Forum Espirita

CONVÍVIO => Off-topic => Convívio => Tópico iniciado por: Taprobana em 27 de Janeiro de 2009, 15:19

Título: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Taprobana em 27 de Janeiro de 2009, 15:19
Olá amigos!

Após ultrapassar um período de reflexão acerca deste tema, chegou a altura de expor à vossa apreciação a racionalidade assertiva ou não do que transcrevo.

Como é possível existir vida encarnada em todos os planetas se a ciência diz que não há? Nesse caso que tipo de vida aí existe?

Este tipo de dúvidas chegam até nós, porque aparentemente, nos foram transmitidas algumas informações constantes nas obras de Kardec, desprovidas das necessárias explicações lógicas e de enquadramento racional e científico.

Este facto leva a que se sinta a necessidade de encontrar respostas que complementem áreas de informação, não devidamente objectivada.

Observando então o princípio da honestidade intelectual, observando o princípio da liberdade racional, tentando manter uma posição livre e descomprometida, não submissa a ideias e valores subjectivamente adquiridos, não fazendo das obras da codificação espírita um suporte de uma crença cega e inabalável acerca de tudo o que ela contém, não nos resta outra alternativa que não seja o de colocar este tipo de informação no mesmo local onde devem de estar todas as outras que carecem de explicação: na prateleira do desconhecido.

O que se observa, é que na codificação espírita, todas as questões relacionadas com o nosso universo de existência, relacionadas com tudo aquilo que de facto tem utilidade para a nossa evolução, foram-nos transmitidas de tal forma, que não nos resta a mínima duvida acerca da sua veracidade, acerca da sua elevação, acerca das razões porque foram transmitidas, acerca da forma como as coisas se processam, sendo possível ai reconhecer a elevação suprema sempre enquadrada com a palavra amor.

Os espíritos ensinaram-nos, e muitos de nós o podem constatar pessoalmente através do seu exercício, que os mecanismos da mediunidade são ainda complexos para o nosso entendimento. Sabemos sem sombra de dúvida, das imensas possibilidades que existem das mensagens transmitidas não serem sempre exactamente aquelas que o espírito que comunica pretende transmitir. Conhecemos pelo estudo e pela prática, que nem sempre o médium está completamente ausente, nem sempre consegue transmitir as coisas de forma a que estas não sejam adulteradas pela sua própria e inconsciente intervenção. São os próprios espíritos que se queixam deste “ruído” nas comunicações.

Sabemos também, que a espiritualidade superior tem todo o seu interesse focado nos assuntos que de facto sejam úteis para a evolução da humanidade. Seria para nós inimaginável que Jesus ocupasse o seu tempo a explicar-nos a forma como as coisas se processam, sem que isso de forma alguma estivesse relacionado com a nossa própria elevação, sem que esses ensinamentos estivessem envoltos na esfera do seu imenso amor.

Não me parece ser de todo irreflectido admitir, que aquando da codificação do espiritismo, a curiosidade natural do ser humano não estivesse presente no sentido de aproveitar a oportunidade, de forma a tentar saber e conhecer as obras de Deus, sem que para isso tenham realizado qualquer esforço no sentido da descoberta e do conhecimento.

Este tipo de revelação não parece estar enquadrada com aquilo que sabemos ser a transmissão da verdade que desde sempre ao homem foi dada a conhecer pelos espíritos de luz que por aqui encarnaram.

O conhecimento do facto da existência ou não vida em outros planetas, e de que forma ela se desenvolve, parece ser do domínio da ciência. Essa resposta e outras dentro desta área do conhecimento, deverá ser obtida a seu tempo fruto, fruto do esforço da humanidade para o consumar desse objectivo e não serem “oferecidas” pela espiritualidade.

Não parece ser de todo impossível, tal como acontece hoje com aqueles que exercem a mediunidade, que a espiritualidade que assiste às respostas a este tipo de questões, não seja a mesma que responde à questão de elevação suprema:

- Qual o caminho do amor?

Respondem os espíritos nas obras de Kardec, que esse caminho é possível encontrar através do conhecimento da nossa condição, da imortalidade da nossa alma, nos motivos que nos levam a vivenciar vidas de sacrifício, de sofrimento, nas informações acerca das perspectivas que se abre sobre todos nós na certeza da felicidade vindoura, na inevitabilidade do nosso percurso na direcção da perfeição.

Informações acerca da justiça sublime de Deus que afinal a ninguém pune, dando-nos a conhecer os motivos dos nossos sofrimentos e apontando de forma inequívoca o caminho da nossa felicidade.

Todo isto envolto numa lógica racional de todo irrefutável, perfeitamente harmonizada com o que desde sempre nos foi transmitido, tornando claro a todos nós o sentido das palavras de Jesus.

Todos os esforços de bondade dos espíritos da verdade têm um único e simples objectivo… ajudar cada um de nós a encontrar o caminho do amor, dando-nos as suas mãos e com elas ajudar-nos a percorrer esse percurso.

É possível que os espíritos de luz que nos transmitem estes conhecimentos sejam os mesmos que nos ensinam, por exemplo, que afinal há vida em Júpiter?

Um abraço amigos
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Taprobana em 28 de Janeiro de 2009, 14:02
Olá amigos!

Relativamente à obra “A Génese”:

Extracto do texto introdutório da obra “A Génese”
36ª edição Tradução de Guillon Ribeiro da 5ª edição francesa

Citar
… com exceção, todavia, de algumas teorias ainda hipotéticas, que tivemos o cuidado de indicar como tais e que devem ser consideradas simples opiniões pessoais, enquanto não forem confirmadas ou contraditadas, a fim de que não pese sobre a doutrina a responsabilidade delas. (1)

(1) Nota da Editora: Ao leitor cabe, pois, durante a leitura desta obra, distinguir a parte
apresentada como complementar da Doutrina, daquela que o próprio Autor considera hipotética e pessoalmente dele.

Sabemos que a leitura desta obra, como podemos verificar através do alerta expresso pelo próprio Kardec, deve ter em conta um cuidado especial, pois de apesar de ter sido como as demais confrontada com os ensinamentos gerais dos espíritos, contém teorias hipotéticas e simples opiniões pessoais, que muitas delas poderão estar já hoje seriamente comprometidas. Não podemos ignorar o facto que a ciências desenvolveu mais nos últimos 150 que nos 2000 que nos distanciam da passagem de Jesus pela Terra. Pode estar neste pormenor a explicação para muitas das questões que hoje se levantam perante a doutrina espírita no que se refere à sua intromissão em campos que aparentemente seriam da competência e da capacidade do conhecimento dos Homens.

Capitulo 1, Numero 13 desta obra, cito:
Citar
…porque os pontos fundamentais da doutrina provêm do ensino que deram os Espíritos encarregados por Deus de esclarecer os homens acerca de coisas que eles ignoravam, que não podiam aprender por si mesmos e que lhes importa conhecer, …

Este facto é a meu ver da máxima importância na apreciação acerca da proveniência das mensagens que até nós chegam através do mundo espiritual. O que se observa é que este ponto fundamental, raramente é tido em conta… que mais-valias trazem á nossa evolução, informações que meramente tentam antecipar o percurso natural do conhecimento do Homem? Este tipo de revelações que hoje em dia recebemos, muitas das vezes proféticas, devem segundo penso ser observadas com o máximo das reservas, pois em nada são condizentes com aquilo que supostamente deveriam ser a continuidade da transmissão da mesma verdade ditada por Jesus.

Capitulo 1, Numero 30, cito:
Citar
O Espiritismo, partindo das próprias palavras do Cristo, como este partiu das de Moisés, é conseqüência direta da sua doutrina.

Capitulo 1, Numero 41, cito:
Citar
O Espiritismo, longe de negar ou destruir o Evangelho, vem, ao contrário, confirmar, explicar e desenvolver, pelas novas leis da Natureza, que revela, tudo quanto o Cristo disse e fez; elucida os pontos obscuros do ensino cristão, de tal sorte que aqueles para quem eram ininteligíveis certas partes do Evangelho, ou pareciam inadmissíveis, as compreendem e admitem, sem dificuldade, com o auxílio desta doutrina; vêem melhor o seu alcance e podem distinguir entre a realidade e a alegoria; o Cristo lhes parece maior: já não é simplesmente um filósofo, é um Messias divino.

Não será este o fundamento único que movem os Espíritos da Verdade?

Um abraço amigos
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Taprobana em 31 de Janeiro de 2009, 14:31
Olá amigos!

É um facto, a existência de múltiplas respostas dadas pelos espíritos no decurso das obras de Kardec que não foram e à época não puderam da mesma forma como hoje podem ser, revistas pelo crivo da razão e do conhecimento.

Não querendo estar aqui a debater questão por questão o que pode ter ou não o selo da providência divina, não posso deixar de referir as propriedades dadas por alguns espíritos à electricidade (como se esta pudesse de alguma forma substituir as propriedades do sol), na altura ainda não compreendida pela ciência, que ainda não tinha chegado à compreensão da composição das estruturas moleculares e muito menos ao conhecimento da causa que provoca os efeitos evidenciados por essa forma de energia, o electrão.

Aqui, tal como em outras áreas do conhecimento abordadas, somente através de exercícios de imaginação poderão ser encontradas justificações para este tipo de “revelação”, todas eles necessariamente iniciados por expressão como: Só se… isto poderá querer dizer…  talvez… todas elas especulativas e muito distantes dos resultados admitidos pelo próprio Kardec.

Não me parece de todo benéfico para a divulgação de uma doutrina que contem em si mesmo ensinamentos de inquestionável importância para a humanidade, que o trigo não seja separado do joio.

Conhecendo cada um de nós a atitude nobre e desinteressada que Kardec tinha perante aquilo que considerava ser ou não passível, de ser integrado na real observação da verdade, penso que não nos restam dúvidas acerca da posição que teria, perante algumas “revelações” que à época escaparam-se por entre as suas malhas ainda por demasiado abertas do conhecimento.

Que atitude deverão então ter aqueles, que hoje têm a responsabilidade da divulgação desta doutrina?

Que faria Kardec se estivesse entre nós hoje encarnado?

Até que ponto uma atitude submetida a verdades perfeita e facilmente questionável pela ciência vai de encontro aos princípios do próprio espiritismo?

Sabendo que a partir do momento em que algumas “verdades” podem ser questionadas a Verdade também o poderá ser, sabemos também, que tal como sempre aconteceu aquando da sua transmissão através dos séculos, somente ela mesmo sobrevive a todos os tempos.

Um abraço amigos
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Vitor Santos em 31 de Janeiro de 2009, 15:19
Olá

Citar
Que faria Kardec se estivesse entre nós hoje encarnado?

A avaliar pelos dados que nos chegam de quem era Kardec, estou certo que ele aceitaria como verdade apenas aquilo que os espiritos disseram, após a confirmação e teste da corência com o que já se conhecia, o mais exaustivas possivel.

Era um homem honesto e inteligente, de grande instrução para a época. Por isso não admitia como verdade algo que a ciência provasse que era falso. A ciência, por enquanto, não prova nem deixa de provar que Deus existe, que é possvel a comunicabilidade dos espiritos com os seres encarnados, que é possivel a reencarnação. Logo, as mesmas condições que levaram Kardec a admitir essas possibilidades, ainda se mantêm hoje. 

No que diz respeito ao espiritismo, Kardec lutava pela verdade, sem pensar nos seus interesses pessoais. Para ele, não bastava a palavra de um só homem, de um só médium ou de um só espirito. Era necessário verificar se outros outros médiuns independentes, obtinham comunicações que não fossem contraditórias.

Kardec não nos pede que acreditemos nele, nem no que ele escreveu. Pede que cada um analise as coisas com máxima simplicidade, objectividade, racionalidade, honestidade, humildade e rigor possiveis. Que os interesses materiais sejam separados das actividades que têm a haver com as coisas do espirito, pois onde não há interesse material, reduzem as hipóteses de corrupção.   

Em relação aos planetas do sistema solar habitados, é necessário esclarecer que nós não conhecemos todas as formas de vida elementares ou complexas. Que o facto de não se terem encontrado vestigios de vida nos planetas vizinhos, é uma razão para não acreditar que exista vida material nos mesmos, do género da que conhecemos aqui na terra, mas não é razão para poder afirmar com absoluta certeza de que não há, ou havia, no tempo de Kardec, outras formas de vida nos planetas do sistema solar, que ainda nos escapam.

O homem ainda está a dar os primeiros passos na investigação espacial. As sondas espaciais ainda só nos deram uma pequena amostragem dos planetas vizinhos. A prova da não existência de qualquer tipo de vida neles não é, de modo nenhum, um assunto já encerrado. Eu, pessoalmente, não ponho as mãos no fogo, quer seja por aqueles que garantem a existência de vida noutros planetas do sistema solar, nem por aqueles que dizem que não existe. Acho que ainda é cedo para chegar a conclusões definitivas.

Mas, admitindo, por hipótese, que a ciência já seria capaz de provar, sem sombra de dúvida, que não existe vida de nenhuma espécie, tangivel ou intangivel para nós, simples ou complexa, nos planetas do sistema solar. Que diria Kardec? Diria, decerto: sigamos o que diz a ciência, posto que há provas irrefutáveis.

bem hajam
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Taprobana em 31 de Janeiro de 2009, 16:15
Olá Vítor!

Citar
Kardec não nos pede que acreditemos nele, nem no que ele escreveu. Pede que cada um analise as coisas com máxima simplicidade, objectividade, racionalidade, honestidade, humildade e rigor possiveis. Que os interesses materiais sejam separados das actividades que têm a haver com as coisas do espirito, pois onde não há interesse material, reduzem as hipóteses de corrupção.
   

Muito bem Vítor. Partilho desta tua reflexão que sintetiza de forma excelente, o que penso ser importante saber acerca dos princípios da observação da verdade segundo a doutrina espírita.

No entanto, penso não ter sido suficientemente competente no focalizar daquilo que realmente pretendo em conjunto reflectir.

Citar
Capitulo 1, Numero 13 desta obra, cito:
Citar
…porque os pontos fundamentais da doutrina provêm do ensino que deram os Espíritos encarregados por Deus de esclarecer os homens acerca de coisas que eles ignoravam, que não podiam aprender por si mesmos e que lhes importa conhecer, …

Não te parece que saber por exemplo, da existência ou não de vida encarnada nos planetas do nosso sistema solar, é do domínio da ciência dos Homens?

Citar
Capitulo 1, Numero 30, cito:
Citar
O Espiritismo, partindo das próprias palavras do Cristo, como este partiu das de Moisés, é conseqüência direta da sua doutrina.

Capitulo 1, Numero 41, cito:
Citar
O Espiritismo, longe de negar ou destruir o Evangelho, vem, ao contrário, confirmar, explicar e desenvolver, pelas novas leis da Natureza, que revela, tudo quanto o Cristo disse e fez; elucida os pontos obscuros do ensino cristão, de tal sorte que aqueles para quem eram ininteligíveis certas partes do Evangelho, ou pareciam inadmissíveis, as compreendem e admitem, sem dificuldade, com o auxílio desta doutrina; vêem melhor o seu alcance e podem distinguir entre a realidade e a alegoria; o Cristo lhes parece maior: já não é simplesmente um filósofo, é um Messias divino.

Não será este o fundamento único que movem os Espíritos da Verdade?

Onde vês que possam residir as explicações para que a intervenção dos espíritos tenham ultrapassado de forma clara este principio fundamental, que faz do espiritismo a revelação da Verdade Consolada, a verdade acerca da nossa condição de seres imortais, a verdade de estar nas mão de cada um de nós as ferramentas necessárias na certeza de atingir a felicidade?

Sabermos, como consequência da nossa condição de seres imortais, como consequência do nosso processo evolutivo, da existência das múltiplas moradas e dos processos através dos quais por elas vamos passando, não é por si só necessário e suficiente no complementar da mensagem que Jesus nos deixou?

Se poderes avaliar a razão científica das afirmações dos espíritos que por exemplo abordam o papel da electricidade nos mundos mais afastados do sistema solar poderás ai encontrar motivos práticos que alicerçam os factos desta minha reflexão.

Claro que poderia dizer tal como te referes à possibilidade de vida em outros planetas, que por isto e por aquilo poderá haver razão ao espírito, no entanto neste caso muito mais dificilmente, por muita boa vontade que exista nesse sentido… mas um espírito de luz com todo o esplendor do seu conhecimento não teria por si só consciência dos “problemas” que este tipo de informação traria inevitavelmente à doutrina?

Mais uma vez… em que é que esse tipo de abordagem importa à nossa evolução espiritual, vista com os olhos com que Jesus a viu?

Um abraço, amigo.
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Zuleica em 31 de Janeiro de 2009, 16:27
Minha opinião Amigos!


Sabemos que a mediunidade é muito complexa.

 REVELAÇÃO DIVINA é sempre PERIÓDICA e PROGRESSIVA.


Uma Carta de BEZERRA DE MENEZES

Na segunda parte do livro, após o Dr. Bezerra trazer dezenas de informações sobre a possibilidade das várias vidas e reencarnações sobre a Terra, inclusive anotando os nomes das religiões e seitas que admitiam esta crença e dos inúmeros pensadores, religiosos e filósofos que também sustentavam nesta hipótese (na primeira parte, destes trabalhos) o Dr. Bezerra vai agora, provar ao seu irmão MÁRIO SOARES DA SILVA BEZERRA, como gradualmente se deram as REVELAÇÕES de Deus, aos homens.

     Bezerra nos explica, o que cada revelação trouxe de novidades, do ponto de vista Divino e o que cada revelação revoga os erros dos pensamentos e das Leis humanas aplicadas sobre as revelações anteriores.
 

Uma carta de Bezerra de Menezes – Publicada originalmente no Reformador, durante o período de 3 de outubro de 1920 a primeiro de maio de 1921, sob o título de “Valioso Autógrafo”, posteriormente saindo como opúsculo intitulado A doutrina espírita como filosofia teogônica.Carta dirigida a seu irmão Manoel Soares Bezerra, líder católico de Fortaleza, confrontando as teses cristã e católica, tecendo considerações profundas de filosofia religiosa, cuja abordagem culmina com a apresentação dos antecedentes históricos do espiritismo e princípios doutrinários como inferno e reencarnação. Chegou a ser publicado pela Edicel, com o título A doutrina espírita, sob a orientação de Freitas Nobre.



Abracos Fraternos
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Vitor Santos em 31 de Janeiro de 2009, 18:48
Olá Zuleica

Concordo plenamente contigo. As revelações anteriores, por estarem elaboradas para os homens da época (Para parte da revelação de Jesus parece-me que nem nesta época ainda estamos preparados...), t~em sempre vindo actualizadas.

A questão é saber se já houve ou não outra(s) revelações crediveis depois de Kardec, que viessem actualizar as anteriores.

bem hajas
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Gigii em 31 de Janeiro de 2009, 18:59
Caro Taprobana, a sua colocação é pertinente...

Antes de dar a minha opinião, uma pergunta: o que significa para si Espíritos da Verdade?
Espíritos detentores da Verdade? Espíritos iluminados, puros?

Relembro que a maioria dos espíritos que responderam a Kardec disseram os seus nomes, ou melhor , o nome das suas ultimas encarnações terrestres ou aquelas em que se destacaram pelo bem que praticaram. Mas muitos mantiveram-se no anonimato.

Existe algum espírito detentor da Verdade para além de Deus?

Parece-me que seja que espirito for, por maior que seja a sua evolução moral, ele não deixa de estar condicionado a dar a sua opinião, a sua visão da Vida, do Universo, da sua Verdade.

Depois temos a situação que você, muito bem expôs, do animismo do médium. Quanto mais leio sobre o assunto, mais creio que não existe mediunidade sem qualquer influência do médium. Logo, não nos devemos restringir às palavras, mas sim assimilar o todo das respostas, o seu fundamento.

Até hoje, continuo sem compreender porque se menciona constantemente que Kardec passava tudo pelo crivo da razão, que Kardec, afirmou (você transcreveu uma passagem) que fazia observações pessoais, levantava hipóteses, e no entanto, cingem-se aos livros da codificação, decorando perguntas e respostas, sem olhar mais além...
E o que é que fez Kardec na época? Foi mais além...investigou...

Que medo é esse de descobrir coisas novas? Dizem que a ciência não comprovou a existência de Deus, mas não faltam trabalhos de investigação de cientistas (Deepack Chopra; Amit Goswami...os que lembro agora de repente, mas há mais) a comprovar que não é possivel a "não existência de Deus" !

Também não entendo as dúvidas levantadas sobre se há vida ou nao, neste ou naquele planeta, pois se o Universo está repleto de espíritos...como aceitar que Deus criou planetas (que são seres vivos) para estarem ao abandono a "decorar" o Espaço sem qualquer finalidade?

Eis a minha conclusão pessoal: o Livro dos Espíritos é o livro mais completo que alguma vez se escreveu, porque ele dá indicações a cada um para se transformar num ser humano melhor, mais feliz. Seja lá quem fôr o Autor das mensagens, o que importa mesmo é o conteúdo. E mesmo que pelo meio existam contradições, questões dúbias ou sem resposta objectiva, ele veio na hora certa para despertar quem ainda (nós!!) precisa de noções básicas sobre a vida.
Daqui a uns anos, virão novas perspectivas, pelas mãos de outros espíritos, cada vez mais evoluidos, pois essas serão as nossas necessidades...

Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Vitor Santos em 31 de Janeiro de 2009, 19:28
Olá Away

Gostei muito da tua intervenção. Disseste muito em poucas palavras.

bem hajas
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Zuleica em 31 de Janeiro de 2009, 19:32
Amigos..

REVELAÇÃO DIVINA é sempre PERIÓDICA e PROGRESSIVA.

Kardec foi o que alavancou o Espiritismo...Isto não significa que tudo que codificou não vai  sofrer alteração.Outras revelações serão acrescentadas dando mais profundidade ao assunto.Acredito que nem tudo foi revelado na época.

Doutrina Espírita também está evoluindo como tudo no Universo.Lei do progresso.

à medida que o homem vai  ampliando o grau de consciência, vai tendo maior entendimento para compreender as revelações espirituais.

Pela mediunidade de Chico o Espiritismo continua a evoluir.

Através de Irmãos Espirituais que continuam a coloborar com a obra, trazem seguidamente novos conselhos, ajudando-nos a encontrar a nossa auto-iluminação. 

Nada fica na inércia.

Luz e Paz á todos!
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Taprobana em 01 de Fevereiro de 2009, 11:56
Olá amigos!

Olá amigos Vítor Santos, Zuleica, Away! Olá amigos!

Amiga Away!

Concordo completamente consigo quando aponta vários autores e felizmente existem muitíssimos, que nos trazem ensinamentos e motivos de reflexão de todo fundamentais, preciosas ferramentas que nos oferecem, de forma a tornar possível encontrarmo-nos connosco mesmo, no sentido de entendermos o nosso próprio Eu, no sentido de verificarmos a importância que tem a nossa consciência estar sempre desperta e alerta, de forma a viver e observar o momento presente, o único que de facto existe e o único que nos pode permitir o consumar do nosso processo evolutivo.

Também todos aquele que nos acordam para a realidade que é, o império dos maus sentimentos, que nos envolvem de tal forma que obscurecem o espírito e inibem de “ver” a luz de Deus que habita somente nas esferas do amor.

Também aqueles que habitando os domínios da ciência, que encontraram a verdade do mundo da espiritualidade no seu percurso pessoal e que tiveram a coragem de disponibilizar a sua vida e o seus conhecimentos em prol do amor ao próximo.

Enfim… o mundo do conhecimento que nos oferecem alguns autores também eles autenticos espíritos de verdade.

Para mim o significado da expressão espíritos da verdade, são sempre aqueles cujas preocupações se centram exclusivamente em questões relacionadas com a evolução da humanidade em termos espirituais, excluído todos aqueles se afastem desta área de preocupação.

Afirmar que a doutrina espírita não é uma religião, mas sim uma área do conhecimento racional e científico, só pode ser verdade dentro das suas próprias competências, não devendo extravasar-se para campos nos quais não lhe pode ser reconhecida qualificação, que se afastam de forma inequívoca do seu objecto: explicar o caminho do amor, explicar portado o caminho de Deus.

Citar
Parece-me que seja que espirito for, por maior que seja a sua evolução moral, ele não deixa de estar condicionado a dar a sua opinião, a sua visão da Vida, do Universo, da sua Verdade.

Nesse caso, não será a revelação acerca da nossa real condição de seres imortais em constante progresso, a mais-valia que esses nossos irmãos desencarnados nos podem de facto trazer, tendo em conta o conhecimento que a sua actual condição de espíritos livres lhes proporciona?

Um abraço amigos.
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Gigii em 01 de Fevereiro de 2009, 12:02
Nesse caso, não será a revelação acerca da nossa real condição de seres imortais em contante progresso, a mais-valia que esses nossos irmãos desencarnados nos podem de facto trazer, tendo em conta o conhecimento que a sua actual condição de espíritos livres lhes proporciona?


Sem dúvida, meu amigo, eu acredito no poder do amor, e que é através da educação que os espiritos se transformam.
Esses irmãos espirituais, estejam ou não totalmente certos, eles colaboraram nesse projecto de educar a humanidade, são educadores, mestres que provavelmente já superaram obstáculos com os quais nós ainda nos debatemos.
Mas não os devemos idolatrar...até porque, tal como nós, nenhum deles é perfeito, e todos estamos a caminho...
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verd
Enviado por: JC em 17 de Fevereiro de 2009, 07:12
Meus caros irmãos,

muito poderia eu dizer ou gostaria de dizer mas prefiro debater e vou faze-lo na simplicidade da linguagem e intento .

A todos vc que defendem ou dependem da crença através da ciencia, vos pergunto :

1 - A CIENCIA ACEITA ( E PROVA )  QUE UM HOMEM HÁ MILHARES DE ANOS CONSEGUIU ABIR AS AGUAS DE UM MAR, SEM QQ TECNOLOGIA ?

E VCS AQUI, ACREDITAM ?

2 - A CIENCIA ACEITA ( E PROVA ) QUE UM HOMEM  HA MILHARES DE ANOS CONSEGUIU ''O MILAGRE DOS PEIXES '' ?
E VCS AQUI ?

3 - A CIENCIA ACEITA (E PROVA) QUE UM HOMEM  RESSUSCITOU E SUBIU AOS CEUS ?
E VCS AQUI ?

5 - A LUA, COMO MATERIA, SÓ EXISTE A PARTIR DO MOMENTO QUE A CIENCIA POS LÁ OS PES E APALPOU ?

E ENTÃO ANTES , QUANDO A VIMOS TAO DISTANTE, ERA O QUE ? UM HOLOGRAMA ?

6 - A AGUA EM MARTE SÓ EXISTE DEPOIS QUE A CIENCIA, TAO CONFUSA, DIZ AGORA QUE LÁ HA GELO ?

E ANTES NÃO HAVIA PQ ? TAVA UMA SECA VIVER LA E ENTAO FEZ-SE A AGUA ?

OU SEJA , PARA MUITOS NADA EXISTE ATE QUE A CIENCIA ''DESCUBRA'' ? OU SE´RA CRIE ?

AH POBRE CIENCIA, QUE PENSA QUE SABE AQUILO QUE NADA SABE .



Mas voltando á questão do irmão TAPROBANA,

eu tenho certeza, eu disse EU, serve pra mim, pq tenho o testemunho a vivencia real, de  algumas falhas nos livros de Kardec, seja nas respostas dos espiritos ou na ma interpretação do codificador .
Mas , levo em consideração que algumas verdades não poderiam ou não deveriam ser ditas naquela epoca e talvez ainda hj ainda seja cedo para uma revelaçao coletiva e mais apropriada ou verdade sobre algumas daquelas referidas perguntas, como tb a falha dos espiritos, do codificador, entre outros motivos .

A verdade nunca é absoluta e essencialmente vem aos poucos, o que aconteceria a uma criança que soubesse certas coisas que só um adulto deve saber ?
Então se nós temos discernimento para ensinar ou revelar de acordo com a idade e capacidade de entendimento a uma criança, O QUE DIZER DE DEUS ??????


Amigos reflitam, eu bem gostaria de lhes revelar algo mais mas nao posso .
Mas reflitam , como bem propos nosso irmao TAPROBANA .


LUZ PAZ E AMOR PARA TODOS


JC


Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verd
Enviado por: Diegas em 17 de Fevereiro de 2009, 08:34
Olá.

Impossível ver este assunto se desenvolver e deixar de dar o meu 'pitaco'.

Não dá para entender (esforço-me o bastante) como alguns foristas ostensivamente se declaram 'espiritas', e ao mesmo tempo, conseguem a proeza de fermentarem tantas dúvidas em relaçao à Doutrina Espírita. No meu entender, não há meio termo, ou se aceita ou não se aceita os livros kardequianos. Não pode haver ou sobreviver um espírita, com um minimo de sensatez ou coerência, que crie tanto grilo na cabeça dos que iniciam na Doutrina.

Então, coloco-me no lugar daqueles individuos recém-chegados, oriundos de outras religiões ou filosofia materialista e que por felicidade puderam encontrar o Consolador Prometido. Mas que, ainda vacilantes, procuram aprofundar-se no conhecimento doutrinário, buscando um espaço para estudo e aprendizado, e deparam-se com este tipo de debate. Não que o debate, por si mesmo, não seja interessante e positivo.

O que preocupa são as conclusões que até o momento se chegou:

1- Alguns livros de Kardec são benquistos, outros há de se fazer ressalvas;

2- Os espiritos responsáveis pela Codificação estavam teórica e cientificamente atrasados em suas afirmações;

3- Kardec apesar de bom gênio e bom senso deixou-se (sic) ludibriar pelo animismo e as comunicações;

4- Não podemos depositar credibilidade nos espiritos que na época se comunicaram, pois os mesmos tratam-se de pessoas que passaram pelo mundo, assim como nós são cheinhas de imperfeições, equivocos e muitos erros;

5- Enfim, O Espírito de Verdade e a Codificação estão sob judice das interpretações.


Mas que tal abandonarmos as generalizações para irmos direto ao assunto, analisando aonde estão aquilo que denominam conflitos ou falhas ? Foi mencionado o caso da eletricidade, que a Ciencia desconhecia o atomo em seus detalhes infinitesimais. Poderia, neste caso, postar-nos aonde está o conflito ou a falha da Codificação ?


Abç

Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Vitor Santos em 17 de Fevereiro de 2009, 11:43
Olá JC

A ciência não domina tudo. Pelo contrário, o que falta saber é incomparável mais do que aquilo que se sabe.

Kardec explica (e eu concordo/ acredito) que a existência dos milagres, no sentido de excepção às leis naturais, não é credivel. Isto porque, acreditando que Deus é perfeito, as obras que Ele fez são perfeitas, portanto não carecem de alterações. Assim sendo, tudo o que não é explicado pela ciência hoje, não são milagres, são fenómenos naturais que a ciência ainda não explica.

Assim, os fenómenos de que fala, ou são lendas, sem correspondência com a realidade, ou são fenómenos naturais ainda não explicados.

A ressureição de Jesus, para mim nem é milagre nem fenómeno natural, pois não acredito na ressureição do corpo fisico. O que penso que terá acontecido foi um fenómeno de materialização do perispirito de Jesus. Ou seja, uma aparição de um espirito e não a ressureição de um corpo fisico.

bem haja
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Taprobana em 18 de Fevereiro de 2009, 16:38
Olá amigos!

A proposta que trago neste tópico a debate tem a haver exclusivamente com a reflexão, acerca da importância ou da falta dela que têm as comunicações dos espíritos, que pretendem “ensinar” aos Homens aquilo que é da competência do seu próprio conhecimento, afastando-se assim do fundamento desta doutrina que é dar continuidade aos ensinamentos de Jesus, revelando de forma mais objectiva e menos metafórica aquilo que desde sempre nos foi ensinado e que se prende exclusivamente acerca da verdade que não é possível ao Homem conhecer, porque para tal lhe faltam os necessários sentidos, de outra forma que não através da sua fé.

Sabemos que consoante a elevação do propósito que uma reunião mediúnica tem, assim se caracteriza a espiritualidade que a assiste. Afirmamos acerca da perigosidade que advém deste tipo de atitude e o que se observa de facto, é a frivolidade dos propósitos que na mais das vezes move as intenções.

O que se observa, tanto hoje como mesmo à época da elaboração da obra de Kardec, que tendo em conta a natural curiosidade do Homem, tendo então oportunidade de observar a real existência do mundo espiritual, a tente desse modo satisfazer, colocando questões cujas respostas em nada interessam para os objectivos da nossa evolução na direcção do amor.

Assim, o que parece ser importante é nossa própria reforma interior, que possibilita o continuar do nosso natural percurso, procurando entender de que forma os ensinamentos que agora nos foram revelados podem prover a cada um.

Não fazendo sentido que tal como sinto necessário, de novo reescreva tudo aquilo que já editei e que não foi objecto de ponderação, alerto para a necessidade da sua leitura se de facto o tema proposto, for motivo de interesse para debate para algum dos nossos amigos.

Mas que tal abandonarmos as generalizações para irmos direto ao assunto, analisando aonde estão aquilo que denominam conflitos ou falhas ? Foi mencionado o caso da eletricidade, que a Ciencia desconhecia o atomo em seus detalhes infinitesimais. Poderia, neste caso, postar-nos aonde está o conflito ou a falha da Codificação ?

Olá Diegas. Por exemplo na resposta à questão 58 do Livro dos Espíritos. Não se tratando de um conflito ou falha de comunicação, é apenas um exemplo daquilo que de forma pouco compreensível é abordado, pois não tem de facto qualquer tipo de interesse, em nada contribui para a nossa evolução em termos espirituais.

No entanto, exactamente por isso a assertividade ou a falta dela contida nas respostas a este tipo de curiosidades não têm a mínima importância, a não ser pelo facto que serviram de motivo para a actual edição de um número infindável de livros de ficção supostamente baseados na doutrina espírita.

No entanto, cada coisa a seu tempo. Jesus esteve entre nós e foi crucificado. Em seu nome morreram milhares e milhares de pessoas. Realmente este tipo de consequências não têm importância nenhuma quando comparadas aos actos por todos nós cometidos em seu nome ao longo destes últimos vinte séculos.

Na expectativa de me ser possível explicar o que pretendo reflectir, vou utilizar o exemplo desta citação do amigo Jorge:

Ora, seguindo o raciocínio do amigo Taprobana, realmente é dificil aceitar que todos os planetas alberguem vida. Pelo menos vida material, e aqui deve estar a chave da questão, é que não podemos analisar a vida apenas por uma óptica, a material. A vida assume expressões que nos escapam aos sentidos.

Então, e dando seguimento ao acima exposto, uma supernova que é o resultado de uma explosão de uma estrela, emitirá uma colossal quantidade de radiações que dizimará tudo o que é vida material numa extensão inimaginável e que contraria a tal harmonia imprescindível à existência de vida material.

Como poderemos entender esta situação?

A minha visão acerca deste assunto é que a renovação é imprescindível para que exista ordem e progresso no universo. O aparente caos poderá ele próprio se inserir no processo da renovação da ordem.

Poderá ser esta uma das respostas aceitáveis.

Olá Jorge! Este tipo de abordagem é por si só suficiente para explicar a forma como se desenrolam as coisas que a nós mesmo nos dizem respeito num processo de evolução constante e irreversível.

O Jorge não necessitou de nada mais do que a ciência dos Homens para por si mesmo encontrar respostas ou considerações racionais, consequência do conhecimento que tem da verdade acerca da forma como se processa a evolução espiritual.

Não dá para entender (esforço-me o bastante) como alguns foristas ostensivamente se declaram 'espiritas', e ao mesmo tempo, conseguem a proeza de fermentarem tantas dúvidas em relaçao à Doutrina Espírita. No meu entender, não há meio termo, ou se aceita ou não se aceita os livros kardequianos. Não pode haver ou sobreviver um espírita, com um minimo de sensatez ou coerência, que crie tanto grilo na cabeça dos que iniciam na Doutrina.

Então, coloco-me no lugar daqueles individuos recém-chegados, oriundos de outras religiões ou filosofia materialista e que por felicidade puderam encontrar o Consolador Prometido. Mas que, ainda vacilantes, procuram aprofundar-se no conhecimento doutrinário, buscando um espaço para estudo e aprendizado, e deparam-se com este tipo de debate. Não que o debate, por si mesmo, não seja interessante e positivo.

O que preocupa são as conclusões que até o momento se chegou:

1- Alguns livros de Kardec são benquistos, outros há de se fazer ressalvas;

2- Os espiritos responsáveis pela Codificação estavam teórica e cientificamente atrasados em suas afirmações;

3- Kardec apesar de bom gênio e bom senso deixou-se (sic) ludibriar pelo animismo e as comunicações;

4- Não podemos depositar credibilidade nos espiritos que na época se comunicaram, pois os mesmos tratam-se de pessoas que passaram pelo mundo, assim como nós são cheinhas de imperfeições, equivocos e muitos erros;

5- Enfim, O Espírito de Verdade e a Codificação estão sob judice das interpretações.

Diegas. Sabemos que ser espírita não é por definição ser fundamentalista, muitos menos os livros de Kardec são “escrituras sagradas” como felizmente o próprio afirmou.

Quem acredita em Deus, na imortalidade da alma, na comunicabilidade com os espíritos, na reencarnação, é por definição um espírita.

Cada um de nós é pois livre de utilizar a sua própria capacidade de análise, de raciocínio, que conjugados com a sua própria vivencia, determinam um ponto de vista que sabemos dever ser respeitado, pois para além do mais, se essa atitude for levada a cabo de uma forma honesta do ponto de vista intelectual, é impossível estar por completo desprovida de verdade.

Por outro lado ser ou não considerado ou reconhecido como espírita, como católico, como politico ou advogado, é uma preocupação somente para aqueles que disso necessitam.

E assim sendo, essa mesma necessidade demonstra de forma inequívoca que por detrás de uma ideia ou reflexão, não pode estar um indivíduo livre e descomprometido, mas sim um indivíduo submisso que carrega os fardos daquilo que se vê "obrigado" a acreditar, distante da verdade, mesmo daquela que carrega sob as suas próprias costas.

Nestes casos o que se observa nas suas atitudes, nunca são acções, estão por isso mesmo incapazes de agir. Tudo o que deles provém não passa de reacções às acções que à sua volta se desenrolam.


Um abraço amigos.
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Elsamar em 18 de Fevereiro de 2009, 17:27
Meus amigos,

não sei se aquilo que vou dizer contribuirá alguma coisa para o debate, mas é o que sinto.
Desde que estudo o espiritismo (mais ou menos três anos), a minha vida mudou, sem dúvida, principalmente porque consegui alcançar a tão almejada paz de espírito, a consciência tranquila, tentando todos os dias fazer o melhor que posso e não prejudicando ninguém.
Como não sou medium, não vejo, não ouço e não sei se sinto os espíritos (pois embora por vezes ache que os sinto, não tenho a certeza), toda a minha convicção se baseia na fé. Não na fé dogmática, mas na fé raciocinada. Não sei se poderei dizer que, confio na minha intuição, naquilo que o meu coração aceita pacificamente.
Logicamente, desde Kardec, a ciência evoluiu muito, mas também é certo que a própria ciência por vezes tem de dar o dito por não dito, pois o que hoje é verdade, amanhã pode não ser.
Penso que temos de ver o espiritismo de um modo flexivel, ou seja, assim como a Biblia não pode ser entendida literalmente, provavelmente teremos de começar a fazer o mesmo com a codificação espírita.
Isto para dizer que embora nada garanta que haja vida noutros planetas, já Jesus dizia " que há muitas moradas na casa de meu Pai". Se acreditamos que Deus é a Inteligência Suprema, como poderia Deus criar um Universo que não sabemos se é finito ou infinito, somente para nós, os terrestres. A Terra faz parte de um sistema solar, que faz parte de uma galáxia, que faz parte de um grupo local, etc, etc, e quanto mais nos afastamos, da-mos conta que o planeta Terra nem um grão de areia é, no meio do Universo.
Eu acredito que há vida noutros planetas, alguns com vida igual à nossa, noutros será diferente, mas o meu coração, a minha intuição, a minha fé, diz-me que isso faz sentido.

Abraços.
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Vitor Santos em 18 de Fevereiro de 2009, 22:19
Olá Elsa

Tens toda a razão. O próprio kardec disse (Génese, cap. I, n.º 55):

Citar
O Espiritismo, pois, não estabelece como princípio absoluto senão o que
se acha evidentemente demonstrado, ou o que ressalta logicamente da
observação. Entendendo com todos os ramos da economia social, aos quais dá
o apoio das suas próprias descobertas, assimilará sempre todas as doutrinas
progressivas, de qualquer ordem que sejam, desde que hajam assumido o
estado de verdades práticas e abandonado o domínio da utopia, sem o que ele
se suicidaria. Deixando de ser o que é, mentiria à sua origem e ao seu fim
providencial. Caminhando de par com o progresso, o Espiritismo jamais será
ultrapassado, porque, se novas descobertas lhe demonstrassem estar em erro
acerca de um ponto qualquer, ele se modificaria nesse ponto. Se uma verdade nova se revelar, ele a aceitará

Estás de acordo com Kardec.

bem hajas
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Diegas em 19 de Fevereiro de 2009, 03:18
'...afastando-se assim do fundamento desta doutrina que é dar continuidade aos ensinamentos de Jesus, revelando de forma mais objectiva e menos metafórica aquilo que desde sempre nos foi ensinado e que se prende exclusivamente acerca da verdade que não é possível ao Homem conhecer, porque para tal lhe faltam os necessários sentidos, de outra forma que não através da sua fé....'

Olá, Taprobana.


Não faço pouco caso desta sua proposta de debate, mas por que a tentativa em afastar a Doutrina Espírita do seu aspecto religioso, quando a mesma se identifica, desde o seu início, como triplice: Religião, Filosofia e Ciência ? Já vi muita gente nessa loucura de tentar, a todo custo, e total irracionalidade, retirar Jesus da Doutrina Espírita.

Citar
Sabemos que ser espírita não é por definição ser fundamentalista, muitos menos os livros de Kardec são “escrituras sagradas” como felizmente o próprio afirmou.


Minha participação, apesar de entendida como fundamentalista (não é a primeira vez que sou assim rotulado neste forum), não é a de intransigência, ao contrário, quero sim estimular o debate. Rebater, com argumentos racionais, algumas afirmativas que considero equivocadas. Por isso, o interesse em localizar aquilo que consideram como falhas e/ou conflitos.

Por exemplo, a Codificação fala-nos que todo mundo físico é habitado.

Então, a Doutrina Espírita (ficaremos só na Codificação, por que é de conhecimento que reconheço os livros que a complementam que são os psicografados por Francisco Cândido Xavier) não pode e nem deveria ser colocada em xeque. Deve-se, isto sim, buscar o porquê da Ciência preferir silenciar e não investigar a existencia do espírito - a mediunidade tá aqui tão pertinha, não precisa pilotar nave alguma e nem percorrer longas distâncias. Lamentável, por que ela demonstra tanto desinteresse em investigar o que está perto ?

Recordemos o notável e reconhecido físico Sir. William Crookes que procurou desmoralizá-la e no final de todas as suas pesquisas e experimentações teve de se curvar, convencer-se da realidade espiritual.

Por que nestes últimos 150 anos caminhamos para trás ?

- Tadinha desta nossa Ciência, tão lisonjeada por alguns, mas tão limitada, que ainda ignora o que vai no fundo de nossos oceanos.


Abç
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verd
Enviado por: JC em 19 de Fevereiro de 2009, 03:35
Olá JC

A ciência não domina tudo. Pelo contrário, o que falta saber é incomparável mais do que aquilo que se sabe.

Kardec explica (e eu concordo/ acredito) que a existência dos milagres, no sentido de excepção às leis naturais, não é credivel. Isto porque, acreditando que Deus é perfeito, as obras que Ele fez são perfeitas, portanto não carecem de alterações. Assim sendo, tudo o que não é explicado pela ciência hoje, não são milagres, são fenómenos naturais que a ciência ainda não explica.

Assim, os fenómenos de que fala, ou são lendas, sem correspondência com a realidade, ou são fenómenos naturais ainda não explicados.

A ressureição de Jesus, para mim nem é milagre nem fenómeno natural, pois não acredito na ressureição do corpo fisico. O que penso que terá acontecido foi um fenómeno de materialização do perispirito de Jesus. Ou seja, uma aparição de um espirito e não a ressureição de um corpo fisico.



bem haja


Ola amigo VITOR, e demais AMIGOS

Eu jamais achei que a ciencia domina tudo, mt pelo contrario, e isso está escrito em minha testa . Da mesma forma que tenho a mesma ideia sobre os religiosos de qq bandeira . Na minha Opinião SÓ UM DOMINA TUDO e todos nós (creio) pensamos assim, ainda assim QUEM DOMINA É ELE e portanto A COMPREENSÃO DE TUDO É DELE E NÃO NOSSA, mas temos todos as nossas crenças, opiniões, testemunhos, conhecimentos, enfim, da mesma forma, que numa escola existem alunoa que saibam mais ou melhor de umas materias do que outros ( embora isto nao faça com que nenhum deles possa se sentir melhor como pessoa do que outro, mas devemos aceitar ou compreender a ideia de que um possa saber mais ou menos que outro, e nada impede que esta situação se reverta ) .
A ciência não domina tudo. Pelo contrário, o que falta saber é incomparável mais do que aquilo que se sabe.

Kardec explica (e eu concordo/ acredito) que a existência dos milagres, no sentido de excepção às leis naturais, não é credivel. Isto porque, acreditando que Deus é perfeito, as obras que Ele fez são perfeitas, portanto não carecem de alterações. Assim sendo, tudo o que não é explicado pela ciência hoje, não são milagres, são fenómenos naturais que a ciência ainda não explica.

Assim, os fenómenos de que fala, ou são lendas, sem correspondência com a realidade, ou são fenómenos naturais ainda não explicados.

A ressureição de Jesus, para mim nem é milagre nem fenómeno natural, pois não acredito na ressureição do corpo fisico. O que penso que terá acontecido foi um fenómeno de materialização do perispirito de Jesus. Ou seja, uma aparição de um espirito e não a ressureição de um corpo fisico.

Sobre a razao, argumentos convincentes, se me permite dizer e com absoluto respeito, ha dias vc me respondeu que precisava de argumentos convincentes, racionais, para acreditar em determinado assunto . Eu lhe respondi, que no meu modo de entender, nem sempre isso é possivel dessa forma e no entanto continuaremos acreditando as vezes e outras vezes não, pq independente dos argumentos e das provas, temos um feeling interior, que mts vezes é o que prevalece, e usando disto que damos o beneficio da duvida qdo nao temos a certeza .

Vou transformar isto num exemplo, digamos que vc diga a mim que encontrou ai na sua cidade ou q lugar, um cachorro que fala como um humano, ou um disco voador e vc entrou nele, ou uma vaca que consegue voar mais de 30 metros sozinha sem auxilio de nada. Pois bem, eu jamais direi que isso É MENTIRA, nao preciso ver, provar, comprovar, chamar a CIENCIA para provar com argumentos convincentes e inatacaveis para dizer que isso é MENTIRA .
E pq, pq para aquilo que desconheço, e fora de tudo aquilo que nao conheço, ´SO POR ISTO, NÃO É UMA MENTIRA OU FALSIDADE . E tudo o que eu desconheço, merece de mim o BENEFICIO DA POSSIBILIDADE E ATE O DA DUVIDA .

Infelizmente a CIENCIA nao age assim, por isso reparamos que a maior quantidade de pessoas que se dizem ateus, estão ligadas á ciencia e á intelectualidade , a lista é enorme , eu ate penso que é uma vaidade, assim como muitas pessoas que só se conseguem sentir bem vestidas se estamparem grifes famosas em suas roupas e de forma bem exposta .

Caro Vitor, vc ja nos disse que não é medium vidente, pois bem então imaginemos que vc e mais uma dezena de cientistas famosos, estivessem num recinto junto com um medium vidente, ao acaso, e em algum momento, este medium vidente, visse a um canto do recinto um espirito, nao importa em que estado e digamos que sem qq proposito , o vidente apenas o viu lá e pronto, então imaginemos tb que o medium dissesse a vc e aos cientistas que ESTAVA VENDO um espirito naquele lugar e ate o descrevesse, o que aconteceria, para aqueles CIENTISTAS ? Bom o medium vidente diria que estava ali um espirito, e VC pela sua CRENÇA e como espirita pq acredita na existencia de espiritos (para resumir), acreditaria, ou no minimo nao diria que É MENTIRA, É IMPOSSIVEL, ESPIRITOS NAO EXISTEM . Ja os cientistas presentes ao seu lado diriam É MENTIRA, NOS NAO VEMOS NADA, VAMOS FAZER TESTES, tipo vamos jogar fogo áquele canto e ver se alguma coisa queima e se transforma em cinza, ou
vamos todos chutar onde o vidente diz que esta o espirito e ver se ouvimos algum choro ou grito de dor, enfim, varios testes, e nenhum deles, tornaria CREDIVEL a eles (cientistas)a possibilidade de ESTAR ALI UM ESPIRITO .
E EU LHE PERGUNTO  E A TODOS QUE NECESSITAM DE RACIONALIDADE E ARGUMENTOS CONVINCENTES :

- Então neste exemplo, seria na vossa opinião, UM MENTIRA, que o medium vidente estivesse vendo um espirito no canto do recinto , já que eles cientistas nao tiveram provas de tal fato, sem argumentos convincentes ou racionais ??????

Vamos a outro exemplo, ESTEVE O HOMEM MESMO NA LUA ?

Falando como pessoa , no sentido pratico e cetico ou racional, o que eu deveria pensar ?

Eu só li que o homem esteve lá, vi imagens na tv, vi noticias em varios meios de comunicação, então acredito  pq todos dizem que sim .
Mas e se eu pensar mais racionalmente ainda ? Vejamos, as imagens que temos publicas sobre a primeira vez que o homem pisou na LUA .
Nas imagens conhecidas por todos e divulgadas para todos, o que vemos que poderia EXCLUIR TODA A VERDADE sobre o homem ter estado na LUA. E PQ ?

Analisemos, de acordo com a ciencia .

Nas fotos mais conhecidas vemos, entre outras coisas mas vou referir so 2 .

1 - a sombra dos astronautas divergem, ou seja, num mesmo enquadramento vemos que  as sombras de uns estao para a esquerda e na de outros estao para a direita, e isto seria impossivel ao meu conhecimento e daquilo que sabemos, pq a sombra se projeta no lado inverso ao da luz que a cria atraves de um obstaculo, ou seja se encontrarmos um grupo de pessoas ao sol, veremos que a sombra de todos estara igualmente ou de um lado ou de outro e nao de dois convergentes .

Por esta observação, muitos, acreditam que na verdade tudo nao passou de um descuido muito grande de uma encenação mal feita, ao colocarem varios holofotes numa locação cenografica e assim esqueceram que a projeção faria sombras em varios sentidos .

E se a ciencia necessita de argumemtos convincentes, este é um argumento convincente .
2 - Alem deste argumento sobre as sombras existe um outro sobre o tremular muito agitado da bandeira dos Estados Unidos, quando a propria ciencia argumentava que na falta de gravidade não seria possivel o vento e muito menos daquela forma constantemente forte e em sentidos inverso, que depois foi alegado que seriam ventiladores na locaçao cenografica .

Enfim, eu tenho a informação espiritual, de que o homem já esteve na LUA mas não na data e na forma que foi divulgada .
E na informação que me passaram, foi explicado que essa encenação ocorreu devido á disputa entre 2 paises que queriam fazer disso, entre outras coisas uma demonstração de força e de poder .

Mas enfim, disse tudo isto, meu amigo Vitor , para lhe falar que a CIENCIA para mim não esta acima de tudo e muito menos tem o domino de tudo, alias muito pelo contrario,
O mundo espiritual tem controle sobre a ciencia e o usa-a como desjar, seja intervindo em muits situações, especialmente nas descobertas convenientes e necesarias, assim atreves do livre arbitrio do homem, lhe permite muitas vezes caminhar como ela desejar dentro dos limite de porpositos maiores de DEUS .

Da mesma forma, sobre a Codificação Espirita, eu nao entendo tudo como aboslutamente uma VERDADE, pq ja tive apos estudo e especialmente TESTEMUNHO, o conhecimento de algumas falhas, e estas falhas tb devem ter o seu proposito de alguma forma ou explicação, sejam falhas de Kardec ou dos espiritos participantes .
Quantos pais ou professores, ja ensinarem seus filhos ou alunos, ás vezes dizendo uma coisa errada, para verem ate que ponto seus filhos ou alunos estavam atentos ou seriam capazes de descobrir uma forma propria de aprender ?

Mas este é um assunto longo e voltarei a dar aqui neste topico a minha opiniao a respeito disto, falando exclusivamente disto .

Assim como a forma como me referi aos milagres é diferente daquela que vc entendeu, acho que me expressei mal, no contexto errado, e vc entendeu diferente da forma que eu pretendia expressar .

Falarei isso tb, eu me referia , nao aos milagres dos fenomenos naturais, mas aqueles milagres que as pessoas desejam para as suas vidas pessoais .




MUITA LUZ PAZ E AMOR PARA TODOS


JC
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Fernando B. em 19 de Fevereiro de 2009, 11:12
Bom dia a todos!

Olha pessoal, sobre tudo isto eu tenho só uma coisa a dizer:
Mesmo antes de conhecer o Espiritismo, eu nunca acreditei que estivessemos sozinhos neste universo sem fim, acho que é muita pretensão do homem achar que tudo isso existe com vida inteligente somente aqui neste planeta.

Quando dava meus primeiros passos nos meus estudos, estudando ciências, estudando os planetas do sistema solar, e vendo a professora dizer que nos outros planetas era impossivel existir vida em função de suas condições, ficava a pensar se não poderia existir vida de um ser que ao invés do oxigênio ele precisasse era do gás carbonico para sobreviver, enfim coisas que crianças ficam se perguntando quando resolvem pensar a respeito do universo! Acredito que isto é uma vaga lembrança que trazia comigo ao longo de minha existência!

Confesso que ao ler o Livro dos Espiritos fiquei surpreso ao ler que existe vida nos planesta deste sistema solar, pois com passar do tempo continuei acreditando que existia outros planeta habitados, mas em outros sistema solares e o livro nos ensina que existe em nosso próprio sistema e que os planetas são tanto mais adiantados quanto atrasados que o nosso!

Perguntando ao presidente do Centro Espirita que frequento sobre o assunto ele me confirmou o que o livro dizia e disse que por enquanto os seres não são visiveis aos olhos dos humanos!

Nós somos muito imperfeitos com relação a percepções, nosso envoltório é muito grosseiro, e seres mais evoluídos que nós tem o envoltório menos étereo, daí a explicação por não percebe-los, não ve-los ou mesmo toca-los, quanto aos menos adiantados que nós, que teoricamente seria possivel ve-los pois se estão mais atrasados usam uma veste mais grosseira que a nossa pode ser que habitem por exemplo Plutão onde o homem ainda não conseguiu chegar!

Enfim, existem muitos mistérios que ainda não nos são permitidos saber, pois não temos a capacidade suficiente para compreende-los e com certeza no momento certo saberemos sobre determinado assunto!

Continuemos a seguir o nosso Santo Evangelho meus amados irmãos que nos ensina ser humildes, caridosos, a amar o nosso próximo e a praticar o bem com total desinteresse!

Fiquem todos na paz de Jesus!
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Vitor Santos em 19 de Fevereiro de 2009, 11:57
Olá JC

Julgo que não podemos falar em cientistas como se se tratasse de um corpo de homens e mulheres todos ateus e materialistas, intolerantes perante a novidade. Parece-me que entre os cientistas há muitos crentes em Deus, na eternidade da alma ou espirito e na comunicabilidade dos espiritos desencarnados e encarnados.

A postura cientifica é a seguinte: tudo é possivel até prova em contrário. Se os génos da ciência assim não pensassem, a tecnologia ainda hoje estava na idade da pedra. Contudo, dentro da comunidade cientifica há homens com visão acanhada, que rejeitam tudo o que é novo e há outros com abertura à novidade.

Voltando ao exemplo do médium, a postura do cientista é a dúvida. Regista os factos e, se entende estudá-los (mesmo quando eles querem estudar um fenómeno, como não vivem do ar, estão sujeitos a que as organizações que pagam a investigação rejeitem a vontade deles), admite hipóteses para os explicar e vai tentar demonstrar a validade dessas hipóteses.

Nem um cientista nem ninguém tem de acreditar que um individuo é médium só porque esse individuo se lembrou de assim se auto-intitular. A primeira coisa que eu questiono é se há algum interesse material explicito ou implicito nisso. Se não há, já um factor de credibilidade. Depois há que tentar entender se aquilo que os espiritos dizem através dessa pessoa não será imaginação dela.

Há cientistas a estudar positivamente a mediunidade, como pode ver no link seguinte, do programa "Veritas" da universidade do Arizona:

http://veritas.arizona.edu/ (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3Zlcml0YXMuYXJpem9uYS5lZHUv)

Não há um acordo geral da comunidade cientifica em relação a estas coisas, nem todas as universidades têm a coragem de ter programas de investigação nesta área. Todavia tb não se pode por os cientistas no mesmo saco, como se todos pensassem de igual forma.

bem hajas
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Carlos Ribeiro em 19 de Fevereiro de 2009, 13:12
Citar
Vamos a outro exemplo, ESTEVE O HOMEM MESMO NA LUA ?

Falando como pessoa , no sentido pratico e cetico ou racional, o que eu deveria pensar ?

Eu só li que o homem esteve lá, vi imagens na tv, vi noticias em varios meios de comunicação, então acredito  pq todos dizem que sim .
Mas e se eu pensar mais racionalmente ainda ? Vejamos, as imagens que temos publicas sobre a primeira vez que o homem pisou na LUA .
Nas imagens conhecidas por todos e divulgadas para todos, o que vemos que poderia EXCLUIR TODA A VERDADE sobre o homem ter estado na LUA. E PQ ?

Analisemos, de acordo com a ciencia .

Nas fotos mais conhecidas vemos, entre outras coisas mas vou referir so 2 .

1 - a sombra dos astronautas divergem, ou seja, num mesmo enquadramento vemos que  as sombras de uns estao para a esquerda e na de outros estao para a direita, e isto seria impossivel ao meu conhecimento e daquilo que sabemos, pq a sombra se projeta no lado inverso ao da luz que a cria atraves de um obstaculo, ou seja se encontrarmos um grupo de pessoas ao sol, veremos que a sombra de todos estara igualmente ou de um lado ou de outro e nao de dois convergentes .

Por esta observação, muitos, acreditam que na verdade tudo nao passou de um descuido muito grande de uma encenação mal feita, ao colocarem varios holofotes numa locação cenografica e assim esqueceram que a projeção faria sombras em varios sentidos .

E se a ciencia necessita de argumemtos convincentes, este é um argumento convincente .
2 - Alem deste argumento sobre as sombras existe um outro sobre o tremular muito agitado da bandeira dos Estados Unidos, quando a propria ciencia argumentava que na falta de gravidade não seria possivel o vento e muito menos daquela forma constantemente forte e em sentidos inverso, que depois foi alegado que seriam ventiladores na locaçao cenografica .
- JC

Já li muitos disparates neste fórum, mas ver que existem pessoas que ainda duvidam que o homem esteve na lua é o cúmulo.

 Ao nosso amigo JC recomendo que leia isto com muita atenção: http://www.projetoockham.org/historia_lua_1.html (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5wcm9qZXRvb2NraGFtLm9yZy9oaXN0b3JpYV9sdWFfMS5odG1s)

Lá está escrito o seguinte sobre essa história (e outras mais) da bandeira tremulando na ausência da gravidade:
Por que a bandeira está tremulando se não há vento?
Que fraude descuidada seria aquela que mostrasse uma bandeira tremulando ao vento como em uma praia, quando até uma criança sabe que não há vento na Lua. Pois os conspiracionistas defendem que em plena gravação da farsa, um assistente distraído deixou a porta do estúdio aberta; um ventinho fortuito entrou e... ninguém percebeu até ser muito tarde!

Farsa ou não, a verdade é que, ao contrário do que dizem os conspiracionistas, só é possível ver a bandeira americana balançando ou quando o astronauta tenta fincá-la no solo -- que era bem mais duro do que eles imaginavam -- rodando sua haste de um lado para o outro como uma barraca de praia, ou imediatamente depois de fazer isto, quando a haste flexível da bandeira ainda tinha algum movimento residual (muito pouco atenuado no vácuo lunar). Nas demais cenas o pano da bandeira parece balançar, mas está apenas artificialmente esticado.
Assim como eu e você, os engenheiros da NASA também sabiam que um pedaço de tecido não se manteria esticado na ausência de vento, por isso dotaram a bandeira de uma haste articulada horizontal (que pode ser vista claramente na foto acima). Na primeira missão os astronautas não conseguiram armar completamente esta haste e foram obrigados a manter a bandeira semi-esticada como uma persiana. O problema é que gostaram tanto do efeito que o repetiram propositalmente nas outras missões. É irônico que a tentativa de imitar a realidade terrestre tenha criado dúvidas sobre a realidade lunar...

Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Marden em 19 de Fevereiro de 2009, 14:25
Pode até não ser...

Agora,

-Se eu concordo apenas com parte do que está contido nas obras da Codificação, eu então não sou espírita, sou simpatizante.

 O simpatizante não se torna espírita por inúmeros motivos ex:

- O que leu não ofereceu argumentos bastantes para o convencimento.
- Contrariou convicções já firmadas.
- Faltou provas
- Faltou aprofundamento etc.
 
Claro, não há nada de anormal em após o conhecimento detalhado da mensagem da Doutrina, rejeitá-la. Cada um tem sua maneira própria de pensar. Ainda bem...
 
Na verdade, os livros espíritas, principalmente da Codificação, não devem ser "lidos" e sim ESTUDADOS  calmamente acompanhados de reflexão.

NÃO EXISTE MEIO-ESPÍRITA !

Ou é, ou não é
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Taprobana em 19 de Fevereiro de 2009, 15:27
Olá Elsamar, Vítor Santos, Diegas, JC, Fernando B., Carlos Ribeiro, Marden, olá amigos!

A ciência tem os seus métodos que comprovadamente têm resultado em retumbantes êxitos que são atestados pelos notáveis avanços que são observáveis.

Um físico, só poderá investigar acerca da existência do mundo da espiritualidade, se de alguma forma lhe for possível através dos sentidos, da tecnologia ou da dedução matemática encontrar motivos que o façam suspeitar da sua existência.

Se observarmos esta questão por este prisma, a ciência o que procura descobrir e passo a passo nessa direcção caminha, é entender tudo aquilo que nos rodeia, é entender a obra de Deus.

Esses nossos irmãos, também eles procuram o caminho que os leve ao encontro do criador, mesmo aqueles que se dizem ateus, pois a prática da situação demonstra que eles tal como nós, sentem a necessidade de se encontrar a si mesmo por entre a complexidade da vida, utilizando para tal as suas capacidades voltadas para o estudo científico, na esperança de através desse caminho encontrem o mesmo tipo de respostas às questões que aqui debatemos.

Actualmente, essa mesma ciência já reconhece, sabe da existência de matéria eventualmente organizada de forma diferente na sua composição atómica. Tenta neste momento encontrar uma forma de comprovar aquilo que a matemática indica como inevitável. No entanto, somente aquando da sua descoberta lhes será possível entender esse novo mundo que lhes começa a deparar.

Pelo conhecimento que os espíritas têm da forma como se processa a vida no mundo espiritual, é legitimo suspeitar que essa nova matéria e energia, a cujos nossos sentidos não são sensíveis, nem detectáveis de momento por qualquer meio tecnológico disponível, possam corresponder ao mundo espiritual. No entanto nada disso temos de momento garantias.

Dizemos que à ciência ainda lhes falta muito saber… o que neste momento conhece não é mais do que um grão de areia num imenso deserto. Estou de acordo. No entanto não podemos deixar de observar, que existe um outro grão de areia que a seu lado se instala e que representa o conhecimento acerca da obra de Deus que ao Homem foi possível saber através da doutrina espírita.

Não nos resta senão aguardar que aqueles que possuem a capacidade, a competência e o conhecimento para o fazer no âmbito da ciência, uma vez mais nos presenteiem com essas novas revelações.

De facto o espiritismo pode ser considerado uma ciência pois utiliza uma das suas verdades basilares: por detrás de um efeito está sempre uma causa. Por detrás de um efeito inteligente está sempre uma causa inteligente.

No entanto observemos as hipóteses que se podem deparar na realidade em que vive um Homem da ciência: Independentemente de acreditar ou não que os mecanismos da mediunidade são de facto uma ferramenta de comunicação com o mundo espiritual, pois perante o inexplicável a ciência aceita todas as múltiplas hipóteses que sabemos existirem que tentam explicar este fenómeno, pois neste momento aos olhos da ciência disso ainda se trata, isso em nada altera o tipo de abordagem que lhe é possível ter em relação a essa realidade.

Restam-lhe nesse caso duas hipóteses: ou abandona a ciência e vem para aqui, para este Fórum contribuir com as suas reflexões para o estudo da doutrina espírita, ou continua na sua Faculdade a desenvolver o trabalho sequencial e metódico na busca da verdade da ciência.

Comungo com tudo aquilo que o Vítor Santos reflectiu na sua última participação neste tópico.

Neste momento sinto-me um político da oposição no parlamento sempre tentando que as minhas questões sejam abordadas por um governo que sempre encontra escapatórias evasivas não respondendo ao que é inquirido ressalvando uma ou outra rara intervenção neste tópico…

- São da opinião que deverá ser o espiritismo a resolver este tipo de questões aquelas que dizem respeito ao conhecimento científico, ao conhecimento dos Homens?

- Pensam racional que esse tipo de conhecimento seja oferecido pela espiritualidade dispensando os Homens do seu esforço de aprendizagem?

- Poderá alguém explicar em que é que este tipo de revelações contribui para a nossa evolução em termos espirituais?

- Afinal qual é a missão dos mentores espirituais? Ensinar o Homem o caminho do amor, da elevação, da evolução espiritual?

Pode até não ser...

Agora,

-Se eu concordo apenas com parte do que está contido nas obras da Codificação, eu então não sou espírita, sou simpatizante.

 O simpatizante não se torna espírita por inúmeros motivos ex:

- O que leu não ofereceu argumentos bastantes para o convencimento.
- Contrariou convicções já firmadas.
- Faltou provas
- Faltou aprofundamento etc.
 
Claro, não há nada de anormal em após o conhecimento detalhado da mensagem da Doutrina, rejeitá-la. Cada um tem sua maneira própria de pensar. Ainda bem...
 
Na verdade, os livros espíritas, principalmente da Codificação, não devem ser "lidos" e sim ESTUDADOS  calmamente acompanhados de reflexão.

NÃO EXISTE MEIO-ESPÍRITA !

Ou é, ou não é


Pela definição que adopta aqui nesta sua intervenção eu não sou espírita nem sou coisa nenhuma para minha felicidade, liberdade e bem-estar. Eu sempre serei aquilo que a minha razão, consciência, conhecimento e fé me ditar, nunca subjugado ou castrado por qualquer que seja a doutrina, ideologia, crença, religião ou seita.

Para isso é já suficiente a submissão inevitável à realidade social e estrutural deste planeta.

Para além disso é completamente indiferente que pretenda ficar com a distinção de ser o “Verdadeiro Espírita”.

Dai a César o que é de César!  :D


Um abraço amigos!
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verd
Enviado por: JC em 20 de Fevereiro de 2009, 03:23
Olá JC

Julgo que não podemos falar em cientistas como se se tratasse de um corpo de homens e mulheres todos ateus e materialistas, intolerantes perante a novidade. Parece-me que entre os cientistas há muitos crentes em Deus, na eternidade da alma ou espirito e na comunicabilidade dos espiritos desencarnados e encarnados.

A postura cientifica é a seguinte: tudo é possivel até prova em contrário. Se os génos da ciência assim não pensassem, a tecnologia ainda hoje estava na idade da pedra. Contudo, dentro da comunidade cientifica há homens com visão acanhada, que rejeitam tudo o que é novo e há outros com abertura à novidade.

Voltando ao exemplo do médium, a postura do cientista é a dúvida. Regista os factos e, se entende estudá-los (mesmo quando eles querem estudar um fenómeno, como não vivem do ar, estão sujeitos a que as organizações que pagam a investigação rejeitem a vontade deles), admite hipóteses para os explicar e vai tentar demonstrar a validade dessas hipóteses.

Nem um cientista nem ninguém tem de acreditar que um individuo é médium só porque esse individuo se lembrou de assim se auto-intitular. A primeira coisa que eu questiono é se há algum interesse material explicito ou implicito nisso. Se não há, já um factor de credibilidade. Depois há que tentar entender se aquilo que os espiritos dizem através dessa pessoa não será imaginação dela.

Há cientistas a estudar positivamente a mediunidade, como pode ver no link seguinte, do programa "Veritas" da universidade do Arizona:

http://veritas.arizona.edu/ (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3Zlcml0YXMuYXJpem9uYS5lZHUv)

Não há um acordo geral da comunidade cientifica em relação a estas coisas, nem todas as universidades têm a coragem de ter programas de investigação nesta área. Todavia tb não se pode por os cientistas no mesmo saco, como se todos pensassem de igual forma.

bem hajas


Caro Vitor,

Nao coloco todos os cientistas na mesma panela, e referi-me a uma caracteristica comum á maioria deles .
Se vc leu algumas mensagens minhas, ha de se lembrar que eu ja disse , que na minha opiniao, ATEUS naos existem, existem pessoas, intelectuais ou pseudo intelectuais de varios segmentos, que se dizem ATEUS, ou pq é '' fashion '', cult, cool, etc, ou porque ainda nao se tocaram de que não sao ATEUS .

Vc afirmou que a postura cientifica é : tudo é possivel até prova em contrario . Estranho, pq o que a ciencia propaga é que TUDO É IMPOSSIVEL ATÉ QUE SE PROVE .

Entao vou lhe dar uma informação, que talvez vc ainda nao saiba, e provavelmente nem acreditara nela, existem no mundo espiritual, colonias especias com o proposito do estudo e desenvolvimento das capacidades de grupos de espiritos com a missao de aplicarem esse estudo quando sua vinda á materia . Então tudo o que eles estudam aqui e descobrem aqui na materia, ja tiveram previamente no mundo espiritual o aprendizado suficiente para aplicação aqui, muitos conseguem cumprir a sua missao, outros nao, muitos se entregam as fraquezas proprias ao mundo material como a vaidade por exemplo e por conseguinte se afastam da sintonia espiritual que lhes seria conveniente.
Mas tudo isso, reverterá para cada um deles .

Quanto ao estudo da mediunidade que vc referiu, EU nao preciso de prova cientifica nem sequer estudo cientifico para CONHECER E TER CIENCIA DA MDIUNIDADE .
Tive a oportunidade, acompanhada da felicidade de vive-la, ( imagino que neste momento vc estara pensando em perguntar se nao foi e é apenas imaginação minha ???,
se for assim pq vc nao se pergunta se não é a sua imaginação que o faz pensar que esta em Portugal, quem sabe vc possa estar no Caribe neste momento, torrando no sol de uma praia e esta imaginando que está em Portugal ? ) .
Seguindo o teu questionamento, será que tudo o que KARDEC revelou nao foi apenas imaginação dele ????

Eu não questiono isso , ms talvez vc prefira ....

Enfim, caro Vitor, vou me poupar e todos os os participantes deste topico de continuar desvirtuando o assunto que o nosso amigo TAPROBANA propos e mudar a linha que mais parece de um forum de cientistas .

Caro Taprobana,

a possibilidade, da falha, da interpretação errada, da expressao errada, da comunicação errada, assim com a possibilidade de só poder ter sido dito APENAS aquele conteudo e naquela forma, para aquela época .

Ha mts misterios, e seria bom todos levarmos em conta, que as revelações acabaram por vir, de acordo com nossa capacidade de entender, aceitar, compreender .
Ha mt por saber, mas tudo a seu tempo tb, e a nossa capacidade de compreensao é muita limitada, apesar de muitos de nós acreditar que podemos entender, conhecer DEUS .


Muita LUZ PAZ E AMOR para TODOS

JC



Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verd
Enviado por: JC em 20 de Fevereiro de 2009, 03:59
Citar
Vamos a outro exemplo, ESTEVE O HOMEM MESMO NA LUA ?

Falando como pessoa , no sentido pratico e cetico ou racional, o que eu deveria pensar ?

Eu só li que o homem esteve lá, vi imagens na tv, vi noticias em varios meios de comunicação, então acredito  pq todos dizem que sim .
Mas e se eu pensar mais racionalmente ainda ? Vejamos, as imagens que temos publicas sobre a primeira vez que o homem pisou na LUA .
Nas imagens conhecidas por todos e divulgadas para todos, o que vemos que poderia EXCLUIR TODA A VERDADE sobre o homem ter estado na LUA. E PQ ?

Analisemos, de acordo com a ciencia .

Nas fotos mais conhecidas vemos, entre outras coisas mas vou referir so 2 .

1 - a sombra dos astronautas divergem, ou seja, num mesmo enquadramento vemos que  as sombras de uns estao para a esquerda e na de outros estao para a direita, e isto seria impossivel ao meu conhecimento e daquilo que sabemos, pq a sombra se projeta no lado inverso ao da luz que a cria atraves de um obstaculo, ou seja se encontrarmos um grupo de pessoas ao sol, veremos que a sombra de todos estara igualmente ou de um lado ou de outro e nao de dois convergentes .

Por esta observação, muitos, acreditam que na verdade tudo nao passou de um descuido muito grande de uma encenação mal feita, ao colocarem varios holofotes numa locação cenografica e assim esqueceram que a projeção faria sombras em varios sentidos .

E se a ciencia necessita de argumemtos convincentes, este é um argumento convincente .
2 - Alem deste argumento sobre as sombras existe um outro sobre o tremular muito agitado da bandeira dos Estados Unidos, quando a propria ciencia argumentava que na falta de gravidade não seria possivel o vento e muito menos daquela forma constantemente forte e em sentidos inverso, que depois foi alegado que seriam ventiladores na locaçao cenografica .
- JC

Já li muitos disparates neste fórum, mas ver que existem pessoas que ainda duvidam que o homem esteve na lua é o cúmulo.

 Ao nosso amigo JC recomendo que leia isto com muita atenção: http://www.projetoockham.org/historia_lua_1.html (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5wcm9qZXRvb2NraGFtLm9yZy9oaXN0b3JpYV9sdWFfMS5odG1s)

Lá está escrito o seguinte sobre essa história (e outras mais) da bandeira tremulando na ausência da gravidade:
Por que a bandeira está tremulando se não há vento?
Que fraude descuidada seria aquela que mostrasse uma bandeira tremulando ao vento como em uma praia, quando até uma criança sabe que não há vento na Lua. Pois os conspiracionistas defendem que em plena gravação da farsa, um assistente distraído deixou a porta do estúdio aberta; um ventinho fortuito entrou e... ninguém percebeu até ser muito tarde!

Farsa ou não, a verdade é que, ao contrário do que dizem os conspiracionistas, só é possível ver a bandeira americana balançando ou quando o astronauta tenta fincá-la no solo -- que era bem mais duro do que eles imaginavam -- rodando sua haste de um lado para o outro como uma barraca de praia, ou imediatamente depois de fazer isto, quando a haste flexível da bandeira ainda tinha algum movimento residual (muito pouco atenuado no vácuo lunar). Nas demais cenas o pano da bandeira parece balançar, mas está apenas artificialmente esticado.
Assim como eu e você, os engenheiros da NASA também sabiam que um pedaço de tecido não se manteria esticado na ausência de vento, por isso dotaram a bandeira de uma haste articulada horizontal (que pode ser vista claramente na foto acima). Na primeira missão os astronautas não conseguiram armar completamente esta haste e foram obrigados a manter a bandeira semi-esticada como uma persiana. O problema é que gostaram tanto do efeito que o repetiram propositalmente nas outras missões. É irônico que a tentativa de imitar a realidade terrestre tenha criado dúvidas sobre a realidade lunar...




Caro Carlos,

Primeiro, acredito que és mais capaz de ler uma mensagem por inteiro e nao apenas parte dela .
Segundo, não é justificavel dizeres que algum outro leitor diz um disparate, só porque a opinião dele é diferente da tua, até pq o tua opinião é que pode estar errada e nao a dele , já que nem tu e nem ele podem provar que estas opinioes sejam fomentadas por fatos REAIS .
Qto á ida do homem á lua, eu nao duvido dela, mas tb tenho a informação que a mim me cabe bem, como a ti te cabem outras, de que ele esteve la sim, na forma fisica, mas numa data diferente daquela que foi revelada ao mundo .
Eu nao sou cetico, e nem cego, mas acredito naquilo que tem mais embasamento, seja de que forma for, para mim, e preferencialmente sigo meu testemunho, testemunho este que acontece de formas que nao importa aqui dizer, especialmente pq nao quero te convencer de nada, nem preciso de ser convencido a nada, especialmente sobre algo que , pelo apresentado meu testemunho tem mais valor para mim, e isto é o que me importa . Quando nao tenho qq embasamento , todos os depoimentos alheios sao importantes para que eu formalize tanto qto possivel a minha opiniao .


Entao caro Carlos,

disparate é sair em disparada inconsequente .

Qto ao link que me sugeriu, ja o li , mas nem esse nem nenhum outro me fariam mudar aquilo que tenho um testemunho real , que serve a mim e nao pretendo impo-lo a ngn .
E a materia do link não é suficientemente credivel, a manipulação  de qq imagem, a ocultação de mts outras, a encenação assim como o descuido da encenação, é possivel, assim como nem todos os argumentos ou contra argumentos significam UMA VERDADE ABSOLUTA .
E quem seriam os conspiracionistas ?????  Eu, que nao duvido da ida do homem á Lua como vc quis fazer parecer, mas acredito que não aconteceu na data e na forma como foi publicada, ou será vc o conspiracionista, que tenta de certa forma impor a sua opiniao e argumentando com materias de outras pessoas que vc tao pouco pode provar a credibilidade e a veracidade da materia que vc APENAS LEU E ACREDITOU ?

Se vc me disser que viu ai na sua cidade um marciano de 3 cabeças verde, etc, eu nao irei desmenti-lo e muito menos dizer que é uma disparate que alguem diga tal coisa e nem que isto é o cumulo , especialmente pq nao tenho como AFIRMAR QUE ISSO NAO SERIA VERDADE .

Da mesma forma que se for eu a ver a mesma figura marciana, nao vai ser a incredulidade de outra pessoa sobre isso que vai mudar o meu testemunho .


Como sabemos , isto é um forum com debates de ideias e opinioes e que com divergencias ou convergencias, e dentro do que consideramos educado e respeitavel, todas as opinioes sao validas .

Quem matou John Kennedy ? Lee Oswald ?
Quem garante ? Ha controversias , mas vamos chamar de disparate ha quem contestar
a publicação americana ?

Há se dissermos que tudo que nao concordamos E NÃO PODEMOS PROVAR O CONTRARIO são disparates ........

CUMULO deveria ser acreditar que só a MINHA VERDADE deve ser  a VERDADE PARA TODOS , pior ainda se FOR SÓ A MINHA CRENÇA OU ESPECULAÇÃO .


Fique na PAZ AMIGO , COM MUITA LUZ E AMOR

JC


Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Diegas em 20 de Fevereiro de 2009, 08:11

-Se eu concordo apenas com parte do que está contido nas obras da Codificação, eu então não sou espírita, sou simpatizante.

(...) NÃO EXISTE MEIO-ESPÍRITA !

Ou é, ou não é


Olá, Marden.


Grato pela lucidez.



Abç
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Diegas em 20 de Fevereiro de 2009, 08:46
'...Há cientistas a estudar positivamente a mediunidade...'

Olá, Vitor Santos.


Do seculo XIX para cá a Ciência caminhou para trás, principalmente depois das investigações de Crookes. O que a Ciência tem a descobrir para além de Crookes ? Pelo que sei a comunidade cientifica da época só faltou colocá-lo num hospicio.

Citar
'...não se pode por os cientistas no mesmo saco, como se todos pensassem de igual forma...'

Enquanto em nosso planeta Terra predominar os interesses de grupos poderosos, em todos os aspectos: economicos, religiosos, politicos, filosoficos...dificilmente os cientistas conseguirão livrar-se das teias que os prendem.

A proposta da Doutrina Espírita, por meio de seu Codificador é a de transformar o mundo, tal como um verdadeiro tsunami a desalojar e varrer tudo e a todos, principalmente aqueles que se beneficiam da exploração do homem pelo homem. Reparou que depois da Codificação, aos poucos, os filosofos saem de cena; os religiosos são derrotados; e os ateus-materialistas, cansados, encontram-se apreensivos e temerosos com o futuro ?

Abç
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Carlos Ribeiro em 20 de Fevereiro de 2009, 13:19
Citar
Qto á ida do homem á lua, eu nao duvido dela, mas tb tenho a informação que a mim me cabe bem, como a ti te cabem outras, de que ele esteve la sim, na forma fisica, mas numa data diferente daquela que foi revelada ao mundo .

Então não foi em 1969 que o homem pôs pela primeira vez os pés na lua?   ??? ???
Bem amigo JC, a julgar pelo que vc diz no seu perfil, vc foi trazido aqui pelo seu MENTOR e além disso conhece o espiritismo á biliões de anos (embora a doutrina espírita só tenha vindo ao mundo em meados do século XIX.)
Preciso dizer mais alguma coisa? 
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Taprobana em 20 de Fevereiro de 2009, 13:23
Citar
Sabemos que ser espírita não é por definição ser fundamentalista, muitos menos os livros de Kardec são “escrituras sagradas” como felizmente o próprio afirmou.


Minha participação, apesar de entendida como fundamentalista (não é a primeira vez que sou assim rotulado neste forum), não é a de intransigência, ao contrário, quero sim estimular o debate. Rebater, com argumentos racionais, algumas afirmativas que considero equivocadas. Por isso, o interesse em localizar aquilo que consideram como falhas e/ou conflitos.

 :)  ;)

-Se eu concordo apenas com parte do que está contido nas obras da Codificação, eu então não sou espírita, sou simpatizante.
(...) NÃO EXISTE MEIO-ESPÍRITA !
Ou é, ou não é

Olá, Marden.
Grato pela lucidez.
Abç

 ::) :-\  ???

Enquanto em nosso planeta Terra predominar os interesses de grupos poderosos, em todos os aspectos: economicos, religiosos, politicos, filosoficos..., dificilmente os cientistas conseguirão livra-se das teias que os prendem.

Certíssimo Diegas. O teu alerta para esta verdade é realmente importante e merece ser sublinhado. Na ciência como em todas as áreas da sociedade, esta é a realidade que nenhum de nós pode deixar de carregar submetidos de forma violenta ao seu império. Ainda bem que o pensamento, a reflexão, não estão sujeitos a este jugo a menos que o alienemos por motivos muitas das vezes fúteis e inúteis.

Amigo, tenho de te confessar que por vezes existe em mim um fundamentalista, parcial, faccioso... É no futebol! Para mim nunca é penalti contra a minha equipa e é sempre penalti ao mínimo toque que um nosso jogador sofra na área do adversário. Mesmo com as imagens televisivas e em câmara lenta na TV, os meus olhos nunca conseguem ver outra coisa que não seja aquilo que eu quero que eles vejam.  8)  :D

Um abraço
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Vitor Santos em 20 de Fevereiro de 2009, 13:32
Olá Marden

Citar
-Se eu concordo apenas com parte do que está contido nas obras da Codificação, eu então não sou espírita, sou simpatizante

Na minha óptica, o que define realmente um espirita, é a vontade de viver a sua vida de acordo com a parte moral da doutrina espirita, que é uma interpretação (aquela que eu acredito ser a interpretação actualmente mais correcta) da doutrina moral ensinada por Jesus de Nazaré, tanto quanto as suas capacidades permitirem.

É o exemplo prático de vida que damos, que fala de nós. Pouco interessa aquilo que acreditamos ou não e aquilo que dizemos ser. Quem faz o bem e não faz o mal, no limite das suas capacidades, porque é o que lhe dita o coração, é um espirita. Nem que seja descrente (ou o que é pouco provável, pois conscientemente ou não, todos aqueles que fazem instintivamente o bem, são potenciais futuros crentes em Deus, na alma e na eternidade da mesma).

Espiritas só da garganta para cima, não são espiritas. Quanto muito podem dizer-se espiritas.

bem hajas
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Taprobana em 20 de Fevereiro de 2009, 13:56
Olá Marden

Citar
-Se eu concordo apenas com parte do que está contido nas obras da Codificação, eu então não sou espírita, sou simpatizante

Na minha óptica, o que define realmente um espirita, é a vontade de viver a sua vida de acordo com a parte moral da doutrina espirita, que é uma interpretação (aquela que eu acredito ser a interpretação actualmente mais correcta) da doutrina moral ensinada por Jesus de Nazaré, tanto quanto as suas capacidades permitirem.

....

Olá Vítor!

Amigos! Não é exactamente isto que o Vítor acaba de reflectir o fundamento único, a única missão que move os espíritos da verdade?

Que mais necessitamos nós que eles nos transmitam?

Um abraço.
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verd
Enviado por: JC em 20 de Fevereiro de 2009, 14:47
OLa a TODOS,

CARLOS,

Respondendo á tua pergunta, EU ACHO QUE NÃO PRECISAS DIZER MAIS NADA, já está tudo visto .
A tua crença enxerga pelos teus olhos, o que não merece de mim qualquer critica, cada um é como é, cada um tem as suas limitações , assim como cada um tem as suas oportunidades, conhecimentos, etc .
Só te falta respeitar um pouco mais não só a opiniao dos outros, como tb pensares um pouquinho mais , talvez dar uma nova amplitude á tua forma de estudar .
Não devias confundir a Codificação Espirita por Kardec com Espiritismo, o que abrange muitos significados e não só a doutrina espirita .
Então tu cres, que o mundo espiritual surgiu, nasceu, somente depois de Kardec, antes nao existia , na tua opinião , não é ?
Claro que nem preciso falar que ja foste um vegetal, animal, elemental, hominal, bla, bla, bla, esse papo seria absurdo para ti, que pelo que dizes o Espiritismo só existe desde Kardec ?
Talvez para ti, o primeiro homem seja mesmo Adao ?

Jesus entao, nem sonhava com Espiritismo, deve ter ficado surpreendido, ao ver a Codificação de Kardec, e quem sabe imaginando que ao inves de governador do mundo espiritual da Terra, estivesse pensando que TAVA IMAGINANDO COISAS .

Sim eu conheço o espiritismo á BILHÕES DE ANOS ( assim se escreve no pais que estou ), nao precisas me corrigir pq no teu pais se escreve BILIOES. Alem disso, ainda afirmei que conheço o espiritismo ha bilhões de anos COMO TODOS NÓS, mesmo que muitos nao saibam disso, mas como ves, nao coloquei esta afirmação PARA ME SITUAR ACIMA DE NINGUEM, muito pelo contrario, e ainda que não fosse, eu por exemplo ficaria muito feliz de saber que todos neste forum e fora dele são todos muito mais cultos, mais evoluidos, tudo de melhor do que eu, FICARIA MT MT MT FELIZ .
Mas infelizmente , algumas pessoas neste forum nao pensam assim .
Ás vezes mais parece uma competição religiosa, comparavel á competição social que muito se ve pelo mundo afora, mas a doutrina espirita nao prega isso .
Desde que apareci aqui, venho sofrendo varios ataques de varios tipos, mas as pessoas que atacam deveriam, ja que sao espiritas, entender que quem ataca é o adquirente da divida . Sempre tenho tentado trazer e manter uma boa harmonia com todos, com a comunidade e manter a boa sintonia que muitos aqui criam mt bem , mas sempre ha os que nao gostam, tem gente que nem gosta de boa educação, ja fui criticado ate por isso,
e sem falar que andam por ai topicos em que TODOS dizem que NAO DEVEMOS JULGAR, mas para mts isso é uma hipocrisia viva .


E eu sempre toco na tecla que os fundamentos, estao principalmente nos ensinamentos de JESUS, até a Doutrina Espirita, a Codificação de kardec é baseada nos ensinamentos de JESUS, vejo muitas pessoas aqui tentando descobrir o que ainda não nos é permitido especialmente pq cada um de nós vai adquirindo permissoes, de acordo com o seu estagio evolutivo, que aumenta ou permanece de acordo com a CONDUTA MORAL .
Isto que deve preocupar a qualquer espirita .

Sobre a lua ha muitas coisas que nao sabes dela, nem eu, mas nem é porque tu só tens entendimento de uma coisa, que ela é uma verdade aboluta e maxima .
Que tal começares a encarnar mais a tua incapacidade ao inves e apenas escreve-la .
Isso deve ser conduta de todos nós, EU SEI MAIS QUE ALGUNS E SEI MENOS QUE OUTROS, E A MIM EM NADA INCOMODA QUE ALGUEM SAIBA MAIS QUE EU, MT MT MT PELO CONTRARIO, ISSO FELICITA-ME, DE SABER QUE UM IRMAO MEU ESTA EVOLUINDO TAO BEM .

Gostaria eu, mt mt de ser o mais ignorante de todos, no estado em que me encontro e que todos os demais estivessem mt mt acima de mim, seria uma felicidade enorme para mim, como é cada vez que me deparo com irmaos mais evoluidos que eu, e tb quando vejo qq um crecendo, abaixo ou acima do meu nivel .

Se pensares, o Kardec deve ter sofrido poucas e boas alem do que é notorio, ja imaginas-te qto duvidaram dele, e qts coisas ele nem revelou pq nao tinha permissao e outras pq tinha mt responsabilidade ???
E os espiritos que colaboraram na codificação, nao existiam antes, foram criados por Kardec ??? Ja que tu dizes que o espiritismo so existe apos a codificação ...


Caro Carlos, não meças o mundo por ti, pelo teu conhecimento, pela tua cultura, ou pelos teus olhos, ate podes faze-lo , mas nao propagues as tuas limitações como o apice da verdade .

Eu sei que o homem nao pisou na luz em 69, mas se isto te incomoda, fica com a tua crença, que eu respeito e tu respeita a minha, pq aquilo que eu acredito sobre quando o homem pisou na Lua EM NADA AFETA A NGN .

Certamente , se saires na rua e falares a alguns catolicos que espiritos nao existem, talvez nao acreditem em ti, e quem sabe comecem por te evitar, ou te apontar ao te virem na rua, ou chegar ao extremo de tua familia te interditar alegando anomalia psiquica, só pq tu acreditas em espiritos ..... Não seria um bom comportamento da parte deles , nao é ?
Mas eles se assim agissem teriam o beneficio da comprovada ignorancia, mas tu ja tens a responsabilidade do conhecimento, por menor que seja, e nem eu exemplificando que se tu dissesses que viste um marciano de 3 cabeças, nao duvidaria de ti, entre outras coisas por respeito tb, pq entao vc que se diz espirita, nao age como a doutrina espirita que vc estuda, prega .....

Eu tb nao concordo com a opiniao que expressaram antes que AQUELE QUE NAO ACREDITA TOTALMENTE NA CODIFICAÇÃO NÃO É ESPIRITA, NEM SERIA MEIO-ESPIRITA, SERIA SIMPATIZANTE .
Eu respeito quem pensa assim, é a verdade que ele consegue enxergar ou deseja para si, mas eu nao penso assim, me limito a acreditar como penso e respeito que ele pense como quer, se ele me chamar para um debate construtivo e respeitoso irei sim, mas para ofender, tirar um sarro, expo-lo á minha conviccçao que pode estar errada, isso faria de mim uma pessoa pequena para me dizer alguem que busca inspiração em JESUS.
Sobre essa opinião, eu apenas lembro que espiritismo não é uma denominação exclusiva de Kardec, e podemos lembrar das muitas segmentações, e por isso eu digo que JESUS é a melhor inspiração, de que me adiantaria conhecer tudo do mundo espiritual, se aqui na Terra que é onde está a minha missao com minhas provas e expiações, eu não faço o minimo que deveria fazer para a minha evolução espiritual, enqto isso fico preocupado em descobrir como se faz sexo, come , bebe, veste, etc , na espiritualidade ????????????

Tb nao concordo com a frase do Vitor quando diz que espiritas so da garganta para cima, nao sao espiritas .

Primeiro, basta lembrar que todos sem exceção morreram um dia e irao para o mundo espiritual e lá terao a noção do espiritismo, que a podem esquecer ao reencarnar pela fraqueza ás tentações materiais, mas só por aqui ja se percebe que esssa frase nao caberia, mas se o nosso amigo Vitor quis se referir ao praticantes da doutrina espirita, seria mais cabivel, mas isso acontece com todos nós .
Todos nós, sem nenhuma exceção, na minha opinião ja prestamos aqui mensagens que um bom praticante da doutrina nao deveria fazer-lo, mas nos somos falhos, nos erramos tb, mas devemos atentar a todos os erros, os que notamos, os que nos alertam amavelmente e nao ofensivamente, aos que nao vemos mas que podemos dar um credito á possibilidade de existirem, enfim a todos e nos esforçarmos em corrigi-los .

Na verdade o bom seria que PACIFICAMENTE E POR AMOR ANDASSEMOS TODOS A TIRAR AS TRAVES E OS CISCOS UNS AOS OUTROS PARA TODOS ENXERGARMOS MELHOR E FICARMOS FELIZES QUE NOSSO IRMÃO AMAVELMENTE E DELICADAMENTE COM UM LENÇO SEDOSO NOS TIRASSE O CISCO E NOS PEDISSE PARA RETRIBUIRMOS O GESTO,
MAS FUNDAMENTALMENTE , ALEM DE ENXERGARMOS MELHOR, PARA CAMINHARMOS MELHOR .

Eu poderia argumentar muito mais ao CARLOS sobre ele dizer que o espiritismo so existe apos a codificação, mas vou deixa-lo pensar sozinho , ele é capaz de compreender que não é bem assim, basta pensar um pouquinho mais .

Desejo a TODOS MUITA LUZ PAZ E AMOR


JC

Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Diegas em 20 de Fevereiro de 2009, 15:32
Olá.

Citar
(...) NÃO EXISTE MEIO-ESPÍRITA !
Ou é, ou não é

Assim como não existe mulher meio-grávida.

Para mim só há dois individuos que poderiam se intitular espíritas, pelos exemplos que nos proporcionaram: Kardec e Francisco Cândido Xavier.

Citar
'...tenho de te confessar que por vezes existe em mim um fundamentalista, parcial, faccioso... É no futebol!...'

Ainda bem que és um adorador-fundamentalista de seu time de coração. Não percebo nisso qualquer mal, é o sentimento colocado sobre a razão, assim como o comportamento dos torcedores adversários. Não que o sentimento seja algo pernicioso, mas deve ser conjugado numa tabelinha-atacante com a razão.

Problema ocorre quando está sob analise a Codificação, e por tabela o codificador, bem como os espíritos que participaram na sua elaboração. Insensatez é particularizá-la àquilo que mais convém a cada um. Aliás, até o momento ficamos só na superfície, não li sobre as tais falhas ou conflitos.

Aguardo ansioso.


Abç
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Carlos Ribeiro em 20 de Fevereiro de 2009, 17:55
Citar
Não devias confundir a Codificação Espirita por Kardec com Espiritismo, o que abrange muitos significados e não só a doutrina espirita .
Então tu cres, que o mundo espiritual surgiu, nasceu, somente depois de Kardec, antes nao existia , na tua opinião , não é ?
- JC
Vamos lá ver se nos entendemos.
Espiritismo é uma ciência e uma doutrina filosófica de consequências morais. Historicamente, surge dos estudos de Allan Kardec, conhecido como o seu codificador, isto em meados do séc. XIX.
A doutrina espírita baseia-se na imortalidade da alma, na comunicabilidade dos espíritos, na reencarnação, na existência de Deus, na lei de causa e efeito, na pluralidade dos mundos habitados. Espiritismo é uma Ciência que estuda a origem , a natureza , o destino dos Espíritos e as relações que existem entre o mundo corporal e o mundo Espiritual. Sendo assim, espiritismo não existe há biliões de anos (aliás antes de Kardec nem existia a palavra "espiritismo").
O que existe há biliões e biliões de anos é o mundo espiritual que conforme diz no LE preexiste ao mundo material. Espíritos existem realmente há milhões e milhões de anos e a sua origem é ainda um mistério para nós.
Convém pois não confundir Espiritismo (ciência e filosofia de consequências morais codificada por Allan Kardec em meados do século XIX) com mundo espiritual.
Penso ser esta a confusão que vai na cabeça do nosso amigo JC que "sabe" que o homem não pisou a lua em 1969  :P , mas ao que parece não sabe fazer esta distinção tão simples.

Assim sendo, se me diz que conhece o espiritismo há biliões de anos, eu não posso aceitar. Se me diz que todos nós somos espíritos e que tivemos origem há muito tempo atrás (não sei se milhares, milhões ou biliões), então estou de acordo.
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Carlos Ribeiro em 20 de Fevereiro de 2009, 18:04
Conheço sim Jorge. Já o li e tenho mais livros desse autor que muitas saudades nos deixou. Cosmos é um clássico.
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Taprobana em 20 de Fevereiro de 2009, 23:36
Olá Diegas!

Problema ocorre quando está sob analise a Codificação, e por tabela o codificador, bem como os espíritos que participaram na sua elaboração. Insensatez é particularizá-la àquilo que mais convém a cada um. Aliás, até o momento ficamos só na superfície, não li sobre as tais falhas ou conflitos.

Aguardo ansioso.


Abç

Já anteriormente solicitas-te que disse-se onde estão as imprecisões nas respostas de alguns espíritos que abordam assuntos relativos à curiosidade dos Homens, isolando uma passagem numa das minhas reflexões, na qual referi o papel atribuído à electricidade e que está manifestamente incorrecto e que foi impossível à data por falta de conhecimento acerca da constituição atómica da matéria, ser verificado por Kardec.

Mas que tal abandonarmos as generalizações para irmos direto ao assunto, analisando aonde estão aquilo que denominam conflitos ou falhas ? Foi mencionado o caso da eletricidade, que a Ciencia desconhecia o atomo em seus detalhes infinitesimais. Poderia, neste caso, postar-nos aonde está o conflito ou a falha da Codificação ?
Olá Diegas. Por exemplo na resposta à questão 58 do Livro dos Espíritos. Não se tratando de um conflito ou falha de comunicação, é apenas um exemplo daquilo que de forma pouco compreensível é abordado, pois não tem de facto qualquer tipo de interesse, em nada contribui para a nossa evolução em termos espirituais.

No entanto, exactamente por isso a assertividade ou a falta dela contida nas respostas a este tipo de curiosidades não têm a mínima importância, a não ser pelo facto que serviram de motivo para a actual edição de um número infindável de livros de ficção supostamente baseados na doutrina espírita.

Como esta minha explicação não te mereceu o mínimo reparo nem atenção, deduzi que tenhas por ti mesmo verificado a incorrecção contida na resposta a essa questão. No entanto o que importa de facto é que as questões que mais uma vez proponho sejam objectivamente levadas a ponderação.

Pela milionésima vez venho expor aquilo que sempre foi a proposta a debate neste tópico e que nunca é objecto de reflexão, análise ou atenção por parte dos nossos amigos.

A proposta que trago neste tópico a debate tem a haver exclusivamente com a reflexão, acerca da importância ou da falta dela que têm as comunicações dos espíritos, que pretendem “ensinar” aos Homens aquilo que é da competência do seu próprio conhecimento, afastando-se assim do fundamento desta doutrina que é dar continuidade aos ensinamentos de Jesus, revelando de forma mais objectiva e menos metafórica aquilo que desde sempre nos foi ensinado e que se prende exclusivamente acerca da verdade que não é possível ao Homem conhecer, porque para tal lhe faltam os necessários sentidos, de outra forma que não através da sua fé.

Sabemos que consoante a elevação do propósito que uma reunião mediúnica tem, assim se caracteriza a espiritualidade que a assiste. Afirmamos acerca da perigosidade que advém deste tipo de atitude e o que se observa de facto, é a frivolidade dos propósitos que na mais das vezes move as intenções.

Tanto hoje como mesmo à época da elaboração da obra de Kardec, a natural curiosidade do Homem, tendo então oportunidade de observar a real existência do mundo espiritual, a tenta desse modo satisfazer, colocando questões cujas respostas em nada interessam para os objectivos da nossa evolução na direcção do amor.

Assim, o que parece ser importante é nossa própria reforma interior, que possibilita o continuar do nosso natural percurso, procurando entender de que forma os ensinamentos que agora nos foram revelados podem prover a cada um.

Já sabes que é para mim um prazer trocar ideias contigo. Simpatizo com a tua frontalidade apesar de nem sempre, como é o caso neste momento, conseguir entender a opinião que tens acerca dos assuntos que vamos debatendo quando ignoras o que é o tema central em debate, e divagas por questões periféricas.

Um abraço amigo
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Diegas em 22 de Fevereiro de 2009, 11:22
Já anteriormente solicitas-te que disse-se onde estão as imprecisões nas respostas de alguns espíritos que abordam assuntos relativos à curiosidade dos Homens, isolando uma passagem numa das minhas reflexões, na qual referi o papel atribuído à electricidade e que está manifestamente incorrecto e que foi impossível à data por falta de conhecimento acerca da constituição atómica da matéria, ser verificado por Kardec...'

Olá, Taprobana.


Parece-me salutar a substituição das palavras 'falha' e 'conflitos' por 'imprecisão'. Sim, neste caso da eletricidade, a Codificação não foi precisa, e nem poderia pelos motivos para lá demais relacionados e conhecidos, que é o da limitação científica da época.


Citar
Como esta minha explicação não te mereceu o mínimo reparo nem atenção, deduzi que tenhas por ti mesmo verificado a incorrecção contida na resposta a essa questão. No entanto o que importa de facto é que as questões que mais uma vez proponho sejam objectivamente levadas a ponderação.

Pensei que já tivéssemos superado esta etapa, quando analisamos as falhas e ou conflitos cientificos.

Citar
A proposta que trago neste tópico a debate tem a haver exclusivamente com a reflexão, acerca da importância ou da falta dela que têm as comunicações dos espíritos, que pretendem “ensinar” aos Homens aquilo que é da competência do seu próprio conhecimento

Pode ser que eu esteja em paralelo à sua proposta, estou a debater também pelo título do tópico. Não podemos colocar em dúvida, se o que foi escrito na Codiificação tem a chancela e o aval do Espírito de Verdade. Mas, diante da sua supracitada afirmativa, eu teria de ser obrigado a aceitar que a revelação do mundo espiritual foi um tremendo equívoco, não passar de uma realidade-metafórica, não palpável e demonstrável, condicionada e dependente da concreta iniciativa dos cientistas.



Abç
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Taprobana em 22 de Fevereiro de 2009, 21:15

Citar
A proposta que trago neste tópico a debate tem a haver exclusivamente com a reflexão, acerca da importância ou da falta dela que têm as comunicações dos espíritos, que pretendem “ensinar” aos Homens aquilo que é da competência do seu próprio conhecimento

Pode ser que eu esteja em paralelo à sua proposta, estou a debater também pelo título do tópico. Não podemos colocar em dúvida, se o que foi escrito na Codiificação tem a chancela e o aval do Espírito de Verdade. Mas, diante da sua supracitada afirmativa, eu teria de ser obrigado a aceitar que a revelação do mundo espiritual foi um tremendo equívoco, não passar de uma realidade-metafórica, não palpável e demonstrável, condicionada e dependente da concreta iniciativa dos cientistas.



Abç
Olá Diegas.

Não pode nem deve isolar frases descontextualizando o seu sentido, pois assim obriga-me a ter de repetir tudo aquilo que até aqui tentei reflectir neste tópico.

O que eu tenho até aqui dito é simples e resume-se a isto:

Eu neste momento acredito que só faz sentido entender como válidas do ponto de vista doutrinário, tudo aquilo que os espíritos nos vieram novamente revelar e que complemente, traduz ou descodifica aquilo que Jesus anteriormente tinha transmitido dentro daquilo que ao Homem não é possível conhecer, porque lhes faltam para isso os sentidos, de forma a tornar possível a nossa evolução espiritual.

Assim, todas as informações que cheguem da espiritualidade e nas quais não é possível encontrar justificação, que não se enquadrem neste pressuposto, então sim sou obrigado a aceitar que tal como diz se tratam de revelações do mundo espiritual que resultam num tremendo equivoco, mas somente para aqueles que tentem encontrar nas comunicações com os espíritos as respostas para as coisas banais da vida e o conhecimento desmerecido porque gratuitamente oferecido, sem que para tal tenham o devido merecimento fruto das suas próprias capacidades ou competências.

Um abraço amigo
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Diegas em 23 de Fevereiro de 2009, 08:22
Assim, todas as informações que cheguem da espiritualidade e nas quais não é possível encontrar justificação...'

Olá, Taprobana.

Eu não vejo muita alternativa nesta sua maneira de raciocinar.

Alega que dever-se-ia aceitar somente os ensinamentos da espiritualidade que tem por objeto o aprofundamento/complemento dos ensinamentos de Jesus. Mas não concorda que esta parte é justamente a que foge da racionalidade ou do completo dominio de nossos cientistas ?

O que sobraria da Doutrina Espirita caso extraíssemos todas as revelações de âmbito cientifico ?

Eu a imagino paralitica, principalmente quando faltar a revelaçao da imortalidade da alma, da pluralidade das existencias e dos mundos habitados.



Abç
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Taprobana em 23 de Fevereiro de 2009, 11:45
Assim, todas as informações que cheguem da espiritualidade e nas quais não é possível encontrar justificação...'
Alega que dever-se-ia aceitar somente os ensinamentos da espiritualidade que tem por objeto o aprofundamento/complemento dos ensinamentos de Jesus. Mas não concorda que esta parte é justamente a que foge da racionalidade ou do completo dominio de nossos cientistas ?

Olá Diegas!

Claro que concordo!

Mais do que isso! É este o único fundamento o único motivo porque a espiritualidade superior se revela aos Homens. Ensinar a parte que justamente foge da racionalidade ou do completo domínio de nossos cientistas pois exactamente por isso, de outra forma não é possível ao Homem conheçer.

Assim, todas as informações que cheguem da espiritualidade e nas quais não é possível encontrar justificação...'

O que sobraria da Doutrina Espírita caso extraíssemos todas as revelações de âmbito cientifico ?

Sobraria a sua essência, aquilo que de facto dela faz parte, sobraria uma mensagem de igual importância da que teve a mensagem de Jesus.

Assim, todas as informações que cheguem da espiritualidade e nas quais não é possível encontrar justificação...'

Eu a imagino paralítica, principalmente quando faltar a revelaçao da imortalidade da alma, da pluralidade das existencias e dos mundos habitados.

A existência de Deus, a imortalidade da alma, a pluralidade das existências e dos mundos habitados e a inevitável evolução na direcção do amor e da forma como isso se processa, são as reais e únicas revelações da doutrina espírita. E são revelações porque o Homem enquanto encarnado não detem os sentidos necessários para isto conhecer.

A partir daqui nada mais se torna ao Homem necessário saber que não seja da sua própria competência.

E assim uma vez mais digo que se o tentar saber, está a encontrar nas comunicações com os espíritos as respostas para as coisas banais da vida e o conhecimento desmerecido porque gratuitamente oferecido, sem que para tal tenham o devido merecimento fruto das suas próprias capacidades ou competências.

E com esta atitude abrimos as portas a todos aqueles espíritos nossos irmãos, que como nós habitam na esfera da ignorância e que estão dispostos a explicar aquilo que julgam saber.

Sinto que finalmente conseguimos nos entender! Verdade? 

Um abraço amigo!
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Diegas em 24 de Fevereiro de 2009, 07:56
'...Sobraria a sua essência, aquilo que de facto dela faz parte, sobraria uma mensagem de igual importância da que teve a mensagem de Jesus....'

Olá, Taprobana.

E, como faria para isolar o que está na Codificação daquilo que voce considera 'essencial' ?


Citar
Sinto que finalmente conseguimos nos entender! Verdade? 


Não comemore muito...Sobrou confete e serpentina ?... ;D

Sua proposta é para além do que eu havia compreendido e imaginado (vou dar a desculpa da diferença de linguagem além-mares). Ela tem algo de inédito, sai daquela normal conduta de alguns algozes-espiritas que tudo fazem em retirar o aspecto religioso da Doutrina, ou de valorizarem em demasia o aspecto cientifico - faltam-lhes o bom senso e o bom-termo. Sem dúvida a proposta é muito interessante pelo fato de contemplar os ensinamentos de Jesus. Mas o que fazemos com o restante a Codificação ? (sei que é um homem de bom senso).

Por enquanto, entendemo-nos com as palavras, mas em relação ao principal ainda faltam alguns detalhes.


Abç
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Taprobana em 25 de Fevereiro de 2009, 00:25
Citar
E, como faria para isolar o que está na Codificação daquilo que voce considera 'essencial' ?

Olá Diegas!

Utilizando este principio que já transmiti:

A existência de Deus, a imortalidade da alma, a pluralidade das existências e dos mundos habitados, a forma como se desenrola a “vida” na dimensão espiritual e a inevitável evolução na direcção do amor e da maneira como isso se processa, são as reais e únicas revelações da doutrina espírita que á evolução do Homem interessam.

E são revelações porque o Homem enquanto encarnado, não detém os sentidos necessários para isto conhecer, dando continuidade aos conhecimentos transmitidos por Jesus, agora através dos mecanismos da mediunidade.

Citar
Mas o que fazemos com o restante a Codificação ?

Tudo o resto, espera confirmação nas “gavetas” do desconhecido, aguardando que o Homem com as suas naturais competências descubra esses “segredos” de Deus.

Claro que este princípio que pessoalmente observo, é válido para todos os autores, encarnados ou desencarnados, que a estes temas dedicam a sua atenção, entre eles Ramatís que sei que com ele se identifica e que noutro tópico, bastante complementar a este, debatemos.

Hum… com estas minhas reflexões agora sinto que vou ter de guardar de novo o confete e a serpentina…  :-\

Um abraço amigo.
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: akenatom em 28 de Fevereiro de 2009, 00:00


Que a Paz de Deus esteja entre nós,

Meus queridos irmãos

Li quase todo o diálogo, estudo. Realmente o teor está elevado.
Estou grata por encontrar neste fórum "opiniões", citações, manifestações, dúvidas e certezas.È para isto que ele foi aberto, creio.
O espiritismo é uma fonte inesgotável de saber, a beleza da dúvida nos provoca a reflexão, a pesquisa, o estudo, o crescimento intelectual, social, emocional,cultural e moral:Essência da "Doutrina".
Citar
CapituloVIII, item 3: tudo é harmonia na criação, tudo revela uma previdencia que não se desmente nem nas menores coisas nem nas maiores;devemos pois de início descartar todo o capricho inconciliável com a sabedoria Divina; em segundo lugar, se a nossa época está marcada para o cumprimento de certas coisas, é que elas tem sua razão de ser na marcha do conjunto"

Caro Taprobana,

Sem dúvida as dúvidas nos perseguirão por muito tempo ainda, algumas certezas vão se fixando a medida de nossas experiencias.
Kardec não fechou as portas, não conclui a obra, deixou esta missão para outros que viriam após ele, ( isto "pode ser um aceno de que ele sabia que a codificação estava apenas no começo, que mais esclarecimentos viriam, que as ferramentas mediúnicas se ampliariam e não cessariam as revelações por meio da ciencia e por meio dos espiritos.
Apenas uma opinião pessoal.
"Cada vez que nos abrimos para alguma coisa, adquirimos milhares de tesouros que se escondiam do lado que não tínhamos acesso." Wagner Veneziani Costa

Um grande abraço fraterno a todos
Desejo a luz do entendimento e do discernimento a todos.



Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Taprobana em 28 de Fevereiro de 2009, 00:33
Olá amiga akenatom!

Antes de tudo, sendo a primeira vez que me dirijo a si “pessoalmente” queria dizer-lhe que me sinto sempre feliz quando tenho a oportunidade de ter uma mais amiga disposta à troca de ideias, com quem posso aprender e evoluir e que por isso desde já lhe agradeço.

Gostei bastante da forma lúcida com que abordou este tema. Realmente estamos todos a caminho e o nosso irmão Kardec com certeza também estará e muitas mais “aventuras” nos aguardam nesta nossa caminhada.  :)

Um abraço amigos.
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Conforti em 28 de Janeiro de 2010, 20:14
AMIGOS,
Peguei este 'bonde andando' e não sei se o q digo já não foi dito por alguem ou se o debate já não deixou este assunto para trás.
Mas, vamos lá. O amigo diz q 'não há vida de encarnados nos demais planetas porq a ciencia afirma q não há'. A ciencia na verdade afirma isso? A ciencia nada sabe acerca disso! Nem mesmo qtos planetas, sistemas solares, galaxias, materia negra, anti-materia, universos (pois até se afirma q há universoS). A ciencia qdo muito sabe algo de nosso planetinha, de nosso sitema solar mas tudo ainda recheado de tremendos mistérios, não é? Nem mesmo conhece o numero de planetas em nosso sitema pois, recentemente, descobriu mais um.  E o cérebro, ainda tremenda interrogação para a ciencia. E a psique, a consciencia, a mente, nossa área psicologica?A cada 'dia' q passa descobre mais coisas. A ciencia dos homens é, em muitos aspectos, tremendamente ignorante. Ela parte daquilo q pode ver, pesar, cheirar, manipular etc. Veja: na escala dos elementos quimicos, parte do hidrogenio; o q deu origem a este elemento é apenas conjectura. Porq existe esse elemento e todos os demais elementos, é-lhe misterioso ainda. Pode até afirmar como o hidrogenio se transformou no elemento seguinte, o hélio, como surgiu a mais simples célula, muitos 'comos' mas se cala qto aos 'porques'. As razões disto e daquilo, os 'porquês' de tudo isso q vemos a nossa frente desconhece totalmente. Se tomarmos um pedacinho de madeira poderá explicar isto e aquilo, mas se fecha qto ao porq isso e aquilo. Continuo. 
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Conforti em 28 de Janeiro de 2010, 20:55
Continuando,
A ciencia, como a religião, parte de certo ponto e não sabe o q existiu anteriormente. A Biblia explica a criação a partir da metafora de Adão e Eva, do Jardim do Edem etc. Veja o big-bang, q deu origem a este infinito universo de matéria e q foi o resultado de uma singularidade, um ponto infinitamente pequeno onde estavam reunidas todas as possiblidades (isto é identico ao q o misticismo milenar sempre afirmou: 'o campo das infinitas possibilidades'). Esse big-bang foi tão tremendo q mesmo depois de bilhões de anos, dos nossos, sua força ainda está em expansão movimentando sóis, estrelas e galáxias. E a ciencia não sabe o q deu origem à singularidade. E tb nada pode afirmar a respeito de outros planetas.
Vc disse tb uma coisa tão importante, q o aplaudo de pé; uma coisa q muitos, de qualq q seja sua religião, talvez por preconceito, não dizem: a necessidade de encontrar respostas, de questionar para se possivel eliminar definitivamente todas as duvidas q temos acerca particularmente das crenças e religiões. Afirmam e ensinam tantas coisas de suprema importancia para a vida (como se fossem 'a palavra do Senhor'), e não podemos crer nelas cegamente. Há tanta contradições e incoerencias! Devemos, sim, questionar; não receber e aceitar cegamente, ou submissamente, tudo q as religioes, escrituras, tradições nos apresentam, como se fosse verdade absoluta. 
Contudo, vc afirma q 'não resta qualq duvida acerca da veracidade do q está escrito na codificação. Continuo.
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Mourarego em 28 de Janeiro de 2010, 21:14
Vamos colocar mais clareza:
Kardec sim, terminou o que começara, ou seja, trazer os princípios básicos da doutrina Espírita.
quando se diz kardec não terminou a obra, se erra profundamente.
ele mesmo diz, viemos trazer mais uma pedra ao edifício, o que é de se entender que a pedra ele a trouxe por inteiro.
Contudo não poderia fechar a porta da doutrina ao novo comprovadamente correto, pois a doutrina perderia seu condão de progressita.
Por isso, em conformidade com os Espíritos Superiores, fez dele a assertiva sobre o método validativo do que pudesse se chamar de doutrinário, este método, idéia dos Espíritos Superiores, e não de Kardec, é vigente até hoje para quem quer que queira ter validação de qualquer ensino recebido da parte dos Espíritos, sendo sua ou não a mensagem.
Esta informação que lhes repasso, pode ser encontrada num estudo da obra básica O Livro dos Espíritos ou ainda na Revista Espírita.
Em tempo. Só há um Espírito e este não é "da Verdade" e sim A Verdade. Este o nome que deu ao codificador quando de sua pergunta sobre quem seria ele: Respondeu então: "A ti me chamarei A Verdade"(...)".
Abraços,
Moura
Título: Re: Tudo o que está escrito nas obras de Kardec foi ditado por Espíritos da Verdade?
Enviado por: Conforti em 28 de Janeiro de 2010, 21:50
Continuando.
Vc afirma q 'o amor contido nessas mensagens demonstra sua veracidade'. Será isso outra verdade? Qtos são enganados por palavras de amor; qtos médiuns, até dos mais integros e experientes, são enganados por entidades q julgam elevadas. Veja, na propria codificação, o q é a 'fascinação'. E mais, nós nem sabemos o q é o amor: conhecemos afeto, afeição, simpatia,  atração, deslumbramento etc, mas o conhecimento do amor incondicional so teremos pelo conhecimento da Verdade. E como podemos nós avaliar a entidade cheia de amor? Só o podem fazer entidades superiores a elas, não é? Logo, como acreditar q no q nos falam está a verdade integral? Podem estar ali palavras de amor, sinceras, inspiradoras etc, e até parte da verdade, mas serão todas as suas afirmações e respostas absoluta e integralmente perfeitas?
Mais uma coisa, amigo: vc diz q "o amor é possivel ser encontrado através de nossa condição e da imortalidade da alma'. Encontraremos o amor através da nosso condição de aleijados, de cancerosos, de amputados, torturados, desesperados, de dores terriveis q nada alivia a não ser o abandono na vida fisica? E o q vc supoe q responderiam muitos q estão sofrendo à pergunta de se soubessem q era assim, teriam concordado com sua criação, obrigatoria e irrevogavel, sem consulta, com a imortalidade q os leva através de numerosas encarnações tb repletas de dores insuportaveis? É isso q devemos questionar. As explicações e interpretações dessses importantes assuntos devem ser muito diferentes de tudo isso q nos ensinam crenças e religiões.