subterrâneas ou em outras dimensões apareceram ainda recentemente, aqui mesmo no Brasil.

Seja como for, parece que o contato com esses locais, e com os seres que neles vivem – sempre esteve um tanto restrito, seja a pessoas com um desenvolvimento espiritual mais aprimorado, seja a pessoas com capacidades psíquicas mais desenvolvidas. Em alguns casos, como no antigo Egito, as maravilhosas terras do Além só podiam ser acessadas pelos espíritos dos mortos, e eram vistas como verdadeiros países, com tudo o que a existência material proporcionava.

As informações vêm sendo fornecidas tanto pelo contato direto com essas realidades, como por meio de contatos entre os seres que nelas habitam e os encarnados na Terra, como ocorre hoje em dia com os médiuns.

Algumas crenças já se referiram à existência de sete planos ou níveis diferentes de realidade, cada qual um pouco mais afastado de nosso plano imediato. Assim, quanto mais distante se encontrasse o plano, mais difícil seria o contato. Os fantasmas, por exemplo, seriam os seres que ainda estariam num plano muito próximo à Terra, presos à realidade material e enfrentando dificuldades para se livrarem da existência anterior e realizar a passagem aos níveis mais elevados ou planos superiores.

Gilberto Schoereder.
Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: Mourarego em 23 de Janeiro de 2010, 14:59
E a bobjada continua...
A pergunta é por que enturmar Kardec com esse bando?
Querem crer tudo bem, direito e problema de vocês, mas colocar a meio de tudo algo do codificador como meio de comprovação de sandices vai muito longe.
abraços,
Moura
Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: Marianna em 23 de Janeiro de 2010, 21:27


Como dizia Hermes, o Trimegisto: "O que está em cima é como o que está em baixo, e o que está embaixo é como o que está em cima".

Então, por que não haver cidades espirituais?  

Elas existem, fisicamente acima das grandes cidades, mas obviamente em outra dimensão (ou plano, ou vibração). Servem como ponto de apoio para trabalhos a serem realizados nas cidades físicas, e para recebimento e adaptação dos que desencarnaram recentemente. A mais conhecida (e a primeira de conhecimento do público) é Nosso Lar, que fica em cima do Rio de Janeiro, e é descrita no livro homônimo de Chico Xavier.

Sim, os espíritos moram, comem e dormem nestas cidades.  

Quem morrer achando que vai virar anjo e morar no meio das nuvens, se encontrando com todos os seres que já morreram antes, está no mínimo mal informado. A pessoa que morre leva consigo todos os seus vícios, costumes, lembranças, e continua a ser ela mesma, só que em uma freqüência mais elevada. Ela vai sentir necessidade de comer e dormir, embora NÃO precise, de fato.

Espíritos mais evoluídos não dormem nem comem, apenas bebem água energizada, para revigorarem-se dos trabalhos no umbral (que são compostos de energia mais densa).

A pessoa geralmente não se lembra de todas as suas encarnações depois que morre. Pode levar meses, ou anos. Afinal, depois de décadas vivendo apenas como uma pessoa, o ego vai ter dificuldades para reassimilar as outras personalidades. A natureza não dá saltos!

Ela também geralmente não vai saber como sair dessa cidade, a não ser que vá a passeio visitar as outras cidades.

Muita gente não sabe se deslocar no espaço (o que pode ser feito voando/volitando, ou teleportando-se) ou tem medo, então usam os Aerobus, que são uma espécie de ônibus voador (quem pratica projeção astral já os viu por aí).

As pessoas vão vivendo suas vidinhas pós-morte de forma bem similar à nossa. É até frustrante.  
Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: Marianna em 23 de Janeiro de 2010, 21:29


Mas notem que essa é a realidade para a grande maioria das pessoas, que são tão limitadas às suas vidas que não concebem ir além disso.

Então Deus, em sua imensa sabedoria, providencia uma continuação de seus afazeres enquanto os espíritos se preparam para uma nova encarnação.  

Eles trabalham em serviços - assistenciais ou burocráticos - e recebem em troca os bônus-hora, que são uma espécie de moeda que permite que se vá a teatros, cinemas, enfim, ter lazer.

Isso é feito tão-somente para incentivar as pessoas a procurarem um afazer e evitar o ócio. Para quem faz seu trabalho com prazer, isso nem é necessário. A tecnologia em alguns planos chega a ser 500 anos mais avançadas que a nossa, então imaginem o nível de diversão!

Como podem notar, as pessoas nessas cidades pessoas vivem no Brasil, cercadas de brasileiros.  

Mas é uma questão tão-somente de limites para pessoas limitadas. Ou de afinidade. É como na Internet: existem servidores de bate-papo de toda parte do mundo, mas os brasileiros procuram servidores brasileiros, para conversar com brasileiros. Alguns poucos se aventuram em servidores de outros países, e a maioria desiste por sentir-se deslocada. A língua também é um empecilho.

A pessoa pode ter tido centenas de encarnações em vários países, mas enquanto não lembrar perfeitamente delas, não adianta!  

Mais uma vez, isso não é um problema para os espíritos elevados, que se comunicam por telepatia: blocos de idéias que são transferidos de mente para mente. E as cidades deles também se formam através de afinidade: existem as cidades dos Rosacruzes, da Fraternidade Branca, e de outros grupos afins, que não ficam geograficamente sobre nenhum lugar em especial, só sendo acessíveis por teleporte (pessoas que não vibrem na mesma freqüência da cidade não a verão).

Já as cidades européias que ficam próximas à crosta são ainda um mistério para nós. Por serem muuuuuuuito antigas, constituem-se de castelos e lugares tenebrosos, onde pouca gente tem coragem de entrar. As cidades orientais são ainda mais esquisitas. Como cada lugar reflete a cultura do local, temos perambulando por esses lugares magos, bruxas, dragões e outras coisas, que são na verdade espíritos atrasados que assumem essas formas mitológicas para aterrorizar os inimigos.

Pra quem não sabe, o perispírito (o corpo que assumimos quando nos projetamos ou morremos) é perfeitamente moldável pela força do pensamento. Muitos espíritos zombeteiros assumem a forma de pessoas famosas para psicografar, dar conselhos, e tal, e espíritos vampirizadores assumem formas de mulheres fascinantes para conseguir - através de sexo no plano astral com pessoas projetadas - energia vital. São as conhecidas Sucubus (se homens, Incubus).

Acho que embolei o meio de campo, falando coisa demais... mas, bem, um dia eu tinha de falar. Se tiverem dúvidas, se manifestem que eu pesquiso a respeito. O que sabemos (através de livros psicografados e relatos de projetistas) é tão pouco e tão limitado que tudo, mas tudo mesmo que vocês imaginarem pode existir do "lado de lá", afinal, são N freqüências diferentes, todas moldáveis em maior ou menor escala pela força do pensamento

Humberto Oliveira.

Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: Mourarego em 24 de Janeiro de 2010, 15:04
Esse deve sere ou tro Hermes, pois este Espírito que você cita, me é o mentor que me acompanha já há tempos.
A ele fiz a mesma pergunta, um dia e recebi dele a resposta de que tais criações, produtos das crenças e das interiorizações de muitos, só existem enquanto perdurarem nos crédulos a intenção de assim prosseguirem.
Abraços,
Moura
Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: D em 29 de Janeiro de 2010, 00:31
Tente ler Crepúsculo dos Deuses. Entenderá mais sobre seres de outros planetas.
Tente ler também Exilados de Capela.
Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: mecame em 29 de Janeiro de 2010, 02:11
O que são os outro planetas? Não são moradas do Pai também? Então para que a duvida de que existem seres em outros planetas? Há seres por toda parte. Por toda parte há espíritos passando por nova fase de evolução. Mundos mais sutis, mais perfeitos que o nosso. Sabemos disso. Existem verdades que não precisam de grandes detalhes explicativos. A paz de Cristo.
Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: Anton Kiudero em 29 de Janeiro de 2010, 09:59
Quando eu desencarnar quero passar por todos esses planetas.

Já passamos por varios e em constelações distantes. Poucos espiritos encarnados neste planeta, iniciaram a sua jornada aqui. E a fase vivida em cada orbe tem um proposito. A nos, neste momento, isto é incompreensivel. Então sejamos felizes em nosso dia a dia porque é apenas isto que Deus espera de nos.
Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: Marya em 29 de Janeiro de 2010, 10:24
Há muito que se estudar e muito a aprender. Ao observarmos os ensinamentos de Jesus "Na casa do Pai há muitas moradas, se assim não fosse eu vô-lo teria dito". É muito importante que continuemos investigando para descobrirmos o que já existe. Gradativamente iremos encontrar as respostas para as nossas perguntas e vivenciando o que pensávamos ser impossível.
Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: Mourarego em 29 de Janeiro de 2010, 14:52
Quando eu desencarnar quero passar por todos esses planetas.

Me manda um email de lá maninha thelma... eu vim pra semente hehehe
Se você quiser eu te envio o meu vale idoso aeróbus tá?
Abração,
Moura
Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: Telmaluz em 01 de Fevereiro de 2010, 00:45
Mande seu endereço que se eu for primeiro escreverei.

Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: Matheus RA em 02 de Março de 2010, 06:32
Bom.
Tudo e especulação...

Quando alguem compra um imovel..e especulação...exemplo..aqui vale tanto e aqui tanto..
Especulase de quanto deve valer...se tem crise financeira..pois antes se especulava que valia xXx..agora Xx
tbm compra e venda e a lei da especulação.

Eu pergunto...
O que estas informações,serão uteis e funcionais em minha vida?
Qual a utilidade de eu saber que em Criptonia...tem seres vivos e afins.

E obvio que todo lugar deve ter vida.
Mais densa ou não...espiritual ou não...

Eu me foco em meus defeitos a corrigir..que são tantos..
Eu olho e me pergunto..realmente o que quero??
Qual a diferença que estou fazendo neste mundo?

Acho que estas são questões que eu devo saber e responder e ir atras...

E não..saber um aerobus...confederação galatica..e etc..
Se existir isto.
Otimo..porem o que eu devo fazer..e aqui na terra..

e por minha experiencia propria...temos que nos concentrar no que fazemos..
não adianta eu estar na academia puxando ferro e pensando em minha vida financeira..o correto e se concentrar no que estas fazendo.

Minha opinião.
Abraços
Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: Marianna em 14 de Março de 2010, 12:49
Obrigada por compartilhar.
Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: Mourarego em 14 de Março de 2010, 15:33
"Mens sana in corpore sano" diz o brocardo latino.
É bom quando não em excesso o puxar ferro, a corrida na praia, todos os esportes. Bom para saúde física e a longevidade saudável dá mais tempo ao Espírito para que progrida mais.
temos que estabelecer sempre esta separação entre o que é bom ao corpo e o que facilita a evolução espiritual. Senão vira o "liberou geral" e a gente se "trumbica" como ensinava o Chacrinha.
Como encarnados, deixar a vida nos levar no que diz respeito ao corpo somático é previsão de saúde instável na idade provecta, e se, ainda por cima descuramos daquilo que lembra muitoi bem o mano Matheus, ai sim, "bailamos na curva" quer dizer "dançamos geral".
abraços,
Moura
Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: Marianna em 28 de Abril de 2010, 20:09
Eu que agradeço o seu carinho querida.
Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: Gabriel em 23 de Setembro de 2010, 21:26

E de que planeta seriam esses seres?

De acordo com a religião espírita, seria os planetas de nosso sistema solar. marte, venus, jupter, saturno, urano etc...
mozart por exemplo, estaria encarnado em jupter, morando numa casa com forma de notas musicais.... legal né?
Título: Re: SERES DE OUTROS PLANETAS
Enviado por: raiodesol em 24 de Setembro de 2010, 02:14
amigo se estão habitados só se for por seres invisiveis,porque se fossem visiveis ,as sondas espaciais já teriam imagem..........