Forum Espirita

GERAL => Outros Temas => Eventos / Notícias => Tópico iniciado por: Edna☼ em 12 de Janeiro de 2012, 16:08

Título: Campanha tombamento do apartamento em que viveu Allan Kardec
Enviado por: Edna☼ em 12 de Janeiro de 2012, 16:08
Campanha pelo tombamento do apartamento em que viveu o codificador do Espiritismo

Campanha pelo tombamento do apartamento em que viveu o codificador do Espiritismo, em Paris, lançada pela Associação Amigos da Criança, de Campinas, SP, em outubro de 2010, já conta com milhares de assinaturas e continua recebendo adesões através de sua página na internet.

O Manifesto Allan Kardec tem como objetivo principal resgatar a memória espírita em seu berço de nascimento, a França.

Para que esse desejo possa se tornar realidade, a AMIC lançou uma campanha pelo tombamento do apartamento em que viveu Kardec com sua esposa, Amelie Gabrielle Boudet, em Paris. Foi nesse espaço, Rua dos Mártires, número 8, que ele traçou as primeiras linhas da obra maior, O Livro dos Espíritos, organizou a Codificação e viveu o primeiro contato com o Espírito de Verdade.
 
Uma carta endossada ao prefeito de Paris foi registrada no correio local e enviada uma petição de tombamento desse espaço, para que a comunidade espírita possa se beneficiar do acervo cultural que representa esse pensador, escritor e cientista do século dezenove. Por intermédio dele, foi criada uma ordem de ideias, que além de ressignificar a vida, salva a humanidade em seu desespero social e ecológico e a auxilia na sua intensa busca de felicidade.

Para apoiar esse movimento, acesse www.manifestoallankardec.com.br (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5tYW5pZmVzdG9hbGxhbmthcmRlYy5jb20uYnI=).

Outras informações podem ser obtidas também pelo telefone (19) 3287-7352

Fonte:  RBN

Título: Re: Campanha tombamento do apartamento em que viveu Allan Kardec
Enviado por: Anton Kiudero em 12 de Janeiro de 2012, 16:21
E finalmente passa a nascer São Kardec. Tava demorando mesmo. Agora com direito a apartamento e exposição da mesa onde escreveu, da cadeira onde sentou, da cama onde dormia e da cozinha de onde provinha o seu alimento.

É um festival de besteiras que vai frontalmente contra tudo o que estudou e ensinou em vida, alem de ser contrario ao que ensina a DE.

Mas como a cegueira humana é infinita, esta iniciativa tem boas chances de virar mais um 'fato espirita', daqueles que apenas afastam o espirito de sua transformação interior.

Fiquem EM Deus,
Anton


 
Título: Re: Campanha tombamento do apartamento em que viveu Allan Kardec
Enviado por: maria.ma@ em 12 de Janeiro de 2012, 17:44
Igualdade diante do túmulo

823 De onde vem o desejo do homem de perpetuar sua memória com monumentos fúnebres?

– Último ato de orgulho.

823 a Mas a suntuosidade dos monumentos fúnebres, muitas vezes, não é feita pelos parentes que desejam honrar a memória do falecido e não pelo próprio falecido?

– Orgulho dos parentes que desejam glorificar a si mesmos. Nem sempre é pelo morto que se fazem todas essas demonstrações: é por amor-próprio, pelo mundo e para ostentar riqueza. Acreditais que a lembrança de um ser querido seja menos durável no coração do pobre, porque só pode colocar uma flor no túmulo do seu parente? Acreditais que o mármore salva do esquecimento aquele que foi inútil na Terra?
Título: Re: Campanha tombamento do apartamento em que viveu Allan Kardec
Enviado por: filhodobino em 12 de Janeiro de 2012, 18:04
Então amados irmãos,
Essa estória de tombamento, mais se me afigura como reserva de mercado de restaurador...
Mas se ao invés, de evitar a derrubada... derrubar apurar o material servível, fazer um mutirão e construir casas mais humildes que servirão de teto para os mais pobres... O pior de tudo é que lei de tombamento é lei que impede o proprietário de tornar um útil, fazer farofa com farinha dos outros.
A natureza é sábia, tudo retorna ao princípio... Penso, com licença dos nobres colegas conservadores, que a palavra está correta... tombamento... deixa tombar, cair, sem mais delongas.
É só uma opinião. O que a maioria decidir, filhodobino resigna-se.
Saúde e Paz!
Título: Re: Campanha tombamento do apartamento em que viveu Allan Kardec
Enviado por: Mourarego em 12 de Janeiro de 2012, 19:22
Esse papo de tombamento me fez lembrar um bordão de certo personagem da comicidade brasileira, dizia ele: Lá vem o gollllpeeeeee"
Abraços,
Moura
Título: Re: Campanha tombamento do apartamento em que viveu Allan Kardec
Enviado por: Moises de Cerq. Pereira em 12 de Janeiro de 2012, 20:02
Olha !

Não sou contra
Os amantes da arte e da história
possuirão locais e referências
que muito lhes ajudarão

Se cabe o Titulo de São Kardec
para quem já recebeu ataques e traições...
ironias e cozações não diminuirão seu valor.

Cabe também o interesse e o respeito a memória.
deste significante homem.
seus feitos.
Um marco na história.

Kardec merece todas as honras que cabe a um homem de bem.

Compete tal ação aos espíritas e interessados
que isso podem realizar.
Título: Re: Campanha tombamento do apartamento em que viveu Allan Kardec
Enviado por: Mourarego em 12 de Janeiro de 2012, 20:33
Mano Moisés,
aqui cabe uma colocação:
Qual a importância do tombamento de algo material no sentido do bem geral que a doutrina prescreve?
Responda a esta questão com a sabedoria de sempre que por certo o amigo mudará a opinião.
Isso para não tocar no sentido claro de endeusamento que a idéia propõe.
Abração,
Moura
Título: Re: Campanha tombamento do apartamento em que viveu Allan Kardec
Enviado por: Aimoré em 12 de Janeiro de 2012, 21:34
Se quisermos honrar realmente  a memória de Kardec, temos que trabalhar para divulgar a Doutrina e nos esforçarmos para sermos pessoas de bem.Acho que seu Espírito,onde quer que esteja,ficará mais satisfeito.
Título: Re: Campanha tombamento do apartamento em que viveu Allan Kardec
Enviado por: Mourarego em 13 de Janeiro de 2012, 13:16
Tô contigo e não abro, caro Cacique!
Abração,
Moura
Título: Re: Campanha tombamento do apartamento em que viveu Allan Kardec
Enviado por: Moises de Cerq. Pereira em 13 de Janeiro de 2012, 15:03
Moura

Qual a importância do tombamento de algo material no sentido do bem geral que a doutrina prescreve?

Ao meu ver sua colocação é apenas uma tentativa de assossiar algo para desmerecer os interesses alheio de um outro algo.

Uma coisa é um documento hitórico, um registro, uma prova...Um bem, por que não?
se alguém pode fazer isso, não descaracterizará o Espiritismo, pelo contrário, o propagará em caratcteres físicos., social.
a Outra
É o conjunto dos ensinos dos Espírto, que não é esta questão.
...

Sobre o bem que pudermos ser ou praticar
atinge a nós.
Em respeito ao Criador.
E beneficia o próximo por não o molestarmos.

Uma coisa interessante é não fazer panela
se não tudo que um coloca
vem o comboio de aviões e detona
ai o outro coloca vem um outro comboio e fazem o voo razante

ai não né.

Título: Re: Campanha tombamento do apartamento em que viveu Allan Kardec
Enviado por: Edil Curvelo em 13 de Janeiro de 2012, 15:27
Não se pode negar que esse ato tenderia a transformar o tal local em algo "sagrado" que levaria consequentemente a idolatria que só faz cegar ainda mais os homens. Acho que, em respeito a todos os atos, temos que pesar as consequências numa balança. E se faz mais mal do que bem, então não fazemos.

Um abraço,
Edil
Título: Re: Campanha tombamento do apartamento em que viveu Allan Kardec
Enviado por: Moises de Cerq. Pereira em 13 de Janeiro de 2012, 15:36
Afirmar-se-á então que o Espirtismo proclama a idolatria, e a criação de Relíquias Sagradas,
Oras, é justamente isto que ela,a Doutrina esclarece.

Então penso eu, os direitos aos bens e aos valores sociais também temos.

Edil !

A DE não esina a Idolatria.

Existe vocabulário Espírta (interessante né!)

Por que não o tombamento
na Terra da Arte
na Cidade Luz?

Onde ocorreu o advento do Cristo.

Título: Re: Campanha tombamento do apartamento em que viveu Allan Kardec
Enviado por: Edil Curvelo em 13 de Janeiro de 2012, 15:57
Meu amigo Moisés, eu te compreendo perfeitamente! Mas uma coisa é aquilo que pensamos, e  outra é aquilo que levamos os outros a pensar.
No entanto eu realmente sou suspeito pra falar porque não sou chegado a monumentos, homenagens e a nada deste rol.
Allan Kardec já foi imortalizado pelo legado que deixou, e que não é pouco!...

Um abraço,
Edil
Título: Re: Campanha tombamento do apartamento em que viveu Allan Kardec
Enviado por: **SOL** em 14 de Janeiro de 2012, 10:46
Concordo plenamente com Aimoré,faço minha suas palavras...
Título: Re: Campanha tombamento do apartamento em que viveu Allan Kardec
Enviado por: Hebe M C em 14 de Janeiro de 2012, 11:24
 :D Pois que todos guardem na memoria e através dos Livros quem foi Kardec e doem a quem precisa seus bens materiais.



Um abç
Hebe
Título: Re: Campanha tombamento do apartamento em que viveu Allan Kardec
Enviado por: Mourarego em 14 de Janeiro de 2012, 14:20
Moura

Qual a importância do tombamento de algo material no sentido do bem geral que a doutrina prescreve?

Ao meu ver sua colocação é apenas uma tentativa de assossiar algo para desmerecer os interesses alheio de um outro algo.

Uma coisa é um documento hitórico, um registro, uma prova...Um bem, por que não?
se alguém pode fazer isso, não descaracterizará o Espiritismo, pelo contrário, o propagará em caratcteres físicos., social.
a Outra
É o conjunto dos ensinos dos Espírto, que não é esta questão.
...

Sobre o bem que pudermos ser ou praticar
atinge a nós.
Em respeito ao Criador.
E beneficia o próximo por não o molestarmos.

Uma coisa interessante é não fazer panela
se não tudo que um coloca
vem o comboio de aviões e detona
ai o outro coloca vem um outro comboio e fazem o voo razante

ai não né.

Mano Moisés, não vou repetir a piadinha sobre adivinhações tá? :)
Porém peço-lhe encarecidamente, me explique a real intenção daquele que primeiro teve a idéia, ou mesmo a do último.
Tás a ver? Não podes responder com certeza né?
Aliás, nem mesmo sobre a minha intenções podes mais do que lançar uma hipótese tendente a erro!
Abraços,
Moura
Título: Re: Campanha tombamento do apartamento em que viveu Allan Kardec
Enviado por: drika.web em 17 de Janeiro de 2012, 12:19
Olá amigos.

Discussões acesas acerca do assunto, né? Mas acho que pode até ser bom num sentido: divulgação. Temos de ver o lado positivo do negativo ;o) Pode ser que uma pessoa qualquer que vá visitar a casa, se interesse pelo assunto, passe a pesquisar e quem sabe até praticar a caridade que a Codificação tanto frisa. Uma certa vez, antes de abraçar a DE, eu visitei a casa de Bezerra de Menezes, que é muito perto de Uberaba, e isso foi muito bom para abrir os meus olhos para o caminho correcto. Quem sabe isso não acontece com outras pessoas também, né?

Facto similar aconteceu em Uberaba, minha terra natal. Fizeram um museu da casa do Chico. E muitas pessoas vão lá, a princípio curiosas, e mais tarde interessadas pelas boas acções que Chico praticou e pelo seu exemplo de vida. A DE foi e está a ser muito difundida graças também a isso.

De qualquer forma, o tombamento não me aborrece. Quanto às intenções da pessoa ou pessoas que estão por trás desta campanha, sejam elas boas ou más, a Providência se encarregará de gratificar ou de punir, se for o caso.

Ainda bem que pensamos de modo diferente, ou tudo seria muito monótono! ;o)

Beijos de luz,
Drika