Forum Espirita

GERAL => Outros Temas => Espiritismo & Jovens => Tópico iniciado por: dOM JORGE em 10 de Julho de 2019, 19:28

Título: Infância e qualidade ambiental
Enviado por: dOM JORGE em 10 de Julho de 2019, 19:28
                                                               VIVA JESUS!




              Boa-tarde! queridos irmãos.




                     
Infância e qualidade ambiental

 

“A história da vida na Terra tem sido uma história de interação entre coisas vivas e seus ambientes.”Rachel Carson

 

A qualidade ambiental determina a saúde da criança e influencia fortemente o seu desenvolvimento físico e mental.

O reconhecimento das políticas nacionais e internacionais sobre a vulnerabilidade da infância indica um avanço e expectativa de que os países adotem cada vez mais legislações que protejam a infância dos efeitos nocivos da exposição à degradação ambiental.

Hoje em dia, os principais problemas ambientais que afetam o desenvolvimento saudável da criança se agrupam em três grandes áreas, principalmente: riscos básicos (Qual é a fonte de água na casa?; Onde a criança brinca? No bairro existe esgoto?); riscos modernos (Qual a proximidade da casa com plantações ou com rios poluídos?); riscos mais recentes (crianças em risco de desastres em razão da mudança climática, por exemplo).

A chave para a proteção da infância é a prevenção, o que depende de esforços conjuntos para a realização de ações integradas do poder público e da sociedade civil para que pais, escolas e também as próprias crianças estejam informadas sobre a importância da preservação do meio ambiente para a proteção da infância, porque um ambiente ecologicamente equilibrado é essencial para a saúde e o desenvolvimento infantil.

Notinhas

Estudos recentes alertam que é prudente minimizar a exposição à poluição do ar durante a gravidez e a infância – períodos-chave para o desenvolvimento do cérebro.

Em 2019, a poluição do ar é considerada pela OMS como um dos maiores riscos ambientais para a saúde. Segundo a OMS, 93% das crianças e adolescentes do planeta (1,8 bilhão de pessoas) respiram diariamente ar poluído capaz de prejudicar a saúde.

Em casa, os pais podem orientar os filhos a respeito da qualidade ambiental por meio de atitudes simples: não desperdiçar água; ensinar a regra dos três Rs (reduzir, reutilizar e reciclar); promover trocas de roupas e brinquedos; fazer hortas e jardins; andar mais a pé; não usar sacolas plásticas...


           Eugênia Pickina









                                                                                                       PAZ, MUITA PAZ!