Forum Espirita

CONVÍVIO => Off-topic => Convívio => Tópico iniciado por: Det's me!... em 17 de Fevereiro de 2009, 13:11

Título: Matéria de capa da IstoÉ Nr 2048 -11- FEV/09. "Cartas do Além"
Enviado por: Det's me!... em 17 de Fevereiro de 2009, 13:11
Matéria de capa da IstoÉ  desta semana, Edição 2048 - 11 - FEV/2009. "Cartas do Além"

Muita Paz!

Abaixo segue artigo da Revista Isto É, com ediçao de 11fev2009 "Cartas do Além"

Em anexo segue artigo completo:

Mensagem para você
Como as pessoas que creem na comunicação com os mortos transformaram suas vidas a partir de cartas psicografadas

Por Suzane Frutuoso
 

SUPERAÇÃO As cartas ajudaram Jakson e Rosário a tocar a vida
Os resíduos brancos do sal marinho ainda estavam nos cabelos longos, lisos e escuros de Jeison quando sua mãe, a dentista Maria do Rosário Sosa, 58 anos, encontrou seu corpo. Filho único, o rapaz morreu afogado aos 15 anos, enquanto surfava na praia gaúcha de Capão da Canoa, em 1993. "Era como se tivéssemos morrido juntos. Passei um ano chorando", diz Rosário. Na tentativa de digerir o sofrimento intenso, ela e o marido, Jakson, 57 anos, deixaram Porto Alegre, onde moravam, para recomeçar a vida em São Paulo. Na capital paulista, por meio de familiares, conheceram o espiritismo. Quem visitou primeiro um centro foi Jakson. Ao contar sua perda, uma das voluntárias do lugar disse a ele que o espírito de um rapaz, com as mesmas descrições da história de seu filho, já deixara uma mensagem a um médium. "Eu sou um surfista que partiu nos mares do Rio Grande do Sul", teria dito. Dali em diante, detalhes como "a prancha amarela com adesivo de guitarra" batiam com o caso de Jeison. Sem conhecer nada da doutrina, o empresário ficou em choque. Semanas depois, junto com a esposa (eram católicos não-praticantes), passou a frequentar a casa e receber cartas de Jeison - que hoje somam mais de 100. "A prancha na qual parti retorno no mesmo embalo trazendo comigo os beijos que lhe dou com um estalo", dizia uma das primeiras mensagens do jovem. "Ele sempre repetia 'mãe, um beijo com um estalo para você'", lembra Rosário, emocionada.


A perda de uma pessoa amada é uma das maiores tristezas que alguém pode viver. Rosário e Jakson só retornaram à alegria quando passaram a ter convicção de que o filho está bem, presente como sempre, e que, como depois de uma longa viagem, será possível reencontrá-lo. E, segundo o casal, quem garante tudo isso é ele mesmo, por meio de uma carta. Essa paz era o que faltava para se reerguerem e buscarem ser pessoas melhores a cada dia como gratidão pela bênção de ter notícias do rapaz. A psicografia tem esse poder. Para muitos, o fenômeno em que médiuns transcreveriam mensagens enviadas por espíritos (leia quadro) prova que a vida não acaba com a morte física. Numa nação em que 20 milhões se consideram simpatizantes do espiritismo e 2,3 milhões declaram seguir a doutrina fundada pelo francês Allan Kardec, as mensagens psicografadas chegam às mãos de milhares de crentes - ou não - todos os dias nos 12 mil centros espalhados pelo País, segundo dados da Federação Espírita Brasileira.


EM ANEXO SEGUE ARTIGO COMPLETO

Abraceijos
Título: Re: Matéria de capa da IstoÉ Nr 2048 -11- FEV/09. "Cartas do Além"
Enviado por: pcaires em 18 de Fevereiro de 2009, 00:33
Caro companheiro Tears:

Parabéns por trazer à nossa comunidade estas informações que nos agradam, sobretudo pelo fato de serem um potente instrumento de divulgação da Doutrina junto ao público em geral.

Estamos vivendo um século onde o Espiritismo está encontrando oportunidades cada vez mais frequentes de esclarecer ao grande público quanto à sua verdadeira característica de Ciência / Filosofia / Religião.

Amanhã, dia 18.02.09 no programa "Mais Você", Ana Maria Braga entrevistará Divaldo Pereira Franco com tema versando sobre mediunidade e psicografia.

São momentos importantes para a divulgação da Doutrina Espírita junto ao grande público,descaracterizando aquelas idéias preconceituosas que tanto denegriram o Espiritismo.

Fraternalmente,
Paulo