Forum Espirita

GERAL => Psicologia & Espiritismo => Auto-Conhecimento => Tópico iniciado por: Paulo Inacio em 15 de Agosto de 2005, 16:30

Título: Centros espiritas
Enviado por: Paulo Inacio em 15 de Agosto de 2005, 16:30
Olá Amigos/as

É com muito gosto que estou de volta a este cantinho onde encontro sempre grandes amigos!

A minha questao é a seguinte:

Como funcionam os centros espiritas e os passistas?

No centro espirita que eu frequento as pessoas reunem-se todas numa sala onde se dá inicio a uma palestra.No fim da palestra as pessoas levantam-se e dao as maos formando uma corrente magnética onde normalmente os médiuns passistas com o corrente magnética normalmente deixam transparecer que o sao(creio que nao prepositadamente) com barulhos tipo cobras e ficam num estado anormalizado..

O que eu gostava de saber é se nos restantes Centros também é feita essa corrente antes de se dar inicio ao trabalho de passes porque já me disseram que isto é muito estranho(o comportamento dos médiuns aquando da dita corrente magnética).
Chegaram mesmo a dizer que tal centro nao era kardecista mas é porque as palestras falam sobre kardec(por vezes) e estao lá á venda as obras de Allan Kardec entre outras..

Também gostava  de saber se nos trabalhos de passe os passistas estao calados(ou pelo menos tentam se controlar) ou se sao mesmo "obrigados" a deixar "falar" os espiritos daqueles que levam o passe.

É que no Brasil nao é nada feito assim..porque será?

Aguardo as vossas opinioes pessoais e experiencias nos centros que frequentam para que me possa orientar! :P!

Com grande abraço para todos,Paulo Inacio.
Título: Re: Centros espiritas
Enviado por: Mourarego em 15 de Agosto de 2005, 22:54
Maninho Paulo Inacio,
o deconhecimento douterinário leva a muitos a fazerem papel de palhaços.Triste papel se bem digo... Estes que como o amigo erlata ficam em Estado anormalizado, ficam assim exatamente pela igbnorância do que seja a Doutrina Espíritra.Nada de correntes, barulhos, assovio,s estalar de dedos, durante o passe, nada de correntes de mãos dadas, isso não existe, e se alguns prescrevem  tal coisa trazem de doutrinas outras que não a Espírita.
A reunião Segundo Kardec deve começar com uma prece aos bons espíritos e depois seguindo a ordem estabelecida para o dia. Se estudo doutrinário que se comece por ele passando aos outros afazeres após o término.
Só como  nota, não é só por ai  que existem essas coisas, aqui no Brasil também meu amigo, o que prova que não andamos longe dos outros países no desconhecimento doutrinário.
Abração,
Moura
Título: Re: Centros espiritas
Enviado por: Det's me!... em 16 de Agosto de 2005, 00:51
Olá Paulo,

Tudo de bom.

Infelizmente muita coisa se passa dentro das casas espiritas ou assim ditas, que nada têm a ver com práticas espiritas.

E dizendo-se espiritas, na prática corrente, não o são.

Todo o trabalho dentro da casa espirita, se baseia na simplicidade de actos e no intercambio constante que se faz pela boa sintonia entre os trabalhadores da casa encarnados, no caso presente passistas, e os trabalhadores desencarnados, que regra geral coordenam os trabalhos.

A simplicidade deve ser mote.

Num trabalho de passe numa casa espirita, não há azo a tais práticas como as que descreveste.

Depois da palestra, quem vai tomar passe, dirige-se à sala de Passe,  senta-se numa cadeira e recebe do passista que lhe coube, o referido passe.

Este pode ser de diversas formas dado, existindo literatura própria dentro da doutrina espirita, de entre as quais como mais completa aconselho, "O Passe" de Jacob de Melo.

Depois de recebida a transmissão magnética através do Passe, nada mais se deverá passar.

Há porventura casos mais urgentes, em que o Passe poderá ser efectuado de forma diferente, em que se forme uma corrente em volta do paciente (mãos dadas não é necessário..... a coisa é mesmo a nível vibratório e através do pensamento), e um Passista, proceda à aplicação magnética, com limpeza, dispersão, restabelecimento de fluxo energético (tal qual acontece nos trabalhos de desobsessão).

Não há qualquer tipo de, como chamamos na gíria, incorporação (manifestação psicofónica). Se o há.... é porque algo vai mal.... muito.

Relativamente ao Centro ser Espirita ou não....embora tal não possa comprometer em nada a bondade da FEP, seria bom ver se o mesmo se encontra filiado ou não.

Para tal basta accessares o site da FEP, onde lá vêm as moradas de todos os Centros Federados.

Quqlquer coisa ...... estamos aí.

Fica bem.

Abração
Luís