Forum Espirita

CONVÍVIO => Off-topic => Tópico iniciado por: morenalins em 10 de Dezembro de 2010, 18:27

Título: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: morenalins em 10 de Dezembro de 2010, 18:27
Boa Tarde a todos,
Freqüento uma mesa de estudos e também uma mediúnica, me paira a duvida nos últimos meses pois alguns membros de nosso grupos tem sido afastados por determinado tempo por instruções dos nossos mentores (os quais nunca vi e nem tive contato direto) devido a infestação/contaminação por magos vegos, obsessão, e agora no meu caso temo ser afastada pois na última mediúnica a qual estive ausente por motivos inerentes ao assunto os médiuns presentes a mesa disseram que em minha casa havia uma plantação de ovóides.
Veja-se que não entendo bem do assunto ovoides e que me encontro no aprendizado da doutrina, mas possou graças a Deus um compreensão amplia do evangelio e estou lendo sempre, orando e vigiando.
Oque não compreendo também é a nescesidade de afastamento dos mediuns nestes casos.
Grata pela colaboração de todos e pela luz que sei que me darão,
Humildemente,
Morena
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: NelsonDF em 10 de Dezembro de 2010, 20:08
Olá. ùnico contato que tive com o termo ovoides foi no livro "Icaro Redimido" onde cita o processo como uma "segunda morte" originada na depressão e introspecção do espírito, sendo que, neste estado os ovoides são vulneráveis e "usados" por alguns seres para sugar energia de outros espíritos....

Nunca pesquisei sobre o assunto, mas tendo como base o amor universal:
1- será útil abandonar ou afastar quem precisa de auxilio ou esclarecimento para não ficar vulnerável a esta sucçao de energias?
2-os ovoides e quem os utiliza para fins não cristãos, não seria certo mantê-los em contato com trabalhos mediunicos e desobsessivos para tentar auxiliá-los? (desde que tenhamos competência para lidar com tal força)
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Andrei.L em 10 de Dezembro de 2010, 21:32
http://www.forumespirita.net/fe/convivio-dos-membros-do-forum/o-que-seria-ovoides/

http://www.forumespirita.net/fe/lei-de-causa-e-efeito/o-que-sao-parasitas-ovoidesalguem-poderia-me-explicar/

http://www.comunidadeespirita.com.br/temas/ovoides.htm
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Gisella em 10 de Dezembro de 2010, 22:51
http://www.forumespirita.net/fe/convivio-dos-membros-do-forum/o-que-seria-ovoides/

http://www.forumespirita.net/fe/lei-de-causa-e-efeito/o-que-sao-parasitas-ovoidesalguem-poderia-me-explicar/

http://www.comunidadeespirita.com.br/temas/ovoides.htm


Olá, Morenalins... muito bons os links que nosso amigo Andrei colocou para pesquisa...

Mas eu posso ajudar, um pouco, com a minha experiência...

Esse é um assunto muito discutido no meio espírita... muitos dizem que não exitem por Kardec não haver citado nas Obras Básicas, mas... "A letra mata e o Espírito vivifica", não é mesmo??

Por isso posso passar a minha experiência, que vem de encontro ao que diz na obra Libertação de André Luiz.

Sou médium há 20 anos e atuo na área de desobsessão, onde, com a ajuda dos amigos espirituais, fazemos resgates em zonas "purgatoriais" que são verdadeiros "quartéis generais", "prisões" e tudo do mais...

São Espíritos extremamente voltados para o mal, para a obsessão mais complicada... são o que nossos mentores chamam de "simbiose espiritual" (muitos dos foristas devem estar se revirando com essas minhas palavras, mas, enfim... são nossas experiências no grupo mediúnico sério, que prisma pelo estudo e por avaliações diárias das comunicações).

E os ovóides são Espíritos que, voltados para si mesmos, para as suas próprias dores, como em circuito fechado, as chamadas monoideias, que acabam por lesar seus perispíritos de tal forma, que  vão perdendo a aparência humana e são usados por esses "chefes de redutos" para minar as energias dos seus perseguidos.

André Luiz coloca que têm o tamanho de um crânio humano, mas já visualizamos ainda menores e servindo de verdadeiros parasitas, que "sobrevivem" da energia do obsediado.

Agora, ser afastado do trabalho porque na sua casa tem uma "criação" de ovóides, é, no mínimo, uma falta de caridade cristã,  pois o médium e os obsessores são aqueles que precisam de cuidados, que precisam ser tratados como qualquer pessoa que chega a uma Casa Espírita.

E, para que haja uma "plantação" de ovóides, eles têm que estar ligados a alguém, pois uma colônia deles não se fixa em matéria sem energia, mas, sim em seres possuidores de energia para alimentá-los, como disse uma colega em um dos links acima, como um cogumelo em uma árvore.

Bem, Morenalins, espero ter ajudado com minha experiência.. mas te indico a obra Libertação do André Luiz, pois ela te dará uma boa base sobre o assunto...

Abraços fraternos

Gisella ;)
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: morenalins em 11 de Dezembro de 2010, 01:23
Olá. ùnico contato que tive com o termo ovoides foi no livro "Icaro Redimido" onde cita o processo como uma "segunda morte" originada na depressão e introspecção do espírito, sendo que, neste estado os ovoides são vulneráveis e "usados" por alguns seres para sugar energia de outros espíritos....

Nunca pesquisei sobre o assunto, mas tendo como base o amor universal:
1- será útil abandonar ou afastar quem precisa de auxilio ou esclarecimento para não ficar vulnerável a esta sucçao de energias?
2-os ovoides e quem os utiliza para fins não cristãos, não seria certo mantê-los em contato com trabalhos mediunicos e desobsessivos para tentar auxiliá-los? (desde que tenhamos competência para lidar com tal força)
http://www.forumespirita.net/fe/convivio-dos-membros-do-forum/o-que-seria-ovoides/

http://www.forumespirita.net/fe/lei-de-causa-e-efeito/o-que-sao-parasitas-ovoidesalguem-poderia-me-explicar/

http://www.comunidadeespirita.com.br/temas/ovoides.htm


Olá, Morenalins... muito bons os links que nosso amigo Andrei colocou para pesquisa...

Mas eu posso ajudar, um pouco, com a minha experiência...

Esse é um assunto muito discutido no meio espírita... muitos dizem que não exitem por Kardec não haver citado nas Obras Básicas, mas... "A letra mata e o Espírito vivifica", não é mesmo??

Por isso posso passar a minha experiência, que vem de encontro ao que diz na obra Libertação de André Luiz.

Sou médium há 20 anos e atuo na área de desobsessão, onde, com a ajuda dos amigos espirituais, fazemos resgates em zonas "purgatoriais" que são verdadeiros "quartéis generais", "prisões" e tudo do mais...

São Espíritos extremamente voltados para o mal, para a obsessão mais complicada... são o que nossos mentores chamam de "simbiose espiritual" (muitos dos foristas devem estar se revirando com essas minhas palavras, mas, enfim... são nossas experiências no grupo mediúnico sério, que prisma pelo estudo e por avaliações diárias das comunicações).

E os ovóides são Espíritos que, voltados para si mesmos, para as suas próprias dores, como em circuito fechado, as chamadas monoideias, que acabam por lesar seus perispíritos de tal forma, que  vão perdendo a aparência humana e são usados por esses "chefes de redutos" para minar as energias dos seus perseguidos.

André Luiz coloca que têm o tamanho de um crânio humano, mas já visualizamos ainda menores e servindo de verdadeiros parasitas, que "sobrevivem" da energia do obsediado.

Agora, ser afastado do trabalho porque na sua casa tem uma "criação" de ovóides, é, no mínimo, uma falta de caridade cristã,  pois o médium e os obsessores são aqueles que precisam de cuidados, que precisam ser tratados como qualquer pessoa que chega a uma Casa Espírita.

E, para que haja uma "plantação" de ovóides, eles têm que estar ligados a alguém, pois uma colônia deles não se fixa em matéria sem energia, mas, sim em seres possuidores de energia para alimentá-los, como disse uma colega em um dos links acima, como um cogumelo em uma árvore.

Bem, Morenalins, espero ter ajudado com minha experiência.. mas te indico a obra Libertação do André Luiz, pois ela te dará uma boa base sobre o assunto...

Abraços fraternos

Gisella ;)

Realmente elucidações positivistas!
Irmãos, grande ajuda, tanto Nelson, Andrei quanto Gisella!
A cada linha que leio me são abertos mais universos de conhecimento, decerto não estou de acordo com o afastamento dos demais, não estou de acordo com o fechamento da porta, porém creio que as sementes da renovação se dão aos poucos.
Argumentarei com a certa teoria da necessidade de energia dos tais "ovoides" plantados/ inchertados em meu jardim (jardim este, lugar de contemplação e reunião fraterna), senão terei que seguir meus estudos em casa e através do forúm.
Deus fortalece aqueles que nele confiam, mesmo que sejam duras as provas!
Estou lendo os links, realmente muito bons! O livro Libertação do André Luiz, assim que termine Os Obreiros da Vida Eterna
Obrigadissimo!
Muita luz!
Morena
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: mariafeliciamacedosarra em 11 de Dezembro de 2010, 06:00
Boa Tarde a todos,
Freqüento uma mesa de estudos e também uma mediúnica, me paira a duvida nos últimos meses pois alguns membros de nosso grupos tem sido afastados por determinado tempo por instruções dos nossos mentores (os quais nunca vi e nem tive contato direto) devido a infestação/contaminação por magos vegos, obsessão, e agora no meu caso temo ser afastada pois na última mediúnica a qual estive ausente por motivos inerentes ao assunto os médiuns presentes a mesa disseram que em minha casa havia uma plantação de ovóides.
Veja-se que não entendo bem do assunto ovoides e que me encontro no aprendizado da doutrina, mas possou graças a Deus um compreensão amplia do evangelio e estou lendo sempre, orando e vigiando.
Oque não compreendo também é a nescesidade de afastamento dos mediuns nestes casos.
Grata pela colaboração de todos e pela luz que sei que me darão,
Humildemente,
Morena
::)leiaandre luiz, fala dos ovoides, liberação.de salvador gentile. quem está sofrendo de assedio de ovoides deve ir para assistencia espiritual, e tratar-se. nunca ouvi falar de plantação de ovoides, e sim de armazenamento, que os espiritos que dirigem as zonas inferiores fazem para utiliza-los, abraço deus estasempre presente em nossas vidas, tenha fé e não tema.
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: morenalins em 11 de Dezembro de 2010, 18:52
Maria o caso é justamente este, utilizei a palavra plantação em lugar de armazenamento, por sorte foi-se verificado entes da atuação, as providencias de auxilio estão sendo tomadas.
O evangelho impera no Lar, assim como a fé, a temeridade de nada ajuda, aqui vim desde o principio em busca de conhecimento e intercalação com os irmãos espiritistas, visto que a troca de conhecimentos é sempre positiva se temos discernimento.
Muito obrigada, já tenho o livro Libertação e começarei a lê-lo hoje mesmo.
Morena
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: season em 11 de Dezembro de 2010, 20:00
Olá.
Apesar de Herculano Pires não concordar com André Luiz relativamente aos Ovoides, (eu continuo a dizer que confio nas obras de André Luiz e Xico Xavier), recomendo a leitura do livro Vampirismo do referido Herculano Pires, para termos uma noção maior de Vampirismo e de Parasitas.
O livro é facilmente baixado na net.
Usa a razão amiga e nem tudo o que chega do outro lado é fiável.
Continua orando e pedindo discernimento em relação ao assunto e chegará :)
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Francisco Soares Ferreira em 16 de Dezembro de 2010, 22:18
olá amigos.
Me desculpem mas acho que vcs não foram claros de jeito nenhum quanto as explicações sobre os "ovóides".  Um disse que foi excluído das reuniões por causa desses  tais ovóides.  Li e relí as explicações e continuo sem entender o que seja 'ovóides". São ovos? se são. de que animal?  seria alguma planta que se possa cultivar em casa? Fazer inclusive uma plantação? É algum tipo de revista pornográfica. Ou algum pecado acariciado? por favor me expliquem melhor pois eu tenho apenas noves meses que estudo a doutrina espírita e nunca ouví falar nesse "ovos" tão perigosos que levou os mentores a afastar alguem  que está tentando trabalhar. Mas garanto que vou pesquisar esse assunto até poder entender.  Por enqaunto não estou entendendo nada.
Muito Grato Soares
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: season em 16 de Dezembro de 2010, 22:33
olá amigos.
Me desculpem mas acho que vcs não foram claros de jeito nenhum quanto as explicações sobre os "ovóides".  Um disse que foi excluído das reuniões por causa desses  tais ovóides.  Li e relí as explicações e continuo sem entender o que seja 'ovóides". São ovos? se são. de que animal?  seria alguma planta que se possa cultivar em casa? Fazer inclusive uma plantação? É algum tipo de revista pornográfica. Ou algum pecado acariciado? por favor me expliquem melhor pois eu tenho apenas noves meses que estudo a doutrina espírita e nunca ouví falar nesse "ovos" tão perigosos que levou os mentores a afastar alguem  que está tentando trabalhar. Mas garanto que vou pesquisar esse assunto até poder entender.  Por enqaunto não estou entendendo nada.
Muito Grato Soares

Basta ler os livros que foram aqui mencionados e ficará com uma ideia do que sejam.
Ainda há outros tópicos no fórum que falam disso mesmo.
Espero ter ajudado.
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: morenalins em 17 de Dezembro de 2010, 04:37
olá amigos.
Me desculpem mas acho que vcs não foram claros de jeito nenhum quanto as explicações sobre os "ovóides".  Um disse que foi excluído das reuniões por causa desses  tais ovóides.  Li e relí as explicações e continuo sem entender o que seja 'ovóides". São ovos? se são. de que animal?  seria alguma planta que se possa cultivar em casa? Fazer inclusive uma plantação? É algum tipo de revista pornográfica. Ou algum pecado acariciado? por favor me expliquem melhor pois eu tenho apenas noves meses que estudo a doutrina espírita e nunca ouví falar nesse "ovos" tão perigosos que levou os mentores a afastar alguem  que está tentando trabalhar. Mas garanto que vou pesquisar esse assunto até poder entender.  Por enqaunto não estou entendendo nada.
Muito Grato Soares

Soares, explicando-me melhor, no momento em que abri o tópico não tinha sido suspendida da mesa mediúnica e nem fui, isso era um temor meu pois, a casa espírita que freqüento com relação as mesas de formação de médiuns  tomam por pratica a suspensão para tratamento nos casos de obsessões graves, suspeitei que no meu seria feito o mesmo procedimento porém não foi feita a mesma prática visto que eu não estava com nenhum dos especimes em meu periespirito.
Até agora o que sei em meu breve estudo, sem querer confundi-lo e ainda recomendando que estude como estou fazendo, os ovoides são espíritos que fixados em idéias deformam seus periespiritos por estarem apenas voltados para um único propósito não positivo e de alto teor, podem ser usados para fins não louváveis. No momento é a unica forma que tenho de explicar-te de maneira simples
Reitero que por favor estude.
Se estou de acordo com a suspensão dos médiuns? Quem sou eu para questionar a vontade dos Mentores;
Se acredito em Ovoides; sim, existe a possibilidade de sua existência, e são coerentes a doutrina mas não estou aqui para questionar isso!
Grata
Morena
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Francisco Soares Ferreira em 17 de Dezembro de 2010, 21:21
Olá Morena Boa Tarde.
Muito obrigado minha irmã, por ter se incomodado em me responder. Ontem mesmo lí sobre o assunto Achei um artigo aki mesmo no Fórum e pude me inteirar mais ou menos sobre os ovóides. Atualmente estou lendo um livro intitulado "LEGIÃO," Um olhar sobre o reino das sombras de Róbson Pinheiro e por uma feliz conhecidencia ontem mesmo li o enredo onde falava sobre os ovóides que são espíritos umbralinos muito maus e capazes de promover uma obsessão complexa capaz de arruinar a vida de qualquer ser. Pois promove uma simbiose. tornando muito difícil para o médium promover a desobesessão, pois nesse caso exige-se um preparo/conhecimento muito acentuado do médium que terá de trabalhar em conjunto muito estreito com o mentor espiritual, sendo as vezes necessário fazer-se uma investigação do lado de lá. Ha quem diga, que por questões de ectoplasma, (energia percebida apenas em encarnados) o médium terá que se desdobrar para poder fazrer o serviço completo.
Um abraço -  Soares
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: morenalins em 17 de Dezembro de 2010, 22:01
Francisco, obrigado a você que mostrou como o estudo dá frutos! Nossa! Tanto em tão pouco tempo! Obrigado!
Abraço Fraterno,
Morena
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Cesar Arruda em 26 de Março de 2011, 21:56
Vampirismo - José Herculao Pires - cap. II, pág. 15
André Luiz refere-se a ovóides, espíritos que perderam o seu corpo espiritual e se vêem fechados em si mesmos, envoltos numa espécie de membrana.
Isso lembra a teoria de Sartre sobre o em-si, forma anterior do ser espiritual, que a rompe ao se projetar na existência por necessidade de comunicação. A ação vampiresca desses ovóides é aceita por muitos espíritas amantes de novidades. Mas essa novidade não tem condições científicas nem respaldo metodológico para ser integrada na doutrina.
Não passa de uma informação isolada de um espírito. Nenhuma pesquisa séria, por pesquisadores competentes, provou a realidade dessa teoria. Não basta o conceito do médium para validá-la. As exigências doutrinárias são muito mais rigorosas no tocante à aceitação de novidades.
O Espiritismo estaria sujeito a mais completa deformação, se os espíritas se entregassem ao delírio dos caçadores de novidades. André Luiz manifesta-se como um neófito empolgado pela doutrina, empregando as vezes termos que destoam da terminologia doutrinária e conceitos que nem sempre se ajustam aos princípios espíritas. (...)
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: MarcoALSilva em 26 de Março de 2011, 22:58

Apenas uma opinião:

http://esoestudos.blogspot.com/2009/12/ovoides-perispirito.html
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Hebe M C em 26 de Março de 2011, 23:36
  "Compreendendo-se que a maioria das criaturas, em semelhante posição nos sítios_inferiores quanto este, dormitam em estranhos pesadelos. Registram-nos os apelos, mas respondem-nos, de modo vago, dentro da nova forma em que se segregam, incapazes que são, provisoriamente, de se exteriorizarem de maneira completa, sem os veículos_mais_densos que perderam, com agravo de responsabilidade, na inércia ou na prática do mal. Em verdade, agora se categorizam em conta de fetos ou amebas mentais, mobilizáveis, contudo, por entidades_perversas_ou_rebeladas. O caminho de semelhantes companheiros é a reencarnação na Crosta da Terra ou em setores outros de vida congênere, qual ocorre à semente destinada à cova escura para trabalhos de produção, seleção e aprimoramento. Claro que os Espíritos em evolução natural não assinalam fenômenos dolorosos em qualquer período de transição, como o que examinamos. A ovelha que prossegue, firme, na senda justa, contará sempre com os benefícios decorrentes das diretrizes do pastor; no entanto, as que se desviam, fugindo à jornada razoável, pelo simples gosto de se entregarem à aventura, nem sempre encontrarão surpresas agradáveis ou construtivas."

[96 - páginas 88] - André Luiz



Busquei um trecho na fonte para analisar.

Duas coisas me deixam bastante confusas nestas afirmações de André Luis.

1- O espírito segundo a DE jamais perde o seu perispírito.

2 - O espírito sempre evolui, jamais retroage no máximo estaciona por um tempo mas a força maior o faz seguir adiante.

Como ir deformando e perdendo o o corpo  a ponto de virar um ovóide?

Gisella, respeito muito a sua opinião, até porque trabalha em desobsessão e conheço a sua seriedade, mas não consigo desatar este nó dessa contradição colocada nas explicações.

Um abço Hebe
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Carlos Soares em 27 de Março de 2011, 02:32
                    Cara Amiga Hebe!!


                     Você está 100% correta do ponto de vista doutrinário de que o Espírito jamais regride.  A força maior que o tirará desta inação será a reencarnação compulsória.  O perispírito que está se deformando, é a consciência do Ego atual, que usa só 10% do cérebro encarnado, isso é, apesar de desencarnado sua mente ainda está humanizada e por isso molda o seu períspirito a seu bel prazer, conforme seus sentimentos e seus pensamentos.

                     Podemos ver exemplos de ovóides encarnados em todas as ruas de nossas urbes,vivendo embaixo de viadutos,como andarilhos à beira das estradas e perdidos pelo álcool e as drogas.  Em reportagem do Fantástico ao serem entrevistados, sempre contam estórias de perda de esposa, emprego,traição, abandono da família etc.. Tinham bons empregos, certo nível cultural, falam difícil, mas não suportaram a dor dessas perdas e entraram nesse abandono total da vida, do corpo e vivem nessa idéia fixa do que já foram, mas não conseguem forças psicológicas para se levantarem.

                   Assim vão vivendo, até que uma noite fria de inverno os faz sucumbir, e do outro lado, esse sistema será ainda pior, pois estando em estado espiritual, já não mais estão sujeitos aos cinco sentidos que os obrigavam a interagir com o meio ambiente, fome frio sede sono etc, e sendo o seu novo mundo só moral, tudo o que lhe restará é aquilo que ele acredita ser.

                   Abraço Fraterno!! 
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Hebe M C em 27 de Março de 2011, 03:10
Agora sim, mas não há perda de corpo espiritual.
O espírito que se vê ou se apresenta desta forma.  Completamente sem força e dependente como um parasita. É isso?

Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Carlos Soares em 27 de Março de 2011, 03:31
                 Cara Amiga Hebe!!


                 Esse o grande mote da reencarnação, matar o Ego anterior para dar uma nova chance ao espírito que incorreu em erro,inércia ou egocentrismo, entre outras paixões e ou vícios.

                 Abraço Fraterno!!
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Hebe M C em 27 de Março de 2011, 03:34
 :D É vero
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Carlos Soares em 27 de Março de 2011, 03:47
                    Cara Amiga Hebe!!

                   
                    O fato de ser parasita de outro ou não, não é opcional a esta entidade, mas sim um mau uso que consciências doentias do baixo astral, fazem inserindo essas idéias fixas no campo vibracional de pessoas invigilantes, que suscetíveis a essas influências, acabam adoecendo, do mesmo mal que vitimou essa consciência.

                    Agora, doutrináriamente falando, tudo isso é ilusão. Pois se você está vivendo em uma sintonia de frequência mais alta, podem mandar milhares de ovóides, pois para se fazer luz em um ambiente, basta acender um fósforo, não importa quão grande seja a treva.


                    Abraço Fraterno!!
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: MarcoALSilva em 27 de Março de 2011, 04:12

Um ambiente formado pela sintonia de entes coletivos em precárias condições de conscientização de si mesmos perante a Vida pode levar à formação de um quadro tão aterrador quanto os medos que, desde a infância, foram introjetados.

Imaginam quantos Espíritos desencarnam todos os dias com medo do inferno?
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Carlos Soares em 27 de Março de 2011, 04:54
                   Caro Amigo Marco!!


                   Concordo plenamente contigo, por isso afirmo que é necessário estar vivendo em uma frequência de oscilação acima dessas faixas. Essa é a finalidade do "Orai e Vigiai", em todos os momentos da vida, pois munido dessa consciência você poderá dizer: "Pode vir você e o Satanás e eu ainda te dou quarenta diabinhos de lambuja"

                    Abraço Fraterno!!
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: psi em 27 de Março de 2011, 05:26
Olá amigos.

Assim já pude me manifestar em um outro tópico tomando como base aquilo que já li sobre o tema:


A ovoidização consiste na perda da consciência ativa do espírito, quando o eu consciente desmorona-se completamente, em decorrência de atrozes e insuportáveis sofrimentos, voltando-se sobre si mesmo, anulando-se e perdendo todo o contato com a realidade. A atividade consciente do espírito entra em letargia, refugiando-se nas camadas do subconsciente. O pensamento contínuo se fragmenta e a estrutura perispiritual vai se atrofiando, adquirindo o formato de um ovo, cujas dimensões se aproximam das de um crânio infantil.
 
Há uma correlação entre a letargia consciencial do espírito agindo sobre o corpo espiritual ou perispírito e a inatividade física agindo sobre o nosso corpo físico. Assim, da mesma forma que a inatividade física faz com que a nossa musculatura se atrofie por absoluta ausência de movimento, a ausência absoluta de pensamentos por um longo período faz com que o perispírito se atrofie, chegando a ficar nas dimensões de um crânio infantil. Não esqueçamos, que ao contrário do corpo físico, o perispírito é um corpo elástico que goza de grande plasticidade e que sofre  a ação direta da mente. Se a mente permanece inativa, o perispírito não tem nenhum estímulo, e reage como a nossa musculatura que permanece muito tempo parada, sem um  estímulo externo.
 
Não vejo nenhuma surpresa no processo de ovoidização, já que o nosso perispírito sempre sofre, para reencarnar, um processo de restringimento natural, para que o mesmo se amolde ao zigoto, e possa servir de modelo organizador biológico durante o processo da embriogênese. A ovoidização nada mais é do que um processo de restringimento não natural, motivado pela contração da atividade consciente, ou pela fuga de si mesmo.
 
A ovoidização, portanto, está subordinada aos mesmos princípios da miniaturização ou restringimento, fenômeno a que está submetido o espírito no processo reencarnatório, quando a tecitura plasmática do perispírito, antecedendo a nova descida à carne, sofre uma contração involutiva, retornando aos patamares da evolução biológica, para abraçar um novo óvulo fecundado, transformando as células indiferenciadas no futuro embrião humano. A ovoidização é apenas uma contração ou miniaturização patológica, pois ocorre distante do momento reencarnatório. O espírito em tal condição, não encontrando o reservatório uterino, meio indutor de tal processo, estaciona-se na fase ovóide, restringindo sua consciência às etapas mais elementares da vida biológica.
 
A ovoidização, portanto, é consequência da fuga da realidade, da fuga da vida, quando o espírito, no mundo espiritual, se fecha dentro de si mesmo, deixa de pensar, e não quer mais viver. É como se fosse um suicídio, só que cometido no mundo espiritual. A ovoidização quando se torna irreversível, é um processo incurável no plano espiritual, e somente pode ser revertido em reencarnações expiatórias, quando o espírito reencontra-se com novo ambiente de manifestação físico, e pode refazer o metabolismo do seu consciente. Muitas vêzes, os fetos gerados por espíritos ovoidizados sofrem terríveis malformações congênitas, cujo nascimento, muitas vêzes não chega a vingar.
 

Um abraço


PSI

Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Hebe M C em 27 de Março de 2011, 10:38
Muito boa a  explicação Psi, ficou mais claro agora sobre o ponto de vista do livro.

Mais uma coisa, este  estado tem que ser reversível, não pode haver a perda total e a não possibilidade de recuperação do espírito, porque sendo assim, iria totalmente contra o que a DE fala sobre a evolução obrigatória e não regreção do espírito.

Veja, a doutrina neste ponto afirma que mesmo que os espírito se recuse a evoluir, pode estacionar por um tempo, mas  Deus então atua neste sentido o impulsionando e não há a perda do perispírito. Portanto mesmo estando bem explicado vai totalmente contra a lei Universal.

Livro dos espíritos

Questão 118
Parte Segunda
Progressão dos Espíritos
 
118. Podem os Espíritos degenerar?
 
“Não; à medida que avançam, compreendem o que os distanciava da perfeição. Concluindo uma prova, o Espírito fica com a ciência que daí lhe veio e não a esquece. Pode permanecer estacionário, mas não retrograda.”

FILOSOFIA ESPÍRITA - VOLUME III
 
Questão 118 comentada - Espírito Miramez
CAPÍTULO 16
0118/LE
NÃO HÁ REGRESSÃO
 
"Não há regressão na linha evolutiva do Espírito. O que acontece com um, acontece com todos, no entanto, os caminhos do despertar espiritual são diversos. Ninguém regride na ascensão. O que achamos ser recuo é, pois, ilusão dos nossos sentidos e, certamente, do nosso raciocínio. Deus, sendo onisciente, não iria permitir que algumas almas regredissem e outras não, pois, todos nós saímos da Perfeição Absoluta.
O que achamos ser degeneração é preparo, é ganho de tempo dentro do próprio espaço, para um avanço mais rápido. Poderemos dar um simples exemplo da natureza, pela expressão grandiosa de uma árvore; lançamos a semente no seio da Terra, ela desabrocha, cresce, torna-se um arbusto e nos dá a impressão que estaciona, por não nos mostrar o fruto de imediato; entretanto, ela está se preparando intimamente para o parto de mais vidas. Não era, portanto estacionamento; o silêncio não significa inércia, Assim são as almas; o que interpretamos como estacionamento é preparo para grande avanço É o que se passa com todas as criaturas de Deus.
Ainda não podemos realizar o mesmo que nosso irmão que está na dianteira, por nos faltar experiência, que o tempo ainda não nos conferiu, mas, seremos um dia agraciados, como todos os que nos precederam. Criatura alguma fica órfã da bondade do Criador. O Seu Amor diligencia em todos os rumos, a Sua doação é sem limites para todos os Seus filhos do coração. Podemos comparar, por fraco exemplo, com o sol que nos sustenta a vida na Terra: encarnados e desencarnados são beneficiados pelos seus raios cheios de vida, que não escolhem onde iluminar e a quem beneficiar.
Com relação à regressão da memória, a alma pode passar a viver relembrando fatos do passado, mas não regredindo naquilo que já conquistou na subida espiritual. O estacionamento em que podemos acreditar, se liga ao fato de o Espírito reviver as vidas passadas, ficando preso a elas pelo que fez de mal. Ele é colhido pelas teias magnéticas que teceu para os outros, na influência do ódio, do orgulho, do egoísmo e da vingança, entrementes, aquele sol, que começou a nascer em sua consciência pela força do tempo e pelas bênçãos de Deus, nunca se apagará. Pode-se dizer que a regressão é psicológica e que o estacionamento é ilusório.
A alma é imortal e os valores espirituais despertados nela, e dela, cada vez mais crescem na extensão infinita de seu roteiro. Nós todos fomos criados para a felicidade. Mesmo que quiséssemos viver eternamente no mal, as próprias leis universais não permitiriam, e desde quando conhecemos o bem, nele permanecemos, sem pensar em outro caminho, porque é somente nele, tomado de Amor, que se encontra a felicidade, céu que se instala no coração alimentado pela consciência limpa, a nos conduzir para todos os céus, fora de nós. Mesmo que as aparências nos induzam a pensar em regressão, a verdade é outra; estamos sempre subindo para a luz, no silêncio de Deus."
 

Um abço
Hebe
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Carlos Soares em 27 de Março de 2011, 13:18
                    Cara Amiga Hebe!!

                    Depois da morte, a consciência flutua no nível de desmaterialização que conseguiu atingir enquanto encarnada, a perda do corpo de carne não soma a si nenhum novo poder.   

                    Assim sendo, estamos aqui a falar do espírito eterno,(90% do cérebro encarnado) o subconsciente e do espírito humanizado(10% do cérebro encarnado) o consciente.

                    O espírito eterno nunca perde nada com as peripécias do seu Ego encarnado.


                    Abraço Fraterno!!
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Hebe M C em 27 de Março de 2011, 13:24
Pois é,
Como fica essa explicação dada que o espírito retroage e se torna irrecuperável, ou suicídio   espiritual?  ???
O espírito é eterno vai se libertando de acordo com seu nível de consciência até chegar a luz suprema.

Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Hebe M C em 27 de Março de 2011, 16:33
Sem desmerecer qualquer comunicação de André Luis e o seu grande trabalho junto a Chico Xavier, médium este que considero um exemplo para Espiritismo.
Mas continuo pensando da seguinte forma, se um Espírito faz uma comunicação temos que entendê-la a luz da DE até que seja confirmada.
A Codificação é a base, se consideram outros espíritos como obra complementar do que os Espirítos Superiores ditaram na DE, essas obras não podem tirar o pilar de sustentação, não podem contrariar as Leis Universais ali expressas e sim somar mais um andar nessa grande construção. Portanto vejo da seguinte forma, esses espíritos neste estado degradante ainda estão em evolução, não ficaram desta forma por auto destruição,porque não há retrocesso, não existe vampirismo na DE a obsessão se dá por influência mental, através do pensamento, assim mesmo se o obsediado tiver consedido. Nada de sugadores de fluídos .
Talvez André tenha explicado pelo seu raciocíno e modo de ver o que ocorria.

Podem discordar e me explicar da forma que entendam diferente de mim.
Isso é um estudo. Vamos em frente.
Um abço
Hebe


Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: season em 27 de Março de 2011, 16:49
  "Compreendendo-se que a maioria das criaturas, em semelhante posição nos sítios_inferiores quanto este, dormitam em estranhos pesadelos. Registram-nos os apelos, mas respondem-nos, de modo vago, dentro da nova forma em que se segregam, incapazes que são, provisoriamente, de se exteriorizarem de maneira completa, sem os veículos_mais_densos que perderam, com agravo de responsabilidade, na inércia ou na prática do mal. Em verdade, agora se categorizam em conta de fetos ou amebas mentais, mobilizáveis, contudo, por entidades_perversas_ou_rebeladas. O caminho de semelhantes companheiros é a reencarnação na Crosta da Terra ou em setores outros de vida congênere, qual ocorre à semente destinada à cova escura para trabalhos de produção, seleção e aprimoramento. Claro que os Espíritos em evolução natural não assinalam fenômenos dolorosos em qualquer período de transição, como o que examinamos. A ovelha que prossegue, firme, na senda justa, contará sempre com os benefícios decorrentes das diretrizes do pastor; no entanto, as que se desviam, fugindo à jornada razoável, pelo simples gosto de se entregarem à aventura, nem sempre encontrarão surpresas agradáveis ou construtivas."

[96 - páginas 88] - André Luiz



Busquei um trecho na fonte para analisar.

Duas coisas me deixam bastante confusas nestas afirmações de André Luis.

1- O espírito segundo a DE jamais perde o seu perispírito.

2 - O espírito sempre evolui, jamais retroage no máximo estaciona por um tempo mas a força maior o faz seguir adiante.

Como ir deformando e perdendo o o corpo  a ponto de virar um ovóide?

Gisella, respeito muito a sua opinião, até porque trabalha em desobsessão e conheço a sua seriedade, mas não consigo desatar este nó dessa contradição colocada nas explicações.

Um abço Hebe


Pelo que aqui li, em nada vejo que André Luiz tenha dito que os espíritos tenham perdido o perispírito ou que tenham retrocedido em termos evolutivos.
Temos que ver que temos ainda um conhecimento muito pouco global para podermos "julgar" o que escreveram. Se não estivermos preparados para aceitar, façamos o que Kardec nos aconselhou: "Mais vale rejeitar dez verdades do que admitir uma única mentira”. Isto sem dizer que André Luiz ou Xico Chavier ou ainda Emmanuel estejam errados.
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: psi em 27 de Março de 2011, 17:12
... este  estado tem que ser reversível, não pode haver a perda total e a não possibilidade de recuperação do espírito, porque sendo assim, iria totalmente contra o que a DE...

... não há a perda do perispírito...

Olá Hebe

Veja a amiga que o processo de ovoidização sempre será reversível. A maneira de reverter esse processo se dará através da reencarnação, quando o espírito volta à realidade e recompõe a sua forma humana, voltando a interagir com o corpo físico.

Em nenhum momento há a perda do perispírito. O que existe, como disse, é uma contração involuntária ou patológica a partir da fuga da realidade e da ausência de pensamento. A contração ou miniaturização do perispírito é um processo natural que sempre se dá durante a reencarnação do espírito, processo esse necessário para que o mesmo se amolde ao zigoto e aja como organizador das células físicas recém-formadas atuando sobre cada uma delas na migração e diferenciação das mesmas durante a embriogênese.

O espírito nunca retroage. Nesse caso , ele apenas estaciona num estágio de completa inatividade mental num mecanismo de fuga da realidade e isso tem uma ação direta no processo de ovoidização. Segundo relatam os autores espirituais, a ovoidização não ocorre de uma hora para outra. Ele é um processo lento que vai se configurando quanto mais o espírito vai perdendo a sua atividade mental em busca da fuga da realidade. A ovoidização é um estado patológico do espírito e que tem reflexos sobre o seu corpo espiritual. A partir de um certo estágio de contração, a ovoidização torna-se irreversível no plano espiritual. Todavia, sempre que o espírito tem a oportunidade de reencarnar, a volta da consciência ativa e da atividade mental faz com que o processo seja revertido. Espera-se que esse espírito ao desencarnar novamente, enfrente a sua realidade, por mais dura que seja, evitando novamente a perda da sua consciência ativa e um novo risco de ovoidização.


Um abraço


PSI 


P.S. Amiga Hebe, a ovoidização ou miniaturização patológica, assim como a miniaturização reencarnatória ou natural são processos que não constam na doutrina espírita, todavia são muitos os relatos de autores espirituais  que eu reputo como confiáveis a mencionar tal processo. São muitos e também confiáveis os médiuns clarividentes que relataram ter tido a visão do perispírito em tal estágio, seja durante o processo reencarnatório, seja durante a erraticidade do espírito.     
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Hebe M C em 27 de Março de 2011, 17:32
  "Compreendendo-se que a maioria das criaturas, em semelhante posição nos sítios_inferiores quanto este, dormitam em estranhos pesadelos. Registram-nos os apelos, mas respondem-nos, de modo vago, dentro da nova forma em que se segregam, incapazes que são, provisoriamente, de se exteriorizarem de maneira completa, sem os veículos_mais_densos que perderam, com agravo de responsabilidade, na inércia ou na prática do mal. Em verdade, agora se categorizam em conta de fetos ou amebas mentais, mobilizáveis, contudo, por entidades_perversas_ou_rebeladas. O caminho de semelhantes companheiros é a reencarnação na Crosta da Terra ou em setores outros de vida congênere, qual ocorre à semente destinada à cova escura para trabalhos de produção, seleção e aprimoramento. Claro que os Espíritos em evolução natural não assinalam fenômenos dolorosos em qualquer período de transição, como o que examinamos. A ovelha que prossegue, firme, na senda justa, contará sempre com os benefícios decorrentes das diretrizes do pastor; no entanto, as que se desviam, fugindo à jornada razoável, pelo simples gosto de se entregarem à aventura, nem sempre encontrarão surpresas agradáveis ou construtivas."

[96 - páginas 88] - André Luiz



Busquei um trecho na fonte para analisar.

Duas coisas me deixam bastante confusas nestas afirmações de André Luis.

1- O espírito segundo a DE jamais perde o seu perispírito.

2 - O espírito sempre evolui, jamais retroage no máximo estaciona por um tempo mas a força maior o faz seguir adiante.

Como ir deformando e perdendo o o corpo  a ponto de virar um ovóide?

Gisella, respeito muito a sua opinião, até porque trabalha em desobsessão e conheço a sua seriedade, mas não consigo desatar este nó dessa contradição colocada nas explicações.

Um abço Hebe


Pelo que aqui li, em nada vejo que André Luiz tenha dito que os espíritos tenham perdido o perispírito ou que tenham retrocedido em termos evolutivos.
Temos que ver que temos ainda um conhecimento muito pouco global para podermos "julgar" o que escreveram. Se não estivermos preparados para aceitar, façamos o que Kardec nos aconselhou: "Mais vale rejeitar dez verdades do que admitir uma única mentira”. Isto sem dizer que André Luiz ou Xico Chavier ou ainda Emmanuel estejam errados.
Falei que estão errados ou disse que não compreendi a luz da DE?
Não é julgamento e sim pedido de explicação. Só isso, não comece discurso em defesa de Chico e André ou de ortodoxia que não é o caso porque se não o estudo descamba e perde o objetivo.
Fique em paz
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Hebe M C em 27 de Março de 2011, 17:39
... este  estado tem que ser reversível, não pode haver a perda total e a não possibilidade de recuperação do espírito, porque sendo assim, iria totalmente contra o que a DE...

... não há a perda do perispírito...

Olá Hebe

Veja a amiga que o processo de ovoidização sempre será reversível. A maneira de reverter esse processo se dará através da reencarnação, quando o espírito volta à realidade e recompõe a sua forma humana, voltando a interagir com o corpo físico.

Em nenhum momento há a perda do perispírito. O que existe, como disse, é uma contração involuntária ou patológica a partir da fuga da realidade e da ausência de pensamento. A contração ou miniaturização do perispírito é um processo natural que sempre se dá durante a reencarnação do espírito, processo esse necessário para que o mesmo se amolde ao zigoto e aja como organizador das células físicas recém-formadas atuando sobre cada uma delas na migração e diferenciação das mesmas durante a embriogênese.

O espírito nunca retroage. Nesse caso , ele apenas estaciona num estágio de completa inatividade mental num mecanismo de fuga da realidade e isso tem uma ação direta no processo de ovoidização. Segundo relatam os autores espirituais, a ovoidização não ocorre de uma hora para outra. Ele é um processo lento que vai se configurando quanto mais o espírito vai perdendo a sua atividade mental em busca da fuga da realidade. A ovoidização é um estado patológico do espírito e que tem reflexos sobre o seu corpo espiritual. A partir de um certo estágio de contração, a ovoidização torna-se irreversível no plano espiritual. Todavia, sempre que o espírito tem a oportunidade de reencarnar, a volta da consciência ativa e da atividade mental faz com que o processo seja revertido. Espera-se que esse espírito ao desencarnar novamente, enfrente a sua realidade, por mais dura que seja, evitando novamente a perda da sua consciência ativa e um novo risco de ovoidização.


Um abraço


PSI 


P.S. Amiga Hebe, a ovoidização ou miniaturização patológica, assim como a miniaturização reencarnatória ou natural são processos que não constam na doutrina espírita, todavia são muitos os relatos de autores espirituais  que eu reputo como confiáveis a mencionar tal processo. São muitos e também confiáveis os médiuns clarividentes que relataram ter tido a visão do perispírito em tal estágio, seja durante o processo reencarnatório, seja durante a erraticidade do espírito.     
Oi PSi, entendi, talvez eu tenha confundido com uma palestra que assisti onde o palestrante citou a perda do perispírito como causa deste processo. Isso me deixou encafifada porque contraria a DE.
Entenda bem, tudo que acrescente não sou absolutamente contra, só não pode é contradizer a DE ou restar alguma dúvida , esse foi o meu ponto para pedir uma explicação melhor.
Sempre me reporto a DE quando leio ou escuto qualquer palestra, se há dúvida procuro esclarecer antes de negar, senão seria seria fé cega. Outros estudos virão, muitos já vieram e eu continuei insatisfeita ou me satisfiz inclusive em estudos de outras doutrinas.
Um abço obrigada pela explicação.
Hebe
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: season em 27 de Março de 2011, 17:46
Hebe, nem eu estava a dizer o contrário. Por isso "julgar" está entre aspas!
O que queria ressaltar era mesmo o ensinamento dos espíritos: "Mais vale rejeitar dez verdades do que admitir uma única mentira” e que ainda temos muito para aprender aqui e no outro plano quando lá chegarmos.
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Lucazan em 27 de Março de 2011, 19:48
250 Sendo as percepções atributos próprios do Espírito, pode deixar de usá-las?

– O Espírito só vê e ouve o que quer. Isso de uma maneira geral e, sobretudo, para os Espíritos elevados. Já em relação aos que são imperfeitos, queiram ou não, ouvem e vêem freqüentemente aquilo que pode ser útil a seu adiantamento.

Os espíritos sempre estarão em busca de aperfeiçoamento ou estagnados em alguma pertubação.

Eles vêem e ouvem o que querem, ou seja, eles vivem da forma que querem viver, dentro de seus estados de consciência, mas sempre terão a oportunidade de se arrepender, quando auxiliados por espíritos mais evoluídos.

Perda de perispirito? Nunca, sempre estaremos envolvidos pelo fluído próprio do planeta. Damos a aparência que quisermos ao perispirito, isso de forma consciente ou não.
Vampirismo? A unica necessidade que os espíritos tem é a de evoluir, o resto é pertubação, ou será que o espírito se alimenta de alguma coisa? Ainda somos muito ignorantes para enxergarmos a verdadeira realidade ao qual fazemos parte.
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Hebe M C em 27 de Março de 2011, 20:13
Luca,
Segundo a explicação do Psi, há a atrofia do perispirito por falta de ação do espírito. Não é perda.
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: psi em 27 de Março de 2011, 20:22
...FILOSOFIA ESPÍRITA - VOLUME III
Questão 118LE  comentada - Espírito Miramez

Olá Hebe

Tenho percebido que a amiga gosta da obra " Filosofia Espírita vol. 1 a 20 " de Miramez.

Eu particularmente tenho em grande conceito esse autor espiritual, assim como o médium através do qual esse espírito se manifestou ( João Nunes Maia ).

Para quem se interessar, a obra " Filosofia Espírita vol. 1 a 20" de autoria de Fernando Miramez, onde o autor comenta uma a uma as respostas do Livro dos Espíritos, podem ser visualizadas através do link:  http://www.olivrodosespiritoscomentado.com

Aproveitando a oportunidade, recomendo a leitura tanto para a amiga Hebe quanto para os demais amigos foristas daquele que considero o melhor romance espírita que já li:
" Francisco de Assis " - Fernando Miramez  pelo médium João Nunes Maia.

Um grande abraço a todos,


PSI
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Cesar Arruda em 27 de Março de 2011, 20:25
•   O LIVRO DOS ESPÍRITOS
•   DA PLURALIDADE DAS EXISTÊNCIAS
•   TRANSMIGRAÇÕES PROGRESSIVAS
190. Qual o estado da alma na sua primeira encarnação?
“O da infância na vida corporal. A inteligência então apenas desabrocha: a alma se ensaia para a vida.”
191. As dos nossos selvagens são almas no estado de infância?
“De infância relativa, pois já são almas desenvolvidas, visto que já nutrem paixões.”
a) — Então, as paixões são um sinal de desenvolvimento?
“De desenvolvimento, sim; de perfeição, porém, não. São sinal de atividade e de consciência do eu, porquanto, na alma primitiva, a inteligência e a vida se acham no estado de gérmen.”

(COMENTÁREIO DE KARDEC): A vida do Espírito, em seu conjunto, apresenta as mesmas fases que observamos na vida corporal. Ele passa gradualmente do estado de embrião ao de infância, para chegar, percorrendo sucessivos períodos, ao de adulto, que é o da perfeição, com a diferença de que para o Espírito não há declínio, nem decrepitude, como na vida corporal; que a sua vida, que teve começo, não terá fim; que imenso tempo lhe é necessário, do nosso ponto de vista, para passar da infância espírita ao completo desenvolvimento; e que o seu progresso se realiza, não num único mundo, mas vivendo ele em mundos diversos. A vida do Espírito, pois, se compõe de uma série de existências corpóreas, cada uma das quais representa para ele uma ocasião de progredir, do mesmo modo que cada existência corporal se compõe de uma série de dias, em cada um dos quais o homem obtém um acréscimo de experiência e de instrução. Mas, assim como, na vida do homem, há dias que nenhum fruto produzem, na do Espírito há existências corporais de que ele nenhum resultado colhe, porque não as soube aproveitar.
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Hebe M C em 27 de Março de 2011, 20:26
Psi

Gosto sim, muito.

Um abço
Hebe
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Cesar Arruda em 27 de Março de 2011, 20:31
“...Claro que os Espíritos em evolução natural ***** não assinalam ***** fenômenos dolorosos ***** em qualquer período de transição ***** , como o que examinamos. A ovelha que prossegue, firme, na senda justa, contará sempre com os benefícios decorrentes das diretrizes do pastor; no entanto, as que se desviam, fugindo à jornada razoável, pelo simples gosto de se entregarem à aventura, nem sempre encontrarão surpresas agradáveis ou construtivas."...
. [Libertação -André Luiz – pág 88 - André Luiz]
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: season em 27 de Março de 2011, 21:02
250 Sendo as percepções atributos próprios do Espírito, pode deixar de usá-las?
Vampirismo? A unica necessidade que os espíritos tem é a de evoluir, o resto é pertubação, ou será que o espírito se alimenta de alguma coisa? Ainda somos muito ignorantes para enxergarmos a verdadeira realidade ao qual fazemos parte.

Neste caso estamos a falar de espíritos que ainda têm um perispírito muito materializado e, assim sendo, sim necessitam de alimentos.
Só com a sua evolução aprenderá a receber energia de outras fontes.
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Hebe M C em 27 de Março de 2011, 21:23
Gente vamos lá de memória se eu errar me corrijam.
O que é espírito na erraticidade? São todos aqueles que ainda não chegaram ao mais alto nível da escala dos espíritos e tem necessidade de uma nova reencarnação.
Aonde ficam? em mundos transitórios ou pululam entre nós, ou seja por todo o Universo.
Os mundos transitórios são estéreis, ou seja, imateriais porque os que lá habitam não precisam de nada material, essa questão deve estar lá pelo número 1010 ou 1012 no LE.
Um abço
Hebe
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Hebe M C em 27 de Março de 2011, 21:44
Olha o que se fala de vampirização através dos ovóides.

" Estágio de degradação a que chegam certos espíritos sofredores-obsessores. O espírito, ligado ao obsediado, de maneira intrínseca no seu afã de prejudicar, adquire uma forma ovóide assemelhando-se á um ovo de consistência indefinida que se "cola" no corpo de seu alvo distorcendo-lhe pensamentos, opiniões e agindo incessantemente para lhe proporcionar toda sorte de infortúnios. A ligação de um obsessor ao obsediado no nível de ovóide, apesar de não muito freqüente, acontece mais do que se imagina. Ela ocorre quando há uma ligação cármica de dois espíritos em um nível avançadíssimo. Sob vidência, um indivíduo sofrendo a ação de um ovóide aparece com uma "massa" humana colada ao corpo, geralmente nas costas ou na região do abdome. Um ovóide, além da obsessão psicológica propiamente dita, age, drenando as forças do obsidiado a nível de levá-lo á morte. No trabalho de desobsessão se faz possível subtrair um ovóide de uma pessoa, apesar da grande dificuldade e das inúmeras sessões a serem realizadas, mas há casos de fracasso ao término de anos de sessões. O que mostra o nível de ligação entre perseguidor e perseguido."

 http://www.espirito.org.br/portal/doutrina/vocabulario/letra-o.html
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: psi em 27 de Março de 2011, 23:16
Olá Hebe,

O fator de ovoidização perispiritual é a fuga da realidade, onde o espírito deixa de viver a sua realidade espaço- temporal e isso pode ocorrer por vários motivos.

No livro " Ícaro Redimido", quando o espírito Adamastor vai resgatar o espírito de Santos Dumont de regiões inferiores, esse já se encontrava em um processo de ovoidização, mas ainda em um estágio de contração perispiritual reversível. Nesse caso específico, a imagem rememorada constantemente do seu suicídio fez com que Santos Dumont se fechasse em torno de si mesmo fugindo da realidade e do convívio com os outros espíritos que se encontravam no mesmo padrão vibratório. Se continuasse por muito mais tempo nesse estado, por certo seu perispírito entraria num ciclo de contração irreversível no plano espiritual, só recuperando a forma humana na sua próxima encarnação.

Outros espíritos há que chegam a esse estágio de letargia consciencial ou monoideismo, como chama André Luiz, em função de uma idéia fixa de vingança em relação a algum espírito, seja encarnado ou desencarnado. Se esse sentimento for tão forte a ponto do espírito perder o contato com a sua realidade espaço-temporal, pode também deflagrar um processo de ovoidização. Veja que isso não quer dizer que todo obsessor se torne um ovóide. Há obsessores que não obstante mantenham o sentimento de vingança em relação à suas vítimas, não perdem o contato com a realidade que está a sua volta e com outros espíritos com os quais se comunica. Em resumo, há obsessores ovoidizados e obsessores que mantém o seu perispírito na forma humana.

Lembrando do espírito Miramez, segue abaixo um trecho do livro "Iniciação-Viagem Astral"
onde Miramez esclarece ao espírito Lancellin:

Miramez respondeu-me, calmamente:
— Lancellin, há casos em que o ódio e a vingança distorcem a vida no seu natural, complicando a situação de quem gerou essas dissonâncias. Até o seu corpo astral está atrofiado e se ele continuar alimentando ódio aqui e no plano espiritual quando desencarnar, ao voltar da vida na carne, perderá a sua aparência perispiritual e tomará a forma de ovóide, embotando por completo a consciência, e a sua recuperação poderá gastar milênios incontáveis.
(Iniciação Viagem Astral - Lancellin -João Nunes Maia)



Um abraço


PSI

         
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Hebe M C em 27 de Março de 2011, 23:42
 :D ok, Psi,
Muito obrigado pelas respostas.
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Gisella em 28 de Março de 2011, 16:33
Olá, amiga Hebe...

Peço perdão pela demora em responder, mas cheguei de viagem no sábado e as coisas me atropelaram...  :D

Mas, acredito que tudo o que eu postaria, o amigo Psi respondeu com argumentos muito mais esclarecedores que eu poderia colocar.

Sei o quanto este assunto é controverso, que muitos não aceitam este assunto por Kardec não ter citado nas OB.

Porém, o que mais posso dizer, o que mais poderia colocar, como já o fiz, é pela experiência em desobsessão. Muito do que ocorrem nestas atividades mediúnicas, não estão mencionadas em OLM, mas nem por isso são menos verdadeiras, posto que Kardec já havia mencionado a progressão da DE.

Assino em baixo de todos os tópicos postados pelo Psi.

Mas, vou pesquisar mais algumas coisas e, assim que conseguir, postarei por aqui, ok?

Abraços sempre fraternos,

Gisella  ;)
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Mourarego em 28 de Março de 2011, 19:43
Amigos,
segundo a DE, que é a única fonte confiável, não existem ovóides.
Nenhum Espírito pode ter alterado seu perispírito.
Nenhum Espírito poderá perder seu perispírito.
Esta a doutrina.
Abraços,
Moura
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Hebe M C em 28 de Março de 2011, 22:09
Oi Gisella muito obrigada pela resposta.
Você tem razão o assunto é um tanto quanto controverso.
Não sou medium vidente, portanto não tenho a sua prática em desobsessão.
Respeito muito o que você fala, saiba disto.
Fico analisando e pensando como um espírito chega a tal ponto, é difícil entender, creia.
Psi citou o resgate Santos Dumond, espírito de uma inteligencia incrível, porém podemos calcular a sua baixo auto estima em vista do seu suicídio, quem pode sequer imaginar o que ia em seu íntimo para chegar a tal ponto? Ninguém.
Voltando a DE os espíritos manipulam o FCU e se apresentam da forma como se sentem ou com a mesma semelhança que tinham em vida para serem reconhecidos, mas diz também que às vezes tamanho o seu atraso , se apresentam como figuras horrendas, verdadeiros monstros, e que alguns nem percebem que manipulam o próprio corpo. Tudo depende do nível de consciência do espírito. Daí a se imaginarem em verdadeiros infernos, e lugares tenebrosos.
No caso dos ovóides, pelo o que eu entendi, é a falência total da capacidade de se comunicar ou se expressar, se transformam em verdadeiros parasitas.
Meu Deus, isso é forte demais, ainda mais partindo  de espíritos que já conviveram na terra, estabeleceram vínculos afetivos, no caso de Santos Dumond, foi brilhante em sua profissão, revolucionou o mundo com sua invenção.
Quando li há muito tempo atrás sobre os ovóides , li como ficção. Vou reler e qualquer dúvida que eu tenha, por favor me perdoe, mas eu vou perguntar, ok?
Um abço
Hebe
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Gisella em 29 de Março de 2011, 00:02
Oi, Hebe....

Realmente a gente não tem ideia do que ocorre no mundo espiritual.

O Ser que se deixa envolver pelo ódio, pela monoideia, vive em um círculo vicioso. E é esse círculo vicioso que o faz contrair o seu perispírito, mostrando-se nessa forma ovóide.

É muito triste, para quem trabalha em desobsessão, ver esses irmãos. Mas, a Bondade Divina está em toda parte e, no momento apropriado, são resgatados e tratados até conseguirem uma oportunidade para a reencarnação onde vão, através deste processo, retomando novamente sua forma original, pois não perdem as suas conquistas, por isso não regridem, apenas sua forma se modifica.

E quanto à vampirização, muitos são usados, sim, como obsessores. E este é outro assunto controverso. Há uma troca fluídica muito grande entre o "hospedeiro" (obsediado) e o "parasita" (ovóide obsessor), fazendo com que essa troca, normalmente, prejudique o mais frágil, que, no caso, é o "hospedeiro".

Muitos destes irmãos são manipulados por mentes voltadas ao mal extremo, verdadeiros senhores de "redutos".

Mas, como sabemos, cada qual recebe aquilo que lhe convém. Se estamos voltados para o bem, nos esforçando para evoluir, vigiando e orando, como nos alertou Jesus, tudo fica muito mais claro e podemos ajudar e nos ajudar a não cair nessas malhas.

Sei que muitos irão me contradizer, irão contra a experiência, mas o que posso fazer?? Deixar de citar o que a experiência nos mostra todos os dias??

Já é hora de ajudarmos as equipes espirituais, fazendo a nossa parte, ou seja, procurando entender aquilo que ainda não entendemos, nos aprimorando no trato das obsessões graves, pois esses irmãos nossos precisam de nossos fluidos ainda materializados para perceberem seus estados.

E, amiga, se eu puder ajudar com algo mais, sabe que estou aqui... estamos aprendendo uns com os outros, basta que, para isso, abramos os nossos corações e nossas mentes e tenhamos humildade suficiente para percebermos que "só sabemos que nada sabemos".

Abraços sempre com carinho,

Gisella  ;)
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Lucazan em 29 de Março de 2011, 04:05

Voltando a DE os espíritos manipulam o FCU e se apresentam da forma como se sentem ou com a mesma semelhança que tinham em vida para serem reconhecidos, mas diz também que às vezes tamanho o seu atraso , se apresentam como figuras horrendas, verdadeiros monstros, e que alguns nem percebem que manipulam o próprio corpo. Tudo depende do nível de consciência do espírito. Daí a se imaginarem em verdadeiros infernos, e lugares tenebrosos.
No caso dos ovóides, pelo o que eu entendi, é a falência total da capacidade de se comunicar ou se expressar, se transformam em verdadeiros parasitas.


A D.E. se resume nisto. Para os espíritos, o que eles vivem é a mais pura realidade. No caso dos ovídes, esses espíritos modelam o seu perispirito ao ponto dos relatos, mas o que é mesmo o perispirito? Até onde eu sei é apenas FCU próprio do orbe em que o espírito se encontra. Nada mais do que isto.

Também trabalho em desobsessão e não me deixo levar com as história contadas pelos espíritos, ouço e oriento com base na D.E. e eles acabam se retendo e vêem a sua verdadeira realidade espiritual.

Os espíritos tem um poder muito grande de manusear a matéria/fluido e criam as mais variadas coisas. Se deixarmos envolver por esses relatos, nosso espírito entra na mesma sintonia vibracional deles e passamos a ver a realidade em que eles vivem.

Esses ovóides são espíritos tão ignorantes que são usados por outros espíritos inferiores em conhecimento moral, mas não em intelectual. São como escravos nas mão deles.

Em meu entendimento é uma questão mal compreendida e mal explicada.
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Hebe M C em 29 de Março de 2011, 09:48
Outra contrariedade, já citei, é o vampirirsmo.
Obsessão de dá por indução mental, através do  envolvimento do perispírito,o obsessor se apodera do pensamento do obsediado chegando até a possessão, mas na DE não fala em sugar fluido vital. Temos que respeitar os médiuns que trabalham nesta linha.
Não tenho essa vivência, não sou medium vidente. Sempre neste âmbito me baseio na parte teórica da DE. E fundamento as minhas dúvidas pelo o que eu estudei.
O obsessor pode induzir o obsediado, há uma tristeza ou ódio profundos, pode induzí-lo a não se alimentar, ou a continuar em vícios que já tenha, como se drogar cada vez mais, fazer sexo cada vez mais a ponto de desvanecer ou chegar a uma doença como anorexia ou degradação moral, que pode levá-lo a morte. Mas não sugá-lo em termos físicos retirando  dele qualquer substância seja  de que natureza for.
O termo vampirismo a meu ver é uma força de expressão para mostrar o domínio do obsessor sobre a sua vítima. Como se diz, " Fulano sugou minhas forças tamanho seu estado de odio e energia pesada". Realmente tem pessoas depressivas ou raivosas que nos descompensam, imagina isso a nível espiritual, que os seres estão libertos do corpo para agirem.
Bem, vamos continuar com o tema, cada um expondo seu ponto de vista e suas vivências.
Lucazan, por enquanto estamos pensando dentro da mesma linha, mas toda informação é válida para esclarecimento do tema.

Gisa minha amiga continuaremos conversando a respeito numa boa ok?  ;)
Vou trabalhar agora, mais tarde leio as respostas

Um bjo
Hebe

PS: Você sabe como me encontrar, qualquer coisa comunique-se  ;)
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Mourarego em 29 de Março de 2011, 14:48
O que é um ovóide, gente?
Um Espírito que tem tal grau de comprazimento com o mal que por isso, diz a explicação não doutrinária, perde seu corpo perispiritual.
Ora, a DE nos informa que em momento algum um Espírito perde seu perispírito.
Informa mais, afirma que a forma como o Espírito se apresenta é sempre a humana, logo, qualquer modificação é trazida quando o Espírito quer assustar alguém, pela modificação que dá ele ao seu perispírito pois é este a que vemos e não ao Espírito propriamente dito.
Assim, as formas animalescas são modificações perispirituais, tidas a penas quando se querem apresentar e não por modificação oriundo de qualquer outra coisa.
Amigos, para terminar, um ovóide, sendo apenas uma modificação perispiritual, não pode se tornar, por esta causa, um obsessor pois o perispírito não pensa e não age.
Devemos ter como confiáveis apenas as informações contidas na De senão não se vai, nunca compreender isso.
Abraços,
Moura
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: lineu em 29 de Março de 2011, 18:37
Citação de: Lucazan, em #48
Esses ovóides são espíritos tão ignorantes que são usados por outros espíritos inferiores em conhecimento moral, mas não em intelectual. São como escravos na mão deles.

Por óbvio, o Espírito que animou a pessoa de Santos Dumont não se enquadra no perfil indicado na citação acima.

Parece, pois, que só isso basta para julgar o descrédito do livro “Ícaro Redimido”, tanto quanto do seu autor.

Deploravelmente, a literatura dita psicografada não está imune à mistificação e ao charlatanismo gerador de crendices.
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Lucazan em 30 de Março de 2011, 00:07
Quem de nós, pode julgar o que realmente encontra-se nos corações das pessoas, ou melhor dizendo, nas mentes/consciências de cada espírito encarnado. As vezes procuramos esconder de nós mesmo algumas atitudes e pensamentos nossos.

Procuro não julgar ninguém e dou fé absoluta a ninguém. Em meu entendimento, nem Jesus era perfeito.

Mas o que realmente acontece com todas essa literatura espírita? Esses espíritos apenas relatam a pertubação em que se encontram ou se encontravam. Devemos analisar todas as comunicações com a razão que a doutrina pura nos dá. Somente através dela saberemos o quem realmente esses espíritos passam ou passaram. Não podemos esquecer que os espíritos tem um poder muito grande e mesmo inconscientes criam diversas situações ilusórias e agrupam-se com outros espíritos afins, por isso tantas informações aparentemente contraditórias à D.E., mas que se tornarmos o cuidado aos analisar-las, veremos que apenas são mal compreendidas e mal explicadas.
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Hebe M C em 30 de Março de 2011, 00:30
Oi Luca,
Não há julgamento, o que existe é apenas estudo da situação horrenda desses espíritos, e procuramos buscar na DE explicação para tal fenômeno.
Muitas narrativas dos Espíritos são feitas com palavras e analogias para que possamos entender seu estado.
Já disse respeito Chico Xavier e o Espírito André Luis.
O Psi, a meu ver é a melhor pessoa por aqui para explicar sobre FCU e perispirito. A Gisella é medium ativa, séria e muito respeitada.
Vamos lendo ou citando a DE e comparando com o que falam sobre ovoide para ver se chegamos a um denominador comum.
Um abço
Hebe
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: pati em 09 de Abril de 2011, 16:56
Citar
Oque não compreendo também é a nescesidade de afastamento dos mediuns nestes casos.

Bons dias a todos!
Encontrei esse estudo e achei muito interessante...Bem sabemos que na codificação não encontraremos instruções sobre isso. Mas creio que Casas sérias, estudantes e aprendizes voltados para o aprendizado espiritual, com bases doutrinárias, nos trazem informações práticas de fatos muito interessantes, inusitados.

O que destaquei, por enquanto, foi o que mais me chamou atenção. Foi uma das primeiras orientações recebidas por nós, no grupo de estudos e educação mediúnica: a Casa Espírita é refúgio, escola, hospital. "Os sãos não precisam de remédio"... Se não for na Casa que estamos estudando, exercitando, onde iremos buscar e receber auxílio pra nós, nossa família e convivas??? Porquê repelir o (s) obsidiado(s) se é na Casa espírita que encontrarão auxílio, orientação, conforto e esclarecimento? Sem falar nos obsessores, que podemos ser nós mesmos, em algum momento...
Vou continuar a ler as postagens e retornarei em breve...
Abraços fraternos a todos
pati


Estejamos em Deus
Título: Re: Esclarecimentos sobre Ovóides
Enviado por: Lucazan em 09 de Abril de 2011, 21:05
Caros Amigos,

Querida Pati,

Nós estamos em processo de aprendizagem ainda, somo ignorantes cada espírito só ver e ouve o que quer. Acreditamos nas coisas que nos fazem bem ao nosso ego.

A maioria dos espíritos acreditam fielmente nas comunicações dos espíritos, ficam maravilhadas com as coisas do além, e se esquecem de usar a razão que a DE dá.

Analise a questão abaixo e tire a sua própria conclusão sobre o tema que você trouxe.

LM item 254 / 7ª
7ª Que se deve pensar dos que, vendo um perigo qualquer no Espiritismo, julgam que o meio de preveni-lo seria proibir as comunicações espíritas?

"Se podem proibir a certas pessoas que se comuniquem com os Espíritos, não podem impedir que manifestações espontâneas sejam feitas a essas mesmas pessoas, porquanto não podem suprimir os Espíritos, nem lhes impedir que exerçam sua influência oculta. Esses tais se assemelham às crianças que tapam os olhos e ficam crentes de que ninguém as vê. Fora loucura querer suprimir uma coisa que oferece grandes vantagens, só porque imprudentes podem abusar dela. O meio de se lhe prevenirem os inconvenientes consiste, ao contrário, em torná-la conhecida a fundo."