Forum Espirita

GERAL => Mensagens de Ânimo => Tópico iniciado por: Det's me!... em 17 de Junho de 2005, 19:23

Título: EMBALADO NOS BRAÇOS ETERNOS
Enviado por: Det's me!... em 17 de Junho de 2005, 19:23
Muita Paz!

EMBALADO NOS BRAÇOS ETERNOS
 
Num certo sentido, somos sempre crianças. Na infância embalaram-nos para adormecer os braços amorosos de nossa mãe.  De maneira idêntica podemos estar toda a nossa vida envolvidos pelos braços amorosos de Deus. Ele disse:
“Como alguém a quem sua mãe consola, assim eu vos consolarei.” (Isaías, 66:13.)
 
A Bíblia nos diz que a essência do gênio é ser uma criancinha.  Isso significa ter uma atitude de confiança, demonstrar segurança, viver alegremente, estar de todo o coração na vida.  Em outras palavras, ser uma pessoa normal, natural e feliz. Significa viver e trabalhar com energia destituída de tensão.  Significa, também, ter a capacidade, quando chega a hora de dormir, de adormecer como uma criança, em completo relaxamento da tensão e naturalidade.
 
Jesus sabia como afrouxar a tensão, pois certa vez, num temporal, Seus discípulos viram-no adormecido profundamente na popa do barco - “embalado no berço da profundeza”. Notando a tensão deles, Jesus disse-lhes que a fé acalmaria os temporais que os assustavam, e que eles, tal como Ele próprio, poderiam enfrentar a vida com tranqüila confiança.
 
Há um apego instintivo e natural à mãe, em cada um de nós. Podemos nos fazer velhos, há sem e um remanescente do estado infantil, que é a fonte de nossa saudade pela espécie de conforto que uma mãe dá.
 
Uma pessoa adulta não pode ser embalada para dormir nos braços maternos.  Assim, o mais sutil de todos os mecanismos foi fornecido, a transferência dos braços maternos para os braços de Deus.
 
Segredo profundo do repouso é conhecer pela imaginação, que Seus braços eternos estão sob e em torno de você, sustentando, protegendo e confortando. Esse senso de proteção Divina e do amor de Deus, é essencial para o afrouxamento da tensão em seu mais profundo significado.
 
Conheci certa vez um grande artista, homem muito famoso, cuja capacidade é celebrada nos anais da pintura.  Era um homem de físico avantajado, e irradiava prazer e alegria de viver.  Com toda a sua notável erudição intelectual, tinha uma atitude infantil com referência a Deus.  “EU tenho o melhor momento de minha vida toda a minha vida” - declarou ele, “Todo o amanhecer é um novo entusiasmo, todo poente um deleite novo.  E quando me deito, à noite, para dormir, o querido Senhor põe Seu braço em torno de mim e me embala até que eu adormeça profundamente.’
 A energia ilimitada daquele homem era retirada das profundezas de uma fé simples e intensa.
 
Não se envergonhe de ser como uma criança em suas relações com Deus. 
Deixe que os braços eternos o embalem para dormir.
Tomado de completa confiança, afrouxe a sua tensão na espantosa benignidade de Deus.
Ele tomará conta de seu dia e de sua noite, para sempre.
 
“E achareis descanso para vossas almas.” (Jeremias, 6:16.)
“Confia teus cuidados ao Senhor, e Ele te suste (Salmo 55:22.)



Fiquem bem
Luís