Forum Espirita

GERAL => Outros Temas => Tópico iniciado por: Luiz Otavio CS em 29 de Fevereiro de 2012, 18:14

Título: Condição espiritual do policial
Enviado por: Luiz Otavio CS em 29 de Fevereiro de 2012, 18:14
Hoje ouvia a numa reunião ouvia duas pessoas levantaram uma questão importante: Como é vista a condição do policial pelo espiritismo? Um policial, num  confronto aberto, ele muitas acaba matando para não morrer. É difícil que um não tenha matado o agressor. Então como fica esta situação?
Título: Re: Condição espiritual do policial
Enviado por: Mourarego em 29 de Fevereiro de 2012, 20:38
Amigo Luiz Otávio,
o ensino doutrinário trazido por OLE nos ensina: "Deus julga pela intenção".
Abraços,
Moura
Título: Re: Condição espiritual do policial
Enviado por: snow em 29 de Fevereiro de 2012, 20:55
748. Em caso de legítima defesa, escusa Deus o assassínio?

“Só a necessidade o pode escusar. Mas, desde que o agredido possa preservar sua
vida, sem atentar contra a de seu agressor, deve fazê-lo.”
Título: Re: Condição espiritual do policial
Enviado por: Mourarego em 29 de Fevereiro de 2012, 21:01
Bem lembrado mano snow,

A característica do trabalho das polícias trás este estado de necessidade.
aliás sempre me lembro da piadinha que já escutei de policiais: "Tira que sobe morro deflagrado oferecendo rosas, desce no caixão".
abração,
Moura
Título: Re: Condição espiritual do policial
Enviado por: Moises de Cerq. Pereira em 29 de Fevereiro de 2012, 23:03
Bom
Tentando conversar

Hoje ouvia a numa reunião ouvia duas pessoas levantaram uma questão importante: Como é vista a condição do policial pelo espiritismo?  

Creio que o espiritismo não trata especificamente deste ou daquele ofício para apresentar
a condição , mas sim trata das decisões pessoais de cada um , da conduta, do prosceder diante do ofício que é chamado a exercer na sociedade...
O policial é parte fundamento desta organização que visa empreender a ordem e o direito na sociedade, logo seu oficio é fundamental e inidispensável.


Um policial, num  confronto aberto, ele muitas acaba matando para não morrer. É difícil que um não tenha matado o agressor. Então como fica esta situação?

Eu entendo que o policial não mata para não morrer, apenas nesta apresentação...
como se a situação fosse armada para um duelo planejado...não é assim
eu digo que ele atira por direito de justiça e de ordem, para inibir pela possibilidade ao seu alcance da continuidade da ação do mau elemento ante a sociedade que ambos vivem..
O policial , o  soldado, possue aparato técnico e treinamento a altura para o exercício deste ofício...
Além de todas as leis constitucionais para tal exercício.
Todo os elementos de uma  sociedade são orientados a não terem atitudes subversivas
ante os direitos condicionais que pertencem a todos nós.
Em pleno exercício de sua função.entendo, que o policial não atira para matar como que agindo deliberadamente no exercíci de sua função
o mal elemento é que se projeta a frente dos recursos do policial permitido pela sociedade para coibir o crime e se coloca deliberadamente em risco de vida ante estes recursos.
Pois o correto ante uma ação policial é nos submetermos e cooperarmos com os seus serviços.

Falo assim expressando a minha opinião.


Título: Re: Condição espiritual do policial
Enviado por: Moises de Cerq. Pereira em 29 de Fevereiro de 2012, 23:06
Qunato a sua condição espiritual !

Sendo uma pessoa de bem e agindo com prudência e sabedoria sempre será a sua condição a condição
de uma pessoa de bem que cumpriu com dever a sua missão, a sua vida...
Título: Re: Condição espiritual do policial
Enviado por: jacapira em 02 de Março de 2012, 12:31
Eu considero algo complicado, pois mesmo estando o policial no execício de sua profissão, o espirito daquele irmão que ele matou vai querer se vingar, e assim ele vai acumulando mais e mais carmas para si.

fiquem na paz
Título: Re: Condição espiritual do policial
Enviado por: Moises de Cerq. Pereira em 02 de Março de 2012, 12:43
Entendo que palavra carma significa unica e exclusivamente ação
e nada mais do que isso.

Concertesa o espírto morto em um confronto vai querer se vingar,
aliás observando bem, ele já possuia esta idéia
seu confronto já é um ato que denota vingança.

Realmente é complicado mesmo e muito até em certos casos.
Título: Re: Condição espiritual do policial
Enviado por: Richard Carvalho em 02 de Março de 2012, 13:29
Acredito que é uma situação digna de uma discussão mais profunda.
Eu vejo isso como uma sinuca de bico.
Muitos policiais (meu pai é um deles) possuem sequelas cármicas nesta vida devido a esse contato incessante com o mal, mesmo que seja na tentativa de combatê-lo. Já vi vários casos de policiais que tomam atitudes agressivas com a família, autoritarismo e eventos assim.
Outra conduta a ser revisada é quando um policial recebe um ordem de reintegração de posse, dispersão de um tumulto ou qualquer atividade que envolva mais a manutenção da "ordem" do que a real proteção da sociedade.
É uma das poucas profissões o bem e o mal que uma pessoa faz está na mente dela, e não na ação em si.
Falta um pouco de embasamento adequado, mas essa é a minha opinião.
Título: Re: Condição espiritual do policial
Enviado por: Mourarego em 02 de Março de 2012, 16:00
Jacapira,
Não há certeza de que isso venha a acontecer pois que não se sabe da visão que o espírito terá depois de desencarnado.
Portanto é apenas uma opinião e não uma verdade espírita.
Abração,
Moura

Eu considero algo complicado, pois mesmo estando o policial no execício de sua profissão, o espirito daquele irmão que ele matou vai querer se vingar, e assim ele vai acumulando mais e mais carmas para si.

fiquem na paz
Título: Re: Condição espiritual do policial
Enviado por: filhodobino em 02 de Março de 2012, 16:06
Amados,
Tenho vários amigos policiais, inclusive sobrinhos...
Um companheiro de Centro, lutou até conseguir sair da PM e entrar para os bombeiros, trabalha no socorro aos acidentado, e se diz mais feliz...

Todavia, nada há que impeça um bom homem de ser um bom policial...
Elizabeth Lacerda canta e a letra da música é um bom guia para quem tem dúvidas...

Música Espírita - "Aceita" - Elizabete Lacerda (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS93YXRjaD92PWhRcFRXTFlPSlg0I3dz)