Forum Espirita

GERAL => Mensagens de Ânimo => Meditação => Tópico iniciado por: Marianna em 01 de Março de 2013, 22:51

Título: Amanhã Não Existe
Enviado por: Marianna em 01 de Março de 2013, 22:51
 


















(http://www.leticiathompson.net/passagestop.jpg)
 
Amanhã Não Existe
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/90.gif)   As pessoas não são eternas. Pelo menos não na vida terrena. Elas apenas passam, vivem o tempo que lhes é ofertado e retornam à terra.
 
Ninguém pode acrescentar um segundo sequer à sua vida ou à de alguém.
 
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/90.gif)   Não temos esse poder e quando a hora chega, ela chega. Mas preferimos não pensar nisso.
 
—   Julgamos que temos todo o tempo do mundo para fazer:
 
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Isso ou aquilo,
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Para sarar o ferido,
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Para recuperar o perdido,
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   E para restabelecer a paz.
 
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Amanhã eu ligo,
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Amanhã eu faço,
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Amanhã peço perdão,
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Amanhã me reconcilio, amanhã... 
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Como se pudéssemos segurar o amanhã nas nossas mãos!
 
Como se ele fosse chegar por nossa vontade e trazer tudo como ontem ou como hoje!
 
—   Amanhã?

(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/90.gif)   Hoje é o amanhã de ontem e tudo continua na mesma, por que espera-se pelo amanhã.

—   Cada qual tem sua história e suas histórias:
 
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Cada qual tem sua cruz e suas dores,
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Cada qual  tem seus dissabores,
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Seus lamentos,
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Suas alegrias,
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Seus ganhos,
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   E perdas.
 
É o que nos forma como pessoas, que nos dá a impressão de existir, de fazer parte do universo. E há, assim, como com milhares de outros, relacionamentos quebrados, porque um dia alguém feriu e foi ferido.
 
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/90.gif)   Quando isso acontece, construímos em volta do nosso coração um muro, uma barreira que o outro não pode atravessar.
 
—   Nos sentimos tão importantes com isso que nem percebemos que:
 
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Esse muro impede o outro de entrar,
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Mas nos impede de sair.
 
Nos tornamos prisioneiros, aprisionados das nossas idéias e nossas mágoas. Não estendemos a mão e recusamos a do outro, caso nos estenda.
 
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/90.gif)   Enquanto isso, a vida continua. Não damos, talvez para punir e não recebemos, como punição que nos infligimos a nós mesmos, inconscientemente.
 
—   Vamos deixar para amanhã para resolver isso, porque hoje estamos:
 
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Magoados demais,
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Não conseguimos perdoar,
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   E não queremos dar o braço a torcer, afinal, não erramos.
 
E eu diria, como Cristo, quem nunca errou, que atire a primeira pedra!
 
—   Amanhã não existe.
 
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   O amanhã, só o conhecemos quando o sol nasce e que o Senhor nos dá aquele dia a mais. E todo mundo não chega lá.
 
Não podemos afirmar que estaremos ainda aqui, porque a vida é imprevisível, às vezes temos o sentimento que é mesmo cruel.
 
—   Se o hoje nos é ofertado:
 
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Por que não viver sem grades e sem muros?
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Em comunhão com o mundo e com Deus?
 
—   O orgulho?
 
Olhe para ele de cara feia e diga:
—   Eu quero é ser feliz e se eu quero, eu vou ser feliz!
 
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Muros nos impedem de abraçar,
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Nos impedem de dar e de receber,
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   De sentir o calor ou as batidas do coração do outro,
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/220.gif)   Nos transformam em pessoas separadas e isoladas.
 
Destrua, então, com coragem, dessa que só os grandes possuem, esse muro em volta do seu coração e volte a abraçar.
 
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/90.gif)   Perdoe, mesmo se o perdão não foi solicitado.
 
Porque cada qual deve dar conta da sua vida a Deus e a outra pessoa responderá por si mesma.
 
(http://www.carteiroonline.com/gifs/mini_gifs/90.gif)   Liberte-se, porque se o amanhã não vier para a outra pessoa, você terá que aprender a conviver com seu coração fechado e terá perdido os melhores anos da sua vida.
 
Letícia Thompson.

 

Título: Re: Amanhã Não Existe
Enviado por: macili em 02 de Março de 2013, 02:54
Boa noite querida Amiga Marianna,


Obrigada pela partilha, cujo conteúdo é profundo e precioso.


Muita luz e amizade em nossos corações...




(https://lh3.googleusercontent.com/-kAz13FltGuc/USySt7XDD6I/AAAAAAAAcOU/-4HBkVmTJhE/s512/Roberto%2520Bompiani.jpg)




Viver em profundidade



(http://lh3.ggpht.com/_BJo2sJZzI3g/SZXdOhoTwOI/AAAAAAAADJU/XjCjUqdLdPU/s400/barrinha33.gif)(http://lh3.ggpht.com/_BJo2sJZzI3g/SZXdOhoTwOI/AAAAAAAADJU/XjCjUqdLdPU/s400/barrinha33.gif)



É surpreendente observar com que freqüência as pessoas deixam de perceber que seus valores profundos são tão únicos quanto as suas digitais.

Quando não temos consciência disso, sacrificamos determinadas coisas para obter o que os outros consideram mais importante.

Um administrador de uma grande companhia de seguros descobriu, um dia, que tinha câncer de cólon.

Ele foi o primeiro de uma família de agricultores a freqüentar uma faculdade. Por isso, foi aluno excepcional.

No seu meio, era conhecido como um homem ambicioso, politicamente esperto, que fazia da carreira a sua própria vida.

Seu câncer foi descoberto bem cedo e o prognóstico era excelente. Findo o tratamento, seus colegas esperavam que ele retornasse ao trabalho bem depressa, reassumindo suas funções.




(http://lh3.ggpht.com/_BJo2sJZzI3g/SZXdOhoTwOI/AAAAAAAADJU/XjCjUqdLdPU/s400/barrinha33.gif)(http://lh3.ggpht.com/_BJo2sJZzI3g/SZXdOhoTwOI/AAAAAAAADJU/XjCjUqdLdPU/s400/barrinha33.gif)



Entretanto, dois dias depois de recomeçar, ele abandonou seu cargo. A empresa imaginou que ele tivesse recebido uma proposta melhor de outra empresa. Mas não era isso. Ele parou de trabalhar durante um ano.

Depois, comprou um belo pedaço de terra e mudou-se com a família para a propriedade. Tornou-se agricultor.

Disse ele: desde o instante em que acordei da cirurgia, tive certeza de que estava vivendo uma vida que não era a minha. Sofri muitas pressões dos meus pais para alcançar o sucesso.

Eles estavam muito orgulhosos por eu ter escapado da vida dura que levavam há tantas gerações.

Deixei-me envolver pelo desafio, querendo vencer. Mais tarde, simplesmente continuei a me esforçar. Até que, em algum momento, deixei de ouvir a mim mesmo.

Meu pai era um agricultor, como tinha sido seu pai e o pai de seu pai. Ele detestava o trabalho que fazia, mas eu sou diferente. Eu compreendo a terra. Ela é importante para mim.

Conheço este trabalho como conheço a mim mesmo. Sinto que pertenço a este lugar.

Quando me sento na varanda de minha casa, admirando o imenso mar verde da plantação, que dança gentilmente ao vento, sinto-me feliz.

As rosas que plantei, contornando a casa, me trazem o perfume do final da tarde. E o mundo dos negócios está a anos-luz de distância.

Eu me sentia muito orgulhoso de estar vivendo, pessoal e profissionalmente, de acordo com os meus desejos. Foi difícil enxergar que eu tinha me vendido de uma maneira tão completa que nem conseguia perceber.

Agora eu sei que não importa o que se faça, mas sim como se faça. É isto que nos alegra o viver e nos permite oferecer ao mundo o que há de melhor em nós.

Isto se chama integridade. Já encontrei a minha.




(http://lh3.ggpht.com/_BJo2sJZzI3g/SZXdOhoTwOI/AAAAAAAADJU/XjCjUqdLdPU/s400/barrinha33.gif)(http://lh3.ggpht.com/_BJo2sJZzI3g/SZXdOhoTwOI/AAAAAAAADJU/XjCjUqdLdPU/s400/barrinha33.gif)




Nossa vida é o negócio mais importante que devemos atender. Fazer as contas de quando em quando é saudável e necessário.

E se descobrirmos que estamos operando no vermelho, que nosso capital não tem crescido, que as nossas perdas são maiores do que nossos ganhos, não temamos reajustar, mudar.

Não concluamos nossa vida em completa bancarrota. Invistamos na felicidade, fazendo aquilo que gostamos de fazer. Assim, o mundo receberá de nós a nossa melhor cota, a nossa maior contribuição.




(http://lh3.ggpht.com/_BJo2sJZzI3g/SZXdOhoTwOI/AAAAAAAADJU/XjCjUqdLdPU/s400/barrinha33.gif)(http://lh3.ggpht.com/_BJo2sJZzI3g/SZXdOhoTwOI/AAAAAAAADJU/XjCjUqdLdPU/s400/barrinha33.gif)



Equipe de Redação do Momento Espírita com base no cap. Preservando a integridade, do livro As bênçãos do meu avô de autoria de Rachel Naomi Remen, editora sextante e do cap. A contabilidade pessoal, do livro Um presente especial de Roger Patrón Lujan, ed. Aquariana.





Título: Re: Amanhã Não Existe
Enviado por: Claudemir dos Santos em 07 de Março de 2013, 09:50
Sim,O amanhã não existe,porque tudo são ilusões passageiras. Abraços e muita paz.
Título: Re: Amanhã Não Existe
Enviado por: Mourarego em 07 de Março de 2013, 16:45
Mano Claudemir, não creio ter lido de você semelhante coisa.
Avalie: Se o amanhã não existe, como ficaria o progresso, e pior, como se poderia, um dia evoluir?
Abraços,
Moura
Título: Re: Amanhã Não Existe
Enviado por: Claudemir dos Santos em 08 de Março de 2013, 09:50
Mano Moura,quando eu disse que o amanhã não existe pois tudo é ilusão passageira,eu quis dizer no sentido material que tudo passa,pois no sentido espiritual sabemos que isso tudo é necessário para nossa evolução espiritual. Abraços e muita paz.