Forum Espirita

GERAL => Psicologia & Espiritismo => Tópico iniciado por: TÍFANY em 22 de Outubro de 2010, 21:30

Título: Atitude mental
Enviado por: TÍFANY em 22 de Outubro de 2010, 21:30

                           Boa Tarde a todos!

                          Atitude Mental: O psiquismo e a saúde!


                          Dores generalizadas, afecções cutâneas, úlceras, enxaquecas, etc..muitas síndromes
podem ser desencadeadas pelas emoções, pensamentos, sentimentos  e, por isso mesmo chamadas
de psicogênicas. A mente à frente de tudo. A projeção é considerável.  Observando, através das estatísticas
em cada duas pessoas doentes, uma o é em função de sua psique deliberada.   A outra "vítima" com certeza
terá o seu quadro clínico  em estado crônico, e sua "liberação" tardia por causa de estados afetivos como o medo
ansiedade, etc..  E, claro, isso pode ocorrer mesmo nas pessoas que são vítimas de epidemias motivadas por
germes ou acidentes.
                           Diz, a medicina que, o microrganismo não é nada, o "terreno", sim, é tudo.
Certamente, nós, a todo instante, estamos a disputar espaço com esse "vegetal" capaz de produzir doenças
e, causar fermentação e putrefação.
                           Portanto, a vulnerabilidade do organismo, é o resultado imediato de um estado psíquico
chamado de "uma fenda na alma"  "aberta por si mesma".  Esta, por sua vez, compromete a saúde, dando
lugar e facilitando a doença, contrariamente, uma considerável vida ética e uma psique harmoniosa, e,
principalmente, uma alta dose de fé, têm a faculdade de tornar imune e, até mesmo curar.
                           E, citando o "placebo" que é ( solução usada em hospitais sem componentes químicos)
lembra-se da sabedoria do Nordeste que diz: " Quando Deus quer, água fria é remédio."  Em outras
palavras, é a auto-sugestão! ou a palavra título desta postagem:  ATITUDE MENTAL!!!!! auto-sugestão POSITIVA!!
                           A medicina moderna, de nossos dias, conhecdora dessas estratégias, não se atém somente do
tratamento das vísceras ou da nossa pele. Trata da pessoa por inteiro, sem deixar de lado NUNCA a unidade
psicossomática que somos!!  Sabe, ela a medicina, que a não ser que feche a "fenda da alma" das pessoas
ou pacientes, não colherá "respostas" cem por cento satisfatórias.
Já passou a época em que a ciência  se voltava tão somente na doença. Hoje, diz-se que não há doenças , e sim
doentes......O bom médico de hoje, prescreve ao paciente não apenas medicamentos, mas também sua simpatia,
amizade, sorrisos, palavras confortadoras e, confiança.
                            Sabe-se, com certeza que as emoções como a inveja, o ódio, o pessimismo, a revolta etc...
produzem reações hormonais e nervosas da mesma fonte e complexidade que as desenvolvidas quando o
organismo se depara em luta contra uma infecção.  Este sistema nervoso responde a situaçõses emotivas negativas
baixando a imunidade e a vitalidade.   Da mesma forma, entendemos que o sentimento de amor ao próximo, altruísmo,
perdão, bondade, otimismo, simpatia, etc, animam as técnicas vitais e encorajam as justificações orgânicas contra
o ataque de agentes patogênicos.
                             A partir deste ponto, podemos concluir que a saúde está na perfeita harmonia da circulação
das energias cósmicas.
                             E por mais que pareça contrário ao senso comum, por mais absurdo, não obstante seu poder
infinito, o subconsciente é submisso à influência de um pensamento forte, claro e transparente e até principalmente,
à imaginação. O pensamento ao se concentrar o subconsciente também se sintetiza.  Contudo, quando o pensa-
mento é desconexo, "solto"a vitalidade da mente igualmente se expande, infecundo.
                             Portanto, podemos concluir, que não há terapia que se possa comprar com o reto pensar, desejar,
sentir e, praticar o BEM!!!

                                      Um abraço a todos!   Tífani.