Forum Espirita

GERAL => O que é o espiritismo => Existência de Deus => Tópico iniciado por: ailama em 16 de Março de 2008, 15:12

Título: O Universo
Enviado por: ailama em 16 de Março de 2008, 15:12
O Universo. O Universo é do pensamento, logo o seu criador é o pensamento. A verdade ou Maya é pensamento.

Ailama
Abraço fraterno.
Título: Re: O Universo
Enviado por: Vitor Santos em 16 de Março de 2008, 15:56
Olá

Citar
O Universo. O Universo é do pensamento, logo o seu criador é o pensamento. A verdade ou Maya é pensamento.

Definir Deus apenas como A Inteligência Universal, provávelmente é redutor, mas, de acordo com a definição resumida dos Espiritos, que, contudo nos disseram que nós não podemos ainda compreender integralmente Deus, apenas podemos fazer uma ideia muito grosseira, pois falta-nos essa capacidade, Ele é a Inteligência Suprema, Causa Primeira de todas as coisas. Ora isso vai de encontro ao seu pensamento.

Quanto à Maya (por favor não leve a mal a brincadeira), só conheço uma que se diz Astrológa. Costuma aparecer nalguns programas de TV.  :D

Agora a sério, cálculo que seja um nome dado à divindade por uma tradição religiosa que eu não conheço. Se quiser fazer o favor de nos explicar porque utiliza essa palavra eu sempre fico um pouco menos ignorante.  :-[

bem haja
Título: Re: O Universo
Enviado por: ailama em 16 de Março de 2008, 16:30
O pensamento está acima da Inteligência Universal o Pai acima controla.

Maya é o nosso pensamento a tornar ilusório a realidade existente.

um abraço
Título: Re: O Universo
Enviado por: Vitor Santos em 16 de Março de 2008, 17:58
Olá ailama

Citar
Maya é o nosso pensamento a tornar ilusório a realidade existente

Compreendo que a realidade seja ilusória, não no sentido dado por algumas pessoas, que pensam que a realidade é pura imaginação e que não existe em concreto, mas no sentido que as nossas limitações, impostas pelo corpo fisico e pelo estado de evolução, ainda baixo, do nosso espirito, que nos impedem de a perceber correctamente.

Maya será então a nossa visão da realidade, que não coincide com a realidade devido às nossas limitações. É assim?

Citar
O pensamento está acima da Inteligência Universal o Pai acima controla.

Aqui não entendo o que quer dizer. O que é a Inteligência Universal? Será o conjunto das entidades espirituais individuais(Deus aparte)? É a nossa inteligência individual? É uma inteligência comum a todos os seres espirituais, Não individualizada?

 
bem haja
Título: Re: O Universo
Enviado por: Jorge em 17 de Março de 2008, 11:25
Olá amigos,

Creio que este texto fará alguma luz sobre este tema:

O Vedanta é a parte final dos Vedas, escritura sagrada hindu de mais de 5000 anos. O Veda é dividido em quatro partes: Rig-Veda, Yajur-Veda (fórmulas ritualísticas), Samaveda (versão reorganizada de alguns hinos do Rig-Veda) e o Vedanta. A mais antiga sistematização de que se tem notícia foi feita pelo sábio Vyasa, há mais ou menos 3300 anos.

Poderíamos resumir alguns tópicos de interesse do Vedanta:

1) O Universo sempre existiu e sempre existirá, num eterno vir-a-ser cíclico, passando por periodos de expansão e de dissolução (Pralaya).

2) O Universo não teria sido "criado" por Deus, assim como o entendemos na tradição judaico-cristã, entendimento que gera uma relação dual sujeito-objecto, criatura-criador. Nas palavras de Vivekananda, "O nosso termo sânscrito para criação, traduzida apropriadamente, deveria ser projeção, e não criação." O Universo, pelo pensamento Vedanta, foi projetado por Deus, uma "ideia divina" que progressivamente se densifica até se materializar. Segundo essa ideia, estamos dentro do "pensamento de Deus". Maya, na filosofia vedantina, é especificamente "a ilusão sobreposta à realidade como efeito da ignorância".

3) Quanto a Deus, existiriam duas conotações diferentes: o do Princípio Único (Brahman) e o do causador da manifestação dos mundos (o Deus pessoal, gerente dos mundos de Maya, que chama-se Iswara, em sânscrito). Vivekananda explica:
"Existem duas ideias de Deus nas nossas escrituras (hindus) - uma, pessoal, e a outra, impessoal. A idéia de um Deus Pessoal é que Ele é o criador onipresente (Iswara), preservador e destruidor de todas as coisas, o Pai e Mãe do universo, mas Alguém que está separado eternamente da gente e de todas as almas; e a libertação consiste em se aproximar Dele e viver Nele. Mas existe outra idéia do (Deus) Impessoal, onde todos os adjectivos são supérfluos [...] O que é Brahman? Ele é eterno, eternamente puro, eterno desperto, todo-podereoso, omnisciente, piedoso, omnipresente, sem forma (...) Nos Vedas não utilizamos a palavra "Ele", mas "Isto", pois "Ele" irá fazer uma distinção individual, como se Deus fosse um homem (...) Este sistema é chamado de Advaita. E qual é a nossa relação com este Ser Impessoal? É que nós somos Ele. Nós e Ele somos Um. Cada um é apenas uma manifestação deste Impessoal, o fundamento de todos os seres, e a miséria consiste em pensar na gente como diferente deste Infinito Ser Impessoal; e a libertação consiste em saber da nossa unidade com esta maravilhosa Impessoalidade. Estas são, em resumo, as duas idéias de Deus que encontramos nas nossas escrituras (hindus). Alguns destaques devem ser feitos aqui. É somente através da idéia de um Deus Impessoal que podemos ter qualquer tipo de ética. Em todas as nações a verdade tem sido dita desde os tempos mais remotos - ame seus semelhantes como a você mesmo - quero dizer, ame os seres humanos como a você mesmo. Na Índia, isto tem sido dito assim, 'ame todos os seres como a você mesmo'; nós não fazemos distinção entre homens e animais (...) vocês compreendem isso quando aprendem que o mundo inteiro é único - a unicidade do universo - a solidariedade de todo o ser vivo - que, ao ferir alguém, eu estarei ferindo a mim mesmo, ao amar alguém, eu estou amando a mim mesmo. Então nós entendemos o porquê de não devermos ferir aos outros."

-------------------------------------------------------------------------------
Neste contexto a doutrina espírita  é muito clara:

Deus e o infinito

1. Que é Deus?
"Deus é a inteligência suprema, causa primária de todas as coisas"   

2. Que se deve entender por infinito?
"O que não tem começo nem fim: o desconhecido; tudo que é desconhecido é infinito."

3. Poder-se-ia dizer que Deus é o infinito?
"Definição incompleta. Pobreza da linguagem humana, insuficiente para definir o que está acima da linguagem dos homens."

Deus é infinito em Suas perfeições, mas o infinito é uma abstração. Dizer que Deus é o infinito é tomar o atributo de uma coisa pela coisa mesma, é definir uma coisa que não está conhecida por uma outra que não está mais do que a primeira.

PROVAS DA EXISTÊNCIA DE DEUS

4. Onde se pode encontrar a prova da existência de Deus?
"Num axioma que aplicais às vossas ciências. Não há efeito sem causa. Procurai a causa de tudo o que não é obra do homem e a vossa razão responderá."

Para crer-se em Deus, basta se lance o olhar sobre as obras da Criação. O Universo existe, logo tem uma causa. Duvidar da existência de Deus é negar que todo efeito tem uma causa e avançar que o nada pôde fazer alguma coisa.

Saudações espíritas.
Jorge
Título: Re: O Universo
Enviado por: Vitor Santos em 17 de Março de 2008, 11:59
Olá Jorge

E ainda, acrescento, para frisar que a doutrina Espirita não é Panteista: 

Citar
Livro dos Espiritos

14. Deus é um ser distinto, ou será, como opinam alguns, a resultante de todas as
forças e de todas as inteligências do Universo reunidas?

“Se fosse assim, Deus não existiria, porquanto seria efeito e não causa. Ele não pode
ser ao mesmo tempo uma e outra coisa.

“Deus existe; disso não podeis duvidar e é o essencial. Crede-me, não vades além.
Não vos percais num labirinto donde não lograríeis sair. Isso não vos tornaria melhores,
antes um pouco mais orgulhosos, pois que acreditaríeis saber, quando na realidade nada
saberíeis. Deixai, consequentemente, de lado todos esses sistemas; tendes bastantes coisas que vos tocam mais de perto, a começar por vós mesmos. Estudai as vossas próprias imperfeições, a fim de vos libertardes delas, o que será mais útil do que pretenderdes penetrar no que é impenetrável.”

bem hajas
Título: Re: O Universo
Enviado por: La. em 12 de Maio de 2010, 03:50
Muito bom os textos, o dia que tivermos noção de toda interdependencia a qual estamos regidos, que o emaranhados de vibrações e energias que estamos emergidos fazem com o que eu sou atinja o que você é teremos uma postura de vida mais coerente e harmonica. Quando Jesus disse Eu e meu Pai somos um, é justamente nessa acepção. Como diz os orientais quando sairmos da roda do sansara, deixarmos de ser regidos pela lei do Carma e da Justiça e encontramos nosso Darma, perderemos nosso livre-arbritrio pois o caminho ja foi escolhido, será o caminho da luz, do bem e do amor. Aí desfalecerá o reino da Justina,para entremos em uma dimensão maior, que é o Reino do Amor, amaremos indistintamente a todos. Conceber o que é Deus foge a nossa capacidade intelectiva no momento, é o ignoniscivel dos Bahaí´s, o Imanisfetados dos ocultista, A causa primaria de nós espiritas!
Título: Re: O Universo
Enviado por: Vitor H em 13 de Maio de 2010, 18:52
Para nós seres humanos é impossivel conceber o que é Deus, pois somos limitados pelos meios orgânicos de exprimir todo nosso intelecto.
Ao projetarmos num plano muito elevado talvez possamos ter idéia do que é se "unir a Deus". Sintonia