Forum Espirita

CODIFICAÇÃO => O Livro dos Médiuns => Tópico iniciado por: Raquel Anjos em 14 de Setembro de 2010, 17:26

Título: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: Raquel Anjos em 14 de Setembro de 2010, 17:26
Prezados irmãos espiritas,

Venho a esse fórum solicitar uma troca de conhecimentos referente ao desenvolvimento da psicografia.
Gostaria de saber daqueles que possuem essa faculdade ou conhece quem tenha como foi o inicio no desenvolvimento mediunico.
Exemp.: Logo que se pega no lápis já ocorre uma comunicação durante a concentração.
Como são os movimentos dos braços (o que se sente)?
Qual o tempo médio em que o médium não escreve, rabisca, letras, palavras e até frases?
Não sei se estou me fazendo clara, mas gostaria de trocar experiências com as pessoas que tem esse faculdade e relatem como foi o inicio.

Desde já agradeço a oportunidade de compartilhar informações com vocês.

Grata,
Raquel
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: Mourarego em 14 de Setembro de 2010, 17:48
Não há uma receita de bolo, amiga Raquel.
Cada um sente a inmfluenciação de maneira diferente, se alguns se aproximam n esse sentir, nem por isso passa a ser uma regra.
Abraços,
Moura
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: rosarosa em 14 de Setembro de 2010, 18:13
Existem pessoas, espiritas, que poderão "pensar" que estão psicografando, e estar simplismente utilizando o seu conhecimento, sua emoção e sensibilidade, e acreditar que é uma psicografia.

É comum psicografar?
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: FATIMAROSSI em 14 de Setembro de 2010, 18:15
Boa tarde pessoal. Também sou da opinião de que não existe receita de bolo para a mediunidade, mas a troca de experiências é importante.
No meu caso, comecei a psicografar quando fazia o curso de desenvolvimento mediunico. Todas as noites eu sentia dor no meu ombro e não conseguia dormir até que pegasse caneta e papel e começasse a escrever. No início eu achava que as mensagens vinham da minha cabeça, mas mesmo assim fui escrevendo. A minha letra ainda era normal e eu escrevia devagar, aos poucos foram acelerando as palavras que vinham à minha cabeça e tive que escrever mais rápido para dar conta, e aí a letra ficou mais solta. Na época levei meu caderno de cabeceira para a dirigente do curso para que ela me orientasse. Ela leu e confirmou que realmente era psicografia. Por orientação dela, restringi as mensagens para alguns dias e não à todo momento como vinha acontecendo.
Muitas vezes sinto dificuldade em iniciar, mas a partir do momento que escrevo a primeira palavra, todo o resto vem naturalmente. Mas continuo sentindo a dor no ombro, e algumas vezes em todo o braço.
A maior certeza que tenho de que realmente é uma psicografia se dá quando releio as mensagens, pois aí tenho certeza que não viriam de mim aquelas palavras.
Espero ter colaborado com a minha experiência.
Abraços
Fátima
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: Mourarego em 14 de Setembro de 2010, 18:18
A faculdade da psicografia é entre todas a mais comum.
Entretanto há pessoas que a despeito de não terem esta faculdade escrevem textos se utilizando de forma assemelhada a que alguns Espíritos usam.
Se o fazem com conhecimento de causa, são embusteiros, se o fazem sem conhecimento desse vício, são apenas pessoas que deixam que o animismo os comande.
Em tempo: Animismo é o trabalho do próprio Espírito dessas pessoas, mas como sabemos, o Espírito pode não ter capacidade para gerir os textos por falta de conhecimento e assim passa um quantum de erro que esta pessoa dando-lhe crédito de Verdade, vai apreender errôneamente.
Abraços,
Moura
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: jsoranz em 14 de Setembro de 2010, 18:24
Ola Raquel.

Tem algumas informações a respoito no livro dos mediuns (sobre varios tipos de mediuns de psicografia)
No inicio eu estava na categoria semi-mecanico (onde sinto o braço movimentar sem eu querer, e ao mesmo tempo eu tinha as palavras que vou escrever formadas em minha mente).
Hoje em dia, os sintamas fisicos diminuiram bastante (a mediunidade esta mais concentrada na parte mental/telepatia) somente quando eh necessario sinto algo fisico

Apos fazer o curso basico de espirismo... eu entrei no curso de educação mediunica no centro espirita.
Apos umas 3 aulas.... eu comecei a sentir meu braço formigando durante a concentração, as vezes não éra formigação, e sim pequenos impulsos, outras  ou uma brisa gelada ao redor do braço.
Entao eu fui deixando... e comecei a fazer rabiscos. e escrever algumas palavras e frases
Mais tarde como ja disse.. eu aprendi a se concentrar mais na minha mente.... e esquecer um pouco os sintomas fisicos.... nessa hora as mensagens chegaram com mais clareza.

Importante - após voce conseguir a primeira vez... a qualquer momento que vc pegar um lapis... tem um espirito ja pronto para falar... (mas esse sao os espiritos que estao por ai.. muitas vezes vagando a toa)
Importante voce estar no centro espirita, e ter feito toda a preparação anterio (vibrar positivamente, acalmar pensamentos, orar e concetrar)..... para dessa forma receber comunicações de espiritos que estao interessados no bem, no estudo... emfim.... (EM TE AJUDAR)

OBS - O relato acima... aconteceu comigo. mas não vai necessariamente ser igual para todos!


Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: locoporweb em 14 de Setembro de 2010, 18:40
Bem, o que posso relatar é que psicografo por intuição, vem um torpor no rosto e braço, começo a salivar como se estivesse louco de fome, meus pensamentos são direcionados para paisagens bonitas, mas logo vem a intuição.

Agora estou precisando trabalhar mais a mediunidade pois está se manifestando em mim fortemente a intuição de coisas futuras, isso no decorrer do dia, e estou afastado do CE. Preciso ver isso.
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: nessa_theis em 14 de Setembro de 2010, 18:59
Amiga Raquel,

Concordo com o fato de não haver receita mágina. O Moura tocou em uma questão delicada: o animismo.
É muito importante saber diferentciar o que é de fato é "psicografia animica" e o que é " pscicografia mediunica".
Acredito que a troca de relatos, é importante. Mais imprescindível ainda é a doação e paciência que o médium deve desprender.
E claro que uma boa dose de disciplina.

Abraço
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: ana paula nery em 14 de Setembro de 2010, 20:37
eu sou iniciante no espiritismo, há uns 3 anos frequentando centros espíritas, só agora estou em desenvolvimento mediúnico, mas com pouca teoria. Já li o livro dos espiritos e agora iniciei o livro dos Médiuns. Tb sint alguns sintomas como os descritos aí acima, como formigamento nos braços, especialmente o braço direito ( sou destra), mas nunca tentei escrever por causa disso. Há vários anos, estudando Parapsicologia,ouvi falar de pessoas que escreviam mensagens maravilhosas por INTUIÇÂO e o fiz por experiência. Coisa que impressionou meus conhecidos, pois diziam que eu escrevia mensagens malucas, mas com intenso conteúdo, inclusive com detalhes que só elas conheciam.....não sei se eu captava seu mundo interior ( psiquismo) ou se eu sou mesmo médium tb de psicografia. Certa noite no centro espírita ( junto dos demais médiuns) fazendo transporte, senti vonta de escrever, pois senti ( vi com a mente) uma cena de uma cigana fazendo uma "limpeza" nas pessoas presentes e senti vontade de contar.........ao escrever, fiquei meio "tonta", nnão sentia os braços e parecia que eu escrevia m romance........ditado por outra pessoa, descrevendo a cena ocorrida no local. O fato é que sou profissional da saúde, uso muito os braços e mãos eesse formigamento me atormenta há alguns anos, mesmo sob tratamento. Acupuntura amenizou o problema, mas será que é a mediunidade??
O que acham disso, devo continuar a escrever?
Abraço cheio de luz a todos!
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: rosarosa em 14 de Setembro de 2010, 21:08
Olá, também sou iniciante e frequento, aliás, sou voluntária numa Casa Espirita. Amo. Me sinto muito melhor depois que iniciei este trabalho.

Não tenho experiência para conselhos, mas me fez muito bem,  diariamente ler o Evangelho Segundo Espiritismo. É uma leitura importante não só para iniciantes, mas para a vida diária. Que bom seria se todos pudessem fazê-la. Ele nos alivia de muitos sentimentos e esclarece muitas coisas.

Penso também que deveria conversar com pessoas que possam orientá-la no Centro que frequenta.

Boa sorte.
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: jsoranz em 14 de Setembro de 2010, 21:21
Ola amiga..
Claro que deve continuar a escrever... pois eh uma benção muito especial ter esse dom... vai te ajudar muito.. e quam sabe tambem ajudar outras pessoas.
Precaução
Por experiencia propria recomendo fazer isso somente nos locais apropriados... (centro espirita)
Pois a disciplina eh tudo.
Se voce começa a psicografar em casa... os espeiritos vao ficar te rodeando.. e seu anjo protetor nao vai poder te ajudar... pois foi vc quem atraiu isso.
Agora se vc somente escreve no centro (tem essa disciplina).... os espiritao vao saber que vc tem esse dom... mas vao saber tambem que nao adianta perturbar, pois vc eh bem disciplinada...
Abs
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: Raquel Anjos em 14 de Setembro de 2010, 21:26
Prezados irmãos espiritas,

Venho a esse fórum solicitar uma troca de conhecimentos referente ao desenvolvimento da psicografia.
Gostaria de saber daqueles que possuem essa faculdade ou conhece quem tenha como foi o inicio no desenvolvimento mediunico.
Exemp.: Logo que se pega no lápis já ocorre uma comunicação durante a concentração.
Como são os movimentos dos braços (o que se sente)?
Qual o tempo médio em que o médium não escreve, rabisca, letras, palavras e até frases?
Não sei se estou me fazendo clara, mas gostaria de trocar experiências com as pessoas que tem esse faculdade e relatem como foi o inicio.

Desde já agradeço a oportunidade de compartilhar informações com vocês.

Grata,
Raquel

Eu agradeço demais a todos que escreveram, porém vou tentar ser mais explicita na minha pergunta porque como citei quero trocar experiências e quero saber de quem tem a faculdade como é o inicio dela, os tropeços, os erros, a expectativa entenderam?
Que não existe receita e ninguém é igual a ninguém eu sei, mas a questão foi outra.

Mesmo assim muito obrigada a todos que responderam, é maravilhoso expandir discussões tão salutares.
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: Mourarego em 14 de Setembro de 2010, 22:26
Meus amigos,
pelo qoue posso inferir do que tenho lido dos posts de vocês vejo que a grande curiosidade está entre pessoas que ainda estão no início do caminhar pela senda Espírita.
meu conselho, ou melhor falando, dica, seria que estudassem séria, grave e perseverantemente a doutrina antes de sequer começarem a querer apresentar trabalhos no campo mediúnico, medianímico ou simplesmente anímico.
Um de vocês nos diz que tem apenas tres anos de estudo da doutrina mas que já trabalha num CE, e em trabalhos de transporte.
Os médiuns de transporte são cariedades de outra categoria de médiuns que é elencada no quadro sinótico que o LM mostra como médiuns motores e de translação.
Se alguns desses médiuns diante da característica que apresentem, são muito comuns, os que se prestam ao transporte esses já são de difícil encontro.
Por isso muito cuidado!.
Uma casa Espírita que deixe seus alunos participarem de  manifestações desse grau, sem que estes tenham completado o curso mediúnico e o de Espiritismo não é uma casa séria e sua responsabilidade será julgada certamente. A Lei de Causa E Efeito está ai para isso mesmo.
Aos médiuns esta ação da mesma Lei advirá por meio dos escolhos que certamente acontecerão e que faz com que muitos tenham dissabores e que outros passem longas horas nos divans de psicólogos.
Os que me conhecem há mais tempo neste Fórum por certo já leram minha posição quanto ao ato de psicografar em casa, e a mantenho na mesma forma e espécie, contudo outras expressões medianimicas não devem ser tomadas em exercício na psicosfera do lar.
Não se pode, diz o bom senso, colocar o carro a frente dos bois, dessarte também no mesmo perigo incorre o médium que afoitamente se dê ao trabalho mediúnico sem estar devidamente preparado e conhecendo deste os seus meandros, quer são vários.
Deixo aqui o ensino encontrado no Quadro Sinóotico contido no LM:
"Médiuns de translações e suspensões - Os que produzem a translação de objetos através do espaço ou a sua suspensão, sem qualquer ponto de apoio. Há também os que podem elevar-se a si próprios. Mais ou menos raros, segundo a intensidade do fenômeno. Muito raros, no último caso."
abraços,
Moura
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: Marcus R em 15 de Setembro de 2010, 03:20
Raquel,

Não se preocupe com as dificuldades que são próprias de quem está educando a sua faculdade... elas sempre existirão!
As reações são muito particulares e em grande parte, influenciadas pela evolução e entendimento que cada um trás consigo.
Ademais, todos nós estaremos, indefinidamente, nos lapidando.
Tome sua mediunidade como uma oportunidade bendita de servir!
Estude muito e pratique muito!
Apenas lembrando que não existe fenômeno mediúnico que não tenha interferência do médium. De modo que sempre haverá animismo, em maior ou menor grau.

Luz e Paz!!!

Marcus.
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: jorge romanholi em 15 de Setembro de 2010, 14:19
Pelo que conheço de atividades mediunicas sejam quais forem , no  inicio todo medium fica confuso pois não consegue indentificar se as mensagens escritas ou faladas são realmente dos espirtos ou se são do propio medium. mas com o tempo o medium consegue superar tal situação. a grande dica dos propios espiritos e uma profunda verificação do teor das comunicações onde analizando o que foi escrito ou falado, poderemos indentificar a origem das mensagens . se de um bom espirto , se de um espirito enganador ou se do propio medium. não devemos em nenhum estagio da mediunidade seguir nada colocado em uma mensagem sem analizar profundamente o que foi dito ou escrito. uma forma tambem de ajudar na identificação é observar o tipo de energia que estamos sentindo . ao contrario de espirtos que  nos querem enganar,  os espirtos de luz nos taz uma sensação de paz muito grande é uma energia maravilhosa. uma dica na pscografia para o iniciante coloque o lapis sobre o papel e não o movimente aguarde pois se ha realmente um comunicação o espirito se encarregará do primeiro movimento . não desita vai em frente   mas sempre com prudencia . quanto aos sintomas é dificil descrever pois cada caso é um caso . na minha primeira experiencia fiquei na duvida mas ela foi sanada quando num gesto brusco minha mão deu um enorme risco na folha de papel chegando inclusive o lapis a sair riscando a mesa ! peça sempre proteção aos bons espiritos ! espero que possa ter contribuido ! abços
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: rosarosa em 15 de Setembro de 2010, 17:08
Boa tarde Moura,
você não imagina como fico feliz em ler suas palavras, sábias palavras.
Sou iniciante e não tenho nenhuma pressa.
Tenho um conhecido que iniciou ha pouco, e está tendo sérimos problemas familiares pela ânsia de "querer e fazer" de forma tão...nem sei que temo usar.
Com a minha praticamente nada de experiência eu prefiro cautela, paciência. Estou encontrando muitas paz nas leituras que faço, muito embora meu tempo seja pouco. O Evangelho tornou-se uma necessidade na minha vida. Ler o Evangelho é um momento de harmonia interior, para mim.
Penso que suas palavras deveriam mesmo serem lidas, e digeridas lentamente pelos "apressadinhos". A coisa é muito mais séria do que se pensa, não é mesmo? Estou mais preocupada em mudar meu jeito de ser, procurando minhas imperfeições, que são inúmeras, para me sentir melhor. Assim, penso que estarei iniciando o que estou aprendendo.
A experiência é mesmo a voz da sabedoria.

Obrigada Moura. É um grande prazer estar aqui com você.
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: nessa_theis em 15 de Setembro de 2010, 17:24

Os que me conhecem há mais tempo neste Fórum por certo já leram minha posição quanto ao ato de psicografar em casa, e a mantenho na mesma forma e espécie, contudo outras expressões medianimicas não devem ser tomadas em exercício na psicosfera do lar.


Pois bem, é aqui que entra a disciplina.

Abraço
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: nessa_theis em 15 de Setembro de 2010, 17:38

Eu agradeço demais a todos que escreveram, porém vou tentar ser mais explicita na minha pergunta porque como citei quero trocar experiências e quero saber de quem tem a faculdade como é o inicio dela, os tropeços, os erros, a expectativa entenderam?


Bem Raquel, vamos lá.
Meu primeiro grande desafio foi o deixar a individualidade de lado e perceber que em momento algum estava trabalhando sozinha e que eles precisavam da "minha entrega" para o trabalho sair de acordo. Eu ficava questionando tudo, tinha medo de tudo e do que os outros (encarnados) iriam pensar. Mas isso se devia a falta de experiência. Não que hoje ela seja extraordinariamente grande, mas já dei um passinho a mais. hehehe

Beijo

Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: Raquel Anjos em 15 de Setembro de 2010, 18:27
Quero agradecer os conselhos recebidos que me são muito úteis e além disso eu sei que foram trazidos para esclarecimento geral. Como nasci em família espírita tenho ciência de que o estudo e a leitura são fundamentais, mas nunca, nunca, nunca, devemos julgar.

Quando me refiro ao julgamento é em relação ao período de estudo da doutrina seja ele por 6 meses, 1 ano, 2 anos mais ou menos não quer dizer que a pessoa seja melhor ou pior, seja mais médium ou menos médium que qualquer outro.

O próprio Francisco de Paula Cândido Xavier era um médium que possuia todas as faculdades mediunicas exceto a de oratória desde criança, sendo criado dentro dos princípios católicos e sendo julgado como "diabolico". Enfim, ele parou na quarta série primária e psicografou redações na lousa da escola sem nunca ter lido um livro sequer da doutrina espírita ou saber o que significava.

Por isso volto a dizer que o esclarecimento, o estudo e a leitura constante se fazem necessários sempre, por toda a vida independente do grau de saber que a pessoa detenha, e que precisamos urgentemente tirar do nosso hoje o orgulho e a vaidade para colhermos bons frutos no nosso amanhã.

Como citei acima agradeço muito a colaboração de todos e é interessante saber, hoje a informação pode não ser útil a mim, mas amanhã dentro de uma sala de aula por exemplo alguém pode ter exatamente essa dúvida e você tem a resposta.

Perdoem-me o breve relato mas acredito que alguns não se detiveram em trocar experiências no campo da mediunidade como foi perguntado.

Muito obrigada Mourarego, rosarosa, FATIMAROSSI , jsoranz, locoporweb, nessa_theis, ana paula nery, Marcus Ráime e jorge romanholi  pelos esclarecimentos pertinentes.   
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: rosarosa em 15 de Setembro de 2010, 20:28
Raquel Anjos

Minha experiência na participação do tema é nenhuma,e muito pequena nesta discussão, mas estou amando. Quanta coisa tenho que aprender. Quanta coisa!
Em cada palavra, uma experiência a mais. Que delicia.
O Espiritismo tem um poder enorme de aproximar as pessoas nas discussões que proporciona. E elas acontecem num clima tão harmonioso... Que delícia.

Vá em frente.
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: Ramosdelgado em 16 de Setembro de 2010, 21:10
    O mediunidade consiste em um mecanismo natural , que nasce com o individuo, trabalhar a mediunidade é amar ainda mais aos teus irmaos e fazer a reforma intima é o reconhecimento da consciencia de nossa nescessidade de nos reformar, escrever psicografar ; este concurso pode ser sim aprimorado com a tua reforma intima trabalho e disciplina,e assim abrindo campo para que sejamos merecedores de boa companhia, veja o exemplo de Divaldo , treinou durante anos no mesmo horario , então quando aprendemos a sentir com mais clareza ele estará mais vivo e assim saira de voce primeiro (amimismo)   e depois virá a colheita de sua semeadura não pense em escrever pense em amar estudar e trabalhar que as mensagens chegarão ; não se esqueça quando o trabalhador esta pronto o trabalho chegará .
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: SOLANGE76 em 22 de Novembro de 2010, 20:01
Bom, eu também tive dores nos ombros, senti um formigamento nas mãos, mas o que me deixava mais encucada era o fato de escrever ao contrário, algumas vezes escrevia bastante coisa nem sempre com sentido, palavras perdidas, rabiscos, outras vezes até letras juntas como lições da pré escola, não estava fazendo curso mediunico ainda então fiquei muito perdida sem saber se parava ou se continuava, continuei e hoje acho que não progredi muito nos exercicios tem dias que são melhores mas sempre parece que não consigo terminar a frase. Ano que vem vou fazer o curso mediunico, por enquanto sigo estudando o livro dos médiuns e tudo relacionado a esse assunto. Já se passaram dois meses. Gostaria de saber de todos quanto tempo levou para escrever corretamente?
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: LuizFrancisco em 22 de Novembro de 2010, 21:51
Olá a todos,

Como disse o Sr. Allan Kardec no LM capitulo XVII - Desenvolvimento da mediunidade.

"Eis porque o estudo prévio da teoria é indispensável, se o médium pretende evitar os inconvenientes inseparáveis da falta de experiência".
Ou seja, no inicio a teoria é imprescindivel e o LM é o livro para todo o aprendiz da mediunidade, e este capítulo XVII é a orientação para aqueles que desejam desenvolver a mediunidade da escrita.

Abraços,
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: Mourarego em 23 de Novembro de 2010, 15:32
Boa, Francisco!!!
Abração,
Moura
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: Duh em 16 de Janeiro de 2011, 16:27
Eu não sei de quando é este tópico mas vou expor minha historia.

Há um mes frequento um CE, humilde, uma casa acolhedoura, passei por passes e comecei a fazer o estudo todas as quartas.

Num dia, lendo uma obra (bastidores da mediunidade) sentado no sofá, senti um torpor violento na cabeça, a vista embaçou e meu braço direito formigou muito, chegando a ficar em estado dormente, com os dedos fechando na forma da pegada de um lapis/caneta. Nâo fiz nada, ignorei, e rezei...

No momento do torpor, tive uma sensação de paz....suponho (por intuição) que nao era alguem querendo meu mal....

1 mes e pouco se passou, vivia dormindo com sensações enormes de formigamento no antebraço direito, que se alastraram pro ombro e braço direito.

Ontem, apos orar muito, tentei dormir e nada....formigando o braço. Peguei um papel, uma caneta, orei e pedi proteção a Deus durante aquilo que eu até então nunca tinha feito, pus o lapis no papel, e esperei...

Apos 5 segundos, a caneta desceu devagar, riscando por conta propria. Eu, pra ser honesto, senti um misto de emoção + medo do desconhecido, mas, curiosamente, paz interior ao estar ali, e orei...orei muuuuuito, devo ter rezado 3 pai nossos enquanto chorava compulsivamente e rabiscava o papel devagar, as vezes rapido, formando algumas letras, O, A, S....foram as que pude notar, misturadas aos riscos...

Levei ao mentor do centro (hoje é dia de caridade no centro, distribuição de paes pra comunidade pobre), ele analisou, me pediu para ler um capitulo do evangelho segundo o espiritismo, no qual Jesus usava de parabolas para passar seus ensinamentos, e apos ler e meditar sobre, notei que não deveria ter feito isso, pois casa realmente não é local.

Pedi em oração para que aquele que usou minha mão como instrumento, me ajudasse a distruibuir os paes, a fazer caridade....

E mesmo que psicografar não seja minha faculdade primaria, estou disposto a ajudar o proximo, independente se serei um psicografo ou medium de sustenção.

O importante é ajudar, passar ao proximo esperança e ama-los como a si mesmo.

Quem diria, eu, que sempre fui extremamente cético quanto a isso, que Duvidei por vezes, agora estou ajudando

Parafraseando Lísias (nao lembro se é este o nome do irmão que recebeu andré luiz em sua chegada em Nosso Lar, junto com o ministro e Tobias)

Andre Luiz fala "Meu Deus"

-Agora acredita? Tal como os ateus falam, eu sou ateu, graças a Deus!!! hahaha

Fiquem em paz, e com a bençao de Deus
[]s

Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: Mourarego em 16 de Janeiro de 2011, 17:45
meu amigo Duh,
me desculpe a franqueza,  mas segundo a doutrina se um Espírito ruim lhe está a fazer qualquer coisa é que ele encontra em você a mesma condição e comprazimento com o que ele faz.
Esta a doutrina,
De resto meu amigo procure antes de querer algo que ainda nem sabe se tem, estudar a doutrina que, não está em bastidores da mediunidade ou em qualquer outra obra senão as codificadas por Allan Kardec.
Este estudo é de tal monta que levará grande tempo  para o amigo o ter feito.
procure uma casa espírita e não se deixe levar por qualquer acontecimento para não cair vitimado de obsessões.
abraços,
Moura
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: Duh em 16 de Janeiro de 2011, 18:54
meu amigo Duh,
me desculpe a franqueza,  mas segundo a doutrina se um Espírito ruim lhe está a fazer qualquer coisa é que ele encontra em você a mesma condição e comprazimento com o que ele faz.
Esta a doutrina,
De resto meu amigo procure antes de querer algo que ainda nem sabe se tem, estudar a doutrina que, não está em bastidores da mediunidade ou em qualquer outra obra senão as codificadas por Allan Kardec.
Este estudo é de tal monta que levará grande tempo  para o amigo o ter feito.
procure uma casa espírita e não se deixe levar por qualquer acontecimento para não cair vitimado de obsessões.
abraços,
Moura

Agradeço Moura, e como eu mesmo citei, eu não sei o que tenho, apenas pus a caneta na ponta do papel, e ela mexeu por conta. Porem, claro, isto não quer dizer nada.

Estou frequentando uma casa espirita, fazendo o estudo, apenas não a mediunidade (por enquanto), e aos domingos, caridade que pra mim está sendo a mais gratificante.

Não entendi o paragrafo sobre o espirito ruim, pois eu me senti em paz. E concordo contigo em número e genero, se eu fizer o mal ou for uma pessoa muito presa aos bens materiais, prazeres carnais, que não ora, não pratica o bem, tenderei a ter espiritos inferiores a meu lado.

Não sou ninguem, apenas quero fazer o bem, a mediunidade, no nivel que ela for, é consequencia, entende? Não vou ao centro (AGORA, mas ja tive certas ilusões) pensando "nossa, escreverei cartas" ou então "poxa, poderei psicofonar". Já fui um iludido quanto a isso, porem me pus em meu lugar, e te digo que se este lugar for fazendo orações, por exemplo, eu abraço a causa sem pensar duas vezes.

Vejo mediunidade como instrumento divino de AUXILIO no qual toda graça é sempre voltada ao Pai maior, e não a nós, meros mortais.

Como eu te disse moura, frequento um centro espirita muito humilde, estudamos as obras kardecistas, mas também analisamos vários obras de Chico Xavier, o que aconteceu ontem, aconteceu, era pra ser daquele jeito eu imagino, dou graças a Deus se consegui, mesmo que por um instante, ajudar quem quer que seja que foi até mim.

Não tenho estudo ainda meu amigo pra poder debater com vc coisas do espiritismo, mas eu vi sua preocupação para comigo e de coração, muito obrigado por se preocupar comigo.

Porem, foi lendo as obras de Chico é que as primeiras manifestações aconteceram. Comecei mesmo lendo o "livro dos espiritos". Estamos agora estudando "Os Mensageiros" e logo apos este terminar, estudaremos o Livro dos Médiuns.

Abraços
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: Mourarego em 16 de Janeiro de 2011, 19:25
Você me entendeu muito bem meu amigo Duh.
é apenas uma preocupação que tenho por todos os mais novos na doutrina.
Acontece que se lê em obras fora da codificação muita coisa que remete á imaginação fértil do autor ou do seu estado de crtençlas e a partir daí começa o mais novo na doutrina a acreditatr em co0isa que não existeam em termos de Espirtismo.
meu conselho é apenas no sentido do amigo aprimorar seu estudo na doutrina, tendo confiança apenas nas obras codificadas por Allan Kardec.
Estas são as doutrinárias entende?
Com mais tempo, essas primeiras impressões vão cedendo com o estudo já compreendido, e se o amigo tiver alguma das muitas qualidades ou faculdades medianímicas por certo já irá estar em posição de as usar com mais exatidão e conhecimento.
abraços,
Moura
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: Duh em 16 de Janeiro de 2011, 19:49
Moura, na parte em que vc diz:

"Acontece que se lê em obras fora da codificação muita coisa que remete á imaginação fértil do autor ou do seu estado de crtençlas"

Podemos afirmar que a maioria das obras espiritas, que não são as doutrinárias, são fruto de imaginações ferteis, e não comunicação entre médium e espirito?
Isto inclui as obras de Chico Xavier?

Os livros que li, tirando os caracterizados como Romance, em que não existe uma historia verdadeira por tras, os autores afirmaram ser historias veridicas, pegando bastidores, que são causos reais acontecidos entre encarnados e/ou desencarnados....

Apenas para solidificar um pouco o que disse, a sensação que eu tive ao ler bastidores, eu posso te dizer fielmente que estava apenas focado na leitura, e então ocorreu a sensação de como se estivesse alguem atras, segurando minha cabeça...torpor, vista dificultada e mãos começando a tremer/formigar

Nos centros espiritas, pelo pouco que sei até agora, o local é protegido de vibrações inferiores. Durante a leitura do livro de estudo, eu senti a mesma sensação, enquanto lia...mãos tremendo, cabeça e vista com torpor e a voz mudou um pouco (disseram-me os que estavam a meu lado).

Mantive-me quieto e perguntei a meu mentor (que tem o dom da videncia) se existia alguma presença comigo naquele momento, ou se era só fruto de minha imaginação, e ele me disse sem supresa, sim, havia uma presença com vc....não revelou quem, apenas disse o necessário.

Essas "presenças" moura, se intensificam antes de eu dormir. Qdo faço muitas orações, sinto-as todos os dias. Qdo não oro, não sinto nada.

Porem, fiquei encucado quanto ao termo imaginação fértil (dentro do contexto da pergunta que lhe fiz acima). Estou certo em questionar isto?

Abraços

Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: gah.gabriela em 11 de Outubro de 2011, 03:15
Olá colegas,

Comecei a frequentar um CE a pouco tempo, há duas semanas senti um sintoma de "mediunidade", formigamento nos braços, dores nos ombros e psicografei, não escrevi nada de palavras nem frases, no começo somente rabiscos e uns desenhos. Quis treinar todos os dias, tentei uns 2 dias seguidos. Me aconselharam a nao continuar, fazer o Evangelho no lar e orar e conversar com o espirito dizendo que não estava preparada. Comecei a ir ao centro, tomei o primeiro passe na semana passada e me sinto muito bem. Hoje passei por uma consulta espiritual no centro, e a médium psicografou a seguinte mensagem para mim:

"Aproveite o Culto do Evagelho no Lar para treinar a psicografia. Procure estudar assuntos de espiritualidade, especialmente os relativos à mediunidade. Leia muito para entender os compromissos que abraçou perante a lei de causa e efeito , quer dizer, as vidas sucessivas. Confiemos em Jesus!"

Agora estou em dúvida, não pude conversar com a medium, era só pegar o resultado e a ficha do tratamento que são 6 semanas de passes. Já li muito aqui e já ouvi conselhos para não psicografar em casa. Eu não estou fazendo o curso mediunico ainda, mas leio bastante, já li as obras da codificação e procuro tudo sobre o espiritismo e mediunidade, porém estou na dúvida se treino a psicografia em casa como "aconselhado" pelo espírito/medium ou não.  Ou sigo o que diz no LM, para fazer o Evangelho e rogar a Jesus para que envie um espírito de luz para me ajudar? Preciso saber o que vcs acham, seria perigoso psicografar em casa por ter começado a frequentar um CE ha pouquissimo tempo? Ou eu já estaria protegida me dedicando aos estudos como me dediquei antes de ter os sintomas e fazendo o Evangelho e orando?

Obrigada
Gaby
Título: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: Carlos.Morelli em 11 de Outubro de 2011, 11:02
Gabriela

Tenho pouca esperiencia para lhe responder, mais de uma coisa eu sei, jamais faca isso durante o evangelho no lar, esta escrito " evitar  atividades mediunicas durante o evangelho no lar", isso em qualquer CE, deveriam ter lhe falado isso, o evangelho no lar é pra vc trazer Jesus para dentro de sua casa, com certeza a segunda opção que lhe deram é a mais correta, pesquise mais sobre o assunto e vc Vera que jamais deve piscografar ou receber entidades durante o evangelho. Eu desconfiaria de um CE que tenha lhe mandado fazer isso.

faço o evangelho no lar toda semana, já a alguns meses, é uma noite por semana, e minha vida mudou muito depois disso,

Para sua mediunidade, vc deve procurar fazer um curso sim, sozinha não aconselho.

Fique com Deus


Sent from my iPhone using Tapatalk
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: Mourarego em 11 de Outubro de 2011, 15:59
Duh meu mano,
só posso falar tomando por base a codificação e assim o faço agora.
Sobre a influência das idéias (imaginação, afinidade, animismo), do médium:
Ninguém pode estar isento dessas ocorrências meu mano, pois, estamos ladeados constante e perpetuamente por uma nuvem de Espíritos.
Nossa afinidade com gostos e quereres, é que os faz poderem soprar-nos as suas idéias.
Sendo assim, mesmo Chico, Divaldo, Herculano, eu ou qualquer outro poderemos ter a mente a aceitar alguma idéia ou de outrem ou produto de nossa imaginação. Mormente nos casos em que o animismo esteja mais presente.
Abraços,
Moura

PS- Ia me esquecendo, desculpe.
Mesmo nos CEs pode haver sim casos onde presenças possam interferir.
O CE não é uma caixa blindada  à entrada dos espíritos menos evolídos, é antes o contrário, senão como se poderiam tratar?
Abraços,
Moura

Moura, na parte em que vc diz:

"Acontece que se lê em obras fora da codificação muita coisa que remete á imaginação fértil do autor ou do seu estado de crtençlas"

Podemos afirmar que a maioria das obras espiritas, que não são as doutrinárias, são fruto de imaginações ferteis, e não comunicação entre médium e espirito?
Isto inclui as obras de Chico Xavier?

Os livros que li, tirando os caracterizados como Romance, em que não existe uma historia verdadeira por tras, os autores afirmaram ser historias veridicas, pegando bastidores, que são causos reais acontecidos entre encarnados e/ou desencarnados....

Apenas para solidificar um pouco o que disse, a sensação que eu tive ao ler bastidores, eu posso te dizer fielmente que estava apenas focado na leitura, e então ocorreu a sensação de como se estivesse alguem atras, segurando minha cabeça...torpor, vista dificultada e mãos começando a tremer/formigar

Nos centros espiritas, pelo pouco que sei até agora, o local é protegido de vibrações inferiores. Durante a leitura do livro de estudo, eu senti a mesma sensação, enquanto lia...mãos tremendo, cabeça e vista com torpor e a voz mudou um pouco (disseram-me os que estavam a meu lado).

Mantive-me quieto e perguntei a meu mentor (que tem o dom da videncia) se existia alguma presença comigo naquele momento, ou se era só fruto de minha imaginação, e ele me disse sem supresa, sim, havia uma presença com vc....não revelou quem, apenas disse o necessário.

Essas "presenças" moura, se intensificam antes de eu dormir. Qdo faço muitas orações, sinto-as todos os dias. Qdo não oro, não sinto nada.

Porem, fiquei encucado quanto ao termo imaginação fértil (dentro do contexto da pergunta que lhe fiz acima). Estou certo em questionar isto?

Abraços


Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: Mourarego em 11 de Outubro de 2011, 16:04
Gabriela, este é um exemplo de interpolação e de animismo exacerbado.
nenhum Espírito que já avançou na seara do progresso, poderia lhe dar uma idéia tão distante do que diz a codificação.
O Trabalho do Evangelho no Lar não serve para treinar-se nada, é apenas um valoroso meio de se amenizar a psicosfera ambiente e de proporcionar a quem o faz momentos de maior compreensão do que o ESE diga.
treinar-se psicografia dentro dele é aceitar que se possa fazer algo além do que este trabalho prevê, que é a instrução moral conseguida pelo debate do tema estudado.
Abraços,
Moura

Olá colegas,

Comecei a frequentar um CE a pouco tempo, há duas semanas senti um sintoma de "mediunidade", formigamento nos braços, dores nos ombros e psicografei, não escrevi nada de palavras nem frases, no começo somente rabiscos e uns desenhos. Quis treinar todos os dias, tentei uns 2 dias seguidos. Me aconselharam a nao continuar, fazer o Evangelho no lar e orar e conversar com o espirito dizendo que não estava preparada. Comecei a ir ao centro, tomei o primeiro passe na semana passada e me sinto muito bem. Hoje passei por uma consulta espiritual no centro, e a médium psicografou a seguinte mensagem para mim:

"Aproveite o Culto do Evagelho no Lar para treinar a psicografia. Procure estudar assuntos de espiritualidade, especialmente os relativos à mediunidade. Leia muito para entender os compromissos que abraçou perante a lei de causa e efeito , quer dizer, as vidas sucessivas. Confiemos em Jesus!"

Agora estou em dúvida, não pude conversar com a medium, era só pegar o resultado e a ficha do tratamento que são 6 semanas de passes. Já li muito aqui e já ouvi conselhos para não psicografar em casa. Eu não estou fazendo o curso mediunico ainda, mas leio bastante, já li as obras da codificação e procuro tudo sobre o espiritismo e mediunidade, porém estou na dúvida se treino a psicografia em casa como "aconselhado" pelo espírito/medium ou não.  Ou sigo o que diz no LM, para fazer o Evangelho e rogar a Jesus para que envie um espírito de luz para me ajudar? Preciso saber o que vcs acham, seria perigoso psicografar em casa por ter começado a frequentar um CE ha pouquissimo tempo? Ou eu já estaria protegida me dedicando aos estudos como me dediquei antes de ter os sintomas e fazendo o Evangelho e orando?

Obrigada
Gaby
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: gah.gabriela em 11 de Outubro de 2011, 16:23
Olá Carlos e olá MouraRego,

Obrigada pelas dicas.
Eu não entendi desta forma a psicografia. Não passou pela minha cabeça que era para fazer durante o Evangelho no Lar, e sim para aproveitar a prática do Evangelho no Lar todas as semanas para fluidificar o ambiente aqui e aí sim treinar a psicografia. Eu já tinha lido que não se deve ocorrer atividades mediúnicas e nem manifestações durante o Culto do Evangelho, então já havia descartado essa possibilidade e interpretei de outra forma. Entendi que era para aproveitar que o ambiente ficaria fluídificado e eu estaria protegida, se rogasse a Jesus pedindo um espírito de luz e que meu Anjo da Guarda me protegesse.

Semana que vem eu vou fazer o tratamento (6 passes especiais) aí vou conversar com alguém sobre isso. Até começar o Curso, somente ano que vem eu não devo começar a psicografar ainda?

Obrigada pelos conselhos amigos, caí de paraquedas  e estou muito ansiosa com tudo isso.

Gaby
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: Mourarego em 11 de Outubro de 2011, 16:32
Maninha Gaby,
sou daqueles que segue o que está descrito no LM.
Lá é ensinado que a qualquer momento se possa dar azo ao trabalho de qualquer das faculdades medianímicas que as saibamos ter.
Diz alertando que um médium ainda novato, deva se precaver muito mais, analisando tudo que recebe dos espíritos  e verificando junto ao LE e ao LM assim como nas demais obras codificadas se não há idéias destoantes do que ensinado nas obras básicas.
Mesmo assim ainda alerta que um médium não deva dar ao que recebe mais do que o tratamento que se dê aos treinos.
Deve precaver-se também, de anotar um comportamento que crie vínculos com determinados Espíritos sobretudo aos que sejam de menor envergadura moral.
Estes os ensinamentos que os repasso sob as minhas palavras.
Abraços,
Moura
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: gah.gabriela em 11 de Outubro de 2011, 16:56
Olá Sr Mourarego,


Se eu fizer o Evangelho no Lar uma vez por semana com toda a família e todos os dias ler o Evangelho, estudar sobre a mediunidade, já li o LE e LM, leio o Evangelho diariamente e outras obras espiritas. Com tudo isso, ainda sendo Novata se eu treinar de 10 a 15 minutos todos os dias com disciplina, sempre no mesmo horário criando vínculo com os espíritos, corro o risco de cair em obsessão ou corro o risco de ter algum espírito zombeteiro por aqui? Este é o meu medo.

Gaby
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: Mourarego em 11 de Outubro de 2011, 17:04
Gaby,
você não deve criar vínculos com Espíritos.
Deve sim treinar e no feitio que você descreveu e que está no LM.
Trata-se apenas de um treinamento e qualquer vínculo pode vir a ter consequências.
Um jogador de futebol treina para se integrar ao esquema do time.
Sem criar vínculos com este, pois claro, jogos a frente poderá ser modificado em virtude do time adversário.
Chico psicografou sozinho mais de mil páginas e no entanto obteve de Emmanuel a notícia de que seriam apenas treinos.
Abração,
Moura
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: gah.gabriela em 11 de Outubro de 2011, 18:22
Ola moura

Não me expressei bem. Quero dizer, criar uma disciplina para que o espírito saiba que não estou "disponível" toda vez que pegar numa caneta.
Quanto ao Chico é verdade rs... ja falei isso para algumas pessoas e me disseram "Ah, Chico Xavier é Chico Xavier, você não quer se comparar a ele" rs
Claro que não, mas e quem desenvolve a mediunidade em um lugar que não tenha acesso a um CE? Não desenvolve? Vai renegar os compromissos de vidas passadas? Não né, dá um jeito.

Abraços e obrigada mais uma vez.

Achei um site interessante aqui no fórum,baixei o material e estou estudando.

http://www.caminhodaluznj.com/mediunidade

Gaby
Título: Re: Desenvolvimento de Faculdade Mediunica (Psicografia)
Enviado por: Mourarego em 11 de Outubro de 2011, 18:30
Maninha Gaby,
como dica para que não haja, cada vez que tomar da caneta. um Espírito a perturbar seu trabalho, indico a prece, feita em nome de Deus, rogando para que os Bons espíritos estejam a ajudá-la em seu treinamento.
Diz kardec ladeado por Erasto, que nenhum Espírito inferior pode se sobrepor às determinações de Mais Alto.
Isso torna o treino mais tranquilo e isento de perturbações espirituais.
Que se note, que sendo um treinamento, e podendo um sofredor querer ditar algo como um pedido, este deve ser explicado que aquele não é o momento e que, os bons Espíritos deverão ajudá-lo nesse mister.
Ele, poderá mesmo relutar, mas não guardará mágoa alguma deixando que a amiga treine.
Abraços,
Moura