Forum Espirita

CONVÍVIO => Off-topic => Tópico iniciado por: slanzoni em 21 de Setembro de 2011, 15:52

Título: Fé é por acaso perder a razão?
Enviado por: slanzoni em 21 de Setembro de 2011, 15:52
Bom dia a todos :)
2011 está sendo um dos anos mais difíceis da minha vida, em todos os sentidos: eu me divorciei em Abril, vivo sozinha em um país estrangeiro onde estou ainda aprendendo a língua (graças a Deus eu sou fluente em inglês!) e, dentre outras coisas, estou vivendo uma história de amor complicada, onde existe o sentimento mas dançamos uma valsa infinita, sem nenhuma definição a curto prazo.

Como tudo tem um lado positivo, foi por causa dessa conjuntura meio sombria que eu me aproximei da Doutrina, graças a uma amiga muito querida e ex-colega de trabalho de minha mãe.

Estou estudando bastante, estou orando muito, realmente entreguei minha vida na mão do Nosso Pai (infelizmente não freqüento nenhum centro espírita porque não existe o Espiritismo aqui na Áustria mas sigo sempre a RBN). A minha dúvida, entretanto, é se o fato de ter fé pode ser uma "fuga" da minha razão.

Explico: sinceramente a minha vida amorosa foi próprio o gatilho pra minha Reforma Íntima. Como dizia, estou vivendo uma história cheia de altos e baixos, onde existe um sentimento muito forte entre nós mas, até hoje, não tivemos nenhuma definição "definitiva": chegamos a conversar sobre isso, mas infelizmente ele não teve a coragem de investir em nós, com o resultado que eu me afastei e ele se desesperou. Por causa desse afastamento da minha parte eu percebi que tenho muitas coisas a mudar dentro de mim e resolvi me conectar comigo mesma, entregando essa história, como tudo o resto, nas mãos dEle. Tenho fé que Nosso Pai está me guiando nessa tempestade, só preciso descansar nEle, orar, me aprimorar.

Mas às vezes tenho muitas dúvidas, pois têm momentos onde não consigo ver nenhuma saída pra nada, seja lado amoroso, seja lado pessoal ou profissional. É como se, ao mesmo tempo que meu coração quer descansar, minha mente me deixa maluca, pensando pensando pensando e me dizendo de deixar pra lá, de esquecer tudo, de botar os pés pelas mãos e não pensar nas conseqüências. Por outro lado eu sei que o meu ponto de partida é próprio a paciência, sempre fui uma mulher muito impaciente com tudo, sempre quis ter tudo pra ontem.

Os amigos já passaram por uma coisa dessas? É normal? Desculpem as perguntas que podem parecer meio tolas, mas essa é realmente a primeira vez na minha vida que eu estou me entregando à fé e vejo que parece ser um processo meio doloroso, se vocês me entendem.

Obrigada a todos. :)
Sabrina.
Título: Re: Fé é por acaso perder a razão?
Enviado por: Luizandro em 21 de Setembro de 2011, 17:51
Boa tarde,Sabrina!

A doutrina espírita surgiu invarialvelmente se utilizando da razão.
A razão foi o instrumento básico de Kardec

Sei que em fases tribuladas de nossa existência procuramos alguma religiao ou Um Deus para nos confortar,e nós sentimos culpados por isso.

Todos passamos por momentos que achamos que não teremos saidas,a Doutrina nos da força para racionalizar esses problemas e perceber que tudo se resolverá com uma mudança de postura de nossa parte.
Os espíritos de Luz estão a todo momento nos auxiliando e nos oferecendo ajuda,basta aceitarmos e praticarmos tudo que apreendemos.

A doutrina espírita é uma ciência que baseada na razão prova que Deus,Jusus Cristo e todos os espíritos de Luz nunca nos abandonam.

Fique em Paz!
Título: Re: Fé é por acaso perder a razão?
Enviado por: Weronica em 21 de Setembro de 2011, 18:09
Olá Slanzoni!

Deixa eu deixar primeiro um comentário: Sempre busquei muito a Deus em diversas religiões e o meu conforto veio depois que conheci o espiritismo, mas mesmo assim passo por poucas e boas..rsrsr mas é que hoje tenho a certeza que tudo vem para melhorar, cada situação da nossa vida nos ensina e cada tombo nos faz levantar ainda mais fortes.  ;)

Saiba que a vida não é um mar de rosas ( minha mãe me dizia isso sempre e só depois que descobri o que essas palavras significam), a rosa não tem espinhos? Nem por isso deixa de ser rosa, prefira sentir o seu perfume que é recompensador mesmo depois de algumas espetadas.

A dor funciona como registros na nossa mente, na nossa memória, é o jeito mais difícil para nós seres em mundos de provas e expiações aprender certas lições que se fazem necessárias para nossa evolução. Depois do registro, quando acontece outra situação semelhante é como se você tivesse um "estalo" que fará você relembrar um acontecido, a partir daí, você vai lembrar qual atitude você tomou anteriormente, como se sentiu e se compensa fazer novamente igual ou se você optará por fazer diferente, temos medo mas a dor faz parte de qualquer aprendizado, não que seja só através dela, mas é um dos caminhos que Nosso Pai "utiliza" para nos mostrar o Seu Amor e Misericórdia, que é quando percebemos que não estamos sozinhos e estão sendo protegidos por Ele.

Tem uma historinha que é mais ou menos assim (acho que aprendi até aqui no fórum): Tinha um boiadeiro que estava levando sua vaquinha e o bezerrinho para o outro lado da cidade, o bezerrinho estava no colo e a vaquinha ao seu lado. No momento de atarvessar uma rua a vaquinha empacou, o boaideiro empurrava, puxava, chamava e nada da vaquinha sair do lugar, foi então que ele resolveu atravessar assim mesmo com o bezerrinho no colo, após atarvessar a vaquinha foi logo atrás dos dois.
Moral da história: Muitas vezes se faz necessário que nos seja retirado algo para que possamos sair do lugar. Na hora das provas é que sentimos a necessidade de algum Ser Superior que nos auxilie e nos oriente por qual caminho devemos trilhar para alcançar a solução para os nossos problemas, a partir dai que Deus age com nossa plena consciência disso pois O estamos buscando, mas Ele nunca nos deixou desamparados mas ainda não tínhamos nos dado conta...


Bjinhuu fiquem com Deus.
Título: Re: Fé é por acaso perder a razão?
Enviado por: Weronica em 21 de Setembro de 2011, 18:18
Deixo aqui uma mensagem para te fazer refletir:

Os desafios nos fortalecem
Temos em nossa trajetória muito a aprender e ensinar,
através dos desafios que temos durante uma vida inteira aprendemos,
e com isso ficamos capacitados a passar nossas experiências
a quem precisar, por isso a importância de jamais
desanimarmos de nossas lutas ou dificuldades,
porque são elas que nos fortalecem
e nos dão coragem e força para continuar.
Perceba que hoje não é mais como ontem,
porque já passou por vários desafios
e passará ainda por muito mais, só que mais experiente
e fortalecido, e com isso terá condições de continuar
sua caminhada desbravando a todos os desafios que surgirem.
Não se abata pelos atropelos da caminhada,
coloque objetivos em sua vida e vá enfrente,
não fique triste diante daquilo que não conquistou,
porque nossas conquistas e superação não são feitas
apenas de vitórias, muitas vezes temos que perder
para mais adiante ganhar.
 
(Fonte: www.gotasdepaz.com.br (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5nb3Rhc2RlcGF6LmNvbS5icg==))

Bjinhuu fiquem com Deus.
Título: Re: Fé é por acaso perder a razão?
Enviado por: **SOL** em 21 de Setembro de 2011, 18:47
Olá  slanzoni,Passei por isso a menos de um ano, Tenho afinidade com uma pessoa,
De outra cidade nossos pensamentos se cruzam,as vezes sentimos as mesma s coisa,
Minha vida era cheia de atribulações sofrimento,angustia...Eu sempre estava procurando algo que  eu nem sabia que existia,em todos os lugares que eu ia,podia ser no meio de pessoas, ou mesmo no sitio,enfim qualquer lugar,eu procurava alguma coisa que eu não consegua encontrar,
Foi então que conheci essa pessoa, ele é um professor, escritor poeta,um espírita,
Eu que não tive oportunidade de estudar na minha infância, nem escrever nada apenas o essencial, Depois que conheci essa pessoa, tudo mudou,mesmo distante ele me levou para doutrina espírita,foi ali que me entreguei a Deus,passei a estudar doutrina espírita,e para minha surpresa, comecei escrever poemas, não entendo como isso pode acontecer com as pessoas,ele procurava por uma musa inspiradora,menina dos seus sonhos,que tem o nome de Aninha,
Eu,quando nasci,meu nome era para ser aninha,minha mãe queria que fosse aninha,mas meu pai não quis, depois que conheci essa pessoa, Aninha se revelou em mim...Estou escrevendo uma história de amor,entre aninha e essa pessoa que ainda não poço revelar. se Deus permitir ainda vou publicar meu  livro...Depois desses acontecimentos minha vida mudou, sou mais calma tranquila,menos impulsiva,aprendi ser tolerante,saber esperar, tudo a seu tempo, e hora...
Sigo na doutrina espírita, e cada dia me sinto melhor.
Que Deus nos abençoá,

abraços

Sol
Título: Re: Fé é por acaso perder a razão?
Enviado por: Jonathan Prates em 21 de Setembro de 2011, 18:56
Olá Sabrina!

Primeiro, a fé, na visão espírita, não é perder a razão, mas sim, "entender a razão" por qual as coisas acontecem. E se você tem dúvidas se isso acontece com os outros, te digo que 2011 está sendo consideravelmente parecido para mim. Também me separei da minha esposa esse ano, e igual a você, encontrei em Deus os motivos para continuar em frente, apesar das minhas infelizes quedas esporádicas.  Em vários momentos eu também não encontrava solução para minha tristeza, igual você relata, mas eu nesta hora, repetia, como um mantra, a frase "TUDO VAI DAR CERTO", as vezes completava com "MESMO QUE EU NÃO SAIBA O QUE É O CERTO". Então sugiro que você continue entregando sua vida ao Pai, mas que não esqueça de fazer as escolhas que Ele espera de você. Evite colocar os pés pela mãos, como você falou, e lembre-se dessamensagem:

Uma noite eu tive um sonho...

Sonhei que estava andando na praia com o Senhor.

E através do Céu, passavam cenas de minha vida.

Para cada cena que passava,
percebi que eram deixados dois pares
de pegadas na areia

Um era o meu e o outro era do Senhor.

Quando a última cena de minha vida passou
diante de nós, olhei para trás
e notei que muitas vezes no caminho da minha vida
havia apenas um par de pegadas na areia.

Notei também que isso aconteceu
nos momentos mais difíceis e angustiantes
do meu viver.

Isso aborreceu-me deveras e perguntei

- Senhor, Tu me disseste que uma vez que eu resolvi Te seguir, Tu andarias sempre comigo, todo o caminho.

Mas notei que durante as maiores dificuldades do meu viver havia na areia dos caminhos da vida, apenas um par de pegadas.

Não compreendo Senhor porque nas horas que mais necessitava de ti.
Tu me deixastes.
Tu me abandonastes.

- Minha preciosa filha.
Eu te amo e jamais te deixaria
nas horas da tua provação e do teu sofrimento.

Quando vistes na areia apenas um par de pegadas,
foi exatamente aí que EU TE CARREGUEI EM MEUS BRAÇOS !!!



Acho muito linda essa mensagem. Se cuida, que Deus também cuida de ti!
Título: Re: Fé é por acaso perder a razão?
Enviado por: filhodobino em 21 de Setembro de 2011, 19:29
Amado Irmão,
Penso assim...
É impossível ao ser humano entender tudo que há ainda para ser aprendido e entendido no universo...
Então a proposta da religião, de todas as religiões, é ir dotando o filho de Deus de percepções na senda evolutiva que cada um escolheu para si...
O que a razão não explica na religião, é explicado pela fé...
Algumas religiões exigem fé cega, ai essa religião fica dificil cada vez mais de ser entendida.
O Espiritismo, nos diz: Fé inabalável é o que se pode encarar a razão frente a frente em qualquer época da humanidade...
Espero ter contribuido para sanar sua duvida, de outra forma pode perguntar o quanto desejar.
Saúde e Paz!
Título: Re: Fé é por acaso perder a razão?
Enviado por: slanzoni em 21 de Setembro de 2011, 19:54
Boa tarde a todos :)
Antes de tudo queria agradecer pelas respostas, tanto via forum quanto Facebook: assim que postei minha dúvida eu fiquei meio encabulada, não queria transformar esse espaço em um "Cantinho dos corações solitários", visto o motivo pelo qual me aproximei do Espiritismo :P

Essa postura de confiar eu já tenho, pra ser honesta. Acredito que tanto eu quanto ele nos reencontraremos, porque, apesar daquilo que me dizem, eu sei que nos amamos. Aliás o ponto nem é esse, exatamente: eu tenho dificuldades em me entregar à fé, próprio porque eu escuto aquela vozinha chatinha martelando sem parar, "é inútil, vc vai ficar só pra sempre, vc deveria tentar o suicídio como o seu ex, ninguém te ama, vc vai ser sempre um zero à esquerda" e coisinhas do tipo. Nisso eu me apavoro, me desespero e faço besteira, do tipo forçar situações. Já o meu coração é confiante: eu recebi uma mensagem do meu guardião cheia de amor, de esperança. É esse conflito, entre mente e coração, que está me confundindo.

Como posso aquietar minha mente, canalizá-la em modo de poder operar a minha reforma íntima sem atropelos?

Obrigada a todos. :)
Sabrina.
Título: Re: Fé é por acaso perder a razão?
Enviado por: hcancela em 21 de Setembro de 2011, 20:06
Olá amigos(as)



A fé no Espiritismo é razão, e, sem ela, é vazia como todas através dos séculos.

A compreensão do porquê da vida e qual a sua finalidade é que nos dará o estofo para aguentar todas as adversidades que por todos passamos numa maneira geral. Para a conseguirmos necessitamos de muito estudo e treino mental, para que a fé com razão entre e fique para sempre dentro de nós.

Perseverança e paciência, é um item indispensável para o conseguirmos.

Obs: Lembro que para quem quiser desabafar um ter um diálogo fraterno, tem neste forum nas salas de chat uma em particular, criada para o efeito.Muita paz.

Saudações fraternas
Título: Re: Fé é por acaso perder a razão?
Enviado por: filhodobino em 21 de Setembro de 2011, 20:25
Amada Irmã
Sabrina,

Não pense que vc é a única a viver essa bipolarização... ser ou não ser...
Todos os seres vivem em algum momento, essa situação...
Essa é na verdade a sua grande chance de vencer a indecisão...
Nós sempre aprendemos que temos que amar...
É verdade...
Mas, primeiro precisamos aprender a nos amar... e esse aprendizado começa logo nesse ponto, como alguém poderia me amar se eu próprio não amo a mim mesmo?
Como alguém poderia confiar em mim, se eu próprio não confio em mim mesmo?
É aí que começa o tal do auto conhecimento...
Significa que você já aprendeu tudo que precisava aprender, agora está começando a aula prática...
Só depende de você, conhecer a você mesma...
Junto a se conhecer, aprenda também a conhecer a Caridade, que começa principalmente com vc mesma.
A pior saída é a desistência...
Você está no caminho certo, agora é nada de ficar com medo de sofrer ou ter dó de vc, voce precisa é agir na prática, ir à luta, vencer.
E veja bem... vencer não significa obrigatoriamente ter alguém do nosso lado...
Temos que aprender a vencer sozinhos, pois alguém só irá se aproximar de nós, se nós formos independentes dele, não precisarmos da esmola do amor dele...
A humanidade é do signo do leitão... não é do Leão, costumo dizer, pois todos só se aproximam de nós para receber...
A maior felicidade do mundo é termos para dar...
Saúde e Paz!
Título: Re: Fé é por acaso perder a razão?
Enviado por: Jonathan Prates em 21 de Setembro de 2011, 20:27
Boa tarde a todos :)
Antes de tudo queria agradecer pelas respostas, tanto via forum quanto Facebook: assim que postei minha dúvida eu fiquei meio encabulada, não queria transformar esse espaço em um "Cantinho dos corações solitários", visto o motivo pelo qual me aproximei do Espiritismo :P

Essa postura de confiar eu já tenho, pra ser honesta. Acredito que tanto eu quanto ele nos reencontraremos, porque, apesar daquilo que me dizem, eu sei que nos amamos. Aliás o ponto nem é esse, exatamente: eu tenho dificuldades em me entregar à fé, próprio porque eu escuto aquela vozinha chatinha martelando sem parar, "é inútil, vc vai ficar só pra sempre, vc deveria tentar o suicídio como o seu ex, ninguém te ama, vc vai ser sempre um zero à esquerda" e coisinhas do tipo. Nisso eu me apavoro, me desespero e faço besteira, do tipo forçar situações. Já o meu coração é confiante: eu recebi uma mensagem do meu guardião cheia de amor, de esperança. É esse conflito, entre mente e coração, que está me confundindo.

Como posso aquietar minha mente, canalizá-la em modo de poder operar a minha reforma íntima sem atropelos?

Obrigada a todos. :)
Sabrina.

Como aquietar a sua mente... acho que para isso não existe "receita de bolo". Fato é que parece que enquanto vc não alcançar alguma estabilidade amorosa, estará em desequilíbrio psíquico, e mais aberta a influenciação do provável obsessor que te sugestiona sobre suicídio. Vou dizer o que funcionou prara mim! Assumi mais tarefas na casa espírita que freqüento e me cerquei de amigos e familiares. Quase não passo tempo nenhum sozinho, em estado de auto-piedade. Não sei quais recursos você tem para preencher o tempo com coisas sadias e felizes, mas tente fazer isso. Pra mim tem funcionado! Quanto a pessoa certa, vai aparecer no tempo oportuno, porque muito provavelmente, essa situação que vc está passando agora, é o que Deus, na sua infinita sabedoria e misericórdia, sabe que é importante pra você passar para adquirir qualidades, nem que seja a resignação.

Fica com Deus.
Título: Re: Fé é por acaso perder a razão?
Enviado por: ULISSES PINHEIRO em 21 de Setembro de 2011, 20:44
Prezada Irmã, nesse momento onde pensamentos tão diversos prejudicam um raciocínio sereno e lógico... Não tome quaisquer decisões ainda. Lembre-se que tudo é transitório... Primeiro procuremos um "Porto Seguro" para salvar a vida, respirar, descansar... Refazer-se!
Esse Porto Seguro chama-se Deus!   " E onde encontrá-lo? Já orei tanto... Já O clamei em prantos... Parece que não sou ouvida... Sinto-me só... com esperanças se esvaindo... "
Permita-me: Você está bem próximo a um novo rumo em sua vida. Não há uma Casa Espírita, procure um templo religioso, de atmosfera calma e aconchegante... E lá permaneça alguns minutos necessários para orar no silêncio do seu coração... E aguarde a doce chegada da Misericórdia Divina sobre você...
Agradeça a Deus pela sua nova reencarnação. Agradeça por todas as fases de sua vida.  Peça-Lhe renovar suas forças para prosseguir e cumprir sua missão... Observe os sinais que os Trabalhadores Espirituais lhe indicam... Não procure desvendar erros de épocas passadas, mas pedir perdão por eles e cumprir o resgate das dívidas...  Sem pressa, cultive um Reino de Paz entorno de você... Com pensamentos e atitudes!    "Quando a multidão que seguia Jesus sentiu fome e não havia o quê comer, o Divino Mestre mandou que todos se acalmassem... sentassem... para Ele operar a multiplicação dos pães."   Aguardemos nós também confiantes a mudança em nossas vidas.  Que os Mensageiros  do nosso Cristo estejam no seu caminho, intuindo, amparando!  A Luz do Coração de Jesus brilhe no seu peito, resplandecendo em toda sua vida!      Ulisses (ulissesp2@gmail.com )
Título: Re: Fé é por acaso perder a razão?
Enviado por: Luizandro em 21 de Setembro de 2011, 20:48
Sabrina!

Todos já sofremos por amor.
Sua aceitação da doutrina independe da sua felicidade amorosa.

Uma coisa que apreendi nesse meus poucos anos de vivencia é que as vezes os unicos culpados por estarmos sofrendo somos nós,por mais incrível que pareça as vezes escolhemos sofrer...

Aprimore-se na doutrina e receberá muitas respostas se embeleze interiormente,canalize coisas boas e receberá em dobro.

Fique em paz!
Título: Re: Fé é por acaso perder a razão?
Enviado por: Mourarego em 21 de Setembro de 2011, 20:50
Amiga Slanzoni,
Existe em Viena, um CE.
rua Spengergasse 10/3, onde ainda hoje é a sede do VAK. No ano de 2000, a Sociedade para Estudos Espíritas Allan Kardec foi registrada oficialmente e legalizada na cidade de Viena. Desde então, Josef Jackulak é seu presidente e eu, apoio os trabalhos como vice-presidente.
Informação desta que nos dá a notícia e que se chama Rejane.
Abraços,
Moura
Título: Re: Fé é por acaso perder a razão?
Enviado por: slanzoni em 22 de Setembro de 2011, 08:05
Olá a todos :)
@Moura: que bom saber disso, obrigadíssima! Ok, vivo em Graz, a 2h de carro de Viena, mas ao menos uma vez por mês eu vou dar um pulinho lá! :)

@hCancela: obrigada pela info, vou visitar a sala de chat sim.

@todos os amigos: muitíssimo obrigada pelas palavras de conforto, gente.

Um beijo a todos
Sabrina.
Título: Re: Fé é por acaso perder a razão?
Enviado por: JT em 22 de Setembro de 2011, 09:17
Olá

O parto é sempre doloroso; estados de transição são sempre dolorosos; há sempre muito stress, criam-se expectativas, demasiadas, ...

para não metermos os pés pelas mãos, mais vale prevenir que remediar.

o que for para ti à tua mão virá ter.

se não estamos bem, também não vemos bem.


o travesseiro é bom conselheiro.

para mim, a fé e a razão são faces da mesma moeda.

abraço,
Título: Re: Fé é por acaso perder a razão?
Enviado por: sandra Schön em 22 de Setembro de 2011, 10:12
Bom dia Companheira!!!

Todas as experiencias que temos na vida sao apenas para nos fortalecer. Continue assim, firme e forte, seguindo sua razao com uma pitadinha de emocao, para ter equilibrio, porque todo o tunel tem uma saida. Eu moro aqui na suiça e como todos os anos temos a dadiva de ter um seminario com o Divaldo Pereira Franco, e por isso sei que ele faz um turner, enclusive ai na Australia, tomei a liberdade de procurar na net, onde teria Casas Espiritas ai e encontrei este site aqui:
 
http://programamuitasvidas.blogspot.com/2011/03/centros-espiritas-na-australia.html

Espero ter lhe ajudado de alguma forma.
Bjus como muito amor e cheio de fé.
Sandra
Título: Re: Fé é por acaso perder a razão?
Enviado por: mcwolf em 22 de Setembro de 2011, 12:27
Olá Sabrina,

Gostava de partilhar um pouco consigo a minha experiência, espero que a ajude.

Antes de mais, acredito que é nestas alturas de maior dor que podemos crescer mais. Comigo foi assim, mas sinceramente desejo que por outras possa ser pela via do amor.

Desde que entrei na doutrina espírita que a minha forma de ver as coisas mudou. Espero que agora seja tudo mais claro, por tento sempre ver se não acabo por cair nas armadilhas do orgulho como a doutrina alerta.

Eu agora vejo que tive oportunidade na minha vida para mudar, muitas vezes foram coisas pequenas que podia ter feito muito melhor, e não fiz. Mas nós estamos cá para evoluir, e quando não conseguimos nessas coisas pequenas, acabamos por ter de o fazer com situações mais dolorosas.

Partilho um pouco da minha vida amorosa com você. Conheço a minha companheira há pouco mais de 10 anos, mas nós os 2 passamos por uma fase muito complicada, estivemos quase um ano separados, e de repente quando parecia que nada já iria nos juntar novamente, as coisas repentinamente aconteceram de forma diferente.

Mas apesar disso estavamos longe de ser felizes, as coisas que tinhamos de mudar e trabalhar continuavam a não acontecer, e foi preciso a doutrina espírita entrar nas nossas vidas para que ambos podessemos compreender a profundidade das nossas ações.

Em pouco mais de um ano, a nossa vida mudou radicalmente e agora somos muito mais felizes, e a relação só pode melhorar, porque sabemos que temos de trabalhar em nós e com o outro.

O que eu quero passar para você é que muitas vezes é a nossa resistência à mudança que causa dor, e não a própria situação. Somos nós que resistimos e resistimos, não queremos mudar, mesmo não estando felizes.
"eu sou assim" é das frases que já não entram no meu vocabulário. Eu sei que ainda tenho muito a mudar, mas perdi o medo.

Sei que Jesus e sua magnifica equipa está aí para me ajudar, mas sei também que tenho de fazer a minha parte. Confie, porque no final vemos sempre que eles sabem o que é melhor para nós.. mesmo quando nos doi lá no fundo.

Que encontres a paz minha irmã
Daniel