Forum Espirita

CONVÍVIO => Como usar este Fórum => Perguntas Frequentes => Tópico iniciado por: Conforti em 21 de Janeiro de 2010, 13:13

Título: EXISTE LIVRE-ARBÍTRIO?
Enviado por: Conforti em 21 de Janeiro de 2010, 13:13
EXISTE LIVRE-ARBITRIO?
O QUE É LIVRE-ARBÍTRIO?
Amigos, vamos investigar um pouco o livre-arbitrio? O q é e se existe mesmo?
Conforme as religiões e doutrinas ocidentais, originárias do cristianismo, o livre-arbitrio é a faculdade q Deus nos dá de usarmos nossa vontade quando e como quisermos; para o bem ou para o mal, para o certo ou para o errado, para isto ou para aquilo. Diz-se até q isso significa nossa maior liberdade, a manifestação da propria justiça divina, pois nos permite agir para corrigir o q de errado fizemos etc. Será isso mesmo? Alguem, porventura, tem liberdade de optar, frente a uma escolha qualquer, por esta ou aquela decisão'? Não pensamos para agir? Veja, vc caminha por uma estrada desconhecida q, de repente, se bifurca. Por qual continuar, mesmo já sabendo q as duas levam ao mesmo destino? Vai escolher com um 'estalar de dedos', ou com um 'cara-ou-coroa'? Isso, sim, seria liberdade de escolha, embora absurda, não é? Ou vc vê, ou imagina, antes de decidir, qual é a melhor? Esta tem o piso irregular, cheio de pedras e lama, mas é sombreada e o sol está quente; aquela tem piso melhor, mas a ponte está quebrada ou não tem sombras etc. Vc analisa e decide por uma delas, não é? Porq a analise permite sua escolha? Porq, pelo conhecimento q já tem,  devido às experiencias q teve no seu passado, até o ponto em está na estrada da vida, já sabe q a de piso melhor ou a mais curta etc, é mais favoravel, ou agradavel para sua caminhada, não é isso? Só não fazem essa análise, antes de escolher, os desesperados, os dementados, os q estão dominados por fortes emoções q lhe toldam a capacidade de pensar antes de escolher, os sem tempo, os precipitados e, por isso, cometem absurdos, como vemos todos os dias. Só escolhemos em decorrencia do q já aprendemos até o ponto em q estamos no aprendizado da vida. Ou não? Podem dizer: 'ele decidiu erradamente porq não seguiu as leis de Deus (se é q tais leis realmente existem), 'ele pratica o mal porq decidiu praticar o mal e não o bem'. Será isso? Porq virá uma nova pergunta:'Porq ele não seguiu as leis e o outro seguiu? Qual a razão de um ter decidido praticar o mal e o outro ter decidido praticar o bem?'.  Podem responder: 'porq um é mau e outro é bom'. E a pergunta se repete: 'Porq um é mau e o outro é bom?' A pergunta será sempre repetida até q se compreenda q a resposta é exatamente esta: 'porq um está neste nivel de compreensão e o outro noutro nivel mais acima; um está mais atrazado na caminhada da vida e o outro já avançou mais'. Não será sempre esta a razão da diferença na escolha? Até para escolher uma guloseima entre outras, todas desconhecidas, imaginamos ou analisamos, por mais rapidamente q seja, qual a mais apetitosa, a maior, a q mais nos parece satisfatória. E fazemos isso pela compreensão q as experiencias já nos deram. Isso é o q chamamos de livre-arbitrio: decidir por isto ou por aquilo de acordo com o aprendizado q já temos.
Alguem poderá, então, ter deméritos por uma escolha mal feita ou ter méritos por uma escola bem feita? Peço q analisem. Porq está nas doutrinas, nos livros, nas mensagens de entidades ou pessoas q julgamos de confiança, temos ou devemos crer q o livre-arbítrio é total liberdade de vontade?