Forum Espirita

GERAL => Outros Temas => Tópico iniciado por: cheio de dúvidas em 25 de Março de 2014, 17:17

Título: A defesa do Brasil deve ser apenas espiritual?
Enviado por: cheio de dúvidas em 25 de Março de 2014, 17:17
Olá,
Costumo estudar bastante sobre assuntos de geopolitica e relações internacionais, e frequentemente percebo que no cenário internacional o Brasil é visto como país "bom moço" mas que raramente tem alguma voz, e um dos pontos que mais pesam para isso é sua baixíssima capacidade militar.
Após a leitura do livro "Brasil, coração do mundo, pátria do evangelho" percebi que existe um lado muito positivo no fato do Brasil não ser voltado para o uso da força na resolução dos problemas.

Mas ficam as perguntas:
Até que ponto é positivo o Brasil ser um país relativamente indefeso, comparado a países de mesmo porte e aos seus visinhos?

O risco de o Brasil se armar e se tornar um país "arrogante" com relação aos outros países é grande o suficiente para permanecermos passivos e indefesos?

Será que no atual estado evolutivo dos espirítios encarnados no nosso planeta é possível uma nação ser forte militarmente e pacífica ao mesmo tempo?


Gostaria muito de ouvir a opinião do pessoal aqui do fórum!
Título: Re: A defesa do Brasil deve ser apenas espiritual?
Enviado por: Moises de Cerq. Pereira em 26 de Março de 2014, 00:19
Brasil
Baixíssima capacidade militar !

Creio que não

Verifica isto direito
Título: Re: A defesa do Brasil deve ser apenas espiritual?
Enviado por: SimonB em 26 de Março de 2014, 04:01
A minha humilde impressão, é que o Brasil nunca tive, tem ou terá um papel militar na transição planetária. Mais sim, o de acolhedor ou pacificador, onde a regeneração da humanidade encontrará recursos espirituais e também materiais. Permanece um grande paradoxo, o fato do povo brasileiro se matar entre si mais do que qualquer um na atualidade.. 
Título: Re: A defesa do Brasil deve ser apenas espiritual?
Enviado por: Moises de Cerq. Pereira em 26 de Março de 2014, 13:09
Se estuarmos a Guerra com o Paraguai
veremos que não é tão pacificador assim não
e
a maioria dos imigrantes veio
de onde?

E as revoltas internas?

nada de pacíficas.


Título: Re: A defesa do Brasil deve ser apenas espiritual?
Enviado por: wender100%espirita em 26 de Março de 2014, 13:41
Olá,
Costumo estudar bastante sobre assuntos de geopolitica e relações internacionais, e frequentemente percebo que no cenário internacional o Brasil é visto como país "bom moço" mas que raramente tem alguma voz, e um dos pontos que mais pesam para isso é sua baixíssima capacidade militar.
Após a leitura do livro "Brasil, coração do mundo, pátria do evangelho" percebi que existe um lado muito positivo no fato do Brasil não ser voltado para o uso da força na resolução dos problemas.

Mas ficam as perguntas:
Até que ponto é positivo o Brasil ser um país relativamente indefeso, comparado a países de mesmo porte e aos seus visinhos?

O risco de o Brasil se armar e se tornar um país "arrogante" com relação aos outros países é grande o suficiente para permanecermos passivos e indefesos?

Será que no atual estado evolutivo dos espirítios encarnados no nosso planeta é possível uma nação ser forte militarmente e pacífica ao mesmo tempo?


Gostaria muito de ouvir a opinião do pessoal aqui do fórum!
"não se pode amar a Deus e a mamon, dai a cesár o que é de cesar e a Deus o que e de Deus" bem com isso entendo que não se pode ser forte Militarmente falando e pacifico ao mesmo tempo! porque se usarmos a força muitas das vezes entaremos infringindo as leis de Deus, que nos manda amar ao proximo! paz e luz
Título: Re: A defesa do Brasil deve ser apenas espiritual?
Enviado por: cheio de dúvidas em 26 de Março de 2014, 17:18
Brasil
Baixíssima capacidade militar !

Creio que não

Verifica isto direito

Oi Moisés, realmente usei o termo errado quando falei capacidade militar.
Queria me referir ao potencial bélico do país, que não aparece nem entre os 10 primeiros da lista.Tem uma  reportagem bastante interessante sobre isso:
http://mundoestranho.abril.com.br/materia/quais-sao-os-dez-exercitos-mais-poderosos-do-mundo

Mas temos que reconhecer o bom trabalho dos militares brasileiros também, que fazem muito, com poucos recursos e que com bastante frequência são tidos como modelo pelas forças armadas de outros países.