Forum Espirita

GERAL => Mensagens de Ânimo => Meditação => Tópico iniciado por: macili em 15 de Maio de 2011, 03:38

Título: Sintonia e Vibração
Enviado por: macili em 15 de Maio de 2011, 03:38
Amigos e Amigas,

Muita paz e luz em seus caminhos!!!


(http://3.bp.blogspot.com/_0soCL5j66OQ/TTihQz5Jc5I/AAAAAAAADDI/a78-C_oJ8bE/s640/OgAAAK6I7Q2Lpl0TnIGs57WG1PJmlA66BdF6BJ9B0PZTZb-PLSOrUDekAzE_nsmaHatuxDx_YrkHKFy5fxo-2FQs1awAm1T1UMALvITmcKfAOcwgysgTtNDfnbQU.jpg)


Sintonia e Vibração
-Jan Val Ellam -



 "Imaginemos alguém que, com um perfume muito forte, permanece determinado tempo em ambiente fechado. A fragrância do seu perfume irá se espalhar pelo ambiente, que ficará impregnado, durante algum tempo, com o odor característico. Da mesma forma, o resultado do que pensamos e sentimos, fica indelevelmente plasmado naqueles ambientes que mais costumamos freqüentar.
 
Assim, os nossos lares, os ambientes de trabalho, os locais onde se realizam cultos religiosos e de outros tipos, ficam com suas atmosferas marcadas pelas formas-sentimento e formas-pensamento que comumente ali são expressadas. Quem penetrar em um desses ambientes, inconscientemente ou não, se sentirá inclinado a sintonizar-se psiquicamente com as vibrações ali caracterizadas, sejam agradáveis ou desagradáveis.

Por outro lado, se alguém com um perfume muito forte nos abraça, inevitavelmente herdaremos o odor que dessa pessoa é emanado, seja ele prazeiroso ou não. Da mesma forma que o perfume alheio nos invade a atmosfera pessoal, as vibrações espirituais de quem nos abraça também nos invadem a organização íntima, nem que essa troca energética se processe - e também se conclua - em poucos segundos, tempo necessário para que as defesas energéticas da aura administrem a invasão energética.

Em resumo, estamos sempre marcando, com a "nossa fragrância espiritual", as pessoas e os ambientes com os quais convivemos e, ao mesmo tempo, recebendo a suas influências. Quando e se, as nossas defesas espirituais estiverem em boa forma, assimilaremos apenas o que nos for positivo e rechaçaremos o que não for.

Esse processo é inconsciente, como também o é o da defesa orgânica que os anticorpos promovem em nosso corpo, sempre que necessário. É tudo tão rápido que o cérebro físico-transitório não dá conta, apesar de ser ele que administra todo o processo, como também o faz, a nossa mente espiritual, quando o caso se relaciona com as vibrações de terceiros que nos invadem o espírito.

É importante perceber que, uma simples troca de olhares, um aperto de mão, um abraço, uma relação sexual, por exemplo, são situações em que a troca energética acontece, independentemente de querermos ou não. Quando a nossa resultante de defesa vibratória é positiva - normalmente assim o é nas pessoas que tem bom ânimo, não se deixam entristecer pelos fatos, são disciplinados no campo da oração e/ou meditação etc. - pouco nos invade a energia alheia, se isto for nos servir de transtorno ao nosso equilíbrio energético.

Ao contrário, se estivermos em baixa condição de defesa energética, tal qual um prato de alimento estragado que inapelavelmente irá causar 'estragos" no nosso organismo, a energia deletéria alheia nos desarmonizará durante pouco ou muito tempo, conforme for a nossa capacidade psiquica-espiritual em restabelecer o equilíbrio que nos caracteriza, seja ele de que nível for.

As crianças pequenas que sequer andam, normalmente tem energia passiva, e sofrem um bocado quando ficam "passando de braço em braço", recebendo verdadeiras descargas energéticas que normalmente lhes causam desequilíbrios de toda ordem. Se os pais terrenos disso soubessem, outras seriam as suas posturas em relação a permitirem que seus filhos andem de "braço em braço".

Portanto, estamos a todo momento, trocando energia com as pessoas e com os ambientes que nos rodeiam. O equilíbrio - leia-se, saúde espiritual - de cada um, é o único antídoto a impedir que as vibrações negativas, alheias à nossa organização espiritual, penetrem no nosso íntimo.

Saber conviver sem sintonizar com a energia de terceiros é postura que somente os mestres de si mesmos conseguem plasmar na difícil coexistência com os demais. Ao contrário, se a toda hora temos a sensibilidade pessoal invadida por problemas e influências de outras pessoas e/ou situações, ficamos sempre à mercê dos "outros nos deixarem" ficar em paz.

Assim, a nossa paz íntima dependerá dos outros, jamais de nós próprios; o nosso controle será sempre refém do descontrole alheio; a nossa fragrância espiritual estará sempre mesclada com a dos outros; enfim, dificilmente conseguiremos ser donos de nossa própria vida.

Se pretendemos ser os arquitetos e atores da nossa própria caminhada evolutiva é mister que cuidemos do nosso equilíbrio espiritual, escolhendo quando e como sintonizar com as vibrações alheias, seja em uma conversa, em um convívio mais íntimo, numa palestra, enfim, numa simples leitura, como é o caso que ora ocorre, pois, até o que lemos pode nos ser motivo de enriquecimento ou de desarmonia interior, já que é vibração que nos penetra a alma.

Lembremo-nos de que: a soberania espiritual passa necessariamente pelo controle das emoções; a saúde do nosso corpo dependerá da qualidade do que nos alimentamos; o equilíbrio do nosso espírito depende e, em muito, do que nos permitimos sintonizar, através dos sentidos.

Afinal, se a massa e energia são aspectos de um mesmo padrão existencial, sintonia e vibração formam o elo entre toda a massa e energia que existe, independente das formas transitórias que venham a assumir.

Melhoremos a nossa vibração pessoal e eduquemos os nossos padrões de sintonia. Isto feito, estaremos despertando no nosso íntimo, a grande herança que recebemos do Pai Celestial."



Jan Val Ellam -Livros: "Queda e Ascensão Espiritual"
Vialuz, ano 4, n° 16
Título: Re: Sintonia e Vibração
Enviado por: warley em 15 de Maio de 2011, 15:04
Bom dia Macili!!!
Belo e instrutivo o artigo.
Abraço fraterno

Warley
Título: Re: Sintonia e Vibração
Enviado por: taya em 15 de Maio de 2011, 15:35
obrigada pela mensagem, podemos refletir e perceber o quantonos impregnamos de coisas boas ou ruins,só depende de nossa sintonia.Pensemos sempre em Jesus.e ELE nos alimentara de bons fluidos
Título: Re: Sintonia e Vibração
Enviado por: macili em 15 de Maio de 2011, 20:36
Boa tarde Amigos warley e taya.

Agradeço os comentários.
Que possamos caminhar rumo à luz!!!

Abraços fraternos
Macili



(http://1.bp.blogspot.com/_OU2j8vqRXis/TJKWBTLnGzI/AAAAAAAAD6Y/xwRHQmQAB0w/s400/06dae4aageel.jpg)



Faixas


        Comunicação espiritual não é privilégio da organização mediúnica.

        O pensamento é idioma universal e, compreendendo-se que o cérebro ativo é um centro de ondas em movimento constante, estamos sempre em correspondência com o objeto que nos prende a atenção.

        Todo Espírito, na condição evolutiva em que nos encontramos, é governado essencialmente por três fatores específicos, ou, mais propriamente, a experiência, o estímulo e a inspiração.

        A experiência é o conjunto de nossos próprios pensamentos.

        O estímulo é a circunstância que nos impele a pensar.

        A Inspiração é a equipe dos pensamentos alheios que aceitamos ou procuramos.

        Tanto quanto te vês compelido, diariamente, a entrar na faixa das necessidades do corpo físico, pensando, por exemplo, na alimentação e na higiene, és convidado incessantemente a entrar na faixa das requisições espiri­tuais que te cercam.

        Um livro, uma página, uma sentença, uma palestra, uma visita, uma notícia, uma distração ou qualquer pequenino acontecimento que te parece sem importância, pode representar silenciosa tomada de ligação para deter­minado tipo de interesse ou de assunto.

        Geralmente, toda criatura que ainda não traçou caminho de sublimação moral a si mesma assemelha-se ao viajante entregue, no mar, ao sabor das ondas.

        Receberás, portanto, variados apelos, nascidos do campo mental de todas as inteligências encarnadas e desencarnadas que se afinam contigo, tentando influen­ciar-te, através das ondas inúmeras em que se revela a gama infinita dos pensamentos da Humanidade, mas, se buscas o Cristo, não ignoras em que altura lhe brilha a faixa.

        Com a bússola do Evangelho, sabemos perfeitamente onde se localizam o bem e o mal, razão por que, dispondo todos nós do leme da vontade, o problema de sintonia corre por nossa conta.




Livro: Seara dos Médiuns - 38
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier
Título: Re: Sintonia e Vibração
Enviado por: **SOL** em 15 de Maio de 2011, 20:52
Boa tarde Macili!!!
Obrigada por dividir, tão linda e reflexiva mensagem.
Assim, entendemos através dessa mensagem,
Como podemos nos carregar de energia positiva, ou negativa.

Abraços,


Muita paz e Luz a todos.

Sol
Título: Re: Sintonia e Vibração
Enviado por: Marizia em 15 de Maio de 2011, 22:13
Boa noite!
Maravilhoso!
Convivo num meio difícil no trabalho, pessoas com diversos tipos de vícios, antigamente eu sentia muito mal estar, dores de cabeça constante, agora entendi como não entrar neste  tipo de padrão vibratório.
Um grande abraço!
  Marizia
Título: Re: Sintonia e Vibração
Enviado por: macili em 15 de Maio de 2011, 22:37
Olá Amigas Sol e Marizia e demais membros e visitantes .


Fico feliz que a msg tenha lhes agradado e alcançado o objetivo do esclarecimento.


Paz e Luz para todos!!!




(http://2.bp.blogspot.com/_OU2j8vqRXis/SaiJ2FAPL8I/AAAAAAAAA2M/EgHgAN1Tius/s400/001_fractal.jpg)



O poder do pensamento


O maior instrumento de poder de que se tem notícia,se encontra dentro de nós: O nosso pensamento.

Como a eletricidade, o pensamento produz resultados de acordo com o uso que se faz dele.

O fato é que estamos continuamente interagindo com o cosmo, emitindo e recebendo vibrações, e assim, criando experiências que vivemos.

Ao tomar consciência do poder do pensamento, consquistamos a chave para abrir as portas que levam a realização dos nossos desejos mais profundos.

Depois de Enstein e da física quântica, não há como negar que, em essência: Somos Energia.

Essa energia se consubstancia na matéria, se transformando em corpo, mente, emoção.

Se temos bons pensamentos e nos mantermos em sintonia com as correntes vibratórias, carregadas de energia positivas, nos tornamos capazes de realizarmos ações que nos levarão à felicidade.

Os pensamentos nos fazem sentir emoções variadas.

Essas emoções, por sua vez, influenciam a nossa mente, o nosso organismo e a nossa saúde, ajudando a nos manter saudáveis e bem dispostos, quando são positivas, dependendo do cuidado que temos com aquilo que abrigamos em nossas mentes.

Assim, se queremos ter relacionamentos amorosos felizes, o primeiro cuidado a ser adotado é em relação aos nossos pensamentos.

A lei da sintonia, como toda lei espiritual, pode não ser aceita ou compreendida mas nem por isso deixa de produzir efeitos.

Assim como a gravidade atrai os corpos para o centro da terra, os nossos pensamentos tem o poder de atrair para nós aquelas realidades que desejamos viver.

É necessário reconhecer as próprias qualidades e a potencialidades que trazemos dentro de nós e que nos torna capazes de crescer, aprender e avançar.

Só é possível dar aquilo que se possui.
Apenas quem é capaz de se amar e de se valorizar, pode amar e valorizar o outro.

O caminho para uma boa auto-estima está em cultivar bons pensamentos e ter em mente que eles são a nossa companhia mais constante.

Temos a opção de escolher a cada momento o que abrigamos em nossas mentes.

Com atenção e esforço e responsabilidade é possível detectar um pensamento menos bom na sua origem, e substitui-lo por outro que irá produzir resultados positivos.

O universo funciona como espelho e tudo que transmitimos, retorna para nós amplificado.



(autor:Joel Kleincouracy)
Título: Re: Sintonia e Vibração
Enviado por: Dalva Maria Candido em 24 de Setembro de 2011, 00:33
Muito instrutivo os ensinamentos aqui expostos!!!! Obrigada...
Título: Re: Sintonia e Vibração
Enviado por: Dalva Maria Candido em 24 de Setembro de 2011, 00:52
Muito útil  os esclarecimentos sobre Sintonia e Vibração. Graças a DEUS, após os estudos na Doutrina Espírita, que veio me esclarecer alguns pontos importantes, consigo ter equilíbrio diante de determinadas situações, onde a vibração possa não ser muito boa. Orai e Vigiai, nunca é demais!!! Obrigada pelos ensinamentos...Luz e paz!!!
Título: Re: Sintonia e Vibração
Enviado por: macili em 28 de Setembro de 2011, 19:44
Amiga Dalva,


Que bom que a mensagem foi instrutiva e lhe ajudou.

Possamos sempre nos sintonizar com energias sutis e positivas
e assim elevar nossos pensamentos e sentimentos.



Paz e luz!!!

(http://2.bp.blogspot.com/_bW7alVt_wZc/Sr-NdbwDP4I/AAAAAAAAA8c/n-a0KYoq27E/s1600/sintonia%2B1.jpg)



Sintonia


(http://dl4.glitter-graphics.net/pub/1489/1489234noh1wsk1xh.gif) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5nbGl0dGVyLWdyYXBoaWNzLmNvbQ==)


Sintonizamos estações de rádio, TV e outras mais.
No aparelho, o show dependerá da sintonia.


Quando pensamos em alguém, é possível que alguém comece a pensar em nós.
Quando duas pessoas escolhem a mesma freqüência, é mais do que um meio ou processo de comunicação, é a própria comunicação estabelecida em sua forma mais pura.


Ao fitar um transeunte por alguns segundos, sem saber porque, este vira-se para ver se alguém o observa.
Alguém está para telefonar, antes do telefone dar sinal de vida, você pensa: vai tocar.
Você diz alguma coisa, alguém responde: "puxa, estava mesmo pensando nisto".




(http://dl4.glitter-graphics.net/pub/1489/1489234noh1wsk1xh.gif) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5nbGl0dGVyLWdyYXBoaWNzLmNvbQ==)



Sintonia...
Tem a ver com intenção.
Ninguém sintoniza um canal que não deseja.
Se dois executivos trocam olhares na confirmação de um propósito, ocorre a sintonia. Se dois amantes pensam em objetivos semelhantes, vibram na mesma freqüência, acontecendo a sintonia.


Na base do verdadeiro querer, muito além do desejar, está a sintonia.
É o tanto querer, daquele sonhador cujo pensamento vibra de tal forma a entrar na freqüência da realização.


É o projetista que cria, o arquiteto que viabiliza, o encarregado que constrói.
Todos sintonizados em um mesmo objetivo, são conscientes sonhadores, de pés no chão, transformadores de sonhos em realidade.


Em todas as formas, cores, sentimentos, dimensões e concepções está a opção de sintonizar-se com isto ou aquilo.




(http://dl4.glitter-graphics.net/pub/1489/1489234noh1wsk1xh.gif) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5nbGl0dGVyLWdyYXBoaWNzLmNvbQ==)



A sintonia permite a formação de grupos que aglomeram conforme objetivos em comum: médicos, cientistas, engenheiros, pacifistas, advogados, administradores, técnicos, políticos, etc.


É muito mais do que ter ou não inclinação para qualquer coisa, sintonia, é concretizar antecipadamente pela fé.
Sintonizar-se com algo é mais do que uma opção: uma decisão.


Muitas vezes a vida exige uma sintonia perfeita, pondo em prova a própria fé, na consecução de grandes objetivos.
Quanto mais difícil, maior a conquista.


Mas se a abalada a fé, perde-se a sintonia.
Desvia-se do ideal, passando a vibrar em sintonias aleatórias, sem destino, sem propósito.


Quando bilhões de pessoas sintonizarem cada vez mais o campo vibracional dos bons aspectos da vida qual será a resposta que virá do Infinito Universo ?



Sintonia...



(http://dl4.glitter-graphics.net/pub/1489/1489234noh1wsk1xh.gif) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5nbGl0dGVyLWdyYXBoaWNzLmNvbQ==)



- Fonte: Pensamentos de Luz -
Título: Re: Sintonia e Vibração
Enviado por: filhodobino em 02 de Outubro de 2011, 00:50
Amados Irmãos,
Peço licença para dedicar estas vibrações em favor do irmão Dezinho, que ele possa receber o conforto dessa paz e dessa beleza, e lhe dê animo, para aguardar sua passagem com muito amor e coragem no coração.
Saúde e Paz!
Título: Re: Sintonia e Vibração
Enviado por: Amanda Mori em 03 de Outubro de 2011, 02:40
Macili!

Que trabalho lindo!

Que mensagens maravilhosas.

Muito obrigada!  ;)
Título: Re: Sintonia e Vibração
Enviado por: macili em 06 de Outubro de 2011, 04:11
Olá Amigos Filhodobino e Amanda


Obrigada pelo carinho das mensagens.


Vibrações de amor e paz ao nosso irmão Dezinho bem como a todos os nossos irmãos.


Que o Pai Amado nos cubra com seu manto de luz e de amor.



[attachimg=1  align=center  width=350]



Pensamento, Sintonia e Energias
Carlos Augusto Parchen




O ser humano é um complexo, que pode ser avaliado sobre diferentes visões: científica, religiosa, filosófica, holística, etc. Cada visão tem suas particularidades e abordagens, que enfatizam as “cores” da sua proposta ou linha de pensamento.

No entanto, um ponto de convergência começa a se consolidar como aceito pela maioria das visões: o componente energético do ser humano, e as sua interfaces com a natureza e com os outros seres da criação.

Com o desenvolvimento científico e os avanços tecnológicos, cada vez mais se estuda, diagnostica e teoriza sobre energias no complexo humano, como o pensamento emite energias, como se sintoniza e absorve energias do ambiente, etc.

O espiritismo kardecista enfatiza a questão energética do ser humano, colocando o componente energético e suas relações como tão ou mais importante que o componente material (físico, orgânico).

A base dos sistemas de auto-ajuda está na mentalização positiva, ou seja, na geração de energias positivas ao redor da pessoa.

A natureza é um imenso oceano de vibrações e energias, onde os seres transitam, influenciando e sendo influenciado por essa torrente energética e vibratória.

A física quântica, com suas teorias complexas e revolucionárias, traz à luz da discussão científica, o componente não material nos fenômenos da natureza, o elemento “organizador” da estrutura material e de seus fenômenos.

As colocações que fizemos até agora, visam chamar nossa atenção para a questão energética e sua influência e relações em nossa vida. Vamos abordar a questão específica dos nossos pensamentos e de nossa sintonia energética e vibratória.

O ser humano absorve energias das mais diversas, de forma automática, e as metaboliza em sua estrutura energética, que o espiritismo denomina de perispírito. Essa absorção e metabolização, faz parte normal do funcionamento do complexo humano, ocorrendo de maneira automática, ou seja, é um processo inconsciente ou transparente, numa linguagem mais moderna, que ocorre independente da percepção ou decisão voluntária da pessoa.


Essas energias absorvidas são constituídas das energias e vibrações do ambiente em que estamos inseridos, e se constituem de elementos presentes na natureza (como o Fluído Cósmico Universal, radiações eletromagnéticas, etc.), de fluídos (emissões energéticas de processos orgânicos ou perispirituais de outros seres da criação) e de vibrações e pensamentos advindos de outros seres humanos ou espíritos.

A metabolização no nosso complexo, transforma essas energias absorvidas em componentes específicos da nossa “circulação” energética, distribuindo estes em todo o nosso organismo físico e perispiritual, servindo como verdadeiro “alimento” para o complexo humano.

Por ser um processo automático, a absorção de energias pelo nosso organismo está ajustado, naturalmente e automaticamente, ao padrão energético e vibratório específico do indivíduo, ou seja, ao nível vibratório correspondente ao seu estado mental e espiritual do momento.

Isso significa dizer que as energias absorvidas pelo indivíduo são do mesmo padrão vibratório em que ele se encontra no momento, ou seja, nosso complexo energético tem uma espécie de “filtro”, que deixa passar apenas as energias com as quais afinamos e sintonizamos.

Evidentemente, um estado de desequilíbrio no nosso campo mental e espiritual, promove imediatamente um reajuste no nosso sistema energético, o que nos leva também a sintonia com determinado tipo de energia, que passará a ser “filtrada” para o nosso sistema energético, incorporando-se, pela metabolização ao sistema perispiritual e físico.

O equilíbrio ou o desequilíbrio no campo mental e espiritual do indivíduo, determina, portanto, que “qualidade” ou “tipo” de energia será absorvido por ele.


Se estamos equilibrados, harmonizados, vibrando no bem, nosso “filtro” promove a absorção de boas energias, correspondentes ao nosso “patamar vibratório”, bloqueando a absorção de padrões energéticos “ruins”.

Se estamos desequilibrados, desarmonizados, invigilantes com nossos pensamentos, nosso patamar vibratório se ajusta com energias “ruins”, e nosso filtro bloqueia a absorção das energias boas e promove a assimilação de energias desequilibradas.

É fácil deduzir que se absorvemos um determinado padrão energético, com uma certa “qualidade”, seja ela positiva (boa) ou negativa (ruim), a metabolização dessas energias produz componentes energéticos de qualidade similar, que se distribuem pelo nosso organismo físico e perispiritual, afetando-o com a qualidade inerente ao tipo e qualidade da energia absorvida.

Também podemos inferir que o padrão vibratório/energético absorvido, uma vez metabolizado em nosso complexo perispirítico, reforça o estado vibratório (patamar) que permitiu sua absorção, ou seja, reforçamos o estado de equilíbrio ou desequilíbrio em que nos encontramos. Por isso é necessário a vigilância constante sobre nossa sintonia mental/espiritual, para que não nos deixemos levar pelos pensamentos inadequados, pelas vibrações negativas, pelos sentimentos menos dignos, pelas emoções descontroladas, pois isso permitirá que iniciemos um processo de absorção de energias negativas, que por sua vez reforçam nosso estado de desequilíbrio, o que pode, em persistindo esta situação, colocar-nos em contato com seres desequilibrados, causar-nos doenças e desequilíbrios físicos, psíquicos e espirituais.

Em contrapartida, a vigilância para que nosso pensamento, nossa sintonia permaneça sempre elevada, voltada a prática do bem, do amor e da caridade, permite que, constantemente, fiquemos sintonizados e absorvendo as energias equilibradas, o que reforça nosso equilíbrio e bem estar físico, psíquico e espiritual, trazendo a sensação agradável de estar em sintonia com energias elevadas. Esse é o retorno, a recompensa imediata de quem pratica o amor e a caridade. Traz o prazer em se praticar o bem.



Ao entender este mecanismo, podemos afirmar que é muito importante que busquemos, com um esforço constante, com muita consciência, uma mentalização positiva para o nosso foco mental, para os nossos pensamentos, em todas as etapas e momentos de nossa vida, em casa, no trabalho, no lazer, no trânsito...., de modo a garantir a sintonia com um patamar energético mais elevado, com a conseqüente absorção e metabolização de energias benéficas e reforçadoras de nosso comportamento no caminho do bem.

De outra forma, deve ser evitado que nosso foco mental vague em paragens menos dignas. Temos que zelar para que nosso pensamento não seja direcionado para as coisas negativas e destruidoras. Não devemos focar a negatividade, os problemas, as inconformidades, nem sintonizar com a desgraça, pois nesse caso nos comportaremos como urubus, que voam alto apenas para focalizar a carniça, para dela se alimentar.

Pensamento no bem, pensamento calmo, pensamento positivo, pensamento criador, foco no amor e na caridade. Esse é o caminho da mentalização, da sintonia e da absorção das boas energias. Lembremo-nos que as palavras expressam pensamentos. Que saiam de nossas bocas as boas palavras e de nosso coração as boas atitudes.

Devemos sempre ter em mente que a energização que nos envolverá, depende, em cada instante, apenas de nossa atitude mental, e que na aplicação prática de nossa vida, a ligação com o alto se faz na aplicação das boas virtudes, com o exercício constante do bem, seja em que atividade estivermos.

Nosso bem estar depende apenas de nós mesmos.





Carlos Augusto Parchen
Dezembro de 2000
Centro Espírita Luz Eterna – CELE
Sociedade Espírita Fraternidade – SEF