Forum Espirita

GERAL => O que é o espiritismo => Pluralidade Mundos Habitados => Tópico iniciado por: Bluemoon em 31 de Janeiro de 2010, 16:06

Título: Pluralidade dos mundos
Enviado por: Bluemoon em 31 de Janeiro de 2010, 16:06
PLURALIDADE DOS MUNDOS

extraído do LIVRO DOS ESPÍRITOS, de Allan Kardec, em sua reuniões
ele e sua equipe faziam perguntas diretamente a espíritos.

55. Todos os globos que circulam no espaço são habitados?

-- Sim, e o homem terreno está bem longe de ser, como acredita, o primeiro em inteligência, bondade e perfeição. Há, entretanto, homens que se julgam espíritos fortes e imaginam que só este pequeno globo tem o privilégio de ser habitado por seres racionais. Orgulho e vaidade! Crêem que Deus criou o Universo somente para eles.

Deus povoou os mundos de seres vivos, e todos concorrem para o objetivo final da Providência. Acreditar que os seres vivos estejam limitados apenas ao ponto que habitam no Universo, seria por em dúvida à sabedoria de Deus, que nada fez de inútil e deve ter destinado esses mundos para um fim mais sério do que o de alegrar os nossos olhos. Nada, aliás, nem na posição, no volume ou na constituição física da Terra, pode razoavelmente levar-nos à suposição de que detenha o privilégio de ser habitada, com exclusão de tantos milhares de mundos semelhantes

56. A constituição física dos diferentes globos é a mesma?

-- Não; eles absolutamente não se assemelham.

57. A constituição física dos mundos não sendo a mesma para todos, os seres que os habitam terao organizaçao diferente?
 
-- Sem dúvida, como entre vós os peixes são feitos para viver na água e os pássaros no ar.

58. Os mundos mais distanciados do Sol são privados de luz e calor, de vez que o Sol lhes aparece apenas como uma estrela?

-- Acreditais que não há outras fontes de luz e de calor, além do Sol? não tendes em conta a eletricidade, que em certos mundos desempenha um papel desconhecido para vós, bem mais importante que o que lhe cabe na Terra? Aliás, não dissemos que todos os seres vivem da mesma maneira que vós, com órgãos semelhantes aos vossos.

As condições de existência dos seres nos diferentes mundos devem ser apropriadas ao meio em que têm de viver. Se nunca tivéssemos visto peixes, não compreenderíamos como alguns seres pudessem viver na água. O mesmo acontece com outros mundos, que sem dúvida contam elementos para nós desconhecidos. Não vemos na Terra às longas noites polares iluminadas pela eletricidade das auroras boreais? Que impossibilidade haveria para a eletricidade ser mais abundante que na Terra, desempenhando um papel geral cujos efeitos não podemos compreender? Esses mundos podem conter em si mesmos as fontes de luz e calor necessários aos seus habitantes.

É para verem queridos amigos como Deus é tão perfeito e nada do que faz é inutil!!!

Um bom domingo para todos vocês com muito amor...
Título: Re: Pluralidade dos mundos
Enviado por: ROSE MARY em 16 de Fevereiro de 2010, 13:20
SEMPRE ACREDITEI NA PLURALIDADE DOS MUNDOS HABITADOS. SERIA MUITA PRETENÇÃO NOSSA, ACHAR QUE DEUS IRIA CRIAR UM UNIVERSO APENAS PARA OS TERRENEOS.
Título: Re: Pluralidade dos mundos
Enviado por: Aneman em 18 de Fevereiro de 2010, 22:14
A mim custa-me a imaginar que os planetas do sistema solar sejam habitáveis, ainda por cima com organismos sob a forma humana,uma vez que não há condições como água,porventura falta de luz nalguns,e temperaturas adequadas. Além disso já foram enviadas sondas a Marte que não demonstraram a existência de vida naquele planeta, para não falar da Lua. Já me disseram que os seres existentes nesses mundos são invisíveis graças a um estado vibratório de alta frequência! Será? Como se pode explicar esse fenómeno?
Título: Re: Pluralidade dos mundos
Enviado por: Renato_ em 18 de Fevereiro de 2010, 23:56
A mim custa-me a imaginar que os planetas do sistema solar sejam habitáveis, ainda por cima com organismos sob a forma humana,uma vez que não há condições como água,porventura falta de luz nalguns,e temperaturas adequadas. Além disso já foram enviadas sondas a Marte que não demonstraram a existência de vida naquele planeta, para não falar da Lua. Já me disseram que os seres existentes nesses mundos são invisíveis graças a um estado vibratório de alta frequência! Será? Como se pode explicar esse fenómeno?

O Espiritismo explica, Aneman,  conforme o post citando Kardec acima.

"As condições materiais em nada se assemelham", dizem os Espíritos.

Sugiro ler "Narrações do Infinito" de Camilo Flammarion, onde o seu mentor  Lúmen, o conduz a vários mundos em que ele viveu, incluindo Capela, mundos na galáxia de Andrômeda em  na constelação de Òrion.

Nem todos os mundos são habitados. Plutão por exemplo é apenas uma rocha inútil orbitando o Sol, talvez um mundo em decomposição. O mesmo pode se dizer da Lua: ela tem como função, auxiliar no equilíbrio da Terra, mas sabemos que não existe vida ali.

Idem para as Luas galileanas de Júpiter: em uma delas, a ciência terrestre encontrou  elementos que ofereceriam condições de vida semelhantes  às que há na Terra, mas isto não credencia a ciência dizer que pode haver algum tipo de vida nessas Luas.

O mesmo vale para as revelações: o fato de alguns Espíritos narrarem a vida em Júpiter, é apenas uma revelação, que deve ser vista com reservas.

O mais importante é ater-se nas Obras Básicas, que afirmam que, cada mundo se diferencia em condições de existência. Nesse sentido, o tipo de vida que existe na Terra, seria singular...

Leia o Flammarion: "Narrações do Infinito" e "Urânia", vai te esclarecer bastante. 

Não recomendo o Ramatís.

E, quanto à ciência, 100% dos astrônomos  acreditam nos mundos habitados, mas, à sua maneira, ou seja, no afã de se encontrar vida exatamente como existe na Terra, o que acho algo improvável ...

abçs e bons estudos,,

Renato