Forum Espirita

GERAL => Outros Temas => Biografias Espíritas => Tópico iniciado por: HamLacerda em 13 de Junho de 2011, 01:13

Título: Quem foi São Luis? (Codificação Espírita)
Enviado por: HamLacerda em 13 de Junho de 2011, 01:13
Olá,

Recentemente me despertou o interesse de descobrir a identidade desse espírito, depois de haver encontrado algumas divergências entre as informações que adquiri em algumas leituras, como na Revista Espírita.

Pelo que informa na Revista Espírita de 1858, não pode ter sido São Luis IX, porque em uma comunicação posterior, na Revista Espírita de 1859, o espírito de Julio Cesar disse ter sido ele. Portanto, este está descartado. Segue abaixo a comunicação:

"23 de setembro de 1859. (Méd. Sr. R...)

Até o momento não considerastes a guerra senão sob o ponto de vista material; guerras intestinas, guerras de povos a povos; não tendes jamais visto nisso senão conquistas, escravidão, sangue, morte e ruínas; é tempo de considerá-la sob o ponto de vista moralizador e progressista. A guerra semeia, em sua passagem, a morte e as idéias; as idéias germinam e se engrandecem; o Espírito, depois de se fortalecer na vida Espírita, vem fazê-las frutificar. Não sobrecarregueis, pois, com as vossas maldições, o diplomata que preparou a luta, nem o capitão que conduziu seus soldados à vitória; grandes lutas se preparam: lutas do bem contra o mal, das trevas contra a luz, lutas do espírito de progresso contra a ignorância estacionaria. Esperai com paciência, porque nem vossas maldições, nem vossos louvores, em nada poderiam mudar quanto à vontade de Deus; ele saberá sempre manter ou afastar seus instrumentos do teatro dos acontecimentos, segundo tenham cumprido sua missão, ou que tenham abusado, para servir seus objetivos pessoais, do poder que terão adquirido pelo seu sucesso. Tendes o exemplo do César moderno e do meu. Devi, por várias existências miseráveis e obscuras, expiar minhas faltas, e vivi, pela última vez, na Terra, sob o nome de Louis IX."
JÚLIO CÉSAR.



Hoje, dando meu passeio habitual pela Revista Espírita, encontro um artigo no qual o espírito que estava sendo interrogado estava sendo orientado por São Luis. No final da manifestação pergutaram à ele se conhecia àquele que estava lá (Referindo-se a São Luis). Logo depois, perguntaram o seguinte ao espírito interrogado: "Sabeis o que ele foi em França, no século XIII?". A resposta: - "R. Não"

Bom, se estava se referindo à São Luis, o mesmo que ditou várias menssagens da Codificação Espírita, eu não sei. Mas, me parece que sim.

Continuei minha investigação e procurei por São Luis XIII na Wikipédia. Descobri que este São Luis viveu no Séc XV. Portanto não bate com a informação anterior. descartado.

Não obstante, nos próximos artigos da Revista Espírita, encontro um artigo com o título: "CONFISSÃO DE LUÍS XI"! (Não li ainda). Segundo a Wikipédia este São Luis seria o Rei Luis, O Prudente; Contudo, na menssagem da Revista Espírita não diz se esta confissão foi de São Luis, da codificação. Este Luis viveu no Séc. XIII (1461 e 1483). Bate com a informação acima. Se foi este, segue uma foto abaixo:

(http://2.bp.blogspot.com/_mnNWkYdq0Is/S14j0DKFQ7I/AAAAAAAADB4/N1JLLW-7Enk/s400/Clipboard06.jpg)


Se alguém tiver mais informações que poderia confirmar qual Rei da França foi São Luis, da codificação, ficaria grato.


Segue o link da Wikipédia que fala de todos os Reis da França:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Categoria:Reis_da_Fran%C3%A7a

Abraços

Título: Re: Quem foi São Luis? (Codificação Espírita)
Enviado por: Mourarego em 13 de Junho de 2011, 16:28
Quando falamos em São Luiz,a referência é feita ao Rei Santo, Luiz IX, neto de Filipe Augusto e avô de Filipe o Belo.
Governou a França de 1226 a 1270.
Embora tendo sido o menos conhecido dos reis franceses da idade média, o século XIII ficou conhecido como "o século de São Luiz".
Nascido em Poissy, em1214, subindo ao trono ainda criança, governou sob a tutela de sua mãe, Branca de Castela e a partir de 1242 passou a governar sozinho.
O título de Rei Santo se deve a sua canonização ainda em vida, sagrada pelo papa Inocêncio I.
sobre este rei,que deve ser conhecido,há um livro muito bom e fiel à verdade escrito por Jaques Le Gof, como título de "São Luiz - Biografia-". Ed. Record.
Abraços,
Moura
Título: Re: Quem foi São Luis? (Codificação Espírita)
Enviado por: HamLacerda em 13 de Junho de 2011, 17:25
Olá, Moura.

Foi justamente por crer nesta informação, ou seja, também acreditava que era o São Luis de França IX, que procurei a verdade sobre a identidade de São Luis. De todas, as acima mensionadas, a menos crível é que ele tenha sido São Luis IX.

Nota que nas informações acima, uma diz que Luis IX foi Julio Cesar; Outra diz que ele reinou no séc XIII, ou seja, de 1200 a 1300.

Talvez as pessoas associaram São Luis, da codificação, à Luis de França IX, pq este foi o Rei mais amado da França, e como o espírito humano tende a exminar os fatos mais pela vontade e pelos afetos; disso se originam ciências que podem ser chamadas "ciências conforme a nossa vontade". Eu, particulamente, desconfiei quando associaram à este Rei, não por ele, São Luis, não ser digno de ser Luis IX, mas que quando as coisas são examinadas desta forma, eu costumo desconfiar.

Mas posso está errado, claro.

Vc teria alguma fonte na Doutrina que diz que ele foi São Luis IX?
Título: Re: Quem foi São Luis? (Codificação Espírita)
Enviado por: HamLacerda em 13 de Junho de 2011, 17:48
Parece que vc está certo, Moura.

Lembrei de ter lido hà muito tempo um livro de Canuto de Abreu chamado "A história do Espíritismo e sua tradição lendária". Nesse livro fala muito de São Luis. Fiz uma pesquisa no PDF por "Luis" e encontrei algumas informações que corrobora que se trata de São Luis IX. Segue abaixo o trecho:

[...]E o Espírito escreveu, curiosamente, sem borrão nem emenda, o ‘Prefácio’ do livro que, por sugestão minha, intitulamos: ‘Vida de LUIS IX, escrita por ele mesmo’. [...]

Esse livro, A História de São Luis escrita por ele mesmo" é o mesmo que Kardec se refere na Revista Espírita de 1858, entretanto, na Revista Espírita diz Luis XI, o que deve ter acontecido um erro de tradução ou do copista.

O estranho é esse artigo na Revista Espíriata de 1858 assinado por Julio Cesar onde ele diz ter sido Luis IX. Será que São Luis foi Julio Cesar e São Luis IX?? ou é mais uma mistificação das várias que encontramos na Revista Espírta? Ficou essa dúvida ehehehe


Grato.



(http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/1/1e/El_Greco_052.jpg/477px-El_Greco_052.jpg)

Luís IX de França ou São Luís de França (Poissy, França, 25 de Abril de 1214 - Tunis, Norte de África, 25 de Agosto de 1270) foi rei de França de 1226 até à sua morte, o nono da chamada dinastia dos capetianos directos, e também conde de Artois de 1226 a 1237.

No seu reinado a França viveu um excepcional momento político, económico, militar e cultural, conhecido como o "o século de ouro de São Luís". Houve um grande desenvolvimento da justiça real, passando o monarca a representar o juiz supremo. [...]

Título: Re: Quem foi São Luis? (Codificação Espírita)
Enviado por: Mourarego em 13 de Junho de 2011, 18:50
Não sei te dizer mano Hamilton,
já que o que busquei de São Luis foi através do trabalho biográfico que o Jaques fez.
Este um trabalho sério de muita pesquisa.
Na Revue, há algumas páginas que merecem nosso estudo mais perseverante pára que consigamos ver senão se trata de pensamento do próprio Espíriito como o tal caso do Gênio das Flores.
De qualquer forma, o trabalho do Jacques, é muito interessante, hjá que ele nem Espírita é.
conta apenas a história do Rei santo.
Abraços,
Moura
Título: Re: Quem foi São Luis? (Codificação Espírita)
Enviado por: sergio rene pina duarte em 23 de Junho de 2011, 12:56
Tenho pesquisado muito, e tenho me deparado com um serie de questões, que realmente me levam a muitos questionamentos.
Título: Re: Quem foi São Luis? (Codificação Espírita)
Enviado por: Moises de Cerq. Pereira em 27 de Agosto de 2015, 13:12
Como singela homenagem a São Luís, que fora presidente espiritual da Sociedade Parisiense de Estudos Espíritas, neste dia 25 de agosto, aniversário de sua morte, nós traduzimos uma comunicação sua, inédita para nós, que foi dada numa reunião familiar em 1862 e a compartilhamos com os assinantes do IPEAK.

Da justiça divina

(Espírito de São Luís - Médium, Mme H. Dozon)

“Se alguém vos bater na face direita, estendei a esquerda”. Não compreendais que aqui se trate de um golpe material, mas do perdão da injúria e dessa suave mansuetude que quer desarmar a maldade pela doçura; ela parece dizer: "Eu estou à vossa mercê!” Ferireis aquele que não quer se servir de suas armas? As leis humanas fizeram da vingança uma questão de honra; houve um tempo em que a reparação pelas armas era forçada de alguma forma. As leis, não reprimindo o golpe desferido, os homens se faziam justiça pelas próprias mãos; o duelo então prevenia o assassinato. Relativamente, ele era um bem. Estabeleceu-se mesmo tribunais conhecidos sob o nome de cours d’honneur, onde a ofensa e a reparação se julgavam. Parece que civilizando-se e suavizando-se, os costumes deverão abolir o duelo, mas é preciso mais que a civilização para reformar os abusos das nações, é preciso a moral. Unicamente a moral pode dar as verdadeiras noções do bem e do mal. A moral é uma balança sustentada pela mão de Deus; ela equaliza a soma do bem pelo bem; todavia, enquanto o mal está de um lado falta o equilíbrio segundo a divina Justiça, e assim será enquanto a humanidade não compreender o espírito do Evangelho.
“Se alguém vos roubar o manto, dai também a vossa túnica”. Evidentemente, nessas palavras não deveis vos apegar à letra. O espírito evangélico não vos pode aconselhar ou encorajar o roubo, a rapina. Se foi a miséria que levou vosso irmão ao roubo, tende compaixão de sua fraqueza; não somente não o entregueis aos juízes, mas ajudai-o. É assim que cumprireis o preceito: e dai uma túnica àquele que houver roubado vosso manto. No entanto, se a má-fé, impelida pelas desordens da cupidez, vem tomar a parte que vos é devida, empregai os meios possíveis que vos sugere a caridade para fazer entrar a justiça na alma do culpado; depois, se ele se recusa a reparar suas faltas e vos frustra ilegalmente, lembrais-vos que Cristo disse para dar a César o que lhe é devido, e que por isso ele entende que a justiça deve ser feita. Então, dirigi-vos a quem faça a justiça; reclamai o que vos é devido, mas não coloqueis nisso nem paixão nem cólera.


(Do livro Révélations d’outre-tombe, primeiro volume, redigido pelo Sr. Henri Dozon, traduzido do francês pela Equipe do GEAK. Essa obra é citada por Allan Kardec na Revista Espírita de janeiro de 1862.)
Título: Re: Quem foi São Luis? (Codificação Espírita)
Enviado por: Fernando Gasparotto em 01 de Setembro de 2015, 19:47
Acho que esse "julio césar" da revista espirita é um misitificador.. porém como fala da visão da guerra para o progresso, como de fato existe no LE, ele me parece algum espirito com vidas na carreira militar..  etc..

Já li que a médium ALCINA no asilo Salpetrière em Paris. Numa reunião que contou com a presença de psiquiatras e professores universitários, o do mestre francês Mathias Duval, ante os fenômenos paranormais produzidos pela médium, evocaram o Espírito de Platão, “que nos dirá algo sobre a semelhança entre Alexandre, César e Napoleão”.. o que ele disse que são a MESMA alma.. e eu que muito já li sobre história digo que parecem muito nas virtudes e fraquezas..

No livro Cartas e Crônicas no capitulo "Kardec e Napoleão" diz que Napoleão foi César, e q São Luis e outros espíritos sábios da codificação estavam nessa assembleia... sendo a missão de Napoleão a de proteger a França e consequentemente os ideais da revolução francesa do revanchismo que ocorreria das outras potências mundiais contra a França logo após, o que ele fez muito bem por 15 anos..permitindo assim que já tivesse estabilizado as conquistas da revolução, como a liberdade de pensamento , que por sua vez permitiu que o espiritismo nascesse livre de perseguições de reis ou igreja.... falhou no final em desvios de ambição e vaidade, o que lhe custou seu exercito no inverno russo quando já estava em Moscow etc etc.. falhas que parecem não o castigaram muito no mundo espiritual porque temos após 35 anos de sua morte seu nome estava gravado na codificação da 1º EDIÇÃO do livro dos espíritos.. nas outras foi retirado seu nome desconfia-se porque na época reinava seu neto Napoleão III e a Sociedade Parisiense era apolitica, etc etc etc... e na Revista Espirita 1859 a evocação do general francês HOCHE que diz que Napoleão estava ajudando na Guerra Italiana de Independência e Unificação, ou seja logo voltou a trabalhar..
Título: Re: Quem foi São Luis? (Codificação Espírita)
Enviado por: Moises de Cerq. Pereira em 01 de Setembro de 2015, 23:10
Interessantes colocações

valeu !