Forum Espirita

GERAL => O que é o espiritismo => Pluralidade Mundos Habitados => Tópico iniciado por: Carlos Magnus em 11 de Maio de 2012, 13:31

Título: Quando a Terra será mundo de regeneração?
Enviado por: Carlos Magnus em 11 de Maio de 2012, 13:31
    Para que isso ocorra é impreterivel que Deus desabite da terra espiritos orgulhosos, egoistas, gananciosos, etc, encarnando-os em outras moradas.  Tem alguma previsão de quando a terra se tornará um mundo de regeneração?    Tem algum lugar que isso antes aconteceria ou seria ao mesmo tempo em todos paises?
Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: Paulo Ribeiro Junior em 13 de Maio de 2012, 16:10
Acorda Carlos!!!!!!....não parece mas já estamos nela, amigo....e não espere que Deus faça algo, pelo que sabemos ele dá as leis e apenas direciona...o tempo e o modo de fazer...só cabe a nós....então a pergunta certa é:  O QUE ESTAMOS FAZENDO PRA ESTA ERA SE COMPLETAR?.......abração
Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: Mourarego em 13 de Maio de 2012, 16:31
Amigo Paulo Ribeiro,
acordar por que, se não estamos nem no primeiro terço da viagem a este mundo de regeneração?
ainda nos vai custar muitio tempo e sofrimento e não seremos nós a ver a Terra chegar a este plano mais alteado.
Meu amigo, para que isso ocorra, é impreterível, com causa "sine qua non" que todos os homens já se tenham modificado a ponto de juntos, gerarem uma vibração muito menos densa moralmente e isso, só quem quer cobrir o sol com a peneira, aceita.
Não é a terra que muda pois que os planetas só vibram por acompanharem a vibração de seus habitantes.
Por isso diz-se, os homens evoluem e os mundos evolvem.
abraços,
Moura
Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: psi em 13 de Maio de 2012, 17:34
Amigo Carlos

Quando vai se dar essa transformação só Deus sabe. Mas quando chegar o momento, aqueles espíritos que não estiverem num padrão de vibração em conformidade com essa nova morada serão enviados a mundos menos adiantados, numa dessas grandes migrações tão bem explicadas pela doutrina.

Para melhor esclarecimentos, leia o item 43 cap. XI- Doutrina dos anjos decaídos e do paraíso perdido.

Um abraço

PSI
Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: Hebe M C em 13 de Maio de 2012, 17:42
A terra se tornará um mundo de Regeneração quando os Espíritos que ali habitam melhorarem Espiritualmente.

Simples assim.
Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: alcidiomichel em 13 de Maio de 2012, 17:53
A terra se tornará um mundo de regeneração quando existirem mais pessoas boas do que ruins, e isso sabemos que não é o caso agora, pois há mais pessoas ruins praticando o mal, e o número é grande.
Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: Anton Kiudero em 13 de Maio de 2012, 18:58
O planeta Terra é um planeta de provas e expiações para os espíritos humanizados (que acreditam estarem vivendo uma vida humana) e é um planeta de regeneração para os espíritos des-humanizados (que acreditam serem espiritos vivendo uma encarnação). A mudança de consciencia, que se processa continuamente, não é visível aos espiritos humanizados, mas esta acontecendo celeremente. Quando aproximadamente 2/3 da humanidade estiverem em regeneração, o planeta será considerado um planeta de regeneração.

Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: emersonnogueira em 13 de Maio de 2012, 19:38

   Sinceramente? Até hoje não entendi o alarde em torno do tema TRANSIÇÂO PLANETÀRIA. Para mim essa transição se faz desde quando inicamos a habitar o orbe terrestre. Me desculpe tal afirmação, mas muitos da sera receiam o final dos tempos em 2012 enquantos outros dizem que Emmanuel já reencarnou e que Joana de Ângelis irá reencarnar por volta de 2015...o mundo segue um caminho único.
Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: Paulo Cortez em 13 de Maio de 2012, 20:37
A conjunção de vários fatores encaminhará o planeta ao estado de regeneração, inclusive a caminho dela viveremos a terrível recrudescência do mal, mecanismo pelo qual, aqueles que temem ou não desejam tais mudanças, utilizarão.
Quanto ao tempo, não é de conhecimento de ninguém, pelo que me consta.
A nós espíritas cabe um papel fundamental que é fazer ver à humanidade, diante de quaisquer situações vindouras, que vale a pena defender o bem e praticá-lo na sua mais pura essência.
Trabalho que apesar das dificuldades e oposições é aquele da última hora, que compensará pelo resultado.
Portanto ao trabalho do bem!!!
Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: Gustavo Rettenmaier em 13 de Maio de 2012, 23:57
Prezados.
Acredito que, como disse nosso ilustre mano Moura, não seremos nós a ver essa mudança efetivada, pelo menos não nessa encarnação.
Alias precisamos trabalhar com afinco e desprendimento para que possamos sim voltar a encarnar numa terra mais evoluida, e não sermos migrados compulsoriamente para orbes de padrão vibratório mais baixo.
Façamos a nossa parte na pratica do amor incondicional, através da caridade, fora da qual não há salvação.
Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: Anton Kiudero em 14 de Maio de 2012, 04:38
Acredito que, como disse nosso ilustre mano Moura, não seremos nós a ver essa mudança efetivada, pelo menos não nessa encarnação.
Alias precisamos trabalhar com afinco e desprendimento para que possamos sim voltar a encarnar numa terra mais evoluida, e não sermos migrados compulsoriamente para orbes de padrão vibratório mais baixo.
Façamos a nossa parte na pratica do amor incondicional, através da caridade, fora da qual não há salvação.

Talvez eu esteja redondamente enganado, mas o que me é passado por diversos espíritos em locais e por mediuns diferentes é que esta é a ultima encarnação desta "geração" de espiritos neste planeta antes da regeneração. As encarnações neste planeta ja foram consumidas. Portanto, a hora da reforma intima verdadeira é agora e não daqui a 10.000 anos.

Mas as apostas, palpites o opiniões são livres e cada espirito, encarnado ou não, possui as suas...
Não se esqueçam de que para quem sabe ler, um pingo é letra...

Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: Lucazan em 14 de Maio de 2012, 11:44
Como não há uma instrução especifica a respeito da questão, tomo como base esta resposta e acredito que somente após este acontecimento é que virá a regeneração.


689 Os homens atuais são uma criação nova ou descendentes aperfeiçoados dos seres primitivos?

– São os mesmos Espíritos que vieram para se aperfeiçoar em novos corpos, mas que ainda estão longe da perfeição. Assim, a raça humana atual, pelo seu crescimento, tende a expandir-se sobre toda a Terra e substituir as raças que se extinguem, terá seu período de decrescimento e desaparecerá. Outras raças mais aperfeiçoadas a substituirão, descendendo da raça atual, como os homens civilizados de hoje descendem dos seres brutos e selvagens dos tempos primitivos.
Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: Camila T Cunha em 14 de Maio de 2012, 12:00
(..)
Quanto ao tempo, não é de conhecimento de ninguém, pelo que me consta.
A nós espíritas cabe um papel fundamental que é fazer ver à humanidade, diante de quaisquer situações vindouras, que vale a pena defender o bem e praticá-lo na sua mais pura essência.
Trabalho que apesar das dificuldades e oposições é aquele da última hora, que compensará pelo resultado.
Portanto ao trabalho do bem!!!

           Adorei sua resposta, Paulo. Bate com o que Macili publicou, um texto de Santo Agostinho, de 1862, sobre Mundo Regenerado,  em outro tópico, só que com suas palavras simples! Parabéns, ser simples e didático é também algo grande!
             Abraços.
           Abraços.
Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: wender100%espirita em 14 de Maio de 2012, 13:46
por favor moderadores e participantes, vamos respeitar as opinões de todos ,o que se debate aqui são suposições ,só DEUS  tem a verdade plena. bem na minha opinião, se o mundo ainda tem que sofre e expiar muito tempo ainda e que somente quando seu habitantes estiverem todos em uma so sintonia bem acho que esse dia nunca rá chegar porque ai não necessitaria de deslocamento pra outros planetas inferiores a terra,pois não teria sentido as escalas  dos mundos, vamos colocar em pratica o que o mestre JESUS nos ensinou ai sim estaremos no caminho correto o resto e so debate e teoria conjunturas..... vamos trabalhar mais e falar menos desculpem o desabafo mas e isso muita paz e luz a todos.
Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: Carlos Magnus em 14 de Maio de 2012, 14:16
para ser espirita tem que ser politico é bem na fita para com todas as opiniões.  Levantei esta questão justamente para mostrar que muitos espiritas tranformam seu otimismo em fanatismo, abdicando-se do senso crítico através da fe racionada para avaliar os dados que nos são fornecidos.   Vejo médiuns alegar que já vivemos em um mundo de regeneração, vejo médiuns dizer que CHICO XAVIER  já publicou 3 livros, o que segundo seu próprio filho adotado não ocorreu, pois nenhum dos espiritos manifestou a famosa senha.  Segundo muitos já são mais de 200 manifestações de Chico Xavier.   Pessoas começam a aceitar tudo dos espiritos como se tudo fosse revelações divinas.   Ja vi palestra da Eliane Alves Batista que ecreveu  O universo maravilhoso das parábolas excelente trabalho, dizer que a maioira dos encarnados já são pessoas essencialmente boas. Será?   Sou otimista irmãos, pq hoje tenho fé e esperança no PAI, não duvidem disso, agora dai entender  e aceitar tudo que acontece, como ordens de Deus já é outra estória.      A percepção de tempo no plano espiritual é mais parecida com a teoria einsteiniana da relatividade. O que não existe é na verdade o presente,  pois tudo que acabamos de fazer já é instanteneamente passado, presente é uma ilusão. Assim como o mal é outra ilusao, pois o mal se faz presente na ausencia do bem (da luz).  E de algumas raríssimas pessoas que tem notoriedade de conhecimento, de causa sufiente para dizer alguma coisa é Divaldo Franco que em sua ultima estimativa cita o mundo de regeneração para o ano de 2060.       AGORA REAFIRMO:  Chico Xavier não publicou nada,  esse tal de mundo de regeneração em sua amplitude, nada comprova sua presença na atualidade.   

Fiquem com Deus um grande abraço.   
Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: Danilo Henrique em 14 de Maio de 2012, 16:09
Meus amigos...

O que a razão nos dá a entender, é que a evolução de um mundo é o somatório do padrão vibracinal dos que nele estão encarnados, e todos as almas se melhoram, pouco à pouco. Portanto, sempre estivemos e sempre estaremos em processo de transição.
A classificação dos mundos nos foi passada para fins didáticos. Não para se fazer alardes, e gerar expectativas e aflições inúteis.
Devemos sim, nos preparar, caso seja da vontade de Deus, que o progresso seja apressado por meio de grandes comoções.
Mas não acredito que a reforma íntima mais sincera, mais devota e mais racional, seja aquela motivada pelo boato da proximidade desses fatos.
Em primeiro lugar, ser submisso e confiante na providência divina. Depois, usar de todo entendimento para compreender-lhe e aceitar-lhe os desígnios. Logo após, submeter-se à Sua vontade, seja qual for. Daí sim, olhamos para o mundo. Mas não para o mundo exterior das especulações, mas para o mundo interior dos sentimentos.

O medo, a inquietação, e expectativa e o receio, são muitas vezes, os sentimentos causados por tais assuntos. Me parecem sentimentos que também precisam ser estudados, na oficina da reforma íntima.

Já conhecemos o caminho para a verdadeira felicidade. Basta que nos empenhemos nele, respeitando nossas próprias possibilidades, sem nos deixar alterar com as notícias desse, ou do outro mundo.

Fiquem com Deus!
Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: LuizFrancisco em 14 de Maio de 2012, 17:06
Olá a todos,

O que a doutrina nos ensina sobre o tema? É longo mas, colo abaixo, lembrando o item 27 em que o codificador nos fala que: A época atual é a da transição; os elementos das duas gerações se confundem. :

A GERAÇÃO NOVA

26. – Para que os homens sejam felizes sobre a Terra é preciso que ela seja apenas povoada por bons Espíritos encarnados e desencarnados que só queiram o bem. Este tempo tendo chegado, uma grande emigração acontecerá neste momento entre aqueles que a habitam; os que fazem o mal pelo mal e que o sentimento do bem não o toca, não sendo mais digno da Terra transformada, sê-lo-ão excluídos, porque trariam de novo a discórdia e a confusão e seriam um obstáculo ao progresso. Estes irão expiar seu endurecimento uns em mundos inferiores, outros, entre raças terrestres atrasadas que serão o equivalente de mundos inferiores, onde levarão seus conhecimentos adquiridos e que terão por missão de fazer avançar. Serão substituídos por Espíritos melhores que farão reinar entre eles a justiça, a paz, a fraternidade.

A Terra, no dizer dos Espíritos, não deve nunca ser transformada por um cataclismo que aniquilaria subitamente uma geração. A geração atual desaparecerá gradativamente e a nova lhe sucederá do mesmo modo sem que nada troque a ordem natural das coisas.

Tudo se passará, pois, exteriormente, como de hábito, com esta única diferença, mas esta diferença é capital porque uma parte dos Espíritos que se encarnavam, não mais se encarnará. Em uma criança que nascerá em lugar de um Espírito atrasado e portador do mal o que estará se encarnado será um Espírito mais avançado e portador do bem.

Trata-se, pois, bem menos de uma nova geração corpórea do que de uma nova geração de Espíritos. Assim, aqueles que se atentarem para ver a transformação operar-se por efeitos sobrenaturais e maravilhosos irão se decepcionar.

27. – A época atual é a da transição; os elementos das duas gerações se confundem. Colocados no ponto intermediário, assistiremos a partida de uma e a chegada da outra, e cada qual se assinala já, no mundo, pelos caracteres que lhe sejam próprios.

As duas gerações que se sucedem têm idéias e visões todas opostas. Pela natureza das disposições morais mas sobretudo das disposições intuitivas e inatas, é fácil distinguir à qual das duas pertença cada indivíduo.

A nova geração, devendo fundar a era do progresso moral, distingue-se por uma inteligência e uma razão geralmente precoces, ajuntadas ao sentimento inato do bem e das crenças espirituais, o que é o sinal indubitável de um certo grau de adiantamento anterior. Não será nunca composta exclusivamente de Espíritos eminentemente superiores, mas dos que, tendo já progredido, estão dispostos a assimilar todas as idéias progressivas e aptas a secundar o movimento regenerador.

O que distingue, ao contrário, os Espíritos atrasados é a princípio, a revolta contra Deus pela recusa de reconhecer algum poder superior à humanidade; depois, a propensão instintiva às paixões degradantes, aos sentimentos anti-fraternos do egoísmo, do orgulho, do agarramento por tudo o que seja material.

São estes vícios dos quais a Terra deva ser purgada pelo afastamento daqueles que refugam emendar-se, porque são incompatíveis com o reino da fraternidade, e que os homens de bem sofrerão sempre do seu contacto; quando a Terra estiver livre, os homens marcharão sem entraves, para o futuro melhor que lhes está reservado desde aqui em baixo, por prêmio de seus esforços e de sua perseverança, atentando que uma purificação ainda mais completa abre-lhes a entrada dos mundos superiores.

28. – Por esta emigração de Espíritos, não se torna preciso entender que todos os Espíritos retardatários serão expulsos da Terra e relegados a mundos inferiores. Muito ao contrário, aí voltarão, porque muitos cederam à influência das circunstâncias e do exemplo; a superfície era entre eles pior que o fundo. Uma vez subtraídos à influência da matéria e dos preconceitos do mundo corpóreo, a maior parte verá as coisas de uma maneira toda diferente da que quando de sua vivência, como também têmo-lo numerosos exemplos. Neste caso, são ajudados pelos Espíritos benévolos que se interessam por eles e que se apressam em esclarecê-los e mostrar-lhes a falsa rota que tinham seguido. Pelas nossas preces e nossas exortações, podemos nós mesmos contribuir para sua melhora porque há uma solidariedade perpétua entre os mortos e os vivos.

A maneira pela qual se opera a transformação é cada vez mais simples e, como se vê, ela é toda moral e não se descarta em nada das leis da natureza.

29. – Que os Espíritos da nova geração sejam novos Espíritos melhores, ou os velhos Espíritos melhorados, o resultado é o mesmo; desde o instante que apresentem melhores disposições, é sempre uma renovação. Os Espíritos encarnados formam, assim, duas categorias, conforme suas disposições naturais: de uma parte os Espíritos retardatários que partem, de outra, os Espíritos progressistas que chegam. O estado dos costumes e da sociedade será, pois, entre um povo, uma raça ou no mundo inteiro, a razão dessas duas categorias que terá a preponderância.

Para simplificar a questão, suponhamos um povo a um patamar qualquer de adiantamento e composto de vinte milhões de almas, por exemplo; a renovação dos Espíritos se fazendo gradativamente, das extensões, isoladas ou em massa, há tido necessariamente um momento em que a geração de Espíritos retardatários suplantaria em números sobre a dos Espíritos progressistas que computaria apenas de raros representantes sem influência e então, os esforços para fazer predominar o bem e as idéias progressivas ficariam paralisados. Ora, uns partindo, outros chegando após um tempo dado, as duas forças se equilibram e sua influência se contrabalança. Mas tarde, os recém-chegados estarão em maioria e sua influência torna-se preponderante, embora ainda entravada pelos primeiros; aqueles aqui, continuando a diminuir, ao passo que os outros se multiplicam, acabarão por desaparecer; cegará um momento, pois, onde a influência da nova geração será exclusiva; mas aí, não pode se compreender isso se não se admitir a vida espiritual independente da vida material.

30. – Assistimos a esta transformação, ao conflito que resulta da luta das idéias contrárias que procuram se implantar; umas marcham com a bandeira do passado, outras com a do porvir. Caso se examine o estado atual do mundo, reconhecer-se-á que, tomada em seu conjunto, a humanidade terrestre está longe ainda do ponto intermediário onde as forças se contrabalançam; que os povos considerados isoladamente, estão a uma grande distância uns dos outros sobre esta escala; que alguns tocam neste ponto mas que outros nem o têm ainda atingido. Do resto, a distância que os separa dos pontos extremos está longe de ser igual em duração e uma vez transposto o limite, a nova rota será percorrida com igualmente mais rapidez que uma multidão de circunstâncias virá aplainá-la.
 
Assim se cumpre a transformação da humanidade. Sem a emigração, isto é, sem a partida dos Espíritos retardatários que não devam voltar ou que só devam voltar quando estiverem melhorados, a humanidade terrestre não ficará, desta forma, indefinidamente estacionária, porque os Espíritos, os mais atrasados avançam a seu turno; mas será preciso séculos e talvez milhares de anos para chegar ao resultado que um meio-século bastaria para realizar.
 
continua...
Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: LuizFrancisco em 14 de Maio de 2012, 17:08
continuação.

31. – Uma comparação vulgar fará melhor compreender ainda o que se passa nestas circunstâncias. Suponhamos um regimento composto em grande maioria de homens turbulentos e indisciplinados; estes aqui levam sem cessar uma desordem que a severidade da lei penal terá frequentemente a sentença para reprimir. Estes homens são os mais fortes porque são os mais numerosos; sustentam-se, encorajam-se e se estimulam pelo exemplo. Alguns bons são sem influência; seus conselhos são desprezados; são achincalhados, maltratados pelos outros e sofrem deste tratamento. Não é esta a imagem da sociedade atual?
 
Suponhamos que se retire estes homens do regimento, um por um, dez por dez, cem por cem, e que se os recoloque gradativamente por um número igual de bons soldados, mesmo por aqueles que tenham sido expulsos mas que tenham seriamente emendado, ao fim de algum tempo, ter-se-á sempre o mesmo regimento, mas transformado; a boa ordem aí sucederá à desordem. Assim o será com a humanidade regenerada.
 
32. – Os grandes embarques coletivos não têm somente por finalidade ativar as saídas, mas transformar mais rapidamente o espírito da massa, em desembaraçando-a das más influências e de dar mais ascendência às idéias novas.
 
É por isso que muitos, apesar de suas imperfeições, estão maduros para esta transformação, que muitos partem a fim de que possam ir retemperar-se em uma fonte mais pura. Tanto que, ficando no mesmo meio e sob as mesmas influências, eles persistiriam nas mesmas opiniões e com a mesma maneira de ver as coisas. Uma estada no mundo dos Espíritos basta para abrir-lhe os olhos, porque lá eles vêem aquilo que não poderiam ver sobre a Terra. O incrédulo, o fanático, o absolutista, poderão, pois, retornar com idéias inatas de fé, de tolerância e de liberdade. À sua volta, encontrarão as coisas mudadas, experimentarão a ascendência do novo meio onde nascerão. Em lugar de fazer oposição às idéias novas, sê-lo-ão os auxiliares.
 
33. – A regeneração da humanidade não tem, pois, absolutamente, necessidade da renovação integral dos Espíritos: basta uma modificação em suas disposições morais; esta modificação se opera entre todos aqueles que estejam predispostos a isso, tão logo sejam tirados da influência perniciosa do mundo. Os que tornam, então, não serão sempre outros Espíritos, mas, frequentemente, os mesmos Espíritos, só que pensando e sentindo de outro modo.
 
Quando esta melhoria é isolada e individual, ela passa despercebida e fica sem influência ostensiva sobre o mundo. Todo outro é o efeito que se opera simultaneamente sobre grandes massas, porque então, conforme as proporções, em ma geração, as idéias de um povo ou de uma raça podem ser profundamente modificadas.
 
É o que se nota quase sempre após os grandes abalos que dizimam as populações. Os flagelos destruidores só destroem os corpos, mas, não atingem o Espírito; eles ativam o movimento de vai e vem entre o mundo corpóreo e o mundo espiritual e por seqüência o movimento progressivo dos Espíritos encarnados e desencarnados. É de se notar que, a todas as épocas da História, as grandes crises sociais foram seguidas de uma era de progresso.

34. É um desses movimentos gerais que se opera neste momento e que deve conduzir o remanejamento da humanidade. A multiplicidade das causas de destruição é um sinal característico dos tempos, porque deve acelerar a eclosão dos novos germens. São as folhas de outono que caem e às quais sucederão novas folhas plenas de vida, porque a humanidade tem suas estações, como os indivíduos têm suas idades. As folhas mortas da humanidade caem levadas pelas rajadas e os golpes de vento, mas, para renascerem mais vivazes, sob o mesmo sopro de vida, que não se extingue mas purifica.
 
35. – Para o materialismo, os flagelos destruidores são calamidades em compensação, sem resultados úteis, já que conforme o mesmo, aniquilam os seres sem volta. Mas para aquele que sabe que a morte só destrói o corpo, eles não terão a mesma conseqüência e não lhe causam o menor pavor; compreende-lhe a finalidade e sabem também que os homens não perdem mais por morrerem em conjunto, do que morrer isoladamente, já que, de uma maneira ou de outra, é preciso sempre chegar lá.

Os incrédulos rirão destas coisas e s considerarão quimeras, mas o que quer que digam, não escaparão à lei comum. Cairão a seu turno como os outros e, então, que advirá deles? Eles dizem: nada; mas viverão apesar deles próprios e serão forçados um dia, a abrir seus olhos.

 Abraços,

Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: Mourarego em 14 de Maio de 2012, 17:20
Pois é mano Anton, mas eles só falam para você entendeu?
Para ser uma Revelação, tem de conter tudo o que você falou e mais: que a notícia seja dada num mesmo tempo e nos quatro cantos do mundo.
Abraços,
Moura

Acredito que, como disse nosso ilustre mano Moura, não seremos nós a ver essa mudança efetivada, pelo menos não nessa encarnação.
Alias precisamos trabalhar com afinco e desprendimento para que possamos sim voltar a encarnar numa terra mais evoluida, e não sermos migrados compulsoriamente para orbes de padrão vibratório mais baixo.
Façamos a nossa parte na pratica do amor incondicional, através da caridade, fora da qual não há salvação.

Talvez eu esteja redondamente enganado, mas o que me é passado por diversos espíritos em locais e por mediuns diferentes é que esta é a ultima encarnação desta "geração" de espiritos neste planeta antes da regeneração. As encarnações neste planeta ja foram consumidas. Portanto, a hora da reforma intima verdadeira é agora e não daqui a 10.000 anos.

Mas as apostas, palpites o opiniões são livres e cada espirito, encarnado ou não, possui as suas...
Não se esqueçam de que para quem sabe ler, um pingo é letra...


Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: Mourarego em 14 de Maio de 2012, 17:23
É isso ai mano Luis Francisco, vivemos a era da transição, e esta se alongará até que a imensa maioria dos Espíritos se tenham transformado moralmente.
Abração,
Moura
Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: Anton Kiudero em 14 de Maio de 2012, 18:28
Pois é mano Anton, mas eles só falam para você entendeu?
Para ser uma Revelação, tem de conter tudo o que você falou e mais: que a notícia seja dada num mesmo tempo e nos quatro cantos do mundo.

Pois é, mano Moura, a noticia esta sendo dada ha muito tempo e ao mesmo tempo nos quatro cantos do mundo, e eu sou apenas mais um a recebe-las e a ver acontecendo os eventos programados.

Isto nos foi dito no Apocalipse, por dezenas de videntes em todos os seculos, mais recentemente por Kardec ao final do Genesis, no cap XVII, curiosamente denominado de "São chegados os tempos", dos quais alguns trechos foram postados ai acima, Chico relatou estes eventos detalhadamente em diversas conversas particulares, centenas de mediuns "não espíritas" estão recebendo mensagens afirmando que "os tempos já chegaram".

Mas nada disto é doutrinario, os mediuns não são espíritas, o Genesis não passou pelo CUEE, as conversas particulares do Chico podem ter sido visões alucinatorias e o Apocalipse, bem este livro ninguem compreendeu mesmo. E voce pode continuar vivendo e pensando o que  voce desejar viver e pensar, porque em nada vai afetar a realidade, apenas a voce mesmo... E deixar a reforma intima para um distante futuro...





Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: Mourarego em 14 de Maio de 2012, 18:33
Faz assim não mano Anton!
Abração,
Moura
Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: Gustavo Rettenmaier em 14 de Maio de 2012, 18:46
Acredito que o planeta esta se transformando continua e constantemente desde sua criação.
Entretanto acho realmente que estamos vivendo um momento peculiar, onde finalmente se processará o progresso moral do planeta, de forma lenta e gradual, como deve ser a evolução.
Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: Anton Kiudero em 14 de Maio de 2012, 21:10
Faz assim não mano Anton!
Abração,
Moura

 :) ;) :D ::)

Título: Re: Quando a terra se tornará um mundo de regeneração?
Enviado por: Marlenedd em 14 de Maio de 2012, 22:21
Respondendo à questão do tópico. A Terra é mais que um mundo de regeneração, a Terra é e sempre foi inteiramente espiritual. O homem é que precisa regenerar-se, despersonalizar-se, desmaterializar-se, não pensar e eliminar qualquer resquício de sentimento pessoal.

É a meta da doutrina, a pureza de sentimentos, sem qualquer interferência de sentimentos pessoais, que é a nossa essência

Isto é trabalho individual.
Título: Re: Quando a Terra será mundo de regeneração?
Enviado por: Mourarego em 14 de Maio de 2012, 22:57
Amiga Marlene,
já foi aqui colocado o dizer da doutrina do qual a amiga se afasta por anos luz.
A idéia deste fórum é proporcionar o entendimento mais claro da doutrina e não de achismos descordantes.
Abraços,
Moura
Título: Re: Quando a Terra será mundo de regeneração?
Enviado por: Marlenedd em 14 de Maio de 2012, 23:09
Afasto-me anos luz por compreender o que diz a doutrina em relação ao mundo normal, primitivo, eterno e sobrevivendo a tudo, o mundo espírita, espiritual.

O mundo secundário, material, só existe na imaginação e no pensamento.
Título: Re: Quando a Terra será mundo de regeneração?
Enviado por: Mourarego em 14 de Maio de 2012, 23:13
Então amiga Marlene,
deverias procurar um fórum que trate de visão igual a tua neste falamos apenas do que a doutrina ensina.
Abraços,
Moura
Título: Re: Quando a Terra será mundo de regeneração?
Enviado por: Daniel S. em 13 de Junho de 2012, 12:55
Nossos amigos espirituais assistem o nosso tempo, e superiores irão vir a Terra passar novos ensinamentos para um mundo de regeneração. Os que vão fazer parte desta transição são os que fizeram o amor sem recompensa e praticam o bem com esperança, mas, não é preciso se preocupar todos nós evoluímos nunca regredimos, apenas estacionamos.

Abraços!
Título: Re: Quando a Terra será mundo de regeneração?
Enviado por: Marlenedd em 13 de Junho de 2012, 14:19
Moura: "Então amiga Marlene,
deverias procurar um fórum que trate de visão igual a tua neste falamos apenas do que a doutrina ensina."


Por incrível que pareça aos materialistas e ateus, mano, a doutrina corrobora exatamente o que tenho dito...

Enquanto o homem se perde nas sutilezas de uma metafísica abstrata e incompreensível para pesquisar as causas de nossa existência moral, Deus coloca diariamente ao alcance de nossos olhos e nossas mãos os meios mais simples e evidentes para o estudo da psicologia experimental.

O êxtase é o estado em que a independência da alma e do corpo se manifesta de maneira mais sensível e torna-se de certo modo palpável.

Nesse estado, todos os pensamentos terrestres desaparecem para dar lugar ao sentimento puro, que é a própria essência de nosso ser imaterial. Inteiramente envolto nessa contemplação sublime, o extático encara a vida apenas como uma paragem momentânea. Para ele tanto o bem quanto o mal, as alegrias grosseiras e misérias aqui da Terra são apenas incidentes fúteis de uma viagem cujo término que avista o deixa feliz.

445 Que conseqüências se pode tirar dos fenômenos do sonambulismo e do êxtase? Não seriam uma espécie de iniciação à vida futura?

– É, verdadeiramente, a vida passada e a vida futura que o homem entrevê. Se estudar esses fenômenos, aí encontrará a solução de mais de um mistério que sua RAZÃO procura inutilmente penetrar.

Entretanto, posso alinhar o caminho que vos mostro, com alguns princípios fundamentais; escutai, pois, estas coisas:

1- A alma tem o poder de se esquivar à matéria; 

2- De se elevar bem acima da inteligência; 

3- Esse estado é superior à razão; 

4- Ele pode colocar o homem em relação com o que escapa às suas faculdades;

5- O homem pode provocá-lo pela prece a Deus, por um esforço constante da vontade, reduzindo, por assim dizer, a alma ao estado de pura essência, privada de atividade sensível e exterior; pela abstração, em uma palavra, de tudo o que há de diverso, de múltiplo, de indeciso, de turbilhonante, de exterioridade na alma;

6-Existe no eu concreto e complexo do homem uma força completamente ignorada até aqui: procurai-a, pois.

II.A alma se transvia e perturba, quando se serve do corpo para considerar qualquer objeto; tem vertigem, como se estivesse ébria, porque se prende a coisas que estão, por sua natureza, sujeitas a mudanças; ao passo que, quando contempla a sua própria essência, dirige-se para o que é puro, eterno, imortal, e, sendo ela desta natureza, permanece aí ligada, por tanto tempo quanto passa. Cessam então os seus transviamentos, pois que está unida ao que é imutável e a esse estado da alma é que se chama sabedoria.

Comentário de Kardec. Assim, ilude-se a si mesmo o homem que considera as coisas de modo terra-a-terra, do ponto de vista material. Para as apreciar com justeza, tem de as ver do alto, isto é, do ponto de vista espiritual. Aquele, pois, que está de posse da verdadeira sabedoria, tem de isolar do corpo a alma, para ver com os olhos do Espírito. É o que ensina o Espiritismo.


Bem sei que, para os materialistas, estes pequenos trechos de três obras da doutrina, mais valia não existirem! Paciência, pois a doutrina é dos espíritos e não dos homens artificiais.

PS: Só agora vi a resposta.

Título: Re: Quando a Terra será mundo de regeneração?
Enviado por: zarthur em 13 de Junho de 2012, 14:44
Desde que o tempo é tempo. os Espíritos Puros, interpretando o pensamento divino em íntima consonância com as Leis, vêm criando mundos e estrelas.
Cada etapa da evolução é precedida por acontecimentos que a prenunciam, sempre decorrentes do esforço humano.
Quando da vinda do Cristo, as plêiades anteciparam os avanços necessários, no conhecimento e na cultura, possibilitando a grande transformação.
O Espiritismo mereceu igual atenção e de Kardec se acercavam os missionários com ele comprometidos. 
Após a publicação de O Livro dos Espíritos, em 18 de abril de 1857, iniciaram-se aprestos que definiriam, após o prazo máximo de 200 anos, o término da etapa de transição, que é a que vivemos atualmente, e iniciar-se-ia a Regeneração do Planeta.
Como foi lembrado pelos companheiros nas mensagens anteriores, o processo é um somatório de realizações quase imperceptíveis, mas de grande relevância.
Assim, mesmo na Regeneração a Terra não estará isenta de dores e crimes, pois se assim não fosse ela já seria considerada mundo ditoso ou feliz. Todo o processo é dirigido pelas mãos sábias e enérgicas dos grandes espíritos.
Não são, como se pensa, os criminosos a serem expurgados em grandes levas que demarcarão o divisor de águas, mas a expurgação ocorrerá entre os líderes da maldade, entre os recalcitrantes, que já tiveram suas oportunidades.
Explicando melhor: muitos homens, embaídos pelas circunstâncias se entregam ao erro contumaz, liderados pelos perversos; então a estes se dá nova oportunidade. pois em outras circunstâncias também se deixariam liderar pelos bons.
Até o ano de 2057 -  200 anos após o OLE -  as providências necessários ao novo mundo já estarão implementadas e os frutos poderão ser colhidos pelos "Os mansos e os Pacíficos herdarão a Terra" - Jesus; Mt. V

Esta mensagem é um resumo da entrevista concedida por Xavier no programa Pinga Fogo 2, sob a orientação do Espírito Emmanuel.