Forum Espirita

GERAL => Mensagens de Ânimo => Acção do Dia => Tópico iniciado por: Lima_Gil em 07 de Outubro de 2010, 05:24

Título: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 07 de Outubro de 2010, 05:24
                                                                      “FORA DA CARIDADE NÃO HÁ SALVAÇÃO”
                                                                                              Allan Kardec

a. Constituem objetivos deste novo tópico:

1) exercitar a CARIDADE MORAL;

2) prestar ATENDIMENTO FRATERNO;

3) apressar-nos a RENOVAÇÃO ÍNTIMA;

4) tocar o coração das pessoas para a SOLIDARIEDADE HUMANA;

5) ajudar irmãos carentes, em CRISE DE PÂNICO, DEPRESSÃO ou com TENDÊNCIAS SUICIDAS;

6) despertar-nos para a urgência da AUTO-EDUCAÇÃO MORAL;

7) desenvolver a AUTO-ESTIMA, o AUTO-AMOR e a AUTOCURA;

8) conscientizar-nos para a LIBERTAÇÃO ESPIRITUAL e a ILUMINAÇÃO;

9) cultivar a SERENIDADE, precioso instrumento de construção da paz interior;

10) incentivar a UNIÃO ENTRE TODOS OS ESPÍRITOS ou FRATERNIDADE UNIVERSAL,  conforme preceitua a Oração Sacerdotal do Cristo (João, 17:1 a 26).

b. Almejamos trabalhar para a progressiva concretização desses objetivos contando com o espontâneo engajamento dos amados irmãos e irmãs membros deste Fórum, de forma natural e voluntária, considerando-se desnecessária a citação de nomes ou a convocação de pessoas.

c. Este valioso trabalho, com fundamento no princípio universal que se tornou a frase-símbolo do Espiritismo Evangélico — que encabeça a construção deste tópico — deve ter início AQUI E AGORA, com vistas a imprimir um sentido mais prático ao imenso cabedal de conhecimentos intelectuais pertinentes ao patrimônio inalienável deste abençoado Fórum.

d. Porque, em verdade, todos nós, sem exceção, devemos assumir humildemente a condição de filhos pródigos, com extensa folha de débitos perante as Leis Divinas ou Naturais, estabelecidas por Deus, desde toda a Eternidade.

e. Com o intuito de atrair e motivar os corações mais equilibrados e dispostos a contribuir para o levantamentos dos ânimos abatidos — dos nossos irmãos de jornada mais necessitados que procurem este importante espaço espiritual, em busca de reconforto —, oferecemos, a todos os membros deste Fórum e aos visitantes, a página que se segue, à guisa de mensagem de abertura.


                                                                                QUE BOM QUE VOCÊ VEIO!...


Sabemos que estamos nos conhecendo num momento muito difícil da sua vida... Sabemos também que o que você gostaria mesmo era de levar a sua vida “normal” e de não ter chegado a precisar de ajuda. Logo você, que se sentia tão auto-suficiente e capaz! Sabemos que, agora mesmo, não está acreditando que esse câncer, essa AIDS, essa depressão, essa doença tão grave e difícil esteja mesmo acontecendo com você... E sabemos disso, porque já passamos por isso. Já mergulhamos também, bem lá no fundo desse poço de angústia, que joga por terra os nossos sonhos, que inunda de lágrimas os nossos olhos, que transforma a nossa rotina confortável numa outra vida feita de exames, cirurgias, medicamentos, médicos, enfermeiros, técnicos, religiosos de todas as correntes, solidão e dor, muita dor; vagamos por esses ambientes estranhos e desconhecidos, onde somos também estranhos e desconhecidos por todos...

Embora seja difícil acreditar nisso agora, saiba que esse é “o momento” da sua vida! Tenha certeza de uma coisa: logo, você sairá dele como urna nova pessoa! Mais confiante, mais madura, exibindo possibilidades e recursos que antes nem supunha possuir.

Nós fizemos essa viagem que você está fazendo agora por lugares sombrios... Muitas outras pessoas, que nós conhecemos, também fizeram. Muitas outras pessoas, que só agora viemos a conhecer, também fizeram e, maravilhadas com o que aprenderam, estão contando em livros, palestras, revistas, cursos, páginas da lnternet e em todos os meios de comunicação possíveis, exatamente isso: CONFIE! SOSSEGUE! APRENDA! CRESÇA! VOCÊ É CAPAZ! VOCÊ VAI CONSEGUIR!

Ouça... Há uma gritaria no seu mundo íntimo... Você pode ouvir sua própria voz falando do seu desespero, pode assistir às cenas desse filme triste que vem fazendo do seu dia-a-dia, pode sentir mais uma vez o seu coração como que apertado por mão-de-ferro... Permita-se parar com isso, só por um instante... Respire fundo!... Relaxe o máximo possível... Está ouvindo?... Uma voz fraca lá no fundo... dizendo:

— É, quem sabe? Deixe essa voz falar mais alto e ela dirá:

— SIM, É POSSÍVEL. Eu não sei como, mas é possível!

Deixe essa voz, a voz da esperança, ocupar por um instante todos os seus pensamentos e todas as células do seu corpo. Seja essa esperança!

Qualquer terapeuta do mundo lhe dirá:

—Tente!

Nós, do Grupo Plenitude, lhe diremos o que ouvimos da espiritualidade amiga aqui da Casa (1), e que se tornou o nosso lema:

— NÃO TENTE. CONSIGA!

Do livro:
Método de Autocura
(Projeto Plenitude)
Luzia Helena Mathias Arruda
(1) Centro Espírita Léon Denis
         Bento Ribeiro (RJ)



Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 07 de Outubro de 2010, 05:32
ALGUNS SERVIÇOS QUE O ESPIRITISMO PODE FAZER POR VOCÊ

Integra você no conhecimento de sua posição de criatura eterna e responsável, diante da vida.

Expõe o sentido real das lições do CRISTO e de todos os outros mentores espirituais da humanidade, nas diversas regiões do planeta.

Revela-lhe o princípio da Reencarnação, determinando o porquê da dor e das aparentes desigualdades sociais.

Suprime-lhe as preocupações originárias do medo da morte, provando que ela não existe.

Confere-lhe forças para suportar as maiores vicissitudes do corpo, mostrando a você que o instrumento físico nos reflete as condições ou necessidades do Espírito Imperecível.

Tranqüiliza você com respeito aos desajustes da parentela corporal, esclarecendo que o lar recebe não somente afetos, mas também os desafetos de existências passadas, para a necessária regeneração.

Demonstra-lhe que o principal templo para o culto da Presença Divina é a consciência.

Liberta-lhe a mente de todos os tabus em matéria de crença religiosa.

Desmistifica e amplia o conhecimento, mostrando com clareza a simplicidade de todas as dimensões da existência.

Elimina a maior parte das preocupações acerca do futuro além da chamada ”morte”.

Dá-lhe o conforto do intercâmbio com os entes queridos, depois de desencarnados.

Permite a presença entre nós de doutrinadores, Espíritos de sublime elevação, para prestar esclarecimentos e acalentar os nossos corações.

Traça-lhe a providência para o combate ou a cura da obsessão.

Entrega-lhe o conhecimento e a capacidade da mediunidade.

Concede-lhe o direito à fé raciocinada.

Destaca-lhe o imperativo da caridade por dever.

Auxilia você a revisar e revalorizar os seus conceitos de trabalho e tempo.

Concede-lhe a certeza natural de que se beneficiarmos ou prejudicarmos alguém, estamos beneficiando ou prejudicando a nós mesmos.

Garante-lhe a serenidade e a paz diante das calúnias e das críticas.

Ensina a você a considerar adversários por instrutores.

Explica-lhe que, por maiores que sejam as dificuldades exteriores, intimamente você é livre para melhorar ou agravar a própria situação.

Patenteia-lhe que a fé ilumina o caminho, mas ninguém fugirá da lei que manda atribuir a cada qual segundo as suas próprias obras.

Conforta-nos quando informa que:
“A ninguém é permitido voltar para modificar o futuro, mas a todos é permitido, a partir de agora, construir um novo fim.”

                                     “A MAIOR CARIDADE QUE PODEMOS FAZER
                                           EM RELAÇÃO À DOUTRINA ESPÍRITA
                                                      É A SUA DIVULGAÇÃO.”
                                                                 Emmanuel

Autor: André Luís
Fonte: Internet

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 07 de Outubro de 2010, 05:35

Do livro:
SERENIDADE
Uma terapia para a alma
Robson Pinheiro
Alex Zarthú


1. O PODER DA PRECE

     “Orai sem cessar.”
     1 Tessalonicenses 5.17

Não só aos braços foram conferidas as oportunidades de servir. Os ouvidos trabalham quando ouvem a história de uma vida. Os pés, quando caminham em direção ao bem, trabalham a serviço do Alto. A boca exerce atividade incessante, falando quanto possa, e o cérebro, a serviço da inteligência, descobre mil formas de colocar em prática as idéias.

Se nos faltam oportunidades de agir ostensivamente, amplia-se-nos a capacidade de servir na intimidade da alma.

Dessa maneira, a prece que elevas de teu coração exalta-se por benefício de extrema excelência em favor de ti mesmo e do próximo.

O mundo da Terra é uma oficina onde nós podemos aprender a consertar inúmeras coisas através da ferramenta da boa-vontade. Mas, em nós mesmos, encontraremos sempre com que começar, fazendo os pequenos reparos na aparelhagem da alma. A prece funciona como elemento lubrificador das fibras sensíveis do ser.

Não podemos desenvolver os frutos do espírito nas bênçãos da fé enquanto não asserenarmos a alma e aprendermos, no silêncio da prece, a simpliciclacle das coisas de Deus.

Por toda parte, a riqueza de Deus está a serviço de seus filhos. A alma em prece se serve dos recursos divinos dispersos na natureza, canalizando tudo para o bem geral.

Não nos alonguemos demasiadamente em rogativas, pois a prece sincera deve ser o trabalho constante e o esforço para a melhora íntima. Deus está sempre conosco, e a verdadeira devoção não está nas orações proferidas a todo momento, mas na sintonia incessante com o eterno bem, no esforço por melhorar, procurando extirpar os vestígios de imperfeições que ainda restem na alma.

A natureza oferece-nos, em lições de simplicidade, o atestado perene da bondade de Deus. A existência da dor e as idéias de sofrimento, de sombras ou desolação, nunca as encontramos no firmamento, na natureza em festa ou no trinar dos pássaros esvoaçantes, simplesmente porque tais coisas se encontram dentro do próprio homem.

Através da prece, que se manifesta na dedicação ao trabalho construtivo, o homem sintoniza- se com Deus e prossegue nas estradas do mundo. Semeia estrelas e, no coração do próximo, planta esperança, nas sementes de felicidade que espalha.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 07 de Outubro de 2010, 05:53
Querido amigo Lima Gil

Parabéns por sua iniciativa em abrir esse novo tópico aqui no Fórum. Creio que o atendimento fraterno será de extrema importância para todos os irmãos necessitados de uma palavra amiga, de um bom conselho ou simplesmente de encontrar lenitivo para suas dores aqui nessse espaço que será permeado de luz, paciência e fé no futuro, fé em Deus!

Abraços carinhosos  da amiga de sempre

Katia
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 07 de Outubro de 2010, 07:47
Amada irmã Katia:

Muito grato pelas tuas suaves palavras de incentivo, no momento em que estávamos criando este novo tópico, cujos objetivos transcendem em muito os anteriores, que vêm sendo enriquecidos pela simples postagem de pensamentos, mensagens, orações e poesias mediúnicas. Aqui, precisaremos — assim acredito — bem mais do que isso! Será necessária uma grande integração entre os membros do Fórum; uma melhor compreensão dos ambiciosos objetivos deste tópico e uma ampla renovação dos sentimentos de união, respeito-mútuo, amor ao próximo e solidariedade humana, para que as pessoas mais carentes sintam-se bem acolhidas e tocadas em seus corações, para externarem suas dificuldes ou se manifestarem por mensagens pessoais, a todos os que se apresentarem como voluntários para esse valioso trabalho de atendimento fraterno, visando proporcionar alguma serenidade às almas que atravessem problemas ou dificuldades mais aflitivas. Vamos vibrar intensamente para que os membros deste abençoado Fórum, que tenham condições de ajudar nossos irmãos e irmãs mais necessitados, se apresentem, aos poucos, para grangear a confiança de todos que se interessarem por essa preciosa forma de caridade, tantas vezes esquecida por quase todos nós: a caridade moral! Que o nosso amado Mestre Jesus abençoe os nossos propósitos de cooperar em Sua bendita seara de Amor e Luz! Muita Paz para todos os membros deste valioso espaço espiritual e também aos nossos irmãos e irmãs visitantes! Par ti, alma querida, abraços afetuosos deste irmão e amigo que muito te ama,
Lima_Gil
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 07 de Outubro de 2010, 14:43
Olá amigos

Espero poder contribuir sempre. Parabéns pelo tópico

Aqui fica um pouco de minha contribuição.

Paz e LUz
Belina
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 07 de Outubro de 2010, 15:18
Obrigada por tão positivas postagens...

Esse forum realmente é tudo de bom!

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 07 de Outubro de 2010, 18:05
                 Santuário Interior

Só existe, na vida, em verdade, uma edificação que resiste à ventania implacável das horas - aquela em que nossa alma recolhe da argila humana a experiência necessária para erguer em si mesma o templo da humildade e do amor...

Na procura da felicidade e da paz, todos somos viajantes do mundo, caminhando sobre as cinzas de nossos ídolos mortos.
Construímos palácios de ouro de que nos retiramos desencantados e abraçamos paixões que nos calcinam os sonhos, a fogo de aflição.

Seguimos para diante, entre flores que morrem, luzes que se apagam, cânticos que emudecem...

Só existe, na vida, em verdade, uma edificação que resiste à ventania implacável das horas – aquela em que nossa alma recolhe da argila humana a experiência necessária para erguer em si mesma o templo da humildade e do amor.
Santuário feito de suor e de lágrimas, nele rendemos culto incessante à compreensão e à fraternidade, por facultar-nos mais amplo entendimento da Bondade de Deus.
Nele, por vezes, agoniada solidão nos aflige, entretanto, é aí dentro que conseguimos silêncio bastante para ouvir os apelos do Alto que nos conclamam à Luz Espiritual, através da renunciação no bem dos outros.
E, quase sempre a fim de erigi-lo, no coração e na consciência, é imprescindível padecer provas e dores que nos aproximem da vida.
Alcançando-o, porém, respiramos na antecâmara da Vida Mais Alta, porque aí, nesse recanto indevassável fala o Mestre e ouve o aprendiz, assimilando, por fim, a lição que o integrará na posse do Céu em si mesmo para sempre.

(Do livro "Visão Nova", pelo Espírito AGAR, Francisco Cândido Xavier, Autores Diversos)



Amigo..Brigada por nos oportunizar este novo tópico..É mais uma valiosa contribuição com nossa tão sonhada e almejada reforma intíma..Em busca da Paz interior...Parabéns !!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 07 de Outubro de 2010, 18:12
              **Não Te Pertubes**“

E o mandamento que era para a vida, achei eu que me era para a morte.” - Paulo (Romanos, cap. 7, v.10.)

Se perguntássemos ao grão de trigo que opinião alimenta acerca do moinho, naturalmente responderia que dentro dele encontra a casa de tortura em que se aflige e sofre; no entanto, é de lá que ele se ausenta aprimorado para a glória do pão na subsistência do mundo.

Se indagássemos da madeira, com respeito ao serrote, informaria que nele identifica o algoz de todos os momentos, a dilacerar-lhe as entranhas; todavia, sob o patrocínio do suposto verdugo, faz-se delicada e útil para servir em atividades sempre mais nobres.

Se consultarmos a pedra, com alusão ao buril, certo esclarecerá que descobriu nele o detestável perseguidor de sua tranqüilidade, a feri-la, desapiedado, dia e noite; entretanto, é dos golpes dele que se eleva aos tesouros terrestres, aperfeiçoada e brilhante.

Assim, a alma. Assim, a luta...

Peçamos o parecer do homem, quanto à carne, e pronunciará talvez impropriedades mil.
Ouçamo-lo sobre a dor e registraremos velhos disparates verbais.
Solicitemos-lhe que se externe com referência à dificuldade, e derramará fel e pranto.

Contudo, é imperioso reconhecer que do corpo disciplinado, do sofrimento purificador e do obstáculo asfixiante, o Espírito ressurge sempre mais aformoseado, mais robusto e mais esclarecido para a imortalidade.

Não te perturbes, pois, diante da luta, e observa.

O que te parece derrota, muita vez é vitória. E o que se te afigura em favor de tua morte, é contribuição para o teu engrandecimento na vida eterna.

EMMANUEL
"Não te perturbes"
(Do livro Fonte Viva, 16, FCXavier, FEB)

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lourdilena em 07 de Outubro de 2010, 19:14
"Você dominará sempre as palavras que não disse, entretanto, se subordinará à quelas que pronuncie.

Zele pela tranquilidade de sua consciência, sem descurar de sua apresentação exterior.

No que se refere à alimentação, é importante recordar a afirmativa dos antigos romanos: há homens que cavam a sepultura com a própria boca..."

(Sinal Verde, André Luiz)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 07 de Outubro de 2010, 23:51

Prezada irmã Lourdilena:

Boa noite e muito prazer em conhecê-la! Obrigado, irmã querida, pela visita e pela valiosa contribuição que nos troxe, para o enriquecimento deste espaço espiritual. Seja bem-vinda, minha irmã, que aqui você sempre será muito bem acolhida; poderá fazer novas amizades, com as estimadas amigas Dothy, Katia, Cris Santana, felicidade 39, Mecame, Carmen.gbi, Marli Pacheco, Belina, hcancela e tantas outras; com os irmãos dOM JORGE, Fernandes Adalberto, Monstrinho, Jardel, Chasil, Jaguarvitor, Salvador, e tantos outros que acessam estes nossos "subespaços". Acompanhe todos os nossos tópicos, nos Sub-Quadros: Acção do Dia (Receitas para a Alma e De Ânimo Firme). Auto-Conhecimento (Coletânea de Bons Pensamentos, Conselhos que ninguém deu, Miscelânea de Otimismo, Vigiai e Orai, Os Caminhos da Paz, Dias Melhores, Ao Alcance das Mãos e Terapia para a Alma); Outros Temas (Mensagens de Luz, Coletânea de Preces, Veleiro de Luz e Poesia do Bem Maior). Volte, Lourdilena, quando quiser ou puder, e traga suas mensagens, orações, pensamentos e poesias mediúnicas, buscando postar suas valiosas colaborações, de preferência, dentro dos objetivos indicados pelo próprio título de cada tópico; que, certamente, estará contribuindo, de forma positiva, para a maior ampliação do movimento espírita, nessa forma dinâmica e moderna. Olha, filha minha, doravante já a consideramos fazendo parte deste grupo de irmãos e irmãs que se associam com muito respeito, união e amor, para aprender juntos a construir um ambiente salutar, a fim de que todos os que nos visitam desejem, espontaneamente, permanecer conosco, trabalhando a serviço no nosso amado Mestre Jesus. Cultive sempre o bom ânimo, a coragem e a fé; seja feliz, alegre, entusiasta e otimista; e busque a Paz em Deus, o sublime objetivo da Vida para todas as criaturas! Meu abraço, meu carinho, meu afeto. Fraternalmente, seu irmão e amigo Gil.

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 07 de Outubro de 2010, 23:55
Obrigada por tão positivas postagens...

Esse forum realmente é tudo de bom!


Prezada irmã EmBuscadaLuz:

Boa noite e muito prazer em conhecê-la! Obrigado, irmã querida, pela visita e por suas generosas palavras, que só podem extravasar de um coração gentil e amoroso. Seja bem-vinda, minha irmã, que aqui você sempre será muito bem acolhida; poderá fazer novas amizades, com as estimadas amigas Dothy, Katia, Cris Santana, felicidade 39, Mecame, Carmen.gbi, Marli Pacheco, Belina, hcancela e tantas outras; com os irmãos dOM JORGE, Fernandes Adalberto, Monstrinho, Jardel, Chasil, Jaguarvitor, Salvador, e tantos outros que acessam estes nossos "subespaços". Acompanhe todos os nossos tópicos, nos Sub-Quadros: Acção do Dia (Receitas para a Alma e De Ânimo Firme). Auto-Conhecimento (Coletânea de Bons Pensamentos, Conselhos que ninguém deu, Miscelânea de Otimismo, Vigiai e Orai, Os Caminhos da Paz, Dias Melhores, Ao Alcance das Mãos e Terapia para a Alma); Outros Temas (Mensagens de Luz, Coletânea de Preces, Veleiro de Luz e Poesia do Bem Maior). Volte, EmBuscadaLuz, quando quiser ou puder, e traga suas mensagens, orações, pensamentos e poesias mediúnicas, buscando postar suas valiosas colaborações, de preferência, dentro dos objetivos indicados pelo próprio título de cada tópico; que, certamente, estará contribuindo, de forma positiva, para a maior ampliação do movimento espírita, nessa forma dinâmica e moderna. Olha, filha minha, doravante já a consideramos fazendo parte deste grupo de irmãos e irmãs que se associam com muito respeito, união e amor, para aprender juntos a construir um ambiente salutar, a fim de que todos os que nos visitam desejem, espontaneamente, permanecer conosco, trabalhando a serviço no nosso amado Mestre Jesus. Cultive sempre o bom ânimo, a coragem e a fé; seja feliz, alegre, entusiasta e otimista; e busque a Paz em Deus, o sublime objetivo da Vida para todas as criaturas! Meu abraço, meu carinho, meu afeto. Fraternalmente, seu irmão e amigo Gil.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 07 de Outubro de 2010, 23:57
                                                                                          A VIDA

A vida é um desafio. Aceite-o!

A Vida é um eterno soltar. Só com mãos vazias podemos chegar a algo novo.

A Vida é amor. Viva de forma honesta e profunda.

A Vida é esperança. Nunca desista!

A Vida é um caminho. Siga em frente!

A Vida é fé. Nunca a perca!

A Vida também é morrer... Cada dia um pouco. Esteja certo disso.

A Vida é aprendizado — a qualquer hora, em qualquer lugar, até o fim.

A Vida é um presente. Seja grato por ela!

A Vida é amizade — cultive-a!

A Vida é bela. Abra os olhos!

A Vida é verdade. Mantenha-se fiel à sua.

A Vida é emoção. Seja curioso!

Sua Vida tem um propósito — procure alcançá-lo!
                     
                           (Autor Desconhecido)

Fonte:
Internet
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Cris Santana em 08 de Outubro de 2010, 01:05
Parabéns meu querido amigo-irmão Lima_Gil,o tópico realmente está lindo !!!!!!! Não posso negar que nao resisti a curiosidade e passei um tempão procurando, mas finalmente achei e adorei.
 
Não vou resisti e colocarei algumas mensagens especiais.

Um grande abraço para você  ;D :D
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 08 de Outubro de 2010, 01:39
Olá a todos


NÃO DESISTA!

Quando tudo não der mais certo e você já tentou todas as alternativas, não te desespere.
Deus proverá uma solução.
ELE É UM DEUS FIEL E TE GUARDARÁ DE TODO MAL.
Momentos ruins não são eternos! São como tempestades, só duram por algum momento!
Olhe para trás e veja quantas coisas piores você já passou e superou!
Algumas vezes as tribulações acontecem em nossa vida para nos amadurecer.
Portanto, ANIME-SE.
Quando estiverdes tristes, olhe para o céu e vede quão grande o é!
Se Deus foi capaz de criar o céu, imagine resolver os seus problemas...
Que são tão pequenos perto de tão grandiosa obra que é o céu...
SEUS PROBLEMAS NÃO SÃO MAIORES DO QUE DEUS.
Faça como os triatletas das Olimpíadas,
Mesmo não conseguindo chegar em primeiro, lutam para chegar até o fim!
Portanto não desista dos seus ideais.
LUTE ATÉ O FIM, NÃO DESISTA NO MEIO DO CAMINHO, DIGA EU VOU VENCER!
Se estiveres tristes, chore! Alivia a alma! Jamais deixe que a tristeza tome conta de você!
Jesus fala
“ALEGRA-TE! TEM BOM ÂNIMO QUE EU SOU CONTIGO!”
Busque a Deus de todo o seu coração!
Lembre-se que buscar a Deus tem que ser uma busca constante, diária.
Deus tem a solução para todos os seus problemas! Para Deus nada é impossível!
TENHA UMA VIDA DE COMUNHÃO COM DEUS!
Tenha amigos, nunca em quantidade, mas em qualidade!
Busque amigos que te acrescente pessoal e espiritualmente!
Se eles nada te acrescentarem...
AFASTE-SE!
AS MÁS COMPANHIAS CORROMPEM OS BONS COSTUMES!
Tenha sonhos!
É nos sonhos que Deus age e revela o seu infinito poder.
NUNCA DEIXE DE SONHAR! TENHA OBJETIVOS!
Reme contra maré!
No decorrer da sua vida, você encontrará pessoas que irão te jogar “água fria”!!!
Irão falar que você é incapaz... que é impossível!
Dirão que aquilo que você tanto almeja não é para você.
NÃO DESISTA! O DEUS QUE SERVIMOS É O SENHOR DO UNIVERSO.
Tenha a certeza que dias melhores virão e tudo tem um propósito na nossa vida!
Nada é por acaso.
ENTREGA O TEU CAMINHO AO SENHOR, CONFIA NELE E O MAIS ELE FARÁ.


Paz e Luz
Belina










Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 08 de Outubro de 2010, 03:24
Estimada irmã Belina:

É muito gratificante para todos nós receber tão bela e edificante mensagem, que nos exorta ao levantamento dos ânimos abatidos, à fé e à persistência co caminho do bem, na tão importante busca da renovação íntima, um dos objetivos inseridos neste novo tópico. Muito grato, irmã querida, não só por esta maraviljhosa mensagem, mas por sua crescente participaçãp neste abençoado Fórum e, especialmente em nossos "subespaços", onde já vem granjeando a amizade de todos nós que neles convivemos há mais tempo, desde o momento em que foram nascendo. Este tópico é de fundamental impoprtância para todos nós que almejamos nos transformar em verdadeiros espíritas, pela ênfase que imprimimos à caridade moral. Gostaria que, sempre que os irmãos e irmãs deste Fórum quiserem participar mais efetivamente do seu desenvolvimento, antes de postarem qualquer mensagem, leiam todos os dez objetivos listados no início, para que suas contribuições proporcionem, realmente, mais serenidade, consolação e acolhimento aos nossos irmãos necessitados, de apoio fraterno, conforme indicado no texto de abertura. Parabéns, alma querida, e continue perseverando, com segurança, determinação e objetividade, para a maior e melhor divulgação do conhecimento intelectual e dos princípios morais pertinentes ao Espiritismo Evangélico! Abraços afetuosos deste irmão que muito a estima e admira,
Lima_Gil
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 08 de Outubro de 2010, 05:19
                                                   PERSEVERAI


Filhos, perseverai no testemunho da fé espírita que abraçastes, ante a revivescência do Evangelho do Senhor.  Não recueis ante as provas que vos são necessárias ao burilamento. Sustentai a coragem na luta, conscientes de que toda conquista nos domínios do espírito reclama esforço e sacrifício continuados.
Ninguém ascende aos Cimos de passo preso à retaguarda.

A Doutrina Espírita liberta o pensamento, no entanto aquele que procura superar o comodismo intelectual de séculos sempre encontrará oposição. É natural, pois, que as trevas conspirem contra os vossos anseios de elevação. Os espíritos, quer encarnados, quer desencarnados, habituados à mesmice em que vivem, haverão de pelejar para vos desalentar em vossos novos propósitos na existência.

Muitos vos tentarão com o imediatismo dos prazeres mundanos e com as facilidades materiais do caminho. Outros urdirão sofismas, com o intento de vos afastar dos objetivos superiores que concentrastes, na necessidade de renovação íntima. Sem que percais de vista a trajetória do Cristo, não olvideis que a obra da redenção humana diz respeito a cada espírito em particular.

A hora do testemunho é uma hora solitária. Em torno, apupos e injúrias, hostilidade e incompreensão. Não raro, amigos e companheiros permanecerão à distância, vos contemplando as reações. Convosco, não tereis por escora, na áspera subida, outra que não seja a cruz que vos pesa nos ombros. Quase ninguém vos verá o pranto que se vos escorre na face, confundindo-se com o suor derramado no cumprimento do dever. Inevitável, a sensação de extremo abandono dos homens, que vos deve induzir a bem maior confiança em Deus.

Filhos, não permuteis o que é eterno pelo que é transitório. Embora sob duros reveses, insisti na prática do bem aos semelhantes e tomai a iniciativa do perdão, na certeza de que o tempo urge e que, ao termo da vossa caminhada sobre a Terra, não tereis outro Céu que não seja o da consciência tranqüila.


do livro A coragem da fé. Psicografia de Carlos A Bacelli. Autor: Bezerra de Menezes
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 08 de Outubro de 2010, 05:37
Estimada irmã Katia:

Muito grato por teres acessado, mais uma vez, este nosso novo tópico e por ofertar-nos, com a tua comprovada lucidez, esta bela página do nosso amorável Bezerra, que enfatiza a renovação íntima, em nossa jornada incessante, a caminho da Luz e da Paz. Belíssimo também o final da mensagem, quando nos ensina que o melhor passaporte para um feliz retorno à Pátria Espiritual é a consciência tranquila, ao termo da romagem terrena. Parabéns, filha querida, pela extraordinária sensibilidade na escolha das mensagens mais adequadas aos objetivos fixados em cada tópico. Abraços afetuosos deste teu amigo de sempre, e para todo o sempre,
Gil
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 08 de Outubro de 2010, 05:44

                                                                                   DE UM JEITO SÓ SEU...

Há um jeito só seu de semear o bem.

Se tem sabedoria para falar, fale! Há pessoas precisando de quem lhes rasguem novos horizontes.

Se tem o dom de ouvir, ouça! Há pessoas precisando falar para reorganizar pensamentos e sentimentos.

Se tem o dom de enxergar talentos alheios, enalteça-os! Há pessoas que desabrocham por conta de alguém que lhes reconheça um dom.

Se tem discernimento o bastante para fazer uma observação construtiva, faça-a! Há pessoas persistindo no mesmo erro, por falta de alguém que as alerte com carinho e firmeza.

Se você não tem vocação para engajar-se em movimento filantrópico de grande alcance, tenha em mente que o maior bem a ser semeado começa dentro do próprio lar.

Oferte a sua canção, a sua poesia, a sua hospitalidade, aquele prato que ninguém sabe fazer igual.

Oferte a sua diplomacia, a sua liderança ou a sua capacidade de atuar em segundo plano para o bem comum.

Oferte o seu talento para contar piada e fazer rir; a sua ternura natural no trato com crianças, idosos ou animais; a sua capacidade de manter o sangue frio nas horas de crise, quando todos em sua volta desabam; a sua santa paciência de permanecer num hospital ao lado de um enfermo terminal, ou de varar a noite num velório, naquela hora crítica em que todos vão embora.

Há um jeito que é só seu e todo seu, mesmo que seja ofertar uma flor sem ser dia de nada.

Mesmo que seja uma prece sincera no silêncio de seu quarto... Na contabilidade divina, pouco importa se o seu jeito de semear o bem vai alcançar uma criatura ou milhões de criaturas.

Você está fazendo sua parte de um jeito que é só seu. É isto que realmente importa!

                                           (Autor Desconhecido)
Fonte:
Internet

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 08 de Outubro de 2010, 12:56
 O amor a nós mesmos deve ser interpretado como a necessidade de oração e de vigilância, que todos os homens são obrigados a observar.

        Amar a nós mesmos não será a vulgarização de uma nova teoria de auto-adoração. Para nós outros, a egolatria já teve o seu fim, porque o nosso problema é de iluminação íntima, na marcha para Deus. Esse amor, portanto, deve traduzir-se em esforço próprio, em auto-educação, em observação do dever, em obediência às leis de realização e de trabalho, em perseverança na fé, em desejo sincero de aprender com o único Mestre, que é Jesus-Cristo.

        Quem se ilumina, cumpre a missão da luz sobre a Terra. E a luz não necessita de outros processos para revelar a verdade, senão o de irradiar espontaneamente o tesouro de si mesma.

        Necessitamos encarar essa nova fórmula de amor a nós mesmos, conscientes de que todo bem conseguido por nós, em proveito do próximo, não é senão o bem de nossa própria alma, em virtude da realidade de uma só lei, que é a do amor, e um só dispensador dos bens, que é Deus.

 

[41a - página 198]- Emmanuel - 1940
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 08 de Outubro de 2010, 16:19
Querida irmã Dothy:

Obrigado, amiga, por essa bela página de Emmanuel, que nos exorta ao auto-amor, tão importante para a nossa progressiva renovação íntima e para que nos tornemos, a cada dia, melhores instrumentos do Senhor para a o exercício da caridade moral, o objetivo principal deste novo tópico que já vimos tratando com tanto carinho e atenção. Parabéns, irmã querida, pela conscientização de sempre buscar fazer tuas postagens respeitando a finalidade com que os tópicos foram concebidos. Contamos demais com a tua experiência no atendimento fraterno, na esperança de que ela seja muito útil neste importante espaço espiritual. Que a Luz do Infinito Amor do nosso amado Mestre Jesus continue a ser o Divino Farol a nos iluminar a jornada aqui na Terra ou alhures. Abraços carinhosos deste teu amigo de sempre, e para todo o sempre,
Gil.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 08 de Outubro de 2010, 16:45
Amigo querido..Quão grandioso é o teu coração..Sempre transbordando a mais doce emoção..Seremos amigos sim..começamos agora..mas não teremos fim..Fazer amigos é fácil..Cultivar eles é o dficil..Mas pra tudo e sempre..Afetividade..Balsámos a espalhar..Nos corações sedentos de .Amar..Eu que agradeço por tudo que contigo aprendi..Abraços cheios de carinho!!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 08 de Outubro de 2010, 21:10

                                                                                    RENASCIMENTO

Não aguardes o lance da morte para atender, em ti mesmo, à grande renovação.

Se a chama de tuas esperanças mais caras surge agora reduzida a pó e cinza, aproveita os resíduos dos sonhos mortos por adubo à nova sementeira de fé e caminha para diante, sem descrer da felicidade.

Muitos desertam do quadro escabroso em que o Céu lhes permite a quitação com as Leis Divinas, deitando-lhe insultos, como se se retirassem de província infernal, mas voltarão a ele, em momento oportuno, com lágrimas de tardio arrependimento, para reajustar suas disposições, quando poupariam larga quota de tempo se lhe buscassem compreender as lições ocultas.

Outros muitos fogem de entes amados, reprochando-lhes a conduta e anatematizando-lhes a existência, qual se se ausentassem de desapiedados verdugos; no entanto, voltarão, igualmente mais tarde, a tributar-lhes paciência e carinho, a fim de curar-lhes as chagas de ignorância e ajudá-los no pagamento de débitos escabrosos, entendendo, por fim, que teriam adquirido enorme tesouro de experiência se lhes houvessem doado apoio e entendimento, perdão e auxílio justo, no instante difícil em que se mostravam desmemoriados e inconscientes.

Não deixes, assim, para amanhã o trabalho bendito da caridade que te pede ação ainda hoje.

O caminho de angústia e a mão do insensato despontam do pretérito, cujas dívidas precisamos solver.

Desse modo, se te não é lícito possuir esse ou aquele patrimônio que te parece adequado à realização do mais alto ideal, faze da tela escura em que estagias a escola da própria sublimação, e, se não podes receber, em determinada condição, a alma que amas, no mundo, consagra-lhe mesmo assim o melhor de teu culto, estendendo-lhe a bondade silenciosa, na bênção da simpatia.

Não encomendes, pois, embaraços e aversões à loja do futuro, porque, a favor de nossa própria renovação, concede-nos o Senhor, cada manhã, o Sol renascente de cada dia.

Do livro:
Religião dos Espíritos
Emmanuel
Francisco Cândido Xavier

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 08 de Outubro de 2010, 23:33
  Ninguém trai os princípios estabelecidos. Possuímos agora o que ajuntamos no dia de ontem
e possuiremos amanhã o que estejamos buscando no dia de hoje. E como emendar é sempre
mais difícil que fazer, não podemos contar com o favoritismo, na obra laboriosa do aprimoramento
individual, nem provocar solução pacífica e imediata para problemas que gastamos longos anos
a entretecer:

    * A prece ajuda,
    * a esperança balsamiza,
    * a fé sustenta,
    * o entusiasmo revigora,
    * o ideal ilumina,
    * mas o esforço próprio na direção do bem é a alma da realização esperada.

Em razão disso, ainda aqui, a bênção do minuto, a dádiva da hora e o
tesouro das oportunidades de cada dia hão de ser convenientemente
aproveitados se pretendemos santificadora ascensão.

    * Felicidade,
    * paz,
    * alegria, (não se improvisam. Representam conquistas da alma no
 serviço incessante de renovar-se para a execução dos Desígnios Divinos.)

Felizmente, desde agora estamos abrigados no santuário da boa vontade e,
ainda neste instante, cabe-nos não esquecer a promessa evangélica: “quem
perseverar até ao fim, será salvo". A Graça Celestial, sem dúvida, é um sol
permanente e sublime. Urge, porém, a criação de qualidades superiores em
 nós, para fixar-lhe os raios e recebê-los.

[96 - página 250] - André Luiz
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 09 de Outubro de 2010, 11:12
                                                VIVA JESUS!

      Olá, queridos irmãos.


               " Cortando tuas arestas internas, o exterior mostrar-te-á novo dia. "

                                              ( autor desconhecido )


                                                  PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 09 de Outubro de 2010, 16:54
  O mundo está repleto de elementos educativos, mormente no referente às teorias nobilitantes da vida e do homem, pelo trabalho e pela edificação das faculdades e do caráter.

        Mas, em se tratando de iluminação espiritual, não existe fonte alguma além da exemplificação de Jesus, no seu Evangelho de Verdade e Vida.

        Os próprios filósofos que falaram na Terra, antes dEle, não eram senão emissários da sua bondade e sabedoria, vindos à carne de modo a preparar-lhe a luminosa passagem pelo mundo das sombras, razão por que o modelo de Jesus é definitivo e único para a realização da luz e da verdade em cada homem.

 

[41a - página 141]- Emmanuel - 1940
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 09 de Outubro de 2010, 16:59
Amigos e irmãos.. Sejam bem-vindos,,..Que todos vocês que aqui entram..Sintam-se abraçados..Acolhidos..Sintam-se em família..Que cada mensagem trazida e escolhida por nós,seja de muita ajuda..De renovações de pensamento..Atitudes...De ânimo e tudo aqulilo que auxilie o intímo de cada um..nosso objetivo maior é trazer um pouco de conhecimento dos ensinamentos do nosso grande exempo maior..Jesus!!Agradecemos a presença de todos vocês..Ela  é fundamental pra todos nós!!Recebam o abraço sincero e afetuoso de cada um de nós!!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 10 de Outubro de 2010, 00:12
A purificação  na Terra   ainda é qual o lírio alvo, nascendo do lodo das amarguras e das paixões.

        Todos os Espíritos encarnados, porém, devem considerar que se encontram no planeta como em poderoso cadinho de acrisolamento e regeneração, sendo indispensável cultivar a flor da iluminação intima, na angústia da vida humana, no círculo da família ou da comunidade social, através da maior severidade para consigo mesmo e da maior tolerância com os outros, fazendo cada qual, da sua existência, um apostolado de educação onde o maior beneficiado seja o seu próprio espírito.

 

[41a - página 137]- Emmanuel - 1940
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 10 de Outubro de 2010, 07:34
                                                                                     PALCO DA VIDA

Você pode ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado, algumas vezes, mas não se esqueça de que sua vida é a maior empresa do mundo.

E você pode evitar que ela vá à falência. Há muitas pessoas que precisam, admiram e torcem por você.

Gostaria que você sempre de que ser feliz não é ter um céu sem tempestade, caminhos sem acidentes, trabalhos sem fadigas, relacionamentos sem atribulações.

Ser feliz é encontrar força no perdão, esperança nas batalhas, segurança no palco do medo, amor nos desencontros.

Ser feliz não é apenas valorizar o sorriso, mas refletir sobre a tristeza; não é apenas comemorar o sucesso, mas aprender lições nos fracassos; não é apenas ter júbilo nos aplausos, mas encontrar alegria no anonimato.

Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver, apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise.

Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar autor da própria história; é atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis dentro de sua alma.

Ser feliz é agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.

Ser feliz é não te medo dos próprios sentimentos; é saber falar de si mesmo; é ter coragem para ouvir um “não”; é ter segurança para ouvir uma crítica, mesmo que injusta.

Ser feliz é deixar viver a criança livre, alegre e simples, que mora dentro de cada um de nós; é ter maturidade para falar “eu errei”; é ter ousadia para dizer “me perdoe”; é ter sensibilidade para expressar “eu preciso de você”; é ter capacidade para dizer “eu te amo”; é ter humildade da receptividade.

Desejo que a vida se torne um canteiro de oportunidades para você ser feliz...

E, quando você errar o caminho, recomece, pois assim você descobrirá que ser feliz não é ter uma vida perfeita, mas usar as lágrimas para irrigar a tolerância; usar as perdas para refinar a paciência; usar as falhas para lapidar o prazer; usar os obstáculos para abrir as janelas da inteligência.

Jamais desista de si mesmo!

Jamais desista das pessoas que você ama!

Jamais desista de ser feliz, pois a vida é um obstáculo imperdível, ainda que se apresentem dezenas de fatores a demonstrarem o contrário.

                                                                                                                        Fernando Pessoa
Fonte:
Internet


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 10 de Outubro de 2010, 18:12
                                                                                              OLHE

Olhe para trás!
Veja os obstáculos que já superou. Veja quanto você já aprendeu nesta vida e quanto já cresceu.

Olhe para frente!
Não fique parado, levante-se quando tropeçar e cair. Estabeleça metas, tenha planos e prossiga com firmeza.

Olhe para dentro!
Conheça seu coração e analise seus projetos. Mantenha puros seus sentimentos. Não deixe que o orgulho, a vaidade e a inveja dominem seus pensamentos e seu coração.

Olhe para os lados!
Socorra quem precisa de você. Ame seu próximo e seja sensível para perceber as necessidades daqueles que o cercam.

Olhe para baixo!
Não pise em ninguém... Perceba as pequenas coisas e aprenda a valorizá-las.

Olhe para cima!
Há um DEUS maior do que você que o ama incondicionalmente e tem todas as coisas sobre controle.

Olhe para Deus!
Perceba a profundidade, a riqueza e o poder da Bondade Divina. Sinta esse Deus que olha para você e está com você todos os dias de sua vida!

                                                                             (Autor Desconhecido)
Fonte:
Internet
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 10 de Outubro de 2010, 23:59
Esse esforço individual para iniciar o trabalho de iluminação da própria alma  deve com!!

 **Com o auto­domínio,**
   

** Com a disciplina dos sentimentos egoísticos e inferiores,**
   

 **Com o trabalho silencioso da criatura por exterminar as próprias paixões.**


        Nesse particular, não podemos prescindir do conhecimento adquirido por outras almas que nos precederam nas lutas da Terra, com as suas experiências santificantes — água pura de consolação e de esperança, que poderemos beber nas páginas de suas memórias ou nos testemunhos de sacrifício que deixaram no mundo.

        Todavia, o conhecimento é a porta amiga que nos conduzirá aos raciocínios mais puros, porquanto, na reforma definitiva de nosso íntimo, é indispensável o golpe da ação própria, no sentido de modelarmos o nosso santuário interior, na sagrada iluminação da vida.

 

[41a - página 138] - Emmanuel - 1940
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 11 de Outubro de 2010, 00:25
Boa noite, queridos amigos!


Acorde todas as manhã com um sorriso.

Esta é mais uma oportunidade que você tem para ser feliz.

Seja seu próprio motor de ignição. O dia de hoje jamais voltará.

Não o desperdice, pois você nasceu para ser feliz!

Enumere as boas coisas que você tem na vida.

Ao tomar consciência do seu valor, você será capaz de ir em frente com muita força, coragem e confiança!

Trace objetivos para cada dia.

Você conquistará seu arco-íris, um dia de cada vez. Seja paciente.

Não se queixe do seu trabalho, do tédio, da rotina, pois é o seu trabalho que o mantém alerta,

em constante desenvolvimento pessoal e profissional, além disso o ajuda a manter a dignidade.

Não se deixe vencer, não seja igual, seja diferente.

Se nos deixarmos vencer, não haverá surpresas, nem alegrias.

Conscientize-se que a verdadeira felicidade está dentro de você.

A felicidade não é ter ou alcançar, mas sim dar.

Estenda sua mão. Compartilhe. Sorria. Abrace.

A felicidade é um perfume que você não pode passar nos outros sem que o cheiro fique um pouco em suas mãos.

O importante de você ter uma atitude positiva diante da vida, ter o desejo de mostrar o que tem de melhor...

O tempo para ser feliz é agora.

O lugar para ser feliz é aqui!


                                                       autoria desconhecida



Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Andrade Fonseca Sonia em 11 de Outubro de 2010, 02:51
  Que a noite de todos vcs. seja abençoada por nosso Pai, e que o novo amanhecer, seja repleto de realizações felizes.


(http://www.recadodeorkut.com/012/038.gif)[/url]
                                                                                         
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 11 de Outubro de 2010, 12:35

Dez Maneiras de Amar a Nós Mesmos


1 - Disciplinar os próprios impulsos.

2 - Trabalhar, cada dia, produzindo o melhor que pudermos.

3 - Atender aos bons conselhos que traçamos para os outros.

4 - Aceitar sem revolta a crítica e a reprovação.

5 - Esquecer as faltas alheias sem desculpar as nossas.

6 - Evitar as conversações inúteis.

7 - Receber o sofrimento o processo de nossa educação.

8 - Calar diante da ofensa, retribuindo o mal com o bem.

9 - Ajudar a todos, sem exigir qualquer pagamento de gratidão.

10 - Repetir as lições edificantes, tantas vezes quantas se fizerem necessárias, perseverando no aperfeiçoamento de nós mesmos sem desanimar e colocando-nos a serviço do Divino Mestre, hoje e sempre.


Francisco Cândido Xavier. Da obra: Paz e Renovação.
Ditado pelo Espírito André Luiz.



Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 11 de Outubro de 2010, 12:40
Amigos..Sejam bem-vindos..Que a Paz esteja em seus corações..Sintam-se acolhidos neste espaço que é de vocês..Sua presença é fundamental pra nós..Recebam nosso afetuoso abraço...Desejamos a todos uma semana repleta de felicidades..São os votos sinceros de:
**Lima-Gil..Belina..Cris Santana..dOm Jorge..Dothy..Lourdilena..Katiatog..Marly Pacheco..Sonia Andrade***



Meus queridos amigos...**Lima-Gil..Belina.Cris Santana...dOM Jorge..Katiatog..Lourdilena.Marly Pacheco...Sonia Andrade**..Desejo que sua semana seja repleta de realizações no bem regada com muita Felicidade!!Abraços afetuoso!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 11 de Outubro de 2010, 12:59
Para começar a semana de casa limpa...bjos





Destralhar
Já ouviu falar em toxinas da casa? Pois são:
- objetos que você não usa,
- roupas que você não gosta ou não usa há um ano,
- coisas feias,
- coisas quebradas, lascadas ou rachadas,
- velhas cartas, bilhetes,
- plantas mortas ou doentes,
- recibos/jornais/revistas, antigos,
- remédios vencidos,
- meias velhas, furadas,
- sapatos estragados....

Ufa, que peso! "O que está fora está dentro e isso afeta a saúde", O 'destralhamento' é a forma mais rápida de transformar a vida e ajudar as outras eventuais terapias. Com o destralhamento:
- A saúde melhora;
- A criatividade cresce;
- Os relacionamentos se aprimoram...

É comum se sentir cansado, deprimido, desanimado, em um ambiente cheio de entulho, pois "existem fios invisíveis que nos ligam à tudo aquilo que possuímos".
Outros possíveis efeitos do "acúmulo e da bagunça":
- sentir-se desorganizado;
- fracassado;
- limitado;
- aumento de peso;
- apegado ao passado...

No porão e no sótão, as tralhas viram sobrecarga;
Na entrada, restringem o fluxo da vida;
Empilhadas no chão, nos puxam para baixo;
Acima de nós, são dores de cabeça;
"Sob a cama, poluem o sono".
"Oito horas, para trabalhar; Oito horas, para descansar; Oito horas, para se cuidar."

Perguntinhas úteis na hora de destralhar-se:
- Por que estou guardando isso?
- Será que tem a ver comigo hoje?
- O que vou sentir ao liberar isto?

...e vá fazendo pilhas separadas...
- Para doar!
- Para jogar fora!

Para destralhar mais:
- livre-se de barulhos,
- das luzes fortes,
- das cores berrantes,
- dos odores químicos,
- dos revestimentos sintéticos...
e também...
- libere mágoas,
- pare de fumar,
- diminua o uso da carne,
- termine projetos inacabados.

"Acumular nos dá a sensação de permanência, apesar de a vida ser impermanente", diz a sabedoria oriental. O Ocidente resiste a essa idéia e, assim, perde contato com o sagrado instante presente.


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Andrade Fonseca Sonia em 11 de Outubro de 2010, 18:13
Pacheco, eu estou precisando destralhar co urgência
Abraço.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 11 de Outubro de 2010, 19:28
Olá



PALAVRAS DE CHICO XAVIER
 
"Em qualquer dificuldade, não nos esqueçamos da oração... Elevamos o pensamento a Deus, procurando sintonia com os Espíritos bons.
No mínimo, a prece nos pacifica para que encontremos, por nós mesmos, a saída para a dificuldade que estejamos enfrentando...
Às vezes, naquele minuto de oração deixamos de tomar uma atitude precipitada, de proferir uma palavra agressiva, de permitir que a cólera nos induza a qualquer atitude infeliz..."
 
"FRANCISCO CÂNDIDO XAVIER", do Livro "O Evangelho de Chico Xavier"
INFORMATIVO ESPÍRITA, FEVEREIRO, 2001
 

Paz e Luz

Belina
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 11 de Outubro de 2010, 19:31
   O Tempo é Surdo
 
Outro dia, o espírito de Emmanuel me disse:
-         O tempo é surdo. Por mais que a gente fale, ele não nos escuta. Ele não pára. Não podemos brincar com ele. Se podemos utilizá-lo para reparação de nossos erros, melhor não desperdiçá-lo.
    
 Chico Xavier
 
Paz eLuz
Belina
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 11 de Outubro de 2010, 23:37
   Todos os símbolos do Evangelho, dado o meio em que desabrocharam, são, quase sempre, fortes e incisivos.

        Jesus não vinha trazer ao mundo a palavra de contemporização com as fraquezas do homem, mas a centelha de luz para que a criatura humana se iluminasse para os planos divinos.

        E a lição sublime do Cristo, ainda e sempre, pode ser conhecida como a “espada” renovadora, com a qual deve o homem lutar consigo mesmo, extirpando os velhos inimigos do seu coração, sempre capitaneados pela ignorância e pela vaidade, pelo egoísmo e pelo orgulho.

 

[41a - página 178] - Emmanuel - 1940   
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 12 de Outubro de 2010, 11:24
                                                                       FUNDAMENTOS DA REFORMA ÍNTIMA
                                                                                             (Introdução)

Reforma íntima é o renovar das esperanças interiores, tendo por meta o fortalecimento da fé, a solidificação do amor, a incessante busca do perdão, o cultivo dos sentimentos positivos a finalização no aperfeiçoamento do ser.

É o esforço que o ser humano faz para melhorar-se moralmente.

Sua base de apoio fundamental são os ensinamentos de Jesus, que representam um roteiro luminoso rumo à conquista de um grau mais elevado na cadeia universal evolutiva.

Tem por sede, e momento principal, as passagens pelo plano material, ao longo das reencarnações.

A Doutrina Espírita tem por missão esclarecer o significado exato e a essencialidade da reforma íntima a todos os encarnados dispostos a apreendê-la.

Múltiplas reencarnações, ao longo de milênios, são palco das aguerridas batalhas consigo mesmo em busca do incremento do lado cristão que todos possuem.

A perfeição será atingida e o aperfeiçoamento, um dia, será completo. Nessa aura de felicidade ver-se-á envolvido o Espírito, já não mais considerado ser humano, pois acima disso.

Aproveitar estágio por estágio, reencarnação por reencarnação, passo por passo, é a fórmula indicada para galgar os níveis que conduzem à plenitude.

Estudar a reforma íntima, levar o encarnado a compreender-se melhor e também o semelhante, avaliar suas ações e reações, tocar profundamente seus sentimentos, enxergar suas deficiências, propor soluções, calcular projetos para essa busca cristã, debater dilemas, resolver problemas, solucionar dúvidas, levantar questões e atingir um ponto a mais no seu esclarecimento humano é a meta desta obra.
                                   
                                                           Pelo Espírito Cairbar Schutel (Psicografia de Abel Glaser)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Andrade Fonseca Sonia em 12 de Outubro de 2010, 12:02
                                                Desejo a todas as crianças um dia cheio de alegria e que Deus as abençõe.


                                                                                                 (http://www.recadodeorkut.com/365/091.gif)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 12 de Outubro de 2010, 12:41
    A vida física é puro estágio educativo, dentro da eternidade, e a ela ninguém é chamado a fim de candidatar-se a paraísos de favor e, sim, à moldagem viva do céu no santuário do Espírito, pelo máximo aproveitamento das oportunidades recebidas no aprimoramento de nossos valores mentais, com o desabrochar e evolver das sementes_divinas que trazemos conosco.

    * O trabalho incessante para o bem,
    * a elevação de motivos na experiência transitória,
    * a disciplina dos impulsos pessoais, com amplo curso às manifestações mais nobres do sentimento,
    * o esforço perseverante no infinito bem, constituem as vias de crescimento mental, com aquisição de luz para a vida imperecível.

        Cada criatura nasce na Crosta_da_Terra para enriquecer-se através do serviço à coletividade. Sacrificar-se é superar-se, conquistando a vida maior. Por isto mesmo, o Cristo asseverou que o maior no Reino Celeste é aquele que se converter em servo de todos.

    * Um homem poderá ser temido e respeitado no Planeta pelos títulos que adquiriu à convenção humana,
    * mas se não progrediu no domínio das idéias, melhorando-se e aperfeiçoando-se, guarda consigo mente estreita e enfermiça.

        Em suma, ir_à_matéria_física e dela regressar ao campo_de_trabalho_em_que_nos_achamos_presentemente, é submetermo-nos a profundos choques biológicos, destinados à expansão dos elementos divinos que nos integrarão, um dia, a forma gloriosa.

[96 - páginas 87] - André Luiz
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 13 de Outubro de 2010, 00:41
A todas as crianças, desejo uma vida de muita paz e luz, com a esperança de mundo melhor!!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 13 de Outubro de 2010, 11:27
***A Viagem Continua***

Não admitas que desalento e azedume te anulem a confiança em Deus e em ti mesmo...
Estamos todos num curso de aperfeiçoamento espiritual valendo por viagem difícil para os Cimos da espiritualidade.
Toda subida exige suor.
Se já retiraste do vale, no encalço dos montes dedicados ao conhecimento superior, onde se te descerrarão novas luzes segue adiante e não desanimes.

Terás talvez perdido certas preciosidades.
Não te impressiones.
Sabes que os Mensageiros da Luz te esperam à frente e não se te faria possível alcança-los sob o peso de bagagem excessiva.

Provavelmente, sofreste o afastamento de amigos.
Não te aflijas.
Seguindo sempre, obterás mais facilmente as condições precisas a fim de auxilia-los para que se te reinstalem na equipe.

Pessoas amadas resolveram descansar, sem necessidade, nas margens da senda, impondo-te o desapontamento da separação temporária.
Não te incomodes.
Todas elas serão compelidas pelas circunstâncias a retomarem o caminho.

Sugestões de imaginária fadiga te empalidecem o ânimo.
Não te deixes abater por impressões negativas.
Trazes contigo o manancial da fé, sobre o qual se te apóia sustentação na jornada.

A morte, em vários casos, te haverá furtado a presença alentadora de alguém, cujo carinho te escorava a sensibilidade no dia-a-dia.
Não te interrompas, porém.
Essa criatura se adiantou na estrada, de modo a aguardar-te, com mais riqueza de amor, no Mais Além.

Haja o que houver, não te detenhas na subida escabrosa porque a viagem continua, independentemente de nossa própria vontade, e essa viagem é a própria vida que Deus nos concede a cada um para que, gradativamente, nos desfaçamos de qualquer sombra na conquista da luz.

EMMANUEL
(Do livro "Linha Duzentos", Francisco Cândido Xavier)

  ______ * * *  * * * ______

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Andrade Fonseca Sonia em 13 de Outubro de 2010, 12:04
                    <center>(http://www.recadodeorkut.com/342/016.gif) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZG9zLWVzcGVjaWFpcy5jb20=)

 RecadosOnline (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZG9zLWVzcGVjaWFpcy5jb20=)
</center>               
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 13 de Outubro de 2010, 13:15
A Vitória sobre a depressão.


Paz e Luz
Belina
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 13 de Outubro de 2010, 13:21
Tropeçar e Cair

Paz e luz
Belina
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 13 de Outubro de 2010, 13:25

•   Dê sempre o melhor…
E o melhor virá!
•   Às vezes as pessoas são egocêntricas, ilógicas e insensatas…
Perdoe-as assim mesmo!
•   Se você é gentil, as pessoas podem acusá-lo de ser egoísta e interesseiro…
Seja gentil assim mesmo!
•   Se você é um vencedor, terá alguns falsos amigos e alguns inimigos verdadeiros…
Vença assim mesmo!
•   Se você é honesto e franco, as pessoas podem enganá-lo…
Seja honesto e franco assim mesmo!
•   Se você levou anos para construir, alguém pode destruir de uma hora para a outra…
Construa assim mesmo!
•   Se você tem Paz e é feliz, as pessoas podem sentir inveja…
Tenha Paz e seja feliz assim mesmo!
•   O bem que você faz hoje pode ser esquecido amanhã…
Faça o bem assim mesmo!
•   Dê ao mundo o melhor de você, mas isso pode nunca ser o bastante…
Dê o melhor de você assim mesmo!
•   E veja você que, no final das contas, é entre você e DEUS…
Nunca foi entre você e eles!

                                                       
                                       Madre Teresa de Calcutá 

Paz e Luz
Belina                                                               

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 13 de Outubro de 2010, 13:28
Seja Feliz

Paz e Luz
Belina
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 13 de Outubro de 2010, 13:37
Reflexão
Desconheço o autor

Há ainda muitas coisas a dizer acerca do silêncio
Mesmo que ele seja definido muito simplesmente
Como uma ausência de barulho.

Em nós o silêncio é o resultado do funcionamento perfeito dos
Nossos órgãos: nada range tudo funciona perfeitamente como uma
Máquina com os rolamentos bem oleados.

Assim o silêncio subentende a saúde a paz a harmonia:
o conjunto soa bem porque todas as partes estão afinadas.
Mas pode suceder que haja barulho a fazer-se ouvir.

Os barulhos são os mal-estares físicos e psíquicos.
Todas as disfunções representam simbolicamente barulho
e esse barulho tem por origem algo que foi mal
Concebido mal pensado.

Ou então há falta de óleo.
Reparai no barulho que faz um velho motor mal oleado.
Ao passo que as estrelas movem-se em silêncio…

Esse óleo em nós é o amor que harmoniza todas as coisas.

Paz e Luz
Belina
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 13 de Outubro de 2010, 13:45
Repartir com equilibrio

Paz e Luz
belina
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 13 de Outubro de 2010, 15:01
Adorei suas postagens, amiga Belina!

Muita paz a vc e todos deste espaço de luz...
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 14 de Outubro de 2010, 03:16
A Rosa



Um certo homem plantou uma rosa e regou-a convincentemente, e antes de desabrochar, ele examinou-a. Ele viu o rebento que iria florir em breve e também os espinhos.

E pensou, "Como pode uma flor bonita vir de uma planta carregada de tantos espinhos?"...

Entristecido por este pensamento, ele deixou de regar a rosa, e antes de estar pronta a florir, ela morreu.

Assim se passa com muitas pessoas. Dentro de cada alma está uma rosa. As qualidades Divinas plantadas em nós à nascença crescem entre os espinhos dos nossos defeitos.

Muitos de nós nos analisamos e só vemos os espinhos, os defeitos. Desesperamos, pensando que nada de bom poderá possivelmente sair de nós. Negligenciamos a rega do que há de bom dentro de nós, e eventualmente isso morre.

Nunca nos chegamos a perceber o nosso potencial. Algumas pessoas não vêem a rosa dentro delas próprias; é preciso alguém lhes mostrar.

Uma das maiores bênçãos que uma pessoa pode possuir, é ser capaz de passar pelos espinhos e encontrar a rosa dentro dos outros.




Esta é a característica do amor, olhar para alguém, e sabendo dos seus defeitos, reconhecer a notabilidade da sua alma, e ajudá-lo a perceber que consegue ultrapassar os seus defeitos.

Se lhe mostrarmos a rosa, ela vencerá os espinhos. Então ela florescerá, com trinta, sessenta ou cem pétalas, conforme lhe tenha sido dado.

O nosso dever neste mundo é ajudar os outros mostrando-lhes as suas rosas e não os seus espinhos. Somente então atingiremos o amor que devemos sentir pelo próximo; somente então podemos florir no nosso próprio jardim.

"Acima de tudo, na vida, temos necessidade de alguém que nos obrigue a realizar aquilo de que somos capazes. É este o papel da amizade.

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: uma luz no mundo em 14 de Outubro de 2010, 04:04
irmaos me ajudem minha alma ta morrendo, ñ sinto vontade de viver, preciso de preces e orietaçoes, 11-5893 3203 preciso de uma orientação em especial, estou sem rumo na vida , quero paz e luz , e ajuda espiritual ja que os calmantes ta me irritando + ainda . SOS
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: uma luz no mundo em 14 de Outubro de 2010, 04:08
sou de SP zona sul, precico de reforço espiritual.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 14 de Outubro de 2010, 04:11
Olá EmBuscaDaLuz

Obrigada amiga. Fico feliz que tenha gostado.

Paz e luz
belina
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Andrade Fonseca Sonia em 14 de Outubro de 2010, 10:36
"Ao reencarnarmos, reassumimos a caminhada, numa família onde, em vidas passadas, não soubemos, com habilidade, rever os embates existentes".  Essa a razão pela qual devemos tudo fazer p. um bom entendimento com nossos familiares, na tentativa
de eliminarmos, pelo menos em parte,  nossas dificuldades no relacionamento.


Sonia
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 14 de Outubro de 2010, 11:06
 Abata-se o homem, purifique ele o seu espírito intimamente, expulse de si a impureza como uma peste, eleve as suas vistas à maior altura possível; ame a Verdade como a sua divindade, diante da qual tudo se deve inclinar; siga-a sem se inquietar para onde a sua pesquisa pode conduzi-lo; e ao redor dele os mensageiros do Altíssimo farão círculo e em sua alma interior ele verá a luz.

[108 - página 268] - Médium: William Stainton Moses - (1839 - 1892)



Bom dia queridos amigos e irmãos..Sejam bem-vindos..que a Paz esteja com todos...Sintam-se em família..Sua presença é muito importante pra nós....Recebam nosso afetuoso abraço!!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Andrade Fonseca Sonia em 14 de Outubro de 2010, 17:22
Querida  "Uma luz no mundo", a última coisa a pensar é que estamos apagando, pelo contrário, somos Luz, e como tal temos q. brilhar, q. irradiar essa Luz.
Vc. já procurou uma Casa Espírita de confiança?
Esse, me parece, é o primeiro passo.
O segundo passo, desejar de coração superar esse momento difícil pelo qual está passando.
Querida, pense nas pessoas portadoras de doenças incuráveis, mas que estão lutando pelo bem maior que Deus lhes deu, a Vida.  Criancinhas, que não podem brincar como as demais.
Pense em Deus, peça ajuda, ele não desampara nenhum de seus filhos, tenha fé.
Estamos aqui prontos para te ajudar, mas vc. tem que fazer a sua parte.
Retorne, para nos informar se está melhor.
Um abraço com muito amor.

Sonia
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 14 de Outubro de 2010, 17:48
Amiga Sonia..Mto grata por suas palavras amorosa e sua ajuda...Sua colaboração aqui conosco é muito importante pra nós e pra todos que aqui entram em busca de ajuda e Paz...Brigada pela ajuda dada a nossa amiga e irmã Uma Luz No Mundo...Receba nosso aterno agradecimento
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 14 de Outubro de 2010, 17:49
Amiga Sonia..Mto grata por suas palavras amorosa e sua ajuda...Sua colaboração aqui conosco é muito importante pra nós e pra todos que aqui entram em busca de ajuda e Paz...Brigada pela ajuda dada a nossa amiga e irmã Uma Luz No Mundo...Receba nosso aterno agradecimento
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Andrade Fonseca Sonia em 14 de Outubro de 2010, 18:01
Foi um pedido de ajuda angustiado, fiz o que pude, mesmo porque não sei o que está acontecendo.  Espero ter ajudado

Sonia
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 14 de Outubro de 2010, 22:40
Querida uma luz no mundo

Procure um bom centro Kardecista conforme orientou a nossa querida Sonia.

As tristezas e infortúnios muitas vezes são provas necessárias ao desenvolvimento espiritual. Tudo nessa vida é transitório. Não desista da luta, ânimo amiga. Você vai superar os seus problemas. Procure assistência espiritual mas não deixe de retornar ao médico para que ele possa avaliar e talvez até mudar os seus medicamentos.

Se você tiver uma conta no Windows Live Messenger o meu nome lá(e e-mail )é katiaytoguchi@hotmail.com. Te espero lá!


Estamos aqui para tentar te ajudar!

Abraço carinhoso da

Katia
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 14 de Outubro de 2010, 22:53
Pérolas


Pérolas são produto da dor, resultado da entrada de uma substância estranha ou indesejável no interior da ostra, como um parasita ou um grão de areia.

A parte interna da concha de uma ostra é uma substância lustrosa chamada nácar.

Quando um grão de areia penetra, as células do nácar começam a trabalhar e cobrem o grão de areia com camadas e mais camadas para proteger o corpo indefeso da ostra.

Como resultado, uma linda pérola é formada.
Uma ostra que não foi ferida, de algum modo, não produz pérolas, pois a pérola é uma ferida cicatrizada.

Você já se sentiu ferido pelas palavras rudes de um amigo?

Já foi acusado de ter dito coisas que não disse?

Suas idéias e atitudes já foram rejeitadas ou mal interpretadas ?

Então produza uma pérola...

Cubra suas mágoas e as rejeições sofridas com camadas e camadas de amor...

Autor desconhecido
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 15 de Outubro de 2010, 00:45
                      Para ""Uma luz no mundo""

"Oração da vida"

A vida é uma oportunidade. Aproveite-a.
A vida é uma beleza. Admire-a.
A vida é um sonho. Faça que se torne realidade.
A vida é um desafio. Enfrente-o.
A vida é um dever. Cumpra-o.
A vida é preciosa. Cuide dela.
A vida é riqueza. Conserve-a.
A vida é um mistério. Explore-o.
A vida é promessa. Tenha esperança.
A vida é tristeza. Supere.
A vida é um hino. Cante-o.
A vida é um combate. Vença.
A vida é uma aventura. Conduza-a.
A vida é felicidade. Mereça-a.
A vida é vida. Defenda-a.

(Madre Tereza de Calcutá)

 :-* :-* :-*
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 15 de Outubro de 2010, 01:01
Não devemos permitir que alguém saia da nossa presença sem se sentir melhor e mais feliz.

Madre Teresa de Calcutá


Que as luzes do céu, de Jesus nosso mestre maior te iluminem e te protejam nestas horas dificeis minha amiga.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 15 de Outubro de 2010, 02:00
Olá Uma luz no mundo

Querida estou enviando esta música, para que te aquiete o espirito. Tudo tem solução. Que a Luz de Jesus te cubra e te ilumine a vida.
Paz e Luz
Belina

ROBERTO CARLOS-LUZ DIVINA (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS93YXRjaD92PWpfYURvc21ONnFvIw==)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 15 de Outubro de 2010, 02:46
irmaos me ajudem minha alma ta morrendo, ñ sinto vontade de viver, preciso de preces e orietaçoes, 11-5893 3203 preciso de uma orientação em especial, estou sem rumo na vida , quero paz e luz , e ajuda espiritual ja que os calmantes ta me irritando + ainda . SOS


Prezada irmã uma luz no mundo:

Estamos profundamente sensibilizado pela sofrimento que a estimada irmã deixou extravasar de seu coração. Minha irmã, olhe bem para esse lindo nome que você escolheu para se dirigir a este abençoado Fórum. Esta é a prova mais clara que poderia nos oferecer de que você é luz, como o são todas as criaturas de Deus. Na verdade, foi o próprio Mestre Jesus que nos deixou esse importante ensinamento, quando afirmou:

“Vós sois a luz do mundo.” (Mateus, 5:14).

Minha filha, apesar de tocado de imensa compaixão pelas dificuldades que a irmã deve estar atravessando — em razão do desespero com que nos pediu socorro —, ficamos em dificuldade para tentar ajudá-la melhor, por desconhecermos os detalhes de sua dolorosa situação. Talvez, pudéssemos encontrar as palavras mais apropriadas, se a querida irmã nos escrevesse uma mensagem pessoal, acessando nosso endereço eletrônico, que achará clicando em nosso nome. Faça isso, irmã querida, que poderemos avaliar melhor o difícil problema que certamente lhe está causando tanta dor. Por enquanto, busque ler, com calma, esta mensagem que lhe estamos endereçando, para que comece a se reajustar, e alcançar condições de superar, gradualmente, esse desespero que transmite a todos nós, membros e visitantes deste Fórum. Minha irmã, não permita que a descrença, o desânimo, o desespero tomem conta de você. Por maior que seja a sua dor, minha amiga, lembre-se de que ninguém está só, pois todos temos Deus que nos ama igualmente e que está em toda parte; que há uma Providência Divina que sempre encontra meios de nos proporcionar a ajuda de que carecemos. Não esqueça que todos podemos contar com o Seu Filho Bem-Amado, o nosso Mestre Jesus, que também nos ama com um Amor Incondicional, não importando a vida que estamos levando; as falhas que todos demos cometido; ou quaisquer sejam os envolvimentos que nos tenham causado as dificuldades da hora presente. Não se diminua diante de ninguém, porque nenhum de nós é mais virtuoso do que os outros. Podemos ser diferentes na aparência, mas em essência todos somos absolutamente iguais, pois a mesma luz que brilha em seu interior — que você mesma sabe, pela escolha do nome com que se apresentou ao Fórum —, brilha no íntimo de todas as criaturas. O que vou afirmar, em nome de Deus e do nosso amado Mestre Jesus, é uma verdade muito consoladora, que vale para todos, no Cosmo ou Universo Manifesto: “Um dia todos nós seremos Anjos.” Guarde bem essa informação e creia nela. Se está com problemas por causa de algum relacionamento ou por qualquer motivo que alguém lhe tenha causado, faça o seguinte: recolha-se para um canto da casa, de preferência para um banheiro, onde deverá banhar-se e, simultaneamente, entrar em oração fervorosa, que pode ser o Pai Nosso ou qualquer outra que venha de dentro de si, da luz ou Chama Crística que habita o seu interior. Cante uma música de cunho espiritual ou ponha uma música para tocar. Se não souber nenhuma, adquira o CD do Padre Marcelo que tem a linda canção “Noites Traiçoeiras” e outras que nos fazem muito bem à alma, quando estamos em estados semelhantes ao seu, alma querida! Não pense que é a única que tem problemas. Todos nós os temos, pois enquanto não aprendemos a amar de verdade, somos constantemente envolvidos em situações dolorosas. Não há privilégios na criação. Não se iluda com as pessoas, pois de nós mesmos nada temos para dar a ninguém e nem existe pessoa virtuosa. Pessoas têm boas ou más qualidades, não virtudes, pois as virtudes são divinas, promanam do próprio Deus. Veja bem as sábias palavras que o Senhor Jesus empregou para responder ao jovem rico que o chamou bom:

“Por que me chamas bom? Ninguém é bom, senão um só, que é Deus.” (Marcos, 10:17).

Então, filha minha, nessa hora de muita dor, entregue o seu coração, toda a sua alma aos cuidados de Jesus, por que Ele, pelo exemplo que nos legou, tornou-se o Divino Modelo para todos os seus irmãos menores, no sentido de que estamos muito distantes da posição que Ele já alcançou por ser um Espírito Puro, por excelência, que já reflete todas as virtudes divinas do Seu Deus Interno, que é o mesmo Deus que habita em todos nós. Procure um livro edificante, uma Bíblia, sintonize seu aparelho de som na Rádio de Janeiro, onde ouvirá lindas mensagens. Faça melhor ainda. Entre de imediato, no Fórum Espírita e, bem em cima, no canto direito, clique na palavra Evangelho, que tem um pequeno retrato de Allan Kardec, à esquerda, que ouvirá palavras consoladoras do Livro “O Evangelho Segundo o Espiritismo”, e já vai se sentir mais reajustada. Olhe, querida, haja o que houver, seja qual for o seu problema, jamais desista da vida com Jesus, por Jesus e para Jesus, que é o Porto Seguro de todos nós, almas endividadas perante a Lei de Deus, cada uma carregando a sua cruz, que devemos aceitar com resignação, mas não devemos nos deixar abater por ela. “Amemos as nossas cruzes”, é o que nos ensina a amorável mentora Maria Dolores, a poetisa do Astral Superior. É a única maneira que as torna mais leves de serem carregadas. Tudo passa, alma querida; só Deus, a Vida Imortal e o Espírito Imperecível permanecem para todo o sempre. Então, encare de frente o seu problema e diga fime para ele: Isso também passa! Leia, agora, com atenção essa bela mensagem do Irmão José, que selecionamos para a sua reflexão:

CAMINHA E CHEGARÁS

Não dês guarida aos maus pensamentos.
Reaje contra todo e qualquer estado de abatimento que persista em ti.
A idéia acalentada tende a se expressar em ação.
A influência espiritual negativa nasce das horas ociosas.
Não te permitas descansar além do devido.
Ocupa as tuas mãos com o bem e a tentação se afastará.
Na medida de tuas necessidades, auxilia a quem sofre.
Não te concentres excessivamente nos teus próprios problemas nem dramatizes a tua dor.
A prova é a tua oportunidade de redenção.
Caminha e chegarás.
(Do livro “Vigiai e Orai”, psicografia de Carlos A, Baccelli).

Procure cultivar o bom ânimo, a coragem e a fé; e tente construir um pouco de paz interior, que vai torná-la mais forte para enfrentar as dificuldades da ora presente. Estarei sempre por aqui, além do que outros irmãos e irmãs poderão lhe prestar mais ajuda, com os seus corações. Aguardarei sua mensagem pessoal no meu E-mail, se quiser expôs melhor a sua situação. Fique
Na Doce Paz do Senhor e com o abraço fraternal do seu irmão e amigo
Lima_Gil
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: paulajbb em 15 de Outubro de 2010, 03:13
Querida Irmã...
As vezes não entendemos as pedras que aparecem em nossos caminhos. Mas todas elas fazem parte do nosso crescimento espiritual. Vc nunca estará sozinha, Jesus e seus anjos estão sempre contigo. Abra o coração e verá !!!
Desejo muita paz e luz para vc.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 15 de Outubro de 2010, 03:31


Prezada irmã Paulajbb:

Boa noite e muito prazer em conhecê-la! Obrigado por sua visita a este tópico e pelas pavras consoladoras que dirigiu à nossa irmã visitante que nos pediu ajuda. Seja bem-vinda, minha irmã, e saiba que aqui você sempre será muito bem acolhida; poderá fazer novas amizades, com as estimadas irmãs Dothy, Kátia, Cris Santana, Marli Pacheco, hcancela, Mecame, Carmem gbi, Carmem Ângela, Kausinha Rego, Sonia, Belina, Ana23, Samymarques, Bluemoon, Claudia Afonso, felicidade39, Cristhina, Anabele, lah e Ca, hemcogliatti, Lourdilena, EmBuscadaLuz, Eunniceel, LuQuinete, Mary Helem, Ludmilab, Fátima Cristina, Célia Guedes, Julha, Lu Reines, gabi2010 e outras: e com os queridos irmãos dOM JORGE, Fernandes Adalberto, Moura, filhodobino, Chasil, Monstrinho, Tupan, Ignarus, Ace Cz, Coronel, caélo, Creso Melo, O FIDALGO, Beto Gomes, Salvador p, Jaguavitor e outros que acessam estes nossos "subespaços". Acompanhe todos os nossos tópicos, nos Sub-Quadros: Acção do Dia (Receitas para a Alma e De Ânimo Firme). Auto-Conhecimento (Coletânea de Bons Pensamentos, Conselhos que ninguém deu, Miscelânea de Otimismo, Vigiai e Orai, Os Caminhos da Paz, Ao Alcance das Mãos, Dias Melhores, Terapia para a Alma e Jesus, Nosso Senhor e Mestre); Outros Temas (Mensagens de Luz, Coletânea de Preces, Veleiro de Luz e Poesia do Bem Maior). Volte, Paula, quando quiser ou puder, e traga suas mensagens, orações, pensamentos e poesias mediúnicas, buscando postar suas valiosas colaborações, de preferência, dentro dos objetivos indicados pelo próprio título de cada tópico; que, certamente, estará contribuindo, de forma positiva, para maior divulgação da Doutrina Espírita, nessa forma dinâmica e moderna. Venha, irmã querida, fazer parte deste grupo de irmãos e irmãs que se associam com muito respeito, união e amor, para aprender juntos a construir um ambiente salutar, a fim de que todos os que nos visitam desejem, espontaneamente, permanecer conosco, trabalhando a serviço do nosso amado Mestre Jesus. Cultive sempre o bom ânimo, a coragem e a fé; seja feliz, alegre, entusiasta e otimista; e busque a Paz em Deus, o sublime objetivo da Vida para todas as criaturas! Meu abraço, meu carinho, meu afeto. Fraternalmente, seu irmão e amigo
Lima_Gil
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 15 de Outubro de 2010, 08:31
                                                                                2. A MORTE DA CONSCIÊNCIA

                                                     “Mas, ó homem vão, queres tu saber que a fé sem obras é morta?”
                                                                                                 (Tiago, 2:20)

Alguém disse, certa vez, que a morte verdadeira é a da consciência que se encarcera na culpa.

O problema da morte ronda ainda o acampamento dos homens. Constitui um sério dever estudar e compreender a morte da consciência.

O corpo físico, composto de nervos e músculos, ossos e carne, tomba pelo transcorrer dos anos e transforma-se, em obediência à lei suprema. O ser, no entanto, prossegue sua marcha em outros domínios do universo, aprendendo sempre e muitas vezes retornando ao palco das lutas abençoadas da Terra, para representar novos dramas, romances ou escrever um novo roteiro de vida.

Contudo, a consciência culpada poderá encastelar-se nas sombras do remorso, gerando grandes dificuldades para si mesma. Também, quando se recusa a reconhecer a legitimidade dos valores sublimes, prossegue disfarçando-se sob o manto enganador das aparências, à semelhança do camaleão, que se disfarça em meio à folhagem dos bosques. 

Ainda mais, quando se recusa a conscientizar-se, conservando-se na ignorância para mascarar a criminosa fuga dos deveres, a consciência humana morre.

O contato com a dura realidade da experiência terrestre funciona como um choque anímico, a fim acordar a divina voz  interior. Paralisada pela visão distorcida da realidade, a consciência é despertada através do sofrimento abençoado, que a faz reavaliar sua proposta de vida e sua postura ante a lei divina.

A morte, na verdade, constitui perigosa parada na experiência da vida íntima, que se recusa a acordar para as suas responsabilidades.

Mas, após a morte, sempre há a ressurreição.

Semeia-se corpo animal, diz o apóstolo, e ressucita-se corpo espiritual.

A morte da consciência encontra o seu termo quando a dor bate à porta do túmulo interior e a desperta para a hora da colheita.

Na fuga de suas responsabilidades o homem fecha-se para o relacionamento afetivo, para a sociedade e recusa-se a amar. O medo passa a dominá-lo. Medo de amar, medo de ser amado, medo de enfrentar-se, medo de relacionar-se. É a fuga da realidade. O homem fecha-se para o mundo e desenvolve em si o egoísmo e o egocentrismo,  nublando a sua visão íntima. 

O despertamento dessa situação, quando não é realizado de forma consciente, é auxiliado pelo sofrimento. À semelhança  de choques elétricos de grande intensidade, acontece às vezes o despertar da consciência, e então, após experiências dolorosas ou desnecessárias, o ser aprende a amar e enfrenta as experiências do cotidiano com dignidade. Mas também enfrenta a hora da colheita, pois se agiu, certa vez, semeando, com certeza haverá de colher na hora certa, quando soar a hora na ampulheta do tempo.

Encontra-se consigo mesmo e aprende a amar, amando-se.

Assume, então, a sua responsabilidade no rnundo e passa a conviver melhor consigo mesmo, vencendo seus medos e preconceitos derrubando as barreiras internas e desahrochando para a vida, qual flor de lótus que se desdobra em luz.

                                                                                      Pelo Espírito Alex Zarthú
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 15 de Outubro de 2010, 11:05
NA GRANDE ROMAGEM

 

        Ignoramos as estações de contacto na romagem enorme, mas estamos informados de que o nosso objetivo é Cristo Jesus.

    *

      Quantas vezes seremos constrangidos a pisar sobre espinheiros da calúnia?
    *

      quantas vezes transitaremos pelo trilho escabroso da incompreensão?
    *

      quantos aguaceiros de lágrimas nos alcançarão o espírito?
    *

      quantas nuvens estarão interpostas, entre nosso pensamento e o Céu, em largos trechos da senda?

        Insolúvel a resposta.

        Importa, contudo, marchar sempre, no caminho interior da própria redenção, sem esmorecimento.

    *

      Hoje, é o suor intensivo;
    *

      amanhã, é a responsabilidade;
    *

      depois, é o sofrimento
    *

      e, em seguida, é solidão...

        Ainda assim, é indispensável seguir sem desânimo.

        Quando não seja possível avançar dois passos por dia, desloquemo-nos para diante, pelo menos alguns milímetros .

        Abre-se a vanguarda em horizontes novos de...

    *

      entendimento e bondade,
    *

      iluminação espiritual
    *

      e progresso na virtude.

        Subamos, sem repouso, pela montanha escarpada:

    *

      Vencendo desertos .
    *

      Superando dificuldades...
    *

      Varando nevoeiros...
    *

      Eliminando obstáculos...

        Obedeçamos, por nossa vez, conscientes da nossa destinação e convictos de que o Senhor nos espera, além da nossa cruz, nos cimos resplandecentes da eterna ressurreição.

 

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Andrade Fonseca Sonia em 15 de Outubro de 2010, 15:38
 Parabens amiga Belina, muito bonita a inspiração em enviar a música do Roberto Carlos p. Uma luz no mundo.
Espero que essa música tenha tocado o coração dessa amiga  e que ela perceba a vibração q. a mesma tem, uma vibração de amor.

Sonia
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Andrade Fonseca Sonia em 15 de Outubro de 2010, 15:58
Querida amiga, Uma luz no mundo, inicio essa postagem te envolvendo num abraço de mãe p. filha, tenha vc. a idade que tiver.
Vc. já analizou o nome que escolheu p. se comunicar conosco?
Vc mesma  acredita ser uma luz no mundo, não deixe essa luz diminuir e muito menos se apagar.
Outra coisa que ficou muito claro, se vc. contactou conosco pedindo ajuda, é q. lá no fundo da sua alma, quer sair desse sofrimento q. tanto está lhe atormentando e o mais bonito, teve a humildade de nos procurar.
 
Perceba, sem ter nenhuma dúvida, que Deus está do seu lado, recebeste a intuíçao certa, p. procurar pessoas que estariam dispostas de coração a lhe ajudar. 
No momento de aflição, mentalize Deus, e chame por seu guia protetor (anjo da guarda), e se o fizer com fé, vai sentir uma serenidade quase imediata, q. lhe proporcionará condições de  perceber o q. de melhor terá q. fazer.
Que a luz divina lhe envolva, pois vc. nos parece ser uma pessoa boa, acredite nisso.

Sonia

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 15 de Outubro de 2010, 20:06

Querida irmã Sonia:

Muito grato por suas constantes participações em nossos tópicos, com os quais todos nós sentimos que se afinizou, dedicando-lhes uma atenção toda especial. Ficamos também muito sensibilizados com seu carinho pela nossa sofrida irmã uma luz no mundo, a quem você endereçou palavras bastante consoladoras e maternais conselhos, com o intuito de fazê-la superar esse desespero com que nos pediu socorro. É justamente esse o mais importante objetivo deste tópico, que você, querida Sonia, percebeu com sua aguçada sensibilidade feminina. Parabéns, minha irmã, e que o nosso amado Mestre Jesus lhe ilumine cada dia mais a sua jornada, a caminho da Paz! Abraços afetuosos do seu irmão e amigo
Lima_Gil
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Andrade Fonseca Sonia em 15 de Outubro de 2010, 23:55
Obrigado Lima Gil, por suas palavras tão carinhosas, sua caracteristica com todos que aportam nesse espaço de amor.
Lima Gil, se vcs. tiverem mais contáto com nossa amiga, me avisem, pois estou torcendo p. ela se sentir melhor, pelo menos
sentir q. não está sozinha, que tem a nós, apesar da distância, mas perto, juntinho pelo coração.
Um abraço afetuoso p. todos.

Sonia


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Andrade Fonseca Sonia em 16 de Outubro de 2010, 00:14
 
                                                                         (http://www.recadodeorkut.com/458/060.gif)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 16 de Outubro de 2010, 02:17
Obrigado Lima Gil, por suas palavras tão carinhosas, sua caracteristica com todos que aportam nesse espaço de amor.
Lima Gil, se vcs. tiverem mais contáto com nossa amiga, me avisem, pois estou torcendo p. ela se sentir melhor, pelo menos
sentir q. não está sozinha, que tem a nós, apesar da distância, mas perto, juntinho pelo coração.
Um abraço afetuoso p. todos.

Sonia


Olá, Sonia querida!

Boa noite! Com pode ver, aquela irmã, uma luz no mundo, não mais se apresentou. Buscamos oferecer o máximo de atendimento fraterno que nos veio, por meio da palavra amiga, porque nos sentimos verdadeiramente comovidos com o seu pedido desesperado de socorro. Mais não deu, por enquanto, para fazer, pois cabe àquela querida irmã buscar novo contato, para o qual ofereci meu E-mail, que lhe permitirá, em mensagem pessoal — que também, é claro, pode ser dirigida a você —, nos informar maiores detalhes de todo o drama que está enfrentando. Pensei também em ligar para o telefone que ela tornou público, mas para tanto ainda não consegui a concordância de minha família, já que se trata de uma pessoa totalmente desconhecida de todos nós. Resta-nos esperar em Deus e incluí-la em nossas vibrações positivas, na medida das possibilidades de cada um dos membros deste Fórum que se sentirem tocados em seus corações, como foi o nosso caso. Obrigado, Sonia, mais uma vez, pelo seu acentuado espírito de solidariedade humana para com a sofrida irmã uma luz no mundo. Abraços afetuosos do seu irmão e amigo
Lima_Gil
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Andrade Fonseca Sonia em 16 de Outubro de 2010, 17:12
(http://www.giffs.hpg.com.br/anjos/anjo9.gif)


O amor verdadeiro enaltece a alma.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Andrade Fonseca Sonia em 17 de Outubro de 2010, 00:31
Lima Gil, temos certeza de uma coisa, fizemos nossa parte que outra não é, a de ajudar a quem nos procura.
Envolvemos nossa amiga em amor, agora é com ela. 
Eu peço a Deus q. não a desampare, que afaste dela irmãos sofredores, se for o caso, o resto, é esperar.
Concordo com a opinião dos seus familiares.
Um abraço com muito carinho p. todos da equipe.

Sonia
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 17 de Outubro de 2010, 01:14

**BOA NOITE!**

Com as nossas atitudes, pensamentos e palavras, construímos
o verdadeiro mundo em que vivemos.
Por isso, nossa vida e nossa felicidade dependem exclusivamente
de nossas atitudes, nossos pensamentos e de nossas palavras.
Vigie o momento presente, para que seu futuro seja mais feliz.
Plante sementes de otimismo e de amor,
para colher amanhã os frutos da alegria e da felicidade.
Beijos
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 17 de Outubro de 2010, 01:20

Linda Mensagem de Como é um Verdadeiro Amor (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS93YXRjaD92PXduQlJaZXVlVGNBIw==)


SIMPLESMENTE VIVER... (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS93YXRjaD92PVVuX2JvYS10SllrIw==)


LA VIDA ES BELLA - Ernesto Cortázar (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS93YXRjaD92PUotc1FYNmVfcTk0Iw==)

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 18 de Outubro de 2010, 00:09
Boa noite!

Quem se aceita como é,
doando de si à vida o melhor que tem,
caminha mais facilmente para ser feliz, como espera ser.
A nossa felicidade será naturalmente proporcional,
em relação à felicidade que fizermos para os outros.
E a alegria do próximo, começa muitas vezes
no sorriso que você lhe queira dar.

(André Luiz)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 18 de Outubro de 2010, 00:56
***
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 18 de Outubro de 2010, 02:55

                                                                                       BILHETE PATERNAL

Sim, meu filho, talvez por um capricho dos seus treze anos, você deseja receber um bilhete do amigo desencarnado, cujas páginas começou a ler.

Você — um menino! — solicita orientação espiritual.

Tenho escrito muitas cartas depois da morte, mas sinceramente não me recordo de haver dirigido até hoje, qualquer recado a gente verde do seu porte.

Perdoe se não lhe correspondo à expectativa.

Diz você que não espera uma história da carochinha, baseada em gênios protetores. E remata:
“quero, irmão X, que você me diga quais são as coisas mais importantes da vida, apontando-me aquilo de bom que devo querer e aquilo de mau que preciso evitar.

Lembro-me, assim, de oferecer a você uma lista curiosa que um velho amigo me ofereceu, aí no mundo, precisamente quando eu tinha a sua idade.

A relação, apresentava o título “APRENDA, MEU FILHO...” e continha as seguintes informações:

1 — O maior e melhor amigo: “Deus.”
2 — Os melhores companheiros: “Os pais’
3 — A melhor casa: “O lar’
4 — A maior felicidade: “A boa consciência.”
5 — O mais belo dia: “Hoje.”
6 — O melhor tempo: “Agora.”
7— A melhor regra para vencer: “A disciplina.”
8 — O melhor negócio: “O trabalho.”
9 — O melhor divertimento: “O estudo.”
10 — A coleção mais rica: “A das boas ações.”
11 — A estrada mais fácil para ser feliz: “O caminho reto.”
12 — A maior alegria: “Dever cumprido.”
13 — A maior força: “O bem.”
14 — A melhor atitude: “A cortesia.”
15 — O maior heroísmo: “A coragem de ser bom.”
16 — A maior falta: “A mentira.”
17 — A pior pobreza: “A preguiça.”
18 — O pior fracasso: “O desânimo.”
19 — O maior inimigo: “O mal.”
20 — O melhor dos esportes: “A prática do bem.”

Leia esta lista de informações, sempre que você puder, e veja por si como vai indo a sua orientação.

E se quer mais um aviso de amigo velho, cada noite acrescente esta pergunta a você mesmo, depois de sua oração para o repouso:
- Que fiz hoje de bom que somente um amigo de Jesus conseguiria fazer?
                                                                           
                                                                                 IRMÃO X
Do livro:
Caminho Espírita
Espíritos Diversos
Chico Xavier
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 18 de Outubro de 2010, 12:05
Adorei o texto do Irmão X.

Muito obrigada por compartilhar conosco, amigo Lima Gil.

Tenham todos uma semana de muita paz e luz!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 18 de Outubro de 2010, 12:12
Com Esperança.


Você pode…

Você pode ter uma vida de alegrias,
esperanças e paz inabalável.

É uma realidade que vem ao seu
encontro de braços abertos.

Admita que pode ser feliz.

A patir daí a felicidade toma impulso dentro de
você, alimenta-se e se desenvolve amplamente.

Como uma lâmpada  que necessita da corrente
elétrica para se acender, a felicidade necessita
da corrente positiva  da sua mente para operar
mudanças,  das  pequenas  às  grandes.

Alimente a corrente da felicidade no seu coração.

Assim Deus o quer.

Seja feliz.

Você faz a felicidade aparecer
com a vontade de ser melhor.

Lourival Lopes
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 18 de Outubro de 2010, 12:17
Amigos..Sejam bem-vindos..Que a Paz esteja em seus corações...Sua presença é fundamental pra nós..Ela é a grande responsável pelo enriquecimento deste espaço que é de vocês..Recebam nosso afetuoso abraço..Desejamos uma semana repleta de Paz e Felicidades a todos..São os sinceros votos de:

(*****Lima-Gil..Belina...Cris Santana..dOm Jorge..Dothy..EmBuscaDaLuz..Lourdilena..Katiatog..Marly Pacheco..Sonia Andrade***)


Amigos queridos de jornada..Desejo a todos uma ótima semana cheia de Paz e Amor...Abraços afetuoso!!!

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 18 de Outubro de 2010, 12:48
"As pessoas são condenadas e apontadas
por que bebem, porque fumam, porque usam drogas.
Ora, se uma pessoa precisa de drogas para viver,
ela está doente! Não é de condenação e sentimento
de culpa que ela precisa, é de tratamento.
Muito provavelmente, ela precisa de compreensão -
que estes que se arrogam juízes não podem dar,
porque não têm, porque nunca desenvolveram."

Calunga
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 18 de Outubro de 2010, 23:18
Boa noite, queridos amigos



A lição do bambu


Depois de plantada a semente deste incrível arbusto, não se vê nada, Durante 5 anos, todo o crescimento é subterrâneo, invisível a olho nu, Mas, uma maciça e fibrosa estrutura de raiz, que se estende vertical e horizontalmente pela terra está sendo construída.

Um escritor americano escreveu:

"Muitas coisas na vida pessoal e profissional são iguais ao bambu chinês":

você trabalha, investe tempo, esforço, faz tudo o que pode para nutrir seu crescimento,e, às vezes não vê nada por semanas, meses, ou anos.

Mas, se tiver paciência para continuar trabalhando, persistindo e nutrindo, o seu 5º ano chegaráe, com ele, virão um crescimento e mudanças que você jamais esperava...

O bambu chinês nos ensina que não devemos facilmente desistir de nossos projetos,de nossos sonhos... especialmente no nosso trabalho, (que é sempre um grande projeto em nossas vidas)



É que devemos lembrar do bambu chinês, para não desistirmos facilmente diante das dificuldades que surgirão.

Tenha sempre dois hábitos:

Persistência e Paciência, pois você merece alcançar todos os sonhos!!!

É preciso muita fibra para chegar às alturas e, ao mesmo tempo, muita flexibilidade para se curvar ao chão.

Autor desconhecido


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 19 de Outubro de 2010, 12:34
Auto-Encontro

A ansiosa busca de afirmação da personalidade leva o indivíduo, não raro, a encetar esforços em favor das conquistas externas, que o deixam frustrado, normalmente insatisfeito.

Transfere-se, então, de uma para outra necessidade que se lhe torna meta prioritária, e, ao ser conseguida, novo desinteresse o domina, deixando-o aturdido.

A sucessão de transferências termina por exauri-lo, ferindo-lhe os interesses reais que ficam á margem.

Realmente, a existência física é uma proposta oportuna para a aquisição de valores que contribuem para a paz e a realização do ser inteligente. Isto, porém, somente será possível quando o centro de interesse não se desviar do tema central, que é a evolução.

Para ser conseguida, faz-se imprescindível uma avaliação de conteúdos, a fim de saber-se o que realmente é transitório e o que é de largo curso e duração.

Essa demorada reflexão selecionará os objetivos reais dos aparentes, ensejando a escolha daqueles que possuem as respostas e os recursos plenificadores.

Hoje, mais do que antes essa decisão se faz urgente, por motivos óbvios, pois que, enquanto escasseiam o equilíbrio individual e coletivo, a saúde e a felicidade, multiplicam-se os desaires e as angústias ceifando os ideais de enobrecimento humano.

*

Se de fato andas pela conquista da felicidade, tenta o auto-encontro.

Utilizando-te da meditação prolongada, penetrar-te-ás, descobrindo o teu ser real, imortal, que aguarda ensejo de desdobramento e realização.

Certamente, os primeiros tentames não te concederão resultados apreciáveis.

Perceberás que a fixação da mente na interiorização será interrompida, inúmeras vezes, pelas distrações habituais do intelecto e da falta de harmonia.

Desacostumado a uma imersão, a tua tentativa se fará prejudicada pela irrupção das idéias arquivadas no inconsciente, determinantes de tua conduta inquieta, irregular, conflitiva.

*

Concordamos que a criatura é conduzida, na maior parte das vezes, pelo inconsciente, que lhe dita o pensamento e as ações, como resultado normal das próprias construções mentais anteriores.

A mudança de hábito necessita de novo condicionamento, a fim de mergulhares nesse oceano tumultuado, atingindo-lhe o limite que concede acesso às praias da harmonia, do autodescobrimento, da realização interior.

Nessa façanha verás o desmoronar de muitas e vazias ambições, que cultivas por ignorância ou má educação; o soçobrar de inúmeros engodos; o desaparecer de incontáveis conflitos que te aturdem e devastam.

Amadurecerás lentamente e te acalmarás, não te deixando mais abater pelo desânino, nem exaltar pelo entusiasmo dos outros.

Ficarás imune à tentação do orgulho e à pedrada da inveja, à incompreensão gratuita e à inimizade perseguidora, porque somente darás atenção à necessidade de valorização do ser profundo e indestrutível que és.

Terminarás por te venceres, e essa será a tua mais admirável vitória.

Não cesses, portanto, logo comeces a busca interior, de dar-lhe prosseguimento se as dificuldades e distrações do ego se te apresentarem perturbadoras.

* * *
Franco, Divaldo Pereira. Da obra: Momentos Enriquecedores.
Ditado pelo Espírito Joanna de Ângelis.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 19 de Outubro de 2010, 14:04
Lindas as postagens da amiga Katia e Dothy!!!

Vamos refletir a respeito e dar o nosso exemplo para que outros possam seguir-nos...

Fiquem com Deus!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 19 de Outubro de 2010, 20:58

Boa noite, irmãos queridos!

                                                                                             O JARDIM

Vamos comparar o nosso ambiente mental a um jardim. Para que ele fique bonito, saudável, agradável de olhar e de se estar, precisa ser cuidadosamente cultivado.

Um jardim abandonado à ação do tempo, sem cuidados, logo se verá tomado de mato, tiriricas e formigueiros (pensamentos destrutivos, pessimistas, de revolta e de melindre). O bom jardineiro está atento e arranca as ervas daninhas, assim que brotam, porque sabe que elas se espalham com rapidez e matam as plantas delicadas que ele quer cultivar.

As boas sementes (são pensamentos construtivos, otimistas, de aceitação, de perdão e de paz) precisam ser plantadas. As plantas que delas nascem precisam ser adubadas, regadas e sustentadas.

Sua mente é o seu jardim. Você é o jardineiro.

Que tipo de jardineiro você é?

Será que em função da doença abandonou os cuidados com o seu jardim?

Analisemos seus motivos. Será que está pensando que não precisa ou não adianta cuidar do seu jardim? Afinal, você vai morrer mesmo...

Pense melhor! Ninguém sabe quando vai morrer, nem você nem seu médico. Podemos falar em probabílidades, em porcentagens, mas, em se tratando de seres humanos, não poderemos empregar as expressões “nunca” ou “sempre”. Em estatísticas médicas não se fala em cem por cento. Há espaço para exceções.

Por que não aproveitar cada dia, tornando-o especial, um dia de exceção? Por que não viver, cada momento, da melhor forma possível? Por que não acreditar que o seu caso possa ser uma exceção? O que você tem a perder? Exceções não são prováveis, são possíveis.

Do livro:
Método de autocura
Luiza Helena Mathias Arruda

Fiquem com Deus!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 20 de Outubro de 2010, 11:35
NA LUTA DIÁRIA


É possível que estejas enfrentando provas que os outros desconhecem…
Dúvidas assolam-te o espírito.
A insegurança te ronda os passos.
Idéias pessimistas te povoam a mente.
Lágrimas que não caem, encharcam-te o coração.
Todavia, não te confies aos desespero, exteriorizando as próprias aflições, de modo a impingí-las nos que te cercam.
Não podes culpar o mundo pelas dores que padeces!
Irritação e azedume afastarão de tua presença os companheiros que estimas.
Esforça-te para sorrir e a alegria te acenderá a luz da compreensão dentro da própria alma.
Todos lutamos com o passado na arena do presente.
O que plantamos ontem devemos colher agora.
O resgate de nosso débitos perante a Lei, nem sempre acontece através de doenças ou mutilações físicas.
Não raro, o cadinho invisível da tentação é a força que nos submete ao aperfeiçoamento necessário, consumindo-nos as impurezas em altas temperaturas de luta interior.
Assim, pacifica-te e serve, procurando ser útil àqueles que te esperam a palavra amiga e o gesto de solidariedade.
Procurando esquecer-te, esquecer-te-ás, igualmente, dos problemas que te martirizam.
Ocupa-te do bem e o bem ocupar-te-á todo o ser, devolvendo-te a esperança em dias melhores.
Carlos A. Baccelli /Irmão José
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 20 de Outubro de 2010, 11:40
Amigos e irmãos..Sejam bem-vindos..Que a Paz esteja em seus corações...Sintam-se acolhidos..Sintam-se em família..Sua presença é fundamental pro enriquecimento deste espaço que é de vocês..Estão convidados a trazerem suas mensagens dentro do tema..Recebam nosso afetuoso abraço!!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Andrade Fonseca Sonia em 20 de Outubro de 2010, 11:43
(http://www.magiagifs.com.br/Barrinhas/MagiaGifs_arquivos/linieweih39.gif)



"A força do amor que dimana de Deus vitaliza o Universo e movimenta a vida"
            D.P.F.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 20 de Outubro de 2010, 11:44
Amiga Sonia..Mta paz e luz a ti e família..Que sua presença aqui conosco seja uma constante..Você é  muito importante pra todos nós..Receba meu abraço repleto de afeto e carinho..
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Andrade Fonseca Sonia em 20 de Outubro de 2010, 11:48
(http://www.magiagifs.com.br/Barrinhas/MagiaGifs_arquivos/linieweih39.gif)   A força vence; jamais convence.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 21 de Outubro de 2010, 05:11
                                                                                 PSICOLOGIA DA CARIDADE


“Fazei aos homens tudo o que queirais que eles vos façam, pois é nisto que consistem a lei e os profetas” — Jesus- Mateus, 7: 12).

“Amar ao próximo como a si mesmo, fazer pelos outros o que quereríamos que os outros fizessem por nós” é a expressão mais completa da caridade porque resume todos os deveres do homem para com o próximo” ESE — Cap. Xl, 4.

Provavelmente, não existe em nenhum tópico da literatura mundial figura mais expressiva que a do samaritano generoso, apresentada por Jesus para definir a psicologia da caridade.

Esbarrando com a vítima de malfeitores anônimos, semimorta na estrada, passaram dois religiosos, pessoas das mais indicadas para o trato da beneficência, mas seguiram de largo, receando complicações.

Entretanto, o samaritano que viajava, vê o infeliz e sente-se tocado de compaixão.

Não sabe quem é. Ignora-lhe a procedência.

Não se restringe, porém, á emotividade.

Pára e atende.

Balsamiza-lhe as feridas que sangram, coloca-o sobre o cavalo e condu-lo à uma hospedaria, sem os cálculos que o comodismo costuma traçar em nome da prudência.

Não se limita, no entanto, a despejar o necessitado em porta alheia. Entra com ele na vivenda e dispensa-lhe cuidados especiais.

No dia imediato, ao partir, não se mostra indiferente. Paga-lhe as contas, abona-o qual se lhe fora um familiar e compromete-se a resgatar-lhe os compromissos posteriores, sem exigir-lhe o menor sinal de identidade e sem fixar-lhe tributos de gratidão.

Ao despedir-se, não prende o beneficiado em nenhuma recomendação e, no abrigo de que se afasta, não estadeia demagogia de palavras ou atitudes, para atrair influência pessoal.

No exercício do bem, ofereceu o coração e as mãos, o tempo e o trabalho, o dinheiro e a responsabilidade. Deu de si o que podia por si, sem nada pedir ou perguntar.

Sentiu e agiu, auxiliou e passou.

Sempre que interessados em aprender a praticar a misericórdia e a caridade, rememoremos o ensinamento do Cristo e façamos nós o mesmo.

                                                                                                                                                                                    Emmanuel

                                                           (Do “Livro da Esperança”, psicografia de Francisco Cândido Xavier)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 21 de Outubro de 2010, 12:02
A Alma também
Casas de saúde espalham-se em todas as direções com o objetivo de sanar as moléstias do corpo e não faltam enfermos que lhes ocupem as dependências.

Entretanto, as doenças da alma, não menos complexas, escapam aos exames habituais de laboratório e, por isso, ficam em nós, requisitando a medicação, aplicável apenas por nós mesmos.

Estimamos a imunização na patologia do corpo.

Será ela menos importante nos achaques do espírito?

Surpreendemos determinada verruga e recorremos, de imediato, à cirurgia plástica, frustrando calamidades orgânicas de extensão imprevisível.

Reconhecendo uma tendência menos feliz em nós próprios é preciso ponderar igualmente que o capricho de hoje não extirpado será hábito vicioso amanhã e talvez criminalidade em futuro breve.

Esmeramo-nos por livrar-nos da neurastenia capaz de esgotar-nos as forças.

Tratemos também de nossa afeição temperamental para que a impulsividade não nos induza à ira fulminatória.

Tonificamos o coração, corrigindo a pressão arterial ou ampliando os recursos das coronárias a fim de melhorar o padrão de longevidade. Apuremos, de igual modo, o sentimento para que emoções desregradas não nos precipitem nos desvãos passionais em que se aniquilam tantas vidas preciosas.

Requintamo-nos, como é justo, em assistência dentária na proteção indispensável.

Empenhemo-nos de semelhante maneira, na triagem do verbo para que a nossa palavra não se faça azorrague de sombra.

Defendemos o aparelho ocular contra a catarata e o glaucoma. Purifiquemos igualmente o modo de ver. Preservamos o engenho auditivo contra a surdez.

No mesmo passo, eduquemos o ouvido para que aprendamos a escutar ajudando.

A Doutrina Espírita é instituto de redenção do ser para a vida triunfante. A morte não existe.

Somos criaturas eternas. Se o corpo, em verdade, não prescinde de remédio, a alma também.

*  *  *

André Luiz

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 21 de Outubro de 2010, 22:29

PONTO DE PARTIDA

Pacifique-se.

Não há estabilidade sem ponto de equilíbrio

Conheça-se.

Não há desenvolvimento sem autoconsciência.

Trabalhe-se.

Não há resultado sem ação.

Perdoe-se.

Não há harmonia em quem cultiva a culpa.

Ame-se.

Não há felicidade de viver onde falta a essência da vida.

Como é fácil perceber, paz, conhecimento, trabalho, compaixão e afeto constituem elementos essenciais para a construção de um mundo melhor.

Não se esqueça, porém, de que, em tudo, o ponto de partida deve ser você.

                                                                                                                                                                  Sheilla

                      (Do livro “Deus Contigo”, psicografia de Clayton Levy)

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 22 de Outubro de 2010, 11:48
                    Liberte a Você                                                      (REFORMA ÍNTIMA)

    *

      Lábios envenenados pelo fel da maledicência não conseguem sorrir com verdadeira alegria.
    *

      Ouvidos fechados com a cera da leviandade não escutam as harmonias intraduzíveis da paz.
    *

      Olhos empoeirados pela indiscrição não vêem as paisagens reconfortantes do mundo.
    *

      Braços inertes na ociosidade não conseguem fugir à paralisia.
    *

      Mente prisioneira no mal não amealha recursos para reter o bem.
    *

      Coração incapaz de sentir a fraternidade pura não se ajusta ao ritmo da esperança e da fé.

...

    *

      Liberte a você de semelhantes flagelos.

Leis indefectíveis de amor e justiça superintendem todos os fenômenos do Universo e fiscalizam as reações de cada espírito.  Assim, pois, no trabalho da própria renovação, a criatura não pode desprezar nenhuma das suas manifestações pessoais, sem o que dificilmente marchará para a Vanguarda de Luz.

 

André Luiz

Revista Reformador - Agosto de 2002
Fonte: XAVIER, Francisco Cândido e VIEIRA, Waldo. Estude e Viva, 9. ed. Rio de Janeiro: FEB.


Amigos..Sejam bem-vindos..Que a Paz esteja em seus corações..Sintam-se em família..Sua presença é muito importante pra todos nós.Desejamos a todos um ótimo final de semana repleto de mta Paz e Amor..Recebam o nosso afetuoso abraço!!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 22 de Outubro de 2010, 17:56
PARA RENOVAR-NOS

        Não espere viver sem problemas, de vez que problemas são ingredientes de evolução, necessários ao caminho de todos.

        Ante os próprios erros, não descambe para o desculpismo e sim enfrente as conseqüências deles, a fim de retificar-se, como quem aproveita pedras para construção mais sólida.

        Não perca tempo e serenidade, perante as prováveis decepções da estrada, porquanto aqueles que supõem decepcionar-nos estão decepcionando a si mesmos.

        Reflita sempre antes de agir, a fim de que seus atos sejam conscientizados.

        Não exija perfeição nos outros e nem mesmo em você, mas procure melhorar-se quanto possível.

        Simplifique seus hábitos.

        Experimente humildade e silêncio, toda vez que a violência ou a irritação apareçam em sua área.

        Comunique seus obstáculos apenas aos corações amigos que se mostrem capazes de auxiliar em seu benefício com discrição e bondade.

        Diante dos próprios conflitos, não tente beber ou dopar-se, buscando fugir da própria mente, porque de toda ausência indébita você voltará aos estragos ou necessidades que haja criado no mundo íntimo, a fim de saná-los.

        Lembre-se de que você é um espírito eterno e se você dispõe da paz na consciência estará sempre inatingível a qualquer injúria ou perturbação.

André Luiz

(do livro PAZ E RENOVAÇÃO, psicog. F.C.Xavier)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 23 de Outubro de 2010, 17:47
O homem não pode nutrir a pretensão de retificar o mundo ou os seus semelhantes dum dia para outro, atormentando-se em aflições descabidas, mas deve ter cuidado de si, melhorando-se, educando-se e iluminando-se, sempre mais.


Emmanuel - (Vinha de Luz)  [55 pág. 34]
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 24 de Outubro de 2010, 01:44
Guardemos o Cuidado
...                                                                    mas nada é puro para os caontaminados e infiéis  (Paulo. Tito, 1:15
 
O homem enxerga sempre, através da visão interior.

Com as cores que usa por dentro, julga os aspectos de fora.

Pelo que sente, examina os sentimentos alheios.

Na conduta dos outros, supõe encontrar os meios e fins das ações que lhe são peculiares.

Daí, o imperativo de grande vigilância para que a nossa consciência não se contamine pelo mal.

Quando a sombra vagueia em nossa mente, não vislumbramos senão sombras em toda parte.

Junto das manifestações do amor mais puro, imaginamos alucinações carnais.

Se encontramos um companheiro trajado com louvável apuro, pensamos em vaidade.

Ante o amigo chamado á carreira pública, mentalizamos a tirania política.

Se o vizinho sabe economizar com perfeito aproveitamento da oportunidade, fixamo-lo com desconfiança e costumamos tecer longas reflexões em torno de apropriações indébitas.

Quando ouvimos um amigo na defesa justa, usando a energia que lhe compete, relegamo-lo, de imediato, à categoria dos intratáveis.

Quando a treva se estende, na intimidade de nossa vida, deploráveis alterações nos atingem os pensamentos.

Virtudes, nessas circunstâncias, jamais são vistas.

Os males, contudo, sobram sempre.

Os mais largos gestos de bênção recebem lastimáveis interpretações.

Guardemos cuidado toda vez que formos visitados pela inveja, pelo ciúme, pela suspeita ou pela maledicência.

Casos intrincados existem nos quais o silêncio é o remédio bendito e eficaz, porque, sem dúvida, cada espírito observa o caminho ou o caminheiro, segundo a visão clara ou escura de que dispõe.

* * *

Xavier, Francisco Candido. Da obra: Fonte Viva.
Ditado pelo Espírito Emmanuel.



Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 24 de Outubro de 2010, 09:52
CHICO XAVIER - ORAÇÃO (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS93YXRjaD92PUZpVThuV0x6cTAwIw==)


REFLEXÃO (CHICO XAVIER) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS93YXRjaD92PVNSa2UzR1N5QjBVIw==)


BASTA 1 MINUTO (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS93YXRjaD92PTd1ak5TdGxKblM0Iw==)



Paz e luz
Belina
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 24 de Outubro de 2010, 15:52
SOLIDARIEDADE

CADA VEZ QUE TE DISPÕES
A ALIVIAR A CARGA
QUE AINDA PESA
NOS OMBROS DE TEUS IRMÃOS,
ESTARÁS FORMANDO AMIGOS
QUE TE ALIVIARÃO
NO MOMENTO JUSTO
EM QUE A CARGA
DAS PROVAS NECESSÁRIAS À TUA PRÓPRIA VIDA
VENHA A PESAR NOS TEUS.

(MENSAGEM PSICOGRAFADA POR FRANCISCO CÂNDIDO XAVIER-DO LIVRO "LUZ E VIDA")
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 24 de Outubro de 2010, 21:58
Em seu benefício

Não se agaste com o ignorante; certamente, não dispõe ele das oportunidades que iluminaram seu caminho.

Evite aborrecimento com as pessoas fanatizadas; permanecem no cárcere do exclusivismo e merecem compaixão como qualquer prisioneiro.

Não se perturbe com o malcriado; o irmão intratável tem, na maioria das vezes, o fígado estragado e os nervos doentes.

Ampare o companheiro inseguro; talvez não possua o necessário, quando você detém excessos.

Não se zangue com o ingrato; provavelmente, é desorientado ou inexperiente.

Ajude ao que erra; seus pés pisam o mesmo chão, e, se você tem possibilidades de corrigir, não tem o direito de censurar.

Desculpe o desertor; ele é fraco e mais tarde voltará a lição.

Auxilie o doente; agradeça ao divino poder o equilíbrio que você está conservando.

Esqueça o acusador; ele não conhece o seu caso desde o princípio.

Perdoe ao mau; a vida se encarregará dele.

*  *  *

André Luiz

(Mensagem retirada do livro "Agenda Cristã" psicografia de Francisco Cândido Xavier)


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 24 de Outubro de 2010, 23:36
Eu, o menino e o cachorro...

E eu só reclamava da vida... reclamava da noite porque eu não dormia, reclamava do dia porque eu sofria, reclamava do frio que me gelava a alma, reclamava do calor que me atirava ao desânimo. Para tudo e para todos eu tinha uma resposta, para a minha derrota eu sempre tinha um culpado, para o meu desamor sempre tinha um "alguém", para tudo uma reclamação, eu era o próprio azedume.

Ai de quem me criticasse, que apontasse o erro que eu não enxergava, para tudo tinha que haver um culpado,
eu era a vítima do sistema, das pessoas, do mundo, eu sempre fui traído, enganado, sofrido... Carregava aquela cruz pesada de ódio, e eu só reclamava da vida, seja de noite, seja de dia. Até quem dia, um menino, desses meninos de rua, me pediu uma ajuda, e eu já estava pronto para ofendê-lo, quando ele pegou na minha mão e arrastou-me, se é que um menino tão pequeno teria essa força.

No canto da rua ele me mostrou um cachorro muito sujo, que estava com a pata como que quebrada e cheio de feridas. O menino puxou a minha mão e fez chegar perto do cachorro. Ele olhava pra mim e depois para o cachorro,
e falou numa voz que eu não consigo esquecer:
- Moço, sara ele pra mim! é o meu melhor amigo.

Não sei porque e nem quero saber, mas eu não aguentei e chorei... Chorei como criança, como quem abre uma torneira, como se uma porta que estava fechada há muito tempo dentro de mim, se abrisse escancaradamente... O menino não entendeu o meu choro e perguntou:

- Ele vai morrer moço? è grave assim...

Despertei do meu choro e agarrei aquele cachorro com muito cuidado. Levei-o até a minha casa, poucos quarteirões dali, e tratei daquele cachorro como se fosse um filho, e o menino, que vivia pelas ruas, foi ficando, e cuidou de mim,  curou minhas feridas, antes mesmo de eu curar as feridas do cachorro.

Hoje, não reclamo mais de nada, tudo para mim tem um sentido, tudo é perfeito, até o que dá errado. Faz 16 anos que o menino de rua pegou na minha mão, mudou a minha vida, transformou esse ser. Mostrou-me o caminho do amor, amor que restaura, cura, seca feridas, renova, traz esperança, e esperança é o nome do amor.

E esse menino, que hoje me chama de pai, destranca portas e janelas da minha alma todos os dias, quando segura na minha mão e me agradece por cada coisa tão pequena, os banhos, as roupas, a comida, a escola, a adoção, coisas que muita gente tem e não dá nenhum valor, ele me recompensa com carinho e dedicação.

Hoje é a sua formatura, e eu nem sei o que dizer, sou grato a Deus por ele entrar na minha vida, por quebrantar meu coração, e não largar mais a minha mão.

Hoje eu bendigo a vida. Valorize a sua vida, preencha-a com o amor.

Autor desconhecido
 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 24 de Outubro de 2010, 23:44
***
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 25 de Outubro de 2010, 11:34
Ama-te mais.

Certamente, não nos referimos ao sentimento egoísta, ambicioso, envenenador.

Amar-se, é respeitar-se, proporcionando-se as conquistas superiores da vida, os anseios elevados do coração.

Intenta estabelecer um pequeno programa de amor para ti e executa-o.

Mantém acesa a luz do entusiasmo em tuas realizações e sabendo-te fadado à Grande Luz, deixa que brilhem as tuas aspirações nobres.

Escolhe "a melhor parte" em tudo e supera aquelas nefastas, que prejudicam e envilecem.

Joanna de Ângelis

Livro: Vida Feliz
Psicografia de: Divaldo Pereira Franco
 
 
 Amigos..Sejam bem-vindos..Que a paz esteja em seus corações..Sintam-se em familia..Desejamos a todos uma ótima semana repleta de mts felicidades..Recebam nosso afetuoso abraço!! 8) 8)
 
 
   
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 26 de Outubro de 2010, 02:31
                                     "DEUS EM NÒS"

         Somente Deus é a Vida em si.
         Entretanto, você pode auxiliar alguém a encontrar o contentamento de viver.

         Somente Deus sabe toda a verdade.
         Mas você pode iluminar de compreensão a parte da verdade em seu conhecimento.

         Somente Deus consegue doar todo o AMOR.
         Você, porém, é capaz de cultivar o AMOR na alma dessa ou daquela criatura, com alguma parcela de bondade.


         Somente Deus é o Criador da verdadeira Paz.
         No entanto, você dispõe de recursos para ceder um tanto em seus pontos de vista para que a harmonia seja feita.




         Somente Deus pode formar a Alegria Perfeita.
         Mas você pode ser o sorriso da esperança e da coragem, do entendimento e do perdão.


         Somente Deus realiza o impossivel.
         Entretanto, diante do trabalho para a construção do bem aos outros não se esqueça de que Deus lhe entregou o possível para você fazer.


                      André Luiz (livro Tempo de Luz)
Que a PAZ de Deus se faça presente nesta semana em todos os lares!!!!!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 26 de Outubro de 2010, 04:59
Bom dia, queridos amigos



Alguém


Agora mesmo:

alguém está orgulhoso de você
alguém está pensando em você
alguém está se preocupando com você
alguém sente falta de você
alguém quer falar com você
alguém quer estar com você
alguém espera que não tenha nenhum problema
alguém é grato pelo apoio que você deu
alguém quer segurar a sua mão
alguém espera que esteja tudo certo com você
alguém quer que você seja feliz
alguém quer que você encontre a pessoa amada
alguém está celebrando seu sucesso
alguém quer dar a você um presente
alguém espera que você não esteja resfriado ou com febre
alguém quer te abraçar
alguém ama você
alguém admira sua força
alguém está pensando em você e sorrindo
alguém quer seus ombros para chorar sobre eles
alguém quer sair com você e se divertir
alguém pensa muito em você
alguém quer te proteger
alguém gostaria de fazer algo por você
alguém quer ser perdoado
alguém é grato pelo seu perdão
alguém quer rir com você
alguém se lembra de você e quer que você esteja bem
alguém está rezando à Deus por você
alguém precisa saber que seu amor é incondicional
alguém valoriza seu conhecimento
alguém quer lhe falar o quanto se preocupa com eles
alguém quer compartilhar seus sonhos com você
alguém quer segurá-lo em seus braços
alguém valoriza seu espírito
alguém deseja que ele possa parar o tempo por você
alguém reza à Deus pela sua amizade e seu amor
alguém espera para ver você
alguém ama você do jeito que você é
alguém ama o modo como demonstra o que sente
alguém quer estar com você
alguém quer que você saiba que ele está sempre com você
alguém está contente por ser amigo dele
alguém quer ser seu amigo
alguém não consegue dormir pensando em você
alguém vive por causa de você
alguém está querendo que você o note
alguém quer te conhecer melhor
alguém está próximo de você
alguém pede seu conselho
alguém tem Fé em você
alguém acredita em você
alguém precisa de sua ajuda
alguém precisa que você tenha fé nos sentimentos dele
alguém precisa que você se torne amigo dele
alguém ouve uma música que lembre de você...
alguém te ama muito...

(autor desconhecido)




Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 26 de Outubro de 2010, 13:21
Linhas de Evolução
"Caridade e humildade, tal a senda única da salvação."
(Alan Kardec. E.S.E. Cap.XV. Item 5.)
Observando os companheiros a quem você deseja ajudar, seja breve na exposição e demorado no socorro.

Sem o suor do exemplo, os mais belos comentários perdem a legitimidade.

*

Utilize-se do poço do caminho, sem lhe tisnar a limpidez das águas. Mais tarde você poderá necessitar dele novamente.

*

Seu vestuário desvela para os outros suas íntimas inclinações. Use a roupa, sem a ela escravizar-se.

*

Mantenha a higiene de seu corpo para preservar a saúde. No entanto, viver excessivamente preocupado com a limpeza é sintoma de desequilíbrio.

*

Cobiçando o melhor de cada dia, viva cada minuto nobremente, como se fosse o último a que você tivesse direito. O depois começa agora.

*Pare para refletir, não obstante sabendo refletir para não parar. Quem avança, sem estacionar, pára sem forças para avançar.

*

Planifique, antes de agir, e demonstrará respeito pelo serviço. Evite, porém, planificar assoberbado de preocupações, pois que assim você jamais realizará algo.

*

Se você acredita em felicidade vivendo a sós, disponha-se para inquietantes aflições. A gota de orvalho no deserto reflete a glória de longínqua estrela, mas não dá vitalidade à terra onde se aquieta e consome, sem ajudar.

*

Em todas as conjunturas de sua vida, recorde-se da caridade, primeiro, e da humildade, logo depois.

"Caridade e humildade, tal a senda única da salvação."

* * *

Franco, Divaldo Pereira. Da obra: Glossário Espírita-Cristão.
Ditado pelo Espírito Marco Prisco.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 27 de Outubro de 2010, 01:32
Na Luta Vulgar
"Pois aquilo que o homem semear, isso
também ceifará"
Paulo (Gálatas, 6:7)
Não é preciso morrer na carne para conhecer a lei das compensações.

Reparemos a luta vulgar.

O homem que vive na indiferença pelas dores do próximo, recebe dos semelhantes a indiferença pelas dores que lhe são próprias.

Afastemo-nos do convívio social e a solidão deprimente será para nós a resposta do mundo.

Se usamos a severidade para com os outros, seremos julgados pelos outros com rigor e aspereza.

Se praticamos em sociedade ou em família a hostilidade e a aversão, entre parentes e vizinhos encontraremos a antipatia e a desconfiança.

Se insultamos nossa tarefa com a preguiça, nossa tarefa relegar-nos-á à inaptidão.

Um gesto de carinho para com o desconhecido na via pública granjear-nos-á o concurso fraterno dos grupos anônimos que nos cercam.

Pequeninas sementeiras de bondade geram abençoadas fontes de alegria.

O trabalho bem vivido produz o tesouro da competência.

Atitudes de compreensão e gentileza estabelecem solidariedade e respeito, junto a nós.

Otimismo e esperança, nobreza de caráter e puras intenções atraem preciosas oportunidades de serviço, em nosso favor.

Todo dia é tempo de semear.

Todo dia é tempo de colher.

Não é preciso atravessar a sombra do túmulo para encontrar a justiça, face a face. Nos princípios de causa e efeito, achamo-nos incessantemente sob a orientação dela, em todos os instantes de nossa vida.

* * *

Xavier, Francisco Cândido. Da obra: Fonte Viva.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 27 de Outubro de 2010, 23:04
Como o carvalho



Todas as vezes que nos deparamos com problemas em nossa vida, observamos o quanto somos frágeis.

As alegrias se vão e só fica a verdade de que somos impotentes para lidar com adversidades que surgem no decorrer de nossa existência.

Deus nos deixa lições interessantes em sua criação para nos mostrar o contrário, que o homem foi criado forte e que essa força é sempre adquirida e absorvida dessas situações adversas.

Você conhece uma árvore chamada CARVALHO?

Pois é, essa árvore é usada pelos botânicos e geólogos como um medidor de catástrofes naturais do ambiente.

Quando querem saber o índice de temporais e tempestades ocorridas numa determinada floresta, eles observam logo o carvalho (existindo no local, é claro), que naturalmente é a árvore que mais absorve as conseqüências de temporais.

Quanto mais temporais e tempestades o carvalho enfrenta, mais forte ele fica!

Suas raízes naturalmente se aprofundam mais na terra e seu caule se torna mais robusto, sendo impossível uma tempestade arrancá-lo do solo ou derrubá-lo!

Mas não pense que os cientistas precisam fazer essas análises todas para saber isso! Basta apenas eles olharem para o carvalho.

Por absorver as conseqüências das tempestades, a robusta árvore assume uma aparência disforme, como se realmente tivesse feito muita força.

Muitas vezes uma aparência triste!

Cada tempestade para um carvalho é mais um desafio a ser vencido e não uma ameaça!

Numa grande tempestade, muitas árvores são arrancadas, mas o carvalho permanece firme!

Assim somos nós.

Devemos tirar proveito das situações contrárias à nossa vida e ficar mais fortes!

Um pouco marcados. Muitas vezes com aparência abatida, mas fortes!!!

Com raízes bem firmes e profundas na terra!

Podemos, com isso, compreender o que o nosso PAI maravilhoso quis nos ensinar, quando disse que podemos todas as coisas naquele que nos fortalece.

E também a confiança do rei Davi quando cantou:

_"Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte eu não temerei mal algum, porque TÚ estás comigo..."

Por isso quando olhar pela janela o lindo alvorecer, lembre-se de que não há temor com os infortúnios da dia, porque DEUS está contigo!

Ele o protegerá

Se você está passando por lutas muito grandes por estes dias, pense que (como o carvalho)...é só mais uma tempestade que o tornará mais forte, segundo aquele que nos arregimentou!

Saúde, Paz, Amor e Muito Sucesso!


Autor desconhecido


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 28 de Outubro de 2010, 00:37
PARA RENOVAR-NOS

        Não espere viver sem problemas, de vez que problemas são ingredientes de evolução, necessários ao caminho de todos.

        Ante os próprios erros, não descambe para o desculpismo e sim enfrente as conseqüências deles, a fim de retificar-se, como quem aproveita pedras para construção mais sólida.

        Não perca tempo e serenidade, perante as prováveis decepções da estrada, porquanto aqueles que supõem decepcionar-nos estão decepcionando a si mesmos.

        Reflita sempre antes de agir, a fim de que seus atos sejam conscientizados.

        Não exija perfeição nos outros e nem mesmo em você, mas procure melhorar-se quanto possível.

        Simplifique seus hábitos.

        Experimente humildade e silêncio, toda vez que a violência ou a irritação apareçam em sua área.

        Comunique seus obstáculos apenas aos corações amigos que se mostrem capazes de auxiliar em seu benefício com discrição e bondade.

        Diante dos próprios conflitos, não tente beber ou dopar-se, buscando fugir da própria mente, porque de toda ausência indébita você voltará aos estragos ou necessidades que haja criado no mundo íntimo, a fim de saná-los.

        Lembre-se de que você é um espírito eterno e se você dispõe da paz na consciência estará sempre inatingível a qualquer injúria ou perturbação.

André Luiz

(do livro PAZ E RENOVAÇÃO, psicog. F.C.Xavier)

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 28 de Outubro de 2010, 11:24
         VACINAS DA ALMA

Não permita que o seu modo de falar se transforme em agressão.
Ao falar, evite comentários ou imagens contrárias ao bem.

Trazer assuntos infelizes à conversação, lamentando ocorrências que já se foram, é requisitar a poeira de caminhos já superados, complicando paisagens alheias.

Atacar alguém será destruir hoje o nosso provável benfeitor de amanhã.
Não exageres sintomas ou deficiências com os fracos ou doentes,
porque isso viria fazê-los mais doentes e mais fracos.

Na base da esperança e bondade, não existe quem não possa ajudar conversando.
Da mente aos lábios, temos um trajeto controlável para as nossas manifestações.

Por isso, tão logo a idéia negativa nos alcance a cabeça, arredemo-la, porque um pensamento pode ser substituído, de imediato, no silêncio do espírito, mas a palavra solta é sempre um instrumento ativo em circulação.

(André Luiz)




Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 28 de Outubro de 2010, 12:09
***
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 29 de Outubro de 2010, 14:08
Aviso Calmante

O trabalho eficiente deve ser planejado, mas não olvide que as circunstâncias procedem da vida superior.

O tempo é um rio de surpresas.

Use o apoio da bondade e a bateia da tolerância para colher o ouro da Providência Divina no cascalho dos fatos desagradáveis.

A conversa fastidiosa talvez seja o veiculo da valiosa indicação.

A visita que não se espera provavelmente traga uma bênção.

O obstáculo com que não se contava, em muitas ocasiões, traduz o amparo da Espiritualidade Maior, antes que certa dificuldade apareça.

O aborrecimento de um minuto pode ser a pausa de aviso salvador.

A enfermidade súbita, quase sempre, é o processo de que se utiliza o Plano Superior para se impedir uma queda espetacular.

Atenda ao seu programa de ação, conforme os seus encargos, mas não se esqueça da paciência na trilha das suas horas.

Cada um de nós é chamado para a execução de tarefa determinada, mas a habilitação para isso vem de Deus..

Aigos..Sejam bem-vindos..Que a paz esteja com todos...Sintam-se em família...Estão convidados a trazerm suas mensagens dentro do tema...Desejamos um ótimo final de semana repleto de Felcidades e Amor..
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 29 de Outubro de 2010, 14:16
 :) ;)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 29 de Outubro de 2010, 16:18
                                                                                                       3. LUTAS

                                                           “Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé.”
                                                                                                 (2 Timóteo, 4:7)

A vida pode ser um interessante estado de luta para o aperfeiçoamento, mas fazer guerra e violentar a si mesmo é desperdiçar as energias da alma.

Luta-se desde o momento da concepção, na corrida para a fecundação do óvulo. Desenvolve- se o novo ser entre as lutas da multiplicaçào celular e a formação da estrutura física. O homem nasce e luta ainda pela própria sobrevivência, que o obriga ao aperfeiçoamento íntimo e ao desenvolvimento intelectual. As lutas continuam, e, num determinado momento de maturidade, o campo de sua ação transfere-se para o interior do ser, que passa a desbravar novas fronteiras, novos caminhos dentro de si.

Mas estar em guerra não é o mesmo que lutar. Guerrear é tentar vencer com a miséria e o sofrimento dos vencidos. Nas lutas da vida, havendo necessidade de vencer, não há por que criar inimigos. Havendo a vitória, as experiências alheias não se transformam em derrota, mas continuam como lutas para a própria superação.

Guerrear é utilizar-se das armas da violência contra o inimigo. Lutar é combater sem armas de destruição. E se preciso for vencer, não é necessário pisar nos vencidos.

A grande lição da vida é nos ensinar a cantar sem desprezar os que choram e nos ensinar a voltar-nos para dentro de nós, orando por aqueles que não se sintonizam conosco.

As lutas das quais somos chamados a participar requerem o desenvolvimento da sabedoria, a fim de que se descubra a vitória interior.

A satisfação de haver conquistado a si mesmo é a coroa dos sábios.
                                                                                                                                                                       Alex Zarthúr
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 30 de Outubro de 2010, 03:25

SERVINDO E AMANDO

Não estás sozinho nas lutas do mundo.

O Pai te vê e ampara.

Amigos do Alto te socorrem, sem que percebas.

Por isso, prossegue, servindo e amando.

Fracasso é lição.

Dor é iluminação.

Dificuldades são oportunidades de progresso.

Esquece o mal que porventura te atinge.

Entrega os problemas ao tempo, que tudo resolve. 

Trabalha no bem e o bem responderá com a paz na tua consciência.

Tudo ocorre visando ao progresso das criaturas.

Segue operando com a luz do Evangelho, e a alegria iluminada de Jesus inundará tua alma, fortalecendo-te para as lutas redentoras que te conduzirão à vitória final.

                                                                                      Scheilla

                                          (Do livro “A Mensagem do Dia”, psicografia de Clayton Levy)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 30 de Outubro de 2010, 19:28
Tranqüilidade

Comece o dia na luz da oração.
O amor de Deus nunca falha.
Aceite qualquer dificuldade sem discutir.
Hoje é o tempo de fazer o melhor.
Trabalhe com alegria.
O preguiçoso, ainda mesmo quando se mostre num pedestal de ouro maciço, é um cadáver que pensa.
Faça o bem quanto possa.
Cada criatura transita entre as próprias criações.
Valorize os minutos.
Tudo volta, com exceção da hora perdida.
Aprenda a obedecer no culto das próprias obrigações.
Se você não acredita na disciplina, observe um carro sem freio.
Estime a simplicidade.
O luxo é o mausoléu dos que se avizinham da morte.
Perdoe sem condições.
Irritar-se é o melhor processo de perder.
Use a gentileza, mas, de modo especial, dentro da sua própria casa.
Experimente atender aos familiares como você trata as visitas.
Em favor de sua paz, conserve a fidelidade a si mesmo.
Lembre-se que no dia do Calvário, a massa aplaudia a causa triunfante dos crucificadores, mas o Cristo, solitário e vencido, era a causa de Deus.
André Luiz
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 01 de Novembro de 2010, 04:34
A Grandeza do silêncio


O silêncio é doçura:
Quando não respondes às ofensas,
Quando não reclamas os teus direitos,
Quando deixas à Deus a defesa da tua honra.

O silêncio é misericórdia:
Quando te calas diante das faltas de teus irmãos,
Quando perdoas sem remoer o passado,
Quando não condenas, mas intercedes em segredo.

O silêncio é paciência:
Quando sofres sem te lamentares,
Quando não procuras consolação junto aos homens,
Quando não intervéns, esperando que a semente germine lentamente.

O silêncio é humildade:
Quando te apagas para deixar aparecer teu irmão,
Quando, na discrição, revelas dons de Deus,
Quando suportas que tuas ações sejam mal interpretadas,
Quando deixas os outros a glória da obra inacabada.

O silêncio é fé:
Quando te apagas, sabendo que é Ele quem age...
Quando renuncias às vozes do mundo para permanecer na Sua presença...
Quando te basta que só Ele te compreenda.


Autor desconhecido
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 01 de Novembro de 2010, 04:57
PARA QUEM ERROU

Erraste e, agora, sentes o remorso corroer-te o coração, qual ácido inclemente.

Te deixaste levar pela precipitação ou pela invigilância e lamentas as conseqüência do ato impensado.

Realmente, a consciência lesada constiui uma grande fonte de dores.

Entretanto, não te lamentes nem te entregues ao desânimo.

No mundo e no Além, todos erram.

Aquele que pretende o progresso, porém, converte o fracasso em lição e segue adiante.

Assim, não te perturbes mais pelo erro cometido.

Apóia-te na fé em Deus e caminha para a frente, agindo no Bem.

Usa a alavanca da vontade para remover o peso da culpa e renova-te por dentro.

O Bem que faças hoje é água limpa a lavar os efeitos negativos dos teus enganos.

A experiência é mestra e o tempo, arnigo.

Trabalha e confia.

Ontem, talvez a ignorância te impedisse de avançar para a paz, envolvendo-te nas sombras.

Hoje, porém, é um novo dia, e o soi da esperança brilha no horizonte de tua vida, convidando-te ao progresso.

                                 (Pelo Esdpírito Scheilla, psicografia de Clayton Levy)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Rose FRA em 01 de Novembro de 2010, 12:36
Fala com Bom Humor

A palavra é uma das mais relevantes conquistas do homem.   Quem aprendeu a ciência de falar bem, vive semeando sementes de luz nos coracoes que estacionam nas trevas.  O poder da palavra é iluminado, alcanca qualidades inumeráveis, curando efermos, levantando caídos, enxugando lágrimas, consolando tristes e alegrando criaturas.

A palavra bem humorada, nascida no Reino de Jesus, é um sol que ilumina todos os caminhos humanos.   Antes das tuas conversacoes, lembrate do bom humor e deixa que o teu vervo desentulhe as mentes de quem te ouve, do lixo da tristeza e do magnetismo inferior, oriundo de tantas outras invigilancias, que a vida correrá livre em todo o teu ser, na mais perfeita harmonia, como se fora a presenca de Deus na tua própria presenca.

A língua que obedece à mente educada nos príncipios evangélicos é como um bisturi divino, a operar todas as inconveniencias morais da alma, aprumando as idéias para as idéias de Jesus e aperfeicoando o coracao ao mesmo ritmos das qualidades do Mestre.

Exercita o bom humor, pois todos os que te cercam gostam disso.  O homem alegre no Bem, vale muito mais do que uma multidao desgostosa e aborrecida.  Ao assentar-te a uma mesa para alimentar-te, nao deves esquecer a alegria que nasce e cresce em assuntos elevados.   Ela purifica o ambiente e harmoniza o corpo, predispondo todo o organismo para uma perfeita assimilacao dos alimentos, permitindo que o mesmo carregue um energismo divino na sua estrutura, capaz de restaurar todo o psiquismo, dependendo da disposicao de quem se alimenta.

Lembra-te disso na hora de comer: tua refeicao poderá ser o teu próprio remédio ou o preventivo para todos os males.   No futuro, as boticas de medicamentos irao desaparecer, assim como os laboratórios estruturados na ganância, que colocam sempre à frente os próprios interesses em detrimento da saúde coletiva.

A predominância será para o laboratório da natureza.   O corpo nao foi feito para adoecer, sendo divino, ideado pelas maos de Deus.   Os hospitais poderao ficar com as suas portas abertas, mais como escolas ensinando a medicina preventiva, partindo da mais simples assepsia até chegar às maos sábias da natureza.

No mundo atual, quanto mais se formam economistas, quanto mais a cienência de ganhar e ajuntar floresce, mais existe miséria, fome e peste, sem que a própria justica possa dar jeito.  Os homens  de comando dos países nao confiam uns nos outros e tudo o que ganham, gastam em guerras fratricidas e em armas assassinas. 

Os exercitos da Terra consomem toda a economia das nacoes, sem nenhum objetivo de grandeza para as pátrias e para a evolucao de seus filhos.   Falta ao essencial no coracao destes homens:  o Amor.

Onde existe Amor, as armas se transformam em arados, em outros aparelhos e ferramentas de vida, e nao de morte.   Vamos todos nós falar com humor, para que possamos ajudar nesta transformacao, que o próprio progresso nos profetiza para breve futuro.  Basta as nacoes aceitarem os dois mandamentos onde Jesus sintetizou todas as leis e os profetas:

Amar Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a nós mesmos.
  Livro "Cirurgia Moral" - Joao Nunes Maia
Fiquem na paz de Nosso Senhor Jesus Cristo, hoje e sempre.....
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 01 de Novembro de 2010, 22:43
                               BOA NOITE MEUS AMORES

                                ALIMENTAR A ALMA

Por várias vezes, Chico (Francisco Cândido Xavier) declinou convite para uma pescaria. Como houvesse insistência de amigos, acabou por aceitar, a fim de não sustentar uma recusa que poderia magoá-los.
Em bela manhã, reuniu-se o grupo à beira de um barranco no rio. Horas depois, o pessoal havia pescado boa quantidade de peixes.
Quanto ao médium, nem um mísero lambari!
Os peixes passavam junto ao seu anzol sem nenhum interesse, e logo eram fisgados pelos demais pescadores.
Estranho!
Seria um fenômeno mediúnico?
Instado a responder sobre o assunto, Chico explicou:
– É que não coloquei a isca.
– Ora essa, por quê?
– Não queria incomodar os peixes…
A atitude de Chico é típica dos Espíritos evoluídos que vêm à Terra para grandiosas missões em favor da Humanidade. Eles cultivam o que Albert Schweitzer chamava de Reverência pela Vida.
O notável médico alemão, uma das figuras humanas mais ilustres do século passado, era incapaz de matar uma mosca. Dirá o prezado leitor que, levada às últimas conseqüências, esse princípio, seria o fim da vida animal na Terra, já que, vertebrados e invertebrados, não nos alimentamos de minérios.
Somos todos heterótrofos.
Fique tranqüilo. É uma palavra grande, não um palavrão.
Heterótrofos são os seres que não conseguem acumular energia diretamente, via luz solar, como os autótrofos (outra palavrona), os seres do reino vegetal.
Heterótrofos, estamos integrados na famosa cadeia alimentar, em que seres vivos alimentam-se de outros tantos. Os Espíritos superiores vivem em planos mais altos do Infinito, onde não existem os hábitos alimentares que fazem a matança na Terra.
Quando aportam em nosso planeta para gloriosas missões, repugna-lhes a idéia de que devem se alimentar matando seus irmãos inferiores. Daí essa reverência pela vida, exercitada por figuras inesquecíveis como Chico Xavier e Albert Schweitzer.
Mas, afinal, perguntará você, do que se nutrem os Espíritos que vivem em planos mais altos do Infinito?
Creio que a resposta está com Jesus (João, 4:32-34):
"Meu alimento é fazer a vontade de meu Pai que está nos Céus!"
A vontade de Deus é que nos amemos uns aos outros, conforme ensinava o Mestre, o que significa que o amor é o alimento das almas. E, quanto mais se aproxima o Espírito da perfeição, superando os liames da matéria, maior a sua capacidade de amar, nutrindo-se de amor, em planos onde inexistem as necessidades biológicas, em corpos de densa matéria.
Considerando que somos Espíritos encarnados, obviamente necessitamos de dois tipos de alimento:
Para o corpo, exercitando a heterotrofia...
Para a alma, exercitando o amor.
Quanto a este último, há um detalhe marcante. Para alimentar a alma, não vale o amor que recebemos. Este apenas alimenta o ego. Só vale o amor que damos, exercitando o empenho de fazer ao próximo o bem que gostaríamos nos fosse feito, como ensinava Jesus.
Assim como é preciso alimentar o corpo, diariamente, é fundamental atender a alma. Pessoas que não o fazem, são subnutridas espiritualmente, habilitando-se a tristezas e angústias, em crônica infelicidade, a anemia da alma.

Por falar nisso, leitor amigo, você já alimentou sua alma hoje?


Richard Simonetti
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 02 de Novembro de 2010, 08:23
                                                 VIVA JESUS!

       Bom-dia! queridos irmãos.


              " Em verdade, há muitos trabalhadores no mundo que merecem a benção do Céu pelo bem que proporcionam ao corpo e à mente das criaturas, mas aquele que educa o espírito eterno, ensinando e servindo, paira acima de todos. "

( do livro: Jesus no Lar, Chico Xavier/Neio Lucio )


                                   PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 02 de Novembro de 2010, 21:01
Boa tarde, queridos amigos



Carta de Deus



Tu és um ser humano, és o Meu milagre.

E és forte, capaz, inteligente, e cheio de dons e talentos.

Conta teus dons e talentos. Entusiasma-te com eles.

Reconhece-te.

Aceita-te.

Anima-te.

E pensa que desde este momento podes mudar tua vida para o bem, se assim te propões e se te enches de entusiasmo.

Tu és minha criação maior. És meu milagre.

Não temas começar uma nova vida.

Não te lamentes nunca.

Não te queixes.

Não te atormentes.

Não te deprimas.

Como podes temer se és meu milagre?

Estás dotado de poderes desconhecidos para outras criaturas do Universo.

És ÚNICO.

Ninguém é igual a ti.

Só em ti está aceitar o caminho da felicidade e enfrentá-lo seguindo sempre adiante.

Até o fim.

Simplesmente porque és livre.

Em ti está o poder de não amarrar-te às coisas.

As coisas não fazem a felicidade.

Te fiz perfeito para que aproveitasses tua capacidade, e não para que te destruísses com teus enganos do mundo.

Te dei o poder de PENSAR.

Te dei o poder de AMAR.

Te dei o poder de IMAGINAR.

Te dei o poder de CRIAR.

Te dei o poder de PLANEJAR.

Te dei o poder de REZAR.

E te situei o poder dos anjos quando te dei o poder da escolha.

Te dei o domínio de escolher o teu próprio destino usando tua vontade.

O que tens feito destas tremendas forças que te dei ?

Não importa ! De hoje em diante esqueça o teu passado, usando sabiamente este poder de escolha.

Opta por SORRIR em lugar de chorar.

Opta por CRIAR em lugar de destruir.

Opta por DOAR em lugar de roubar.

Opta por ATUAR em lugar de adiar.

Opta por CRESCER em lugar de consumir-te.

Opta por BENDIZER em lugar de blasfemar.

Opta por VIVER em lugar de morrer.

E aprende a sentir a Minha presença em cada ato de sua vida.

Cresça a cada dia um pouco mais no otimismo e na esperança!

Deixa para trás os medos e os sentimentos de derrota.

Eu estou ao teu lado. Sempre.

Chama-me.

Busca-me.

Lembra-te de mim.

Vivo em ti desde sempre e sempre te estou esperando para amar-te.

Se hás de vir até Mim algum dia.. que seja hoje, neste momento!

Cada instante que vivas sem Mim, é um instante infinito que perdes de Paz.

Procura tornar-te criança... simples, generoso doador, com capacidade de extasiar-te e capacidade para comover-te ante à maravilha de sentir-te humano.

Porque podes conhecer Meu amor, podes sentir uma lágrima, podes compreender uma dor.

Não te esqueças de que és Meu milagre.

Que te quero feliz, com misericórdia, com piedade, para que este mundo em que transitas possa acostumar-se a sorrir, sempre que tu aprendas a sorrir.

E se és Meu milagre, então usa os teus dons e muda o teu meio ambiente, contagiando esperança e otimismo sem temor porque...

EU ESTOU AO TEU LADO !

DEUS.


Autor desconhecido
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Rose FRA em 02 de Novembro de 2010, 21:21
Amigos de jornada e de Forum, temos um       "Um único caminho"

"ninguém pode construir em teu luga as pontes que precisarás passar,
para atravessar o rio da vida - ninguém, exceto tu, só tu!!

Existem por certo, atalhos sem número, e pontes, e smideuses que se oferecerao para levar-te além do rio,
mas isso te custaria a tua própria pessoa, tu te hipotecarias e te perderias.

Existe no mundo um único caminho por onde só tu podes passar.
Onde leva??  Nao perguntes, segue-o!"
Nietzsche

Abracos fraternos,
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 03 de Novembro de 2010, 11:14
O Que Mais Aborrece


Precisamos saber ouvir as verdades que nos contrariam.
Não procuremos nos outros apenas a confirmação de nossas opiniões.
Se algo perguntamos a alguém, não nos magoemos com a resposta.
O que carecemos ouvir é, sem dúvida, o que mais nos aborrece.
Em matéria de verdade sobre nós mesmos, os nossos adversários são os que nos prestam maiores beneficios.
Os amigos nos vêem com os complacentes olhos da bondade.
O que muitos falam de nós é a voz da nossa própria consciência ecoando em lábios alheios.
Não desprezemos a crítica de todo.
Da peçonha da cobra é que se faz o soro contra sua picada.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 03 de Novembro de 2010, 11:18
Amigos..Sejam bem-vindos..Que a paz esteja em seus corações..Sintam-se acolhidos..Em família..Sua presença deixa este espaço mais alegre e bonito..Estão convidados a trazerem suas mensagens dentro do tema..Recebam nosso afetuoso abraço!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 03 de Novembro de 2010, 17:15
Olá amigos


Ser Feliz (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS93YXRjaD92PUplTEZfVmp3S3FBIw==)


Mensagem de Luz (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS93YXRjaD92PVdubThKUWJLbDI4Iw==)

ALEGRIA - Mensagens Espíritas (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS93YXRjaD92PW51d2xSc1FzTGljIw==)

paz e luz
belina


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 04 de Novembro de 2010, 12:09
No retoque da palavra


Seja onde for, não afirme:

– “Detesto esse lugar!”
Cada criatura vive na terra dos seus credores.
Ouvindo a frase infeliz, não grite:

- “É um desaforo!”
Invigilância alheia pede a nossa vigilância maior.
Atravessando a madureza, não se lamente:

- “Já estou cansado”.
Sintoma de exaustão, vontade enferma.
Sentindo a mocidade, não assevere:

– “Preciso gozar a vida!”
Romagem terrestre não é excursão turística.
À frente do amigo endividado, não ameace:

– “Hoje ou nunca!”
Agora alguém se compromete, amanhã seremos nós.
Ao companheiro menos categorizado, não ordene:

– “Faça isso!”
Indelicadeza no trabalho, ditadura ridícula.
Perante o doente, não exclame:

– “Pobre coitado!”
Compaixão desatenta, crueldade indireta.
Ao vizinho faltoso, nunca diga:

“Dispenso-lhe a amizade.”
Todos somos interdependentes.
Sob o clima da provação, não se queixe:

– “Não suporto mais!”
O fardo do espírito gravita na órbita das suas forças.
No cumprimento do dever, não clame:

– “Estou sozinho.”
Ninguém vive desamparado.
Colhido pelo desapontamento, não reclame:

– “Que azar!”
A Lei Divina não chancela imprevistos.
À face do ideal, não se lastime:

– “Ninguém me ajuda.”
No Espiritismo temos responsabilidade pessoal com o Cristo.


: André Luiz/Frâncico Cândido Xavier.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 04 de Novembro de 2010, 12:11
 :) ;)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 04 de Novembro de 2010, 21:31
Citações de Tratamento


Evite menosprezar-se.

Você é uma criação de Deus.

Terá deficiências, é claro, mas é justo observar

que todos nos achamos no caminho do progresso.

Dificuldade é medida de avaliação dos nossos recursos.

Dor é sublimação.

Erro é experiência.

Recorde a sua originalidade.

Ninguém possui idéias totalmente iguais às suas.

Sua voz e suas mãos são únicas.

As marcas de sua presença destacam-se inconfundíveis.

Aceite-se, desse modo, tal qual é, procurando melhorar-se.

Trabalhe, quanto se lhe faça possível, no bem geral,

reconhecendo que se os outros precisam de você,

também você necessita dos outros.

Guarde consciência tranqüila,

vivendo a existência que Deus lhe concedeu.

E lembre-se: cada qual de nós,

até que se integre na Grandeza Suprema, é uma

obra-prima de inteligência em processo de habilitação

na oficina da vida, a caminho da Perfeição.

André Luiz/Frâncico Cândido Xavier.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 04 de Novembro de 2010, 22:50
                                                    OTIMISMO

   Não espere que a melhoria, prosperidade ou bem estar caiam do céu milagrosamente sem fazer força.
   Tudo tem o preço da conquista, da busca, da participação, do esforço.
   Aproveite as horas e os dias, planeje, faça o seu futuro, persista nos bons projetos. A vida deixa para trás o inerte, o incapaz, o medroso.
   Capacidade é feita para usar. Use a sua força de vontade, confie em si, aja, trabalhe decididamente. Vá em frente. Não dê ouvidos aos derrotistas e a vitória será sua.
   Deus sorri para os que usam os talentos que têm.

 :-* :-* :-*
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 04 de Novembro de 2010, 23:21
Para meditar


De Joana de Ângelis- Vida Feliz




Cuidado com as fantasias morais negativas que afetam as áreas do sexo, da emoção, que se perverte.


Elas se enraizam nas telas mentais, e criam dependências aflitivas que se convertem em tormentos e desiquilíbrios.


O que cultives pela imaginação pode tornar-se anjo de auxílio, se nobre, ou fantasma, quando vulgar.


Há condutas morais graves no campo físico, sob o açodar das paisagens mentais alucinantes.


Pensa e age com harmonia.


Cultiva as ideias edificantes e te sentirás ditoso.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: **SOL** em 04 de Novembro de 2010, 23:57
Parabéns lindo esse tópico...é simplesmente maravilhoso.
   muita luz e paz
  *Sol*
Aprendi e decidi

E assim, depois de muito esperar, num dia como outro qualquer, decidi triunfar...
Decidi não esperar as oportunidades e sim, eu mesmo buscá-las.
Decidi ver cada problema como uma oportunidade de encontrar uma solução.
Decidi ver cada deserto como uma possibilidade de encontrar um oásis.
Decidi ver cada noite como um mistério a resolver.
Decidi ver cada dia como uma nova oportunidade de ser feliz.
Naquele dia descobri que meu único rival não era mais que minhas próprias limitações e que enfrentá-las era a única e melhor forma de as superar.
Naquele dia, descobri que eu não era o melhor e que talvez eu nunca tivesse sido.
Deixei de me importar com quem ganha ou perde.
Agora me importa simplesmente saber melhor o que fazer.
Aprendi que o difícil não é chegar lá em cima, e sim deixar de subir.
Aprendi que o melhor triunfo é poder chamar alguém de"amigo".
Descobri que o amor é mais que um simples estado de enamoramento, "o amor é uma filosofia de vida".
Naquele dia, deixei de ser um reflexo dos meus escassos triunfos passados e passei a ser uma tênue luz no presente.
Aprendi que de nada serve ser luz se não iluminar o caminho dos demais.
Naquele dia, decidi trocar tantas coisas...
Naquele dia, aprendi que os sonhos existem para tornar-se realidade.
E desde aquele dia já não durmo para descansar...
Simplesmente durmo para sonhar.



DIAS ILUMINADOS!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 05 de Novembro de 2010, 00:36
Amigga Sol....Seja bem-vinda querida...Ficamos imensamente felizes ao recebermos sua visita e sua valiosa contribuição enriquecendo ainda mais este espaço dedicado a terapia para alma..Convidamos a amga para fazer parte conosco nesta tarefa maravilhosa que amamos..Volte sempre..Será sempre bemvinda..Receba nosso afetuoso abraço!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 05 de Novembro de 2010, 10:03
CALMA

Ante qualquer problema,
Busca manter a calma.

A irritação complica
A luta em que te vês.

A revolta na dor
É fator agravante.

Na provação que sofres,
Blasfemar não resolve.

Quanto mais rude o golpe,
Mais calma deves ter.

Serenidade é luz
Que afasta toda treva.

IRMÃO JOSÉ/Carlos A. Baccelli
Do livro “PÃO DA ALMA” –
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 05 de Novembro de 2010, 10:09
Amiga Marly Pacheco..Gostaria de parabenizá-la pela dedicação completa que a mesma vem demostrando aqui com todos nós que já agurdamos uma mensagem sua..Sei que mesmo com todos suas obrigações e ocupações diárias..Ainda encontra um tempo para aqui se dedicar de coração..O bem agradece querida por seu bondoso coração..Desejamos que fique sempre aqui conosco..Sua presença e sua valiosa colaboração é fundamental pra todos nós que lhe amamos!!Abraços cheios de amor e carinho!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: **SOL** em 05 de Novembro de 2010, 10:59
[link=http://www.recados-animados.com](http://www.recado-virtual.com/recados/obrigado/00093.gif)
[/link]

Mais recados? http://www.recados-animados.com
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 05 de Novembro de 2010, 13:27
O Que Mais Aborrece


Precisamos saber ouvir as verdades que nos contrariam.
Não procuremos nos outros apenas a confirmação de nossas opiniões.
Se algo perguntamos a alguém, não nos magoemos com a resposta.
O que carecemos ouvir é, sem dúvida, o que mais nos aborrece.
Em matéria de verdade sobre nós mesmos, os nossos adversários são os que nos prestam maiores beneficios.
Os amigos nos vêem com os complacentes olhos da bondade.
O que muitos falam de nós é a voz da nossa própria consciência ecoando em lábios alheios.
Não desprezemos a crítica de todo.
Da peçonha da cobra é que se faz o soro contra sua picada.

gostei..
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 05 de Novembro de 2010, 17:55
Boa tarde, queridos amigos!


Linda Mensagem de reflexão Chico Xavier (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS93YXRjaD92PVRvVE5nd1JvUk9vJmFtcDtmZWF0dXJlPXJlbGF0ZWQj)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 05 de Novembro de 2010, 18:02
 :) ;)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Denize Moreira em 05 de Novembro de 2010, 23:13
(http://1.bp.blogspot.com/_2KsOEO2i5DI/S-DcR43vIgI/AAAAAAAABbo/CzOnypg9Zto/s1600/Imagem10.jpg)

           
                         
            O silêncio da alma


           Lembre-se: os silêncios mantêm os segredos, portanto, o som mais doce é o som do silêncio. Essa é a canção da alma.
Alguns escutam o silêncio na oração, outros cantam a canção em seu trabalho, alguns
procuram os segredos na contemplação tranqüila. Quando se alcança a maestria, os sons do mundo se apagam, as distrações se aquietam.
Toda a vida se transforma em meditação.
Tudo na vida é uma meditação na qual se pode contemplar o Divino e vivendo dessa forma,
aprendemos que tudo na vida é bênção. Já não há luta, nem dor, nem preocupação.
Só há experiência.
Respira em cada flor, voa com cada pássaro, encontra beleza e sabedoria em tudo, já que a sabedoria está em todos os lugares onde se forma a beleza.
E a beleza se forma em todas as partes, não há que procurá-la, porque ela virá a ti. Quando ages nesse estado, transformas tudo o que fazes numa meditação e assim, num dom, num oferecimento de ti para tua alma e de tua alma para o Todo.
Ao lavar os pratos desfruta do calor da água que acaricia tuas mãos.
Ao preparar a ceia sinta o amor do universo que te trouxe esse alimento e, como um presente
teu ao preparar essa comida, derrama nela todo o amor de teu ser.
Ao respirar, respira longa e profundamente, respira lenta e suavemente, respira a suave
e doce simplicidade da vida, tão plena de energia, tão plena de amor.
É amor de Deus o que estás respirando....
Respira profundamente e poderás senti-lo.
Respira muito, muito profundamente e o amor te fará chorar.......... de alegria.
Porque conheceste teu Deus e teu Deus te presenteou com tua alma.
Faz da tua vida e de todos os acontecimentos uma meditação.
Caminha na vigília, não adormecido.
Sempre és Um com Deus, sempre és bem-vindo à casa.
Porque teu lar é Meu coração e o Meu é o teu.

Autor: Neale Donald Walsch
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Denize Moreira em 06 de Novembro de 2010, 00:19


                Orai e confiai, disse o Cristo.
Deus jamais deixa fardo pesado em ombros frágeis.
Acredite em tuas forças, o amanhã sempre será renovado se cultivares a esperança em tua alma. Fica na paz do Cristo.

               (http://4.bp.blogspot.com/_2KsOEO2i5DI/S-tcO15_2pI/AAAAAAAABcI/YgugwTbu3CA/s400/14.jpg)

           (http://[url]http://2.bp.blogspot.com/_2KsOEO2i5DI/S-tcW3UF_bI/AAAAAAAABcQ/XMVc_oQkfJQ/s400/13.jpg[/url])


        (http://3.bp.blogspot.com/_2KsOEO2i5DI/S-tceEkVBQI/AAAAAAAABcY/hIE_9EyOMj8/s400/12.jpg)

(http://1.bp.blogspot.com/_2KsOEO2i5DI/S-tcnF5z-TI/AAAAAAAABcg/paVAZQ-IcjM/s400/11.jpg)

(http://4.bp.blogspot.com/_2KsOEO2i5DI/S-tcvX8pPmI/AAAAAAAABco/8r1kaCzqziA/s400/6.jpg)

(http://2.bp.blogspot.com/_2KsOEO2i5DI/S-tc9iRmDFI/AAAAAAAABcw/TTe3kSmBnHE/s400/5.jpg)

(http://2.bp.blogspot.com/_2KsOEO2i5DI/S-tdFDNgmmI/AAAAAAAABc4/dyxWRXeS_BQ/s400/4.jpg)

(http://1.bp.blogspot.com/_2KsOEO2i5DI/S-tdLgGx9FI/AAAAAAAABdA/bClcJtqkTdQ/s400/3.jpg)

(http://1.bp.blogspot.com/_2KsOEO2i5DI/S-tdTb5KqGI/AAAAAAAABdI/zrq32iMnUs4/s400/2.jpg)

(http://1.bp.blogspot.com/_2KsOEO2i5DI/S-tdasG97jI/AAAAAAAABdQ/VHGRyLMOOSM/s400/1.jpg)



                        PAZ e LUZ












Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 06 de Novembro de 2010, 16:02

O Consolo - Reflexão (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS93YXRjaD92PXFjOTBQbWM5UC1jIw==)


O Exemplo - Reflexão (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS93YXRjaD92PVZGY1pyeWtGQWlzIw==)


Para o resto de nossas vidas - Reflexão (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS93YXRjaD92PWRXZWpKSkVaSHY4Iw==)

paz e luz
belina
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 06 de Novembro de 2010, 20:08
"Ação da Amizade"

"A amizade é o sentimento que imanta as almas unas às outras, gerando alegria e bem-estar.

A amizade é suave expressão do ser humano que necessita intercambiar as forças da emoção sob os estímulos do entendimento fraternal.

Inspiradora de coragem e de abnegação. a amizade enfloresce as almas, abençoando-as com resistências para as lutas.

Há, no mundo moderno, muita falta de amizade!

O egoísmo afasta as pessoas e as isola.

A amizade as aproxima e irmana.

O medo agride as almas e infelicita.

A amizade apazigua e alegra os indivíduos.

A desconfiança desarmoniza as vidas e a amizade equilibra as mentes, dulcificando os corações.

Na área dos amores de profundidade, a presença da amizade é fundamental.

Ela nasce de uma expressão de simpatia, e firma-se com as raízes do afeto seguro, fincadas nas terras da alma.

Quando outras emoções se estiolam no vaivém dos choques, a amizade perdura, companheira devotada dos homens que se estimam.

Se a amizade fugisse da Terra, a vida espiritual dos seres se esfacelaria.

Ela é meiga e paciente, vigilante e ativa.

Discreta, apaga-se, para que brilhe aquele a quem se afeiçoa.

Sustenta na fraqueza e liberta nos momentos de dor.

A amizade é fácil de ser vitalizada.

Cultivá-la, constitui um dever de todo aquele que pensa e aspira, porquanto, ninguém logra êxito, se avança com aridez na alam ou indiferente ao elevo da sua fluidez.

Quando os impulsos sexuais do amor, nos nubentes, passam, a amizade fica.

Quando a desilusão apaga o fogo dos desejos nos grandes romances, se existe amizade, não se rompem os liames da união.

A amizade de Jesus pelos discípulos e pelas multidões dá-nos, até hoje, a dimensão do que é o amor na sua essência mais pura, demonstrando que ela é o passo inicial para essa conquista superior que é meta de todas as vidas e mandamento maior da Lei Divina. "

* * *

Franco, Divaldo Pereira. Da obra: Momentos de Esperança.
Ditado pelo Espírito Joanna de Ângelis.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 06 de Novembro de 2010, 23:22
ONSERVA A CALMA

Quando estamos aflitos, com o coração pesado, a oração,
remédio divino,nos confortará, renovando-nos o ânimo.
Quando estamos inquietos, atingidos em nosso íntimo
por preocupações quenão podemos externar, a oração
é o diálogo secreto entre o nosso coração e Deus.
nos momento de prece, quando suplicamos, humildes,
Jesus se torna a ponte através do Cristo da qual
Deus nos escuta e atende.A promessa eterna
do Cristo nos anima e conforta. ora, no segredo
do teu coração. Confiante, revela ao
Pai a tua dor, mostra-lhe a face inundada
de lágrimas e, se a tua súplica é sincera, Jesus,
o Divino Amigo, secar-te-á aslágrimas. Confia N'Ele.
Não existe noite tão longa que não seja desfeita
pela madrugada; não existe amargura tão intensa
que a doçura do Cristo não modifique.
Nenhuma chaga ou ferida permanecerá aberta,
se nela colocarmos o bálsamo da oração.
Conserva a calma, orando. Entrega-te confiante
à sabedoria e ao amor dos Bons Espíritos.
O momento amargo passará,
a noite escura findará, o pranto
de dor secará, se, confiante, pedires aJesus por ti
e pelo que te aflige.
Nada necessitas prometer ou pedir que
Ele já não saiba. persevera orando e pela ação
contínua da prece benfazeja
modificarás o quadro atormentado das
tuas presentes aflições.
Nada é permanente, só o Cristo é Eterno.
Confia N'Ele.

Vera Lúcia Cohim, pelo Espírito de Amélia
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Rose FRA em 07 de Novembro de 2010, 11:06
Amigos, Companheiros de jornada....

aqui vai um pps que me ajudou a ver e entender que necessitamos nos valorizar, ensinando os nossos filhos também.

Nunca é tarde para comecar a nos amar e nos valorizar.

Abracos fraternos,
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 07 de Novembro de 2010, 11:59
Amigos deste espaço de LUZ, meu bom dia a todos e muito obrigada pelas belas postagens que trazem conforto e esperança em nossas vidas!

Muita paz!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Rose FRA em 07 de Novembro de 2010, 12:27
Amigos e companheiros de Forum, de jornada de encarnacao....

aqui vai um pps que nos leva a nos redimir, agradecer a Deus e ao Nosso Mestre Jesus pelo que somos e onde estamos......

Obrigada ohhhh Pai Celeste.

Compartilho esse pps com muito Amor e carinho com voces....

Abracos fraternos,
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 07 de Novembro de 2010, 20:18
    Espera e ama sempre

Quanta aflição desaparecerá no nascedouro, se souberes sofrer em silêncio! Quanta amargura esquecida, se desculpares o fel!
Rogas a paz do Senhor, mas o Senhor igualmente espera por teu concurso na paz dos outros.Reflete nas necessidades de teu irmão, antes de lhe apreciares o gesto impensado. Em muitas ocasiões, a agressividade com que te fere é apenas angústia e a palavra ríspida com que te retribui o carinho são tão somente a chaga do coração envenenando-lhe a boca.
Auxilia mil vezes, antes de reprovar uma só.
Os charcos emitem correntes enfermiças por não haver encontrado mãos que o secassem e o deserto provoca sede e sofrimento por não ter recebido o orvalho da fonte.
Deixa que a piedade se transforme no teu coração em socorro mudo, para que a dor esmoreça.
Não estendas a fogueira do mal com o lenho seco da irritação e do ódio!
Espera e ama sempre!
Em silêncio, a árvore podada multiplica os próprios frutos e o céu assaltado pela sombra noturna descerra a glória dos astros!…

Lembra-te do Cristo, o Amigo silencioso.
Sem reivindicações e sem ruído, escreveu os poemas imortais do perdão e do amor, da esperança e da alegria no coração da Terra.
Busquemos NELE o nosso exemplo na luta diária e, tolerando e ajudando hoje, na estreita existência humana, recolheremos amanhã as bênçãos da luz silenciosa que nos descerrará os caminhos da Vida Eterna.

 Pelo Espírito Meimei – do Livro Ideal Espírita – Psicografia de Francisco Cândido Xavier – Espíritos Diversos.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 08 de Novembro de 2010, 01:06
 Seja Feliz

 
Eis uma ordem preciosa: seja feliz!
Quantas vezes dizemos isso uns aos outros, desejando, intensamente, que se torne realidade?
Em verdade, cada um de nós deveria ter como meta, em sua vida, ser feliz.
Quase sempre, criamos infelicidade para nós mesmos, através de nossas atitudes.
E, no entanto, nunca se falou tanto, como na atualidade, em ser feliz, em conquistar valores positivos.
 Parece ser a tônica do momento.
Parece que as pessoas estão descobrindo o propósito da Divindade para conosco.
O mundo não é um local onde nascemos para sofrer, embora o sofrimento possa fazer parte de nossas vidas.
Não é um local onde viemos somente para nos esfalfarmos em conquistas materiais, mesmo que necessitemos trabalhar para nos sustentarmos, para adquirirmos certo conforto.
O importante é se ter a certeza que podemos melhorar muito nossa qualidade de vida, se desejarmos.
Vejamos algumas dicas.
Não se preocupe, em demasia. Quem se estressa o tempo todo, pode desencadear problemas cardíacos. E não consegue ver o lado bom das coisas.
Concentre-se e termine. Isto é, faça uma coisa de cada vez. Termine uma tarefa e depois passe para a seguinte.
Não queira fazer muitas coisas ao mesmo tempo.
O Mestre de Nazaré, há mais de dois milênios, prescreveu que a cada dia bastam as suas próprias preocupações.
Mande a raiva embora. Ela faz as artérias se contraírem, a taxa de batimentos cardíacos disparar e deixa o sangue mais grosso e fácil de coagular.
Quando tiver que enfrentar alguma situação exasperante, conte até dez. Isso faz o cérebro passar da emoção para o pensamento racional.
Respire fundo. Pense e não reaja.
A Sabedoria Nazarena prescrevia que perdoássemos aos nossos inimigos.
Cuide do lado espiritual. Você pode participar de determinada religião, exercitar a sua fé. Ou pode meditar, passar algum tempo sozinho, prestar serviços a uma boa causa.
Lecionava Jesus: Amai o vosso próximo como a vós mesmos.
Controle as imagens do cérebro. Não exagere nas observações e não alimente ideias negativas.
Não alimente a sua carga emocional com pensamentos como: Esse emprego vai me matar.
Sorria. Ria. Ouça música alegre. Isso relaxa os vasos sanguíneos e aumenta o fluxo do sangue. Seu corpo se sentirá melhor.
Recomendava o Nazareno: Alegrai-vos...
Alimente a sua mente com coisas positivas. Escolha leituras que lhe façam bem, que o motivem à serenidade, a reflexões altruístas.
Sábio foi o Mestre Jesus nos conclamando a que tivéssemos vida e vida em abundância. Isto quer dizer, qualidade de vida, que contempla o espiritual, o emocional, o físico.
Pensemos nisso e alteremos nossa forma de nos conduzir nesta Terra. Em pouco tempo, sentir-nos-emos mais leves, felizes, tudo olhando com as lentes positivas de quem está disposto a contribuir para a paz do mundo que, sempre, começa na nossa própria intimidade.


 Tenham todos uma semana abençoada.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 08 de Novembro de 2010, 11:22
Transformação profunda é mais do que a mudança de circunstância da vida. Ela se realiza em nosso coração e em nossa alma. É um despertar do sono da inconsciência. Para isso não é necessário mudar de lugar. Precisa-se apenas estar aberto para que possa ocorrer. Quando seguimos o fluxo da energia e da força vital, a transformação acontece como que por si mesma. No entanto, não há receita de como fazer para se abrir. Não é uma resolução do racional. A transformação pode ser iniciada por um acontecimento externo, mas, fundamentalmente, ela se concretiza na consciência.

A verdadeira mudança vem de dentro. Quando permitimos à energia fluir livremente através de nós, ela pode dissolver velhos hábitos de pensamento, bloqueios e obstáculos. De repente, um dia se foram.
No entanto, a energia não se rege pelo nosso tempo linear. Principalmente não, quando queremos algo com muita urgência. Pode levar três dias, muitos anos ou várias vidas para que determinado padrão se dissolva

Nada para o que eu ainda não esteja realmente preparada se manifestará. Disposição e dedicação interior, o momento certo(num sentido universal) e o recurso certo formam o ponto de corte que possibilita a cura plena.
Quando tudo se ajusta, são liberadas energias explosivas. Estes são os momentos em que ocorrem curas milagrosas ou a iluminação.

Não é agindo de forma diferente que nos modificamos. Mudamos, quando nos entregamos totalmente às nossas experiências, participando conscientemente de tudo o que a vida nos revela.

(Richard Moss)
Do livro: Reiki, A Energia Vital - Passos para a Liberdade. Ed. Eko. Brigitte Ziegler.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 08 de Novembro de 2010, 11:25
Bom dia queridos amigos e irmãos..Sejam bem-vindos..Que a paz esteja em seus corações...Sua presenã é como as flores..Alegrando e perfumando nossas vidas e este espçao que é de vocês..
Desejamos a todos uma ótima semana repleta de felicidades e muito amor...

Saõ os sinceros votos de:

(Lima-Gil..Belina...Cris Santana..dOM Jorge...Dothy...EmBuscaDa Luz....Lourdilena..Katiatog...Marly pacheco...Mary Helem..Rose Pedersoli-Fuhrmann...Sol
Sonia Andrade...)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 08 de Novembro de 2010, 11:47
Amigas Dothy e Pacheco, que lindas postagens vcs fizeram!!! Preciosos ensinamentos a serem seguidos por nós...

Tenham todos um dia repleto de muita paz e luz, com as bênçãos de Jesus!!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 08 de Novembro de 2010, 11:51
Amiga EmBuscaDaLuz...Agradeço-te querida por sua presença constante aqui conosco..Desejo-te também muita paz em mais uma semana que inica..Bjs e abraços cheios de luz!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 09 de Novembro de 2010, 00:28
Amiga em busca de luz, que a luz que eu vejo em seus olhos iluminem sempre este cantinho precioso para todas nós.

*****************************************************************************************************

A ALMA DO MUNDO
(Chico Xavier)
   
  Quando você conseguir superar graves problemas de relacionamentos, não se detenha na lembrança dos momentos difíceis, mas na alegria de haver atravessado mais essa
prova em sua vida.

Quando sair de um longo tratamento de saúde, não pense no sofrimento que foi necessário enfrentar, mas na benção de Deus que
permitiu a cura.

Leve na sua memória, para o resto da vida, as coisas boas que surgiram nas dificuldades.
Elas serão uma prova de sua capacidade, e lhe darão confiança diante de qualquer obstáculo.

Uns queriam um emprego melhor;
outros, só um emprego.
Uns queriam uma refeição mais farta;
outros, só uma refeição.
Uns queriam uma vida mais amena;
outros, apenas viver.
Uns queriam pais mais esclarecidos;
outros, ter pais.

Uns queriam ter olhos claros; outros, enxergar.
Uns queriam ter voz bonita; outros, falar.
Uns queriam silêncio; outros, ouvir.
Uns queriam sapato novo; outros, ter pés.

Uns queriam um carro; outros, andar.
Uns queriam o supérfluo;
outros, apenas o necessário.
Há dois tipos de sabedoria:
a inferior e a superior.

A sabedoria inferior é dada pelo quanto uma pessoa sabe e a superior é dada pelo quanto ela tem consciência de que não sabe.
Tenha a sabedoria superior. Seja um eterno aprendiz na escola da vida.

A sabedoria superior tolera, a inferior julga;
a superior alivia, a inferior culpa;
a superior perdoa, a inferior condena.
Tem coisas que o coração só fala para quem sabe escutar!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 09 de Novembro de 2010, 00:47
UM MIMO A TODOS OS MEUS AMIGOS DESTE CANTINHO ESPECIAL PARA TODOS NÓS.

COMO DEUS CRIOU O AMIGO


Deus na sua extrema sabedoria
observando o homem,
percebeu que ele além da esposa,
dos pais e dos filhos,
precisava de mais alguém
para completar a sua felicidade
e então Ele resolveu
criar alguém muito especial.

E para isso Ele resolveu juntar algumas boas qualidades
para formar esta pessoa muito especial.

Ele juntou a paciência, a compreensão,
o carinho, e o amor
que são típicos da mãe.

Colocou um pouco de determinação,
de força, de decisão, tirados do pai.

E percebendo que ainda faltava alguma coisa, misturou a tudo isso a pureza, a espontaneidade, a alegria, a irreverência e a sinceridade das crianças.

Para dar o retoque final, Ele acrescentou a paciência, e a moderação dos avós.

Disso tudo surgiu um alguém muito especial, importante e fundamental na vida de todos nós.

E de toda essa mistura de boas qualidades
e de tudo que é bom, surgiu

O    AMIGO
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 09 de Novembro de 2010, 01:14
Boa noite, queridos amigos!


 

A ARMA  INFALÍVEL


       

Certo dia, um homem revoltado criou um poderoso e longo pensamento de ódio, colocou-o numa carta rude e malcriada e mandou-o para o chefe da oficina de que fora despedido.

      O pensamento foi vazado em forma de ameaças cruéis.

E quando o diretor do serviço deu as frases ingratas que o expressava, acolheu-o, desprevenidamente, no próprio coração, e tornou-se furioso sem saber porque. Encontrou, quase de imediato, o subchefe da oficina e, a pretexto de enxergar uma pequena peça quebrada, desfechou sobre ele a bomba mental que trazia consigo.

      Foi a vez do subchefe tornar-se neurastênico, sem dar o motivo. Abrigou a projeção maléfica no sentimento, permaneceu amuado várias horas e, no instante do almoço, ao invés de alimentar-se, descarregou na esposa o perigoso dardo intangível.

Tão-só por ver um sapato imperfeitamente engraxado, proferiu dezenas de palavras feias; sentiu-se aliviado e a mulher passou a asilar no peito a odienta vibração, em forma de cólera inexplicável. Repentinamente transtornada pelo raio que a feriara e que, até ali, ninguém soubera remover, encaminhou-se para a empregada que se incumbia do serviço de calçados e desabafou.

Com palavras indesejáveis inoculou-lhe no coração o estilete invisível.

Agora, era uma pobre menina quem detinha o tóxico mental. Não podendo despejá-lo nos pratos e xícaras ao alcance de suas mãos, em vista do enorme débito em dinheiro que seria compelida a aceitar, acercou-se de velho cão, dorminhoco e paciente, e transferiu-lhe o veneno imponderável, num pontapé de largas proporções.

      O animal ganiu e disparou, tocado pela energia mortífera, e, para livrar-se desta, mordeu a primeira pessoa que encontrou na via pública.

      Era senhora de um proprietário vizinho que, ferida na coxa, se enfureceu instantaneamente, possuída pela força maléfica. Em gritaria desesperada, foi conduzida a certa farmácia; entretanto, deu-se pressa em transferir ao enfermeiro que a socorria a vibração amaldiçoada. Crivou-se de xingamentos e esbofeteou-lhe o rosto.

      O rapaz muito prestativo, de calmo que era, converteu-se em fera verdadeira. Revidou os golpes recebidos com observações ásperas e saiu, alucinado, para a residência, onde a velha e devotada mãezinha o esperava para a refeição da tarde. Chegou e descarregou sobre ela toda a ira de que era portador.

      - Estou farto! - bradou a senhora - é culpada dos aborrecimentos que me perseguem!

Não suporto mais esta vida infeliz! Fuja de minha frente ! ...

      Pronunciou terríveis. Blasfemou. Gritou, colérico, qual louco.

      A velhinha, porém, longe de agastar-se, tomou-lhe as mãos e disse-lhe com naturalidade e brandura:

     - Venha cá, meu filho! Você está cansado e doente! Sei a extensão de seus sacrifícios por mim e reconheço que tem razão para lamentar-se.

No entanto, tenhamos bom ânimo!

Lembremo-nos de Jesus! ... Tudo passa na Terra. Não nos esqueçamos do amor que o Mestre nos regou ...

      Abraçou-o, comovida, e afagou-lhe os cabelos!

      O filho demorou-se a contemplar-lhe os olhos serenos e reconheceu que havia no carinho materno tanto perdão e tanto entendimento que começou a chorar, pedindo-lhe desculpas.

      Houve então entre os dois uma explosão de íntimas alegrias. Jantaram felizes e oraram em sinal de reconhecimento a Deus.

      A projeção destrutiva do ódio morrera, afinal, ali, dentro do lar humilde, diante da força infalível e sublime do amor.

 

ANTOLOGIA DA CRIANÇA - Francisco Cândido Xavier  -  Autor: Neio Lúcio
 

 

 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 09 de Novembro de 2010, 11:01
Bom dia, amiga Dothy, obrigada pelo carinho!!!

Que vc continue sempre iluminada, na paz do Cristo...
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 09 de Novembro de 2010, 11:05
Um excelente dia a todos os participantes deste espaço de luz!!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: **SOL** em 09 de Novembro de 2010, 11:31
Bom dia, meus amigos queridos!
Lindas mensagens que nós transmite paz alegria,
para nosso coração...muita luz a todos.

               ALMA

Um reflexo dos sentidos
Guardiã de sentimentos
Doutrina de pensamentos.
Alma
Tudo do real,
Razão da busca
Mistério da vida.
Alma
Algo que se possa sentir
É única
Imortal...
Pertence a Deus
Mas somos nós que administramos
Seus caminhos...
Alma
Segredo de uma personalidade
Um porque sem respostas,
Um mundo misterioso,
Um saber desconhecido.
Alma,
Alma Gêmea
Duas partes formando uma aliança de amor
Alma de um Anjo
Um coração tomado por ternura...
Alma
Simplesmente a luz da vida
Base do mundo
Conteúdo dos sonhos
Luz de Um Corpo...
(autor desconhecido)

[link=http://www.mensagens-online.com](http://www.recado-virtual.com/recados/esperanca/00010.jpg)
[/link]

Mais recados? http://www.mensagens-online.com

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: **SOL** em 09 de Novembro de 2010, 11:34
Muita luz e paz.

[link=http://www.mensagens-online.com](http://www.recado-virtual.com/recados/religioso/00116.gif)
[/link]

Mais recados? http://www.mensagens-online.com
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 10 de Novembro de 2010, 11:03
TRISTEZA


A tristeza é mensageira de sofrimento.
Não te prendas a ela, nem te permitas contaminar pelos seus miasmas.
É certo, que nem todos os dias são claros e ricos de alegria.Há ocasiões em que o sofrimento parece dominar os quadros da tua atividade. No entanto, examinadas as dificuldades e sentidas as dores, faze sol íntimo, afugentando a tristeza da tua mente, a fim de que mais facilmente superes os acontecimentos provacionais.
O culto da tristeza abre campo a várias enfermidades da mente, da emoção e do corpo.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 10 de Novembro de 2010, 11:06
Bom dia queridos amigos e irmãos deste espaço...

                                                                               
                                                                                                          Sejam bem-vindos...Sintam-se em familia...
Estão convidados a trazerem suas mensagens dentro do tema...


                                                                                           Abraços fraterno!!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 10 de Novembro de 2010, 11:14
Querida amiga Sol...Que linda suas mensagens de luz e Sol,assim como você...

                                                                                Continue querida a nos presentear com tuas valiosas contribuições...

Tua presença é muito importante para todos nós...Alegra nossas vidas!!!

                                                                                       Abraços cheios de afeto e carinho!!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 10 de Novembro de 2010, 22:40
ELEVAÇÃO DE PENSAMENTOS

Elevar os pensamentos, hoje em dia, é uma necessidade imperiosa para não nos envolvermos nas baixas vibrações que abundam em torno da terra.
Nossa mente é um dos bens mais precioso que possuímos e preservá-la nos garante êxito na caminhada da evolução.
Proteja a mente com idéias alegres e otimistas.
Preserve a mente com estudos e leituras elevadas.
Conserve a alegria com fé e oração.
Veja o mundo, a humanidade, os parentes e os amigos com o olhar da caridade.
Mais caridade fazemos com os pensamentos do que com os atos.
Pensamento é um poderoso ímã. Pense no bem, o bem virá.
Pense negativamente e o mal acontece.
A mente é a ferramenta do espírito tanto constrói como destrói;
somos responsáveis por nossas criações mentais.
Não reclame.
Não critique.
Não condene.
Não se lembre dos erros alheios, somente dos próprios.

Elogie e abençoe sempre.

Mude seus pensamentos e mudará sua vida
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 11 de Novembro de 2010, 00:50
BOA NOITE AMADOS AMIGOS

NO CULTO DA GENTILEZA

Lembra-te que Deus atende aos homens por intermédio das próprias criaturas e faze da gentileza uma prece constante, através da qual a Celeste Bondade se manifeste.
Muitos recorrem à Providência Divina, entre a revolta e o pessimismo, olvidando a necessidade de compreensão para que o bem se exprima em dons de reconforto, ao redor dos próprios passos, esparzindo a esperança, a fim de que o coração se mantenha preparado, à frente das bênçãos que se propõe a recolher.
Ninguém na Terra é tão bom que possa proclamar-se plenamente liberto do mal e ninguém é tão mau que não possa fazer algum bem nas dificuldades do caminho...
Nos maiores delinqüentes há sempre um filho de Deus, transviado ou adormecido, aguardando o toque do amor de alguém, para tornar à trilha certa.
Sê compassivo e atrairás a bondade!
Sê amigo do próximo e a amizade do próximo virá ao teu encontro.
O carinho fraterno é uma fonte de bênçãos a deslizar no chão duro da rotina ou da indiferença, dessedentando as almas sequiosas que passam.
Realmente, é sempre uma afirmação de fé a nossa rogativa verbal ao Todo Misericordioso e a prece sentida é energizante em nosso próprio espírito, erguendo-nos para os cimos da existência.
O Senhor, no entanto, espera igualmente que nos façamos bons de uns para com os outros, assim como exigimos seja Ele para nós o benfeitor infatigável e incessante.
Não te esqueças de que o Mestre nos espera ao lado das próprias criaturas que caminham conosco, a fim de auxiliar-nos.
Sejamos, devotos da cortesia e da afabilidade, em todos os instantes, para que não aconteça venhamos a dizer, depois da oportunidade perdida: –
– “Efetivamente, o Senhor estava junto de mim, mas, não pude senti-lo”.
Porque, em verdade, pelos fios invisíveis do amor, o Divino Mestre permanece constantemente entrosado à nossa própria vida.


Do Livro “Abrigo”, de Francisco Cândido Xavier, pelo Espírito Emmanuel
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: **SOL** em 11 de Novembro de 2010, 09:46
Bom dia querida amiga Dothy...muito obrigada pelo carinho, pelas lindas palavras.
obrigada por ser esse anjo de luz que, com suas palavras cheia de amor,esperança,
 muita fé,ajudando-nos seguir em frente.

              Muita paz e luz a todos.





[link=http://www.recado-especial.com](http://www.recado-virtual.com/recados/paz/00017.jpg)
[/link]

Mais recados? http://www.recado-especial.com

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 11 de Novembro de 2010, 10:36
Pegadas Luminosas

Se queres ser feliz, Auxilia!!!
Se desejas que te ouçam, Ouça!!!
Se queres ser amado, Ame!!!
Quando descobrires o caminho, e, ao,
indicá-lo fores desacreditado;
crê em ti e segue, pois
algum dia vislumbrarás bem distante
espontar pequenas luzes na estrada.
Assim é a vida!!!
Um longo caminho!!!
Um grande aprendizado!!!
Onde o correto, o verdadeiro por
vezes começa só, mas um dia
perceberá muitos a seguí-lo.
Portanto: Não te afastes de tuas
verdadeiras convicções!!!
Não questiones se fostes ouvido,
seguido ou amado!!!
Esta estrada a ser achada é individual.
É longa, cheia de percalços e para
muitos ainda está bloqueada!!!
Procura afastar as pedras
de teu caminho e se conseguires
afasta também as do teu próximo.
Sem que ele perceba
propicia-lhe um atalho.
Deixa o caminho pronto e segue!!!
Completa a tua Obra
e Crê naqueles que te enviam Luzes.
"Vive de tal forma, que deixes pegadas
luminosas no caminho percorrido,
como estrelas apontando
o rumo da felicidade"

_Joana de Angelis _

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 11 de Novembro de 2010, 10:40
Querida amiga Sol...

Que teus dias sejam uma constante alegria...

Deus nos ofertou todos os dias com pessoas maravilhosas como você!!

Continue na sua caminhada...E se sofrer todos os tipos de provações..Continue assim mesmo!!!

Se Deus é por nós...Quem poderá se contra??

Abraços cheios de afeto e carinho!!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 11 de Novembro de 2010, 10:42
...
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: **SOL** em 11 de Novembro de 2010, 12:38
Bom dia, EmBuscaDaLuz!

[link=http://www.recados-animados.com](http://www.recado-virtual.com/recados/deus/00155.jpg)
[/link]

Mais recados? http://www.recados-animados.com

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 11 de Novembro de 2010, 23:42
                    EDUCANDO A ALMA

1 – CUIDAR DO CORPO, MAS TAMBÉM DA ALMA.
 Nossa preocupação não deve ser apenas a de cuidar bem do corpo material, que é instrumento de manifestação das faculdades da alma na vida terrena, com vistas ao seu aperfeiçoamento moral e espiritual e à evolução do planeta. Deve ser também a de enriquecer a alma com os tesouros imperecíveis, com vistas à vida futura: “Cuida do corpo, preserva a saúde, resguarda-te de tudo o que possa prejudicá-lo e enfraquecê-lo, libertando-te dos vícios que o agridem, e buscando uma vivência saudável para que ele se fortaleça. Contudo, faze o mesmo com a alma, evitando tudo o que também possa prejudicá-la, alimentando-a com bons pensamentos e sentimentos elevados, de amor e de paz”.

2 – MANTER A LIGAÇÃO COM DEUS, ATRAVÉS DO CULTIVO DO AMOR.
 Deus está acima de todas as coisas, por ser o Criador de tudo o que existe. Por isso, Jesus nos ensinou a cumprir o mandamento de amor a Deus, permanecendo ligados a Ele: “Cultiva muito amor dentro de ti, para que sintas a presença de Deus na própria vida, nos pensamentos e sentimentos, em tudo o que fizeres ou disseres”. (...) “Deus é amor: aquele que permanece no amor permanece em Deus e Deus permanece nele”. (João, 4:16).

3 – ALIAR O AMOR À SABEDORIA.
 Apenas a sabedoria não nos livra dos desastres morais. Por isso, ela deve estar aliada ao amor, compondo nossa bagagem espiritual e permitindo-nos que façamos um bom uso do saber, do conhecimento, da vontade e do livre-arbítrio: “Através do esforço próprio e das experiências nas diversas situações que a vida faz o ser humano percorrer, vai formando a sua bagagem espiritual, isto é, vai conquistando, simbolicamente, as duas asas – amor e sabedoria – que haverão de conduzi-lo para Deus”.

4 – EXERCITAR O AMOR.
 O amor deve ser praticado em todas as circunstâncias da vida, exteriorizando nobreza espiritual e moral e aprimorando o uso das faculdades da alma: “Deixe que o amor dirija os teus atos, todas as tuas palavras, todos os teus pensamentos e sentimentos para que a luz irradie de tua alma e testemunhe o teu crescimento interior”.

5 - MELHORAR O MUNDO ÍNTIMO.
 A educação das faculdades intelectuais, morais, mentais, sentimentais, emocionais e sexuais da alma melhora o nosso complexo mundo íntimo e nos leva a praticar o bem de um modo constante: “Concientiza-te da necessidade de melhorar o teu modo de ser, de agir, de pensar e de sentir, a fim de que os teus passos diários te direcionem à prática constante do bem”.
6 - PROMOVER A MELHORA ÍNTIMA, APROVEITANDO AS OPORTUNIDADES QUE SURGEM NO COTIDIANO.
 A melhora incessante do nosso mundo íntimo deve estar pautada no aproveitamento das oportunidades que surgem diariamente para educarmos as faculdades da alma, aumentarmos os conhecimentos, ganharmos experiências valiosas, adquirirmos habilidades e praticarmos as virtudes melhorando o modo de conviver e relacionar com os semelhantes: “Aproveita as oportunidades que surgem em teus caminhos, fazendo-te melhor a cada dia, corrigindo tuas falhas e reconstruindo o teu viver de um modo mais pleno e com mais lucidez”.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 11 de Novembro de 2010, 23:44
7 – BUSCAR A EVOLUÇÃO DA ALMA, MESMO ENFRENTANDO AS TRIBULAÇÕES DA VIDA. As lutas, as provas, os contratempos e as circunstâncias adversas da vida são oportunidades para conquistarmos as virtudes, educarmos as faculdades da alma e exercitarmos a prática do bem, vencendo as imperfeições morais e obtendo a maturidade espiritual: “A evolução do espírito se faz por meio de lutas, de esforço constante, de superação das dificuldades, mas também de aquisição de virtudes, a fim de que se consiga transformar em bem, o que estaria sendo um mal dentro de nós mesmos”. (...) “De cada adversidade da vida, procura tirar alguma lição. De cada dor que te atinge, de cada problema que enfrentas, de cada contrariedade que surge, algo mais procura aprender. De adversidade em adversidade, irás vencendo as tuas imperfeições para poderes adquirir as virtudes de que ainda careces”.

8 - COLOCAR A FRATERNIDADE EM AÇÃO. A prática da fraternidade revela o amor que temos pelos nossos irmãos de jornada evolutiva, cumprindo o mandamento de amor aos semelhantes: “Tens em ti mesmo, através do próprio corpo, todas as condições necessárias para colocar a fraternidade em ação, sempre que surjam situações em que a indulgência e outras formas de caridade, exigirem de ti demonstrações de afeto e do mais puro amor ao próximo”.

9 – CONSTATAR SE OS ENSINAMENTOS DE JESUS JÁ ESTÃO INCORPORADOS NA ALMA E SENDO PRATICADOS. Através da autoanálise, conseguimos saber se já conseguimos incorporar na alma, vivenciar e praticar adequadamente os ensinamentos religiosos e morais de Jesus: “Analisa-te interiormente, ausculta o mais profundo da tua alma para verificar se já despertaste, interiormente, a fim de que consigas realizar em ti aquela mudança necessária pela vivência constante dos grandes e nobres ensinamentos legados por Jesus, o Mestre do Amor”.

10 - SUSTENTAR A CONSCIÊNCIA EM PAZ. A consciência é a maior dádiva de Deus a nós, seus Filhos. Por isso, ela deve ser mantida em paz, pelo cumprimento das Leis de Deus, pela prática do amor, pelo uso da sabedoria e pela realização do bem ao próximo, garantindo-nos a própria evolução e a verdadeira felicidade: “A verdadeira felicidade reside na paz de consciência, por tudo de bem que se consiga realizar na vida, não só em favor do próximo, mas da própria evolução”.

11 - CONSTRUIR A PRÓPRIA FELICIDADE. A felicidade é conquista de cada alma. Ela deve ser atingida pelo cumprimento dos deveres espirituais e morais e pela aceitação da adversidade como oportunidade para a conquista de maior progresso pessoal: “Constrói dentro de ti a felicidade que desejas alcançar, realizando hoje, com alegria, todos os teus deveres de amor e caridade e aceitando, com serenidade, todas as adversidades que surjam em teu viver”.

12 - PERSISTIR NA CONQUISTA DA EDUCAÇÃO DA ALMA. A educação das faculdades da alma é meta que deve ser atingida sem esmorecimento. Assim, beneficiamos a nós mesmos e ao próximo, obtendo a evolução e a vitória na forma de luz espiritual e paz: “Não desanimes jamais. Estuda, trabalha, procurando agir constantemente, não só em benefício de ti mesmo, daquilo que tentas alcançar, mas estende ao próximo um pouco das tuas aquisições, não apenas no campo material, mas, sobretudo, em amor e entendimento que possam apaziguar os corações em desespero”. (...) “Confia em Deus, ampara-te em Jesus, buscando transformar tua vida, num manancial perene de luz e de paz”.

CONCLUSÃO: Eis ai um roteiro espírita para a educação da alma. Seguindo-o, acumulamos os tesouros espirituais e morais, que nos garantem a prosperidade, a vitória, o bem-estar, a saúde, a alegria e a felicidade, tanto na vida terrena, quanto na vida futura.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 12 de Novembro de 2010, 00:11
(http://www.recadodeorkut.com/168/016.gif) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5naWZzZm9mby5jb20=)

 Recados Online disp&otilde;e de diversos recados e mensagens de Jesus! (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5naWZzZm9mby5jb20=)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 12 de Novembro de 2010, 00:13
(http://www.recadodeorkut.com/168/018.gif) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5tZWdhcmVjYWRvcy5jb20=)

 As mais lindas imagens de Jesus; clique aqui! (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5tZWdhcmVjYWRvcy5jb20=)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 12 de Novembro de 2010, 00:15
(http://www.recadodeorkut.com/168/024.jpg) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5wb2VtYXNwYXJhb3JrdXQuY29t)

 Mande um recado de Jesus! como este! (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5wb2VtYXNwYXJhb3JrdXQuY29t)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 12 de Novembro de 2010, 00:17
(http://www.recadodeorkut.com/168/038.jpg) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5naWZzZm9mby5jb20=)

 Confira mais figuras para Jesus (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5naWZzZm9mby5jb20=)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 12 de Novembro de 2010, 00:25
(http://www.recadodeorkut.com/029/036.jpg) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZG9zZXNjcmFwcy5jb20=)

 Confira mais figuras para Mensagens Sagradas (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZG9zZXNjcmFwcy5jb20=)



(http://www.recadodeorkut.com/029/037.jpg) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5naWZzZm9mb3MuY29t)

 Recados de Mensagens Sagradas atualizadas aqui (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5naWZzZm9mb3MuY29t)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 12 de Novembro de 2010, 00:31
ESQUECE O TÉDIO

A vida é muito linda nas circunstâncias ensinadas pelo Evangelho de Jesus.

O Cristo de Deus, como Mestre de todos os mestres que a Terra já conheceu, trouxe para os

homens um punhado de regras superiores, capazes de renovar todas as criaturas comprometidas

com as trevas.

É de observação comum que todos nós saímos facilmente da melancolia.

Entretanto, logo mais voltamos a ela, pelo simples fato de nos libertarmos pela porta errada.

O que nos desperta mais alegria são as coisas inferiores, e essas não permanecem, por não

acrescentarem nada em bases de verdade.

Deves lutar para ficares livre dos desgostos. Todavia, coloca no lugar deles

virtudes que cresçam no clima do Amor. Se estás com tédio, certamente que irradias ondas

de profundo enfado em todas as direções. E, se porventura conversas com alguém, e

esse alguém se alimentar dos teus sentimentos inferiores, serás responsável por essa carga

imprestável que estás distribuindo aos teus semelhantes. Não deves pensar que a vida surgiu

por um acaso. Esse argumento nasce do materialismo, em que a ignorância dirige a inteligência,

pois o coração está gelado no lago dos sentimentos.

A vida é uma engenhosa expressão de Deus que, por enquanto, não pode

ter todos os segredos revelados. Nós não participamos da criação da vida. Ela pertence a

Deus, e cresce sem a nossa participação. A vida é Deus Se expressando em tudo o que existe.

Não obstante, o Senhor nos deu uma co-participação no despertar de nós mesmos, abrindo,

com isso, nosso interesse de trabalhar para o nosso próprio bem e em favor da fraternidade

universal.

Nós somos cheios de segredos e os arcanos vão nos brindo as consciências

com o nosso despertar. Nos princípios do nosso autodomínio, sentimos uma alegria incrível

invadir o coração e um amor universal que a escrita não suporta. É de se notar que os maiores

mestres da humanidade não escreveram nada, por entenderem a ciência do falar na sua

profundidade absoluta. No entanto, as suas falas foram mais fortes que todas as escritas do

mundo, porque escreveram em todas as coisas, pela força do Amor. E ainda mais, deixaram

tudo anotado nas consciências dos homens, em nome de Deus.

Já ouvimos muitos dizerem ter grande interesse na iniciação espiritual, mas

não saberem por onde começar. Na verdade, aquele que quer, sempre acha os meios de se

despertar para a luz e de se libertar das trevas. Podes começar orando, no sentido profundo

da palavra, com recolhimento e humildade, não esquecendo as boas leituras, as meditações e

as conversações com pessoas que já sentiram a luz no coração. Todos conhecem os homens

superiores pela vida que levam e pelo que fazem e falam. Junta-te a eles, que o resto te será

dado por acréscimo de misericórdia. Deus nos coloca sempre nos caminhos que desejamos,

por pensamentos, palavras e atos. Começa o teu dia libertando-te do tédio que embaraça o

teu roteiro, da melancolia a melancolia que estraga a tua vida e a vida dos que te acompanham. Trabalha

dentro do teu coração para incentivar a alegria, vê o sol da manhã ou as estrelas da noite e

terás um símbolo mais perfeito da felicidade. Contempla as flores ou observa uma criança,

que a alegria irá despertar o teu íntimo, na espontaneidade da própria vida.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 12 de Novembro de 2010, 00:35
Querida amiga Belina....

Saudades imensa de ti..

Como e bom entrar aqui e econtrar tuas

mensagens sempre renovadoras e lindas...

Continue sempre assim querida amiga..

Abraços e beijos de paz e luz!!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 12 de Novembro de 2010, 00:46
Querida amiga Marly Pacheco...

Que felicidade poder sempre encontrar-te aqui..

Sempre com lindas e inspiradoras mensagens nos

convidando a nossa mudança interior...

O bem agradece amiga querida..

Beijos e abraços recheados de muito carinho para ti!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 12 de Novembro de 2010, 00:48
Querida amiga EmBuscaDaLuz...

Que bom que retornaste amiga..

Espero que estejas sempre bem e feliz!!!

Agradecemos sua valiosa contribuição com o bem neste

tópico direcionado para nossa melhora interna...

Abraços cheios de paz e luz!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 12 de Novembro de 2010, 04:59
Bom dia, queridos amigos!



JESUS  MANDOU  ALGUÉM ...


     

      O culto do Evangelho no lar havia terminado às sete da noite, e João Pires, com a esposa, filhos e netos, em torno da mesa, esperava o café que a família saboreava depois das orações.

      Ana Maria, pequena de sete anos, reclamou:

      - Vovô, não sei porque Jesus não vem. Sempre Vovô chama por ele nas preces: “Vem Jesus! Vem Jesus! ” e Jesus nunca veio ...

      O avô riu-se, bondoso, e explicou:

       Filhinha, nós, os espíritas, não podemos pensar assim ... O mestre vive presente conosco em suas lições. E cada pessoa do caminho, principalmente os mais necessitados, são representantes dele, junto de nós ... Um doente é uma pessoa que o Senhor nos manda socorrer, um faminto é alguém que Ele nos recomenda servir ...

      D. Maria, a dona da casa, nesse momento repartia o café, e, antes que o vovô terminasse, batem à porta.

      Ana Maria e Jorge Lucas, irmão mais crescido, correm para entender.

      Daí a instantes, voltam, enquanto o menino grita:

     - Ninguém não! É só um mendigo pedindo esmola.

      - Que é isso?  exclama a senhora Pires, instintivamente ¾ a estas horas?

      Ana Maria, porém, de olhos arregalados, aproxima-se do avô e informa, encantada:

      - Vovô, é um homem! Ele está pedindo em nome de Jesus. É preciso abrir a porta. Acho que Jesus ouviu a nossa conversa e mandou alguém por ele ...

      A família comoveu-se.

      O chefe da casa acompanhou a netinha e, depois de alguns instantes, voltaram, trazendo o desconhecido.

      Era um velho, aparentando mais de oitenta anos de idade, de roupa em frangalhos e grande barba ao desalinho, apoiando-se em pobre cajado.

      Ante a surpresa de todos, com ar de triunfo, a menina segurou-lhe a mão direita e perguntou:

      - O Senhor conhece Jesus?

      Trêmula e acanhado, o ancião respondeu:

      - Como não, minha filha? Ele morreu na cruz por nós todos!

      E Ana Maria para o avô:

      - Eu não falei, vovô?

      O grupo entendeu o ensinamento e o recém-chegado foi conduzido a uma poltrona. Alimentou-se. Recebeu tudo quanto precisava e João Pires anotou-lhe o nome e endereço para visitá-lo no dia seguinte.

      Antes da despedida, a pequena dormiu feliz, e, após abraçar o inesperado visitante, no “até amanhã”, o chefe da família, enxugando os olhos, falou, sensibilizado:

      - Graças a Deus, tivemos hoje um culto mais completo.

 

ANTOLOGIA DA CRIANÇA - Francisco Cândido Xavier. Autor: Hilário Silva
 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 12 de Novembro de 2010, 09:41
Querida amiga Dothy e Katia

Saudades eu tinha imensas de vocês.
Com todo o meu carinho
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Hebe M C em 12 de Novembro de 2010, 09:45
Desculpe-me por ocupar este espaço, mas acho que é de interesse de todos.

Está sendo combinado o primeiro encontro dos membros do FE, será e SP em fevereiro, quem estiver interessado entre no tópico.

http://www.forumespirita.net/fe/convivio-dos-membros-do-forum/encontro/msg165210/#msg165210

Um abço Hebe

PS; Ajudem a divulgar por e-mail
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 12 de Novembro de 2010, 11:24
Querida amiga Hebe...

Seja sempre bem-vinda...

Que a paz esteja conitgo hoje e sempre...

Agradecemos-te a divulgação de tão importante evento...

Não precisa desculpar-se...Pois este espaço é de todos...

Abraços carinhosos!!

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 12 de Novembro de 2010, 11:27
                                   Querida amiga Sol...

Bom dia..Muita paz em teu coração...

O bem agradece-te ao encontrar-te aqui para mais uma importante contribuição...

Nunca desista...Persista sempre...

Receba meu afetuoso abraço!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 12 de Novembro de 2010, 12:54

Reflexões

Talento nasce com a gente.
Bom senso você tem que adquirir.
Cultura você consegue na escola.
Conhecimento, o mundo lhe proporciona.
Juízo é algo que você adquire com o tempo.
Experiência é um remédio amargo que a
vida lhe dá, para ser tomado com uma
gotinha de consciência.
Sabedoria é um sonho que muita gente persegue, mas pouca gente realiza.
Sucesso ou fracasso são pontos de vista.
Reputação é o ouro que reveste a pílula.
Satisfação é o derradeiro objetivo da existência. A vida humana, como cada
um de nós experimentou em diferentes
medidas, é semeada de provas,
de dificuldades, de sofrimentos.
Todavia, a dor é necessária e inevitável,
pois constitui o próprio mecanismo evolutivo. A vida é apenas uma escola
na qual nos submetemos a duras disciplinas,
a provas de toda espécie, até que, a pouco
e pouco, aprendemos a nos destacar do
molde e a reconhecer
a divindade que temos latente em nós.
Conservem sempre um ideal de perfeição, porque todo o modelo retido na mente
é copiado pela vida.

 

Autor desconhecido
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 13 de Novembro de 2010, 00:05
Boa noite amados amigos.

ETERNIDADE

 
 
  O que eu tenho não me pertence,
embora faça parte de mim.
Tudo o que sou me foi um dia emprestado
pelo Criador para que eu possa dividir
com aqueles que entram na minha vida.

Ninguém cruza nosso caminho por acaso e
nós não entramos na vida de alguém
sem nenhuma razão.
Há muito o que dar e o que receber;
há muito o que aprender,
com experiências boas ou negativas.

É isso... tente ver as coisas negativas
que acontecem com você como algo
que aconteceu por uma razão precisa.
E não se lamente pelo ocorrido;
além de não servir de nada reclamar,
isso vai te vendar os olhos
para continuar seu caminho.

Quando não conseguimos tirar da cabeça
que alguém nos feriu,
estamos somente reavivando a ferida,
tornando-a muitas vezes bem maior
do que era no início.
Nem sempre as pessoas
nos ferem voluntariamente.

Muitas vezes somos nós que nos sentimos feridos
e a pessoa nem mesmo percebeu;
e nos sentimos decepcionados
porque aquela pessoa não correspondeu
às nossas expectativas.
Às nossas expectativas!!!

E sabemos lá quais eram as suas expectativas?
Nos decepcionamos e decepcionamos.
Mas, claro, é bem mais fácil pensar
nas coisas que nos atingem.
Quando alguém te disser
que te magoou sem intenção, acredite nela!

Vai te fazer bem. Assim, talvez,
ela poderá entender quando você,
sinceramente, disser que "foi sem querer".
Dê de você mesmo o quanto puder!
Sabe, quando você se for,
a única coisa que vai deixar
é a lembrança do que fez aqui.

Seja bom, tente dar sempre o primeiro passo,
nunca negue uma ajuda ao seu alcance,
perdoe e dê de você mesmo.
Seja uma bênção!
Deus não vem em pessoa para abençoar,
Ele usa os que estão aqui dispostos
a cumprir essa missão.

Todos nós podemos ser Anjos.
A eternidade está nas mãos de todos nós.
Viva de maneira que quando você se for,
muito de você ainda fique naqueles que
tiveram a boa ventura de te encontrar.

 Letícia Thompson
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 13 de Novembro de 2010, 00:36


Primavera
INDICAÇÃO DA VIDA

Emmanuel

Uma receita que nos cure os sofrimentos da mágoa, uma indicação para esquecer o mal

muitos pedem.

Urge, no entanto, reconhecer que o bem é tão vital e espontâneo em nossa estrada comum, que nos habituamos frequentemente a recolhê-lo sem, ao menos, pensar em estudo ou gratidão.

Exemplo: o amparo incessante e gratuito do sol e do ar que nos alimenta.

De modo geral, não nos lembramos de que vivemos imersos no oceano infinito da Infinita Bondade de Deus, e, em muitas ocasiões, ao invés de seguir os movimentos certos das correntes do Amor Universal em que existimos e respiramos, lutamos contra elas, a dilapidar em vão as nossas próprias farsas, no só intuito de solenizar diminutos detritos de lodo que passam por nós, a caminho de esquecimento e desintegração.

Se te encontras sob o real propósito de subtrair o co-ração à influência do mal, promete a ti mesmo enumerar as bênçãos que te rodeiam e aquelas outras que te ocorrem na experiência cotidiana: o abrigo doméstico, – a saúde relativa, o remédio que te suplementa as energias, o pão, a veste, a água pura, o trabalho digno, os recursos que te sustentam a execução dos compromissos assumidos sem problemas de consciência, o estudo tanto quanto queiras os valores da amizade, as possibilidades de compreender e de auxiliar, o tesouro da oração, o apoio constante à renovação íntima, as palavras encorajadoras de alguém…

Faze cada manhã uma lista dos bens que Deus já colocou à tua disposição e observarás que o mal é nuvem passageira no céu de tuas idéias e emoções; então te desvencilharás, rapidamente, de todos os laços que ainda te prendam, porventura, à sombra de ontem para encontrares hoje o.melhor tempo de sentir o bem, conhecer o bem, crer no bem e praticar o bem, na romagem evolutiva em que todos nos achamos, buscando, passo a passo, a vida perfeita para a felicidade maior.

Do livro Alma e Coração. Psicografia de Francisco Cândido Xavier.

Luz do Evangelho

Emmanuel 954 Indicação da Vida
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 13 de Novembro de 2010, 18:04
Compromisso Pessoal
Livro: Ceifa de Luz
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier

          "Eu plantei, Apolo regou, mas o crescimento veio de Deus" - Paulo. (I Coríntios, 3:6).
          Nada de personalismo dissolvente na lavoura do espírito.
          Qual ocorre em qualquer campo terrestre, cultivador algum, na gleba da alma, pode jactar-se de tudo fazer nos domínios da sementeira ou da colheita.
          Após o esforço de quem planta, há quem siga o vegetal nascente, quem o auxilie, quem o corrija, quem o proteja.
          Pensando, porém, no impositivo da descentralização, no serviço espiritual, muitos companheiros fogem à iniciativa nas construções de ordem moral que nos competem. Muitos deles, convidados a compromissos edificantes, nesse ou naquele setor de trabalho, afirmam-se inaptos para a tarefa, como se nunca devêssemos iniciar o aprendizado do aprimoramento íntimo, enquanto que outros asseveram, quase sempre com ironia, que não nasceram para líderes. Os que assim procedem costumam relegar para Deus comezinhas obrigações no que tange à elevação, processo, acrisolamento ou melhoria, mas as leis do Criador não isentam a criatura do dever de colaborar na edificação do bem e da verdade, em favor de si mesma.
          Vejamos a palavra do Apóstolo Paulo, quando já conhecia os problemas do auto-aperfeiçoamento, em nos referindo à evangelização: "Eu plantei, Apolo regou, mas o crescimento veio de Deus".
          A necessidade do devotamento individual à causa a Verdade transparece, clara, de semelhante conceituação.
Sabemos que a essência de toda atividade, numa lavra agrícola, procede, originariamente, da Providência Divina. De Deus vêm à semente, o solo, o clima, a seiva e a orientação para o desenvolvimento da árvore, como também dimanam de Deus a inteligência, a saúde, a coragem e o discernimento do cultivador, mas somos obrigados a reconhecer que alguém deve plantar
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 13 de Novembro de 2010, 21:51
Boa noite, queridos amigos!



SE QUISERES SERVIR



A lei de causa e efeito terá ajustado aos teus momentos de agora problemas difíceis de resolver, incluindo provações
que te acabrunham a alma, no entanto, se quiseres servir a benefício dos outros, a Misericórdia Divina interferirá no
campo da Divina Justiça, em teu favor, e conseguirás sem dificuldade renovar o próprio caminho.
Por injunções da tarefa que desempenhas, adversários gratuitos te impõem duros reveses, promovendo discórdia e
incompreensão em torno das responsabilidades que te marcam as horas, mas, se quiseres servir, a breve tempo
transformarás aversão em simpatia, angariando novos amigos para a esfera de tua causa.
Estorvos à realização de teus ideais te afligirão a senda, contudo, se quiseres servir, atrairás braços inúmeros que estarão
contigo, sintonizados no esforço das obras.
Sofres a influência obsessiva da parte de inimigos desencarnados a te inibirem os movimentos, como se grilhões
invisíveis te barrassem os passos, todavia, se quiseres servir, nisso empenhando vontade e decisão, para logo, terás o
convertido desafeto em cooperação, criando atmosfera de paz e amor, ao redor de teus dias.
O quadro de tuas obrigações te parece duvidoso, com vistas a possível execução dos deveres que a vida te designa no
erguimento do bem, fornecendo a impressão de iminente insucesso, entretanto, se quiseres servir, colherás novos
contingentes de auxílio e verás frutecer em triunfo as flores que te pendem dos projetos edificantes.
Jamais desanimes. Obstáculo é agente renovador, acumulando a riqueza da experiência. Trabalho digno, é cimento
espiritual na construção da felicidade. O que hoje é sombra e perturbação, amanhã pode ser luz e esclarecimento,
segurança e harmonia. Mas para que isso aconteça por demonstração da Força Divina em nossa fraqueza humana, é
necessário olvidar a nós mesmos, procurando servir.


Espírito: EMMANUEL
Médium: Francisco Cândido Xavier. Livro: “Hoje”
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 13 de Novembro de 2010, 23:24
ELEVAÇÃO DE PENSAMENTOS

Elevar os pensamentos, hoje em dia, é uma necessidade imperiosa para não nos envolvermos nas baixas vibrações que abundam em torno da terra.
Nossa mente é um dos bens mais precioso que possuímos e preservá-la nos garante êxito na caminhada da evolução.
Proteja a mente com idéias alegres e otimistas.
Preserve a mente com estudos e leituras elevadas.
Conserve a alegria com fé e oração.
Veja o mundo, a humanidade, os parentes e os amigos com o olhar da caridade.
Mais caridade fazemos com os pensamentos do que com os atos.
Pensamento é um poderoso ímã. Pense no bem, o bem virá.
Pense negativamente e o mal acontece.
A mente é a ferramenta do espírito tanto constrói como destrói;
somos responsáveis por nossas criações mentais.
Não reclame.
Não critique.
Não condene.
Não se lembre dos erros alheios, somente dos próprios.

Elogie e abençoe sempre.

Mude seus pensamentos e mudará sua vida.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 13 de Novembro de 2010, 23:48
"QUANDO temos AMOR""


Quando temos amor,sabemos compreender o nosso próximo,mesmo nas divergências de opiniões;


Quando temos amor, conseguimos respeitar  aqueles que não pensam como pensamos;


Quando temos amor, a nossa palavra é mansa e a nossa voz é doce e mesmo nas necessidades de ser energéticos,jamais ferimos nosso irmão;

Quando temos amor,não derramamos o fel da amargura e nem tampouco nos prestamos às lamentações infindáveis,pois que,como filhos  de Deus e irmãos de Jesus,reconhecemos o imenso carinho com que as Leis Divinas nos cercam;

Quando temos amor, sabemos esperar com paciência hoje,para realizar as nossas conquistas e sonhos amanhã;


Quando temos amor, calamos os nossos melindres,o orgulho,a vaidade,a pretensão,a arrogância e o egoismo para promover a felicidade do próximo.


Quando temos amor,somos em qualquer lugar,um digno representante divino a espalhar bênçãos da paz ea sublimidade dos sentimentos,coloando-nos na condição do lenço amigo que deve enxugar as lágrimas dos irmãos de caminhada.


É preciso,então ter AMOR....
Pensemos nisso!!!!!!!!!!!!!!


Aceite um grande abraço com muito AMOR!!!!!!

                                                                            Alma Aprendiz
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 14 de Novembro de 2010, 13:06
             BOM DOMINGO MEUS QUERIDOS AMIGOS

Transformar o adversário em irmão . converter a Treva em luz, transformar a discórdia e a diferença em harmonia e AMOR, constituem serviços sacrificiais que somente os espíritos valorosos e heróicos conseguem realizar.

Meimei

Beijos e Paz
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 14 de Novembro de 2010, 13:45
                                      VIVA JESUS!


    Bom-dia! caros irmãos.


      Falou Jesus: "  a cada um será concedido segundo as próprias obras. "

     Não se preocupe com os outros, a não ser para ajudá-los; pois a lei de Deus não conhece você pelo que você observa, mas simplesmente através daquilo que você faz.


                           ( pelo espírito ANDRÉ LUIZ )


                                          PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 14 de Novembro de 2010, 23:30
Comecemos de nós mesmos

Ensina a caridade, dando aos outros algo de ti mesmo, em forma de trabalho e carinho e aqueles que te seguem os passos virão ao teu encontro oferecendo ao bem quanto possuem.
*

Difunde a humildade, buscando a Vontade Divina com esquecimento de teus caprichos humanos e os companheiros de ideal, fortalecidos por teu exemplo, olvidarão a si mesmos, calando as manifestações de vaidade e de orgulho.
*

Propaga a fé, suportando os revezes de teu próprio caminho, com valor moral e fortaleza infatigável e quem te observa crescerá em otimismo e confiança.
*

Semeia a paciência, tolerando construtivamente os que se fazem instrumentos de tua dor no mundo, auxiliando sem desânimo e amparando sem reclamar, e os irmãos que te buscam mobilizarão os impulsos de revolta que os fustigam, na luta de cada dia, transformando-a em serena compreensão.
*

Planta a bondade, cultivando com todos a tolerância e a gentileza e os teus associados de ideal encontrarão contigo a necessária inspiração para o esforço de extinção da maldade.
*

Estende as noções do serviço e da responsabilidade, agindo incessantemente na religião do dever cumprido e os os amigos do teu círculo pessoal envergonhar-se-ão da ociosidade.
*

As boas obras começam de nós mesmos.
*

Educaremos, educando-nos.
*

Não faremos a renovação da paisagem de nossa vida, sem renovar-nos.
*

Somos arquitetos de nossa própria estrada e seremos conhecidos pela influência que projetamos naqueles que nos cercam.
*

CQue o Espírito de Cristo nos infunda a decisão de realizar o auto-aprimoramento, para que nos façamos intérpretes do Espírito do Cristo.
*

A caridade que salvará o mundo há de regenerar-nos primeiramente.
*

Sigamos ao encontro do Mestre, amando, aprendendo e servindo e o Mestre, hoje ou amanhã, virá ao nosso encontro, premiando-nos a perseverança com a luz da ressurreição..

Autor : André Luiz
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 15 de Novembro de 2010, 12:53
Caminhos do Coração
Multiplicam-se os caminhos do processo evolutivo, especialmente durante a marcha que se faz no invólucro carnal.

Há caminhos atapetados de facilidades, que conduzem a profundos abismos do sentimento.

Apresentam-se caminhos ásperos, coalhadas de pedrouços que ferem, na forma de vícios e derrocadas morais escravizadores.

Abrem-se, atraentes, caminhos de vaidade, levando a situações vexatórias, cujo recuo se torna difícil.

Repontam caminhos de angústia, marcados por desencantos e aflições desnecessárias, que se percorrem com loucura irrefreável.

Desdobram-se caminhos de volúpias culturais, que intoxicam a alma de soberba, exilando-a para as regiões da indiferença pelas dores alheias.

Aparecem caminhos de irresponsabilidade, repletos de soluções fáceis para os problemas gerados ao longo do tempo.

Caminhos e caminhantes!

Existem caminhos de boa aparência, que disfarçam dificuldades de acesso e encobrem feridas graves no percurso.

Caminhos curtos e longos, retos e curvos, de ascensão e descida, estão por toda parte, especialmente no campo moral, aguardando ser escolhidos.

Todos eles conduzem a algum lugar, ou se interrompem, ou não levam a parte alguma... São, apenas, caminhos: começados, interrompidos, concluídos...

*
Tens o direito de escolher o teu caminho, aquele que deves seguir.

Ao fazê-lo, repassa pela mente os objetivoos objetivos que persegues, os recursos que se encontram à tua disposição íntima assinalando o estado evolutivo, a fim de teres condição de seguir.

Se possível, opta pelos caminhos do coração.

Eles, certamente, levarão os teus anseios e a tua vida ao ponto de luz que brilha à frente esperando por ti.

*
O homem estremunha-se entre os condicionamentos do medo, da ambição, da prepotência e da segurança que raramente discerne com correção.

O medo domina-lhe as paisagens íntimas, impedindo-lhe o crescimento, o avanço, retendo-o em situação lamentável, embora todas as possibilidades que lhe sorriem esperança.

A ambição alucina-o, impulsionando-o para assumir compromissos perturbadores que o intoxicam de vapores venenosos, decorrentes da exagerada ganância.

A prepotência anestesia-lhe os sentimentos, enquanto lhe exacerba as paixões inferiores, tornando-o infeliz, na desenfreada situação a que se entrega.

A liberdade a que aspira, propõe-lhe licenças que se permite sem respeito aos direitos alheios nem observância dos deveres para com o próximo e a vida; destruindo qualquer possibilidade de segurança, que, aliás, é sempre relativa enquanto se transita na este física.

Os caminhos do coração se encontram, porém, enriquecidos da coragem, que se vitaliza com a esperança do bem, da humildade, que reconhece a própria fragilidade, e satisfaz-se com os dons do espírito - ao invés do tresvariado desejo de amealhar coisas de secundário importância - os serviços enobrecedores e a paz, que são a verdadeira segurança em relação às metas a conquistar.

Os caminhos do coração encontram-se iluminados pelo conhecimento da razão, que lhes clareia o leito, facilitando o percurso.

*
Jesus escolheu os caminhos do coração para acercar-se das criaturas e chamá-las ao reino dos Céus.
Francisco de Assis seguiu-Lhe o exemplo e tornou-se o herói da humildade.

Vicente de Paulo optou pelos mesmos e fez-se o campeão da caridade.

Gandhi redescobriu-os e comoveu o mundo, revelando-se como o apóstolo da não-violência.

Incontáveis criaturas, nos mais diversos períodos da humanidade e mesmo hoje, identificaram esses caminhos do coração e avançam com alegria na direção da plenitude espiritual.

Diante dos variados caminhos que se desdobram convidativos, escolhe os caminhos do coração, qual ovelha mansa, e deixa que o Bom Pastor te conduza ao aprisco pelo qual anelas.

Autor : Joanna de Ângelis
   

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 15 de Novembro de 2010, 13:07
Bom dia queridos amigos e irmãos..

Sejam bem-vindos..Que a paz esteja em seus corações...

Sua presença é como as flores..

Alegrando e perfumando nossas vidas e este espaço que é de vocês..

Estão convidados a trazerem suas mensagens dentro do tema..

Desejamos a todos uma ótima semana repleta de felicidades e muito amor...

Saõ os sinceros votos de:

(Lima-Gil)


.(Belina...Cris Santana..dOM Jorge...Dothy...EmBuscaDa Luz....Lourdilena..Katiatog...Marly pacheco...Mary Helem..Rose Pedersoli-Fuhrmann...Sol
Sonia Andrade...)

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 15 de Novembro de 2010, 20:24
Que a paz e o amor sejam com todos os que aqui aportarem.

"Nunca é demais repetir a necessidade de perdão, bondade e otimismo, em nossas fileiras e atividades.
Lembremo-nos de que, com o nosso auxílio, tudo hoje pode ser melhor que ontem, e tudo amanhã será melhor que hoje.
O mal, em qualquer circunstância, é desarmonia à frente da Lei e todo desequilíbrio redunda em dificuldade e sofrimento.
Examinemo-nos mutuamente, acendendo a luz da fraternidade para que a fraternidade nos clareie os destinos.
Sem perseverança no bem, não há caminho para a felicidade."

(Emmanuel)

Uma noite abençoada para todos vocês.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 15 de Novembro de 2010, 23:27
Mantém-te em paz. É provável que os outros te guerreiem gratuitamente, hostilizando-te a maneira de viver; entretanto, podes avançar em teu roteiro, sem guerrear a ninguém. Para isso, contudo - para que a tranquilidade te banhe o pensamento -, é necessário que a compaixão e a bondade te sigam todos os passos. Assume contigo mesmo o compromisso de evitar a exasperação. Junta da serenidade, poderás analisar cada acontecimento e cada pessoa no lugar e na posição que lhes dizem respeito. Repara, carinhosamente, os que te procuram no caminho... Todos os que surgem, aflitos ou desesperados, coléricos ou desabridos, trazem chagas ou ilusões. Prisioneiros da vaidade ou da ignorância, não souberam tolerar a luz da verdade e clamam irritadiços... Unge-te de piedade e penetra-lhes os recessos do ser, e identificarás em todos eles crianças espirituais que se sentem ultrajadas ou contundidas. Uns acusam, outros choram. Ajuda-os, enquanto podes. Pacificando-lhes a alma, harmonizarás, ainda mais, a tua vida. Aprendamos a compreender cada mente em seu problema. Recorda-te de que a Natureza, sempre divina em seus fundamentos, respeita a lei do equilíbrio e conserva-a sem cessar. Ainda mesmo quando os homens se mostram desvairados, nos conflitos abertos, a Terra é sempre firme e o Sol fulgura sempre. Viver de qualquer modo é de todos, mas viver em paz consigo mesmo é serviço de poucos.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 16 de Novembro de 2010, 11:18

Curando o pessimismo

 Quando sentires pessimista, vendo negativamente sua vida
harmonize seus pensamentos através da prece.
Ela sustenta nosso espírito e eleva nossos pensamentos,
aliviando nossos coraçõese melhorando assim nossos sentimentos.
A prece nos fortalece, nos renova
e nos dá a oportunidade de melhorarmos.
Procure tarefas ou pessoas que lhe tragam alegria.
Levante sua cabeça e vá enfrente,
porque existe uma capacidade imensa em você.
Utilize todo o seu potencial de transformação,
Desta forma você estará revitalizando sua vida
e transformando tudo ao seu redor.
Só depende de você.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 16 de Novembro de 2010, 19:15
Boa tarde, queridos amigos



POSTAIS FRATERNOS


 
Para ajudar a quem sofre,

Diz você que nada tem ...

Não digas, porém: “não posso”,

Na sementeira do bem.

 

Se você tudo perdeu

E crê não poder servir,

Escute:  recomecemos,

Você consegue sorrir.

 

ANTOLOGIA DA CRIANÇA - Francisco Cândido Xavier  -  Autor: Chiquito de Moraes
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 16 de Novembro de 2010, 20:15
   Pensamento e Conduta

Nem sempre estamos habilitados a eleger o nosso ambiente mais íntimo, na experiência cotidiana.
Às vezes, somos constrangidos a suportar certos quadros de luta ou a partilhar o convívio de pessoas que não se nos afinam com a maneira de ser, em razão dos compromissos que trazemos de existências passadas. Entretanto, em qualquer situação, somos livres para escolher os nossos pensamentos.
Cada inteligência emite as idéias que lhe são peculiares, a se definirem por ondas de energia viva e plasticizante, mas, se arroja de si essas forças, igualmente as recebe, pelo que influencia e é influenciada.
Ainda mesmo por instantes, toda criatura, ao exteriorizar-se, seja imaginando, falando ou agindo, em movimentação positiva, é um emissor  atuante na vida, e, sempre que se interioriza, meditando, observando ou obedecendo, de modo passivo, é um receptor em funcionamento.
Aqueles que se desenvolveram mentalmente, atingindo a esfera das criações sugestivas, assumem o papel de orientadores  adquirindo responsabilidades mais vastas pela facilidade com que articulam programas de rumo para os outros. Cada qual expõe o que pensa pelo esforço que realiza: o cientista pela obra a que se consagra, o professor pelo que ensina, o escritor pelo que escreve, o comentarista pelo que fala, o artista pelo trabalho em que se revela.
Analisemos, assim, aquilo que nomeamos como sendo nosso "estado de espírito". Tensão, dúvida, angústia, irritação, otimismo, coragem, confiança ou alegria são frutos de nossa preferência no mercado gratuito das idéias, de vez que o fio invisível de nossas ligações com o bem ou com o mal parte essencialmente de nós.
Convençamo-nos de que a nossa mente possui muita coisa de comum com o aparelho radiofônico. Emissões construtivas ou deprimentes, significando a carga sutil de sugestões boas ou más que aceitamos e companheiros encarnados ou desencarnados, alcançam-nos incessantemente e podem alterar-nos o modo de ser, mas não podemos olvidar que a nossa vontade, é o sintonizador. 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 17 de Novembro de 2010, 12:45
Bom dia qureridos amigos e irmãos...Sejam bem-vindos!


Não Lamente!

Você foi injustiçado no passado? Esqueça! Levante-se!
Caminhe! Não adianta ficar lamentando o leite derramado.
Enquanto você lamenta, o tempo vai passando, e sua vida fica parada.
Não queira ser eterna vítima, para atrair a compaixão e o consolo dos outros. Assim você não atrai ninguém.
Pelo contrário: perde até os amigos

Seja inteligente! Aceite os desafios.
Reconstrua sua vida.
Vencer não é passar pela vida sem ter obstáculos,
mas superar os obstáculos. Não desanime.
Cada manhã é nova esperança.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 17 de Novembro de 2010, 13:16

Prezada irmã SOL:

Bom dia e muito prazer em conhecê-la! Obrigado por suas valiosas contribuições para o enriquecimento deste tópico. Seja bem-vinda, minha irmã, e saiba que aqui você sempre será muito bem acolhida; poderá fazer novas amizades, com as estimadas irmãs Dothy, Katia, Cris Santana, Marli Pacheco, hcancela, Mecame, Carmem gbi, Carmem Ângela, Kausinha Rego, Sonia, Belina, Ana23, Samymarques, Bluemoon, Claudia Afonso, felicidade39, Cristhina, Anabele, lah e Ca, hemcogliatti, Lourdilena, EmBuscadaLuz, Eunniceel, LuQuinete, Mary Helem, Ludmilab, Fátima Cristina, Célia Guedes, Julha, Lu Reines, gabi2010, Paulajbb e outras: e com os queridos irmãos dOM JORGE, Fernandes Adalberto, Moura, filhodobino, Chasil, Monstrinho, Tupan, Ignarus, Ace Cz, Coronel, caélo, Creso Melo, O FIDALGO, Beto Gomes, Salvador p, Luigi, Jaguavitor, AKWARIUS e outros que acessam estes nossos "subespaços". Acompanhe todos os nossos tópicos, nos Sub-Quadros: Acção do Dia (Receitas para a Alma e De Ânimo Firme). Auto-Conhecimento (Coletânea de Bons Pensamentos, Conselhos que ninguém deu, Miscelânea de Otimismo, Vigiai e Orai, Os Caminhos da Paz, Ao Alcance das Mãos, Dias Melhores, Terapia para a Alma e Jesus, Nosso Senhor e Mestre); Outros Temas (Mensagens de Luz, Coletânea de Preces, Veleiro de Luz e Poesia do Bem Maior). Volte, SOL, quando quiser ou puder, e traga suas mensagens, orações, pensamentos e poesias mediúnicas, buscando postar suas importantes colaborações, de preferência, dentro dos objetivos indicados pelo próprio título de cada tópico; que, certamente, estará contribuindo, de forma positiva, para a maior ampliação do movimento espírita, nessa forma dinâmica e moderna. Perdoe-me a demora em te dar as boas vindas, mas estive afastado do Fórum por mais de quinze dias, por razões particulares. Venha, irmã querida, porque doravante já a consideramos fazendo parte deste grupo de irmãos e irmãs que se associam  com muito respeito, união e amor, para aprender juntos a construir um ambiente salutar, a fim de que todos os que nos visitam desejem, espontaneamente, permanecer conosco, trabalhando a serviço do nosso amado Mestre Jesus. Cultive sempre o bom ânimo, a coragem e a fé; seja feliz, alegre, entusiasta e otimista; e busque a Paz em Deus, o sublime objetivo da Vida para todas as criaturas! Meu abraço, meu carinho, meu afeto. Fraternalmente, seu irmão e amigo
Lima_Gil
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 17 de Novembro de 2010, 13:26
Amigos e amigas deste espaço de luz, quantas saudades!!!

Senti muita falta de todos vcs nestes dias em que estive ausente...

É muito bom estar aqui de novo, feliz quarta-feira a todos!!!

Com carinho,
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 17 de Novembro de 2010, 13:34
Querida amiga EmBuscaDaLuz...

Nós também estavamos com saudades de ti...

Tua presença aqui conosco é sol a nos iluminar sempre...

Bom retorno querida amiga...

Desejamos pleno restabelecimento a ti...

Abraços cheios de saudade...Saúde e muita paz!!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 17 de Novembro de 2010, 13:39
Obrigada amiga Dothy, é uma glória para mim estar de volta ao convívio de tão boas almas...

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 17 de Novembro de 2010, 13:54
Bom dia, irmãos queridos!


                                                             4. VOCAÇÕES
“Tu, porém, sê sóbrio em tudo, sofre as aflições, faze a obra de um evangelista, cumpre bem o teu ministério.”
                                                            (2 Timóteo 4:5)

A vocação é um chamamento interior para a integração com a vida. O homem que segue o impulso da vida se eleva mais rapidamente nas experiências que o enriquecem.

É preciso fazer silêncio interior para ouvir o chamado divino. Desenvolvendo a serenidade da alma, poder-se-á perceber o sussurro da vida que chama e aponta o caminho a seguir.

Não é preciso gurus ou mestres para indicar ao homem o seu caminho. Geralmente a procura de mestres ou guias reflete a fuga e a crença na própria incapacidade. Quando se entra para o templo interno e muitas vezes abandonado, ouve-se a voz inarticulada que chama para a vocação pessoal.

Os mistérios antigos das religiões iniciáticas ensinavam, através da simbologia, o caminho interior da realização espiritual. Para a descoberta da vocação é preciso crer, até que se possa ver e transcender o próprio silêncio, ouvindo a voz de Deus no templo do coração. 

                                                   Pelo Espírito Alex Zarthúr
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 17 de Novembro de 2010, 20:47
   Espera e ama sempre

Quanta aflição desaparecerá no nascedouro, se souberes sofrer em silêncio! Quanta amargura esquecida, se desculpares o fel!
Rogas a paz do Senhor, mas o Senhor igualmente espera por teu concurso na paz dos outros.
Reflete nas necessidades de teu irmão, antes de lhe apreciares o gesto impensado. Em muitas ocasiões, a agressividade com que te fere é apenas angústia e a palavra ríspida com que te retribui o carinho são tão somente a chaga do coração envenenando-lhe a boca. Auxilia mil vezes, antes de reprovar uma só.
Os charcos emitem correntes enfermiças por não haver encontrado mãos que o secassem e o deserto provoca sede e sofrimento por não ter recebido o orvalho da fonte.
Deixa que a piedade se transforme no teu coração em socorro mudo, para que a dor esmoreça.
Não estendas a fogueira do mal com o lenho seco da irritação e do ódio!
Espera e ama sempre!
Em silêncio, a árvore podada multiplica os próprios frutos e o céu assaltado pela sombra noturna descerra a glória dos astros!…
Lembra-te do Cristo, o Amigo silencioso.
Sem reivindicações e sem ruído, escreveu os poemas imortais do perdão e do amor, da esperança e da alegria no coração da Terra.
Busquemos NELE o nosso exemplo na luta diária e, tolerando e ajudando hoje, na estreita existência humana, recolheremos amanhã as bênçãos da luz silenciosa que nos descerrará os caminhos da Vida Eterna.
 Pelo Espírito Meimei – do Livro Ideal Espírita – Psicografia de Francisco Cândido Xavier – Espíritos Diversos.

 

 uz
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 18 de Novembro de 2010, 11:08
Excelente dia a todos!!!

Com muita paz e luz...
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 19 de Novembro de 2010, 10:42

A Alma também!

Casas de saúde espalham-se em todas as direções com o objetivo de sanar as moléstias do corpo e não faltam enfermos que lhes ocupem as dependências.

Entretanto, as doenças da alma, não menos complexas, escapam aos exames habituais de laboratório e, por isso, ficam em nós, requisitando a medicação, aplicável apenas por nós mesmos.

Estimamos a imunização na patologia do corpo.

Será ela menos importante nos achaques do espírito?

Surpreendemos determinada verruga e recorremos, de imediato, à cirurgia plástica, frustrando calamidades orgânicas de extensão imprevisível.

Reconhecendo uma tendência menos feliz em nós próprios é preciso ponderar igualmente que o capricho de hoje não extirpado será hábito vicioso amanhã e talvez criminalidade em futuro breve.

Esmeramo-nos por livrar-nos da neurastenia capaz de esgotar-nos as forças.

Tratemos também de nossa afeição temperamental para que a impulsividade não nos induza à ira fulminatória.

Tonificamos o coração, corrigindo a pressão arterial ou ampliando os recursos das coronárias a fim de melhorar o padrão de longevidade. Apuremos, de igual modo, o sentimento para que emoções desregradas não nos precipitem nos desvãos passionais em que se aniquilam tantas vidas preciosas.

Requintamo-nos, como é justo, em assistência dentária na proteção indispensável.

Empenhemo-nos de semelhante maneira, na triagem do verbo para que a nossa palavra não se faça azorrague de sombra.

Defendemos o aparelho ocular contra a catarata e o glaucoma. Purifiquemos igualmente o modo de ver. Preservamos o engenho auditivo contra a surdez.

No mesmo passo, eduquemos o ouvido para que aprendamos a escutar ajudando.

A Doutrina Espírita é instituto de redenção do ser para a vida triunfante. A morte não existe.

Somos criaturas eternas. Se o corpo, em verdade, não prescinde de remédio, a alma também.

*  *  *

André Luiz
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 19 de Novembro de 2010, 11:19
Meu bom dia a todos, que esta sexta-feira seja de muita paz e excelentes vibrações!!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 19 de Novembro de 2010, 20:22
Reage

Se a treva se adensa em torno de teus passos,
não te desorientes.
Reage, intensificando a luz que brilha dentro de ti.
Se a maldade busca denegrir-te as obras,
não te perturbes.
Reage, multiplicando a bondade que reside
em teu coração.
Se a calúnia tende a insinuar-se nos círculos
de tuas relações, não te exasperes.
Reage, cultuando a Verdade que pontifica
no altar da tua consciência.
Se a vaidade procura enredar-se nas teias
da ilusão, não te acomodes,
Reage, amando a simplicidade que jaz na
essência da tua vida.
Se a tristeza busca avassalar-te o ânimo,
não te abatas.
Reage, nutrindo-te da alegria que se oculta
nas raízes de tua crença.
Se o ódio tenta penetrar o santuário de teus sentimentos, não te aflijas.
Reage, desdobrando o manto do amor que
“cobre a multidão de pecados”.
E se, a despeito de tuas reações, vires que
o mal resiste, ainda assim,
Reage à infiltração do desânimo,
porque um dia chegará em que
Toda treva se converterá em Luz,
Todo o mal em Bem,
Toda tristeza em Alegria,
Todo o ódio em Amor.

Rubens C. Romanelli

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 20 de Novembro de 2010, 00:31
Boa noite a todos.

Pérolas de luz

Em dias tão turbulentos, de tantas preocupações e desafios, a Espiritualidade Superior nos brinda com algumas pérolas de luz:

A receita da vida será sempre melhorar-nos, através da melhora que venhamos a realizar para os outros.

Em matéria de felicidade só se possui aquela que se dá.

Cada pessoa renasce na soma do que já fez.

A melhora de tudo para todos começa na melhora de cada um.

A vida por fora de nós é a imagem do que somos por dentro.

Perante Deus toda pessoa é importante.

Quem perdeu a própria fé, nada mais tem a perder.

Quem condena atira uma pedra que voltará sempre ao ponto de origem.

A indulgência é a fonte que lava os venenos da cultura.

Nunca se viu egoísmo que não se queixe de ingratidão.

Não te digas incapaz, nem te digas inútil. Auxilia como puderes.

A felicidade não entra em portas trancadas.

Em qualquer empresa, a irritação dos responsáveis faz a metade do insucesso.

Não sobrecarregues teus dias com preocupações desnecessárias, a fim de que não percas a oportunidade de viver com alegria.

Quem aprende a ouvir com atenção aprende a falar com proveito.

Esclarece e avisa para o bem, mas não exijas do próximo aquilo que ainda não consegues fazer. De imediato, ninguém renova pessoa alguma.

A herança da liberdade pertence ao dever cumprido. Obrigação cumprida será sempre o nosso mais valioso seguro de proteção.

Inteligência sem obras é tesouro enterrado. Mobiliza o conhecimento elevado para atenuar a ignorância.

Reclamar é ferir-se. A alma corajosa não é aquela que se dispõe a revidar o golpe recebido e sim aquela que sabe desculpar e esquecer.

Mais fácil sofrer, difícil é perdoar. Perdão é lucro.

O dinheiro pode proporcionar-te reconforto, mas o descanso da alma vem de Deus.

Em qualquer parte a vida te conhece pelo que és, mas apenas te valoriza pelo que fazes de ti.

Aproveita o tempo construindo o bem, a fim de que o tempo te aproveite, de modo a fazer o melhor de ti.

Constantemente, a vida nos envia pérolas de luz.

Representam o cuidado particular de Deus e de Seus trabalhadores incansáveis, pela melhoria dos seres e, consequentemente, do planeta.

Saibamos aproveitar cada uma delas. Saibamos refletir sobre toda e qualquer experiência edificante do existir.

Cada dia é oportunidade que não volta. Não se pode se banhar no mesmo rio por duas vezes. As águas já serão outras.

Que seja esta mais uma pérola de luz em sua vida.

Esteja onde estiver, seja você quem for, esta é mais uma prova de que não estamos abandonados num mundo em crise.

Estamos muito bem amparados, num mundo em transformação.

Pensemos nisso.

 Emmanuel
 psicografia de Francisco Cândido Xavier
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 20 de Novembro de 2010, 00:38
Um conto muito simples e de um conteúdo á altura de sua simplicidade.

A ilusão do reflexo
 
Conta-se que um pai deu a sua filha um colar de diamantes de alto preço.
Misteriosamente, alguns dias depois o colar desapareceu. Falou-se que poderia ter sido furtado.
Outros afirmaram que talvez um pássaro tivesse sido atraído pelo seu brilho e o levado embora.
Fosse como fosse, o pai desejava ter o colar de volta e ofereceu uma grande recompensa a quem o devolvesse: R$ 50.000,00.
A notícia se espalhou e, naturalmente, todos passaram a desejar encontrar o tal colar.
Um rapaz que passava por um lago, próximo a uma área industrial, viu um brilho no lago.
Colocou a mão para proteger os olhos do sol e certificou-se: era o colar.
O lago, entretanto, era muito sujo, poluído, e cheirava mal.
O rapaz pensou na recompensa. Vencendo o nojo, colocou a mão no lago, tentando apanhar a jóia.
Pareceu pegá-la, mas sentiu escapulir das suas mãos. Tentou outra vez. Outra mais. Sem sucesso.
Resolveu entrar no lago. Emporcalhou toda sua calça e mergulhou o braço inteiro no lago.
Ainda sem sucesso. O colar estava ali. Mas ele não conseguia agarrá-lo. Toda vez que mergulhava o braço, ele parecia sumir.
Saiu do lago e estava desistindo, quando o brilho do colar o atraiu outra vez.
Decidiu mergulhar de corpo inteiro. Ficou imundo, cheirando mal. E ainda nada conseguiu.
Deprimido por não conseguir apanhar o colar e conseqüentemente, a recompensa polpuda, estava se retirando, quando um velho passou por ali.
O que está fazendo, meu rapaz?
O moço desconfiou dele e não quis dizer qual o seu objetivo. Afinal, aquele homem poderia conseguir apanhar o colar e ficar com o dinheiro da recompensa.
O velho tornou a perguntar, e prometeu não contar a ninguém.
Considerando que não conseguia mesmo apanhar o colar, cansado, irritado pelo fracasso, o rapaz falou do seu objetivo frustrado.
Um largo sorriso desenhou-se no rosto do interlocutor.
Seria interessante, falou em seguida, que você olhasse para cima, em vez de somente para dentro do lago.
Surpreso, o moço fez o recomendado. E lá, entre os galhos da árvore, estava o colar brilhando ao sol.
O que o rapaz via no lago era o reflexo dele.
A felicidade material se assemelha ao reflexo do colar no lago imundo.
Na conquista de posses efêmeras, quase sempre mergulhamos no lodo das paixões inconseqüentes.
A verdadeira felicidade, no entanto, não está nas posses materiais, nem no gozo dos prazeres.
Ela reside na intimidade do ser. Nada ruim em se desejar e batalhar por uma casa melhor, um bom carro, roupas adequadas às estações, uma refeição deliciosa.
Nada ruim em desejar termos coisas. A forma como as conquistamos é que fará a grande diferença.
Se para consegui-las, necessitamos entrar no lodaçal da corrupção, da mentira, da indignidade, somente sairemos enlameados, e infelizes.
Esse tipo de felicidade é como o reflexo do colar na água: pura ilusão.
Somente existe verdadeira felicidade nas conquistas que a honra dignifica, que a consciência não nos acusa.
Pensemos nisso. E, antes de sairmos à cata desesperada de valores materiais expressivos, analisemos o que necessitamos dar em troca.
Porque nada vale que mereça sacrificar a honra, a dignidade pessoal, a auto-estima, a vida espiritual.
Tudo é passageiro na Terra.
Lembre disso.



 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 20 de Novembro de 2010, 00:42
Sucesso e Nós

Você é o seu próprio pensamento em ação.

Todos somos filhos de Deus e em qualquer lugar estamos todos na presença Divina.

A Suprema Lei da Vida é o bem de todos, concentre-se tão somente no bem e a sua imaginação funcionará por lente vigorosa ampliando a visão dos bens que lhe enriquecem a vida.

A palavra é força criadora, coloque bondade e compreensão no verbo que lhe expõe o modo de ser e a sua palavra realizará maravilhas.

Aceite a Lei do Progresso, observe a árvore que você planta e verificará o imperativo da evolução.

Você pode e deve conservar-se fiel ao seu amor e ao seu ideal, mas não conseguirá ser feliz sem renovar-se.

Aprendamos com a fonte que prossegue sem alteração na estrutura essencial da corrente, entretanto avança em momovimento constante para os seus próprios objetivos.

A tarefa em suas mãos é semelhante à determinada empresa com os clientes que se lhe agregam aos interesses; o seu êxito terá sempre o tamanho do serviço que você preste.

Apague de sua mente e de sua conversação toda idéia ou palavra que estabeleça imagens condenatórias ou deprimentes.

A nossa existência é comparável a escada e todos somos capazes de utilizar os degraus que nos levem acima.

Nunca despreze os outros nem despreze a você mesmo, ninguém existe sem utilidade ou sem importância na obra Divina da Criação.
Auxilie para o bem quanto e como possa resguardando a consciência tranqüila, de tudo que dermos receberemos centuplicadamente.

Faça de Deus o seu mentor, o seu companheiro, o seu amigo e o seu sócio, reconhecendo que é nosso dever colocar-nos em Deus tanto quanto Deus por suas Leis está em nós.

Praticando o bem com o esquecimento do mal, conforme evidenciam as Leis de Deus, entreguemo-nos as obrigações que a Divina Providencia nos confiou nos quadros do dia a dia.

E em matéria de sucesso e segurança, paz e alegria, o nosso próprio trabalho com a benção de Deus fará o resto.


André Luiz



 


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 20 de Novembro de 2010, 00:46
Querida amiga Marly Pacheco....

Que Deus continue te dando sempre esse otimismo e felicidade. em tua vida...

Para que assim tu possas trazer um pouco para as nossas vidas..

Te amamos muito querida...

O bem te agradece hoje e sempre!!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 20 de Novembro de 2010, 14:52
Eu é que agradeço a Deus nosso pai e a Jesus nosso mestre maior por esta oportunidade de crescimento espiritual e a amigos tão amorosos como vc, a Katia, o Lima, .........que tem me ensinado tanto.
Obrigada sempre por fazerem parte da minha vida.
Eu os amo muito muito, vcs estão sempre aqui em meu coração.

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 20 de Novembro de 2010, 14:57
SOMOS MUTANTES VCS SABIAM?
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 20 de Novembro de 2010, 20:29
A angústia

A insegurança pessoal, decorrente de vários fa­tores psicológicos, gera instabilidade de comporta­mento, facultando altas cargas de ansiedade e de medo.

Sentindo-se incapaz de alcançar as metas a que se propõe, o indivíduo transita entre emoções em desconserto, refugiando-se em fenômenos de angús­tia, como efeito da impossibilidade de controlar os acontecimentos da sua vida.

Enquanto transite nos primeiros níveis de cons­ciência, a carência de lucidez dos objetivos essenci­ais da vida levá-lo-á a incertezas, porqüanto, as suas, serão as buscas dos prazeres, das aspirações egoís­tas, das promoções da personalidade, sentindo-se fra­cassado quando não alcança esses patamares transi­tórios, equivocados, em relação à felicidade.

Aprisionando-se em errôneos conceitos sobre a plenificação do eu, que confunde com as ambições do ego, pensa que ter é de relevante importância, dei­xando de ser iluminado, portanto, superior aos condi­cionamentos e pressões perturbadoras.

A angústia, como efeito de frustração, é seme­lhante a densa carga tóxica que se aspira lentamen­te, envenenando-se de tristeza injustificável, que ter­mina, às vezes, como fuga espetacular pelo mecanis­mo da morte anelada, ou simplesmente ocorrida por efeito do desejo de desaparecer, para acabar com o sofrimento.

Normalmente, nos casos de angústia cultivada, estão em jogo os mecanismos masoquistas que, fa­cultando o prazer pela dor, intentam inverter a ordem dos fenômenos psicológicos, mantendo o estado per­turbador que, no paciente, assume características de normalidade.

O recurso para a superação dos estados de an­gústia, quando não têm um fator psicótico, é a con­quista da autoconfiança, delineamento de valores re­ais e esforço por adquiri-los ou recorrendo ao auxílio de um profissional competente.

As ocorrências de insucesso devem ser avaliadas como treinamento para outras experiências, recurso-desafio para o crescimento intelectual, aprendizagem de novos métodos de realizações humanas.

Exercícios de autocontrole, de reflexões otimistas, de ações enobrecedoras, funcionam como terapia li­bertadora da angústia, que deve ser banida dos sen­timentos e do pensamento.


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 21 de Novembro de 2010, 22:16
Excelente semana a todos...
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 22 de Novembro de 2010, 15:39
...
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 22 de Novembro de 2010, 15:41
...
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 23 de Novembro de 2010, 00:46
O que estou fazendo da minha vida?





O que estou fazendo da minha vida?
Pense nisto.
Você está dando à sua vida um fim útil?

Não passe os seus dias na rotina ociosa.
Transforme-os num caminho para o seu aprimoramento e dos que partilham de sua existência.
Combata o egoismo.
Veja as necessidades dos outros.
Ajude.

Faça de Deus um companheiro dos seus dias.
Entre em ligação com Ele através da prece diária.
Nada tema.
Viva com amor e simplicidade.

Servir é a única maneira de dar um sentido à vida e garantir a felicidade.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 23 de Novembro de 2010, 00:49
Você é que se escolhe.




Você mesmo se escolhe para isto ou aquilo de acordo como se posiciona perante a vida.
Deus lhe confirma a boa disposição íntima.

Se for a riqueza.
Deus o escolherá para usar os recursos amoedados em favor dos outros.
Se a cultura, Deus o escolherá para iluminar a sua volta.
Se o bem, Deus o escolherá para levar a paz aos outros.

Escolha-se para ajudar os outros.
Para progredir sempre.
E assim será.
Tudo depende de você.
Do lado que você toma, Deus o escolhe para lá.
Menos para o caminho do mal.

Na encruzilhada da vida, só você pode decidir qual estrada tomar.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 23 de Novembro de 2010, 00:51
Não despreze pequenas coisas.




Um sorriso...
Um aperto de mão...
Um "muito obrigado"...
Um "com licença?"...

Fazem parte de todo dia.

Surgem inesperadamente.
Reclamam atenção.
Pedem resposta.
Criam alegria ou tristeza.
Unem ou separam.

Preste atenção às coisas menores.
Olhe com simpatia.
Sorria espontaneamente.
Dê sua mão.
Agradeça com sinceridade.
Nas mínimas ações você se engrandece.
O universo repousa sobre o átomo.

Nas pequeninas coisas nasce a sua grandeza interior.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 23 de Novembro de 2010, 00:56
Deus não castiga.


Deus não se ofende, por isso, não castiga.

A lei Divina é amor puro.
Sua ação visa ao aprimoramento de todas as criaturas.

Não se sinta castigado.
Tudo objetiva a sua melhoria.
Procura apenas o seu bem.
È Deus atuando dentro de você para o aperfeiçoar.

Não maldiga os contratempos.
Use o poder de sua mente.
Se agradecer, encontrará mais o Deus que, no seu íntimo, está querendo lhe ajudar.

Toda ação de Deus é para o nosso bem.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 23 de Novembro de 2010, 01:00
A sua simplicidade atrai.




Pense nos grandes exemplos.
O Divino Mestre não tinha "onde repousar a cabeça", Francisco era o "pobrezinho de Assis", Gandhi só deixou as vestes.
Mas elevaram o mundo.
Atraíram massas.
Ganharam afetos profundos.

A sua simplicidade torna-o mais querido.
Atrai as pessoas bem intencionadas.
Ganha amigos.
Brota admirações.

A ostentação e o luxo despertam orgulho.
Afastam as pessoas de você.
Rebaixam você.
Seja humilde.
Olhe com respeito.
Fale com naturalidade.
Você só se engrandece quando diminui.

Deus é tão simples que se esconde atrás de Suas obras.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 23 de Novembro de 2010, 10:36
  O Caminho

Diante do turbilhão de problemas e conflitos, aturdido e receoso, a um passo do desequilíbrio, indagas, sem diretriz: – Onde a via a seguir? Qual a conduta a adotar?
Certamente, todo empreendimento deve ser precedido de planificação, de roteiro, de programa. Sem esses fatores, o comportamento faz-se anárquico, e o trabalho se dirige à desordem.
A experiência carnal é uma viagem que o espírito empreende com os objetivos definidos pela Divindade, que a todos reserva a perfeição.
Como alcançá-la, e em quanto tempo, depende de cada viajor.
Multiplicam-se os caminhos que terminarão por levar à meta.
Alguns conduzem a despenhadeiros, a desertos, a pantanais, a regiões perigosas.
Outros se desdobram convidativos e repletos de distrações, prazeres, comodidades, engodos, passadismos.
Poucos se caracterizam pelo esforço que deve ser envidado para conquistá-los, vencendo, etapa a etapa, as dificuldades e impedimentos.
Uns levam à ruína demorada, que envilece e infelicita.
Vários dão acesso à glória transitória, ao poder arbitrário, às regalias que o túmulo interrompe.
Jesus, porém, foi peremptório ao asseverar:
-Eu sou o caminho – informando ser a única opção para chegar-se a Deus.
Se te encontras a ponto de desistir na luta, intenta-o outra vez e busca Jesus.
Se te abateste e não tens ninguém ao lado para oferecer-te a mão, recorre a Jesus.
Se te sentes abandonado e vencido, após mil tentames malsucedidos no mundo, apela a Jesus.
Se te deparas perdido e sem rumo, apega-te a Jesus.
Se te defrontas com impedimentos que te parecem intransponíveis, procura Jesus.
Se nada mais esperas na jornada, recomeça com Jesus.
Se avanças com êxito, não te esqueças de Jesus.
Se estás cercado de carinho e amor, impregna-te de Jesus.
Se a jornada se te faz amena, agradece a Jesus.
Se encontras conforto e alegria no crescimento íntimo, não te separes de Jesus
Se acreditas na vitória, que antevês, apoia-te em Jesus.
Se te sentes inundado de paz e fé, Jesus está contigo.
Em qualquer trecho do caminho da tua evolução, Jesus deve ser o teu apoio, a tua direção, a tua meta, tendo em mente que através d’Ele e com Ele te plenificarás, alcançando Deus.
O mais, são ilusões e engodos. Não te equivoques, nem enganes a ninguém.
Joanna de Ângelis
Psicografia de Divaldo Franco. Livro: Momentos Enriquecedores.



Amigos, sejam bem-vindos, muita paz em seus coraçãos...
Desejamos a todos uma ótima semana repleta de felicidades e amor....
São os votos de:

(Lima-Gil)

.(Belina...Cris Santana..dOM Jorge...Dothy...EmBuscaDa Luz....Lourdilena..Katiatog...Marly pacheco...Mary Helem...Rose Pedersol...Sol... Sonia Andrade)


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 23 de Novembro de 2010, 11:18
...
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 23 de Novembro de 2010, 23:19
Boa noite meus queridos..........

Leve na sua memória, para o resto de sua vida,
as coisas boas que surgiram
no meio das dificuldades.
Elas serão uma prova de sua capacidade em vencer
as provas e lhe darão confiança na presença divina,
que nos auxilia em qualquer
situação,em qualquer tempo,
diante de qualquer obstáculo."

“Chico Xavier”

Beijos!Paz e Muita Luz!!!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 23 de Novembro de 2010, 23:29
"Sinais de Alarme"


"Há dez sinais vermelhos, no caminho da experiência, indicando queda provável na obsessão:

quando entramos na faixa da impaciência;

quando acreditamos que a nossa dor é a maior;

quando passamos a ver ingratidão nos amigos;

quando imaginamos maldade nas atitudes dos companheiros;

quando comentamos o lado menos feliz dessa ou daquela pessoa;

quando reclamamos apreço e reconhecimento;

quando supomos que o nosso trabalho está sendo excessivo;

quando passamos o dia a exigir esforço alheio, sem prestar o mais leve serviço;

quando pretendemos fugir de nós mesmos, através do álcool ou do entorpecente;

quando julgamos que o dever é apenas dos outros.

Toda vez que um desses sinais venha a surgir no trânsito de nossas idéias, a Lei Divina está presente, recomendando-nos a prudência de amparar-nos no socorro da prece ou na luz do discernimento."

* * *

Vieira, Waldo; Xavier, Francisco Cândido. Da obra: Ideal Espírita.
Ditado pelo Espírito Scheilla.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 24 de Novembro de 2010, 06:09
Bom dia, queridos amigos!


Estrelas e Cometas


Existem pessoas Estrelas e pessoas Cometas.
Os Cometas passam. Apenas são lembrados pelas datas que passam e retornam.
As Estrelas permanecem. Assim como o Sol. Passam anos, milhões de anos, e as Estrelas permanecem.
Há muita gente Cometa. Gente que passa pela nossa vida apenas por instantes.
Gente que não prende ninguém e a ninguém se prende.
Gente sem amigos, gente que passa pela vida sem iluminar, sem aquecer, sem marcar presença.
Importante é ser Estrela. Estar junto. Ser luz, calor, ser vida.
Amigo é Estrela. Podem passar anos, podem surgir distâncias, mas a marca fica no coração. O coração não quer enamorar-se de Cometas, aqueles que apenas atraem olhares passageiros.
Ser cometa é ser companheiro por instantes, explorar os sentimentos humanos, ser aproveitador das pessoas e das situações.
Solidão é resultado de uma vida cometa. Ninguém fica, todos passam. Há necessidade de se criar um mundo de Estrelas.
Para podermos contar com elas, senti-las como luz e calor.
Assim são os amigos, Estrelas na vida da gente. São aragem nos momentos de tensão e luz nos momentos de desânimo.
Ser Estrela nesse mundo passageiro, nesse mundo cheio de pessoas Cometas, é um desafio.
Mas acima de tudo, uma recompensa. Recompensa de ter sido luz para muitos amigos, calor para muitos corações e acima de tudo, saber que nascemos e vivemos, e não somente existimos.



Autor desconhecido
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: belina em 24 de Novembro de 2010, 16:41
Olá amigos
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 24 de Novembro de 2010, 22:28
.
Tédio no Lar

 in Chico Xavier, Emmanuel, Espiritismo, Família, Reforma Íntima
Uma vez que os Espíritos simpáticos são induzidos a unir-se, como é que, entre os encarnados, freqüentemente só de um lado há afeição e que o mais sincero amor se vê acolhido com indiferença e, até, com repulsão?
Como é, além disso, que a mais viva afeição de dois seres pode mudar-se em antipatia e mesmo em ódio? “Não compreendes então que isso constitui uma punição, se bem que passageira? Depois, quantos não são os que acreditam amar perdidamente, porque apenas julgam pelas aparências, e que, obrigados a viver com as pessoas amadas, não tardam a reconhecer que só experimentaram um encantamento material. Não basta uma pessoa estar enamorada de outra que lhe agrada e em quem supõe belas qualidades. Vivendo realmente com ela é que poderá apreciá-la. Tanto assim que, em muitas uniões, que a princípio parecem destinadas a nunca ser simpáticas, acabam os que as constituíram, depois de se haverem estudado bem e de bem se conhecerem, por votar-se, reciprocamente, duradouro e terno amor, porque assente na estima! Cumpre não se esqueça de que é o Espírito quem ama e não o corpo, de sorte que, dissipada a ilusão material, o Espírito vê a realidade. “Duas espécies há de afeição: a do corpo e a da alma, acontecendo com freqüência tomar-se uma pela outra. Quando pura e simpática, a afeição da alma é duradoura; efêmera a do corpo. Daí vem que, muitas vezes, os que julgavam amar-se com eterno amor passam a odiar-se, desde que a ilusão se desfaça.”
Seja qual seja o motivo em que o tédio se fundamente, recorram os companheiros imanizados em mútua associação no lar ao apoio recíproco mais profundo e mais intensivo. Com isso, estarão em justa defesa da harmonia íntima, sem castigarem o próprio corpo. E reeducar-se-ão, sem hostilizar os que, porventura, lhes demonstrem afeto, mas acolhendo-os, não mais na condição de cúmplices das aventuras deprimentes, a que se renderam outrora, e sim por irmãos queridos, com quem podemos fundir-nos, em espírito, no mais alto amor espiritual.

Extraído do livro Vida e Sexo, F
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 25 de Novembro de 2010, 11:38
Bom dia, meus queridos amigos!

Que a bênção do Pai esteja conosco neste dia de luz...

Muita paz!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 25 de Novembro de 2010, 11:39
Não espere sofrimentos.

Pense sobretudo na sua libertação.
Volte-se para o amor. Cultive o otimismo.

Livre-se de qualquer sofrimento, aceitando as situações
em que se encontrar. Se não aceitá-las, a dor surge em seu peito.

A sua “aceitação” também representa lutar. Mas não é preocupação,
aflição. Esta, a diferença. Lidar com os problemas, sem sofrer.
Entender que temos as condições para vencê-los.

Compreender que tudo vem para o nosso bem é
a melhormaneira de evitar sofrimentos.
 Lourival Lopes.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 25 de Novembro de 2010, 21:31
Nunca lhe faltarão


Os socoros divinos, as iluminações, as boas idéias,
as luzes jamais deixarão de ser fornecidos a você.

Basta que acione o pedido para que o
divino lhe venha em socorro.
Quem pede recebe.
Mas sentir-se atendido depende de você;

Às vezes, você já está com o pedido aceito por Deus,
mas só aceita uma ajuda de acordo com o
que você mesmo quer.

E aí pensa não ter sido atendido.
Aceite a vontade de Deus.
Ele quer o seu bem.

A maior das sabedorias é
obedecer à vontade de Deus.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 25 de Novembro de 2010, 22:53
                          ''Dona Felicidade"

 
Dizem que Dona Felicidade mora longe dos sonhadores, mas não é verdade não! Dona Felicidade mora sempre onde colocamos os nossos sonhos. Uns, colocam seus sonhos em lugares muito altos, imaginam que ser feliz é possuir tudo, outros, já calejados pela vida e pelas lutas do dia a dia, aprenderam a colocar seus sonhos em lugares próximos, buscando realizar apenas um sonho de cada vez.
Quantas pessoas passam uma vida inteira procurando por ela e ela está bem na frente de seus narizes. Mas, tem uma coisa, Dona Felicidade exige que cada pessoa que deseja realmente encontrá-la, vá pessoalmente procurá-la, aí daqueles que entregam a sua felicidade na mão dos outros, aí daqueles que esperam que outras pessoas venham trazer a felicidade para suas vidas.


Por fim, Dona Felicidade manda um recado para você que por qualquer motivo esteja sofrendo, esteja triste, desanimado da vida "o tempo é o melhor remédio e melhor conselheiro" para qualquer situação, não julgue, deixe o tempo trazer a resposta.
Enquanto isso, lute pela sua felicidade, lembre-se que você é a parte mais importante de sua vida e muito importante para a própria vida.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 25 de Novembro de 2010, 23:04
          Boa noite amados amigos!

"LIÇÔES DE VIDA"






Quando você achar que está num beco sem saída e na beira de um abismo pensando que os seus problemas são maiores do que os dos outros...


Lembre-se de quantas vidas são perdidas nas guerras santas lá do oriente médio e das guerras urbanas que você presencia todo instante e se quer consegue entender porque de tanta injustiça.


Lembre-se dos corpos inocentes sendo mutilados pelas máquinas e pelas armas, sem justa causa ou razão nessas guerras, por estarem indefesos diante do poder de fogo do inimigo e da ganância e arrogância dos homens poderosos que se encontram escondidos atrás das suas próprias ambições.


Lembre-se da fome e da sede que afeta regiões de certos países, e nós, como verdadeiros cristãos, não fazemos nada para saciar tal necessidade e nem movemos uma palha para mudar a vida desses infelizes.


Lembre-se das nossas crianças e dos nossos velhos jogados nas calçadas da vida sem terem onde dormir... sem terem um lugar para se alimentar ao cair de uma longa e fria noite de intenso inverno.


Lembre-se de que no mundo existem milhões de pessoas enfermas e em estado terminal esperando apenas pela morte, mas mesmo assim, elas se sentem felizes por estar desfrutando do pouco tempo de vida que ainda lhes restam.


Lembre-se de que você deve estar sempre feliz para poder transmitir uma palavra ou fazer um gesto de solidariedade para quem está necessitando da paz de espírito para sair de uma situação difícil, ou mesmo de uma prisão emocional.


Lembre-se de que você não é a única ou o único ser humano a ter problemas, e, que esses problemas nada mais são do que uma grande fonte de lição para fortalecer o seu espírito quando se encontrar perdido ou perdida no meio das suas próprias causas e razões.


Levanta a cabeça e analise seus problemas encima dessas questões.


Você já se imaginou numa dessas situações ?


Seus problemas jamais serão obstáculos, pois, sua sabedoria e sua inteligência vai lhe dar as respostas das suas perguntas e as soluções para sua maior dificuldade quando estiver perdido ou perdida no meio dos seus pensamentos, ou quando se encontrar num beco sem saida, ou na beira de um precipício esperando por apenas um pequeno empurrão para se livrar da dor e do sofrimento que você mesmo causou para sua vida.


Pense nisso...
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 26 de Novembro de 2010, 03:08

Bom dia, queridos amigos!



Meditações diárias-Mensagem de Bezerra de Menezes, psicografada por Chico Xavier



Meditacoes - Bezerra de Menezes - Chico Xavier (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS93YXRjaD92PXZ5M3JsZEV4VG9BJmFtcDtmZWF0dXJlPWZ2c3Ij)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 27 de Novembro de 2010, 16:37
CORPO E ALMA
 
 
Reservas tempo e espaço para o corpo, que te exige proteção e cuidados.
Fazes bem.
Todavia, necessitas dispensar assistência à alma que te sustenta e conduz.
Preservas os equipamentos orgânicos mediante higiene, alimentação, vestuário, remédios.
É teu dever. Sem embargo, cumpre-te conceder forças morais à alma, que se encarrega de pôr em funcionamento todos esses mecanismos com a indispensável precisão.
Selecionas acepipes, combinas receitas e dietas, facultas repouso e diversão ao invólucro material.
Ages com discernimento.
Entretanto, não esqueças de propiciar conhecimentos iluminativos à alma, a fim de que, renovada, faculte equilíbrio nervoso e harmonia de trabalho aos órgãos em funcionamento.
Fruis prazeres e buscas comodidades para ampliar as reservas de saúde, gozando um constante bem-estar.
Trata-se de providência acertada.
Mesmo assim, dispõe-te à ação da caridade e do vero amor, com os quais a alma se mantém em sintonia com as fontes da Vida.
Desfrutas de festas e recreações como indispensáveis á uma realização total, na qual os esportes te desenvolvem os músculos e preservam as funções fisiológicas.
Concordamos que se trata de um cuidado devido.
Apesar disso, busca a oração e exercita as virtudes morais, de modo a robustecer a alma durante a jornada libertadora.
Corpo e alma constituem uma dualidade que, em síntese, são a mesma unidade da vida universal.
Cuida do corpo e atende a alma.
Socorre o organismo, mas medita em torno das necessidades espirituais.
O corpo é efeito.
A alma é-lhe a causa.
A matéria é escola.
 O ser é o aprendiz que a utiliza.
A forma se dilui.
A essência prossegue.
Vive os impositivos humanos, porém não descures da tua realidade, aquela que preexiste ao corpo e a ele sobrevive.
A vida física é uma experiência no rumo da evolução, enquanto a espiritual é eterna, de onde procedes e para onde retornas.
Vive, pois, de tal forma que, atendendo ao corpo, estejas em condição de deixá-lo, pleno e consciente da tua procedência indestrutível, no rumo da felicidade imorredoura.
 
 
Extraída do Livro Alegria de Viver
Livro Psicografado por Divaldo Pereira Franco – Espírito Joanna de Ângelis
 
s
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 28 de Novembro de 2010, 11:36
Bom dia a todos, meus queridos!!!

Que neste domingo maravilhoso possamos receber as melhores vibrações de amor e paz!!!

Fiquem com Deus!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 29 de Novembro de 2010, 12:25
Cuide-se.


Mesmo sabendo que algo lhe faz mal, ainda assim o deseja,
ou se entrega sem relutância, isso é desprezo a si mesmo.
Não se exponha a sofrimentos, nem trate com negligência
as suas energias, valores, pendores e esperanças.
Escolha o que faz bem a você ou aos outros.
Selecione, averigüe e não se deixe enganar.
Se não souber o que fazer, pergunte aos bem-intencionados.
Pense em Deus, faça uma sincera oração.
Você tem grande valor.
É no coração defendido do mal que entra a felicidade
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 29 de Novembro de 2010, 12:28
Bom dia queridos amigos e irmãos...

Sejam bem-vindos... Muita paz em seus corações...

Sua presença é muito importate para nós....

Estão convidados a trazerem suas mensagens dentro do tema...

Desejamos a todos uma ótima semana repleta de felicidade e amor...

São os sinceros votos de:

(Lima-Gil)



.(Belina...Cris Santana..dOM Jorge...Dothy...EmBuscaDa Luz....Lourdilena..Katiatog...Marly pacheco...Mary Helem...Rose Pedersol...Sol... Sonia Andrade)


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 29 de Novembro de 2010, 12:57
Tenham todos uma semana perfeita!

Com as melhores vibrações e bênçãos de Jesus!

Abraço fraterno...
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Carmen.gbi em 29 de Novembro de 2010, 17:09


Boa tarde! amigos




Jesus disse: "Não se turbe o teu coração", ensinando que a calma e a confiança em Deus devem ser o lema de toda criatura que deseja encontrar a felicidade.
 
Nunca faltam motivos para preocupações, inquietando o coração, perturbando a vida.
 
A existência humana é uma oportunidade de valorização dos bens eternos e de iluminação íntima.
 
Se colocas as tuas ansiedades em Deus e Lhe confias a tua vida, tudo transcorre normalmente, e, se algo perturbador acontece, a serenidade assume o controle da situação e age com acerto.
 
Deste modo, não te permitas turbar o coração nem a mente, ante as ocorrências malsucedidas.

Joanna de Ângelis

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 29 de Novembro de 2010, 17:55
Autoconscientização

Os dias atuais, caracterizados pelos conflitos psicológicos, em face do tumulto que domina o pensamento da sociedade e as ambições de cada indivíduo, exigem profundas reflexões, a fim de que a harmonia permaneça nos sentimentos humanos e na conduta pessoal em relação a si mesmo.

As admiráveis conquistas da Psicologia profunda, contribuindo para a solução dos muitos distúrbios que se apresentam perturbadores, convidam à meditação em torno da realidade que se é, para que sejam superados os condicionamentos em que se encontra, de forma a situar-se com equilíbrio ante os desafios e as injunções, não raro, penosos, que se apresentam em toda parte exigindo decisões inadiáveis.

Atordoando-se ante o volume das atividades que defronta, o indivíduo percebe-se desequipado de valores que lhe facultem uma boa administração das injunções em que se encontra, não sabendo o rumo que deve seguir.

Convidado, porém, à auto-reflexão, à autoconscientização mediante as quais poderá descobrir a sua realidade essencial, recusa-se por automatismo, receando penetrar-se em profundidade, em razão do atavismo castrador a que se submete.

A sombra que o condiciona ao aceito e determinado ameaça-o de sofrimento, caso busque iluminar o seu lado escuro, permitindo-lhe a autoidentificação que se encarregará de libertá-lo das aflições e conflitos de comportamento, que são heranças ancestrais nele prevalecentes.

Vitimado pelo jogo das paixões sensoriais, anula a própria alma que discerne, e procura não se deixar vencer pelos desejos infrenes que o arrastam ao jogo ilusório do prazer desmedido.

Apresentando-se incapaz, no entanto, de lutar pela libertação interior, permite-se arrastar mais facilmente pelo tumulto dos jogos da sensualidade, naufragando nas aspirações de enobrecimento e de cultura, de beleza e de espiritualidade, temendo perder a oportunidade que a todos é oferecida de desfrutar as facilidades e permissões morais que constituem a ordem do dia.

A estrutura psicológica do ser humano é trabalhada por mecanismos muito delicados, sofrendo os golpes violentos da ignorância, do prazer brutalizado, dos vícios inveterados. Não suportando a alta carga de tensões que esses impositivos lhe exigem, libera conflitos e temores primitivos que estão adormecidos, desequilibrando as emoções, cujos equipamentos sutis geram distonias e depressões.

O desvario do sexo, que se tornou objeto de mercado, transformando homens e mulheres em coisas de fácil aquisição, é também instrumento de projeção social, de conquista econômica, de exaltação do ego, despertando nas mentes imaturas psicologicamente ânsias malcontidas de desejos absurdos, nele centralizando todas as aspirações, por considerá-lo indispensável ao triunfo no círculo em que se movimenta.

Incompleto, por não saber integrar os seus conteúdos psicológicos da anima à sua masculinidade e do animus à sua feminilidade, conseguindo a realização da obra-prima que lhe deve constituir meta, o ser humano deixa-se arrastar pelas imposições de um em detrimento do outro, afligindo-se sem saber por qual motivo.

Procura, então, agônico e insatisfeito, recuperação na variedade dos prazeres, identificando-se mais confuso, a um passo de transtorno sempre mais grave, qual ocorre a todo instante no organismo social e nos relacionamentos inter-pessoais.

A sombra governa-o, e ele se recusa à luz da libertação.



Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 30 de Novembro de 2010, 01:26
Boa noite, queridos amigos!



A Cidade dos Resmungos



Era uma vez um lugar chamado Cidade dos Resmungos, onde todos resmungavam, resmungavam, resmungavam.

No verão, resmungavam que estava muito quente.

No inverno, que estava muito frio.

Quando chovia, as crianças choramingavam porque não podiam sair.

Quando fazia sol, reclamavam que não tinham o que fazer.

Os vizinhos queixavam-se uns dos outros, os pais queixavam-se dos filhos, os irmãos das irmãs.

Todos tinham um problema, e todos reclamavam que alguém deveria fazer alguma coisa.

Um dia chegou à cidade um mascate carregando um enorme cesto às costas.

Ao perceber toda aquela inquietação e choradeira, pôs o cesto no chão e gritou:

- Ó cidadãos deste belo lugar ! Os campos estão abarrotados de trigo, os pomares carregados de frutas.

As cordilheiras estão cobertas de florestas espessas, e os vales banhados por rios profundos.

Jamais vi um lugar abençoado por tantas conveniências e tamanha abundância.

Por que tanta insatisfação ? Aproximem-se, e eu lhes mostrarei o caminho para a felicidade.

Ora, a camisa do mascate estava rasgada e puída.

Havia remendos nas calças e buracos nos sapatos.

As pessoas riram que alguém como ele pudesse mostrar-lhes como ser feliz. Mas enquanto riam, ele puxou uma corda comprida do cesto e a esticou entre os dois postes na praça da cidade.

Então segurando o cesto diante de si, gritou :

- Povo desta cidade ! Aqueles que estiverem insatisfeitos escrevam seus problemas num pedaço de papel e ponham dentro deste cesto.

Trocarei seus problemas por felicidade !

A multidão se aglomerou ao seu redor.

Ninguém hesitou diante da chance de se livrar dos problemas.

Todo homem, mulher e criança da vila rabiscou sua queixa num pedaço de papel e jogou no cesto.

Eles observaram o mascate pegar cada problema e pendurá-lo na corda.

Quando ele terminou, havia problemas tremulando em cada polegada da corda, de um extremo a outro.

Então ele disse :

Agora cada um de vocês deve retirar desta linha mágica o menor problema que puder encontrar.

Todos correram para examinar os problemas.

Procuraram, manusearam os pedaços de papel e ponderaram, cada qual tentando escolher o menor problema.

Depois de algum tempo a corda estava vazia.

Eis que cada um segurava o mesmíssimo problema que havia colocado no cesto. Cada pessoa havia escolhido os seu próprio problema, julgando ser ele o menor da corda.

Daí por diante, o povo daquela cidade deixou de resmungar o tempo todo.

E sempre que alguém sentia o desejo de resmungar ou reclamar, pensava no mascate e na sua corda mágica.



Autoria desconhecida
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 30 de Novembro de 2010, 10:54
Você “faz” o seu dia.

Levante-se com ânimo.
Tenha boa disposição desde cedo.
O mau humor pode estragar o seu dia.

Logo ao sair da cama, mentalize:

“Este dia será muito bom para mim.
Hoje só desejarei boas coisas aos outros.
Cumprimentarei a cada um com um sorriso alegre.
Não enxergarei defeito em ninguém.
Nem falarei mal de qualquer pessoa.
Usarei de paciência.
Perdoarei espontaneamente.
Verei um “filho de Deus” em cada rosto”.

Experimente fazer isso.

Predispor-se para o otimismo é um esforço que rende bons frutos
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 30 de Novembro de 2010, 23:17
Não se atormente.

Se até mesmo com as questões mais significativas você
não deve se desesperar, muito menos com as insignificantes.

Não complique o que é simples.

Olhe com confiança na solução.

É o que é simples mais simples fica.

Há em você um mundo de disposições, resoluções
e de forças eficientes e construtivas.

Empregue-as.

E com elas garanta a paz, o ânimo e a alegria.

Nada é atormentador para quem tudo vê com bons olhos.

Uma preocupação que vai embora é um lugar a mais para a paz.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 01 de Dezembro de 2010, 05:19
Bom dia, queridos amigos!


A lição do bambu


Depois de plantada a semente deste incrível arbusto, não se vê nada, Durante 5 anos, todo o crescimento é subterrâneo, invisível a olho nu, Mas, uma maciça e fibrosa estrutura de raiz, que se estende vertical e horizontalmente pela terra está sendo construída.

Um escritor americano escreveu:

"Muitas coisas na vida pessoal e profissional são iguais ao bambu chinês":

você trabalha, investe tempo, esforço, faz tudo o que pode para nutrir seu crescimento,e, às vezes não vê nada por semanas, meses, ou anos.

Mas, se tiver paciência para continuar trabalhando, persistindo e nutrindo, o seu 5º ano chegaráe, com ele, virão um crescimento e mudanças que você jamais esperava...

O bambu chinês nos ensina que não devemos facilmente desistir de nossos projetos,de nossos sonhos... especialmente no nosso trabalho, (que é sempre um grande projeto em nossas vidas)



É que devemos lembrar do bambu chinês, para não desistirmos facilmente diante das dificuldades que surgirão.

Tenha sempre dois hábitos:

Persistência e Paciência, pois você merece alcançar todos os sonhos!!!

É preciso muita fibra para chegar às alturas e, ao mesmo tempo, muita flexibilidade para se curvar ao chão.



Autor desconhecido





Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 01 de Dezembro de 2010, 12:27
Maravilhosa quarta-feira a todos!!!!!

Abraço fraterno, fiquem com Deus!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 02 de Dezembro de 2010, 11:37
Do site http://www.divaldofranco.com/



Dores excessivas


Reclamas o peso do fardo moral sobre os teus ombros frágeis, olvidando-te de que Deus não sobrecarrega a ninguém em demasia. Sempre confere os sofrimentos necessários de acordo com as resistências de que cada qual dispõe.

Identificas dificuldades onde se manifestam oportunidades de crescimento interior, porque te encontras fatigado pelos testemunhos constantes, esquecendo-te de que a árvore cresce silenciosamente embora tombe com grande ruído.

Acreditas-te vítima de ocorrências desgastantes e contínuas, quando, em realidade, representam condições para o teu avanço espiritual, desde que te candidataste ao empreendimento iluminativo.

Certamente, permanecer fiel ao dever, quando outros o abandonam, ou manter-se confiante nos momentos em que as circunstâncias apresentam-se menos favoráveis, constituem um esforço muito significativo. Entretanto, mede-se o caráter de uma pessoa pelos valores dignificantes que o exornam.

O indivíduo comum, que prefere avançar perdido na massa, na futilidade, desempenhando o papel do imediatista e aproveitador, não enfrenta esse tipo de desafios, nada obstante, experimenta outros conflitos perturbadores, porque ninguém se encontra na Terra em caráter de exceção, como quem realiza uma agradável jornada ao país da fantasia.

Aquele que se ilude com a existência terrena igualmente desperta, cedo ou tarde, sendo convocado aos enfrentamentos do processo da evolução.

Desse modo, acumula experiências libertadoras através dos aparentes insucessos e dos contínuos tributos de luta e de compreensão à existência corporal.

Para onde olhes defrontarás intérminas batalhas pela sobrevivência, pela afirmação dos valores mais nobres, mesmo que nas rudes refregas do instinto em crescimento para a razão.

Nos reinos vegetal e animal, o predador está sempre seguindo sua vítima, que adquire mecanismos de salvação, adaptando-se ao meio ambiente, mudando de forma, ocultando-se.

Embora a vitória da herança atávica para a preservação da vida, sucumbem ante o ser humano, cuja inteligência é aplicada à conquista de instrumentos que lhes superam as habilidades, vencendo-os de contínuo.

Apesar disso, aqueles que sobrevivem mantêm prodigiosamente o milagre da vida em operosidade.

O vendaval ameaça a árvore altaneira, que se dobra para deixá-lo passar, ou sofre-lhe o açoite destruidor, reerguendo-se depois e prosseguindo vitoriosa no mister que lhe foi estabelecido.

O barro submete-se ao oleiro, aceita o aquecimento exagerado e mantém a forma que lhe foi conferida.

O solo é sulcado e sacudido de todos os lados, a fim de proporcionar a germinação das sementes.

Os metais derretem-se, de modo a receberem novas expressões que darão beleza ao mundo.

Tudo é renovação contínua, que decorre dos impositivos da evolução
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 03 de Dezembro de 2010, 10:02
Boas idéias virão.


Confie e verá.

Valorize a sua maneira de pensar e as razões que lhe afloram na mente.

Os outros, ainda que bem intencionados, são seus colaboradores.

É você que está à frente de si mesmo e é de dentro de você

que afloram as soluções de acordo com as suas necessidades.

Só você pode ver as aberturas por onde entrar e os meios a utilizar.

Acredite em si mesmo e as idéias sobre o que fazer.

As soluções, procuradas com ardor, aparecem.

Tome a dianteira e a vida seguirá você.

As dúvidas ficam para trás, quando você decide ir à frente.

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 03 de Dezembro de 2010, 10:52
A todos vcs que por aqui passam diariamente a fim de admirarem as postagens tão belas, meus sinceros desejos de um abençoado final de semana, na paz do Senhor!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 04 de Dezembro de 2010, 15:33
Bom dia meus amados amigos!

FESTA ÍNTIMA

                                                                                       Emmanuel

Quando podes reagir, reivindicando vantagens que te pertencem, usurpadas por
outrem e nada reclamas, mantendo tolerância e renúncia nas próprias atitudes...
Quando ouves referências que te ferem a vida particular e guardas silêncio...
Quando sabes que alguém te prejudica conscientemente e procuras encontrar
um caminho de paz, para te afastares do problema, discretamente, sem aborrecer a
quem te aborrece...
Quando sofres acusações indébitas sem te queixares...
Quando atravessas difíceis provas domésticas e sociais, sustentando os que te
cercam, sem entender as complicações de eu te vês objeto...
Quando carregas com paciência os fardos de trabalho e responsabilidade
abandonados em teus ombros por outros irmãos...
Quando suportas tentações, que se te fazem endereçadas por outras pessoas,
recusando-lhes os alvitres sem ofendê-las...
Quando choras, diante de impedimentos amontoados por irmãos infelizes em
torno de ti, para que te afastes do serviço e continuas trabalhando sem queixas...
Então haverão chegado em teu favor os instantes de festa íntima, de vez que,
em todas as ocasiões, nas quais superamos as próprias inferioridades, alcançamos um
degrau acima, na conquista de nossa própria sublimação.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 04 de Dezembro de 2010, 19:22
Viver

    Cada qual de nós, seja onde for, está sempre construindo a vida que deseja.
    Existência é a soma de tudo o que fizemos de nós até hoje.
    Toda melhoria que realizarmos em nós, é melhoria na estrada que somos chamados a percorrer.
    Toda idéia que você venha a aceitar influenciará seu espírito; escolha os pensamentos do bem para orientar-lhe o caminho e o bem transformará sua vida numa cachoeira de bênçãos.
    Se você cometeu algum erro não se detenha para lamentar-se; raciocine sobre o assunto e retifique a falha havida porque somente assim, a existência lhe converterá o erro em lição.
    Muito difícil viver bem se não aprendemos a conviver.
    A vida por fora de nós é a imagem daquilo que somos por dentro.
    Viver é lei da natureza, mas a vida pessoal é a obra de cada um.
    Toda vez que criticamos a experiência dos outros, estamos apontando em nós mesmos os pontos fracos que precisamos emendar em nossas próprias experiências.
    Seu ideal é o seu caminho, tanto quanto seu trabalho é você.
    ANDRÉ LUIZ (Respostas da Vida, cap. 15)

Viver Melhor
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 04 de Dezembro de 2010, 20:37
...
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Denize Moreira em 04 de Dezembro de 2010, 22:11
           "Toda vez que as circunstâncias te induzam a ouvir as verdades do Evangelho, não penses que o acaso esteja presidindo a semelhantes eventos. Forças divinas estarão agindo a fim de que te informes quanto ao teu próprio caminho."

                     Chico Xavier



                                                 (http://www.nomesanimados.com/m/0/mary2.gif)
                                                                             (http://www.nomesanimados.com/h/0/hellen2.gif)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 04 de Dezembro de 2010, 22:26
Boa noite, queridos amigos!


 
Esforço Individual


Você já pensou no valor do esforço individual?

Uma demonstração desse valor foi realizada numa noite escura, sem estrelas, durante um comício patriótico no Coliseu de Los Ângeles.

Havia cerca de cem mil pessoas reunidas no local, quando o presidente avisou que todas as luzes seriam apagadas.

Disse que, embora ficassem na mais completa escuridão, não havia motivo para receio.

Quando as luzes se apagaram e as trevas tomaram conta do ambiente, ele riscou um fósforo e perguntou à multidão

"quem estiver vendo esta pequenina luz queira exclamar sim!"

Um vozerio ensurdecedor partiu da assistência. Todos percebiam aquela minúscula chama.

O silêncio se fez novamente e o homem falou "assim também fulgura um ato de bondade num mundo de maldade."

E insistindo em suas idéias, lançou um desafio "vejamos agora o que acontece se cada um de nós acender um palito de fósforo."

Num instante, quase cem mil minúsculas chamas banharam de luz a imensa arena, fruto da colaboração de cem mil indivíduos, cada um fazendo a parte que lhe tocava.

Essa foi a maneira singela que um homem utilizou para despertar nos indivíduos o valor do esforço pessoal.

Geralmente, na busca de soluções para os problemas, imaginamos que somente grandes feitos poderão ter um resultado eficiente.

Quando olhamos uma imensa montanha, por exemplo, concluímos que muito trabalho foi preciso para que ela tomasse as dimensões que possui, mas nos esquecemos de que ela é formada de pequenos grãos de areia.

Olhando o mundo sob esse ponto de vista, e fazendo a parte que nos cabe, em pouco tempo teríamos um mundo melhor. Mas se pensarmos que somos incapazes de mudar o mundo, mundo permanecerá como está por muito tempo.

Todos temos valores íntimos a explorar. Todos temos condições de contribuir com uma parcela para a melhoria do mundo em que vivemos.

Como pudemos perceber, um palito de fósforo aceso, é capaz de derrotar as trevas.

Pode ser uma pequena chama, mas a sua claridade é percebida à grande distância.

Jesus falou das possibilidades individuais de cada um com a recomendação "brilhe a vossa luz." Assim, quando a situação se apresentar nublada em derredor, podemos acender a nossa pequena chama e romper com a escuridão.

Não importa a situação em que estamos colocados, sempre poderemos fazer algo de bom em benefício de todos.

Cada indivíduo é uma engrenagem inteligente agindo no contexto da máquina social.

E a máquina somente funcionará em harmonia e atingirá seus objetivos se todas as peças cumprirem a parte que lhes cabe.


Autoria desconhecida
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 05 de Dezembro de 2010, 11:12
    Pede a evolução que você se faça veterano da experiência terrestre.
    Não se amedronte diante do erro, mas não caminhe desprevenido.
    A estrada humana conserva armadilhas, a cada passo, colhendo almas invigilantes, contudo, só na crosta planetária obterá você as conquistas que lhe melhorem o ser à luz da imortalidade.
    Há espíritos que, por muitas vezes, partem da carne através da morte e à carne voltam através do berço, quais estátuas inermes que, depois de enterradas durante séculos, volvem ao exame de outrem, sem qualquer aspecto novo que lhes altere os esgares fixos.

    Domine as próprias tendências inferiores que lhe pareçam insubjugáveis.
    Você é soberanamente livre na intimidade do próprio espírito.
    Apenas você decifrará enigmas que transporta na consciência.
    Somente você distorcerá as meadas de sombra que lhe surjam no pensamento.

    Não tente sufocar a sua sede de infinito, porém não se renda às ilusões da maioria.
    Se a taça das espetaculares vitórias humanas quase sempre se destaca repleta de lágrimas alheias, a taça das legítimas vitórias do espírito transborda suor individual.

    Você será sempre o principal sobrevivente de seus dias.
    A sepultura é o nível das medidas terrenas, mas a vida é multiface, no Mais Além; à vista disso, na realidade substancial as suas atitudes e ações meritórias é que constituem a base de sua felicidade e a sua prédica irresistível.
    Cale gemidos e suspiros frustrados, decidindo-se a realmente servir.
    O amor puro é a síntese de todas as harmonias conhecidas.

    A fraternidade é o pacto de Amor Universal entre todas as criaturas perante o Criador.
    Nossa alegria somente viceja em conjunto com a alegria de muitos.
    De que vale a alguém o título de herói numa tragédia? Onde o benefício de uma santidade que terá brilhado no deserto, sem ser útil a ninguém?

    Com o Espiritismo nasceu na Terra a fé raciocinada.
    Você, portanto, interiormente está livre para ajudar a você mesmo, consciente qual se encontra de que auxiliar com desinteresse aos outros é interpretar vivamente a filosofia do Cristo e consolidar a segurança do próprio bem.

(Do livro "Ideal Espírita", 50, F. C. X., edição CEC)

Os dias de amor e sabedoria estão de volta... Dias de André Luiz. Seja bem-vindo!

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 05 de Dezembro de 2010, 15:18
Desejo um domingo de muita paz a todos, com as melhores vibrações de ternura e carinho...
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 05 de Dezembro de 2010, 16:08
"NA VIAGEM DA VIDA"


"Evitas a compra do fruto deteriorado, defendendo a saúde.
Varres o lixo doméstico, purificando o ambiente.
Lavas a roupa suja, garantindo a limpeza.
Usas o remédio preciso, conjurando a enfermidade.
Livra-te também das palavras que desçam da informação à maledicência, preservando o equilíbrio.
*
Bloqueias o fogo.
Diriges a força elétrica.
Isolas o veneno.
Governas a explosão.
Controla igualmente as palavras suscetíveis de converter a energia em crueldade, resguardando a segurança.
*
Verbo deprimente gera a viciação.
Verbo desvairado cria a loucura.
*
A existência terrestre pode ser comparada a laboriosa viagem.
O corpo é a embarcação.
O pensamento é a força.
A língua é o leme."

("O ESPÍRITO DA VERDADE", Emmanuel, psicografia de Francisco Cândido Xavier)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 05 de Dezembro de 2010, 22:25
   Melindres!!

 Não permita que suscetibilidades lhe conturbem o coração.

    Dê aos outros a liberdade pensar, tanto quanto você é livre para pensar como deseja.

    Cada pessoa vê os problemas da vida em ângulo diferente.

    Muita vez, uma opinião diversa da sua pode ser de grande auxílio em sua experiência ou negócio, se você se dispuser a estudá-la.

    Melindres arrasam as melhores plantações de amizade.

    Quem reclama, agrava as dificuldades.

    Não cultive ressentimentos.

    Melindrar-se é um modo de perder as melhores situações.

    Não se aborreça, coopere.

    Quem vive de se ferir, acaba na condição de espinheiro.

ANDRÉ LUIZ
(Sinal Verde, 23, FCX, edição CEC
)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 06 de Dezembro de 2010, 12:33
A cólera não aproveita a ninguém, não passa de perigoso curto-circuito de nossas forças mentais, por defeito de instalação de nosso mundo emotivo, arremessando raios destruidores, ao redor de nossos passos... (Do livro: Entre a Terra e o Céu - André Luiz)

À compreensão da vida a cada momento, tal como ela é; no mundo do relacionamento entre pais, filhos, parentes vizinhos e na sociedade, é a verdadeira oração, é a paz, é uma religião, é o verdadeiro amor e, é o começo da sabedoria, a fim de conservar a saúde da mente e do corpo
.


Bom dia queridos amigos e irmãos... Sejam bem-vindos... Muita paz em seus corações...

Sua presença é muito importate para nós... Estão convidados a trazerem suas mensagens dentro do tema...

Desejamos a todos uma ótima semana repleta de felicidade e amor... São os sinceros votos de:

(Lima-Gil)

.(Belina...Cris Santana..dOM Jorge...Dothy...EmBuscaDa Luz....Lourdilena..Katiatog...Marly pacheco...Mary Helem...Rose Pedersol...Sol... Sonia Andra

Ler mais: http://www.forumespirita.net/fe/auto-conhecimento/terapia-para-a-alma/240/#ixzz17KlR9PLs
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Denize Moreira em 06 de Dezembro de 2010, 23:57
      Vibrações positivas para EmBusacaDaLuz, Macili, Katia, Dothy, Sonia, dom Jorge, belina e a todos aqui presente.


(http://api.ning.com/files/Bfs9YmqbEWHM*RUBem2Zq5fU-w2k1F0nKmyDz6NbCXpcoh0xWUVBAY5qxUyVoWLpOkR9mImsTgHV48O2OyYIZdPdHowHxWTq/4838313880_260e4966b2_b.jpg?width=700)

     Muita serenidade em teu viver, nesta linda casa que nos abriga temporariamente...
Pense nisso !
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 07 de Dezembro de 2010, 11:19
Amiga Mary Helem, obrigada pelo seu habitual carinho com todos nós!

Tenha um dia de muita luz e paz!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 07 de Dezembro de 2010, 11:20
Meu bom dia a todos, com as melhores vibrações de amor e paz!!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 07 de Dezembro de 2010, 12:51
Acorde para Vencer

Não deixe que nada afete seu espírito. Envolva-se
pela música, ouça, cante e comece a sorrir mais cedo.
O bom humor é contagiante espalhe-o, fale de
coisas boas, de saúde de sonhos, de amor.
Ajude as outras pessoas a perceberem o que
há de bom dentro de si. Tudo que merece ser feito,
merece ser bem feito. Torne suas obrigações
atraentes, tenha garra e determinação. Mude,
opine, ame o que faz. Não trabalhe só por dinheiro
e sim pela satisfação da missão cumprida.
Lembre-se de que nem todos têm a mesma
oportunidade. Pense no melhor, trabalhe pelo
melhor espere sempre o melhor.
Você pode tudo que quiser. Perdoe!!
Seja grande para os aborrecimentos, pobre para
a raiva, forte para vencer o medo. O trabalho é
uma das contribuições que damos à vida,
mas não se deve jogar nele todas as nossas
expectativas de realizações. E finalmente,
ria das coisas à sua volta, de seus problemas,
de seus erros, ria da vida. E... ame.
Antes de tudo, a você mesmo!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 08 de Dezembro de 2010, 21:15
Nos Momentos Gravs!!

Use calma. A vida pode ser um bom estado de luta, mas o estado de guerra nunca será uma vida bo
 
Não delibere apressadamente. As circunstâncias, filhas dos Desígnios Superiores, modificam-nos a experiência, de minuto a minuto

Evite lágrimas inoportunas. O pranto pode complicar os enigmas ao invés de resolvê-los
e você errou desastradamente, não se precipite no desespero. O reerguimento é a melhor medida para aquele que cai.
    Tenha paciência. Se você não chega a dominar-se, debalde buscará o entendimento de quem não o compreende ainda.


   Se a questão é excessivamente complexa, espere mais um dia ou mais uma semana, a fim de solucioná-la. O tempo não passa em vão.
    A pretexto de defender alguém, não penetre o círculo barulhento. Há pessoas que fazem muito ruído por simples questão de gosto.
   Seja comedido nas resoluções e atitudes. Nos instantes graves, nossa realidade espiritual é mais visível.
    Em qualquer apreciação, alusiva a segundas e terceiras pessoas, tenha cuidado. Em outras ocasiões, outras pessoas serão chamadas a fim de se referirem a você.
    Em hora alguma proclame seus méritos individuais, porque qualquer qualidade excelente é muito problemática no quadro de nossas aquisições. Lembre-se de que a virtude não é uma voz que fala, e, sim, um poder que irradia
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 09 de Dezembro de 2010, 17:41
Sem Desânimo
A dor te visitou, sem aviso prévio.

É compreensível que a emotividade te envolva, diante de acontecimentos que te atingirem no âmago do ser.

Contudo, procura raciocinar.

Lembra-te do amparo de Deus, que já te sustentou em outras situações difíceis.

Recorda as palavras de Jesus, prometendo consolação aos que sofrem.

Lembra-te dos amigos espirituais que te guiam e vem sustentando os passos, por entre os caminhos espinhosos.

Equilibra-te na certeza de que o tempo é solucionador natural de todos os problemas que não possas resolver de imediato.

Confia em Deus e segue para frente.

Amanhã compreenderás melhor as razões das dores, que, hoje padecem incompreensíveis.

* * *

.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 10 de Dezembro de 2010, 21:02
Se cada um de nós consertar de dentro o que está desajustado, tudo por fora estará certo. ANDRÉ LUIZ.

Se caíste, não recues, nem te lamentes em vão. O erro, freqüentemente, é necessário à lição. Não te colhas à fraqueza, desânimo nada faz. Ergue-te e segue pensando, na força de que és capaz


Queridos amigos... Sejam bem-vindos... Muita paz a todos...

Desejamos um ótima final de semana, repleto de mts felicidades... Abraços afetuoso!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 13 de Dezembro de 2010, 10:36
Você não sabe o que fazer diante de tantos problemas?


Há horas em que o tumulto ou as circunstâncias indecifráveis

tomam-lhe a mente em perigoso redemoinho.

Mas, apesar do aborrecimento a que é levado, considere

que para ser uma grande alma você deve vencer os

instantes dolorosos, como o minério que

passa pelo calor da fornalha.

Faça, então, com que os momentos de aflição convertam-se

em poderosos depuradores dos seus pensamentos.

Sejam eles a caldeira fervente de onde

saiam as idéias limpas das impurezas.

Tenha um bom viver.

O problema não é nada se

você vê nele um benefício.



Bom dia queridos amigos e irmãos...

Sejam bem-vindos... Muita paz em seus corações...

Sua presença é muito importate para nós... Estão convidados a trazerem suas mensagens dentro do tema...

Desejamos a todos uma ótima semana repleta de felicidade e amor... São os sinceros votos de:

(Lima-Gil)

.(Belina...Cris Santana..dOM Jorge...Dothy...EmBuscaDa Luz....Lourdilena..Katiatog...Marly pacheco...Mary Helem...Rose Pedersol...Sol... Sonia Andrade


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 15 de Dezembro de 2010, 10:46
A tua vida é preciosa, e deves colocar todas as tuas forças a serviço do amor.

Desde que és forte, investe na bondade, na paciência e no perdão, que são degraus de ascensão.

Para baixo é fácil, sem esforço, o processo de queda.

A sublimação, a subida espiritual, são o desafio para os teus valores morais.

Aplica-os com sabedoria e fruirás de paz, aureolado pela simpatia que envolve e felicita a todos.

Ademais, a ira é porta de acesso à obsessão, à interferência perniciosa dos Espíritos maus, enquanto o amor; a doçura e o perdão são liames de ligação com Deus, plenificando o homem.

* * *

Franco, Divaldo Pereira. Da obra: Momentos de Felicidade.
Ditado pelo Espírito Joanna de Ângelis.


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Déa Feitosa em 15 de Dezembro de 2010, 11:19
 
Olá, um execelente dia à todos!

O que é a Terapia para Alma?
Para mim é o encontro diário com Deus
Ele sempre terá as respostas para nossas angústias, mesmo quando não entendemos bem seus propósitos.
Nosso dever perante Ele é sempre buscar a alegria de viver.
Muitas vezes tropeçamos no meio do caminho,
Mas Ele está lá nos amparando sempre.
Por que nos sentimos muitas vezes angustiados, tristes, sem saber o que fazer?
Muitas vezes é Deus nos chamando
Para uma conversa, para nos mostrar que sofremos à toa
Se nos lamentamos demais, Ele está ali pra provar que tem pessoas com muitos mais motivos para chorar que nós
Nos dando a certeza do quanto Ele cuida de nós
Nos mostrando que precisamos ser melhores a cada dia
Nos ensinando a ter paciência
Nos ensinando a ser menos orgulhoso e mais humilde
Nos ensinando que fora a caridade não tem salvação
Devemos praticar todos os dias a Terapia para a Alma
Que é o amor sublime para com Deus e para com tudo que Ele criou
Amando uns aos outros , desejando ao outro tudo o que desejamos à nós mesmo
Quando aprendermos esta lição
A Terapia para a Alma
Será a sublime Terapia para o Amor
A qual fará que Ele, o amor, somente cresça sempre e sempre.

Fiquem em paz, e muita luz em nossas vidas

By Andréa Feitosa - 15/12/2010
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 15 de Dezembro de 2010, 11:21
...
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 15 de Dezembro de 2010, 11:22
Olá Andrea...

Seja sempre bem-vinda...
Que felicidade te encontrar aqui também...
Agradecemos tua rica contribuição amiga...
Volte sempre... Receba nosso afetuoso abraço!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Déa Feitosa em 15 de Dezembro de 2010, 12:06
Olá, Dothy

Sou eu quem tenho que agradecer o constante carinho de vocês.

Abs
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 16 de Dezembro de 2010, 11:58
Deus Sabe

Há momentos muito difíceis, que parecem insuperáveis, enriquecidos de problemas e dores que se prolongam, intermináveis, ignorados pelos mais próximos afetos, mas que Deus sabe.

Muitas vezes te sentirás à borda de precipícios profundos, em desespero, e por todos abandonado. No entanto, não te encontrarás a sós, porque, no teu suplício, Deus sabe o que te acontece.

Injustiçado, e sob o estigma de calúnias destruidoras, quando, experimentando incomum angústia, estás a ponto de desertar da luta, confia mais um pouco, e espera, porque Deus sabe a razão do que te ocorre.

Vitimado por cruel surpresa do destino, que te impossibilita levar adiante os planos bem formulados, não te rebeles, entregando-te à desesperação, porque Deus sabe que assim é melhor para ti.

Crucificado nas traves ocultas de enfermidade pertinaz, cuja causa ninguém detecta, a fim de minimizar-lhe as conseqüências, ora e aguarda ainda um pouco, porque Deus sabe que ela vem para tua felicidade.

Deus sabe tudo!

Basta que te deixes conduzir por Ele, e sintonizado com a Sua misericórdia e sabedoria, busca realizar o melhor, assinalando o teu caminho com as pegadas de luz, características de quem se entregou a Deus e em Deus progride.

* * *
Franco, Divaldo Pereira. Da obra: Filho de Deus.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 16 de Dezembro de 2010, 12:03
Amiga Dothy, obrigada pelo seu habitual carinho e meus mais sinceros parabéns pela condução do estudo mensal que está sendo um verdadeiro sucesso!!!

Muita paz a vc e toda a equipe...

Dia de luz para todos, com as bênçãos do Alto!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 17 de Dezembro de 2010, 12:45
Auto- Conscientização!!

Jesus asseverou com propriedade ser a luz do mundo, porque a Humanidade se encontrava em profunda escuridão, qual ocorre nos dias presentes.

A Sua é a mensagem de responsabilidade pessoal perante a vida, e de serviço constante em favor de si mesmo e da coletividade.

Trazendo aos homens e mulheres o Seu exemplo de amor e de abnegação, não se propôs carregar o fardo do mundo, a fim de liberá-los de suas responsabilidades, mas ensinou a todos como conduzirem os seus problemas e angústias, solucionando-os com o amor a Deus, a si mesmos e ao próximo, por ser esse sentimento de amor a perene luz de libertação de toda a sombra existente no mundo íntimo e na sociedade em geral.

*  *  *

Divaldo P. Franco.
Ditado pelo Espírito Joanna de Ângelis.



Queridos amigos... Sejam sempre bem-vindos... Muita paz...

Estão convidados a trazerem suas mensagens...
Desejamos um, ótimo final de semana de muitas felicidades...

Voltem sempre.. Abraços afetuosos..



Participe:

I ENCONTRO DOS MEMBROS DO FÓRUM DIA 19 E 20 DE FEVEREIRO DE 2011 RESERVAS
encontrofeol@hotmail.co

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 17 de Dezembro de 2010, 13:21
...
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 18 de Dezembro de 2010, 05:29
Bom dia, irmãos queridos!


                                                             5. EXPERIÊNCIAS
                                   “Fiz-me, acaso, vosso inimigo, dizendo a verdade?”
                                                                (Gálatas, 4.16)

A vida transcorre para todos, oferecendo as mesmas possibilidades aos filhos dos homens. Todos têm o mesmo ponto de partida, e depende de cada um o seu futuro, baseado em suas próprias escolhas e no seu esforço pessoal.

As transformações proporcionadas pela experiência no mundo levam ao aprimoramento intelectual e moral das criaturas. Os entrechoques da existência com as dificuldades naturais do cotidiano funcionam como buril interior, lapidando as arestas íntimas. Essa experiência, por proporcionar o desapego lento da matéria e a elevação moral do indivíduo, é dolorosa e incômoda. Entretanto, é necessário experimentar essas oportunidades que a vida enseja, pois funcionam como poderoso instrumento para retirar o homem do comodismo e da letargia espiritual.

É preciso que, às vezes, algo ou alguma força externa venha abalar a estnitura do ser, a fim de despertá-lo para a necessidade de mudanças mais profindas. Incomodado pela ação de agentes externos que ameaçam a sua aparente estabilidade, o homem resolve movimentar-se. O incômodo e a insatisfação poderão produzir atitudes que gerem progresso.

É preciso compreender os mecanismos engendrados pela evolução, lei sábia que impulsiona tudo para a frente, que eleva as criaturas e aperfeiçoa seres e coisas.

Quando o homem descobre o mecanismo funcional do processo evolutivo, não mais se vê como vítima da ação de forças ou das circunstâncias, pois, consciente, passa a coordenar sua própria escalada. Com o conhecimento de si mesmo, das leis da vida, que regulam o ritmo e a harmonia, o homem produz mais e expande-se para novas fronteiras do conhecimento e das realizações pessoais.

É preciso estudar mais para conhecer melhor e viver com a riqueza das experiências que a vida proporciona.

Não há como evitar os entrechoques da vida, mas, conhecendo as leis que os regulam, é possível viver com mais intensidade para superar os limnites e tornar-se pleno como filho do universo. 
                                                                                                                                                                                                                    Alex Zarthúr
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 20 de Dezembro de 2010, 10:51
Bom dia queridos amigos e irmãos... Sejam bem-vindos... Muita paz em seus corações...

Sua presença é muito importate para nós... Estão convidados a trazerem suas mensagens dentro do tema...

Desejamos a todos uma ótima semana repleta de felicidade e amor... São os sinceros votos de:


(Lima-Gil)

.(Belina...Cris Santana..dOM Jorge...Dothy...EmBuscaDa Luz....Lourdilena..Katiatog...Marly pacheco...Mary Helem...Rose Pedersol...Sol... Sonia Andra



Medicamentos Evangélicos

Ajude sempre.
Não tema.
Jamais desespere.
Aprenda incessantemente.
Pense muito.
Medite mais.
Fale pouco.
Retifique, amando.
Trabalhe feliz.
Dirija, equilibrado.
Obedeça, contente.
Não se queixe.
Siga adiante.
Repare além.
Veja longe.
Discuta serenamente.
Faça luz.
Semeie paz.
Espalhe bênçãos.
Lute, elevando.
Seja alegre.
Viva desassombrado.
Demonstre coragem.
Revele calma.
Respeite tudo.
Ore, confiante.
Vigie, benevolente.
Caminhe, melhorando.
Sirva hoje.
Espere o amanhã.


* * *

Xavier, Francisco Candido. Da obra: Agenda Cristã.
Ditado pelo Espírito André Luiz.

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: EmBuscaDaLuz em 20 de Dezembro de 2010, 11:20
Desejo uma semana de muita luz e paz a todos!!!

Fiquem com Deus!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Denize Moreira em 20 de Dezembro de 2010, 23:43

           MEDO



Não tenhas medo!
O medo brota da insatisfação, da preguiça, do não ter com o que se ocupar.
Procura algo para fazer! Exerce o bem que emana do teu coração; não tenhas medo de perder o que não tens. Quando estiveres te sentindo perdido, sem ter o que fazer nem ter para onde ir, olha ao teu redor que irás ver alguém precisando do teu amor, da tua palavra amiga. Não penses que não tens amor para dar, tens e muito, é que este amor está bem escondido... Mas quando perderes o medo, ele brotará qual torrente num dia de chuva e aí sim, te sentirás a pessoa mais feliz do mundo, serás grande e terás a certeza que tanto procuras. A certeza de que a vida é bela e que "Deus" existe realmente. Tens tuas dúvidas, mas isso logo passará, é só teres coragem de vencer a preguiça e deixar emergir tua espiritualidade que, de tão aflorada, já não consegues mais segurar.
Esquece esta palavra "MEDO" e tudo se clareará na tua mente. Não duvides que nós existimos!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 22 de Dezembro de 2010, 10:04
Decisão e Vontade

Incerteza parece coisa de pouca monta, mas é assunto de importância fundamental no caminho de cada um.

*

As criaturas entram na instabilidade moral, habituam-se a ela, e passam ao domínio das forças negativas sem perceber.

Dizem-se confiantes pela manhã e acabam indecisas à noite.

Freqüentemente rogam em prece:

- Senhor! Eis-me diante de tua vontade!...

Mostra-me o que devo fazer!...

E quando o Senhor lhes revela, através das circunstâncias, o quadro de serviço a expressar-se, conforme as necessidades a que se ajustam, exclamam em desconsolo:

- Quem sou eu para realizar semelhante tarefa?

Não tenho forças.

Ai de mim que sou inútil!...

Sabem que é preciso servir para se renovarem, mas paradoxalmente esperam renovar-se sem servir.

Dispõem de verbo fácil e muitas vezes se proclamam inabilitadas para falar auxiliando a alguém nas construções do Espírito.

Possuem dedos ágeis, quais filtros inteligentes engastados nas mãos; entretanto, costumam asseverar-se inseguras na execução das boas obras.

Ouvem preleções edificantes ou mergulham-se na assimilação de livros nobres, prometendo heroísmo para o dia seguinte, mas, passada a emoção, volvem à estaca zero, à maneira de viajante que desiste de avançar nos primeiros passos de qualquer jornada.

Louvam na rua o equilíbrio e a serenidade e, às vezes, dentro de casa, disputam campeonatos de irritação.

O dever jaz à frente, a oportunidade de elevação surge brilhando, os recursos enfileiram-se para o êxito e realizações chamam urgentes, mas preferem a fuga da obrigação sob o pretexto de que é preciso cautela para evitar o mal, quando o bem francamente lhes bate à porta.



Tudo o que serve para corrigir, elevar, educar e construir, nasce primeiramente no esforço da vontade unida à decisã
o.

* * *

Xavier, Francisco Cândido. Da obra: Rumo Certo.
Ditado pelo Espírito Emman
uel.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 22 de Dezembro de 2010, 10:08
Queridos amigos e irmãos... Sejam todos bem-vindos

Desejamos a todos um Feliz Natal, repleto de felicidades, saúde, paz, e muito amor...
São os sinceros votos de:


(Lima-Gil)




.(Belina...Cris Santana.. Deia Feitosa....dOM Jorge...Dothy...EmBuscaDa Luz....Lourdilena..Katiatog...Marly pacheco...Mary Helem...Rose Pedersol...Sol... Sonia Andrade)



Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 24 de Dezembro de 2010, 07:22
Bom dia, queridos amigos!


Amanhã é Natal


 
Os dias se sucedem tão rápidos que nem nos damos conta... e amanhã já é Natal outra vez...

Foram tantas as lutas...

Você certamente teve problemas, trabalhou, sofreu, sorriu... como todo mundo.

Foram tantos os obstáculos... mas as forças foram ainda maiores, que permitiram superá-los.

Os desentendimentos familiares não foram poucos... mas a fraternidade logrou êxito.

Um filho querido talvez tenha adentrado pelos escuros caminhos das drogas, mas a coragem foi tanta que deu suporte nos momentos amargos.

O lar, tão tranquilo outrora, esteve ameaçado por terríveis tempestades... Quase sucumbiu... mas os laços fortes do amor o sustentaram...

A separação promovida pela morte dilacerou as fibras mais sutis da alma... mas a fé em Deus e a certeza da Imortalidade conseguiram cicatrizá-las.

A enfermidade cruel nos visitou ou visitou os entes queridos, mas a confiança e a dedicação conseguiram afastá-la.

Enfim, foram tantas dores, tantos momentos amargos... mas também tantas alegrias, tantas vitórias...

Amanhã é Natal...

E Natal é tempo de fraternidade, perdão, solidariedade...

E porque amanhã é Natal, reunamo-nos todos os que lutamos juntos, na alegria e na dor, e que apesar de tudo permanecemos unidos.

Olhemos para a mãezinha a quem chamamos o ano inteiro para pedir roupa limpa, comida, e digamos: Mãe, o que seria da minha vida sem você? Eu a amo, mãezinha querida.

Ao pai a quem só nos dirigimos para pedir dinheiro, carro emprestado, cartão de crédito, e falemos com carinho: Olá, paizão! Apesar de não ter o costume de dizer eu o amo, tenho certeza de que minha vida não teria sentido sem você.

Acerquemo-nos daquele irmão com quem não conversamos, olhemos nos seus olhos e falemos: Olá, mano! Que bom ter você no meu caminho!

Aproximemo-nos daquele filho drogado, infeliz, rebelde, e falemos com ternura: Filho, você é a estrela da minha estrada! Sem você a vida não teria sentido...

E, porque amanhã é Natal... busquemos a serviçal doméstica, que chega ao nosso lar muitas vezes antes do sol nascer e só vai embora depois que o último filho chega do colégio, para lavar a louça e deixar tudo em ordem, e digamos: Minha amiga, precisamos uns dos outros. Que bom poder contar com você por mais um ano!

E, porque amanhã é Natal... olhemos para nosso patrão e falemos o quanto ele tem sido importante em nossa vida, pois nos ajuda a ganhar o pão de cada dia.

E, porque amanhã é Natal... busquemos um lar pobre, onde a fome insiste em se fazer presente e a expulsemos, ainda que por um dia...

Levemos uma alimentação saborosa, temperada com o nosso mais puro afeto e permaneçamos por algum tempo junto aos habitantes, irmãos financeiramente mais carentes que nós.

*  *  *

E, porque amanhã é Natal... lembremo-nos do Aniversariante mais ilustre de que a Terra teve notícias...

Arrebentemos os laços de discórdia que porventura haja entre os familiares e amigos e abracemo-nos com ternura.

E, porque amanhã é Natal... mostremos ao Aniversariante que a Sua vinda à Terra não foi em vão...

Roguemos que nos perdoe por tê-Lo crucificado... E deixemos que Ele nos abrace e nos aconchegue junto ao Seu coração magnânimo...

Porque, amanhã, é Natal...



Redação do Momento Espírita
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 25 de Dezembro de 2010, 10:54
                         VIVA JESUS!



     Bom-dia! queridos irmãos.



        Mensagem de Conforto

Livro: Busca e Acharás
André Luiz & Francisco Cândido Xavier



Quando você se observar, à beira do desânimo, acelere o passo para frente, proibindo-se parar.

Ore, pedindo a Deus mais luz para vencer as sombras.

Faça algo de bom, além do cansaço em que se veja.

Leia uma página edificante, que lhe auxilie o raciocínio na mudança construtiva de idéias.

Tente contato de pessoas, cuja conversação lhe melhore o clima espiritual.

Procure um ambiente, no qual lhe seja possível ouvir palavras e instruções que lhe enobreçam os pensamentos.

Preste um favor, especialmente aquele favor que você esteja adiando.

Visite um enfermo, buscando reconforto naqueles que atravessam dificuldades maiores que as suas.

Atenda às tarefas imediatas que esperam por você e que lhe impeçam qualquer demora nas nuvens do desalento.

Guarde a convicção de que todos estamos caminhando para adiante, através de problemas e lutas, na aquisição de experiência, e de que a vida concorda com as pausas de refazimento das nossas forças, mas não se acomoda com a inércia em momento algum.


                                       PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 25 de Dezembro de 2010, 18:55
                      VIVA JESUS!



   Olá, caros irmãos.


    CONFIA SEMPRE

Não percas a tua fé entre as sombras do mundo.
Ainda que os teus pés estejam sangrando, segue para a frente, erguendo-a por luz celeste, acima de ti mesmo.
Crê e trabalha.
Esforça-te no bem e espera com paciência.
Tudo passa e tudo se renova na Terra, mas o que vem do céu permanecerá.
De todos os infelizes, os mais desditosos são os que perderam a confiança em Deus e em si mesmos, porque o maior
infortúnio é sofrer a privação da fé e prosseguir vivendo.
Eleva, pois, o teu olhar e caminha.
Luta e serve. Aprende e adianta-te.
Brilha a alvorada além da noite.
Hoje, é possível que a tempestade te amarfanhe o coração e te atormente o ideal, aguilhoando-te com a aflição ou
ameaçando-te com a morte...
Não te esqueças, porém, de que amanhã será outro dia.
Espírito: MEIMEI
Médium: Francisco Cândido Xavier
Livro: "Cartas do Coração" - EDIÇÃO LAKE


                                        PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 27 de Dezembro de 2010, 08:09
                  VIVA JESUS!


   Bom-dia! caros irmãos. 
   

A Oração Dominical
Foste chamado certa vez de O Grande Foco de Luz Incriada; achamos, porém muito complicado... Por teres criado o Universo e todas as criaturas que conhecemos, denominam-te Criador. Por seres a divindade perfeita, supremamente justa e bondosa, também conhecemos-te simplesmente por Deus. Como reinas em toda parte, até mesmo em nossos corações, ser-nos-ia correto chamar-te Rei. Mas por desejarmos uma aproximação íntima contigo, preferiremos usar uma atribuição mais carinhosa e, assim, vamos chamar-te, quase sempre, de Pai. Para que recordamos ser essa a verdadeira e definitiva filiação, mais real que a simples e transitória filiação humana do corpo físico, te invocaremos como nosso Pai na maioria das vezes em que orarmos. Assegurando à nossa mente estares sempre conosco, afirmaremos estares nos céus, em todo lugar, dentro e fora de nós.
Nossos espíritos eternos te rogarão então três pedidos. O primeiro expressará a essência divina do teu nome, revelando o voto de todas as criaturas para que te santifiquem. Pois se tudo o que conhecemos, que vemos e que existe é sustentado por ti, que possamos honrar-te, tornando-nos mais sábios e mais sadios, moral e fisicamente, E que jamais deixemos de ver-te manifestado em todos, em tudo e em toda parte, seja em nossos pensamentos, palavras e atos. Depois te pediremos que o mundo se coloque sob o teu reinado, o reinado do espírito, pois o reinado da matéria nos ilude e não permite que nos unifiquemos definitivamente a ti. Queremos também encontrar-te dentro de nós rapidamente, por isso te rogamos venha o teu reino. E reconhecendo que devemos conformarmo-nos aos teus desígnios soberanos, manifestamos-te nossa aspiração para que a tua vontade seja satisfeita na Terra, como é em todo o Universo. É que sabemos estar entre pólos antagônicos, numa luta perene entre o bem e o mal, egoísmo e amor, sabedoria e ignorância, espírito e matéria. Prazeres e gozos egoístas nos impelem à infidelidade e à ingratidão. Ao obedecer tuas ordens, deixaremos de fezer prevalecer nossa vontade pequena e caprichosa, procurando tua influência para as ações superiores, Que a voz silenciosa de nossa consciência seja porta-voz dessa súplica, para que saibamos satisfazer espontaneamente a tua vontade.
Por ainda estarmos prisioneiros na carne, com grandes necessidades espirituais, ousaremos endereçar-te outros quatro pedidos. Auxilia-nos a conquistar pelo trabalho o alimento indispensável às forças do nosso corpo. Mas que esse pão de cada dia não se circunscreva à matéria, pois precisamos mais intensamente do pão para desenvolvimento do Espírito. Nenhum maior ou melhor alimento para nós que conquistá-lo: o conhecimento de Espiritualidade, a Sabedoria, que nos esclarece sobre a Verdade que tu és. Concede-nos, ó Pai, forças para apagar de nossa alma todo o ressentimento, todo ódio e todo rancor. Não conseguiremos nos libertar se nos atarmos aos devedores pela mesquinha exigência de pagamento, Portanto, se os houvermos perdoado, liberta-nos dos nossos próprios erros do passado e perdoa as nossas dívidas para contigo. Tememos as quedas provocadas pela cegueira temporária da matéria. Esquecemos dos erros cometidos em outras vidas e das provas a que nos dispomos submeter em cada reencarnação para saudá-los. Te rogamos socorro, para enfrentarmos as nossas tentações sem sucumbir, as provações que experimentarão as nossas forças e que, talvez, nos conduzam à derrota. Finalmente pedimos-te. Senhor, livra-nos do mal, liberta-nos do ciclos reencarnatórios que nos prendem à matéria há tantos milénios e que cerceiam os voos do Espírito, que possibilitarão alcançar-te. Ainda estamos submersos em abismos, aonde mergulhamos devido ao nosso egoísmo e rebeldia. Precisamos dirigir a maior parte de nossos esforços contra nós mesmos, para que saiamos desse vale escuro e enevoado, buscando o sol que emana de ti.



Marcelo de Oliveira Orsini                                 PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 27 de Dezembro de 2010, 10:47
Mágoa

Síndrome alarmante, de desequilibro, a presença da mágoa faculta a fixação de graves enfermidades físicas e psíquicas no organismo de quem a agasalha.

A mágoa pode ser comparada à ferrugem perniciosa que destrói o metal em que se origina.

Normalmente se instala nos redutos do amor-próprio ferido e paulatinamente se desdobra em seguro processo enfermiço, que termina por vitimar o hospedeiro.

De fácil combate, no início, pode ser expulsa mediante a oração singela e nobre, possuindo, todavia, o recurso de, em habitando os tecidos delicados do sentimento, desdobrar-se em modalidades várias, para sorrateiramente apossar-se de todos os departamentos da emotividade, engedrando cânceres morais irreversíveis. Ao seu lado, instala-se, quase sempre, a aversão, que estimulam o ódio, etapa grave do processo destrutivo.

A mágoa, não obstante desgovernar aquele que a vitaliza, emite verdadeiros dardos morbíficos que atingem outras vítimas incautas, aquelas que se fizeram as causadoras conscientes ou não do seu nascimento.

Borra sórdida, entorpece os canais por onde transita a esperança, impedindo-lhe o ministério consolador.

Hábil, disfarça-se, utilizando-se de argumentos bem urdidos para negar-se ao perdão ou fugir ao dever do esquecimento. Muitas distonias orgânicas são o resultado do veneno da mágoa, que, gerando altas cargas tóxicas sobre a maquinaria mental, produz desequilíbrio no mecanismo psíquico com lamentáveis conseqüências nos aparelhos circulatório, digestivo, nervoso...

O homem é, sem dúvida, o que vitaliza pelo pensamento. Sua idéias, suas aspirações constituem o campo vibratório no qual transita e em cujas fontes se nutre.

Estiolando os ideais e espalhando infundadas suspeitas, a mágoa consegue isolar o ressentido, impossibilitando a cooperação dos socorros externos, procedentes de outras pessoas.

Caça implacavelmente esses agentes inferiores, que conspiram contra a tua paz. O teu ofensor merece tua compaixão, nunca o teu revide.

Aquele que te persegue sofre desequilíbrios que ignoras e não é justo que te afundes, com ele, no fosso da sua animosidade.

Seja qual for a dificuldade que te impulsione à mágoa, reage, mediante a renovação de propósitos, não valorizando ofensas nem considerando ofensores.

Através do cultivo de pensamentos salutares, pairarás acima das viciações mentais que agasalham esses miasmas mortíferos que, infelizmente, se alastram pela Terra de hoje, pestilenciais, danosos, aniquiladores.

Incontáveis problemas que culminam em tragédias quotidianas são decorrência da mágoa, que virulenta se firmou, gerando o nefando comércio do sofrimento desnecessário.

Se já registras a modulação da fé raciocinada nos programas da renovação interior, apura aspirações e não te aflijas. Instado às paisagens inferiores, ascendo na direção do bem. Malsinado pela incompreensão, desculpa. Ferido nos melhores brios, perdoa.

Se meditares na transitoriedade do mal e na perenidade do bem, não terás outra opção, além daquela: amar e amar sempre, impedindo que a mágoa estabeleça nas fronteiras da tua vida as balizas da sua província infeliz.

"Quando estiveres orando, se tiverdes alguma coisa contra alguém, perdoai-lhe, para que vosso Pai que está nos Céus, vos perdoe as vossas ofensas". - Marcos: 11-25.

"Não sou feliz! A felicidade não foi feita para mim! exclama geralmente o homem em todas as posições sociais. Isto, meus caros filhos, prova melhor do que todos os raciocínios possíveis, a verdade desta máxima do Eclesiastes: "A felicidade não é deste mundo". - Cap.V - Item 20.

*  *  *

Franco, Divaldo P.. Da obra: Florações Evangélicas.
Ditado pelo Espírito Joanna de Ângelis.\

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 27 de Dezembro de 2010, 11:05
Bom dia queridos amigos e irmãos... Sejam bem-vindos... Muita paz em seus corações...

Sua presença é muito importate para nós... Estão convidados a trazerem suas mensagens dentro do tema...

Desejamos a todos uma ótima semana repleta de felicidade e amor... São os sinceros votos de:

(Lima-Gil)

(Belina...Cris Santana... Deia Feitosa..dOM Jorge...Dothy...EmBuscaDa Luz....Lourdilena..Katiatog...Marly pacheco...Mary Helem...Rose Pedersol...Sol... Sonia Andrade)



Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 28 de Dezembro de 2010, 13:14
Necessário Despertar...

Substitui, mediante as informações libertadoras do Espiritismo, os velhos hábitos, um a um, adotando novo comportamento mental, e, depois, vivencial, a fim de que a renovação se te faça contínua, incessante.

Fixa-te no propósito de vencer os velhos condicionamentos e adota as propostas de ação positiva, que te auxiliarão no crescimento íntimo.

Liberta-te dos instrumentos frágeis de justificação, evitando as fugas psicológicas à realidade, à responsabilidade.

Insiste na lapidação das arestas grosseiras da personalidade e adapta-te ao novo modo de entender e ser, incorporando à conduta as diretrizes espirituais.

Dar-te-ás conta dos benefícios imediatos que advirão, das soluções aos problemas que surgirão, enfim, de que o empenho se coroa de êxito na razão direta do esforço encetado.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 29 de Dezembro de 2010, 09:47
Viver com alegria

Não sobrecarregues os teus dias com preocupações desnecessárias, a fim de que não percas a oportunidade de viver com alegria. Não cultive desafetos, recordando que a aversão por determinada criatura é, quase sempre, o resultado da aversão que lhe impuseste. Aprenda a desculpar infinitamente para que os seus erros, à frente dos outros, sejam esquecidos e perdoados.

André Luiz
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 30 de Dezembro de 2010, 10:30
Evite Mágoas

 

Se não quiseres sofrer com as consciências atrasadas no que tange a evolução espiritual, procure ajudá-las.

Aperfeiçoando a tua consciência, fazendo a tua parte com bastante humildade e perseverança. Procures não julgar o próximo, pois todos nós temos coisas a corrigir. Em primeiro plano, analises tuas maiores fraquezas , depois tuas falhas menores, tudo isto com muita paciência e calma. Trabalhes no bem infinitamente, refinando cada vez mais o que tens de melhor. Fazendo isto, o Alto te recompensará com uma dádiva de alegrias. Trabalhes sem esmorecer, não importando os resultados. Tenhas sempre disposição e perseverança, Lembra-te da célebre frase do Mestre Allan Kardec: “Ser hoje melhor do que ontem e amanhã ser melhor do que ontem e amanhã ser melhor do que hoje”. Mesmo que sofras, deixes o orgulho e o ego de lado. Mantenha-te firme, igualmente à coluna de um grande prédio, onde qualquer trepitação poderá colocar em risco todos os andares. Mesmo que estejas distante da luz, os que isto aconteça, é necessário abrir o coração. Mesmo nas trevas uma chama de amor acesa, pois sem ela; a vida não diariamente lembra-te dos ensinamentos do Divino Mestre Jesus: “Amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a ti mesmo”.

 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 30 de Dezembro de 2010, 10:34
Queridos amigos e irmãos... Sejam sempre bem-vindos...

Agradecemos suas visitas constantes a este tópico, enriquecendo ele ainda mais...
Desejamos a todos uma Feliz Ano Novo, repleto de mudanças, felicidades, saúde, paz, prosperidade, sucesso e muito amor...
Voltem sempre... Recebamo nosso afetuoso abraço.... São os sinceros votos de:

(Lima- Gil)

(Belina...EmBuscaDaLuz...dOM Jorge... Dothy... Katiatog... Marly Pacheco)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 31 de Dezembro de 2010, 14:39

Bom dia, queridos amigos!



Iniciando um ano novo (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS93YXRjaD92PXVvNlBvaHhZdFNvIw==)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 31 de Dezembro de 2010, 15:22
                     Bom dia!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

DE ALMA PARA ALMA

Escuta, alma querida!
Ante as perturbações e os empeços da vida,
Onde não possas ajudar
A dissipar a treva e extinguir o pesar,
Nada fales, em vão!...
Uma palavra, às vezes, tão-somente,
Na moldura de um gesto irreverente,
Basta para espancar o coração.

Se anotas sombra e dor, por onde jornadeias
Dá consolo e respeito às aflições alheias...
Tempo vai, tempo vem...
E assim como o carvão se faz diamante puro,
Na forja do destino, em louvor do futuro,
Todo o mal se converte em coluna do bem.

Usa o verbo, esparzindo novas luzes,
Não condenes, não firas, não acuses!...
Onde enxergares pedra, lodo, espinho,
Cobre de paz e amor as lutas do caminho.

Lembremos nossos erros, teus e meus!...
Todos sofremos provas, alma boa,
Trabalha, serve, ajuda, ama e abençoa
E encontrarás contigo a presença de Deus.

Maria Dolores.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 31 de Dezembro de 2010, 15:32
DEUS CONTA CONTIGO

Ouço-te, às vezes, coração amigo,
Em torno ao bem, numa questão qualquer:
— “Farei... Conseguirei... Conta comigo...
Se Deus quiser, se Deus quiser...”

Mas não te alteres, a pretexto disso.
De segundo a segundo, estrada a estrada,
A Vontade de Deus é revelada
Em bondade e serviço.

Fita os quadros da gleba, campo afora:
Tudo o que existe, vibra, luta e sente,
Serve constantemente,
Dia-a-dia, hora a hora!...

De alvorada a alvorada, o Sol fecundo,
Sem aguardar requerimento
Garante sem cessar o equilíbrio do mundo
De seu carro de luz no firmamento.

A fonte, a deslizar singela e boa,
Passa fazendo o bem,
Dessedenta, consola, alivia, abençoa
Sem perguntar a quem...

Sem recorrer a humanos estatutos,
Nem a filosofias enganosas,
A laranjeira estende os próprios frutos,
A roseira dá rosas...

O lírio não se ofende, nem reclama:
Sobre a terra onde alguém lhe deitou a raiz,
Seja em vaso de estufa ou num trato de lama,
Desabrocha feliz.

Assim no mundo, coração amigo,
Faze o bem onde for, seja a quem for;
Em toda parte, Deus conta contigo
Na tarefa do amor.

Maria Dolores.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 02 de Janeiro de 2011, 19:36
                                 VIVA JESUS!



      Boa-tarde! queridos irmãos.


            Oração e Paciência

Visitado pela agressividade gratuita dos atormentados, guarde-se na
oração na paciência. A oração lhe concederá inspiração, e a paciência o tesouro do tempo para a indispensável compreensão do problema.

Autor: Marco Prisco
Psicografia de Divaldo Franco



                                          PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 06 de Janeiro de 2011, 09:26
                            VIVA JESUS!


     Bom-dia! queridos irmãos.


         
Drágea de Gratidão
 


Senhor !


Ensina-me a não esperar recompensa pelo bem praticado.

Nem mesmo um sorriso.

As pessoas ficam felizes quando recebem algo de bom que lhes faço, mas nem todas se mostram agradecidas. Talvez se envergonhem ou não saibam como fazer ou retribuir.

Compreendo que toda ajuda, orientação, atenção que dou, nasce de um amor, cuja origem está em Ti.

Daí ser mais importante agradecerem a Ti do que o fazerem a mim, que sou intermediário.

Compreendo que só Tu mereces o agradecimento, liberto-me de exigências e de ressentimentos, o que me faz bem.

Por isso, peço-Te forças para auxiliar mais e mais pessoas. Não será por falta de reconhecimento que deixarei de fazer o bem. Todos merecem ser auxiliados.

Fortalece-me, pois, o espírito e anima a minha disposição para continuar ajudando os necessitados.

De minha parte, agradeço-Te tudo o que me tens dado.

Obrigado ! Obrigado !


Lourival Lopes, do livro Preces do Coração.


                                   PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Denize Moreira em 07 de Janeiro de 2011, 02:02
(http://farm4.static.flickr.com/3623/3458180562_cdbf0ac328.jpg)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Denize Moreira em 07 de Janeiro de 2011, 02:03
(http://farm4.static.flickr.com/3477/3458180072_f140b696f2.jpg)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Denize Moreira em 07 de Janeiro de 2011, 02:06
(http://farm4.static.flickr.com/3494/3457774386_f2f01b16aa.jpg)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 08 de Janeiro de 2011, 01:57
 Boa noite meus amigos!!!! :-* :-* :-*

Ganhando resistência

André Luiz


Reconhece você que a sua resistência precisa aumentar; por isso mesmo não despreze o esforço no bem algum tanto a mais além do nível.

Se o trabalho parece estafante, suporte mais um pouco as dificuldades em que se lhe envolvem os encargos.

Onde lhe pareça já haver exercitado o máximo de humildade, apague-se um tanto mais em favor de outrem para que seu grupo alcance a segurança ideal.

Demonstre um pouco mais de paciência nos momentos de inquietação e evitará desgostos incalculáveis.

Abstenha-se algo mais de reclamações mesmo justas, no que se reporta aos seus interesses pessoais, e observará quanta simpatia virá ao seu encontro.

Mostre um pouco mais de serenidade nos instantes de crise e você se transformará no apoio providencial de muita gente.

Confie algo mais na proteção da Bondade Divina e conseguirá superar obstáculos que se lhe figuravam intransponíveis.

Nos dias de enfermidade aguente um tanto mais as dificuldades e você apressará as suas próprias melhoras de maneira imprevisível.

Tolere um tanto mais as intrigas que, porventura, lhe assediem o campo de ação, sem lhes oferecer qualquer importância, e defenderá a sua própria felicidade, com inesperado brilhantismo.

Você vive no mundo em meio de provas e lutas, desafios e necessidades, ao modo de aluno entre as lições de que precisa na escola, em favor do próprio aproveitamento; aprenda a suportar os convites ao bem dos outros e você ganhará os melhores valores da resistência.

 

 Respostas da Vida, de André Luiz

 Francisco Cândido Xavier

 
 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 11 de Janeiro de 2011, 02:37
Bom dia, queridos amigos!


Felicidade Possível


Acreditavas que a felicidade seria semelhante a uma ilha fantástica de prazer constante e paz permanente. Um lugar onde não houvesse preocupação, nem se apresentasse a dor; no qual os sorrisos brilhassem nos lábios, e a beleza engrinaldasse de festa as criaturas.
Uma felicidade feita de fantasias parecia ser a tua busca.

Planejastes a vida, objetivando encontrar esse reino encantado, onde, por fim, descansasses da fadiga, da aflição e fruísses a harmonia.

Passam-se anos, e somas frustrações, anotando desencantos e amarguras, sem anelada conquista.

Lentamente, entregas-te ao desânimo, e sentes que estás discriminado no mundo, quando vês as propagandas apresentadas pela mídia, nas quais desfilam os jovens, belos e jubilosos, desperdiçando saúde, robustez, corpos venusinos e apolíneos, usando cigarros e bebidas famosas, brincando em iates de luxo, ou exibindo-se em desportos da moda, invejáveis, triunfantes...

Crês que eles são felizes...

*

Não sabes quanto custa, em sacrifício e dor, alcançar o topo da fama e permanecer lá.

Sob quase todos aqueles sorrisos, que são estudados, estão a face da amargura e as marcas do ressaibo, do arrependimento.

Alguns envenenaram a alma dos charcos por onde andaram, antes de serem conhecidos e disputados.

Muitos se entregaram a drogas perturbadoras, que lhes consomem a juventude, qual ocorreu com as multidões de outros, que os anteciparam e desapareceram.

Esquecidos e enfermos, aqueles que foram pessoas-objeto, amargam hoje a miséria a que se acolheram ou foram atirados.

*

Felicidade, porém, é conquista íntima.

Todos os que se encontram na Terra, nascidos em berços de ouro ou de palha, homenageados ou desprezados, belos ou feios, são feitos do mesmo barro frágil de carne, e experimentam, de uma ou de outra forma, vicissitudes, decepções, doenças e desconforto.

Ninguém, no mundo terreno, vive em regime especial. O que parece, não excede a imagem, a ilusão.

*

Se desejas ser feliz, vive, cada momento, de forma integral, reunindo as cotas de alegria, de esperança, de sonho, de bênção, num painel plenificador.

As ocorrências de dor são experiências para as de saúde e de paz.

A felicidade não são coisas: é um estado interno, uma emoção.

Abençoa os acidentes de percurso, que denominas como desdita, segue na direção das metas, e verás quantas concessões de felicidade pela frente, aguardando por ti.

Quem avança monte acima, pisa pedregulhos que ferem os pés, mas também flores miúdas e verdejante relva, que teimam em nascer ali colocando beleza no chão.

Reúne essas florezinhas em um ramalhete, toma das pedras pequeninas fazendo colares, e descobrirás que, para a criatura ser feliz, basta amar e saber discernir, nas coisas e nos sucessos da marcha, a vontade de Deus e as necessidades para a evolução.
 
* * *

Franco, Divaldo Pereira. Da obra: Momentos Enriquecedores.
Ditado pelo Espírito Joanna de Ângelis
 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 11 de Janeiro de 2011, 23:14
Infâmia

Os feridos pela língua, desde o princípio do mundo, têm número milhões de vezes maiores do que os feridos de guerra.
Não há coisa mais terrível do que a maledicência,
a calúnia, a infâmia.
Mesmo de quem dela é vítima tiver o espírito
tão superior que não se enlameie com ela;
mesmo que ela consiga perdoar aos seus
algozes ela fere e compromete.
As sujeiras do corpo, as imundices do exterior,
essas, a água lava e faz desaparecerem.
Mas, a infâmia, que atinge a honra,
cai dentro da alma, essa, só a força
da justiça divina consegue apagar.
Veja como você se irrita quando alguém lhe dirige
a palavra em tom áspero e em voz alta. Há uma espécie de comoção quase irresistível em seu espírito, repelindo a grosseria de quem assim procede
em relação à sua pessoa.
A mesma reação têm que sentir aqueles aos quais você
também se dirige asperamente e falando em voz alta.
È difícil suportar, sem reagir, tal procedimento.
O tom áspero e a voz gritante agridem
naturalmente ao corpo e ao espírito,
não podendo evitar a repulsa.
Do mesmo modo que quer ser tratado,
trate você aos outros.

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 12 de Janeiro de 2011, 00:17
                              VIVA JESUS!


       Boa-noite! queridos irmãos.


              O Círculo do Ódio




O diretor de uma empresa gritou com seu gerente porque estava irritadíssimo.

O gerente, chegando em casa, gritou com a esposa, acusando-a de gastar demais.

A esposa, nervosa, gritou com a empregada, que acabou deixando um prato cair no chão.

A empregada chutou o cachorrinho no qual tropeçara enquanto limpava os cacos de vidro.

O cachorrinho saiu correndo de casa e mordeu uma senhora que passava pela rua.

Essa senhora foi à farmácia para fazer um curativo e tomar uma vacina. Ela gritou com o farmacêutico porque a vacina doeu ao ser aplicada.

O farmacêutico, ao chegar em casa, gritou com a esposa porque o jantar não estava do seu agrado.

Sua esposa afagou seus cabelos e o beijou, dizendo: Querido! Prometo que amanhã farei seu prato favorito. Você trabalha muito. Está cansado e precisa de uma boa noite de sono. Vou trocar os lençóis da nossa cama por outros límpidos e cheirosos para que durma tranqüilo. Amanhã você vai se sentir melhor. Retirou-se e deixou-o sozinho com seus pensamentos.

Neste momento rompeu-se o Círculo do Ódio. Esbarrou na tolerância, na doçura, no perdão e no amor. Se você está no Círculo do ódio, lembre-se de que ele pode ser quebrado.

Não mude sua natureza. Se alguém te faz algum mal, apenas tome precauções. Alguns perseguem a felicidade, outros a criam. Preocupe-se mais com sua consciência do que com sua reputação. Porque sua consciência é o que você é, e sua reputação é o que os outros pensam de você. E o que os outros pensam, é problema deles.


(Autor Desconhecido)



                                     PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 15 de Janeiro de 2011, 01:06

   

   


 






 
Como Perdoar

Na maioria dos casos, o impositivo do perdão surge entre nós e os companheiros de nossa intimidade, quando o suco adocicado da confiança se nos azeda no coração.

Isso acontece porque, geralmente, as mágoas mais profundas repontam entre os Espíritos vinculados uns aos outros na esteira da convivência.

Quando nossas relações adoeçam, no intercâmbio com determinados amigos que, segundo a nossa opinião pessoal, se transfiguram em nossos opositores, perguntemo-nos com sinceridade: “como perdoar, se perdoar não se resume à questão de lábios e sim a problema que afeta os mais íntimos mecanismos do sentimento?”.

Feito isso, demo-nos pressa em reconhecer que as criaturas em desacerto pertencem a Deus e não a nós; que também temos erros a corrigir e reajustes em andamento; que não é justo retê-las em nossos pontos de vista, quando estão, qual nos acontece, sob os desígnios da Divina Sabedoria que mais convém a cada um, nas trilhas do burilamento e do progresso. Em seguida, recordemos as bênçãos de que semelhantes criaturas nos terão enriquecido no passado e conservemo-las em nosso culto de gratidão, conforme a vida nos preceitua.

Lembremo-nos também de que Deus já lhes terá concedido novas oportunidades de ação e elevação em outros setores de serviço e que será desarrazoado de nossa parte manter processos de queixa contra elas, no tribunal da vida, quando o próprio Deus não lhes sonega Amor e Confiança.

Quando te entregares realmente a Deus, a Deus entregando os teus adversários como autênticos irmãos teus, - tão necessitados do Amparo Divino quanto nós mesmos, penetrarás a verdadeira significação das palavras de Cristo: “Pai, perdoa as nossas dívidas, assim como perdoamos aos nossos devedores”, reconciliando-te com a vida e com a tua própria alma.

Então, saberás oscular de novo a face de quem te ofendeu, e quem te ofendeu encontrará Deus contigo e te dirá com a mais pura alegria no coração: “bendito sejas...”.

 

Xavier, Francisco Cândido. Do Livro: Alma e Coração.  Ditado pelo Espírito Emmanuel

 

 

 
        
.

 

 

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Denize Moreira em 15 de Janeiro de 2011, 01:58
O Espiritismo não é simples religião iguais às demais - é um método de viver.
                                        André Luiz
 
"Humildade sem subserviência.
Dignidade sem orgulho.
Devotamento sem apego.
Alegria sem excesso.
Liberdade sem licenciosidade.
Firmeza sem petulância.
Fé sem exclusivismo.
Raciocínio sem aspereza.
Sentimento sem pieguice.
Caridade sem presunção.
Cooperação sem exigência.
Respeito sem bajulice.
Valor sem ostentação.
Coragem sem temeridade.
Justiça sem intransigência.
Admiração sem inveja.
Otimismo sem ilusão.
Paz sem preguiça."

(André Luiz, livro 'Caminho Espírita')

 

 
[/img][/img]
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 15 de Janeiro de 2011, 08:17
                                                VIVA JESUS!



         Bom-dia! queridos irmãos.



                      Roupa Nova


Desperta e reparas que por entre as ruas da agonia
e dos becos do desespero irrompe sobre o solo a
majestosa beleza de uma flor,
e por entre o barulho ensurdecedor dos automóveis
e vozerios da discórdia e da maledicência
ouvem-se suaves notas melódicas do alegre cantar
de um pássaro, no paciente e amoroso trabalho
de construção do seu novo lar.
Observa que muito além dos seus olhos cansados
no alto das montanhas de tristezas e amarguras
a vida se desdobra sob o sol no degelo,
aos primeiros sinais da primavera.
Ergue-se e vai aos campos,
onde a dor espera por sementes de paz
olha os lírios que banham-se da chuva embalsamante
dos teus doces sonhos
e veste-se de tua roupa nova
pois o tempo prepara a nobre colheita em
que convidado à mesa estarás
no banquete na casa do pai.

Carlos Pereira


                                    PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Rogério G em 15 de Janeiro de 2011, 08:45
Bom Dia.

Gostei muito do trecho abaixo, pois algumas pessoas gostam de impor justamente o contrário às outras.

Preocupe-se mais com sua consciência do que com sua reputação. Porque sua consciência é o que você é, e sua reputação é o que os outros pensam de você.

Ler mais: http://www.forumespirita.net/fe/auto-conhecimento/terapia-para-a-alma/msg182210/?topicseen#msg182210#ixzz1B5johEUX
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 15 de Janeiro de 2011, 11:13
Olá Rogério..

Seja bem-vindo amigo, muita paz a ti...
Agradecemos tua visita e ficamos felizes por termos ajudade de alguma forma...
Desejamos que o amigo vole sempre...


Receba nosso afetuoso abraço
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 19 de Janeiro de 2011, 00:48
Verdadeiras Vítimas

 

 

Não há maior exercício de amor que aprender a silenciar diante da boca agressiva que se converteu em vulcão furioso, lançando larvas fumegantes para todos os lados!

Nesses momentos, o tufão devastador que irrompeu da mente desequilibrada é forte ameaça a quem estiver no seu caminho, como se fosse levar de roldão até mesmo as mais íntimas reservas de compreensão, tolerância e boa vontade dos corações agredidos.

Se as leis da prova reeducativa de tua alma devedora colocaram-te junto dessas crateras em ebulição, desses tornados de mentes transviadas, defende-te nas trincheiras do amor e da paciência. Aprende a aguardar em silêncio e oração a passagem barulhenta e tumultuada desses flagelos das almas em desequilíbrio, até que cessem as suas ameaças e não te alcancem os efeitos deletérios.

Já ouviste que tudo passa. Por isso, não te deixes contagiar pelos redemoinhos de ofensas e agressões que jazem como forças coaguladas nos porões das mentes entediadas e que explodem aos impulsos dos sentimentos em desordem, na forma de materiais contaminados que envenenam e matam! Lembra-te que estás diante de grandes enfermos que exteriorizam nas agressões o odor fétido de suas emoções infectadas de orgulho e cólera!

E se te proteges na oração silenciosa e confiante da tolerância, estarás operando sem perceberes por bombeiro da Providência, que sabe enfrentar as chamas com coragem e prudência, de forma a lutar contra o incêndio até a vitória, sem sair chamuscado.

Assim, por mais que te ameacem as línguas de fogo dos que te ofendem, escuda-te nas defesas do amor, nas estratégias da paciência, para não te deixares contaminar pelas emissões pestilentas da ira. Espera, que logo mais só restarão poeira e fumaça de todo o fogaréu que te ameaçava.

E se não tiveres perdido a calma, não terás sofrido em vão. Apenas lamentarás os prejuízos contabilizados no mapa de débitos das almas atormentadas que costumam acumular em si os males que arremessam contra os outros. Estas sim é que são as grandes vítimas do pavio das ofensas que, incendiando para alcançar alguém, termina explodindo nas mãos do próprio incendiário!

Com as bênçãos do Senhor e Mestre Jesus.

 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 19 de Janeiro de 2011, 08:37
Comportamento Pessimista

 

 

O hábito da lamentação e da queixa torna-se, cada vez mais, razão de pessimismo e perturbação.

Caracterizando um comportamento enfermiço, generaliza-se, contagioso, arrastando multidões ao desânimo ou açulando temperamentos rebeldes para a violência, em tentativas infelizes de desviar o curso dos acontecimentos e as circunstâncias que condenam com acrimônia.

Possuindo uma óptica distorcida sobre a realidade, todo aquele que cultiva a queixa sistemática apura a observação exclusivamente direcionada para o lado negativo dos fatos, comprazendo-se em invectivar, apresentando-se como vítima inocente de tudo quanto lhe sucede, sem anotar as inumeráveis faces positivas e concessões que lhe são oferecidas pela Vida, em uma rude forma de ingratidão com suas conseqüências infelizes.

Vivendo o pessimismo, que se deriva da autocomiseração, compraz-se em atormentar-se, passando a atormentar também as criaturas incautas, que se lhe associam, contagiando-os com os miasmas venenosos, assim aumentando o número de deprimidos, torpeadores dos ideais de enobrecimento humano.

Mediante essa atitude mais se agravam os fatos censuráveis, equivocados, quando o correto seria abandonar a crítica derrotista, contribuindo em favor da retificação dos erros, alterando assim o rumo dos sucessos prejudiciais.

De tal maneira se agrava esse comportamento que, tais indivíduos, ao invés de promoverem estímulos à saúde, os seus comentários cingem-se sempre à valorização das doenças.

Detalham o quadro das enfermidades de que se dizem objeto, real ou imaginariamente, cultivando o pessimismo quanto à provável recuperação, não tendo em conta a contribuição da mente saudável agindo sobre os implementos celulares, os delicados mecanismos nervosos, os sutis equipamentos cerebrais que, dessa maneira, lhes sofrem as descargas vibratórias mefíticas.

A conduta pessimista constitui vício grave do Espírito comprometido com a própria consciência.

O fenômeno natural da vida é a saúde. A enfermidade constitui distúrbio da conduta moral, que a alma insculpe nas delicadas tecelagens orgânicas solicitando reparação.

Quando não considerada com o respeito que merece, essa distonia dos fenômenos vitais dá lugar à instalação da doença. Somente quando o campo vibratório do ser humano está em desarmonia, em razão dos referidos fatores profundos, a fauna e a flora microbiana se instalam, produzindo a degenerescência.

A vida avança para a plenitude.

Tudo contribui para o crescimento e a sublimação do ser.

Aspirar por alcançar as cumeadas da evolução é impulso do pensamento; consegui-lo, é resultado do esforço pela ação.

Tendo-se em vista as admiráveis dádivas de Deus ao ser humano, descobre-se que os limites e as dificuldades que surgem pelo caminho são também desafios que devem ser vencidos a esforço pessoal e com satisfação.

A queixa complica o quadro da realização, e o pessimismo é tóxico que termina por vitimar aquele que o cultiva.

Fadado à glória estelar, o Espírito ascende etapa a etapa, trabalhando-se, ora através das conquistas intelecto-morais, noutras vezes vivenciando as experiências dos sofrimentos, que fixam as lições da vida indelevelmente, contribuindo para tentames mais nobres e elevados.

Confiança em Deus, otimismo e alegria de viver, devem ser os recursos valiosos que se pode utilizar para libertar-se dos atávicos comportamentos pessimistas, que devem ser abandonados em favor da auto-realização, da autoplenificação.


Franco, Divaldo Pereira. Da obra: Fonte de Luz. Ditado pelo Espírito Joanna de Ângelis.

 

 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 19 de Janeiro de 2011, 21:57
Tranqüilidade

Comece o dia na luz da oração.
O amor de Deus nunca falha.
Aceite qualquer dificuldade sem discutir.
Hoje é o tempo de fazer o melhor.
Trabalhe com alegria.
O preguiçoso, ainda mesmo quando se mostre
 num pedestal de ouro maciço, é um cadáver que pensa.
Faça o bem quanto possa.
Cada criatura transita entre as próprias criações.
Valorize os minutos.
Tudo volta, com exceção da hora perdida.
Aprenda a obedecer no culto das próprias obrigações.
Se você não acredita na disciplina, observe um carro sem freio.
Estime a simplicidade.
O luxo é o mausoléu dos que se avizinham da morte.
Perdoe sem condições.
Irritar-se é o melhor processo de perder.
Use a gentileza, mas, de modo especial, dentro da sua própria casa.
Experimente atender aos familiares como você trata as visitas.
Em favor de sua paz, conserve a fidelidade a si mesmo.
Lembre-se que no dia do Calvário, a massa aplaudia a causa triunfante dos crucificadores, mas o Cristo, solitário e vencido, era a causa


André Luiz
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 19 de Janeiro de 2011, 22:28
Queridos amigos e irmãos...

Sejam sempre bem-vindos... Muita paz em seus corações...
Sua presença pé muito importante para nós...
Estão convidados a trazerem suas mensagens dentro do tema..
Voltem sempre, Recebam nosso afetuoso abraço..
De:


Lima-Gil... Belina...  Carmem gbi... dOM Jorge... Dothy...EmBuscaDaluz... Katiatog... Marly pacheco...Mary Hellem
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 21 de Janeiro de 2011, 00:11
Boa noite amigos queridos!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Aflição Vazia
 
 

 Ante as dificuldades do cotidiano, exerçamos a paciência, não apenas em auxílio aos outros, mas igualmente a favor de nós mesmos.

Desejamos referir-nos, sobretudo, ao sofrimento inútil da tensão mental que nos inclina à enfermidade e nos aniquila valiosas oportunidades de serviço.

No passado e no presente, instrutores do espírito e médicos do corpo combatem a ansiedade como sendo um dos piores corrosivos da alma. De nossa parte, é justo colaboremos com eles, a benefício próprio, imunizando-nos contra essa nuvem da imaginação que nos atormenta sem proveito, ameaçando-nos a organização emotiva.

Aceitemos a hora difícil com a paz do aluno honesto, que deu o melhor de si, no estudo da lição, de modo a comparecer diante da prova, evidenciando consciência tranquila.

Se o nosso caminho tem as marcas do dever cumprido, a inquietação nos visita a casa íntima na condição do malfeitor decidido a subvertê-la ou dilapidá-la; e assim como é forçoso defender a atmosfera do lar contra a invasão de agentes destrutivos, é forçoso defender a atmosfera do lar contra a invasão de agentes destrutivos, é indispensável policiar o âmbito de nossos pensamentos, assegurando-lhes a serenidade necessária...

Tensão à face de possíveis acontecimentos lamentáveis é facilitar-lhes a eclosão, de vez que a idéia voltada para o mal é contribuição para que o mal aconteça; e tensão à frente de sucessos menos felizes é dificultar a ação regenerativa do bem, necessário ao reajuste das energias que desastres ou erros hajam desperdiçado.

Analisemos desapaixonadamente os prejuízos que as nossas preocupações injustificáveis causam aos outros e a nós mesmos, e evitemos semelhante desgaste empregando em trabalho nobilitante os minutos ou as horas que, muita vez, inadvertidamente, reservamos à aflição vazia.

Lembremo-nos de que as Leis Divinas, através dos processos de ação visível e invisível da natureza, a todos nos tratam em bases de equilíbrio, entregando-nos a elas, entre as necessidade do aperfeiçoamento e os desafios do progresso, com a lógica de quem sabe que tensão não substitui esforço construtivo, ante os problemas naturais do caminho. E façamos isso, não apenas por amor aos que nos cercam, mas também a fim de proteger-nos contra a hora da ansiedade que nasce e cresce de nossa invigilância para asfixiar-nos a alma ou arrasar-nos o tempo sem qualquer razão de ser.

 

 

Xavier, Francisco Cândido. Da obra: Encontro marcado. Ditado pelo Espírito Emmanuel.
 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 22 de Janeiro de 2011, 18:28
Convém Refletir

 

"Mas todo homem seja pronto para ouvir,
tardio para falar, tardio para se irar."
(Tiago, 1:19)

 

Analisar, refletir, ponderar são modalidades do ato de ouvir. É indispensável que a criatura esteja sempre disposta a identificar o sentido das vozes, sugestões e situações que a rodeiam.

Sem observação, é impossível executar a mais simples tarefa no ministério do bem. Somente após ouvir, com atenção, pode o homem falar de modo edificante na estrada evolutiva.

Quem ouve, aprende. Quem fala, doutrina. Um guarda, outro espalha. Só aquele que guarda, na boa experiência, espalha com êxito. O conselho do apostolo é, portanto, de imorredoura oportunidade.

E forçoso é convir que, se o homem deve ser pronto nas observações e comedido nas palavras, deve ser tardio em irar-se.

Certo, o caminho humano oferece, diariamente, variados motivos a ação enérgica; entretanto, sempre que possível, é útil adiar a expressão colérica para o dia seguinte, porquanto, por vezes, surge a ocasião de exame mais sensato e a razão da ira desaparece.

Tenhamos em mente que todo homem nasce para exercer uma função definida. Ouvindo sempre, pode estar certo de que atingira serenamente os fins a que se destina, mas, falando, é possível que abandone o esforço ao meio, e, irando-se, provavelmente não realizara coisa alguma.

 

Xavier, Francisco Cândido. Da obra: Caminho, Verdade e Vida. Ditado pelo Espírito Emmanuel.

 

 
        


 

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 24 de Janeiro de 2011, 04:52
Bom dia, queridos amigos!


Caridade do Pensamento



Sabemos todos que o pensamento é onda de vida criadora, emitindo forças e atraindo-as, segundo a natureza que lhe é própria.
Fácil entender, à vista disso, que nos movemos todos num oceano de energia mental.

*

Cada um de nós é um centro de princípios atuantes ou de irradiações que liberamos, consciente ou inconscientemente.

*

Sem dúvida, a palavra é o veículo natural que nos exprime as idéias e as intenções que nos caracterizem, mas o pensamento, em si, conquanto a força mental seja neutra qual ocorre à eletricidade, é o instrumento genuíno das vibrações benéficas ou negativas que lançamos de nós, sem a apreciação imediata dos outros.

Meditemos nisso, afastemos do campo íntimo qualquer expressão de ressentimento, mágoa, queixa ou ciúme, modalidades do ódio, sempre suscetível de carrear a destruição.

*

Se tens fé em Deus, já sabes que o amor é a presença da luz que dissolve as trevas.

*

Cultivemos a caridade do pensamento.

*

Dá o que possas, em auxílio aos outros, no entanto, envolve de simpatia e compreensão tudo aquilo que dês.

*

No exercício da compaixão, que é a beneficência da alma, revisa o que sentes, o que desejas, o que acreditas e o que falas, efetuando a triagem dos propósitos mais ocultos que te inspirem, a fim de que se traduzam em bondade e entendimento, porque mais dia menos dia, as nossas manifestações mais íntimas se evidenciam ou se revelam, inelutavelmente, de vez que tudo aquilo que colocarmos, no oceano da vida, para nós voltará.
 
* * *

Xavier, Francisco Cândido. Da obra: Paciência.
Ditado pelo Espírito Emmanuel.

 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 26 de Janeiro de 2011, 11:33
Calma para o Êxito

Em todos os passos da vida, a calma é convidada a estar presente.

Aqui, é uma pessoa tresvairada, que te agride...

Ali, é uma circunstância infeliz, que gera dificuldade...

Acolá, é uma ameaça de insucesso na atividade programada...

Adiante, é uma incompreensão urdindo males contra os teus esforços...

É necessário ter calma sempre.

A calma é filha dileta da confiança em Deus e na Sua justiça, a expressar-se numa conduta reta que responde por uma atitude mental harmonizada.

Quando não se age com incorreção, não há por que temer-se acontecimento infeliz.

A irritação, alma gêmea da instabilidade emocional, é responsável por danos, ainda não avaliados, na conduta moral e emocional da criatura.

A calma inspira a melhor maneira de agir, e sabe aguardar o momento próprio para atuar, propiciando os meios para a ação correta.

Não antecipa, nem retarda.

Soluciona os desafios, beneficiando aqueles que se desequilibram e sofrem.

Preserva-te em calma, aconteça o que acontecer.

Aprendendo a agir com amor e misericórdia em favor do outro, o teu próximo, ou da circunstância aziaga, possuirás a calma inspiradora da paz e do êxito
.

* * *

Divaldo P. Franco.
Ditado pelo Espírito Joanna de Angelis.

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Carmen.gbi em 27 de Janeiro de 2011, 17:49



Boa tarde!


Tudo é importante na vida. Os pequenos atos são preparatórios dos gestos grandiosos e das realizações vultosas.

Joanna De Ângelis
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 28 de Janeiro de 2011, 20:08
Alegria

Alegria é o cântico das horas em que Deus
te afaga a passagem no mundo.
Em toda parte, desabrocham flores por sorrisos
da natureza e o vento penteia a cabeleira do
campo com música de ninar.
A água da fonte é carinho liquefeito no coração
da Terra e o próprio grão de areia, inundado de sol,
é mensagem de alegria a falar-te do chão.
Não permitas, assim, que a tua dificuldade
se faça tristeza entorpecente nos outros.
Ainda mesmo que tudo pareça conspirar contra
a felicidade que esperas, ergue os olhos
para a face risonha da vida que te rodeia
e alimenta a alegria por onde passes.
Abençoa e auxilia sempre, mesmo por entre lágrimas.
A rosa oferece perfume sobre a garra do espinho
e a alvorada aguarda, generosa, que a noite cesse
para renovar-se diariamente, em festa de amor e luz
.

_Meimei_



 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 29 de Janeiro de 2011, 16:55
Numerosos filósofos hão compendiado as teses e conclusões do Espiritismo no seu aspecto filosófico, científico e religioso; todavia, para a iluminação do íntimo, só tendes no mundo o Evangelho do Senhor, que nenhum roteiro doutrinário poderá ultrapassar.

        Aliás, o Espiritismo em seus valores cristãos não possui finalidade maior que a de restaurar a verdade evangélica para os corações desesperados e descrentes do mundo.

        Teorias e fenômenos inexplicáveis sempre houve no mundo. Os escritores e os cientistas doutrinários poderão movimentar seus conhecimentos na construção de novos enunciados para as filosofias terrestres, mas a obra definitiva do Espiritismo é a da edificação da consciência profunda no Evangelho de Jesus-Cristo.

        O plano invisível poderá trazer-vos as mensagens mais comovedoras e convincentes dos vossos bem-amados; podereis guardar os mais elevados princípios de crença no vosso mundo impressivo. Todavia, esse é o esforço, a realização do mecanismo doutrinário em ação, junto de vossa personalidade.

    *

      Só o trabalho de auto­evangelização, porém, é firme e imperecível.
    *

      Só o esforço individual no Evangelho de Jesus pode iluminar, engrandecer e redimir o espírito, porquanto, depois de vossa edificação com o exemplo do Mestre, alcançareis aquela verdade que vos fará livres.

[41a - página 131]- Emmanuel - 1940
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 31 de Janeiro de 2011, 11:11
                                  VIVA JESUS!


       Bom-dia! queridos irmãos.


               Somente os fortes poupam o sangue e são capazes de usar os pequenos orvalhos do diálogo, da afetividade e da tolerância para arar e irrigar o solo árido dos obstáculos que estão à sua frente.

                               ( Augusto Cury )


                                              PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 31 de Janeiro de 2011, 18:23
  Esperança

Quando em sua vida aparecer nuvens negras, cabe a ti sair debaixo dela e ir em busca do sol e não ficar parado na inércia da incompreensão e do medo, esperando a nuvem passar, saiba que atrás de uma nuvem negra existe um sol a brilhar esperando para recompor suas energias, dando-lhe esperança e calor.

Por isto receba com fé, amor e tolerância todas as adversidades, todos os obstáculos que tens que passar em sua vida, porque se a força divina colocou em seu caminho barreiras e sofrimentos, ele lhe deu força maior, e a maior riqueza que um ser vivente poderia ter que é a consciência, o raciocínio e o pensamento, e em sua infinita bondade a cada obstáculo Ele o grande criador colocou um jardim de esperanças com canteiros de flores de amor, fé, bondade e fraternidade.

Cabendo somente a ti elevar seus pensamentos, seus atos, atitudes e palavras, evoluindo a mente e o espírito, e assim com a proteção dos espíritos de luz, conseguirá derrubar com resignação e coragem as barreiras e colher as flores para fazer um buquê de razão, verdades e justiças, poderá caminhar com passos firmes com estas flores nos braços, perfumando sua alma, para poder depositá-la no vaso da felicidade e deixar fertilizar ali a verdadeira razão de sua existência neste planeta de expiação e ao mesmo tempo regenerador de suas falhas e imperfeições.

E mesmo assim quando achar que tudo em sua vida está perdido olhe para o céu, firme seu pensamento no firmamento e mire a estrela que achar mais bonita e veja que apesar de poucos admirá-la, ela continua lá sempre a brilhar e se elevar seus pensamentos até ela provavelmente irá encontrar não somente uma simples estrela e sim um anjo, o seu anjo protetor com sua luz divina que lhe guia e lhe protege desde que chegue até ela, é a sua estrela de amor, paz e esperança que está sempre de braços abertos te esperando com um grande sorriso de amor dizendo: ATÉ QUE ENFIM VOCÊ ME ENCONTROU...


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 02 de Fevereiro de 2011, 08:29
PERDÃO

O exercício do perdão é uma virtude de relevante importância, no que tange ao aprimoramento das qualidades morais e espirituais do homem.

Em Mateus, cap. 5:25 e 26, Jesus recomendou:

"Reconciliai-vos o mais depressa possível com o vosso adversário, enquanto estais a caminho com ele, para que não suceda que ele vos entregue ao juiz, e o juiz vos entregue ao oficial de justiça, e não sejais metido em prisão. Digo-vos, em verdade, que daí não saireis, enquanto não tiverdes pago o último centavo".

Destas palavras do Mestre se deduz que o homem deve reconciliar-se com o seu adversário, enquanto está com ele na Terra, para que não venha deparar-se com a dura contingência de, no Plano Espiritual, após ultrapassar o limiar do túmulo, ter que sofrer as penosas agruras motivadas pelo seu endurecimento e falta de amor fraterno, além de, na porvindoura existência, ter que, muitas vezes, sofrer os duros embates de vinganças traduzidas em obsessões, das quais não se livrará, enquanto não se quitar com a Justiça Divina.

Praticando o perdão, o homem ocasiona, além de um efeito moral, também um efeito de ordem material. A morte do corpo físico não livra o Espírito da ação dos adversários. É evidente que os Espíritos que alimentam sentimentos de vingança, perseguem sempre, mesmo estando na vida espiritual, aqueles que consideram seus inimigos. Por isso, observam-se na Terra quadros terríveis de obsessões, pois esses Espíritos trevosos esperam, pacientemente, que o Espírito, a quem querem mal, esteja encarcerado num novo corpo carnal, para mais facilmente o atormentarem, atingindo, o nos seus interesses ou nas suas mais íntimas afeições.

Existem dois modos diversos de perdoar: o primeiro é de ordem elevada; é nobre e generoso, sem segunda intenção, que evita ferir o amor-próprio, os brios do inimigo; é o perdão com esquecimento, com misericórdia; o segundo é aquele no qual o ofendido, ou o que tal se julga, impõe ao outro condições humilhantes e lhe faz sentir todo o peso de um falso perdão, sem nenhum resquício de amor; se estende a mão ao ofendido, não o faz com sinceridade, com benevolência, mas com ostentação, tudo com o fito de se fazer passar aos olhos alheios como uma pessoa altamente generosa. Num evento como esse, não há uma reconciliação sincera, mas pura hipocrisia.

Recomenda-se aos Aprendizes do Evangelho a prática do perdão constante, como forma de exercitar, permanentemente, a caridade e a tolerância com o próximo. Jesus ensinou que não se deve perdoar ate sete vezes, mas até setenta vezes sete" (Mt 18:22).

Na prece do Pai Nosso, também chamada de Oração Dominical, ensinada por Jesus aos apóstolos, há uma súplica a Deus: Pai, perdoai as nossas dívidas assim como nós perdoamos aos nossos devedores no entanto, muitos dos que assim oram esquecem-se de perdoar as mínimas faltas dos seus semelhantes, continuando a manter os seus corações impregnados de ódio, de rancor
.

Bibliografia:

ESE, cap. X, itens 2 a 8
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 04 de Fevereiro de 2011, 08:40
AJUDA

Atende ao convite de Cristo e
segue adiante. Ele te levará às almas
sofredoras, a fim de que faças o possível
para aliviar-lhes as dores.
Aos que têm fome de amor e sede
de paz. Aos que precisam de luz
e necessitam de orientação. Aos que,
embora trazendo brilho e cores por fora,
carregam chagas e sombras por dentro.
Aos antros de pobreza material e aos
palacetes que, apesar da beleza exterior,
abrigam conflitos e dramas que a sociedade
desconhece. Diante deles, não critiques
nem acuses. Ajuda! Uma palavra de
esclarecimento; Um gesto de consolo;
Um pedaço de pão ou um simples copo
d`água, oferecidos com amor, representarão
alívio e esperança no caminho de quem
segue sobrecarregado de dores.
Deixa que o Cristo que há em ti fale
pelos teus lábios e socorra pelas tuas mãos.
Mesmo que os espinhos da incompreensão
ter firam os pés e as mãos, não desistas
de ajudar com Jesus. Ele também não
experimentou comodidades no mundo,
mas soube colocar amor ao próximo acima
de todas as conquistas transitórias.
Fazendo assim, estarás inscrevendo na alma,
com os próprios atos, as marcas que te
assinalarão para sempre como verdadeiro
cristão e fiél seguidor do Evangelho
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 05 de Fevereiro de 2011, 23:16
CAMINHA E CHEGARÁS


Não dês guarida aos maus pensamentos.

Reage contra todo e qualquer estado de abatimento que persista em ti.

A ideia acalentada tende a se expressar em ação.

A influência espiritual negativa nasce das horas ociosas.

Não te permitas descansar além do devido

Ocupa as tuas mãos com o bem, e a tentação se afastará.

Na medida de tuas possibilidades, auxilia a quem sofre.

Não te concentres excessivamente nos teus próprios problemas
nem dramatizes a tua dor.

A prova é a tua oportunidade de redenção.


Carlos Bacceli- irmão josé
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Lima_Gil em 06 de Fevereiro de 2011, 05:55
Bom dia, irmãos queridos!


                                                        LUTA E LIBERTAÇÃO

"A vossa visão se detinha no túmulo, nós vos desvendamos, para lá deste, um esplêndido horizonte. Não sabíeis porque sofreis na Terra, agora, no sofrimento, vedes a justiça de Deus."
                                                (A GÊNESE – Cap 1 - Item 62).

Estás empenhado numa grande luta.

Conflito sem quartel a espraiar-se indomável.

Avalanches aflitivas que surgem, soterrando esperanças.

Batalhas encarniçadas que aparecem, dizimando corações.

Ninguém está em paz total.

Se por um lado as mentes se alçam às culminâncias da técnica, construindo os admiráveis instrumentos da pesquisa, construção e transporte, por outro lado, as diferenças morais e econômicas proporcionam as quedas desastrosas do sentimento.

E apesar das facilidades modernas enxameiam misérias indescritíveis.

Com tanta luz projetada nos caminhos da razão as trevas se demoram densas e ameaçadoras..

Das tormentas, porém, advêm as alvíssaras da tranqüilidade.

A luta é, indubitavelmente, uma imposição evolutiva.

Mantém-se o corpo através do conflito celular.

Voeja a borboleta com a dilaceração da lagarta. Sustenta-se a árvore com a decomposição dos tecidos que a adubam.

Comprometido com a retaguarda espiritual, o homem de hoje como o de ontem, recupera os patrimônios da vida com que se comprometeu em arremetidas da loucura.

Trazendo à atualidade o Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo, a Doutrina Espírita ensina mudança de rumo para o pensamento, e realização edificante para o sentimento.

Objetivando a construção da felicidade no cerne das criaturas oferece a instrumentação do esclarecimento e dos fatos, convocando as forças atuantes de cada um para a batalha real da libertação total.

Não somente luta externa pelo poder que não felicita.

Nem luta interna sob o guante das seduções degeneradoras. Extinção do mal interno angustiante e vigoroso — eis o objetivo essencial. Libertação de todo gozo fácil e breve, para realização do gozo pleno e total.

Repetindo a sentença do Mestre que "não veio destruir a Lei mas dar-lhe cumprimento" asseveram os Espíritos da Luz que o Espiritismo "não vem destruir a lei cristã, mas dar-lhe execução".

Resolve-te, pois, quanto antes e sem demora, ao empreendimento da auto-libertação e não te faltarão os recursos para a vitória imperiosa e inadiável sobre ti mesmo, nas grandes lutas do momento em que a espécie humana se encontra para a sublime ascensão.

                                   Joanna de Angelis
(Do livro “Espírito e Vida”, psicografia de Divaldo Pereira Franco)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 06 de Fevereiro de 2011, 09:45
Queridos amigos e irmãos... Sejam todos muito bm-vindos...

Que a paz habite seus corações.. Agradecemos sua presença....
Ela é fundamental para deixar este espaço mais alegre e rico...
Estão todos convidados a trazerem suas mensagens dentro do tema...
Recebam nosso afetuososo abraço.
..


DE: Lima-Gil... Belina.... Carme gbi... dOM Jorge.. Dothy... EmBuscaDaLuz ... Katiatog... Marly Pacheco.. Sonia Andrade .


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 06 de Fevereiro de 2011, 14:23
Bom dia, queridos amigos!



Aflição Vazia



Ante as dificuldades do cotidiano, exerçamos a paciência, não apenas em auxílio aos outros, mas igualmente a favor de nós mesmos.
Desejamos referir-nos, sobretudo, ao sofrimento inútil da tensão mental que nos inclina à enfermidade e nos aniquila valiosas oportunidades de serviço.

No passado e no presente, instrutores do espírito e médicos do corpo combatem a ansiedade como sendo um dos piores corrosivos da alma. De nossa parte, é justo colaboremos com eles, a benefício próprio, imunizando-nos contra essa nuvem da imaginação que nos atormenta sem proveito, ameaçando-nos a organização emotiva.

Aceitemos a hora difícil com a paz do aluno honesto, que deu o melhor de si, no estudo da lição, de modo a comparecer diante da prova, evidenciando consciência tranqüila.

Se o nosso caminho tem as marcas do dever cumprido, a inquietação nos visita a casa íntima na condição do malfeitor decidido a subvertê-la ou dilapidá-la; e assim como é forçoso defender a atmosfera do lar contra a invasão de agentes destrutivos, é indispensável policiar o âmbito de nossos pensamentos, assegurando-lhes a serenidade necessária...

Tensão à face de possíveis acontecimentos lamentáveis é facilitar-lhes a eclosão, de vez que a idéia voltada para o mal é contribuição para que o mal aconteça; e tensão à frente de sucessos menos felizes é dificultar a ação regenerativa do bem, necessário ao reajuste das energias que desastres ou erros hajam desperdiçado.

Analisemos desapaixonadamente os prejuízos que as nossas preocupações injustificáveis causam aos outros e a nós mesmos, e evitemos semelhante desgaste empregando em trabalho nobilitante os minutos ou as horas que, muita vez, inadvertidamente, reservamos à aflição vazia.

Lembremo-nos de que as Leis Divinas, através dos processos de ação visível e invisível da natureza, a todos nos tratam em bases de equilíbrio, entregando-nos a elas, entre as necessidade do aperfeiçoamento e os desafios do progresso, com a lógica de quem sabe que tensão não substitui esforço construtivo, ante os problemas naturais do caminho. E façamos isso, não apenas por amor aos que nos cercam, mas também a fim de proteger-nos contra a hora da ansiedade que nasce e cresce de nossa invigilância para asfixiar-nos a alma ou arrasar-nos o tempo sem qualquer razão de ser.
 
* * *

Xavier, Francisco Cândido. Da obra: Encontro marcado.
Ditado pelo Espírito Emmanuel.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 06 de Fevereiro de 2011, 17:12
                                     VIVA JESUS!


        Boa-tarde! queridos irmãos.


              “Não esperes que o próximo te solicite cooperação. Colabora voluntariamente, na certeza de que estarás realizando valiosas sementeiras de trabalho e de amor, na construção do futuro melhor.” (Emmanuel )


                                         PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 07 de Fevereiro de 2011, 23:33
A REFORMA ÍNTIMA

Quanto puderes, posterga a prática do mal até o momento que possas vencer essa força doentia que te empurra para o abismo.

Provocado pela perversidade, que campeia a solta, age em silêncio, mediante a oração que te resguarda na tranqüilidade.

Espicaçado pelos desejos inferiores, que grassam, estimulados pela onda crescente do erotismo e da vulgaridade, gasta as tuas energias excedentes na atividade fraternal.

Empurrado para o campeonato da competição, na área da violência, estuga o passo e reflexiona, assumindo a postura da resistência passiva.

Desconsiderado nos anseios nobres do teu sentimento, cultiva a paciência e aguarda a bênção do tempo que tudo vence.

Acoimado pela injustiça ou sitiado pela calúnia, prossegue no compromisso abraçado, sem desânimo, confiando no valor do bem.

Aturdido pela compulsão do desforço cruel, considera o teu agressor como infeliz amigo que se compraz na perturbação.

Desestimulando no lar, e sensibilizado por outros afetos, renova a paisagem familiar e tenta salvar a construção moral doméstica abalada.

É muito fácil desistir do esforço nobre, comprazer-se por um momento, tornar-se igual aos demais, nas suas manifestações inferiores. Todavia, os estímulos e gozos de hoje, no campo das paixões desgovernadas, caracterizam-se pelo sabor dos temperos que se convertem em ácido e fel, a requeimarem por dentro, passados os primeiros momentos.

Ninguém foge aos desafios da vida, que são técnicas de avaliação moral para os candidatos à felicidade.

O homem revela sabedoria e prudência, no momento do exame,quando está convidado à demonstração das conquistas realizadas.

Parentes difíceis, amigos ingratos, companheiros inescrupulosos, co-idealistas insensíveis, conhecidos descuidados, não são acontecimentos fortuitos, no teu episódio reencarnacionista.

Cada um se movimenta, no mundo, no campo onde as possibilidades melhores estão colocadas para o seu crescimento. Nem sempre se recebe o que se merece. Antes, são propiciados os recursos para mais amplas e graves conquistas, que darão resultados mais valiosos.

Assim, aprende a controlar as tuas más inclinações e adia o teu momento infeliz.

Lograrás vencer a violência interior que te propele para o mal, se perseverares na luta.

Sempre que surja oportunidade, faze o bem, por mais insignificante que te pareça. Gera o momento de ser útil e aproveita-o.

Não aguardes pelas realizações retumbantes, nem te detenhas esperando as horas de glorificação.

Para quem está honestamente interessado na reforma íntima, cada instante lhe faculta conquistas que investe no futuro, lapidando-se e melhorando-se sem cansaço.

Toda ascensão exige esforço, adaptação e sacrifício.

Toda queda resulta em prejuízo, desencanto e recomeço.

Trabalha-te interiormente, vencendo limite e obstáculo, não considerando os terrenos vencidos, porém, fitando as paisagens ainda a percorrer.

A tua reforma íntima te concederá a paz por que anelas e a felicidade que desejas.


Pelo Espírito: JOANNA DE ÂNGELIS
Psicografia: DIVALDO PEREIRA FRANCO

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: DeniseOP em 08 de Fevereiro de 2011, 20:10
Ola Boa tarde !!!

Li essa mensagem no momento exato do meu dia , me ajudou muito .

Obrigada
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 08 de Fevereiro de 2011, 21:54
Olá querida amiga Denise...

Muita paz a ti... Seja sempre bem-vinda a este espçao que é de todos...
Agradecemos a tua visita e ficamos felizes por termos ajudado de algum modo
...

Desejamos que voltes sempre... Abraços afetuosos
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 09 de Fevereiro de 2011, 04:14
Bom dia, queridos amigos!



A Alma também



Casas de saúde espalham-se em todas as direções com o objetivo de sanar as moléstias do corpo e não faltam enfermos que lhes ocupem as dependências.
Entretanto, as doenças da alma, não menos complexas, escapam aos exames habituais de laboratório e, por isso, ficam em nós, requisitando a medicação, aplicável apenas por nós mesmos.

Estimamos a imunização na patologia do corpo.

Será ela menos importante nos achaques do espírito?

Surpreendemos determinada verruga e recorremos, de imediato, à cirurgia plástica, frustrando calamidades orgânicas de extensão imprevisível.

Reconhecendo uma tendência menos feliz em nós próprios é preciso ponderar igualmente que o capricho de hoje não extirpado será hábito vicioso amanhã e talvez criminalidade em futuro breve.

Esmeramo-nos por livrar-nos da neurastenia capaz de esgotar-nos as forças.

Tratemos também de nossa afeição temperamental para que a impulsividade não nos induza à ira fulminatória.

Tonificamos o coração, corrigindo a pressão arterial ou ampliando os recursos das coronárias a fim de melhorar o padrão de longevidade. Apuremos, de igual modo, o sentimento para que emoções desregradas não nos precipitem nos desvãos passionais em que se aniquilam tantas vidas preciosas.

Requintamo-nos, como é justo, em assistência dentária na proteção indispensável.

Empenhemo-nos de semelhante maneira, na triagem do verbo para que a nossa palavra não se faça azorrague de sombra.

Defendemos o aparelho ocular contra a catarata e o glaucoma. Purifiquemos igualmente o modo de ver. Preservamos o engenho auditivo contra a surdez.

No mesmo passo, eduquemos o ouvido para que aprendamos a escutar ajudando.

A Doutrina Espírita é instituto de redenção do ser para a vida triunfante. A morte não existe.

Somos criaturas eternas. Se o corpo, em verdade, prescinde de remédio, a alma também.
 
*  *  *

André Luiz
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 11 de Fevereiro de 2011, 08:54
NA LUTA DIÁRIA


É possível que estejas enfrentando provas que os outros desconhecem…
Dúvidas assolam-te o espírito.
A insegurança te ronda os passos.
Idéias pessimistas te povoam a mente.
Lágrimas que não caem, encharcam-te o coração.
Todavia, não te confies aos desespero, exteriorizando as próprias aflições, de modo a impingí-las nos que te cercam.
Não podes culpar o mundo pelas dores que padeces!
Irritação e azedume afastarão de tua presença os companheiros que estimas.
Esforça-te para sorrir e a alegria te acenderá a luz da compreensão dentro da própria alma.
Todos lutamos com o passado na arena do presente.
O que plantamos ontem devemos colher agora.
O resgate de nosso débitos perante a Lei, nem sempre acontece através de doenças ou mutilações físicas.
Não raro, o cadinho invisível da tentação é a força que nos submete ao aperfeiçoamento necessário, consumindo-nos as impurezas em altas temperaturas de luta interior.
Assim, pacifica-te e serve, procurando ser útil àqueles que te esperam a palavra amiga e o gesto de solidariedade.
Procurando esquecer-te, esquecer-te-ás, igualmente, dos problemas que te martirizam.
Ocupa-te do bem e o bem ocupar-te-á todo o ser, devolvendo-te a esperança em dias melhores.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Rose FRA em 11 de Fevereiro de 2011, 11:43
Oi  Dothy e Amigos de Forum,

deixo aqui algo para nossa reflexao de final de semana, com muito carinho.

"O antídoto para a solidao é amar.  Quando nos aceitamos e amamos, podemos verdadeiramente cuidar, amar, partilhar e zelar pelos outros.  As relacoes tornam-se assim cada vez mais presentes, significativas e plenas."

Que Jesus abencoe a Luz que nos envia, para o nosso aprendizado e evolucao eterna.

Um abraco fraterno com muito amor e carinho da
Rose
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Victor Passos em 11 de Fevereiro de 2011, 11:51
Ola muita paz e harmonia
Bons Amigos e Amigas

(http://faroldeluz.files.wordpress.com/2011/01/info_419_-_foto_04_-_solidariedade.jpg)

Terapia da solidariedade

A senhora, culta e nobre de sentimentos, dispondo de algum tempo livre, resolveu aplicá-lo de forma útil.
Como o índice de suicídios na cidade onde residia era elevado, dedicou-se ao edificante trabalho de atendimento do S.O.S-Vida, serviço telefônico para os candidatos ao autocídio.
Submeteu-se ao treinamento e, três vezes por semana, dedicava duas horas de seu dia, à relevante tarefa.
Em uma ocasião, foi surpreendida por uma voz feminina amargurada e nervosa, que dizia: “pretendo matar-me ainda hoje. Antes de fazê-lo, quis comunicar minha decisão a alguém. Por isso, estou telefonando.”
Fiel ao compromisso de não interferir no drama do cliente, manteve-se serena, indagando: “acredita que eu possa lhe ser útil?”
Com azedume, a paciente reagiu: “ninguém pode ajudar-me, nem o desejo.
Odeio o mundo e as pessoas.
Sou uma infeliz e pretendo encerrar esta existência vazia.”
Como a senhora permanecesse em respeitoso silêncio a sofredora continuou sua narrativa.
“Sou rica. Resido em uma bela mansão, no melhor bairro da cidade.
Tenho dois filhos: um homem e uma mulher, ambos casados e pais, que já me deram quatro netos.
Sou membro da alta sociedade, freqüento ambientes luxuosos e requintados.
Tenho tudo o que o dinheiro pode comprar.
Mas sabe o que mais me irrita?
Pois eu lhe digo: em minha casa disponho de duas linhas telefônicas.
Sempre que a campainha soa e vou atender, trata-se de ligação errada.
Ou seja, ninguém se preocupa comigo.
Terminados os encontros formais, sociais, ninguém é meu amigo!”
“Então” – interferiu a senhora com habilidade – “permita-me telefonar-lhe uma vez ou outra.”
“Com qual interesse?” – perguntou a outra incrédula.
“Eu necessito de uma amiga.” – respondeu serenamente.
Fez-se silêncio por um instante.
“Mas você não me conhece.” – redargüiu, mais calma, a sofredora.
“Isso não é importante. Vou conhecê-la depois.
Forneça-me o número de seu telefone, por favor.” – insistiu a senhora.
“Não tenho o hábito de dá-lo a estranhos.” – respondeu um tanto contrariada.
“E como deseja, então, que a procurem?”
Depois de um instante de hesitação, ela cedeu e informou seu nome e número telefônico.
Dois dias depois, a atendente telefonou para a desconhecida.
Conversaram sobre assuntos gerais.
A experiência repetiu-se muitas vezes.
Após alguns meses, resolveram conhecer-se pessoalmente em um café, e se tornaram amigas.
Hoje, ambas trabalham no S.O.S-VIDA e o telefone, quando toca, é alguém pedindo socorro, no que sempre é oferecido com carinho.
Aprendeu a amar.
Tornou-se útil e solidária.
Curou-se da solidão que a consumia e torturava.

***

Recebe amor aquele que o doa.
Muitas vezes não o recebe da pessoa a quem o oferta. Isso, porém, não é importante, desde que ame.
A solidão é doença que decorre do egoísmo.
Quando alguém se dispõe a sair da concha do “eu”, enriquece-se de amor e de solidariedade.

Equipe de Redação do Momento Espírita, com base no livro “Sob a Proteção de Deus”, de Divaldo Pereira Franco, texto ditado pelo Espírito Ignotus, cap. “Terapia da Solidariedade”, pp. 23/25, ed. Leal, 1994.

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 12 de Fevereiro de 2011, 04:16
Boa noite, queridos amigos!


Em Torno da Felicidade


Em matéria de felicidade convém não esquecer que nos transformamos sempre naquilo que amamos.

*

Quem se aceita como é, doando de si a vida o melhor que tem, caminha mais facilmente para ser feliz como espera ser.

*

A nossa felicidade será naturalmente proporcional em relação a felicidade que fizermos para os outros.

*

A alegria do próximo começa muitas vezes no socorro que você lhe queira dar.

*

A felicidade pode exibir-se, passear, falar e comunicar-se na vida externa, mas reside com endereço exato na consciência tranqüila.

*

Se você aspira a ser feliz e traz ainda consigo determinados complexos de culpa, comece a desejar a própria libertação, abraçando no trabalho em favor dos semelhantes o processo de reparação desse ou daquele dano que você haja causado em prejuízo de alguém.

*

Estude a si mesmo, observando que o auto-conhecimento traz humildade e sem humildade é impossível ser feliz.

*

Amor é a força da vida e trabalho vinculado ao amor é usina geradora de felicidade.

*

Se você parar de se lamentar, notará que a felicidade está chamando o seu coração para vida nova.

*

Quando o céu estiver em cinza, a derramar-se em chuva, medite na colheita farta que chegará do campo e na beleza das flores que surgirão no jardim.
 
* * *

Xavier, Francisco Cândido. Da obra: Sinal Verde.
Ditado pelo Espírito André Luiz.

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 12 de Fevereiro de 2011, 09:00
Olá queridos amigos e irmãos... Sejam bem-vindos... Muita paz a todos

Com Efeito

Exercite a humildade ao lado dos modestos servidores do lar doméstico.

Ser humilde com os superiores, de quem se depende, é muito fácil.

*

Suporte com resignação as dificuldades da tarefa nova.

Quem muda de clima sofre a modificação da temperatura.

*

Retorne ao trabalho com ânimo redobrado, no lugar em que o insucesso o magoou.

Nem sempre o triunfo pode ser sentido nas moedas de lucro fácil.

*

Submeta-se às vicissitudes naturais da luta, mas prossiga na direção do serviço honrado.

Não há repouso justo sem o cansaço haurido nas tarefas da aprendizagem.

*


Franco, Divaldo Pereira. Da obra: Glossário Espírita-Cristão.
Ditado pelo Espírito Marco Prisco
.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Victor Passos em 12 de Fevereiro de 2011, 10:31
Ola muita paz a todos

(http://1.bp.blogspot.com/_XpC1eMevurc/TIUZAJNFDdI/AAAAAAAAAUA/UpBSxCx4-3Q/s1600/x435.jpg)

Facetas do amor


De todos os sentimentos, o amor tem sido, ao longo do tempo, aquele com o qual o homem mais tem se envolvido.

Paradoxalmente, se equivocado muito a respeito de seu real significado.

Há os que afirmam amar e atormentam as criaturas. Há os que pretendem lecionar amor e agridem os demais.

Há, enfim, os que afirmam ser o amor uma utopia.

Os gregos tinham diversas palavras para expressar o amor.

Eros, por exemplo, de onde se deriva a palavra erótico, expressa esse sentimento de atração sexual e desejo ardente.

Por sua vez, para designar a afeição, sobretudo entre os familiares, os seus membros, serviam-se do vocábulo storgé.

Para o amor condicional, aquele do tipo eu faço o bem a você e você faz o bem a mim, eles se serviam da palavra philos.

No entanto, para designar o amor incondicional, aquele amor que nada pede em troca, a palavra era ágape.

Esse amor não se refere exatamente a um sentimento, mas a um comportamento, a ações.

Nas anotações dos Evangelistas, ao se referirem à expressão de Jesus quanto ao amor, a palavra utilizada é ágape.

Justamente porque Jesus, nosso Modelo e Guia, profundo conhecedor da alma humana, tinha ciência plena de que não se podia ordenar a outrem que tivesse determinado sentimento.

Assim, se pensarmos que ágape é o amor traduzido por um comportamento e pela escolha, a fala de Jesus quanto a nós mesmos e ao próximo é perfeitamente coerente.

Amar a si mesmo é respeitar o próprio corpo, zelando por ele, não dilapidando o patrimônio da saúde.

É ter o cuidado de não lhe impor alimentos em excesso a fim de não o sobrecarregar, tanto quanto não ingerir o que mal lhe faça.

É zelar pela própria condição espiritual, alimentando a mente de elementos positivos para o seu crescimento.

Como conseqüência natural, zelar pela saúde do próximo, o que desce a detalhes pequenos como manter a limpeza da cidade, preservar o meio ambiente, não desperdiçar água.

Também manter o automóvel em condições adequadas, a fim de que não se torne veículo poluente do ar que todos necessitamos respirar.

Dirigi-lo com cuidado, para não ser causador voluntário de acidentes que destroem corpos e trucidam vidas.

Isso é amar o próximo.

E quanto ao amor aos inimigos?

Dos mais simples casos aos mais complexos, vejamos: podemos não gostar do vizinho porque ele estaciona o seu carro em frente à nossa garagem, nos impedindo a saída.

Podemos não gostar dele porque deixa o lixo acumulando na calçada e as chuvas o trazem para o nosso terreno.

No entanto, podemos nos comportar amorosamente para com ele, o que significa ter paciência, ser respeitoso, embora ele se comporte mal.

Isso nos impedirá de retribuirmos em moeda maldosa essas faltas de cuidado e desleixo.

O ágape é paciente, bom, não é arrogante, não deseja tudo para si. Tudo suporta, tudo agüenta.

Esse amor não se vangloria, não se comporta de forma inconveniente, a ninguém condena por um erro cometido.

Traduz-se, enfim, por paciência, bondade, humildade, respeito, generosidade, perdão, honestidade, confiança.

Assim, entendemos que Jesus ao nos prescrever essa lição, lecionava que para as pessoas ruins, as nossas ações devem ser no sentido de não lhes retribuir o mal que nos façam.

Mais: de não se sentir feliz, quando a desgraça os atinge, pensando que esse momento seja o de tripudiar sobre a infelicidade alheia.

Desse modo, mesmo para quem nos puxa o tapete, quem nos rouba a namorada, o cargo, a nossa ação deve se dar no sentido de não agir da mesma forma.

Viver é um grande desafio. Conviver com os demais, auxiliar-se mutuamente, colaborar e crescer juntos requer exatamente esse amor prescrito por Jesus.

Esse amor-ação, amor-comportamento.

A não agirmos assim, estaremos fadados à infelicidade, à dificuldade de progresso, a muitos fracassos e à destruição de nós mesmos.

Aprendamos pois a amar a nós mesmos, ao nosso próximo, a quem não nos quer bem, a quem nos faz mal.

 

Texto da Redação do Momento Espírita, com base no cap. 4 do livro O monge e o executivo – uma história sobre a essência da liderança, de James C.Hunter, ed. Sextante.

 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Rose FRA em 12 de Fevereiro de 2011, 14:30
Amigos de Forum e de jornada, Katiatog, Dothy e todos que postam coisas maravilhosas, que leio-as todos os dias para meu consolo, aprendizado e fé na vida....
aqui deixo um pps que tem ensinamentos para nossos dias dificeis.
Com muito carinho compartilho com voces esses ensinamentos,
Beijocas com muito carinho,
Rose
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Victor Passos em 12 de Fevereiro de 2011, 15:13
Ola muita paz
 bons Amigos e Amigas

(http://4.bp.blogspot.com/_mYC4NTOW1_w/TUBmp-PeTyI/AAAAAAAAAvc/N1B5REvK7Lo/s1600/VIDA_R%257E1.JPG)

Passaporte para a Vida

          Na pauta das tuas atividades e reflexões diárias, inclui a questão da morte como de primacial importância.

          Mesmo que transites num corpo jovem e harmonioso, nenhuma garantia possuis quanto à sua durabilidade.

          Se a madureza das forças já caracteriza a tua jornada, de menos tempo dispões, desde que encetaste a marcha.

          Caminhando com os passos exauridos da senectude, já defrontas o pórtico da imortalidade em triunfo, que a todos aguarda e recebe.

          Em qualquer condição que te encontres: na saúde, na doença, na juventude, na velhice, convives com a morte do corpo físico, desde que o estado fisiológico, de forma alguma serve de parâmetro para considerar a dimensão da vida.

          Os acidentes de vária procedência, revelando-se em forma de infortúnios, chamam, a cada dia, os jovens, deixando os idosos; convocam os sadios, em detrimento dos enfermos, reconduzindo-os ao país da vida-além-da-vida.

          Morrer é transformar-se molecularmente, abandonar o pesado envoltório material para movimentar-se em diferente faixa vibratória.

          A morte é apenas o passaporte para a vida.

          Incorporando ao cotidiano o programa de preparação para a morte, encontrarás alento para enfrentar as vicissitudes e vencer os impedimentos que, não poucas vezes, repontam pela senda redentora.

          Sempre defrontarás a morte nos sucessos da vida e descortinarás a vida após o deslinde pela morte.

          Aqui, é um filho querido que te precede, ou um irmão a quem te vincular pela consangüinidade carnal que se transfere do corpo; ali, é um esposo afeiçoado que rompeu as barreiras da forma somática, ou um genitor extremoso, que foi conduzido à vida nova; acolá, é um amigo que se desvencilhou dos liames fisiológicos ou um conhecido que não esperavas viajasse tão cedo e seguiu no veículo da desencarnação...

          A surpresa estará presente no teu dia-a-dia, em relação aos que partem fazendo-te considerar, mesmo que não o queiras, a fragilidade da enfibratura física.

          Nesse comenos, quiçá, chega o instante em que será a tua vez, o momento de abandonar o escafandro material, a fim de respirares outra atmosfera e habitares noutra faixa de vibração.

          Não te deixes atemorizar pela morte nem a desconsiderares.

          Ante alguém querido que rumou para o país da sobrevivência, refugia-te na oração e mergulha o pensamento na confiança irrestrita em Deus.

          Lene a saudade, que a ausência dele te impõe, através da memória dos momentos felizes que fruíste ao lado desse afeto, hoje fisicamente distante... Ele receberá a tua mensagem emocional pelo telefonema do pensamento e também se renovará. Sentir-se-á evocado pelo teu carinho e estabelecerá um intercâmbio com que te nutrirará de esperança face ao reencontro que se dará oportunamente.

          Colhido pela partida inesperada de um ser amado, não te revoltes, expelindo o ácido do desespero ou atirando espículos de blasfêmias injustificáveis, com ambas as atitudes atormentando-te e mais afligindo aquele que necessita das tuas reservas de forças psíquicas e morais, a fim de renovar-se e prosseguir em paz.

          Todos que se encontram no corpo físico, deixa-lo-ão, atravessando a aduana da morte, na direção da imortalidade em plenitude de vida.


Livro: Oferenda
Por Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco




Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 13 de Fevereiro de 2011, 00:34
Querido amigo Victor Passos.

Seja sempre bem-vindo a este espaço que é de todos...
Que felicidade receber sua mensagem tão importante para todos nós....


Desejamos que voltes sempre... Abraços carinhosos
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 13 de Fevereiro de 2011, 00:39
Olá  queirda amiga Rose...

Que saudades que sentíamos da amiga..
Sinta-se sempre parte da nossa familia... Sua presença e valiosa contribuição é muito importante para nós


beijos e abraços carinhosos
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 13 de Fevereiro de 2011, 09:14
Olá queridos amigos e irmãos... Sejam bem-vindos... Muita paz a todos

Auto-Encontro

Se de fato andas pela conquista da felicidade, tenta o auto-encontro.

Utilizando-te da meditação prolongada, penetrar-te-ás, descobrindo o teu ser real, imortal, que aguarda ensejo de desdobramento e realização.

Certamente, os primeiros tentames não te concederão resultados apreciáveis.

Perceberás que a fixação da mente na interiorização será interrompida, inúmeras vezes, pelas distrações habituais do intelecto e da falta de harmonia.

Desacostumado a uma imersão, a tua tentativa se fará prejudicada pela irrupção das idéias arquivadas no inconsciente, determinantes de tua conduta inquieta, irregular, conflitiva.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Victor Passos em 13 de Fevereiro de 2011, 11:23
Ola muita paz e harmonia
Bom dia a todos


Continuidade


          Compreendemos o desencanto e a inquietação que, por vezes, te assediam nos conflitos constantes que te impelem a desistir das tarefas edificantes.

          É qual se tivesses de recomeçar, todos os dias, imensa luta contigo mesmo para não desanimar.

          À frente e à retaguarda, à esquerda e à direita, repontam desafios marcados a fogo de aflição.

          Amigos que desertam, apoios que se afastam, críticas que sobram, obstáculos que se ampliam.

          E, no centro da agitada esgrima em que te vês na obrigação de manejar as armas do próprio discernimento para que os adversários externos não te destruam as forças, encontras aqueles inimigos outros, talvez ainda mais perigosos - aqueles que se te ocultam no espírito, quais sejam o medo de aceitar-se com as imperfeições que ainda te assinalam a vida, o desalento perante as dificuldades que se desdobram, a noção das próprias deficiências ou o temor do fracasso.

          Nessa arena vives e dela não te retirarás, enquanto não obtiveres o triunfo, não sobre os outros, mas sobre ti mesmo.

          E, nesse triunfo sobre nós mesmos, a fim de que sejamos, um dia, o que sonhamos e devemos ser, segundo os padrões mais altos de nosso ideal, é preciso melhorar e aperfeiçoar, sem esmorecer.

          Superar as circunstâncias adversas e valer-se cada um de nós das oportunidades de ação que se nos faculte para que novas concessões de trabalho nos favoreçam, é simples dever.

          Sobretudo, não parar no caminho da realização espiritual, mantendo-nos no esforço nobilitante de agir e servir, estudar e edificar, elevar e aprimorar sempre, de vez que todo aquele que estaciona, embora sob a alegação de ilusória humildade, a breve tempo, reconhece que a vitória do bem contra o mal e da luz contra a sombra pertence àqueles que acreditaram na força do bem e no poder da luz, acima das fraquezas e imperfeições deles próprios, seguindo para a frente.

Livro: Mais Perto
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Rose FRA em 14 de Fevereiro de 2011, 16:07
Estimada e Afetuosa Amiga Dothy,

me sinto feliz e sendo vista pelos Amigos de forum, já que voce se pronunciou sobre o minha ausencia...  Obrigada pelo carinho!!
Tem um música do Roberto Carlos que diz:
"Eu voltei que aqui é o meu lugar....
Eu voltei agora para ficar..."

É eu senti mesmo muita falta de voces também, especialemente dos tópicos que mais mexem comigo e que me faco mais presente: Auto-conhecimento - Terapia da Alama e estou adorando participar de vários estudos mensais....
Voce me ajudam muito nas minhas "crises existenciais" e nos meus estudos espirita, que nunca deixo de te-los em maos.

Enfim.... obrigada a voce Dothy e a Kátia que me deram as boas vindas, agradeco também a todos os irmaos que de qualquer maneira participam da minha vida, com ótimas postagens, que nao deixo de ler e que sempre me ajudam

Beijocas no coracao e que a Luz Divina ilumine cada dia mais, os nossos estudos, a nossa parceria com este forum!!

Com muito carinho e um abraco fraterno
Rose
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Victor Passos em 14 de Fevereiro de 2011, 16:39
Ola muita paz e harmonia

Amiga Rose


(http://static.blogstorage.hi-pi.com/photos/flores.fotosblogue.com/images/gd/1229377289/Natureza-morta.jpg)

Ação da Amizade

          A amizade é o sentimento que imanta as almas unas às outras, gerando alegria e bem-estar.

          A amizade é suave expressão do ser humano que necessita intercambiar as forças da emoção sob os estímulos do entendimento fraternal.

          Inspiradora de coragem e de abnegação. a amizade enfloresce as almas, abençoando-as com resistências para as lutas.

          Há, no mundo moderno, muita falta de amizade! O egoísmo afasta as pessoas e as isola.

          A amizade as aproxima e irmana.

          O medo agride as almas e infelicita.

          A amizade apazigua e alegra os indivíduos.

          A desconfiança desarmoniza as vidas e a amizade equilibra as mentes, dulcificando os corações.

          Na área dos amores de profundidade, a presença da amizade é fundamental.

          Ela nasce de uma expressão de simpatia, e firma-se com as raízes do afeto seguro, fincadas nas terras da alma.

          Quando outras emoções se estiolam no vaivém dos choques, a amizade perdura, companheira devotada dos homens que se estimam.

          Se a amizade fugisse da Terra, a vida espiritual dos seres se esfacelaria.

          Ela é meiga e paciente, vigilante e ativa.

          Discreta, apaga-se, para que brilhe aquele a quem se afeiçoa.

          Sustenta na fraqueza e liberta nos momentos de dor.

          A amizade é fácil de ser vitalizada.

          Cultivá-la, constitui um dever de todo aquele que pensa e aspira, porquanto, ninguém logra êxito, se avança com aridez na alam ou indiferente ao elevo da sua fluidez.

          Quando os impulsos sexuais do amor, nos nubentes, passam, a amizade fica.

          Quando a desilusão apaga o fogo dos desejos nos grandes romances, se existe amizade, não se rompem os liames da união.

          A amizade de Jesus pelos discípulos e pelas multidões dá-nos, até hoje, a dimensão do que é o amor na sua essência mais pura, demonstrando que ela é o passo inicial para essa conquista superior que é meta de todas as vidas e mandamento maior da Lei Divina.

Livro: Momentos de Esperança
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco
 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: jansen3d em 14 de Fevereiro de 2011, 17:28
Ola muita paz e harmonia
Bom dia a todos


Continuidade


          Compreendemos o desencanto e a inquietação que, por vezes, te assediam nos conflitos constantes que te impelem a desistir das tarefas edificantes.

          É qual se tivesses de recomeçar, todos os dias, imensa luta contigo mesmo para não desanimar.

          À frente e à retaguarda, à esquerda e à direita, repontam desafios marcados a fogo de aflição.

          Amigos que desertam, apoios que se afastam, críticas que sobram, obstáculos que se ampliam.

          E, no centro da agitada esgrima em que te vês na obrigação de manejar as armas do próprio discernimento para que os adversários externos não te destruam as forças, encontras aqueles inimigos outros, talvez ainda mais perigosos - aqueles que se te ocultam no espírito, quais sejam o medo de aceitar-se com as imperfeições que ainda te assinalam a vida, o desalento perante as dificuldades que se desdobram, a noção das próprias deficiências ou o temor do fracasso.

          Nessa arena vives e dela não te retirarás, enquanto não obtiveres o triunfo, não sobre os outros, mas sobre ti mesmo.

          E, nesse triunfo sobre nós mesmos, a fim de que sejamos, um dia, o que sonhamos e devemos ser, segundo os padrões mais altos de nosso ideal, é preciso melhorar e aperfeiçoar, sem esmorecer.

          Superar as circunstâncias adversas e valer-se cada um de nós das oportunidades de ação que se nos faculte para que novas concessões de trabalho nos favoreçam, é simples dever.

          Sobretudo, não parar no caminho da realização espiritual, mantendo-nos no esforço nobilitante de agir e servir, estudar e edificar, elevar e aprimorar sempre, de vez que todo aquele que estaciona, embora sob a alegação de ilusória humildade, a breve tempo, reconhece que a vitória do bem contra o mal e da luz contra a sombra pertence àqueles que acreditaram na força do bem e no poder da luz, acima das fraquezas e imperfeições deles próprios, seguindo para a frente.

Livro: Mais Perto
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier
Isso foi uma das coisas mais lindas, obrigado por esse ensinamento.
Que o Pai Celestial continue nos iluminado
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Victor Passos em 14 de Fevereiro de 2011, 17:33
Ola muita paz e harmonia
Amigo Jansen

   É verdade bom Amigo a profundidade destas palavras traduzidas em ensinamento são as chaves para muitas fragilidades que tocam todos nós, mas nunca devemos desistir perante a queda, nem recalcar o erro, mas procurar pela paciência, pela vontade e quer seguir en frente levantando a cabeça, porque todos temos fragilidades...

abraço fraterno bom Amigo

Victor Passos
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 15 de Fevereiro de 2011, 08:06
Calma

 

Se você está no ponto de estourar mentalmente, silencie alguns instantes para pensar.

Se o motivo é moléstia no próprio corpo, a intranqüilidade traz o pior.

Se a razão é enfermidade em pessoa querida, o seu desajuste é fator agravante.

Se você sofreu prejuízos materiais, a reclamação é bomba atrasada, lançando caso novo.

Se perdeu alguma afeição, a queixa tornará você uma pessoa menos simpática, junto de outros amigos.

Se deixou alguma oportunidade valiosa para trás, a inquietação é desperdício de tempo.

Se contrariedades aparecem, o ato de esbravejar afastará de você o concurso espontâneo.

Se você praticou um erro, o desespero é porta aberta a faltas maiores.

Se você não atingiu o que desejava, a impaciência fará mais larga distância entre você e o objetivo a alcançar.
Seja qual for a dificuldade, conserve a calma, trabalhando, porque, em todo problema, a serenidade é o teto da alma, pedindo o serviço por solução.

 


Xavier, Francisco Cândido. Ditado pelo Espírito André Luiz.

 

 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Victor Passos em 15 de Fevereiro de 2011, 09:16
Ola muita paz e harmonia
Amigas e Amigos


(http://www.gifs.oriza.net/wp-content/uploads/2008/02/gifsbyoriza-poemadodia-paz.gif)

O Caminho da Paz


          ""A paz vos deixo, a minha paz vou dou." [João: 14-27] .

          Dos grandes flagelos do mundo antigo, salientavam-se dez que rebaixavam a vida humana:

                A barbárie, que perpetuava os desregramentos do instinto.
                A fome, que atormentava o grupo tribal.
                A peste, que dizimava populações.
                O primitivismo, que irmanava o engenho do homem e a habilidade do castor.
                A ignorância, que alentava as trevas do espírito.
                O insulamento, que favorecia as ilusões do feudalismo.
                A ociosidade, que categorizava o trabalho à conta de humilhação e penitência.
                O cativeiro, que vendia homens livres nos mercados da escravidão.
                A imundície, que relegava a residência terrestre ao nível dos brutos.
                A guerra, que suprime a paz e justifica a crueldade e os crimes entre as criaturas.

          * * *

          Veio a política e, instituindo vários sistemas de governo, anulou a barbárie.

          Apareceu o comércio e, multiplicando as vias de transporte, dissipou a fome.

          Surgiu a ciência, e exterminou a peste.

          Eclodiu a indústria, e desfez o primitivismo.

          Brilhou a imprensa, e proscreveu-se a ignorância.

          Criaram-se o telégrafo sem fio e a navegação aérea, e acabou-se o insulamento.

          Progrediram os princípios morais, e o trabalho fulgiu como estrela na dignidade humana, desacreditando a ociosidade.

          Cresceu a educação espiritual, e aboliu-se o cativeiro.

          Agigantou-se a higiene, e removeu-se a imundície.

          Mas nem a política, nem o comércio, nem a ciência, nem a indústria, nem a imprensa, nem a aproximação entre os povos, nem a exaltação do trabalho, nem a evolução do direito individual e nem a higiene conseguem resolver o problema da paz, porquanto a guerra - monstro de mil faces que começa no egoísmo de cada um, que se corporifica na discórdia do lar, e se prolonga na intolerância da fé, na vaidade da inteligência e no orgulho das raças, alimentando-se de sangue e lágrimas, violência e desespero, ódio e rapina, tão cruel entre as nações supercivilizadas do século XX, quanto já o era na corte obscurantista de Ramsés II - somente desaparecerá quando o Evangelho de Jesus iluminar o coração humano, fazendo que os habitantes da Terra se amem como irmãos.

          É por isso que a Doutrina Espírita no-lo revela, atualmente, sob a Luz da Verdade, fiel ao próprio Cristo que nos advertiu, convincente: - “Conhecereis a Verdade e a Verdade vos fará livres.”

          * * * * *

          Livro dos Espíritos, pergunta 743 – A guerra desaparecerá um dia da face da Terra?

          - Sim, quando os homens compreenderem a justiça e praticarem a lei de Deus; então todos os povos serão irmãos.

Livro: Religião dos Espíritos
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Rose FRA em 15 de Fevereiro de 2011, 13:42
Querido Irmao Victor,

obrigada por ter postado o texto Acao da Amizade.

Tenho que dizer, que aqui tenho encontrado o que na vida real está dificil.  Voces sao uma realidade que me levam a refletir sem agredir, ler e estudar sem me obrigar, evoluir sem forcar, amar sem cobrancas.
Os meus defeitos e vícios, estao e sempre estarao presentes, pq fazem parte do meu ser, porém ve-los, já nao é fácil, transforma-los é uma vida eterna e receber criticas construtivas é tudo que se quer.... entao, aqui estou fazendo parte desse Forum com muito carinho e feliz por ter encontrado pessoas como voces.

Sei que no momento estou me esquivando das pessoas, estou me entregando muito para os estudos, pq nao me adianta discutir com os meus familiares, se eu mesma nao me conheco totalmente.  Tenho e anseio esse conhecimento interior, essa reforma íntima, que sei será eterna, mas com os estudos um dia, de passinho em passinho, vou chegando mais perto de ser um ser humano mais amoroso e na roda da evolucao, nada acontece  em 1 minuto, mas sim e várias encarnacoes.

Estou buscando a sabedoria nos estudos e fico muito feliz em poder estar aqui compartilhando com voces, esse momento de "Silêncio" que estou passando, mas silencio da má palavra e como estou num caminho onde há muitos mal entendidos, prefiro calar-me, afastar-me e entregar-me aos estudos para poder compreender esse momento dificil da minha vida.

Conto com voces, como sempre e agradeco desde já, pq nao me sinto em momento nenhum só, nem sendo julgada, nem sendo criticada, pq aqui sinto verdadeiramente acolhida, pq todos nós estamos aqui em busca do mesmo:  ajudar a si mesmo, ao próximo e estudar.   Estudar para nossa própria evolucao.

Acredito também que os meus defeitos poderao ser transformados, pq li uma frase da Clarice Lispector que diz:
"Nao acabe com os seus defeitos, pq pode desmoronar o seu edificio interior."

Por essa razao penso que os nossos defeitos poderao ser transformados, sem nos causar danos, mas sendo nossos aliados.

Abracos fraternos,
Rose
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 15 de Fevereiro de 2011, 13:43
Ola queridos amigos e irmãos.. Sejam sempre bem-vindos!!
Quanto Mais
 
 

Abençoai sempre as vossas dificuldades e não as lastimeis, considerando que Deus nos concede sempre o melhor e o melhor tendes obtido constantemente com a possibilidade de serdes mais úteis.

Quanto mais auxiliardes aos outros, mais amplo auxílio recebereis da Vida Mais Alta.

Quanto mais tolerardes os contratempos do mundo, mais amparados sereis nas emergências da vida, em que permaneceis buscando paz e progresso, elevação e luz.

Quanto mais liberdade concederdes aos vossos entes amados, permitindo que eles vivam a existência que escolheram, mais livres estareis para obedecer a Jesus, construindo a vossa própria felicidade.

Quanto mais compreenderdes os que vos partilham os caminhos humanos, mais respeitados vos encontrareis de vez que, quanto mais doardes do que sois em benefício alheio, mais ampla cobertura de amparo do Senhor assegurará a tranqüilidade em vossos passos.

Continuemos buscando Jesus em todos os irmãos da Terra, mas especialmente naqueles que sofrem problemas e dificuldades maiores que os nossos obstáculos, socorrendo e servindo e sempre mais felizes nos encontraremos sob as bênçãos dele, nosso Mestre e Senhor.

 
 

Xavier, Francisco Cândido. Da obra: Caridade. Ditado pelo Espírito Bezerra de Menezes.
 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Victor Passos em 15 de Fevereiro de 2011, 15:42
Ola muita paz e harmonia
Amigos e Amigas

(http://amrrm.blogs.sapo.pt/arquivo/jjjjjjjj%20amizade.jpg)

O Amigo Ideal


          Sentimentos desencontrados se entrechocam nas tuas paisagens íntimas.

          Em certos momentos, estás a ponto de explodir, tal a soma de desespero que te desgoverna, e, noutras ocasiões, pensas em parar, em desistir de tudo, tal o acúmulo de sofrimentos que te conduzem à exaustão.

          Gostarias de encontar um amigo paciente e esclarecido, com quem pudesses desabafar, deixar que todas as tuas inquietações desfilassem, encontrando compreensão e diretrizes.

          Sentes necessidade de novos afetos, como se fossem bálsamo salutar para o teu coração ralado de suspeição e tormentos.

          Vê outras criaturas, sorridentes e felizes, que desfilam, dando a impressão de que a vida delas é um agradável convescote ou um carnaval permanente.

          Como, porém, estás equivocado! A existência carnal é igual para todos os que se encontram na Terra, variando a circunstância e a intensidade das ocorrências para cada homem.

          Corrige, desse modo, a tua óptica e cuida mais do teu critério de avaliação.

          A aparência é a capa luminosa ou sombria que oculta a realidade.

          Quem te veja e desconheça o que se passa em teu foro íntimo, se não te queixares, terá a impressão de que vives bem aquinhoado pela felicidade, enriquecido pelos favores do prazer...

          Tu, porém, sabes que não é bem assim, o que se passa contigo, da mesma forma que não é, quanto supões, tão áspera e desditosa a tua marcha.

          Se reflexionares melhor, constatarás que o número de bênçãos suplanta os teus questionamentos queixosos.

          Relaciona o que possuis e quanto te favorece, em referência a outros que não dispõem desses valores e conquistas.

          Ninguém, no mundo físico, pode desfrutar de tudo quanto gostaria, pois que se o conseguisse já fruiria do " reino dos céus" que, afinal de contas, não tem lugar na esfera física.

          Este amigo, que exibe felicidade e paira na opulência, invejado e cercado de carinho, atormenta-se, intimamente insatisfeiro com a vida, sentindo- se obrigado a manter a aparência, escondendo-se, magorado.

          Essa dama, que se apresenta adornada de jóias finas e caras, requestada por uns e por outros invejada, disfarça, nos sorrisos, pesadas frustrações conjugais que ninguém imagina.

          Aquele jovem, bem apessoado, que conquista o futuro com audácia, envolvido num halo de triunfo, iridescente como uma estrtela e conquistador como a luz, amarga-se, nas horas distantes do briblicom vencido por conflitos desconhecidos de todos.

          A moça, que passa deslumbrante, vendendo beleza e juventude, qual se fosse uma deusa renascida das páginas mitológicas, desprezando candidatos ou entregando-se a dissipaçoes absurdas, aturde-se em confuso estado de timidez, que a desconcerta e vence.

          A legião dos infelizes-infelicidtados cresce, diariamente, e as estatísticas são assustaduras, especialmente nas áreas das patologias da loucura, do vício, das fugas espetaculares.

          Há muita ilusão e sonhos tornados pesadelos do que imaginas.

          A visão azul do corsmo não é real...

          A Terra é educandário e não jardim edênico.

          Da mesma forma que anelas por aquele amigo que te pudesse ajudar na solução das tuas dificuldades, alguém te observa, supondo que o és para as necessidades dele. Mesmo que não o sejas, esforça-te, passa a doar, a socorrer.

          Começa, mediante pequenas tarefas gratificantes do amor fraterno.

          Assume singelos deveres; gera alegria em tua volta; produze bem- estar; pensa em alguém com simpatia; supera o azedume...

          Tentativas de renovação culminam em conquistas, em realizações edificantes.

          Assim fazendo, tua mente abrirá espaço para ouvir a orientação anelada, e os sentimentos renovados propiciarão a tua sintonia com o amigo Ideal, que é Jesus, que espera somente Lhe concedas o ensejo de ajudar-te e conceder-te a alegria que buscas.

Livro: Momentos de Coragem
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Luigi em 15 de Fevereiro de 2011, 17:21
 Sinceramente, encontro aqui Palavras que me dão uma Verdadeira Força Espiritual de seguir sempre em Frente, no Caminho da Luz.Um Bem Aja a Todos!!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Rose FRA em 15 de Fevereiro de 2011, 18:04
Que a paz do Senhor esteja conosco, hoje e sempre!!

Amigos a minha palavra para hoje é:

Vontade

A grande forca impulsionadora das nossas acoes é a vontade.  O querer, quando sintonizado com os desígnios estabelecidos pelos Planos Espirituais, na esfera das realizacoes, é sustentacao nas tarefas redentoras.

Importante para o servidor do Mestre, saber definir a cada passo como e onde se coloca a sua vontade.

A nossa vontade emerge, desponta do interior do nosso Espírito, refletindo a soma dos sentimentos sensíveis que progressivamente se intensificam em nós.

Saibamos buscar dentro de nós mesmos a manifestacao sutil da nossa vontade e a transportemos para a área das acoes positivas.

A vontade é forca criadora, movimentadora, é o alicerce sobre o qual se constrói o mundo.

 Devemos aprender a nos identificar com a Vontade da Criacao, que a tudo preside.

A vontade, no constante trabalho de auto-educacao, é ferramenta indispensável ao servidor.  Quanto mais intensa for a nossa vontade, maior será o impulso que imprimiremos à nossa caminhada edificante.


Que Deus nos abecoe com luzes serenas, com sabedoria que nos servem para a vida eterna.

Abracos fraternos,
Rose
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 15 de Fevereiro de 2011, 23:48
Boa noite amigos e irmãos de caminhada!!!!!!!!!!!!!

Sorriso II

Meimei


Onde estiveres, seja onde for, não olvides estender o sorriso, por oferta sublime da própria alma.

Ele é o agente que neutraliza o poder do mal e a oração inarticulada, que inibe a extensão das trevas.

Com ele, apagarás o fogo da cólera, cerrando a porta ao incêndio da crueldade.

Por ele, estenderás a plantação da esperança, soerguendo almas caídas na sombra, para que retornem à luz.

Em casa, é a benção da paz, na lareira da confiança.

No trabalho, é música silenciosa incentivando a cooperação.

No mundo, é chamamento de simpatia.

Sorri para a dificuldade e a dificuldade transformar-se-á em socorro de tua vida.

Sorri para a nuvem, e ainda mesmo que a nuvem se desfaça em chuva de lágrimas nos teus olhos, o pranto será conforto do Céu, a fecundar-te os campos do coração.

Não te roga o desesperado a solução do enigma de sofrimento que lhe persegue o destino. Implora-te um sorriso de amor, que renove as forças, para que prossiga em seu atormentado caminho.

E, em verdade, se os famintos e os nus te pedem pão e agasalho, esperam de ti, acima de tudo, o sorriso de ternura e compreensão que lhes acalme chagas ocultas.

Não te perturbem as criaturas que se arrojam aos precipícios da violência e do crime. Oferece-lhes o sorriso generoso da fraternidade, que ajuda incessantemente, e voltar-se-ão, renovadas, para o roteiro do bem.

Sorri, trabalhando e aprendendo, auxiliando e amando sempre.

Lembra-te de que o sorriso é o orvalho da caridade e que em cada manhã, o dia renascente no Céu é um sorriso de Deus.


Livro: Sentinelas da Alma. Psicografia de Francisco Cândido Xavier.

 :-* :-* :-*
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 16 de Fevereiro de 2011, 07:48
Olá queridos amigos e irmãos... Sejam bem-vindos!!

Medicação Preventiva


 

Pense muito, antes da discussão. O discutidor, por vezes, não passa de estouvado.

Use a coragem, sem abuso. O corajoso, em muitas ocasiões, é simples imprudente.

Observe os seus métodos de cultivar a verdade. Muitas pessoas que se presumem verdadeiras, são veículos de perturbação e desânimo.

Proceda com inteligência em todas as situações. Não se esqueça, porém, de que muitos homens inteligentes são meros velhacos.

Seja forte na luta de cada dia. Não olvide, contudo, que muitos companheiros valentes são suicidas inconscientes.

Estime a eficiência. No entanto, a pretexto de rapidez, não adote a precipitação.

Não enfrente perigos, sem recursos para anulá-los. O que consignamos por desassombro, muitas vezes é loucura.

Guarde valor em suas atitudes. Recorde, entretanto, que o valor não consiste em vencer, de qualquer modo, mas em conquistar o adversário no trabalho pacífico.

Tenha bom ânimo, mas seja comedido em seus empreendimentos. Da audácia ao crime, a distância é de poucos passos.
Atenda a afabilidade e a doçura em seu caminho. Não perca, porém, o seu tempo em conversas inútei
s.

 
Xavier, Francisco Cândido. Da obra: Agenda Cristã. Ditado pelo Espírito André Luiz.

 

 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Victor Passos em 16 de Fevereiro de 2011, 09:58
Ola muita paz e harmonia
Bons amigos e Amigas

(http://[center][url]http://www.ger.org.br/evang5.jpg[/url][/center])
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Rose FRA em 16 de Fevereiro de 2011, 13:35
Olá Amigos de Forum e de jornada,

aqui vai a minha palavra do dia "Desprendimento" para refletirmos.
Boa leitura e fiquem na paz do Senhor.

Desprendimento

Numa atmosfera de profundo Amor à Causa vamos, natural e progressivamente, sentindo que os valores espirituais sao aqueles que primeiramente nos preocupam conquistar.  E nessa nova ordem de valores que vamos colocando em tudo que envolve as nossas atividades comuns da vida, comecamos a nao ser compreendidos no desapego às coisas materiais.

Ressaltamos que desapego nao deve ser entendido como abandono das nossas atividades profissionais, do trabalho material que nos dá o sustento.

Os bens materiais que nos foram confiados  devem ser administrados com justica e amor, porém dentro da compreensao de que esses bens materiais se constituem em veículos para nosso aprendizado e evolucao.

Eles nos sao confiados dentro do plano físico, no entanto, nao nos pertencem na extensao infinita de eternidade do nosso Espírito e, portanto, apego àquilo que por si nao constitui um fim, mas um meio pelo qual evoluímos, é completamente desttituído de razao, nao podemos deitar sobre as moedas e amontoá-las para o deleite próprio, isso seria apego.

O Apego nao se refere unicamente ao dinheiro, mas as coisas de ordem material em geral, os objetos, utensílios, móveis, jóias, propriedades, vestes, pertences.  Podemos e devemos tudo possuir e usar com moderacao dentro do sentido de necessidade objetiva da sua utilizacao, porém sem nos envolver no sentimento egoísta de posse que nos faz sofrer e lamentar a falta ou aperda daquele objeto desaparecido.

O Desprendimento alcanca degraus ainda mais elevados àqueles de desapego material.  Quando vamos sentindo, à proporcao que nos identificamos com a tarefa do Mestre Jesus, que já nao nos pertencemos, que os nossos desejos e vontade na esfera material sao todos secundários, que nos sacrificamos alegremente no servico do Senhor, nisso encontramos a profunda felicidade de a Ele servir.

Nesse estágio antingiremos o completo desprendimento de nós mesmos, e a nossa caminhada será livre e desembaracada dos grilhoes do egoísmo condicionador do nosso Espírito.

EAE - 54. Regras p a Educao, conduta e aperfeicoamento dos Seres. (II)

Fiquem com a Luz Divina a iluminar todas as palavras que forem para o nosso adiantamento e evolucao.
Que Deus nos abencoe a todos,
Abracos Fraternos,
Rose
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 16 de Fevereiro de 2011, 14:13
Boa tarde, queridos amigos!

Boa tarde, amiga Rose!


Abençoemos Sempre


Aquele que talvez consideres por inimigo unicamente porque te não pode satisfazer as reclamações será provavelmente uma criatura pressionada por exigências que nunca te abordaram as áreas de ação.

O companheiro que se te afigure viciado, em vista dos lábios infelizes a que se afeiçoa, até que se projetasse na sombra, terá sofrido tribulações para a travessia dos quais é possível não disponhas ainda nem mesmo da metade das forças.

O irmão que alijou a carga de compromisso que lhe competia, em meio da estrada na qual jornadeias, haverá agüentado, no mais íntimo da própria alma, provas e conflitos, que provavelmente até agora não conseguiste imaginar.

O amigo que se te fez menos estimável, à face do desespero a que se entregou, até que isso acontecesse, terá suportado empeços e sacrifícios, que não pudeste perceber, até hoje em momento algum.

A irmã que desistiu que desistiu das obrigações a que se entrosava, até o instante de semelhante deliberação, haverá tolerado angústias das quais é possível jamais tenhas sofrido a mais ligeira mostra do coração.

Abstenhamo-nos de julgar. Nosso ponto de vista, ante os problemas dos outros, na maioria das vezes, pode ser apenas impertinência, descaridade, leviandade, contrição.
Deixa que o amor te enriqueça e te ilumine o espírito de justiça.

Diante daqueles que te pareçam caídos, silencias quando não possas auxiliar. Recorda que todos eles são igualmente nossos irmãos. E já que não sabemos até quando e até onde conseguiremos assegurar a própria resistência, à frente das tentações, saibamos entregar as dificuldades alheias a Bondade de deus, cuja misericórdia cuidará delas, tanto quanto cuida e cuidará também das nossas.


Do livro Paz e renovação. Psicografia de Francisco Cândido Xavier. Autor: Emmanuel
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 17 de Fevereiro de 2011, 00:10
Boa noite meus queridos amigos.


Terapêutica da Recuperação.


Não se descuidar da desobrigação criteriosa dos compromissos assumidos.
Não perder de vista o ideal do aperfeiçoamento próprio.

Não se furtar ao prazer de recordar os momentos verdadeiramente felizes, vividos de acordo com a Suprema Vontade do Pai Celestial, sobretudo aqueles em que as provas de Sua Misericórdia se fizeram, por assim dizer, palpáveis.
 Não se poupar ao trabalho de servir e colaborar.

Não desviar a atenção das paisagens e passagens da Vida que lhe façam bem ao espírito e contribuam para a sua edificação. Não se desinteressar da solução honrosa, pacífica e construtiva dos problemas do seu quadro de responsabilidades.

 

Não permitir que a marcha do tempo se faça sem a sua participação no aproveitamento das horas. Não se atribuir direitos e privilégios além daqueles que decorrem do cumprimento dos seus deveres.

Não dar às coisas importância maior do que elas têm.

Não se sentir diminuído nem despeitado pelas vitórias alheias, quando as suas possibilidades de realizações estão situadas em outro plano de conquista.

Não se retrair ante as atividades que lhe competem desenvolver, nem exceder-se no seu desempenho.

Não ceder a idéia de derrota, nem alimentar convicção de vitória definitiva, sem admitir a necessidade de continuar lutando sempre, para vencer bem, mais e melhor.

Não se traumatizar nem recuar diante dos ásperos testemunhos da jornada terrena, perdendo a oportunidade de crescer espiritualmente.

Há uma terapêutica para a alma, que a recupera perante as leis divinas. Cabe a cada criatura descobri-la por si mesma e aplicá-la, pelos próprios esforços, a sua natureza íntima, observando método e disciplina no seu uso.

Ante a Medicina Celeste, não há casos perdidos, nem doentes incuráveis ou desenganados.

Faz-se mister, porém, que os seus processos de cura sejam devidamente acatados e encontrem campo favorável às manifestações nos recessos do ser.

Que cada um se examine conscienciosamente e chegue a uma conclusão do que se faz necessário às melhoras de suas condições espirituais, para adquirir de uma vez por todas a saúde do espírito e empenhar-se no sentido de bem preservá-la ao longo do percurso da trajetória terrena.

 :-* :-* :-*

André Ariovaldo




Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Rose FRA em 17 de Fevereiro de 2011, 10:13
Amigos de Forum e companheiros de jornada,
Bom dia,

Desejo um dia cheio de paz e luz para todos.

BURIL DE LUZ

Em teus dias de dor,
Recorda, alma querida,
Que a dor é para a vida
Aquilo que o buril severo e contundente,
Entre as mãos do escultor,
É para o mármore sem forma...

Golpe aqui, golpe ali, outro mais e mais outro,
Um corte de outro corte se aproxima,
E o bloco se transforma
Em celeste beleza de obra-prima.

Que seria da pedra abandonada, ao chão,
Triste, bruta, singela,
Se a vida não traçasse para ela
Planos de construção?

Que destino o da argila esquecida e vulgar,
Sem a temperatura desumana,
Que deve suportar
Para ser porcelana?

Enxergaste, algum dia,
Fora das leis da natureza,
O trigo que não fosse triturado
Para ser pão à mesa?

Se alguém te fere e humilha, ama, entende, perdoa
E agradece ao trabalho, a angústia e a prova,
Em que a vida imortal se nos renova,
No anseio de ascensão que nos guia e abençoa...
Alma querida, escuta!...
Para seguir à frente,
Em plena elevação
Sempre mais alta e linda,
Quem não chora, não serve e nem padece ou luta,
Parece tão-somente
Um ser espiritual em formação
Que não nasceu ainda...


pelo Espírito Maria Dolores - Do livro: Mãos Marcadas, Médiuns: Francisco Cândido Xavier.

Abracos Fraternos,
Rose
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 17 de Fevereiro de 2011, 10:34
                                  VIVA JESUS!


        Bom-dia! queridos irmãos.


                "Ninguém nasce odiando outra pessoa pela cor de sua pele, por sua origem ou ainda por sua religião. Para odiar, as pessoas precisam aprender e, se podem aprender a odiar, podem ser ensinadas a amar." ( Nelson Mandela )


                                             PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 17 de Fevereiro de 2011, 20:17
Boa tarde, queridos amigos!


Calma para o Êxito


 
Em todos os passos da vida, a calma é convidada a estar presente.

Aqui, é uma pessoa tresvairada, que te agride...

Ali, é uma circunstância infeliz, que gera dificuldade...

Acolá, é uma ameaça de insucesso na atividade programada...

Adiante, é uma incompreensão urdindo males contra os teus esforços...

É necessário ter calma sempre.

A calma é filha dileta da confiança em Deus e na Sua justiça, a expressar-se numa conduta reta que responde por uma atitude mental harmonizada.

Quando não se age com incorreção, não há por que temer-se acontecimento infeliz.

A irritação, alma gêmea da instabilidade emocional, é responsável por danos, ainda não avaliados, na conduta moral e emocional da criatura.

A calma inspira a melhor maneira de agir, e sabe aguardar o momento próprio para atuar, propiciando os meios para a ação correta.

Não antecipa, nem retarda.

Soluciona os desafios, beneficiando aqueles que se desequilibram e sofrem.

Preserva-te em calma, aconteça o que acontecer.

Aprendendo a agir com amor e misericórdia em favor do outro, o teu próximo, ou da circunstância aziaga, possuirás a calma inspiradora da paz e do êxito.

* * *

Divaldo P. Franco.
Ditado pelo Espírito Joanna de Angelis.
Alvorada.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 18 de Fevereiro de 2011, 02:08
Boa noite meus queridos!!!!!!!!!!

Não se culpe, corrija-se
 
 

Não deixe que a consciência fique emperrada no circuito fechado do remorso, a rodar repetidamente o filme dos seus erros, valorizando a culpa.

É preciso liberar a mente da zona de sombras para as claridades da razão, a fim de detectar onde e como se deu a queda e, em função disso, movimentar os recursos da corrigenda. Culpar-se apenas não resolve nada. É indispensável sair do ponto em que caímos.

E a primeira atitude é levantar-se, bater a poeira, dar a volta por cima e prosseguir a caminhada, mas agora como os cuidados que negligenciamos antes.  O erro, às vezes, não é mais que o tropicão que nos empurra para além do buraco fatal, evitando o pior.

Não é que devamos nos atirar propositadamente ao erro, nem transformá-lo em hábito pernicioso, sob a desculpa de que errar é humano, ou que é preciso errar para acertar. Não, o que é importante é conscientizar-se do erro, de que ele é um mal que retarda o nosso progresso e adia a felicidade. E como tal, é imperioso corrigi-lo, compreendendo que somente nos educando para a vida, superaremos nosso lado animal.

Não devemos achar, porém que porque erramos, o mundo inteiro desabou sobre nossa cabeça e, por isso, vamos ficar repisando a culpa, na posição do doente que, não acreditando na cura, atira-se nos braços da morte por antecipação, pensando: “Já que vou morrer, nada mais devo fazer para salvar-me”.

Somos humanos, almas em aprendizado e não espíritos acabados e infalíveis! Por isso, se você caiu, se errou, se cometeu algum equívoco, utilize a experiência por lição oportuna para não reincidir, não errar mais. Há males que tem função educativa, e a dor é matéria indispensável no seu currículo. A perfeição passa indubitavelmente pelo erro e só se chega à perfeição agradecendo as quedas.

Não se culpe demasiadamente para não fechar as portas aos recursos da corrigenda. Defeitos existem para ser enfrentados e consertados. Confinar-se ao círculo da auto-acusação e condenar-se irremissivelmente sem cogitar de um álibi qualquer para redimir-se do erro, é suicídio. A solução para o culpado é corrigir-se. Atire a primeira pedra aquele que não tiver errado! Este pensamento de Jesus, no episódio da Mulher Adúltera, para mostrar aos fariseus acusadores que ninguém está imune ao erro, a um equívoco qualquer neste mundo de almas a caminho da eterna corrigenda.

 

 

Pereira, Wanderley. Ditado por um Amigo Espiritual.


 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 18 de Fevereiro de 2011, 08:17
Em horas de crise

Olá queridos amigos e irmãos... Sejam bem-vindos... Muita paz a todos


Asserena o coração inquieto e segue para frente.

Se errares, há recursos de retificação.

Se outros estão enganados, voltarão à verdade, algum dia.

Se companheiros determinados não te puderam entender, a vida, em nome de Deus, trará outros que te compreenderão.

Do livro Companheiro, de Emmanuel, obra psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier.
Abençoa os que te deixaram em caminho, porque nem todos conseguem cumprir várias tarefas ao mesmo tempo.

Agradece aos que te amparam e auxilia aos que possuam menores recursos que os teus.

Trabalha para o bem, onde estiveres e como estiveres.

Não esperes santificar-te para servir porque ainda somos criaturas humanas, com os defeitos inerentes à nossa condição e, por isso mesmo,

Deus não nos confia trabalho somente compreensível no clima dos anjos.

Não acredites que possas evoluir sem problemas ou que consigas aperfeiçoar-te sem sacrifícios.

Nunca descreias do poder de progredir e melhorar, à custa do próprio esforço.

Alegra-te, constantemente.

Capacita-te de que o desânimo não presta auxílio a ninguém.

Se alguém te ofendeu, esquece.

Reflete em quantas vezes teremos ferido a alguém, sem a mínima intenção, e cobre o mal com o bem.

Se ouvires referências infelizes acerca de alguma pessoa, medita nas boas ações que essa criatura terá praticado ou nas boas obras que terá desejado fazer sem que isso lhe fosse possível.

Em qualquer dificuldade, aconselha-te com a esperança, porque Deus tudo está modificando para melhor.

Persevera no trabalho que a vida te deu a executar.

Pensa no bem e fala no bem.

Abençoa sempre.

E se alguma provação te acolhe com tanta força que não consigas evitar as próprias lágrimas, mesmo chorando, confia em Deus, na certeza de que Deus amanhã nos concederá outro dia.
[/size]

-------------------------------||-----------------

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Rose FRA em 18 de Fevereiro de 2011, 11:29
Olá Amigos de forum e de jornada,
Katia, Dothy e todos que sempre colocam palavras que me ajudam muito na minha Reforma Intima... com muito carinho e gratidao, deixo algo para voces.
Fiquem na paz de Jesus e com a Luz da Divindade nos iluminando.

CONFLITOS PSICOLÓGICOS
Tão fácil julgar os conflitos sentimentais que surjam nos outros!

Habitualmente, a opinião pública na Terra quase que até agora, em assuntos de sexo, se restringia a entender e aprovar os que se davam ao casamento e a estranhar ou reprovar os que se mantinham em celibato.

A evolução, no entanto, descortinou as ciências psicológicas da atualidade e as ciências psicológicas empreenderam o estudo das complexidades da alma, quase a lhe operarem o desnudamento.

E os problemas do sexo vão sobrando em escala crescente.

Casados e solteiros, jovens e adultos, quando em lutas emocionais, apresentam distúrbios afetivos e impulsos ambivalentes, insatisfação e carência de ordem sentimental, dificuldades através de condições inversivas e fenômenos diversos da bissexualidade.

Sempre valiosa a contribuição da psicologia em socorro de quantos se identificam no mundo em situação paranormal, nos domínios do afeto, particularmente quando ensina aos pacientes a conquista da auto-aceitação. Entretanto, sem os princípios reencarnacionistas, definindo a posição de cada espírito segundo as leis ele causa e efeito, qualquer tipo de assistência às vítimas de desajustes psicológicos resultará incompleto.

Nesse sentido é preciso recordar que todas as lesões afetivas que tenhamos imposto a alguém repercutem sobre nós, criando lesões conseqüentes e análogas em nosso campo espiritual.

Esse terá traumatizado almas queridas com os assaltos da ingratidão e se corporificou de novo no Plano Terrestre suportando os chamados desequilíbrios congênitos; aquele provavelmente haverá precipitado corações sensíveis em despenhadeiros do sentimento e renasceu carregando frustrações sexuais irreversíveis para todo o curso da própria existência; outro perseguiu criaturas irmãs do sexo oposto, mergulhando-as em desespero e delinqüência e terá voltado à Terra em condições inversivas; outros terão solicitado a própria internação em celas morfológicas de formação contraria aos seus impulsos mais íntimos, de modo a se isolarem transitoriamente para o desempenho de tarefas determinadas e nem sempre toleram as provas e empeços da própria escolha; e outros muitos ainda, que impuseram suicídios e crimes, traições e deserções a pessoas que lhes hipotecavam integral confiança, retornam à experiência física sofrendo tribulações complexas que variam conforme o grau da culpa com que dilapidaram a harmonia de si mesmos.

Diante dos nossos irmãos de Humanidade em problemas sexuais, saibamos administrar-lhes amor e esclarecimento ao invés de menosprezo ou condenação.

Normalidade física não quer dizer no mundo que os nossos débitos das existências passadas fiquem extintos. Em razão disso, muitas vezes, é possível que amanhã estejamos rogando amparo justamente àqueles aos quais hoje estendamos auxílio.

Encerrando os nossos apontamentos, lembremo-nos de que Allan Kardec formulou a questão número 202, em O Livro dos Espíritos, indagando da Espiritualidade Superior quanto à preferência dos amigos desencarnados, ante o renascimento no mundo, a perguntar para que setor da vida humana mais se inclinavam: se para o campo de trabalho do homem ou da mulher. E os mentores da Codificação Kardequiana responderam convincentes:

– Isso, na essência, não lhes importa. Vale, sim, para eles, acima de tudo, a prova que lhes compete experimentar.

 pelo Espírito Emmanuel - Do livro: Era do Espírito, Médium: Francisco Cândido Xavier e Herculano Pires - Espíritos Diversos.
Abracos fraternos e um ótimo final de semana a todos!!
Com carinho da
Rose
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 18 de Fevereiro de 2011, 14:09
                                    VIVA JESUS!


         Bom-dia! queridos irmãos.

                Calma e fé
Realmente, não te será possível deter as vítimas da precipitação.

Aqui, é alguém que clama intempestivamente por dias melhores, sem despender qualquer esforço para alicerçá-los.

Ali, é o amigo que desiste da tolerância e se desequilibra no espinheiral da irritação.

Mais adiante, é o doente exigindo a própria cura em poucas horas, depois de organizar campo adequado para a longa enfermidade que o aflige.

Com todos esses casos rentearás, inclusive, talvez, através de familiares queridos que se mostrem incursos nesses quadros de intemperança mental, a se expressarem por estranhas perturbações.

Lembrar-te-ás, porém, de que a ansiedade negativa, só por si, nunca serviu a ninguém.

A aflição inútil quase sempre apenas mentaliza alucinações suscetíveis de piorar quaisquer problemas, já de si mesmos graves e complicados.

Observa os padrões da Natureza.

A árvore não frutesce sem habilitar-se no tempo para isso.

Por mais vocifere um homem reclamando a luz solar direta num hemisfério em que o relógio aponta a meia-noite, reconhecer-se-á obrigado a esperar pelo amanhecer.

A lâmpada para fazer-se clarão deve ajustar-se à voltagem a que se vincula.

E uma criança, por mais prodígios de inteligência, dos quais dê testemunho, somente abraçará determinadas responsabilidades quando o tempo lhe acrescente madureza ao raciocínio.

Nas provas com que te defrontes, conserva a serenidade da paciência para que te sobreponhas aos impactos inevitáveis do sofrimento que, na Terra, comparece no caminho de todos.

Age e constrói, abençoa e auxilia sempre para o bem, mas não te esqueças de que se não consegues estabelecer a harmonia e a segurança no íntimo dos outros, podes claramente guardar a calma e a fé no próprio coração.

                                   Emmanuel


                                                 PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma - Humildade
Enviado por: Rose FRA em 19 de Fevereiro de 2011, 14:17
Olá Meus Amigos,

a paz do Senhor esteja em nossos coracoes, hoje e sempre.
Minha Palavra hoje é de Paciência..... para todos!!
Eu estou precisando mais do que nunca e aqui sempre encontro palavras, que me confortam e hoje estou necessitando ler muito sobre a paciência, por esse motivo vou compartilhar com os Amigos uma das mensagens que me trouxe um sentido para ter mais Paciência.

Com muito carinho,

Paciência

Na eternidade do nosso Espírito a evolucao nao dá saltos.  As conquistas do Espírito fazem-se lentamente.  As modelacoes e as remodelacoes do nosso Espírito se realizam, se constróem, em dimensoes dos Espacos Espirituais em que o tempo físico, dentro das restricoes do plano material, nao atenge.

Estamos habituados a correrias contra o passar do tempo, nas realizacoes materiais.  Vivemos em angústia pela falta de tempo.  Essas impressoes aflitivas peculiares aos trabalhos no campo material nao podem ser transferidas para a atmosfera sutil do nosso eu interior, no campo das conquistas espirituais.

A paciência é o reflexo da serenidade que em tudo deve o nosso Espírito estar envolvido.

Nao devemos confundie paciência com descaso, abandono da nossa participacao ativa no trabalho de auto-educacao.  O descaso é negligência, é desperdício de oportunidade. 

A paciência é resultante da serenidade vigilante, ativa, presente em todas as nossas oportunidades de aprendizado.

A paciência é antes de tudo, a manifestacao da nossa perseveranca.

Nao podemos ter pessa para atingir os cumes da evolucao, mas nao podemos desperdicar as oportunidades de conquistas, trabalhando ativa e persistentemente para isso. 

O trabalho é de nossa obrigacao; a apuracao do seu resultado compete a Deus.


Paz para todos.

Abracos fraternos,
Rose
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 19 de Fevereiro de 2011, 15:26
Aprendizado Valioso

Submetido ao currículo da aprendizagem na Academia terrestre, propõe-te a valorizar todas as lições que te escudam e preparam para a conquista dos tesouros da inteligência e do sentimento.
Cada período da vida brindar-te-á com uma gama de experiências, das quais retirarás proveitosos ensinamentos para o próprio equilíbrio.
Nem sempre o curso transcorrerá em manifestação festiva, porém, nas diferentes etapas defrontarás os desafios que te exigirão capacidade e reflexão, discernimento e decisão para superá-los.
Toda conquista resulta de um preço de sacrifício ou esforço para legitimar-se.
As variadas disciplinas podem impor-te demorados estágios, seja no patamar dos sofrimentos ou nos degraus da renúncia, todavia, galgando a escada das dificuldades, lograrás o topo da subida para o refazimento necessário e a paz verdadeira.
A princípio, os sonhos infantis enriquecer-te-ão as paisagens mentais, de modo a nutrires a adolescência com imagens e contos felizes, passando à idade da razão pelo túnel das preocupações e responsabilidades, com as quais enfrentarás o período do envelhecimento, caso a desencarnação não se te faça o decreto inesperado de interrupção do curso...
Nas inúmeras matérias de estudo e vivência, ambicionarás o curso da beleza física, sem te dares conta do quanto é transitória e de como encarcera o coração em abismos de desencantos e frustração;
- desejarás a projeção social, sem te aperceberes dos perigosos labirintos por onde deverás transitar, para mantê-la, já que se apóia nas areias movediças das circunstâncias instáveis do processo de relacionamento humano;
- disputarás a conquista do poder, sem que observes o pesado ônus que se paga quando em posição de mando, por muitos bajulado, a fim de recolherem porções da situação e desprezíveis migalhas de projeção, sob a inveja, o despeito e o ódio de incontáveis, que se comprazerão quando o olvido e a queda assinalarem a passagem do triunfador enganado por um dia;
- lutarás pela aquisição da cultura, com a qual conseguirás deter valores inapreciáveis, sem perceberes a presença do orgulho e da presunção que se postarão à espreita;
- buscarás o prazer, com o qual ficarás embriagado pelos vinhos da luxúria ou da sensualidade, da gula ou do repouso exagerado, dos desportos ou da ociosidade, sem notares a dissolução dos sentimentos e a intoxicação violenta, letal, da personalidade...
Serão períodos de movimentação ou calmaria, a sós ou com a família, de cujas ações resultarão os títulos de promoção ou a necessidade de recuperação imediata, a fim de não estacionares demoradamente na reprovação.
Ninguém alcançará o pleno conhecimento da vida sem a experiência valiosa nos estágios curriculares do educandário terrestre.
Limitados e dementes, macerados e reclusos em corpos disformes, que não lhes respondem aos comandos do Espírito, são alunos desertores que se encontram de retorno, expiando, ergastulados na dor, as lições de amor que desprezaram.
Inquietos e instáveis, insatisfeitos e padecentes, necessitados e solitários são discípulos em curso de recuperação provacional, com imediatas possibilidades de promoção, caso não resvalem, voluntariamente, pelo desespero e pela rebeldia sistemática para os cursos inferiores, já superados, mas de que ainda necessitam...
Beleza física, projeção social, poder, cultura, prazeres, são provas de difícil vitória na aprendizagem terrestre.
Solidão e sofrimento, pobreza e problemas constantes, enfermidade e abandono, constituem exames rigorosos de excelentes pesos na contagem das unidades para a avaliação no final de cada curso.
A vida é eterna e as experiências são constantes, facultando aquisições que somam valores para a libertação do ser, assim arrebentando as algemas do primitivismo com os recursos do amor puro e da sabedoria, mediante os quais poderemos manter-nos e progredir na escola bendita da ascensão de todos nós, que é a Terra.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 19 de Fevereiro de 2011, 15:39
Olá queridos amigos e irmãos... Sejam bem-vindos... Muita paz a todos...

Sua presença é muito importante, ela é que faz o sucesso deste espaço que é de vocês
Estão convidados a trazerem suas mensagens dentro do tema...
Desejamos uma ótimo final de semana repleto de amor e paz...
Abraços afetuosos de:

[/b][/color]
Lima- Gil e equipe


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 19 de Fevereiro de 2011, 15:44
Querida amiga Rose... Muita paz e luz a ti e toda a família.. Sempre!!

Todos nós somos ajudados quando entramos neste Fórum que é rico em auxilio espiritual
Tua presença e as valiosas contribuições que  sempre nos trás, são muito importantes para nós, que precisamos muito.
Desejmos poder contar sempre com tua amizade e  estas felizes mensagens...


beijos e abraços carinhosos de tua amiga
[/b][/color]
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 20 de Fevereiro de 2011, 09:12
Perante o Corpo

 

 

Cultivar a higiene pessoal, sustentando o instrumento físico qual se ele fosse viver eternamente, preservando-se, assim, contra o suicídio indireto.

O corpo é o primeiro empréstimo recebido pelo Espírito trazido à carne.

Precatar-se contra tóxicos, narcóticos, alcoólicos, e contra o uso demasiado de drogas que viciem a composição fisiológica natural do organismo.

Existem venenos que agem gota a gota.

Conduzir-se de modo a não exceder-se em atitudes superiores à própria resistência, nem confiar-se a intempestivas manifestações emocionais, que criam calamitosas depressões.

O abuso das energias corpóreas também provoca suicídio lento.

Distinguir no sexo a sede de energias superiores que o Criador concede à criatura para equilibrar-lhe as atividades, sentindo-se no dever de resguardá-la contra os desvios suscetíveis de corrompê-la.

O sexo é uma fonte de bênçãos renovadoras do corpo e da alma.

Fugir de alimentar-se em excesso e evitar a ingestão sistemática de condimentos e excitantes, buscando tomar as refeições com calma e serenidade.

Grande número de criaturas humanas deixa prematuramente o Plano Terrestre pelos erros do estômago.

Sempre que lhe seja possível, respirar o ar livre, tomar banhos de água pura e receber o sol farto, vestindo-se com decência e limpeza, sem, contudo, prender-se à adoração do próprio corpo.

Critério e moderação garantem o equilíbrio e o bem-estar.

Por motivo algum, desprezar o vaso corpóreo de que dispõe, por mais torturado que ele seja.

Na Terra, cada Espírito recebe o corpo de que precisa.


"Glorificai, pois, a Deus no vosso corpo, e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus." - Paulo. (I Coríntios, 6:20.)

 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: **SOL** em 21 de Fevereiro de 2011, 15:23
DESPRENDIMENTO



Ajuda, sem esperar ajuda.
Ama, sem esperar amor.
Agasalha, sem esperar o agasalho.
Aquece, sem esperar ser aquecido.
Deixa o amor entrar em ti, em teu coração.
Aqui, deixamos nosso orgulho de lado e amparamos, aconselhamos,acalentamos, sem esperar nada em troca."
Aí, deves fazer o mesmo, só assim estarás, um dia, aqui.
Ama, pois serás amado.
Abre o teu coração e serás recebido em nossos corações.
O Pai está sempre com todos nós, aproveita e segue a luz; aí então, iremos juntos até Ele.
E O saudaremos com pureza e amor, prontos para nos esquecermos, prontos para o mundo e todo o universo.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Carmen.gbi em 21 de Fevereiro de 2011, 18:03


Boa tarde"


Exila das províncias da tua vida a maldade.
 
Rebate o pensamento doentio com o saudável; corta a rede perniciosa das suspeitas injustificáveis com a tesoura da confiança no teu próximo.
 
É tormentoso viver armado contra os outros, ver primeiro o lado negativo, detectar a imperfeição.
 
Ninguém há, na Terra, sem defeitos, como não existe uma só pessoa que não possua também virtude, por pior que este indivíduo seja.
 
Procura o lado bom de todos e te descobrirás bem, renovado e afável.

Joanna de Ângelis


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 24 de Fevereiro de 2011, 08:44
Alegria
 
Alegria é cântico das horas com que Deus te afaga
 a passagem no mundo.
Em toda parte, desabrocham flores por sorrisos da natureza
e o vento penteia a cabeleira do campo com música de ninar.
A água da fonte é carinho liquefeito no coração da terra
 e o próprio grão de areia, inundado de sol,
 é mensagem de alegria a falar-te do chão.
Não permitas, assim, que a tua dificuldade se faça
tristeza entorpecente nos outros.
Ainda mesmo que tudo pareça conspirar contra a felicidade
 que aspiras, ergue os olhos para a face risonha da vida
 que te rodeia e alimenta a alegria por onde passes.
Abençoa e auxilia sempre, mesmo por entre lágrimas.
 A rosa oferece perfume sobre a garra do espinho
 e a alvorada aguarda, generosa, que a noite cesse
renovar-se, diariamente, em festa de amor e luz.
 
 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: brunolas em 24 de Fevereiro de 2011, 14:11
Obrigado Dothy :)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 25 de Fevereiro de 2011, 07:51
  A Loucura da Violência

Pequenos exercícios de autocontrole terminam por criar hábitos de não-violência.

Disciplinas mentais e silêncios fortalecidos pela confiança em Deus geram a harmonia que impede a instalação desse desequilíbrio.

Atividades de amor, visando o bem e o progresso da criatura humana e da sociedade, constituem patamar de resistência às investidas dessa agressividade.

Reflexões em torno dos deveres morais produzem a conscientização do bem, gerando o clima que preserva os sentimentos da fraternidade.

A violência é adversária do processo de evolução, fomentadora da loucura. Quem lhe tomba nas garras exaure-se, e, sem forças, termina no abismo do auto-aniquilamento ou do assassínio...

*


Franco, Divaldo Pereira. Da obra: Momentos Enriquecedores.
Ditado pelo Espírito Joanna de Ângelis
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 25 de Fevereiro de 2011, 07:55
Olá queridos amigo brunolas.... Seja bem -vindo... Muita paz

Agradecemos a visita a este espaço que é de vocês..
Ficamos  felizes por termos te ajudado de alguma forma ...
Está convidado a trazer tua mensagem... Desejamos que voltes sempre..


Abraços afetuosos
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 26 de Fevereiro de 2011, 04:25
               (http://i82.photobucket.com/albums/j259/JodyMoore/FUN%20Pics%20and%20Gifs/Flower1.jpg)



Boa noite, queridos amigos!


NOS ARCANOS DO TEMPO


Filho,
Vezes sem conta a Lua passeia no céu, e o Sol se ergue e se oculta nas fímbrias do horizonte, até que a minúscula semente se torne uma árvore frondosa.
Evos incontáveis se dobraram, no imenso bojo das eras, para que teu espírito pulsasse e nele eclodisse a luz da consciência.
São preciosos miríades de séculos para que nasça uma estrela, e milênios de milênios para que a glória crística coroe um Anjo nos Céus.
Somos ainda modestos filhos de Deus em crescimento, desenvolvendo os poderes da inteligência e da memória, e acrisolando sensações e sentimentos.
A experiência é nossa mestra na escola da vida, onde o progresso forja, nas oficinas do tempo, a nossa têmpera moral.
Não te inquietes, pois, se o fulgor das virtudes que anseias custa a revelar-se.
Agradece, reconhecido, os pálidos revérberos que já te clareiam os passos na estrada da
existência, e segue para a frente, valoroso e confiante.
Tem paciência contigo, filho amado, como o nosso Pai Eterno tem paciência conosco.
Não te aflijas em vão.
Deixa que o tempo e o trabalho, a dor e a luta, tanto quanto as confortantes alegrias do teu cotidiano, moldem e gravem na tua alma a excelsa grandeza com que sonhas.
Considera, meu filho, que na tua atual pequenez, e na tua pobreza de agora, tens a riqueza infinita do amor do Divino Pai, o carinho sublimal dos teus Numes Celestes e o beijo maternal que não te negarei.


Livro: Amar e servir. Autora: Letícia. Psicografado por Hernani T SantAnna
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 26 de Fevereiro de 2011, 10:20
Olá queridos amigos.... Membros e visitantes...

Sejam bem--vindos... Sintam-se em família...Muita paz a todos
Sua presença é a responsável pelo sucesso deste espaço que é de vocês...
Estão todos convidados a trazerem suas mensagens dentro do tema...
Desejamos um ótimo final de semana repleto de felicidades, saúde, pae e mto amor...
São os sinceros votos de
:

Lima_ Gil e equipe



Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 02 de Março de 2011, 07:39
(http://www.recadodeorkut.com/105/181.gif) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZGluaG9zcGFyYW9ya3V0LmNvbQ==)

 Para gifs de Bom Dia, o melhor &eacute; aqui! (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZGluaG9zcGFyYW9ya3V0LmNvbQ==)<br

Ante os conflitos que explodem no mundo, conserva-te em paz. Não te deixes envolver pelo pessimismo. Continua servindo e abençoando a vida. O bem triunfa sempre.

Ante os desajustados da Terra, respeita-lhes o caminho e silencia quando não lhes consigas compreender as lutas entremeadas do pranto que desconheces. (Meimei)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Victor Passos em 02 de Março de 2011, 10:26
Ola muita paz e harmonia
Amiga Dothy

Diante do Amor

Livro: Viajor
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier

          Um rápido olhar do homem, através do plano em que evolui, revelar-lhe-á o Amor Divino, que lhe assegura a existência.

          *****

          A gota d´água, aparentemente esquecida nas entranhas do solo, alimenta o manancial.

          O manancial preserva a fonte.

          A fonte adere ao grande rio.

          O grande rio coopera no equilíbrio do mar.

          O mar produz a nuvem.

          A nuvem garante a chuva.

          A chuva nutre o verme.

          O verme aduba a terra.

          A terra protege a semente.

          A semente mantém a floresta.

          A floresta, com a sua riqueza, desdobra-se em utilidades, para a vida.

          *****

          Para o Homem todas as forças da Natureza trabalham espontaneamente, reconhecendo-o por senhor da inteligência que lhes cabe reverenciar e servir.

          *****

          O homem, no entanto, em laborioso processo de adaptação às Leis Divinas, ainda não soube aprender com as forças mais simples que o cercam a felicidade de se doar em serviço ao mundo para retomar a si mesmo em nível mais alto, algemado qual se encontra ainda às cristalizações do egoísmo, que dele fazem um rei mendigo, prisioneiro no cárcere das próprias limitações.

          *****

          Atingindo a razão, o espírito humano, em milênios de luta, sofre a hipertrofia da intelectualidade mal conduzida, e, desequilibrado em si próprio, pela carência de sentimento e pelo excesso de raciocínios transviados, mais se lhe acentua agora, com os eventos da nova civilização, a forma esfingética em que se confundem nele as fulgurações do anjo e os instintos da besta.

          *****

          Urge aceitar com Jesus a tarefa de convocar as criaturas ao Amor, sentido, crido, e profundamente vivido, ao preço de nossa própria renunciação, para que os novos tempos nos encontrem sob feições novas.

          *****

          Outros mundos nos acenam a mais amplos recursos evolutivos e outras humanidades nos convidam à exaltação da consciência cósmica...

          *****

          A Terra de hoje marcha para a Terra de Amanhã...

          *****

          Ajustemo-nos à Lei que nos recomenda o Amor a Deus, através do nosso devotamento a todos os seres da Criação e, aprendendo com a Natureza que nos sustenta e socorre, sob os ditames desse mesmo Amor, em nome do próprio Deus, atingiremos o ponto de junção com os nossos irmãos mais evoluídos que já se sublimaram nas esferas de angelitude.

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: **SOL** em 02 de Março de 2011, 10:53
Bom dia meus queridos irmãos, recebi está oração por e-mail,
vim dividi-la com vocês.

“ ORAÇÃO DA ALMA ”
por Rebeca

Pai, meu Criador,
A Ti peço cercar-me de Teus ressonantes acordes de Poder,
para que eu caminhe seguro, trabalhando por meu progresso espiritual.

Seja em minha alma, a consciência de sua divina essência, para que eu caminhe recoberto de confiança no sábio poder da vida, no seu amparo, a volver-me de cores milagrosas para que eu cumpra o mais serenamente possível as minhas terrenas missões.

Seja em minha alma o poder da fé, a cedê-la o maior dos votos de sua divina procedência a dizer-lhe:
-Confia no teu Criador, no silencioso amor que converge de Sua rica infinita Luz para a tua essência imortal;
Crê no todo Poder da Criação, que em tua matriz de Luz reparte a Sua soberania, fazendo de ti o Pai vivo no Filho, aguardando por teu crescimento e amadurecimento para revelar-te a Sua imagem e semelhança, vivas no teu único e indivisível rosto de Luz.

Sê, minha alma,
a verdade pura de tua realidade infinita,
de tua promessa transcendente,
de tua beleza imortal. “

Amém

*Rebeca é Ser de Luz de Antares.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 02 de Março de 2011, 13:28
                                              VIVA JESUS!


    Bom-dia! queridos irmãos.

             Salve, Maria!
Bezerra de Menezes

Mãe gloriosa de toda Humanidade.

Título conquistado com o esmeril da dor, da renúncia e da abnegação.

Título que nos estimula nos caminhos do mundo, para que sigamos os passos de teu divino Filho, em busca da Luz Maior.

"Fazei tudo o que ele vos disser", assim falaste. E, numa estupenda oportunidade, a água transformou-se em vinho!

Hoje, Mãe e Senhora, ainda ouvimos tua voz a nos dizer: "Fazei tudo o que ele vos disser." E o mal se transformará em bem, a noite em dia esplêndido, a treva em luz. Fazei tudo o que ele vos disser. Aprendei com ele, seguindo-lhe as instruções com atenção, e tereis conseguido o prêmio retumbante da vida imortal, na felicidade imorredoura!

Senhora nossa! Sabemos que estrelas divinas de compaixão brilham no mundo dos homens. Que o catre mais humilde recebe tua visita de luz e teu coração maternal se debruça sobre o mundo torturado, providenciando alívio, paz, harmonia, para todo sofrimento.

Saudando-te, ó Máter Dolorosa, suplicamos-te a bênção radiosa de teu amor para os corações maternos que lutam pelo aprimoramento dos filhos que os céus lhe enviam.

Abençoa, Mãe Santíssima, os caminhos maternos!

Que tua energia, força e coragem sejam com todas as mães, porquanto, no altar sublime da maternidade, o mundo se renova, cresce e se abrilhanta.

Sol Divino, estrela das manhãs coroadas de esplendor, estende tuas mãos e santifica e conforta aquelas que choram no vale da amargura, da prova cruciante.

Alenta, Senhora, aquelas que desertaram dos deveres sagrados da maternidade, para que se voltem para a Verdade Eterna.

Sustém em teus braços as criancinhas desvalidas, sem o calor materno, para que cresçam e progridam sempre.

Sobretudo, Senhora, abençoa as mãos infatigáveis que alentam os filhos de outras mães, inundando a casa terrestre de esperança e fé.

Senhora de Luz, doce Virgem, a prece do último de teus servos, invocando as bênçãos sublimes para toda a Humanidade, envolve, por certo, o louvor dos nossos corações ao teu coração excelso, estrela divina no esplendor dos céus.

Graças te rendemos, ó querida Rainha, graças pelo teu amor que nos acalenta nas noites dos milênios, conduzindo-nos ao Reino de teu amado Filho.


 
                                   PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 03 de Março de 2011, 08:32
(http://www.recadodeorkut.com/105/185.jpg) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5naWZzZm9mb3MuY29t)

 Encontre as melhores Mensagens de Bom Dia para seus Amigos! (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5naWZzZm9mb3MuY29t)


Observai...

"Observais as aves do céu... não valeis muito mais do que
as aves?... considerai como crescem os lírios dos campos...
pois vosso Pai celeste sabe que necessitais de todas
estas coisas." ( Mateus 6:26, 28,32)

A ansiedade é a causa de muitas doenças psicossomáticas, tais como úlceras duodenais, colites, certos tipos de dermatites, além de
provocar hipertensão arterial.
A preocupação não resolve nossos problemas,
mas arruína nossa saúde.

Já morremos para o dia de ontem e não nascemos para o dia de amanhã.
Portanto, vivamos o dia de hoje.

A preocupação pelo amanhã não é outra coisa
senão ausência de fé nos cuidados do
nosso Pai celestial.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Victor Passos em 03 de Março de 2011, 08:54
Ola muita paz e harmonia
Bons Amigos e Amigas

Dádiva Esperada

Livro: Ideal Espírita
Albino Teixeira & Francisco Cândido Xavier

    Em qualquer tempo, para a nossa alegria de pensar e realizar, a Divina Providência nos concede todos os recursos de que temos necessidade:

          O corpo ativo;
          A inteligência lúcida;
          O entendimento claro;
          A inspiração construtiva;
          A riqueza das horas;
          O tesouro das energias;
          A vantagem do movimento;
          O verbo ágil;
          O conforto doméstico;
          A possibilidade de trabalhar;
          O aviso da experiência;
          A simpatia do próximo;
          O dom de compreender;
          O ensejo de auxiliar.


    No entanto, em todas as tarefas, a Providência Divina espera de nós uma dádiva simples - nossa atitude de paciência, na hora difícil, para que não se interrompa o serviço do bem.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 03 de Março de 2011, 11:36
                                       VIVA JESUS!


     Bom-dia! queridos irmãos.

            Evitar os Espíritos maus– Os Espíritos cuja influência é repelida pela vontade do homem renunciam às suas tentativas? “Que queres que eles façam? Quando nada têm a fazer, abandonam o campo. Não obstante, espreitam o momento favorável, como o gato espreita
o rato.” (Questão 408, de “O Livro dos Espíritos” – Allan Kardec.)


Todos somos Espíritos. Ora estamos encarnados, ou seja, ocupando um corpo material, ora estamos desencarnados, vivendo na espiritualidade. Num ou noutro estado somos a mesma criatura, portando as virtudes que já adquirimos e carregando os defeitos que ainda não conseguimos abandonar.

Se na Terra nos deparamos, frequentemente, com homens maus que causam grandes prejuízos à humanidade, em todos os aspectos, é muito natural e lógico que, seguindo eles para o mundo espiritual, enquanto não melhoram, continuam a fazer sofrer aqueles que estão sob as suas infelizes influências.

Mas tanto aqui como lá temos a liberdade e recursos para vivermos distantes deles, mas para isso será preciso estar em sintonia com as sábias e justas leis divinas.

No caso específico dos Espíritos, a eles nos ligamos através dos pensamentos que cultivamos e das ações que praticamos. Tanto os bons quanto os maus Espíritos nos identificam por esses dois fatores.

Portanto, para vivermos distantes das investidas nocivas oriundas dos Espíritos inferiores que atuam causando dissabores e sofrimentos à humanidade, indispensável se torna pautarmos a nossa vida pelos caminhos da dignidade, honestidade e honradez.

Cria um círculo de proteção ao redor de si a criatura que direciona seus dias no clima da fraternidade, solidariedade e amor ao próximo. Assim, os Espíritos malfeitores que alimentam o desejo de prejudicá-la de alguma forma, deparam com tal escudo, ficando sem ação ante a barreira que encontram. E, diante da dificuldade de impetrar seus intentos, abandonam o alvo.

Mas é preciso manter tal comportamento, pois que esses desencarnados perversos não desistem com facilidade, ficam esperando um possível momento de descuido, de invigilância, para dar o bote e executar os malsãos projetos que trazem em mira.

A prática do bem, a qualquer hora e em favor de qualquer pessoa, será sempre a nossa maior defesa contra as investidas dos Espíritos imperfeitos. Como eles buscam a sintonia com os seus afins, por certo não encontrarão o nosso endereço, pois que estaremos vibrando em faixa bem diferente da deles.

Não podemos olvidar. Viver a existência terrena de forma indiferente, inconsequente e irresponsável, sem dúvida, será deixar uma porta escancarada, possibilitando a entrada dos irmãos infelizes que não titubearão em nos causar grandes danos, que nos abrirão rios de sofrimentos.

Obviamente, a escolha será sempre nossa, pois que temos a liberdade de determinar os nossos caminhos, e, naturalmente, colheremos os reflexos dessas deliberações. Em verdade, ninguém tem culpa pelas dores que carregamos, uma vez que elas nascem das decisões que tomamos, como também temos o mérito pelas alegrias que registramos.

Portanto, se realmente queremos distância dos Espíritos inferiores, mensageiros de más notícias, pratiquemos o bem, sempre o bem, e nossas vibrações possibilitarão a chegada dos Espíritos superiores, portadores da mensagem da esperança, da alegria, do bem-estar e da paz.

Nada melhor para evitar a presença dos maus Espíritos ao nosso redor do que atrair a presença dos bons. O mal não resiste à presença do bem.

                  Waldenir Aparecido Cuin


                                             PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Victor Passos em 03 de Março de 2011, 11:38
Ola muita apz e harmonia
Bons amigos e amigas

O Mestre e o Apóstolo


Livro: Opinião Espírita
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier


          Luminosa, a coerência entre o Cristo e o Apóstolo que lhe restaurou a palavra.

          Jesus, o Mestre.

          Kardec, o Professor.

          Jesus refere-se a Deus, junto da fé sem obras.

          Kardec fala de Deus, rente às obras sem fé.

          Jesus é combatido, desde a primeira hora do Evangelho, pelos que se acomodam na sombra.

          Kardec é impugnado desde o primeiro dia do Espiritismo, pelos que fogem da luz.

          Jesus caminha sem convenções.

          Kardec age sem preconceitos.

          Jesus exige coragem de atitudes.

          Kardec reclama independência mental.

          Jesus convida ao amor.

          Kardec impele à caridade.

          Jesus consola a multidão.

          Kardec esclarece o povo.

          Jesus acorda o sentimento.

          Kardec desperta a razão.

          Jesus constrói.

          Kardec consolida.

          Jesus revela.

          Kardec descortina.

          Jesus propõe.

          Kardec expõe.

          Jesus lança as bases do Cristianismo, entre fenômenos mediúnicos.

          Kardec recebe os princípios da Doutrina Espírita, através da mediunidade.

          Jesus afirma que é preciso nascer de novo.

          Kardec explica a reencarnação.

          Jesus reporta-se a outras moradas.

          Kardec menciona outros mundos.

          Jesus espera que a verdade emancipe os homens; ensina que a justiça atribui a cada um pelas próprias obras e anuncia que o Criador será adorado, na Terra, em espírito.

          Kardec esculpe na consciência as leis do Universo.

          Em suma, diante do acesso aos mais altos valores da vida, Jesus e Kardec estão perfeitamente conjugados pela Sabedoria Divina.

          Jesus, a porta.

          Kardec, a chave.


Muita Paz
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 04 de Março de 2011, 08:35
Mensagem de Conforto

 

 

Quando você se observar, à beira do desânimo, acelere o passo para frente, proibindo-se parar.

Ore, pedindo a Deus mais luz para vencer as sombras.

Faça algo de bom, além do cansaço em que se veja.

Leia uma página edificante, que lhe auxilie o raciocínio na mudança construtiva de idéias.

Tente contato de pessoas, cuja conversação lhe melhore o clima espiritual.

Procure um ambiente, no qual lhe seja possível ouvir palavras e instruções que lhe enobreçam os pensamentos.

Preste um favor, especialmente aquele favor que você esteja adiando.

Visite um enfermo, buscando reconforto naqueles que atravessam dificuldades maiores que as suas.

Atenda às tarefas imediatas que esperam por você e que lhe impeçam qualquer demora nas nuvens do desalento.

Guarde a convicção de que todos estamos caminhando para adiante, através de problemas e lutas, na aquisição de experiência, e de que a vida concorda com as pausas de refazimento das nossas forças, mas não se acomoda com a inércia em momento algum.


Francisco Cândido Xavier. Da obra: Busca e Acharás. Ditado pelo Espírito André Luiz
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Victor Passos em 04 de Março de 2011, 09:39
Ola muita paz e harmonia
Bons amigos e Amigas

Ensinamento e Surpresa


Emmanuel & Francisco Cândido Xavier

          Um companheiro amargurado por desgostos do cotidiano, certa feita, através de emissora interiorana, ouviu a vos empolgante, de um professor, de otimismo que lhe cativou a atenção e a simpatia.

          De três em três dias, ei-lo postado junto ao receptor, a fim de registrar os conceitos do orientador distante.

          Tão admirado se viu com as respostas com que o prestimoso amigo reconfortava e instruía aos ouvintes, que lhe dirigiu a primeira carta, solicitando-lhe auxílio para sanar as inquietações de que reconhecia ser objeto.

          Entusiasmado com os apontamentos que obtinha pelo sem fio, confiou-se à copiosa correspondência, rogando-lhe as opiniões que chegavam sempre sinceras e sensatas.

          Aquele homem, cujas palavras de paz e compreensão se espalhavam pelo rádio, devia conhecer as mais intrincadas questões humanas.

          Para quaisquer indagações, expedia a resposta exata e tanto adentrou na faixa dos pensamentos novos, que lhe eram endereçados, que o amigo, dantes fatigado e pessimista, observou-se curado da angústia crônica que o possuía.

          Renovado e feliz, deliberou exteriorizar a gratidão que lhe vibrava nos recessos do ser, procurando abraçar o benfeitor pessoalmente.

          Combinaram dia e hora para encontro e o beneficiado despendeu oito horas, em automóvel, varando estradas difíceis, de modo a reverenciar o professor que lhe reabilitara as forças para a vida.

          Só então, depois de atingir a cidade para a qual se dirigia, entre consternação e júbilo, conseguiu avistá-lo, verificando, por fim, que o distinto radialista, que lhe devolvera a alegria de viver e trabalhar, era paralítico e cego.


Muita Paz
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 05 de Março de 2011, 10:04
(http://www.recadodeorkut.com/105/188.jpg) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZG9zZXNjcmFwcy5jb20=)

 Para gifs de Bom Dia, o melhor &eacute; aqui! (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZG9zZXNjcmFwcy5jb20=)


Liberte sua Alma

Não se prenda à beleza das formas efêmeras. A flor passa breve.

Não amontoe preciosidades que pesem na balança do mundo. As correntes de ouro prendem tanto quanto as algemas de bronze.

Não se escravize às opiniões da leviandade ou da ignorância. Incitatus, o cavalo de Calígula, podia comer num balde enfeitado de pérolas, mas não deixava, por isso, de ser um cavalo.

Não alimente a avidez da posse. A casa dos numismatas vive repleta de moedas que serviram a milhões e cujos donos desapareceram.

Não perca sua independência construtiva a troco de considerações humanas. A armadilha que pune o animal criminoso é igual à que surpreende o canário negligente.

Não acredite no elogio que empresta a você qualidades imaginárias. Vespas cruéis por vezes se escondem no cálice de lírio.

Não se aflija pela aquisição de vantagens imediatas na experiência terrestre. Os museus permanecem abarrotados de mantos de reis e de outros "cadáveres de vantagens mortas
".

André Luiz, no livro "Agenda Cristã"

****************************************************


.


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 06 de Março de 2011, 11:17
                                       VIVA JESUS!


   Bom-dia! queridos irmãos.
           
Olhai os Lírios

“... Considerai como crescem os lírios do campo...” – Jesus (Mateus, 6:28)

“Olhai os lírios do campo...” - exortou-nos Jesus.

A lição nos adverte contra as inquietações improdutivas, sem compelir-nos à ociosidade.

Os lírios para se evidenciarem quais se revelam não se afligem e nem ceifam, no entanto, esforçam-se com paciência, desde a germinação, no próprio desenvolvimento, abstendo-se de agitações pela conquista de reservas desnecessárias com receio do futuro, por acreditarem instintivamente nos suprimentos da vida.

Não fiam, nem tecem para se mostrarem na formosura que os caracteriza, todavia, não desdenham fazer o que podem, a fim de cooperar no enriquecimento do esforço humano.

Não se preocupam em ser gerânios ou cravos e sim aceitem-se na configuração e na essência de que se viram formados, segundo os princípios da espécie.

Não cogitam de criticar as outras plantas que lhes ocupam a vizinhança, deixando a cada uma o direito de serem elas mesmas, nas atividades que lhes dizem respeito à própria destinação.

Admitem calor e frio, vento e chuva, deles aproveitando aquilo que lhes possam doar de útil, sem se queixarem dos supostos excessos em que se exprimam.

Não indagam quanto à condição ou à posição daqueles a quem consigam prestar serviço, seja acrescentando beleza e perfume à Terra ou ornamentando festas e colaborando no interesse das criaturas em valor de mercado.

E, sobretudo, desabrocham e servem, no lugar em que foram situados pela Sabedoria Divina, através das forças da natureza, ainda mesmo quando tragam as raízes mergulhadas no pântano.

Evidentemente, nós, os espíritos humanos, não somos elementos do reino vegetal, mas podemos aprender com os lírios, serenidade e aceitação, paz e trabalho, com as responsabilidades e privilégios do discernimento e da razão que uma simples flor ainda não tem.


Emmanuel



                                    PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Victor Passos em 06 de Março de 2011, 11:34
Ola muita paz e harmonia
Bons Amigios e Amigas

O Mestre e o Apóstolo


Livro: Opinião Espírita
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier


          Luminosa, a coerência entre o Cristo e o Apóstolo que lhe restaurou a palavra.

          Jesus, o Mestre.

          Kardec, o Professor.

          Jesus refere-se a Deus, junto da fé sem obras.

          Kardec fala de Deus, rente às obras sem fé.

          Jesus é combatido, desde a primeira hora do Evangelho, pelos que se acomodam na sombra.

          Kardec é impugnado desde o primeiro dia do Espiritismo, pelos que fogem da luz.

          Jesus caminha sem convenções.

          Kardec age sem preconceitos.

          Jesus exige coragem de atitudes.

          Kardec reclama independência mental.

          Jesus convida ao amor.

          Kardec impele à caridade.

          Jesus consola a multidão.

          Kardec esclarece o povo.

          Jesus acorda o sentimento.

          Kardec desperta a razão.

          Jesus constrói.

          Kardec consolida.

          Jesus revela.

          Kardec descortina.

          Jesus propõe.

          Kardec expõe.

          Jesus lança as bases do Cristianismo, entre fenômenos mediúnicos.

          Kardec recebe os princípios da Doutrina Espírita, através da mediunidade.

          Jesus afirma que é preciso nascer de novo.

          Kardec explica a reencarnação.

          Jesus reporta-se a outras moradas.

          Kardec menciona outros mundos.

          Jesus espera que a verdade emancipe os homens; ensina que a justiça atribui a cada um pelas próprias obras e anuncia que o Criador será adorado, na Terra, em espírito.

          Kardec esculpe na consciência as leis do Universo.

          Em suma, diante do acesso aos mais altos valores da vida, Jesus e Kardec estão perfeitamente conjugados pela Sabedoria Divina.

          Jesus, a porta.

          Kardec, a chave.


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 06 de Março de 2011, 11:38
                                    VIVA JESUS!


    Bom-dia! queridos irmãos.

           Fermento espiritual
"Não sabeis que um pouco de fermento
leveda a massa toda?" – Paulo.
(I Coríntios, 5:6.)

O fermento é uma substância que excita outras substâncias, e nossa vida é sempre um fermento espiritual com que influenciamos as existências alheias.

Ninguém vive só.

Temos conosco milhares de expressões do pensamento dos outros e milhares de outras pessoas nos guardam a atuação mental, inevitavelmente.

Os raios de nossa influência entrosam-se com as emissões de quantos nos conhecem direta ou indiretamente, e pesam na balança do mundo para o bem ou para o mal.

Nossas palavras determinam palavras em quem nos ouve, e, toda vez que não formos sinceros, é provável que o interlocutor seja igualmente desleal.

Nossos modos e costumes geram modos e costumes da mesma natureza, em torno de nossos passos, mormente naqueles que se situam em posição inferior à nossa, nos círculos da experiência e do conhecimento.

Nossas atitudes e atos criam atitudes e atos do mesmo teor, em quantos nos rodeiam, porquanto aquilo que fazemos atinge o domínio da observação alheia, interferindo no centro de elaboração das forças mentais de nossos semelhantes.

O único processo, portanto, de reformar edificando é aceitar as sugestões do bem e praticá-las intensivamente, por intermédio de nossas ações.

Nas origens de nossas determinações, porém, reside a idéia.

A mente, em razão disto, é a sede de nossa situação pessoal, onde estivermos.

Pensamento é fermentação espiritual. Em primeiro lugar estabelece atitudes, em segundo gera hábitos e, depois, governa expressões e palavras, através das quais a individualidade influencia na vida e no mundo. Regenerado, pois, o pensamento de um homem, o caminho que o conduz ao Senhor se lhe revela reto e limpo.

                   Emmanuel


                                      PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Victor Passos em 06 de Março de 2011, 11:43
Ola muita paz e harmonia
Bons amigos e Amigas

Prossegue ensinando


Livro: Roteiro de Libertação
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco


          É decepcionante a reação dos que estão anestesiados pela ilusão diante das questões fundamentais do Espírito.

          Hipnotizados pelos interesses exteriores, não possuem claridade psíquica para os valores íntimos.

          Refugiados na couraça da indiferença, somente se sensibilizam com algo desde que possam retirar proveito pessoal, de ordem material.

          Trêfegos, não se detêm, sequer, no exame da conjuntura da morte, de que se não podem evadir.

          Frios, emocionalmente, para as realidades da alma, eliminam as possibilidades da sobrevivência e tentam aproveitar ao máximo o corpo somático e as questões que lhe dizem respeito.

          São cadáveres que respiram, mortos para a inevitável realidade da vida.

          -o- -o- -o-

          Sobreviverão à própria morte.

          Lamentarão o tempo e a oportunidade perdidos.

          Não te é lícito, no entanto, desanimar, em razão do bafio que expelem, na indiferença de que dão mostras.

          Eles ignoram o estado em que se encontram, tal é a fatuidade que os possui.

          Prossegue ensinando.

          De alguma forma já foste assim.

          Atravessaste caminhos, igualmente penosos, antes de despertares para as valiosas concepções da imortalidade.

          Sem dar-se conta, as sementes que lhes entregaste com carinho e eles desconsideraram, sob o adubo da dor e irrigadas com as lágrimas, que a todos nos visitam, germinarão.

          Nenhum bem se perde.

          Há grãos que atravessaram milênios em tumbas faraônicas, ao lado de cadáveres dourados, ajaezados de jóias, e que voltaram a produzir, enquanto os que lhes foram depositários continuaram múmias...

          As sementes de luz e de vida eterna que lhes ofertas, na tumba da presunção em que se encarceram, amanhã ou depois transformarão nas estrelas rutilantes que lhes apontarão o rumo da noite por onde transitam, hoje hebetados.

          Continua semeando como Jesus o fez, sem aguardares os resultados imediatos.

 

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 07 de Março de 2011, 14:15
                                   VIVA JESUS!


   Bom-dia! queridos irmãos.

          Obsessão e Auxílio

 A obsessão se caracteriza pela ação de entidades espirituais inferiores sobre o psiquismo humano.

Kardec distinguiu, em suas pesquisas, três graus do processo obsessivo: obsessão simples, subjugação e fascinação. No primeiro grau a infestação espiritual atinge a mente causando perturbações mentais; no segundo grau amplia-se aos centros da afetividade e da vontade, afetando os sentimentos e o sistema psicomotor, levando o obsedado a atitudes e gestos estranhos e tiques nervosos; no terceiro grau afeta a própria consciência da vítima, desencadeando processos alucinatórios.

As causas da obsessão decorrem de vários fatores, dos quais os mais frequentes são: problemas reencarnatórios, tendências viciosas, egoísmo excessivo, ambições desmedidas, aversão a certas pessoas, ódio, sentimentos de vingança, futilidade, vaidade exagerada, apego ao dinheiro e assim por diante. Essas disposições da criatura atraem espíritos afins que a envolvem e são aceitos por ela como companheiros invisíveis. Os Espíritos obsessores não são os únicos culpados da obsessão. Geralmente o maior culpado é a vítima.

Na Antiguidade a obsessão era tratada com violência. As práticas do exorcismo, até hoje vigentes no Judaísmo e no Catolicismo, destinam-se a afastar o demônio de maneira agressiva e violenta. No Espiritismo o método empregado é o da persuasão progressiva do obsessor e do obsedado. É o que se chama de doutrinação, ou seja, esclarecimento de ambos à luz da Doutrina Espírita. Não se usa nenhum ingrediente especial. Emprega-se apenas a prece e a conversação persuasiva. Esclarecido o obsedado, atinge-se o obsessor, que ficam, por assim dizer, vacinados contra novas ocorrências obsessivas.

O tratamento mediúnico não segue uma regra única. Varia de acordo com a natureza dos casos e as condições psicológicas específicas dos pacientes. Todo tratamento mediúnico deve ser gratuito, segundo a prescrição de Kardec, pois depende estritamente do auxílio espiritual. Os Espíritos não cobram por seus serviços e não gostam que cobrem por eles. Os que não compreendem isso, deixando-se levar pela ganância, acabam fatalmente subjugados pelos Espíritos inferiores. Como assinalava Kardec, o desprendimento dos interesses terrenos é a primeira condição do interesse dos Espíritos superiores pelo nosso esforço em favor do próximo.

Do livro “Obsessão, o passe, a doutrinação”

J. Herculano Pires

 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Victor Passos em 07 de Março de 2011, 16:38
Ola muita paz e harmonia
Bons amigos e Amigas

Livre Arbítrio e Obsessão


Livro: Seara dos Médiuns
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier


          Questão 254 de "O Livro dos Médiuns"

          No tratamento da obsessão, freqüentes vezes, entre os seareiros do bem, surgem debates em torno do livre-arbítrio.

          Se a faculdade de escolher é atributo da alma, como influir no ânimo dos desencarnados menos felizes? Temos aqui, no entanto, o princípio de causa e efeito, importando reconhecer que se Jesus respeitou as resoluções de quantos lhe respiravam o ambiente, não arrebatou ninguém às conseqüências dos próprios atos.

          * * * * *

          Se caímos na criminalidade, somos espíritos doentes e qualquer doente guarda a sua independência, até o ponto em que ameaça a integridade dos outros ou agrava a condição de si mesmo.

          Para atender a isso, a sociedade humana relaciona vários recursos de contenção, destacando-se entre eles a segregação hospitalar e a anestesia involuntária, que parecem atentados à consciência.

          Entretanto, ninguém malsinará o médico que administre opiáceos ao enfermo desesperado, que lhe tente rasgar as próprias vísceras, ou que isole na câmara gradeada de um sanatório o louco suscetível de descer às últimas raias da inconseqüência.

          * * * *

          Diante da obsessão, não te mostres indiferente à sorte dos irmãos incursos nessa dificuldade.

          A pretexto de resguardar o livre-arbítrio, não deixes o companheiro desencarnado e o companheiro da experiência física sem o concurso do esclarecimento que lhes serve ao caminho como inevitável medicação.

          Dinamiza o conhecimento quanto julgues preciso, em cada processo de reajuste, mas explica aos irmãos em prova a trilha mais fácil para a libertação deles mesmos.

          Ainda assim, porque estejas a serviço da verdade, não te faças verdugo.

          Aspereza é veneno sutil.

          Irritação retorna qualquer serviço à estaca zero.

          Ninguém realmente sabe ensinar se não sabe repetir a lição.

          Socorre obsessor e obsidiado, incutindo-lhes a verdade dosada em amor; contudo, recorda que o veículo de semelhante remédio é paciência e paciência.


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 07 de Março de 2011, 19:31
Olá queridos amigos e irmãos... Sejam bem-vindos

Não transfiras para depois a execução de tarefas ou decisões nenhumas.

Toma a atitude natural do momento e age conforme as circunstâncias, as possibilidades.

Cada instante, vive-o, totalmente sem aguardar o que virá ou lamentar o que se foi.

Descobrirás que assim agindo, sem constrições, nem pressas ou postergações, te sentirás interiormente livre, pois que somente em liberdade o medo desaparece.

Não aguardes, nem busques a liberdade. Realiza-a na consciência plena que age de forma responsável e tranqüiliza os sentimentos.
Título: Re: Terapia para a Alma - Aprendendo a nos amar
Enviado por: Rose FRA em 08 de Março de 2011, 09:33
Ola Amigos de Forum e Querida Dothy,
obrigada pelas palavras de carinho que voces sempre me dedicam.  Me emociono cada vez que as leio, porque as sinto no fundo do meu coracao e sou muito sensível.

Aqui está um texto que nos ensina a amar a nós mesmos.  O Amor Universal que Jesus nos transmite a cada instante, que nos faz entrar em contato com os nossos coracoes, porque temos a Divindade dentro de nós e sendo assim esse amor incondicional, está dentro de nós, vamos busca-lo e "buscais e achareis".

Aprendendo a nos amar
"Ele respondeu:  Amarás ao Senhor teu Deus de todo o teu coracao, de toda a tua alma e de todo o teu entendimento.   Esse é o maior e o primeiro mandamento.  O segundo é semelhante a esse:  Amarás o teu próximo como a ti mesmo.  Desse dois mandamentos dependem toda a Lei e os Profetas". - (Mateus 22:37 a 40)

Em verdade, o exercício da aprendizagem do amor inicia-se pelo amor a si mesmo e consequentemente, pelo amor ao próximo, chegando ao final à plenitude do amor a Deus.

Esses elos de amor se prendem uns aos outros pelo sentimento de afeto desenvolvido e conquistado nas múltiplas experiências acumuladas no decorrer do tempo em que nossas almas estagiaram e aprenderam a conviver e melhorar.

Muitos de nós nos comportamos como se o amor nao fosse um sentimento a ser aprendido e compreendido.   Agimos como se ele estivesse inerte em nossos mundo íntimo, e passamos a viver na espera de alguém ou de alguma coisa que possa despertá-lo do dia para a noite.

Vale considerar que, quando mais soubermos amar, mais teremos para dar; quanto maior o discernimento no amor, maior será a nossa habilidade para amar; quanto mais compartilhá-lo com os outros, mais ampliaremos nossas visao e compreensao a respeito dele.

Iniciamos a conquista do amor pelos primeiros degraus da escada da evolucao.   No comeco, nossas qualidades e valores íntimos se encontravam em estado embrionário e, ao longo das encarnacoes sucessivas, estruturaram-se entre as experiências do sentimento e as do raciocínio.  Quando congelamos a concepcao sobre o amor, passamos a enxergá-lo de forma romântica e simplista.

O Amor de Deus e aos outros como a si mesmo é nocao que se vai desenvolvendo pelas bencaos do tempo.   As belezas do Universo nos sao reveladas à proporcao que amamos; só assim nos tornamos capazes de percebê-las cada vez mais e em todos os lugares.

Disse Jesus que toda a lei e os profetas se acham contidos nestes dois mandamentos:
"Amarás ao Senhor teu Deus de todo o teu coracao, de toda a tua alma e de todo o teu entendimento.  Esse é o meior e o primeiro mandamento.  O segundo é semelhante a esse:  Amarás o teu próximo como a ti mesmo".

Apenas damos ou recebemos aquilo que temos.  Quem ainda nao aprendeu a amar a si próprio nao pode amar aos outros.   Nao pecamos amor antes de dá-lo a nós mesmos, pois o amor que tenho é o que dou e o que recebo.

À medida que aprendemos a nos amar, adquirimos uma lucidez que nos proporciona identificar nos conflitos um alerta de que estamos indo na direcao contrária à nossa maneira de sentir e de pensar.   Quanto mais aprendemos a nos amar, mais nos desvinculamos de coisas que nao nos sao saudáveis, a saber:
pessoas, obrigacoes, crencas e tudo que possa nos invadir a individualidade e nos prostrar ou rebaixar.  Muitos chamarao essa atitude de egoísmo, no entanto deveremos reconhecê-la como o ato de amar a si mesmo.

Quando nos colocamos a servico do amor verdadeiro, a auto-estima nascerá em nossa vida como valiosa aliada nas dificuldades existenciais.

Que Deus nos ilumine!!
Obrigada Senhor!


Um Modo de Entender uma nova forma de viver - Francisco do Espírito Santo Neto pelo Espírito de Hammed.

Abracos fraternos com muito carinho,
Rose
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 08 de Março de 2011, 11:44
Identificado ao espírito do Cristo, não te deixes consumir pelo desespero ou pela melancolia, sob revolta injustificada ou indiferença cruel. Persevera, antes, no exame da verdade e insiste no ideal de libertação interior, ajudando e prosseguindo, além, porque se hoje a angústia e o sofrimento te maceram, em resgate que não pode transferir, amanhã rutilará no corpo ou depois dele o sol sublime da felicidade em maravilhoso amanhecer de perene paz.

"Tem ânimo filhos: perdoados são os teus pecados." - Mateus: 9-2.

"Deus não dá prova superior às forças daquele que a pede; só permite as que podem ser cumpridas. Se tal não sucede, não é que falte possibilidade: falta a vontade". - Cap. XIV, Item 9.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 08 de Março de 2011, 11:47
Olá queridos amigos.... Membros e visitantes...

Sejam bem--vindos... Sintam-se em família...Muita paz a todos
Sua presença é a responsável pelo sucesso deste espaço que é de vocês...
Estão todos convidados a trazerem suas mensagens dentro do tema...
Desejamos uma ótimasemana repleta de felicidades, saúde, pae e mto amor...
São os sinceros votos de:


Lima_ Gil e equipe


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 08 de Março de 2011, 11:54
Olá querida Rose...

Como é bom  receber tua visita neste espaço e sempre uma  importante mensagem de conforto para todos nós

Brigada querida pelo apoio e amizade de sempre..

Beijos e abraços carinhosos
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Victor Passos em 08 de Março de 2011, 22:40
Ola muita paz e harmonia
Bons amigos e Amigas

Coragem para Mudar

Adaptado do Livro: Revelações da Luz
de Camilo & J. Raul Teixeira

          Muitos dos conflitos que afligem o ser humano decorrem dos padrões de comportamento que ele próprio adota em sua jornada terrestre.

          É comum que se copiem modelos do mundo, que entusiasmam por pouco tempo, sem que se analisem as conseqüências que esses modos comportamentais podem acarretar.

          Não se tem dado a devida importância ao crescimento e ao progresso individual dos seres.

          Alguns crêem que os próprios equívocos são menores do que os erros dos outros.

          Outros supõem que, embora o tempo passe para todos, não passará do mesmo modo para eles.

          Iludem-se no sentido de que a severidade das leis da consciência atingirá somente os outros.

          Embriagados pelo orgulho e pelo egoísmo deixam-se levar pelos desvarios da multidão sem refletir a respeito do que é necessário realmente buscar-se.

          É chegado o momento em que nós, espíritos em estágio de progresso na Terra, devemos procurar superar, de forma verdadeira, o disfarçado egoísmo, em busca da inadiável renovação.

          Provocados pela perversidade que campeia, ajamos em silêncio, por meio da oração que nos resguarda a tranqüilidade.

          Gastemos nossas energias excedentes na atividade fraternal e voltada à verdadeira caridade.

          Cultivemos a paciência e aguardemos a benção do tempo que tudo vence.

          Prossigamos no compromisso abraçado, sem desânimo, sem vãs ilusões, confiando sempre no valor do bem.

          * * * * *

          É muito fácil desistir do esforço nobre, comprazer-se por um momento, tornar-se igual aos demais, nas suas manifestações inferiores.

          Todavia, os estímulos e gozos de hoje, no campo das paixões desgovernadas, caracterizam-se pelo sabor dos temperos que se convertem em ácido e fel, passados os primeiros momentos.

          Aprendamos a controlar nossas más inclinações e lograremos vencer se perseverarmos no bom combate.

          Convertamos sombras em luz.

          Modifiquemos hábitos danosos, em qualquer área da existência, começando por aqueles que pareçam mais fáceis de serem derrotados.

          Sempre que surgir a oportunidade, façamos o bem, por mais insignificante que nosso ato possa parecer.

          Geremos o momento útil e aproveitemo-lo.

          Não nos cabe aguardar pelas realizações grandiosas, e tampouco podemos esperar glorificação pelos nossos acertos.

          O maior reconhecimento que se pode ter por fazer o que é certo é a consciência tranqüila.

          Toda ascensão exige esforço, adaptação e sacrifício, enquanto toda queda resulta em prejuízo, desencanto e recomeço.

          Trabalhemos nossa própria intimidade, vencendo limites e obstáculos impostos, muitas vezes, por nó mesmos.

          Valorizemos nossas conquistas, sem nos deixarmos embevecer e iludir por essas vitórias.

          Há muitas paisagens, ainda, a percorrer e muitos caminhos a trilhar.

          Somente a reforma íntima nos concederá a paz e a felicidade que almejamos.

          A mudança para melhor é urgente, mas compete a cada um de nós, corajosa e individualmente, decidir a partir de quando e como ela se dará.

 

Muita Paz
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 09 de Março de 2011, 08:23
Enfrentamos momentos em que os pensamentos depressivos, desencorajadores parecem desejar tomar conta de tudo.
Os ombros caem… A voz baixa de tom… Os olhos já não se abrem tanto...
Tais momentos, porém, devem durar apenas o tempo da reflexão necessária, o tempo da conquista da sabedoria e, logo depois, devem ser seguidos por nova atitude.
Uma nova atitude de renovação, de mudança, que nos faz trilhar por novos caminhos, com novas forças.
De nada adianta se entregar à inércia emocional. De nada adianta a autopiedade.
Não são caminhos, são paredes que construímos à nossa frente, impedindo a nós mesmos de prosseguir.
Não nos permitamos distrair pelas mazelas da vida, esquecendo tão facilmente o bem que recebemos sempre.
Não nos deixemos desocupar, abrindo, através da hora vazia, portas e janelas para ondas de pensamento deletério que flutuam no ar.
A desocupação, a inutilidade são polos atraentes de influências perigosas, pelas quais pagaremos alto e amargo custo.
Afastemos a depressão de nosso coração. Abracemos a vida e o renascer diário com todo nosso amor.

 
Redação do Momento Espírita, com citação de texto
 de Facundo Cabral, que circula pela Internet.
Em 05.10.2009.
 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Victor Passos em 09 de Março de 2011, 09:03
Ola muita paz e harmonia
Bons Amigos e Amigas

Se te sentes deprimido

(http://alimentacaosaudavel.net/wp-content/uploads/2010/05/depress%C3%A3o.jpg)


Emmanuel & Francisco Cândido Xavier

          Se trazes o espírito agoniado por sensações depressivas, concede ligeira pausa a ti mesmo, no capítulo das próprias aflições, a fim de raciocinar.

          Se alguém te ofendeu, desculpa.

          Se feriste alguém, reconsidera a própria atitude .

          Contratempos do mundo estarão constantemente no mundo, onde estiveres. Parentes difíceis repontam de todo núcleo familiar. Trabalho é a lei do Universo. Disciplina é alicerce da educação.

          Circunstâncias constrangedoras assemelham-se a nuvens que aparecem no firmamento de qualquer clima. Imcompreensões com relação a caminho e decisões que se adotem são empeços e desafios, na experiência de quantos desejem equilíbrio e trabalho.

          Agradar a todos, ao mesmo tempo, é realização imposível.

          Separações e renovações representam imperativos inevitáveis do progresso espiritual.

          Mudanças equivalem a tratamento da alma, para os ajustes e reajustes necessários à vida.

          Conflitos íntimos marcam toda criatura que aspire a elevar-se.

          Fracassos de hoje são lições para os acertos de amanhã. Problemas enxameiam a existência de todos aqueles que não se acomodam com estagnação.

          Compreendendo a realidade de toda a pessoa que anseie por felicidade e paz, aperfeiçoamento e renovação, toda vez que sugestões de desânimo nos visitem a alma, retifiquemos em nós o que deva ser corrigido e, abraçando o trabalho que a vida nos deu a realizar, prossigamos à frente.
           




Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 09 de Março de 2011, 15:11
                                 VIVA JESUS!


     Boa-tarde! queridos irmãos.

           Lágrima, suave remédio
Quase todas as religiões, senão todas, tiveram seus princípios imaginados por alguns de seus líderes, e aceitos pelos que os seguiram  depois.  Alguém precisava explicar certas coisas, ou responder a certas perguntas, e punha a trabalhar a imaginação. Algumas idéias aceitáveis provavelmente vinham de cima pelos canais  normais da intuição. Outras, não. Eram puro exercício de adivinhação.

A idéia do inferno, por exemplo, que acompanha certos crentes desde tempos imemoriais, é uma idéia interessante, nascida do senso de justiça presente na consciência do ser humano. Tal como a idéia do céu. 

Não tendo  como entender o funcionamento da justiça  divina, o homem imaginou, com razão, que o mal haveria de ser punido, assim como o bem teria que ser  recompensado. Vendo o mal prosperar de tal forma entre os homens, ao lado do bem, quase sempre espezinhado nos trancos da vida, nada mais justo que, depois da morte, um fosse  punido, enquanto o outro tivesse régia recompensa.

Como a dor mais difícil de suportar era, e continua sendo. a dor da queimadura, eis o inferno. Como o bom da vida é ficar  à toa, de papo pro ar, sem compromisso com nada, eis a idéia do céu.

Só que tais idéias chocam com a razão e fazem de Deus um juízo muito  desrespeitoso.  Como imaginar que um Pai magnânimo e bom pudesse admitir a hipótese de ter filhos eternamente apartados de seu carinho e de seu afeto?  Que tipo de crime mereceria punição tão desumana? 

Claro que o mal há de ser eliminado e o bem há de ser enaltecido. Não, porém, no caso do mal, como punição, mas como correção, como aprendizado.

O Espiritismo veio nos dizer que o mal é fruto da ignorância. Não existe por si mesmo. É conseqüência de falta de conhecimento, de educação. É doença séria  que o conhecimento há de curar. E, como toda doença séria, tem tratamento doloroso, difícil, demorado. A cada existência vamos nos curando um  pouco.

Às vezes, o remédio é a lágrima. Nada melhor para nos lavar a alma e o coração. E para nos ensinar a viver.

             Arthur Bernardes de Oliveira


                                            PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 09 de Março de 2011, 23:07
                                       VIVA JESUS!


   Boa-noite! queridos irmãos.

         Caminhando com Jesus
 
 Segues, com o passo acelerado, o caminho que traçaste para ti;

Destemido, olhas ao teu redor, como que desafiando os que intentam seguir-te;

Sempre cauteloso, desvias-te das armadilhas que pressentes em torno de ti;

Se, por acaso, te chamam, evitas parar a fim de não te atrasares;

Segues, assim, confiante, apressado e improdutivo.

Experimenta diminuir a marcha acelerada, e deixa desafogar o olhar; abandona a posição defensiva em que te colocas.

Ampara o irmão que sofre bem ao teu lado; sê para ele o abençoado bordão, ao qual ele poderá arrimar-se.

É meritória a tua pressa em alcançar os nobres objetivos a que te propuseste, mas, hoje, em que a luz do Evangelho já clareia o teu caminho, não podes mais, ou não deves mais, seguir sozinho.

Seguir, sim, naturalmente, mas seguir com Jesus, olhando para os que estão à margem da vida, para auxiliá-los. Muitos já passaram por ti e te ajudaram; faze o mesmo.

Não cogites sobre atrasos, nem desperdices oportunidades. Os que caminham praticando o Bem, nunca se atrasam. Ao contrário, toda ação boa, praticada, gera, sem dúvida nenhuma, progresso evolutivo.

Almejas a reforma moral, assim como desejas alcançar a paz na Vida espiritual; pois, então, inicia pela ação construtiva do amor ao próximo.

A vida, construída em torno do amor, da caridade e da fé, é progresso ascencional na caminhada.

Os que andam apressados e indiferentes as necessidades do próximo, atrasam os planos de Deus para com eles.

Os que encontram Jesus e O amam, empreendem, de imediato, a modificação dos hábitos; aprendem a servir e anseiam auxiliar os sofredores.

A construção dessa nova perspectiva, dessa nova visão, deve ser a meta de todo cristão. Almejar apenas a reta de chegada é esquecer de caminhar, firme e constantemente.

Se temes as armadilhas do caminho, protege-se delas pela sólida aplicação do Evangelho. Divulga o que aprendeste, auxilia os que te estendem as mãos, e verás que Jesus, o divino peregrino, te acompanhará.

Confia n' Ele e segue sereno.

Lar Espírita Chico Xavier - Psicografado por Vera Cohim pelo Espírito Amélia
 
 
                                        PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 10 de Março de 2011, 08:49
(http://www.recadodeorkut.com/105/212.gif) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZG9zY29tZ2xpdHRlci5jb20=)

 Investimentos em recados de Bom Dia n&atilde;o param! (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZG9zY29tZ2xpdHRlci5jb20=)


Pegadas Luminosas

Se queres ser feliz, Auxilia!!!
Se desejas que te ouçam, Ouça!!!
Se queres ser amado, Ame!!!
Quando descobrires o caminho, e, ao,
indicá-lo fores desacreditado;
crê em ti e segue, pois
algum dia vislumbrarás bem distante
espontar pequenas luzes na estrada.
Assim é a vida!!!
Um longo caminho!!!
Um grande aprendizado!!!
Onde o correto, o verdadeiro por
vezes começa só, mas um dia
perceberá muitos a seguí-lo.
Portanto: Não te afastes de tuas
verdadeiras convicções!!!
Não questiones se fostes ouvido,
seguido ou amado!!!
Esta estrada a ser achada é individual.
É longa, cheia de percalços e para
muitos ainda está bloqueada!!!
Procura afastar as pedras
de teu caminho e se conseguires
afasta também as do teu próximo.
Sem que ele perceba
propicia-lhe um atalho.
Deixa o caminho pronto e segue!!!
Completa a tua Obra
e Crê naqueles que te enviam Luzes.
"Vive de tal forma, que deixes pegadas
luminosas no caminho percorrido,
como estrelas apontando
o rumo da felicidade"

_Joana de Angelis _

Clique aqui para enviar essa mens
Título: Re: Terapia para a Alma - Coloque-se no comando
Enviado por: Rose FRA em 10 de Março de 2011, 11:09
Amigos de Forum e Jornada,
Bom Dia!!
Qui vai uma colocacao muito adequada para nós todos, nos tempos de hoje e de amanha, temos que saber estar no comando de nós mesmos!
Que Jesus na sua infinita sabedoria, nos ilumine para que possamos sempre compreender as palavras que necessitamos vivenciar.  Sabedoria sem obras... nao vale para nós, nem para a eternidade de nossos espiritos.  Temos que nos equilibrar em aprender, levar esse aprendizado para o coracao e assim podemos transformar esse aprendizado em obras de amor, paz e iluminacao na Terra.
Que Deus nos abencoe.

Coloque-se no Comando

Liberta-te de dogmas.   Desenvolva o teu ser e ascenda, contate o divino dentro de ti.  Nao deixe que palavras estranhas invadam tua mente e nem permita que te facam praticar atos que, do fundo do coracao, jamais praticarias.  Tua consciência é o que te conduz, e teu coracao é o teu mestre.

A cada vez que conseguires expandir o amor que há em teu coracao, verás que ele é imenso e tem uma vida muito além daquela que lhe é dado cumprir na tua máquina humana.  O que ele transporta é de uma riqueza inestimável.  Ele faz fluir o sangue por todo o teu corpo, o sangue que faz a ponte entre a tua máquina física e os veículos superiores.   Seria por acaso que antigos, e até recentes, rituais  valem-se tao largamente do sangue?  Entao, o sangue tem uma funcao poderosa de dentro de ti, ele te coloca em contato com os teus corpos superiores e estes contatam-se diretamente com os planos superiores.

Existe, entao, templo mais sagrado que o teu próprio coracao?  Poisbem!!  É por meio dele que alcancarás a divindade.

Quando te dizemos para libertar-te dos dogmas, nao estamos querendo dizer que nada existe na materialidade para conduzir-te ao Divino.   Existe sim, e muitos sao os meios materiais de se alcancar a  plenitude.  Se estás na matéria, de que outra forma poderias trabalhr tua evolucao??  Mas esteja atento.  Só aceite como dignos os métodos que te permitam crescer individualmente.  Tudo o que vier a desenvolver uma dependência deve ser descartado.  Inclusive, a observacao serve também para o teu próprio comportamento, pois podes aproximar-te de um grupo que desenvolva métodos de autocrescimento e de autodesenvolvimento, apenas para aproximar-te de pessoas e, dessa forma, estarás criando a dependência sem que o grupo o tenha conduzido a isso.   Esteja atento.

Que Deus nos ilumine na nossa evolucao.


Abracos fraternos,
Rose
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 10 de Março de 2011, 14:38
                                      VIVA JESUS!


      Bom-dia! queridos irmãos.

             Manancial de Luzes

Irmão amigo,
eu sei, é verdade, andas caminhando sobre espinhos,
mas, prossigas nos altos ideais, que as dores das feridas se reverterão em abençoados frutos de paz e alegria,
quando da terra brotar a sementeira
virá o justo tempo de fartares a vossa mesa de bem-aventuranças.
Bendigas o suor que escorre em sua fronte no labor do dia-a-dia,
bendigas os sofridos passos da jornada em que estás agora
e aguardes o despertar de uma nova aurora,
felizes os que esperam recompensas no altíssimo
e sabem que o que do mundo se tem, ao mundo pertence.
Ames a cada dia aos que estão junto a ti,
ames aos que lhe trazem as dificuldades, pois são eles que lhe
ensinam a lição do perdoar.
Observes a beleza em cada detalhe na natureza e aprenderás
que tudo segue seu curso, a vida não cessa, nem deve parar.
Destina-se fatalmente a plenitude e plenitude um dia tu serás,
mas enquanto sangrares as chagas da renovação, não te permitas ao desespero que conduz-te aos equívocos,
pois é nele que se cai, senão nas escabrosas malhas do suicídio,
nos tenebrosos estados da depressão,
levanta-te e sigas permeando a seara do bem,
deixarás para trás, acesas em seu caminho, um manancial de pequenas luzes aos que virão lhe acompanhar.

Carlos Pereira
*por Glauco


                                            PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 12 de Março de 2011, 09:31
(http://www.recadodeorkut.com/105/212.gif) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5nZXJhZG9yZXNhbmltYWRvcy5jb20=)

 Encontre muito mais Bom Dia em nosso site. Confira! (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5nZXJhZG9yZXNhbmltYWRvcy5jb20=)


Marcas Morais[/color][/b]

Não reclames, pois, nem te consideres abandonado pela sorte.

Colhes hoje o que semeaste há muito tempo.

Faculta-te agora uma semeadura diferente em relação ao futuro, de maneira que te libertes das dores excruciantes deste momento, auferindo alegrias e bênçãos jamais imaginadas.

Aquieta, desse modo, as objurgações infelizes, o coração intranqüilo, superando o pessimismo e a amargura, e poderás enxergar melhor os acontecimentos que te envolvem, graças aos quais alcançarás a plenitude.

Assim, não te permitas autocomiseração, nem conflito perverso de qualquer natureza, entregando-te a Jesus e nEle confiando de forma irrestrita e terminante, pois que Ele cuidará de ti
.
[/color][/size][/b]

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 12 de Março de 2011, 19:25
                                  VIVA JESUS!


     Boa-tarde! queridos irmãos.

            Terapia de Vidas Passadas

É grande o número de pessoas que dizem ter encontrado na TVP (Terapia de Vidas Passadas) a solução que buscavam há muito tempo para medos, traumas ou dificuldade em lidar com determinadas pessoas ou situações, ou melhor, sensações de origem inexplicável na vida atual. Mistérios que a Ciência oficial ainda busca compreender, mas que ainda está distante de aceitar que as experiências e lembranças podem ficar armazenadas para sempre nos “arquivos” do espírito. Um vasto acervo de memória guardado no cofre do tempo e que o nosso estágio evolutivo não permite, ainda, compreender tamanha complexidade.

Há estudos que mostram que no velho Egito, sacerdotes-médicos já utilizavam o desdobramento espiritual (projeção da consciência) dos enfermos pela indução magnética para que ampliassem a percepção e conseguissem atingir as causas profundas de seus males. Mas na atualidade, foi com os avanços da psicologia transpessoal, que leva em conta o aspecto espiritual do indivíduo, que a TVP – como é conhecida a Terapia de Vidas Passadas – ganhou maior força. O intercâmbio de conhecimento entre a cultura ocidental e oriental também permitiu o crescimento da terapêutica.

Das técnicas utilizadas pela psicanálise de Freud para a expansão da consciência até a regressão de memória e, posteriormente, a vidas passadas, ocorreram grandes evoluções a respeito, mas é preciso caminhar muito, ainda, para que finalmente corpo e alma entrem em plena conexão.

Embora exista maior divulgação sobre regressões obtidas por intermédio de indução terapêutica, com aplicação de técnicas que promovam estados alterados de consciência, há também aqueles que afirmam terem se recordado de fatos importantes relacionados a existências anteriores através de sonhos. Mas neste caso, vamos abordar apenas as regressões de memória promovidas por especialistas. A terapia utilizada de forma correta e séria possibilita que o paciente, durante as sessões terapêuticas, possa entrar em contato com as lembranças traumáticas que influenciam na atualidade determinados comportamentos, e conseqüentemente, consiga se libertar de padrões estabelecidos em diversas existências.

Os especialistas dizem que a TVP é indicada como um recurso importante na compreensão e superação desses desequilíbrios, mas, assim como qualquer outro tratamento, não funciona como mágica capaz de resolver os problemas de todos os pacientes. Além disso, o tratamento deve ser aplicado por profissionais capacitados e não por qualquer pessoa. É o que alerta a Dra. Maria Júlia Peres, considerada a precursora da Terapia de Vidas Passadas no Brasil e fundadora do Instituto Nacional de Pesquisa e Terapia Regressiva Vivencial Peres. Ela associa a terapia cognitivo-comportamental ao uso do estado modificado de consciência, promovido pelo relaxamento físico e mental do paciente. A associação das técnicas permite um processo de auto-resolução dos conflitos interiores e uma reprogramação dos padrões mentais do paciente.

O psiquiatra e conceituado escritor norte-americano, Brian Weiss, especialista em Terapia de Vidas Passadas ressalta, também, sobre o cuidado no momento de escolher o terapeuta adequado, um que saiba diferenciar a imaginação do paciente de uma verdadeira regressão. “Recordo de um paciente que achava que tinha sido Napoleão. Ele via batalhas, uniformes e estratégias de guerra. Nós checamos e os fatos eram realmente reais, mas ele não foi Napoleão, mas um soldado de seu exército e estava, inclusive, a alguns metros dele. Como na vida atual ele era uma pessoa que sentia necessidade de poder, acabou fazendo uma distorção da realidade”.

          por Victor Rebelo e Erika Silveira


                                           PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 13 de Março de 2011, 15:32


(http://i672.photobucket.com/albums/vv89/debdey_2009/debdey1-4.gif)




Boa tarde, queridos amigos!



O Valor da Amizade



Diz a sabedoria popular que: “quem tem um amigo tem um tesouro”. Um provérbio árabe ensina que: “pode-se viver sem um irmão, mas não sem um amigo”.

Realmente a amizade é algo necessário em nossas vidas, uma das maiores manifestações de amor, esvaziamento e doação que podemos oferecer às pessoas que amamos e que queremos bem.

Quando amamos sinceramente a um amigo, devemos fazê-lo sem nenhum sentimento de posse. Nossa amizade deve ser sempre leal e desinteressada.

Normalmente, nosso amigo não é nosso parente, não tem nosso sangue e nem nosso nome, é apenas aquela pessoa a quem muito queremos e nos afinamos.

Com ele, aprendemos amar, renunciando a todo desejo de posse. O verdadeiro amigo é aquele que sempre está pronto a doar. O bom amigo se conhece na adversidade através da palavra de conforto, do conselho e da mão amiga que sempre nos infunda confiança e segurança.

Como é bom sentir que o amigo nos aceita como somos, sem críticas nem censuras, e que, apesar de nossos erros e defeitos, estão sempre prontos a nos compreender e a nos querer bem.

Doe sempre mais aos seus amigos demonstrando-lhes o valor da amizade, mas nunca espere ser correspondido.

Lembre-se de Jesus que nos amou com fidelidade e sem limites, até mesmo diante da fraqueza de Judas, relevou suas faltas e na hora do beijo supremo da traição, ainda o considerou amigo.

Releve também as faltas e os erros de seus amigos e cultive sempre a amizade, pois ela se assemelha a uma plantinha que precisa ser irrigada, adubada e tratada com afeto e carinho.

O verdadeiro amigo é uma bênção divina, porque ele nos fortalece nas horas difíceis, nos estimula e nos incentiva ao crescimento e ao progresso.

Cultivar, amizades sinceras é como amealhar, paz, alegria e progresso na senda espiritual que nos aguarda



Sergito de Souza Cavalcante
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 13 de Março de 2011, 21:29
                                      VIVA JESUS!


      Boa-noite! queridos irmãos

            As percepções, sensações e sofrimentos dos Espíritos

As almas, uma vez no mundo dos Espíritos, conservam suas percepções (sensações) assim como adquirem outras, pois o corpo é como um véu. Sem o corpo a aprisioná-lo, o Espírito, que é inteligência, pode enxergar o mundo à sua volta com muito mais clareza. E conforme vai evoluindo e atingindo a perfeição, a sua capacidade de compreender vai aumentando.

Os Espíritos não necessitam de luz para enxergar, nem de veículos para se deslocarem, pois, ao pensarem em ir, já foram. Percebem sons que para os encarnados são inaudíveis (difíceis de ouvir), sendo que quanto mais elevado for o Espírito, mais e mais domínio terá ele sobre suas percepções, podendo ver e ouvir conforme seja sua vontade.

Os Espíritos não sofrem de dor de dente, de barriga, de ouvido e outros tantos males. Não tendo corpo, tais sensações nada mais são que lembranças. Podem, sim, sentir remorso pelos maus atos que praticaram.



O Livro dos Espíritos para Infância e Juventude Vol. I, cap. VI- “Vida Espírita”, a partir de o Livro dos Espíritos de Allan Kardec. ( por Marisa Alem )


                                      PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 14 de Março de 2011, 06:26
(http://www.recadodeorkut.com/105/172.jpg) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5nZXJhZG9yZXNhbmltYWRvcy5jb20=)

 Confira o que h&aacute; de novo em Bom Dia! (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5nZXJhZG9yZXNhbmltYWRvcy5jb20=)


Você está sofrendo?

Supere sua dor com heroísmo, porque
só os vencedores conseguirão o prêmio
que se encontra à espera deles.
Não se apresse, mas também
não desanimes.
Supere sua dor com heroísmo,
busque alegria, e viva com a sensação
otimista daquele que sabe lutar
sem desfalecimento.
E verifique que sua vida se transfomará
num hino de ação de graças ao
Pai Todo- Bondade.


C. Torres Pastorino
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 14 de Março de 2011, 22:47
                                    VIVA JESUS!


      Boa-noite! queridos irmãos.

            Bilhete Fraterno
Observas meu filho e te afliges ante as dores do mundo,

Buscas, entretanto a todo o momento a paz e percebes ausente por toda parte, entristecendo-te pelos duros golpes da violência e das fatalidades naturais.

Nunca te esqueças alma irmã, que os momentos agudos por que passam o vosso orbe reservam o galardão de nova era.

Reparas que detrás dos infortúnios com que te deparas, aguardam-te ao amparo inúmeras outras almas, reclamando de ti amor e compaixão.

Destituas-te, portanto, dessa procura incessante fora de ti e voltas ao teu interior,
lá encontrarás a tua paz e assim pacificarás.

Não te olvides do bálsamo da prece, agradecendo sempre ao Senhor a abençoada oportunidade de aprendizado, dispondo-se mesmo em todas as agruras do caminho a compreender, perdoar, amar e servir.


Carlos Pereira
*Por Glauco


                                             PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 18 de Março de 2011, 10:35
                                  VIVA JESUS!


    Bom-dia! queridos irmãos.

             Devagar, mas sempre

“Mas ainda que o nosso homem exterior se corrompa,
 o interior, contudo, se renova, de dia em dia.”
– Paulo. (II CORÍNTIOS, 4-16.)

Observa o espírito de seqüência e gradação que prevalece nos mínimos setores da Natureza. Nada se realiza aos saltos e, na pauta da Lei Divina, não existe privilégio em parte alguma.

Enche-se a espiga de grão em grão. Desenvolve-se a árvore, milímetro a milímetro. Nasce a floresta de sementes insignificantes. Levanta-se a construção, peça por peça. Começa o tecido nos fios.

As mais famosas páginas foram produzidas, letra a letra. A cidade mais rica é edificada, palmo a palmo. As maiores fortunas de ouro e pedras foram extraídas do solo, fragmento a fragmento. A estrada mais longa é pavimentada, metro a metro.  O grande rio que se despeja no mar é conjunto de filetes líquidos.

Não abandones o teu grande sonho de conhecer e fazer, nos domínios superiores da inteligência e do sentimento, mas não te esqueças do trabalho pequenino, dia a dia.

A vida é processo renovador, em toda parte, e, segundo a palavra sublime de Paulo, ainda que a carne se corrompa, a individualidade imperecível se reforma, incessantemente.

Para que não nos modifiquemos, todavia, em sentido oposto à expectativa do Alto, é indispensável saibamos perseverar com o esforço de auto-aperfeiçoamento, em vigilância constante, na atividade que nos ajude e enobreça.

Se algum ideal divino te habita o espírito, não olvides o servicinho diário, para que se concretize em momento oportuno.

Há ensejo favorável à realização?

Age com regularidade, de alma voltada para a meta.

Há percalços e lutas, espinhos e pedrouços na senda?

Prossegue mesmo assim. O tempo, implacável dominador de civilizações e homens, marcha apenas com sessenta minutos por hora, mas nunca se detém.

Guardemos a lição e caminhemos para diante, com a melhoria de nós mesmos.

Devagar, mas sempre.

Mensagem psicografada por Francisco Cândido Xavier, constante do livro Fonte Viva, de 1956, publicado pelo Federação Espírita Brasileira
 

                                   PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 19 de Março de 2011, 17:09
Olá queridos amigos... Sejam bem-vindos... Muita paz a todos!!

VENCERÁS


Não desanimes
Persiste mais um tanto.
Não cultives o pessimismo.
Centraliza-te no bem a fazer.
Esquece as sugestões do medo destrutivo.
Segue adiante, mesmo varando a sombra dos próprios erros.
Avança ainda que seja pôr entre lágrimas.
Trabalha constantemente.
Edifica sempre.
Não consintas que o gelo do desencanto te entorpeça o coração.
Não te impressiones à dificuldade.
Convence-te de que a vitória espiritual é construção para
o dia a dia.
Não desistas da paciência.
Não creias em realização sem esforço.
Silêncio para a injúria.
Olvido para o mal.
Perdão às ofensas.
Recorda que os agressores são doentes.
Não permitas que os irmãos desequilibrados
te destruam o trabalho ou te apaguem a esperança.
Não menosprezes o dever que a consciência te impõe.
Se te enganaste em algum trecho do caminho,
reajusta a própria visão e procura o rumo certo.
Não contes vantagens nem fracassos.
Estuda buscando aprender.
Não se voltes contra ninguém.
Não dramatizes provações ou problemas.
Conserva o hábito da oração
para que se te faça luz na vida íntima.
Resguarda-te em Deus e persevera no trabalho que Deus te confiou.
Ama sempre, fazendo pelos outros o melhor que possas realizar.
Age auxiliando.
Serve sem apego.
E assim vencerás


Mensagem de Emmanuel psicografada por Chico Xavier




 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 20 de Março de 2011, 11:43
Queridos amigos e irmãos... Sejam bem-vindos... Muita paz a todos

Sua presença é muito importante para enriquecer este espaço que é de vocês
Estão convidados a trazerem suas mensages, videos, slides 
Desejamos que voltem sempre... Abraços afetuosos dos amigos:


Lima-Gil e equipe

(http://www.recadodeorkut.com/313/014.jpg) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZG9zZXNjcmFwcy5jb20=)

 As mais lindas imagens de Domingo; clique aqui! (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZG9zZXNjcmFwcy5jb20=)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 20 de Março de 2011, 11:48
Acorde para Vencer

Não deixe que nada afete seu espírito. Envolva-se
pela música, ouça, cante e comece a sorrir mais cedo.
O bom humor é contagiante espalhe-o, fale de
coisas boas, de saúde de sonhos, de amor.
Ajude as outras pessoas a perceberem o que
há de bom dentro de si. Tudo que merece ser feito,
merece ser bem feito. Torne suas obrigações
atraentes, tenha garra e determinação. Mude,
opine, ame o que faz. Não trabalhe só por dinheiro
e sim pela satisfação da missão cumprida.
Lembre-se de que nem todos têm a mesma
oportunidade. Pense no melhor, trabalhe pelo
melhor espere sempre o melhor.
Você pode tudo que quiser. Perdoe!!
Seja grande para os aborrecimentos, pobre para
a raiva, forte para vencer o medo. O trabalho é
uma das contribuições que damos à vida,
mas não se deve jogar nele todas as nossas
expectativas de realizações. E finalmente,
ria das coisas à sua volta, de seus problemas,
de seus erros, ria da vida. E... ame.
Antes de tudo, a você mesmo!

(autor desconhecido)


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 22 de Março de 2011, 01:09
                                       VIVA JESUS!


        Boa-noite! queridos irmãos.
                  A tarefa dos guias espirituais.             
Os guias invisíveis do homem não poderão, de forma alguma, afastar as dificuldades materiais dos seus caminhos evolutivos sobre a face da Terra.

O Espaço está cheio de incógnitas para todos os Espíritos.

Se os encarnados sentem a existência de fluidos imponderáveis que ainda não podem compreender, os desencarnados estão marchando igualmente para a descoberta de outros segredos divinos que lhes preocupam a mente.

Quando falamos, portanto, da influência do Evangelho nas grandes questões sociológicas da atualidade, apontamos às criaturas o corpo de leis, pelas quais devem nortear as suas vidas no planeta. O chefe de determinados serviços recebe regulamentos necessários dos seus superiores, que ele deverá pôr em prática na administração. Nossas atividades são de colaborar com os nossos irmãos no domínio do conhecimento desses códigos de justiça e de amor, a cuja base viverá a legislação do futuro. Os Espíritos não voltariam à Terra apenas para dizerem, aos seus companheiros, das beatitudes eternas nos planos divinos da imensidade. Todos os homens conhecem a fatalidade da morte e sabem que é inevitável a sua futura mudança para a vida espiritual. Todas as criaturas estão, assim, fadadas a conhecer aquilo que já conhecemos. Nossa palavra é para que a Terra vibre conosco nos ideais sublimes da fraternidade e da redenção espiritual. Se falamos dos mundos felizes, é para que o planeta terreno seja igualmente venturoso. Se dizemos do amor que enche a vida inteira da Criação Infinita, é para que o homem aprenda também a amar a vida e os seus semelhantes. Se discorremos acerca das condições aperfeiçoadas da existência em planos redimidos do Universo, é para que a Terra ponha em prática essas mesmas condições. Os códigos aplicados, em outras esferas mais adiantadas,baseados na solidariedade universal, deverão, por sua vez, merecer ai a atenção e os estudos precisos.

O orbe terreno não está alheio ao concerto universal de todos os sóis e de todas as esferas que povoam o Ilimitado; parte integrante da infinita comunidade dos mundos, a Terra conhecerá as alegrias perfeitas da harmonia da vida. E a vida é sempre amor, luz,criação, movimento e poder.

Os desvios e os excessos dos homens é que fizeram do vosso planeta a mansão triste das sombras e dos contrastes.

Fluidos misteriosos ligam a Deus todas as belezas da sua criação perfeita e inimitável. Os homens terão, portanto, o seu quinhão de felicidade imorredoura, quando estiverem integrados na harmonia com o seu Criador.

Os sóis mais remotos e mais distantes se unem ao vosso orbe de sombras, através defluidos poderosos e intangíveis. Há uma lei de amor que reúne todas as esferas, no seio do éter universal, como existe essa força ignorada, de ordem moral, mantendo a coesão dos membros sociais, nas coletividades humanas. A Terra é, pois, componente da sociedade dos mundos. Assim como Marte ou Saturno já atingiram um estado mais avançado em conhecimentos, melhorando as condições de suas coletividades, o vosso orbe tem, igualmente, o dever de melhorar-se, avançando, pelo aperfeiçoamento das suas leis, para um estágio superior, no quadro universal.

Os homens, portanto, não devem permanecer embevecidos, diante das nossas descrições.
O essencial é meter mãos à obra, aperfeiçoando, cada qual, o seu próprio coração primeiramente, afinando-o com a lição de humildade e de amor do Evangelho, transformando em seguida os seus lares, as suas cidades e os seus países, a fim de que tudo na Terra respire a mesma felicidade e a mesma beleza dos orbes elevados,conforme as nossas narrativas do Infinito.

              Emmanuel


                                                PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 23 de Março de 2011, 08:51
                                   VIVA JESUS!


       Bom-dia! queridos irmãos.

              Em seu benefício

André Luiz

Não se agaste com o ignorante; certamente, não dispõe ele das oportunidades que iluminaram seu caminho. 



Evite aborrecimentos com as pessoas fanatizadas; permanecem no cárcere do exclu­sivismo e merecem compaixão como qual­quer prisioneiro. 



Não se perturbe com o malcriado; o irmão intratável tem, na maioria das vezes, o fígado estragado e os nervos doentes. 



Ampare o companheiro inseguro; talvez não possua o necessário, quando você detém excessos. 



Não se zangue com o ingrato; provavelmente, é desorientado ou inexperiente. 

*

Ajude ao que erra; seus pés pisam o mesmo chão, e, se você tem possibilidades de corrigir, não tem o direito de censurar. 



Desculpe o desertor; ele é fraco e mais tarde voltará à lição. 



Auxilie o doente; agradeça ao Divino poder o equilíbrio que você está conservando. 

*

Esqueça o acusador; ele não conhece o seu caso desde o princípio. 



Perdoe ao mau; a vida se encarregará dele.
 


                                PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Rose FRA em 23 de Março de 2011, 11:49
Bom dia Amigos de Forum e de Jornada Terrena,

desejo a todos a paz de Jesus em vossos lares e coracoes.
Com carinho,


PINGOS DA VERDADE
Não temperes de azedume
O prato simples do bem;
Nunca se viu amargura
Auxiliar a ninguém.

A caridade perdoa
Todo o mal, seja qual for;
Na própria lama em que passa
Modela ninhos de flor.

Ensino em todos os planos,
Exposto numa só voz:
Não servindo para os outros,
Não servimos para nós.

Perante a prisão de ferro,
Prisão de amor é mais forte;
O ferro a lima desfaz,
Amor, porém, nem a morte.

Quem diz que tudo já sabe,
Que atingiu toda a cultura,
Está no primeiro embalo
Da queda para a loucura.

A vida é uma grande escola.
Dos outros ninguém se ria.
Toda lição tem exame,
Cada qual tem o seu dia.

pelo Espírito Lucídio Freitas - Do livro: Paz e Alegria, Médium: Francisco Cândido Xavier - Espíritos Diversos.


Com muito carinho e um abraco fraterno a todos,
Rose
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 24 de Março de 2011, 10:08
                                     VIVA JESUS!


      Bom-dia! queridos irmãos.

               Na instrumentalidade
“Como se conhecerá o que se toca com a flauta ou
com a cítara?” – Paulo. (Coríntios, 14-7.)

Cada companheiro de serviço cristão deveria considerar-se instrumento nas mãos do Divino Mestre, a fim de que a sublime harmonia do Evangelho se faça irrepreensível para a vitória completa do bem.

Todavia, se a ilimitada sabedoria do Celeste Emissor se mantém soberana e perfeita, os receptadores terrenos pecam por deficiências lamentáveis.

Esse tem fé, mas não sabe tolerar as lacunas do próximo.

Aquele suporta cristãmente as fraquezas do vizinho, contudo, não possui energia nem mesmo para governar os próprios impulsos.

Aquele outro é bondoso e confiante, mas foge ao estudo e à meditação, favorecendo a ignorância.

Outro, ainda, é imaginoso e entusiasta, entretanto, escapa sutilmente ao esforço dos braços.

Um é conselheiro excelente, no entanto, não santifica os próprios atos.

Outro retém brilhante verbo na pregação doutrinária, todavia, é apaixonado cultor de anedotas menos dignas com que desfigura o respeito à revelação de que é portador.

Esse estima a castidade do corpo, mas desvaira-se pela aquisição de dinheiro fácil.

Outro, mais além, conseguiu desprender-se das posses de oura e terra, casa e moinho, mas cultiva verdadeiro incêndio na carne.

É indiscutível a nossa imperfeição de seguidores da Boa Nova.

Por isso mesmo, guardamos o título de aprendizes.

O Planeta não é o paraíso terminado e achamo-nos, por nossa vez, muito distantes da angelitude.

Todavia, obedecendo ou administrando, ensinando ou combatendo, é indispensável afinar o nosso instrumento de serviço pelo diapasão do Mestre, se não desejamos prejudicar-lhe as obras.

Evitemos a execução insegura, indistinta ou perturbadora, oferecendo-lhe plena boa-vontade na tarefa que nos cabe, e o Reino Divino se manifestará mais rapidamente onde estivermos. 


Mensagem psicografada por Francisco Cândido Xavier, constante do livro Fonte Viva, de 1956, publicado pelo Federação Espírita Brasileira.
 
 


                                    PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Victor Passos em 24 de Março de 2011, 10:25
Ola muita apz e harmonia
Bons Amigos e Amigas


Sugestões para Crescer


          Não nos conformemos à pura condição de ouvintes, diante das verdades eternas.

          Como classificar o aluno que estuda indefinidamente sem jamais aprender, ou o homem que desaprova sem experimentar? Recordemos que tudo na vida é causa e efeito, ação e retribuição.

          Quem descobre algo de importante para o bem, realmente, não foge a demonstrações.
          Quem planta com segurança colhe a seu tempo.
          Quem examina com atenção adquire conhecimento.
          Quem analisa, com imparcialidade, alcança a luz da justiça.
          Quem estima indicações valiosas, procura segui-las.
          Quem ama auxilia sempre, agindo em favor da pessoa amada.

          No círculo das idéias superiores, a lei não difere.
          Se buscamos o "mais alto", não desdenhemos subir.

          Se pretendemos a sublimação, não nos cabe olvidar a disciplina.
          Se desejamos o equilíbrio ou a reestruturação, é necessário fugir à desarmonia.
          Se tentamos o convívio com as claridades da montanha, não podemos mergulhar o coração nas sombras do vale.
          Se aspiramos à ressurreição, não menosprezaremos o ato de renovar.
          Se sonhamos com a Esfera Maior, na largueza de projetos e ideais, é imprescindível voar do campo restrito do "eu" ao fulgor da vida universal.
          As comparações simples lembram-nos as obrigações complexas, ante as leis que nos regem.

          Sejamos dedicados ouvintes, procurando a posição dos bons executores das lições recolhidas, em cedo alcançaremos o prêmio do amor e da sabedoria que representam as duas faces da alegria eterna.

 
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 25 de Março de 2011, 19:30
                                     VIVA JESUS!


    Boa-tarde! queridos irmãos.

          Autodesobsessão

Se você já pode dominar a intemperança mental...

Se esquece os próprios constrangimentos, a fim de cultivar o prazer de servir...

Se sabe escutar o comentário infeliz, sem passá-lo adiante...

Se vence a indisposição contra o estudo e continua, tanto quanto possível, em contato com a leitura construtiva...

Se olvida mágoas sinceramente, mantendo um espírito compreensivo e cordial, à frente dos ofensores...

Se você se aceita como é, com as dificuldades e conflitos que tem, trabalhando alegremente com tudo aquilo que não pode modificar...

Se persevera na execução dos seus propósitos enobrecedores, apesar de tudo que se faça ou fale contra você...

Se compreende que os outros têm o direito de experimentar o tipo de felicidade a que se inclinem, como nos acontece...

Se crê e pratica o princípio de que somente auxiliando o próximo, é que seremos auxiliados...

Se é capaz de sofrer e lutar na seara do bem, sem trazer o coração amargoso e intolerante...

Então, você estará dando passos largos para libertar-se da sombra, entrando, em definitivo, no trabalho da autodesobsessão.

André Luiz


                                             PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 26 de Março de 2011, 08:24
Olá queridos amigos e irmãos... Sejam bem-vindos... Desejo a todo um:

(http://www.recadodeorkut.com/105/177.jpg) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5naWZzZm9mb3MuY29t)

 Confira os &uacute;ltimos lan&ccedil;amentos de Bom Dia! (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5naWZzZm9mb3MuY29t)


Se você procura solução adequada ao seu problema, não olvide o grande remédio do Trabalho, doador de infinitos recursos, em favor do progresso do Homem e da Humanidade.

Seu cérebro vive cheio de perguntas?
Trabalhe e o serviço conferir-lhe-á respostas exatas.

Suas mãos permanecem paralisadas pelo desânimo?
Insista no trabalho e o movimento voltará.

Seus braços jazem fatigados?
Confie-se ao esforço novamente e a ação simbolizará para eles o lubrificante preciso.

Seu coração vive pesaroso e sem luz?
Procure agir no bem incessante e a alegria ser-lhe-á precioso salário.

Seus ideais encontraram sombra e gelo no grande caminho da vida?
Dê seu concurso às boas obras sem desfalecer e claridades novas brilharão no céu de seus pensamentos.

A parada que não significa descanso construtivo para recomeçar as atividades úteis é alguma coisa semelhante à morte.

Todos os males da retaguarda podem surpreender aquele que não avança. Mas se você acredita no poder do Trabalho, aceitando o serviço aos semelhantes, por norma de viver em paz, na obediência a Deus, o seu espírito terá penetrado realmente o verdadeiro caminho da salvação.

ANDRÉ LUIZ
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 27 de Março de 2011, 10:17
                                      VIVA JESUS!


       Bom-dia! queridos irmãos.

              Varonilmente

“Vigiai, estai firmes na fé, portai-vos varonilmente,
sede fortes.” Paulo. (CORÍNTIOS, 16:13.)

Vigiai na luta comum.

Permanecei firmes na fé, ante a tempestade.

Portai-vos varonilmente em todos os lances difíceis.

Sede fortes na dor, para guardar-lhe a lição de luz.

Reveste-se o conselho de Paulo aos coríntios, ainda hoje, de surpreendente oportunidade.

Para conquistarmos os valores substanciais da redenção, é imprescindível conservar a fortaleza de ânimo de quem confia no Senhor e em si mesmo.

Não vale a chuva de lágrimas despropositadas, ante a falta cometida.

Arrependermo-nos de qualquer gesto maligno é dever, mas pranteá-lo indefinidamente é roubar tempo ao serviço de retificação.

Certo, o mal deliberado é um crime, todavia, o erro impensado é ensinamento valioso, sempre que o homem se inclina aos desígnios do Senhor.

Sem resistência moral, no turbilhão de conflitos purificadores, o coração mais nobre se despedaça.

Não nos cabe, portanto, repousar no serviço de elevação.

É natural que venhamos a tropeçar muitas vezes.

É compreensível que nos firamos freqüentemente nos espinhos da senda.

Lastimável, contudo, será a nossa situação toda a vez que exigirmos rede macia de consolações indébitas, interrompendo a marcha para o Alto.

O cristão não é aprendiz de repouso falso. Discípulo de um Mestre que serviu sem acepção de pessoas até à cruz, compete-lhe trabalhar na sementeira e na seara do Infinito Bem, vigiando, ajudando e agindo varonilmente.

Mensagem psicografada por Francisco Cândido Xavier, constante do livro Fonte Viva, de 1956, publicado pelo Federação Espírita Brasileira



                                            PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 27 de Março de 2011, 20:05
Olá queridos amigos... Sejam bem-vindos... Estão convidados a trazerem suas mensagens, videos, pps, etc..

Ante as crises da vida. Não te revoltes. Serve. (Emmanuel - Chico Xavier)

Ante o irmão irritadiço, cujo verbo desagrade, cala-te e espera lembrando que o silêncio é CARIDADE.

Ante os conflitos que explodem no mundo, conserva-te em paz. Não te deixes envolver pelo pessimismo. Continua servindo e abençoando a vida. O bem triunfa sempre.

Ante os desajustados da Terra, respeita-lhes o caminho e silencia quando não lhes consigas compreender as lutas entremeadas do pranto que desconheces. (Meimei)




(http://www.recadodeorkut.com/214/057.gif) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZGluaG9zcGFyYW9ya3V0LmNvbQ==)

 Horas de trabalho resultam em lindos gif de Boa Semana!  (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZGluaG9zcGFyYW9ya3V0LmNvbQ==)<br
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 27 de Março de 2011, 20:12
Desejamos a todos uma:

(http://www.recadodeorkut.com/120/110.gif) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZG9zY29tZm90b3MuY29t)

 Clique e confira tudo sobre Boa Tarde (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZG9zY29tZm90b3MuY29t)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 28 de Março de 2011, 10:54
                                    VIVA JESUS!


    Bom-dia! queridos irmãos.

           A verdadeira cura

Do best-seller “A Cura através da Terapia de Vidas Passadas”, do Dr. Brian Weiss, resumi e adaptei o seguinte caso real ocorrido em seu consultório de Miami (EUA): “Linda sente-se mal quando usa colares ou qualquer vestimenta que toque em seu pescoço. As golas de suas roupas ficam alargadas de tanto serem puxadas. Nunca fecha o último botão de qualquer blusa. Desde a adolescência tem asma. Depois de tentar, inutilmente, inúmeros tratamentos convencionais, resolve tentar a cura através da terapia de vidas passadas. Tem pesadelos, fobias e ataques de pânico. Depois de várias tentativas de relaxamento, o médico resolve tentar a hipnose. Ele a instrui a resgatar o ser vulnerável de sua infância, através do seu ser adulto atual. Por cerca de noventa minutos “limpa” sua infância. Quando finalmente emerge do estado hipnótico, sente-se melhor. Linda volta a cantar, coisa que adorava e não fazia mais desde a infância. Menos ansiosa, seu estado de espírito melhora. Mas os medos persistem. A asma persiste. E permanece a aterradora ideia de asfixia. Ainda não suporta qualquer objeto próximo de seu pescoço.

Na sessão seguinte, o profissional usa a técnica de indução rápida que produz um nível profundo de hipnose em trinta segundos. Linda começa a soluçar e arquear o pescoço. – Vão me pôr na guilhotina! Grita apavorada. Observa-se sendo decapitada. O médico repassa essa cena da morte várias vezes, até ela conseguir contar calmamente o que havia acontecido na vida anterior. Reconhece no algoz que a encaminhou à execução, pessoa muito próxima da atual encarnação. Agora entende o porquê de suas desavenças.

Ao final da regressão, Linda abotoou sem hesitar o botão de cima da blusa. Estava curada. Os sintomas não voltaram. - O que você precisava aprender com essas experiências? – Perguntou o terapeuta a Linda. - Não odiar! Devo aprender a perdoar e não odiar. Dr. Brian percebeu claramente que, a partir da cura física, iniciava-se também o processo do perdão.

*

O esquecimento do passado é providencial. Priva-nos do que nos faria mal. Se tivéssemos grandes virtudes, não precisaríamos retornar à experiência física. A recordação indiscriminada poderia nos humilhar ou exaltar o nosso orgulho. Daí recebermos uma existência novinha em folha, sem nos lembrarmos de quem prejudicamos, nem de quem nos prejudicou. Ficam apenas as reminiscências. Vocações inatas que nos impelem para este ou aquele caminho. Aversões antigas, amores santificantes, gostos aprimorados aparecem em nossas mentes como lampejos em fração do nosso mundo consciente.

Todavia, dentro dessa necessária obscuridade, quando algumas recordações podem nos fazer bem e tornar mais leve o fardo da presente existência, Deus permite que delas tomemos conhecimento. E a ciência atual está colhendo preciosos frutos dessa incursão ao inconsciente humano. Terapeutas conscientes e responsáveis como o Dr. Brian Weiss estão autorizados a levantar uma ponta do véu do esquecimento. E a tornar pessoas traumatizadas em pessoas normais e felizes.

Além de curar doenças, espantar medos e eliminar áreas de pânico, esses modernos investigadores da mente humana estão promovendo o perdão e a reconciliação. Estão no caminho certo. Estão promovendo a parte mais importante do processo da cura: A Cura do Espírito.

          Sidney Frances Fernandes


                                                    PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 29 de Março de 2011, 11:51
                                       VIVA JESUS!


     Bom-dia! queridos irmãos.

            Tolerância

Vive a tolerância na base de todo o progresso efetivo.

As peças de qualquer máquina suportam-se umas às outras para que surja essa ou aquela produção de benefícios determinados. Todas as bênçãos da Natureza constituem larga sequência de manifestações da abençoada virtude que inspira a verdadeira fraternidade.

Tolerância, porém, não é conceito de superfície. É reflexo vivo da compreensão que nasce, límpida, na fonte da alma, plasmando a esperança, a paciência e o perdão com esquecimento de todo o mal.

Pedir que os outros pensem com a nossa cabeça seria exigir que o mundo se adaptasse aos nossos caprichos, quando é nossa obrigação adaptar-nos, com dignidade, ao mundo, dentro da firme disposição de ajudá-lo.

A Providência Divina reflete, em toda parte, a tolerância sábia e ativa.

Deus não reclama da semente a produção imediata da espécie a que corresponde. Dá-lhe tempo para germinar, crescer, florir e frutificar.

Não solicita do regato improvisada integração com o mar que o espera. Dá-lhe caminhos no solo, ofertando-lhe o tempo necessário à superação da marcha.

Assim também, de alma para alma, é imperioso não tenhamos qualquer atitude de violência.

A brutalidade do homem impulsivo e a irritação do enfermo deseducado, tanto quanto a garra no animal e o espinho na roseira, representam indícios naturais da condição evolutiva em que se encontram.

Opor ódio ao ódio é operar a destruição. O autor de qualquer injúria invoca o mal para si mesmo.

Em vista disso, o mal só é realmente mal para quem o pratica. Revidá-lo na base de inconsequência em que se expressa é assimilar-lhe o veneno.

É imprescindível tratar a ignorância com o carinho medicamentoso que dispensamos ao tratamento de uma chaga, porquanto golpear a ferida, sem caridade, será o mesmo que converter a moléstia curável num aleijão sem remédio.

A tolerância, por esse motivo, é, acima de tudo, completo esquecimento de todo o mal, com serviço incessante no bem.

Quem com os lábios repete palavras de perdão, de maneira constante, demonstra acalentar a volúpia da mágoa com que se acomoda perdendo tempo.

Perdoar é olvidar a sombra, buscando a luz. Não é dobrar joelhos ou escalar galerias de superioridade mendaz, teatralizando os impulsos do coração, mas sim persistir no trabalho renovador, criando o bem e a harmonia, pelos quais aqueles que não nos entendam, de pronto, nos observem com diversa interpretação, compreendendo-nos o idioma inarticulado do exemplo.

Oferece-nos o Cristo o modelo da tolerância ideal, em regressando do túmulo ao encontro dos aprendizes desapontados. Longe de reportar-se à deserção de Pedro ou à fraqueza de Judas, para dizer com a boca que os desculpava, refere-se ao serviço da redenção, induzindo-os a recomeçar o apostolado do bem eterno.

Tolerar é refletir o entendimento fraterno e o perdão será sempre profilaxia segura, garantindo, onde estiver, saúde e paz, renovação e segurança.

 

Do cap. 25 do livro Pensamento e Vida, de Emmanuel, obra psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier.
 


                                          PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 02 de Abril de 2011, 10:40
                                               Bom dia amigos... Sejam bem-vindos!!

Aprenda a sorrir para estender a fraternidade.

Aprenda, com a Sabedoria Divina, a desculpar infinitamente, construindo e reconstruindo sempre para o infinito bem.

Aprendamos a amar, procuremos entender; aceitemos o bem, estimulando em nós o princípio básico da evolução espiritual. AMAR SEMPRE!

Aprendamos a suportar as dificuldades com paciência.

Aprendamos a tolerar, para que sejamos tolerados.

Aprendemos e ensinamos caridade em todos os temas da necessidade humana. Façamos dela o pão espiritual da vida. (Emmanuel - Chico Xavier, do livro: ALMA E CORAÇÃO).

aprender sem desanimar... servir ao bem sem esmorecer...


(http://img1.recadosonline.com/560/043.gif) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5naWZzZm9mb3MuY29t)

 Seja gentil e retribua o recado de Ursinho Pooh! que voc&ecirc; recebeu. (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5naWZzZm9mb3MuY29t)<br
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 03 de Abril de 2011, 01:22
                                     VIVA JESUS!


      Boa-noite! queridos irmãos.

             O padrão espiritual
de Nosso Lar

Ouvi, ao acaso, na época da exibição do filme Nosso Lar nos cinemas: - Ah! Nunca vi isso! Lá é todo mundo feliz, bonzinho, todo mundo ajudando todo mundo! É felicidade demais, chega a ser açucarado!...

Paradoxal, não?

Então, enquanto por aqui, na materialidade, a todo momento vemos pessoas reclamando do contínuo estado de insegurança; pleiteando condições de paz e de felicidade maiores, nas quais as pessoas talvez convivessem melhor, sem tanto ódio, tanta violência, tanta ansiedade gerada pela nossa dita sociedade competitiva até as raias da selvageria... Nosso Lar, com o seu modelo exemplar de coexistência pautada na harmonia e na colaboração, com as quais - muito se diz - sonham diariamente milhares e milhares de idealistas... Este lugar, na visão contraditória de alguns, "chega a ser açucarado, enjoado"!

Convenhamos... O que escolhemos para nós, de fato?

Vamos refletir sobre o problema.

O caso, meus amigos, é que somos, por excelência, contraditórios quanto às nossas referências de convivência. E fazemos, na prática, e sem real consciência, exatamente o que preconiza aquele velho ditado: "acender uma vela para Deus, outra para o diabo"...

Sabem por quê?! Porque lucramos com isto! Lucramos com isto nas minúcias despercebidas do cotidiano, tanto pessoal quanto profissional. Porque elegemos, neste atual estágio de vida na matéria, o modelo de vida da competitividade; e os parâmetros de competitividade não se pautam pelo senso de colaboração para um bem maior, como haveria de ser. A competitividade, que grassa em todos os setores da sociedade de hoje em dia, se nutre, prioritariamente, do ímpeto predador!

Só auxilio neste ou naquele aspecto dependendo do tanto de lucro ou de vantagens superfaturadas que extrairei da situação. Não, não explicarei todo o cerne do serviço ao funcionário recém-chegado para que ele não possa saber demais, e, amanhã ou depois, pleitear a melhoria que de direito é para mim. O familiar passa por dificuldades? Bem..., dane-se, o problema maior é dele, não meu. Não fui eu quem o criou. Por que tomarei sobre as minhas costas o ônus de mais uma confusão quando já tenho tantas pendências pessoais que mal consigo resolver?

O grande problema desta ótica de vida, caríssimos, é que, e mesmo aqui, as leis de causa e efeito, ou da atração, ou seja lá com que título se chame esta Lei natural da Vida, agem, para o nosso bem maior e sem julgamento de mérito - inexoráveis - e atraem, para cada um de nós, via sintonia, o exato padrão do que irradiamos para fora, para aqueles com quem convivemos. E é a partir desta premissa, portanto, que prossegue o pandemônio mundial no qual nos atolamos ainda sem solução viável ou visível para que uma realidade como a de Nosso Lar fosse também a nossa! Nossa feliz realidade! Não açucarada. Não utópica!

Referir-se a um contexto superior de vida desta forma inexata soa mais como a parábola de despeito da raposa e as uvas. Ora, como ainda não posso tê-las, devem estar verdes, com certeza. A raposa jamais admitirá que não alcança as uvas por incompetência própria. Não! Antes porque, certamente, estão verdes!

Evolução, meus caros! Escolha!

Simples assim!

Enquanto não ensinarmos o serviço ao colega de trabalho para que ele não saiba tanto quanto nós, acontecerá fatalmente de, nalgum momento lá na frente, não podermos contar com a colaboração eficiente deste mesmo colega em momentos de eventuais ausências ou dificuldades em razão direta da miopia desta mesma ganância, a nos lançar para dentro dos resultados da armadilha que a nós mesmos acaba encurralando!

Enquanto o familiar sofredor ficar para lá, e nós passeando felizes no shopping, não poderemos estranhar quando, nalgum outro momento, formos abandonados, solitários, nas nossas indigências e apuros pessoais ou de saúde, por parte da mesma parentela que nos terá observado com clareza os métodos nada solidários de agir em horas de se apoiar as dificuldades alheias.

Enquanto, em suma – e como se o mundo se tratasse de um grande e árido parque de miséria, e não o planeta rico e abundante de recursos como de fato é –, insistirmos no nosso padrão viciado de lidar com a vida manifesta em nós mesmos e no nosso próximo com base nestes parâmetros mesquinhos, não poderemos, em sã consciência, e com um mínimo de lisura íntima, proferir com honestidade qualquer suspiro de lamentação por um mundo que ainda não temos – única e exclusivamente porque, na prática minuciosa do dia-a-dia, ainda não nos decidimos por criá-lo!

Sempre, e a qualquer tempo, dependerá unicamente de nós mesmos!

Tudo é simbiose! Troca pura e simples, amigos leitores! O mundo lhe dá na medida exata do que você oferece! E, se uma qualidade de vida como a de Nosso Lar nos comparece, espantosamente, como "açucarada", a verdade nua e crua é que assim a percebemos porque, infelizmente, ainda nos comprazemos somente com amargura e fel!

           Christina Nunes



                                                       PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 04 de Abril de 2011, 09:13

Guarde o coração em paz, à frente de todas as situações e de todas as coisas. Todos os patrimônios da vida pertencem a Deus.

Guardemos a consciência tranqüila. A prática do bem ser-nos-á garantia da paz e a paz em nós se fará fonte permanente de alegria.
Grande sinal de progresso da alma: receber com serenidade e paciência as ocorrências inesperadas
.

(http://img1.recadosonline.com/214/098.gif) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZGluaG9zcGFyYW9ya3V0LmNvbQ==)

 Recados de Boa Semana atualizadas aqui (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZGluaG9zcGFyYW9ya3V0LmNvbQ==)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 07 de Abril de 2011, 10:31
                                   VIVA JESUS!


         Bom-dia! queridos irmãos.

                    É só olhar para os lados 


Às vezes a vontade de desistir de tudo é tão grande, mesmo depois de percebermos que o destino está em nossas mãos. Muitas vezes, principalmente depois de ter esta consciência e olhar para trás e percebermos que fizemos tudo errado.

De repente é mais fácil desistir a ter que recomeçar, olhar com humildade para todos que nos rodeiam, que, via de regra, não são melhores que nós, mas que adoram em nossa direção apontar o dedo e nos julgar, e assumir que temos que mudar de direção.

A cada dia seja talvez necessário recomeçar, diante de nossa imperfeição. A cada dia talvez descubramos que não somos ainda aquilo que acreditávamos ser ou que gostaríamos de ser.

Mas a cada amanhecer, a Vida que a ninguém julga, privilegia, pretere, apenas ama e por isto mesmo dá a cada um segundo as suas obras, através de sua lei de ação e reação, oferece a oportunidade necessária para o devido recomeço.

Desistir ou continuar depende de cada um de nós. Aceitar a sugestão daqueles que olham para fora e se esquecem de inspecionar seu mundo íntimo, ou daqueles, ainda raros, mas que, por já se conhecerem na sua essência, aceitam cada um como cada um é, é uma escolha que nos pertence.

As consequências destas escolhas, não é excessivo lembrar, haja vista não ser algo habitual se pensar nas consequências antes que elas já sejam fatos consumados, são também para cada um segundo suas escolhas.

Esta viagem vista deste ponto de vista é realmente solitária, já que ninguém vai poder fazer por você aquilo que lhe proporcionará alegria ou tristeza íntimas, proporcionadas pela consciência do dever cumprido ou não.

Ninguém vai poder viver as experiências necessárias ao seu crescimento espiritual. Tirar suas algemas da ignorância ou criar suas asas que podem fazer você voar até a felicidade.

É tudo questão de escolha, e cabe a cada um de nós fazê-las. Mas basta olhar para os lados, onde tanta dor existe e tantas almas resignadas falando de Deus, mesmo em meio de tanta tragédia, mesmo tendo perdido suas casas e tendo sido apartados pela ilusória morte de seus entes mais caros, para que sintamos vergonha de em algum momento termos sentido pena de nós mesmos.

                 Rodinei Moura


                                                    PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 08 de Abril de 2011, 10:16
                                     VIVA JESUS!


      Bom-dia! queridos irmãos.

             A Cadeira


A filha de um homem pediu a um sacerdote que fosse à sua casa rezar uma oração para o seu pai, que estava muito doente.


Quando o sacerdote chegou à residência, encontrou este pobre homem na sua cama com a cabeça levantada por um par de almofadas.


Havia uma cadeira ao lado da cama, pelo que o sacerdote pensou que o homem sabia que viria vê-lo.


- Suponho que estava à minha espera? – disse-lhe.



- Não. Quem é o senhor? – perguntou o homem enfermo.



- Sou o sacerdote que a sua filha chamou para que rezasse com o senhor. Quando entrei e reparei na cadeira vazia ao lado da sua cama, supus que o senhor sabia que eu viria visitá-lo.


- Ah sim, a Cadeira. Importa-se de fechar a porta? – perguntou o homem doente.


O sacerdote, surpreendido, fechou a porta.


O homem enfermo disse-lhe:


- Nunca disse isto a ninguém, mas passei toda a minha vida sem saber como orar. Quando estava na Igreja, escutava sempre, a propósito da oração, como se deve orar e os benefícios que traz... mas sempre… isto das orações… não sei…! Entra-me por um ouvido e sai-me pelo outro. De qualquer forma, não faço ideia de como a fazer.



Então… Faz muito tempo que abandonei por completo a oração. Isto foi assim até há uns quatro anos, quando, conversando com o meu melhor amigo, ele me disse:



“José, isto da oração é simplesmente ter uma conversa com Jesus; sugiro-te, pois, que faças assim… Sentas-te numa cadeira e colocas outra cadeira vazia em frente da tua; depois, com fé, olhas para Jesus sentado diante de ti. Não é algo aloucado fazê-lo, pois ele disse-nos: “Eu estarei sempre convosco”. Portanto, falas-Lhe e escuta-Lo, da mesma maneira como estás agora a fazer comigo.”


Foi assim que fiz uma vez e agradou-me, pelo que continuei a fazê-lo umas duas horas diárias desde então.


Tenho sempre muito cuidado, não vá a minha filha ver-me… Pois internar-me-ia imediatamente num manicômio.


O sacerdote sentiu uma grande emoção ao escutar isto e disse a José que era algo muito bom o que estava a fazer, e que nunca deixasse de o fazer.



Rezou imediatamente uma oração com ele. Deu-lhe a bênção e foi para a sua paróquia.


Dois dias depois, a filha de José chamou o sacerdote para lhe dizer que o seu pai tinha falecido.


O sacerdote perguntou-lhe:


- Faleceu em paz?


- Sim, quando saí de casa, por volta das duas da tarde, chamou-me e fui vê-lo na sua cama. Disse que me queria muito e deu-me um beijo. Quando regressei de fazer umas compras, uma hora mais tarde, já o encontrei morto.


Mas há algo de estranho na sua morte, pois, aparentemente, justamente antes de morrer, aproximou-se da cadeira que estava ao lado da sua cama e reclinou a cabeça sobre ela; foi assim que o encontrei.


Que pensa o senhor que isto possa significar?


O sacerdote, profundamente comovido, enxugou as lágrimas da emoção e respondeu-lhe:


- Oxalá que todos nós pudéssemos ir dessa maneira.


Autor desconhecido


                                                         PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 09 de Abril de 2011, 20:59

(http://i955.photobucket.com/albums/ae31/banim8ed/anime/Anime49.jpg)



Boa tarde, queridos amigos!


VIVA


Você quer viver.
Almeja, para sua felicidade, os frutos doces da vida, a luz forte do Sol,
a branda claridade do luar,
o brilho suave das estrelas,
a música inspiradora,
o entusiasmo da juventude,
os encantos da beleza
e os enlevos do prazer.
Apesar disso, percebe, desconsolado, que a dor existe, a juventude passa depressa, a beleza
rapidamente se estiola, o prazer se esvai, as flores murcham, a noite sempre chega, e sempre chegam o
inverno, a chuva, o frio...
E teme que tudo finda na rigidez da morte.
Sossegue, meu filho! Você quer viver, e viverá, além da carne, da velhice, da doença e do pranto.
E descobrirá que viver é mais do que apenas existir, e que é do Espírito a beleza que não fana, a luz que não
se apaga, a força que não desmaia, o poder de criar e o dom de ser feliz.
Você quer viver...
Viva, meu filho!
Desate as asas do seu pensamento na direção dos cimos iluminados, ouça no seu coração a
música das estrelas, banhe-se no esplendor da graça divina, e abrace a felicidade de amar e servir, trabalhar e
perdoar, acima da poeira dos caminhos, além dos limites da ilusão.
Viva, e seja feliz.
Você é filho de Deus...
Você merece, meu filho!


Livro: Amar e servir.
Autora: Letícia. Psicografado por Hernani T Santanna
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 10 de Abril de 2011, 10:29
(http://img1.recadosonline.com/214/085.gif) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5nZXJhZG9yZXNvbmxpbmUuY29t)

 Envie recados de Boa Semana para saber o que &eacute; bom! (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5nZXJhZG9yZXNvbmxpbmUuY29t)


Queridos amigos... Sejam bem-vindos!!

Aquele que cede ante ao obstáculo, que desiste diante da dificuldade já perdeu a batalha sem a ter enfrentado. Não raro, o obstáculo e a dificuldade são mais aparentes que reais, mais ameaçadores do que impeditivos. Só se pode avaliar após o enfrentamento. Ademais, cada vitória conseguida se torna aprimoramento da forma de vencer e cada derrota ensina a maneira como não se deve tentar a luta. Essa conquista é proporcionada mediante o esforço de prosseguir sem desfalecimento e insistir após cada pequeno ou grande insucesso. O objetivo deve ser conquistado, e, para tanto, a coragem do esforço contínuo é indispensável.
Muitas vezes será necessário parar para refletir, recuar para renovar forças e avançar sempre. É uma salutar estratégia aquela que faculta perder agora o que é de pequena monta para ganhar resultados permanentes e de valor expressivo depois.


Joanna De Ângelis
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Rose FRA em 10 de Abril de 2011, 17:30
Estimados companheiros de jornada e de Forum,

Desejando que todos tenham um lindo final de domingo, deixo uma mensagem para todos de Coragem e Fé.

Com muito carinho,

Rose


Coragem e Fé

Continuar a servico do bem, quando tudo nos pareca uma esteira de males sob os pés, eis a real significacao da lealdade ao Senhor.

Avancar ainda e sempre, no encalco das realizacoes sublimes a que nos propomos atingir, no campo do Espírito, apesar de todas as provacoes que nos testem a confianca, às vezes, caindo na perplexidade e no erro para levantar-nos nas asas da reconsiderao e da esperanca; chorando e enxugando as próprias lágrimas, ao calor das consolacoes hauridas no próprio conhecimento; compreendendo e silenciando; amando e servindo - eis a coragem, a única que pode efetivamente renascer dos destrocos das piores circunstâncias terrenas e encarar a razao face a face.
Livro - Paz e Renovacao - por Chico Xavier - em 1993
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 13 de Abril de 2011, 21:39
                                     VIVA JESUS!


      Boa-tarde! queridos irmãos.

            A chuva
 
 
O dia estava claro e ensolarado.

O bairro era calmo, quase sem movimento, e as crianças costumavam brincar com os vizinhos na rua.

Nesse dia, Toninho, de seis anos, convidou seus amiguinhos para jogarem bola na rua. Estavam assim entretidos com a brincadeira, quando o tempo começou a fechar. Pesadas nuvens foram surgindo no horizonte, avançando sempre, até que o Sol desapareceu por completo. Tudo ficou escuro. Parecia noite! 

 Não demorou muito, grossos pingos de chuva começaram a cair. Raios riscavam o céu, seguidos por trovões ensurdecedores. Os garotos abrigaram-se na varanda da casa de Toninho, esperando que a chuva parasse para poderem retornar ao jogo. 

Enquanto isso, eles conversavam   
 
trocando ideias sobre a escola, quando começaram a discutir. Era comum isso acontecer, porque Toninho, orgulhoso, gostava de sobressair aos demais, achando que era o mais esperto, o mais inteligente e o mais capaz.
 

Meia hora depois, o aguaceiro havia cessado e os meninos preparavam-se para voltar ao jogo, mesmo com a rua molhada, quando começaram a ouvir um ruído diferente, como se pedras estivessem caindo sobre o telhado. Logo perceberam a razão. 

Realmente. Eram pedras de gelo que batiam no telhado e caíam no chão. Os garotos nunca tinham visto uma chuva de granizo e ficaram surpresos. Então, esqueceram o desentendimento de há pouco, encantados com a novidade. 

Quando parou de chover pedras, eles correram para o meio da rua pegando-as nas mãos e notando que eram de gelo. Colocaram na boca e viram que era gelo mesmo. E começaram a brincar, fazendo guerra com as pedras, jogando-as uns nos outros, e resolveram ver quem conseguia juntar e “comer” mais pedras de gelo. E iam contando: Uma! Duas! Três!... 

Toninho, sempre se julgando o mais sabido da turma, resolveu agir diferente. Ele pegava as pedras e guardava-as no bolso. 

O Sol voltara a brilhar e o dia ficou lindo de novo. Mais bonito ainda porque agora tudo estava limpo e brilhante: o ar, as plantas, as calçadas, tudo. 

Quando os garotos viram com tristeza que as pedras se derretiam na rua, Toninho estufou o peito e resolveu mostrar aos outros que ele era o mais esperto:

— Estão vendo como vocês são bobos? Só eu guardei as pedras!... 

Então, enfiando as mãos nos bolsos das calças, procurou agarrar as pedras que tinha guardado com tanto cuidado para mostrar aos amigos, mas nada encontrou.

Surpreso e decepcionado, pois tinha guardado muito bem as pedras, Toninho percebeu que suas mãos só pegaram em água.

Retirou as mãos molhadas dos bolsos e, inclinando a cabeça, olhou para si mesmo e viu que suas calças estavam igualmente molhadas. Os demais não contiveram o riso, satisfeitos por verem Toninho humilhado, logo ele que sempre queria ser mais do que os outros.

O menino permaneceu de cabeça baixa, chateado. No entanto, seu melhor amigo, Felipe, cheio de pena ao vê-lo naquela situação, aproximou-se e disse:

— Não fique triste, Toninho. Todos nós já erramos também. Todo mundo erra! A cada dia a gente aprende um pouco mais. Aprendi, com minha mãe, que Jesus ensinou a sempre fazermos aos outros o que queremos que os outros nos façam. Assim não tem erro.   

Toninho olhou o amigo que se mostrara tão generoso com ele, e pensou que, se o fato tivesse acontecido com qualquer um dos outros, ele não teria perdido ocasião de ridicularizá-lo. Então, deu-lhe um abraço.

— Tem toda razão. Obrigado, Felipe. 
 
 
 
Depois, Toninho pensou um pouco e, olhando cada um dos amigos, disse: 

— Só agora eu percebi como tenho sido chato com vocês. Peço desculpas por todas as vezes que os magoei. Podem me perdoar?

Os demais trocaram um olhar de entendimento, depois correram a abraçá-lo.

— Nós somos amigos, Toninho, não é?

Toninho concordou com um sorriso aliviado e, pegando a bola, convidou:

— É verdade. Então, vamos continuar o jogo?                 

       Celia Xavier de Camargo


                                                              PAZ, MUITA PAZ!                           
 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 14 de Abril de 2011, 07:16
(http://img1.recadosonline.com/105/139.gif) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5naWZzZm9mby5jb20=)

 Melhor sele&ccedil;&atilde;o de imagens para Bom Dia (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5naWZzZm9mby5jb20=)



Suba mais alto

Não lhe fira a calúnia. viva de modo que ninguém possa acreditar no caluniador.

Não se atrase, em face da perturbação. Siga seu caminho, atendendo aos objetivos superiores da vida, porque os perturbadores são inumeráveis.

Não lhe doa a acusação indébita. Você pode realizar muitos planos valiosos, em contraposição aos acusadores gratuitos.

Não se incomode pela desconfiança descabida. Em qualquer lugar, você pode empregar a boa consciência no serviço honesto.

Não desanime, em razão da crítica. Se a censura é serviço cabível a qualquer um, a realização elevada é obra de poucos.

Não se aborreça em virtude de pareceres desfavoráveis. Se você permanece consagrado ao bem, a aprovação da própria consciência prepondera acima de qualquer opinião por mais respeitável.



Pelo Espírito ANDRÉ LUIZ
Do Livro: AGENDA CRISTÃ
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 16 de Abril de 2011, 11:16
                                       VIVA JESUS!



      Bom-dia! queridos irmãos.

             
Na hora da tristeza
“Vós sois a luz do mundo.“ – Jesus. (Mateus, 5:14.)

“Não digais, pois, quando virdes atingido um de vossos irmãos: É a justiça de Deus, importa que siga o seu curso. Dizei antes: Vejamos que meios o Pai misericordioso me pôs ao alcance para suavizar a sofrimento do
meu irmão.” (E.S.E., cap. V, 27.)


Entraste na hora do desalento, como se te avizinhasses de um pesadelo.

Indefinível suplício moral te impele ao abatimento, mágoas antigas surgem à tona.

Sentes-te à feição do viajor, para cuja sede se esgotaram as derradeiras fontes do caminho.

Experimentas o coração no peito, qual pássaro fatigado, ao sacudir, em vão, as grades do cárcere.

Ainda assim, não permitas que a ansiedade te lance à tristeza inútil.

Se a incompreensão alheia te azedou o pensamento, recorda os companheiros enfermos ou mutilados, quando não conhecem a própria situação, qual seria de desejar, e prossegue servindo, a esperar pelo tempo que lhes dará reajuste.

Se amigos te abandonaram em árduas tarefas, à caça de considerações que lhes incensem a personalidade, medita nas crianças afoitas, empenhadas a jogos e distrações, nos momentos do estudo, e prossegue servindo, a esperar pelo tempo, que a todos renovará na escola da experiência.

Se deixaste entes queridos ante a cinza do túmulo, convence-te de que todos eles continuam redivivos, no plano espiritual, dependendo, quase sempre, de tua conformação para que se refaçam, e prossegue servindo, a esperar pelo tempo, que te propiciará, mais além, o intraduzível consolo do reencontro.

Se o fardo das próprias aflições te parece excessivamente pesado, reflete nos irmãos desfalecentes da retaguarda, para quem uma simples frase reconfortante de tua boca é comparável a facho estelar, nas trevas em que jornadeiam, e prossegue servindo, a esperar pelo tempo, que, no instante oportuno, a cada problema descortinará solução.

Lembra-te de que podes ser, ainda hoje, o raciocínio para os que se dementaram na invigilância, o apoio dos que tropeçam na sombra, o socorro aos peregrinos da estrada que a penúria recolhe nas pedreiras do sofrimento, o amparo dos que choram em desespero e a voz que se levante para a defesa de injustiçados e desvalidos.

Não te detenhas para relacionar dissabores.

Segue adiante, e se lágrimas te encharcam a ponto de sentires a noite dentro dos olhos, entrega as próprias mãos nas mãos de Jesus e prossegue servindo, na certeza de que a vida faz ressurgir o pão da terra lavrada e de que o sol de Deus, amanhã, nos trará novo dia.

 

Do Livro da Esperança, de Emmanuel, obra psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier.
 
 

                                                         PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 17 de Abril de 2011, 02:01
                                   VIVA JESUS!


         Boa-noite! queridos irmãos.

               Desabafo interior

- Vou chamar sua atenção...!

E desta vez não me venha com desculpas, por favor...

Vamos começar combinando assim: eu falo e você simplesmente me escuta. E reflita! Afinal, cedo ou tarde, acabaríamos tendo este diálogo.

Agora somos apenas dois... Nós e nossa consciência! Então, primeiramente, gostaria de levantar algumas perguntas bem simples e, por favor, sem rodeios para respondê-las. Vamos lá... Com toda sinceridade, por que nos ignoramos tanto? Por que tememos este contato conosco mesmo, se nós mesmos sabemos que é inevitável? Para que adiar?

Pare! Olhe à nossa volta...

Ah, perdoe-me... Não estamos mais acostumados a observar, não é mesmo?! Mas, insista um pouco mais. Vamos, que juntos conseguiremos!

Olhe... Veja onde estamos agora. Vamos parar por alguns instantes o que estamos fazendo, pois se posso lhe oferecer este breve tempo, nada mais justo do que você me oferecer um pouco de atenção.

Nossa... Quanta coisa ao nosso redor, não é mesmo?! Nem tínhamos notado. Já conquistamos tanto... Veja! Tudo bem que ainda não estamos na (1) posição social que desejamos, mas convenhamos que sempre falta algo, não é mesmo? Ainda bem que não deixamos nada para trás...

Por que o silêncio? Será que pensamos algo errado ou que não devíamos? Não vamos desistir agora só por causa de um apertozinho no coração. O que é isso?! Somos tão fortes!

E, nesse momento, o que acha de voltarmos um pouco no tempo...?

Lembrar das nossas peripécias de criança... Nossa, como aprontávamos! E quando adolescentes, então?... Ah, quanta confusão! E aquela nossa turma do ginasial, lembra? Por onde será que andam, heim?! Quanta saudade que deixamos no armário do tempo, não é mesmo... Éramos tão livres que até o ar parecia mais leve.

Isso porque talvez não nos importássemos tanto com o que queriam que a gente fosse ou porque não tínhamos tanto tempo sobrando para nos preocuparmos com o “molde” que queriam nos encaixar.

MOLDE! Será que isso nos faz lembrar algo? Por que motivo comparar nossa vida com um molde? Afinal, essa expressão “tem mais haver com um modelo do que com a vida”.

Por outro lado, refletindo um pouco mais, será que estamos realmente vivendo dentro de algum molde? Difícil responder... Fomos pegos de surpresa, não é? Então, vamos pensar juntos novamente...

Em algum lugar do nosso passado existiu um momento em que adotamos este molde no qual nos encontramos hoje. Se pararmos para pensar que estamos constantemente mudando, talvez a chave de tudo possa estar aí! Então, para quem ou por que estamos mudando? Esta mudança nos faz mais livres ou nos aprisiona em mais um modelo, um molde?

Quando crianças, queremos ser nossos pais ou algum super-herói; na adolescência, a popularidade é nossa meta; quando adulto, buscamos a conquista de nossos ideais, para que, assim, quando a velhice chegar, possamos desfrutá-la com um pouco mais de tranquilidade. Já parou para pensar em tudo isso?! Quantos moldes, quantas vidas, quantos sonhos!

Mas, será que estamos vivendo e desfrutando o que a vida nos oferece? Será que o molde que estamos usando neste momento não está sendo apertado demais para nós? Meu Deus!... Para onde estamos indo?!

Quem foi que nos disse que nossos sonhos são impossíveis? Quem nos fez acreditar que nosso cabelo não combina com a gente? Quem colocou na nossa cabeça que, para ser feliz, temos que ser um modelo de sedução? Quem nos fez aceitar que o sapato que mais gostamos já não está na moda e que, por isso, seremos bregas se usá-lo? Quando foi a última vez que andamos descalços, sentindo a terra ou a grama entre nossos dedos? Por que nunca mais tomamos um banho de chuva? E aqueles desenhos que amávamos, desde quando deixamos de a eles assistir? Por que acreditamos que, se nos declararmos e dissermos “Eu te Amo”, estaremos entregando os pontos? Por que paramos de comer a raspa do brigadeiro, que fica grudada no fundo daquela panelinha velha, quando estamos diante de outras pessoas? Desde quando começamos a nos ocultar para viver... Desde quando?

Será que é porque crescemos? Será que é porque já não está mais na moda? Será que é porque só fazemos o que todos querem ou o que a revista de etiqueta dita? Será que é porque agora temos mais responsabilidades? Será, será, será...?

E enquanto isso... O tempo não volta!  O que passou, ficou lá atrás... E o que estamos esperando para começar a desfrutar a vida novamente? (2)

Viver é uma arte... É simples! Mas, a realidade, é que exigimos muito da vida e o resultado não poderia ser diferente a não ser este corre-corre descontrolado em busca das utopias. Quase não temos tempo para um olhar, um abraço, um sorriso. Nem paramos mais para conversar... E quando paramos, na maioria das vezes, o assunto acaba desviando para os becos da lamentação infundada ou as observações que não deixamos passar em branco sobre a vida alheia.

As perguntas que faço diante disso é: O que estamos fazendo? Quanto tempo ainda vamos suportar em meio aos nossos próprios (3) tormentos voluntários para entender que a vida segue um ritmo, um pulsar?

Sinta as batidas do coração, ouça o ritmo da vida sempre pulsando dentro de nós, observe os ponteiros de um relógio, sinta o movimento do vento, aprecie um nascer ou um pôr-do-sol, contemple as estrelas, sinta o exalar das plantas... Tudo está em harmonia, é o ritmo da vida!

E o nosso ritmo, como está? Será que estamos nos esquecendo de viver o momento mais precioso que a vida nos oferece? Momento este que a todo instante se torna parte do passado para que, pouco a pouco, vá se somando à nossa coleção de lembranças. Estamos falando do “presente”, o agora, nosso hoje. O próprio nome não poderia ter melhor definição: “PRESENTE”. E realmente é um presente que a vida nos oferece, mas que, infelizmente, estamos ocupados e apressados demais para abri-lo e vivê-lo.

É no presente que devemos viver, porque é somente (4) aqui que iremos realmente aprender, é somente assim que iremos sentir a vida. O que estamos esperando, então?! A situação melhorar? Boa desculpa! Enquanto isso, a vida vai continuar e tudo à nossa volta vai mudar, pois tudo evolui, tudo está em constante (5) progresso. 

Já atingimos por mérito a classe dos “Seres Racionais”, mas muitas vezes agimos na irracionalidade. Somos dotados da capacidade de (6)escolha e a vida está nos convidando para participar de uma linda festa, a qual cabe a nós aceitarmos ou não.

Existem aquelas afirmações que dizem: “na minha época tudo era diferente, por isso éramos mais felizes!” Engraçado, achei que nossa época fosse o agora, já que estamos em constante evolução. A não ser que estejamos vivendo de passado e, mais cedo ou mais tarde, seremos sufocados por ele.

Confie... Vamos viver!

Respire mais... É de graça!

Agradeça... (7)

Agradecer é uma dádiva e nos conecta com Deus e com a Vida!

Lembrem-se: nós nos tornamos aquilo que julgamos ser.

Agora acho que já podemos refletir melhor... Como estamos lidando com nosso molde de Vida?


          José Antonio da Cruz


                                                             PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 19 de Abril de 2011, 10:16
                                     VIVA JESUS!


         Bom-dia! queridos irmãos.

                Aprendendo com André Luiz: 30 Ensinamentos sobre
a Vida Espiritual
 

O extraordinário autor espiritual André Luiz fornece muitas informações valiosas que ilustram, reforçam e desdobram os conceitos imorredouros estabelecidos pela falange de “O Espírito da Verdade”, através da Codificação do grande mestre lionês, Allan Kardec. Dentre os diversos campos que recebem valiosas contribuições de André Luiz, a compreensão sobre a Vida Espiritual, em suas diversas manifestações, e suas implicações sobre os indivíduos encarnados constitui um dos tópicos marcantes. De fato, o Benfeitor Espiritual Emmanuel, ao prefaciar a obra “Nosso Lar” tem ocasião de afirmar “... de há muito desejamos trazer ao nosso círculo espiritual alguém que possa transmitir a outrem o valor da experiência própria, com todos os detalhes possíveis à legítima compreensão da ordem que preside o esforço dos desencarnados laboriosos e bem-intencionados nas esferas invisíveis ao olhar humano, embora intimamente ligadas ao planeta...”.

A seguir, é compilada uma breve e singela seleção de informações extraídas da Série “A Vida No Mundo Espiritual”, apresentando a citação de pelo menos uma obra que aborda o tópico com significativa ênfase. Tal síntese representa um estudo preliminar e, principalmente, uma ferramenta motivacional para que todos nós aprofundemos a leitura e o estudo do estupendo conteúdo legado por André Luiz através da mediunidade inolvidável de Francisco Cândido Xavier.

1)    As habilidades e conquistas específicas dos Mentores Espirituais variam muito de Espírito para Espírito. Porém, há uma unanimidade. Não existe Mentor Espiritual que não trabalhe muito e não existe evolução sem trabalho. Tal inferência remete-nos à frase que André Luiz utiliza para representar toda a obra “Nosso Lar”, a qual se encontra exarada na folha de rosto do referido livro: “Quando o Servidor está pronto, o serviço aparece”, que é uma espécie de paráfrase do conhecido ensino oriental “Quando o discípulo está pronto, o Mestre aparece”. Vale lembrar-se de “O Livro dos Espíritos”: “Trabalho é toda ocupação útil”. (NOSSO LAR.)

2)     Não conseguimos fingir evolução espiritual quando estivermos na erraticidade, pois nossos pensamentos são detectados com facilidade pelos mentores espirituais. Várias vezes André Luiz pensa enunciar uma interrogação e os mentores respondem sem que ele pronuncie quaisquer palavras, evidenciando que eles liam os pensamentos de André com muita facilidade. Ademais, a vibração espiritual emitida pelo indivíduo em desequilíbrio espiritual é facilmente detectada por Espíritos que estiverem um pouco mais equilibrados. (NOSSO LAR; OS MENSAGEIROS; NOS DOMÍNIOS DA MEDIUNIDADE; E A VIDA CONTINUA...)

3)    As barreiras fluídico-magnéticas são uma realidade em todos os ambientes, e é sempre mais fácil para o Espírito mais evoluído atingir a esfera de atuação do Espírito mais atrasado do que o contrário. Isto ocorre porque as barreiras atuam sobre determinada faixa de densidade perispiritual, sendo que o Espírito que se encontra em nível mais quintessenciado de manifestação de seu envoltório perispiritual passa ileso a essa possibilidade de sobrechoques magnéticos. (NOSSO LAR; OS MENSAGEIROS; MISSIONÁRIOS DA LUZ; OBREIROS DA VIDA ETERNA; NO MUNDO MAIOR.)

4)    Os títulos das personalidades terrestres não representam nossa condição real, pois nem sempre fazemos jus ao que, a priori, deveriam ser as habilidades e os conhecimentos pressupostamente requisitados de alguém que apresente algum título profissional, religioso ou científico. De fato, em algumas situações, muitas vezes nem mesmo o nome ou a forma espiritual utilizados pelo Espírito na última experiência terrestre pode ou deve ser empregado em tarefas no mundo espiritual e em seu intercâmbio com a Crosta terrestre. Fato semelhante aconteceu com o próprio autor de “Nosso Lar”, que não revelou seu verdadeiro nome, preferindo o pseudônimo “André Luiz”. (NOSSO LAR.)

5)    Se não pudermos evitar totalmente as manifestações de viciações e os eventuais fracassos espirituais, tentemos diminuir suas ocorrências, pois a minimização das quedas morais já representa significativa evolução espiritual. Autocontrole, disciplina e conduta física e verbal são passos importantes para a verdadeira conquista da elevação mental e emocional. (SEXO E DESTINO.)

6)    Todas as habilidades conquistadas e experiências úteis verdadeiramente apreendidas durante a vida material, inclusive as profissionais e familiares, são aproveitadas no Mundo Espiritual, constituindo alicerce para nossa matrícula em novos cursos de crescimento espiritual, os quais são abundantes em colônias espirituais como “Nosso Lar”. (NOSSO LAR; OS MENSAGEIROS.)

7)    Aprender a identificar suas próprias mazelas, hábito pouco empreendido no mundo físico, é processo muito frequente nas Colônias Espirituais como “Nosso Lar”. Tal metodologia seria eficaz para evitarmos novas quedas associadas a essas deficiências. Vários Espíritos desencarnados em processo de regeneração narram e comentam suas experiências dolorosas reavaliando os caminhos percorridos e solidificando o amadurecimento espiritual obtido a fim de evitar quedas similares em futuras experiências. (OS MENSAGEIROS; AÇÃO E REAÇÃO.)

8)    O bom aproveitamento das horas de sono físico é fator decisivo para o nosso bem-estar espiritual durante as horas de vigília, funcionando como oportunidade de contato com Mentores Espirituais, para os indivíduos que conseguem vencer as fixações negativas, tais como a sensualidade, o medo, a culpa, entre outras. Vale lembrar o comentário do Codificador em “A Gênese”, quando o mestre francês reitera o valor do ditado popular, “A noite é boa conselheira”, em função de muitas vezes recebermos intuições concretas de nossos guias espirituais sobre como proceder em nosso dia-a-dia. (MISSIONÁRIOS DA LUZ; AÇÃO E REAÇÃO.)

9)    A intercessão espiritual de amigos e mentores é uma realidade constante no Mundo espiritual. Isto ocorre porque a Lei Universal é, antes de qualquer coisa, uma Lei de Amor. Desta forma, a conquista legítima de simpatia por meio da prática do bem é sempre fonte de colaboração e apoio em diversos contextos. (NOSSO LAR; MISSIONÁRIOS DA LUZ.)

10)                 O conhecimento e a vivência do Evangelho, da Psicologia e do Magnetismo físico-perispiritual são imprescindíveis para a prática da Medicina no Mundo Espiritual. (NOSSO LAR; OS MENSAGEIROS; LIBERTAÇÃO; EVOLUÇÃO EM DOIS MUNDOS.)

11)                       O planejamento reencarnatório para Espíritos minimamente conscientes é extremamente elaborado para que as chances de crescimento espiritual com segurança sejam as maiores possíveis em relação à condição espiritual prévia à futura experiência física. Para Espíritos mais grosseiros espiritualmente, no entanto, o planejamento é mais simplificado, em função das limitações espirituais do reencarnante. Quanto mais evoluído, mais complexas e amplas são as futuras tarefas e, por conseguinte, mais complexos e trabalhosos são os esforços dos mentores em relação ao planejamento da futura reencarnação. (NOSSO LAR; MISSIONÁRIOS DA LUZ; SEXO E DESTINO.)

12)                       Nossos pequenos gestos de benemerência são integral e rigorosamente considerados em avaliações a respeito de nosso aproveitamento, nossos méritos e, consequentemente, nossas novas oportunidades evolutivas. (NOSSO LAR; AÇÃO E REAÇÃO.)

13)                       O suicídio indireto ou inconsciente atinge grande número de criaturas atualmente, impedindo grandes oportunidades evolutivas. (NOSSO LAR.)

14)                       Raros Espíritos encarnados aproveitam bem as horas de sono físico. Para Espíritos encarnados de evolução mediana é comum dar vazão a experiências variadas, com destaque para aquelas de natureza sexual, durante as horas de sono físico através do desprendimento parcial do corpo físico através do veículo perispiritual. Durante a vigília, os escrúpulos morais seriam maiores e o autocontrole mais eficaz, mas, durante o sono físico, o despreparo espiritual prevaleceria para um grande número de indivíduos, e, apesar de muitos já possuírem informações substanciais sobre a realidade espiritual, a invigilância ainda prevaleceria, em significativa percentagem de criaturas. (MISSIONÁRIOS DA LUZ.)

            Leonardo Marmo Moreira                      ( continua )


                                                           PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 19 de Abril de 2011, 10:19
                                      VIVA JESUS!


           Bom-dia! queridos irmãos.


                  15)                       A hierarquia espiritual nas colônias espirituais como “Nosso Lar” é bem rigorosa, inclusive com classificação de condições específicas e tarefas, como é o caso dos chamados “Assistentes”, “Instrutores” bem como “Ministros” e “Governadores”. Vale adir que até mesmo para assistir a determinadas conferências, os potenciais assistentes deveriam apresentar os pré-requisitos mínimos para que suas respectivas presenças fossem aceitas. No caso de perguntas para o debate fraterno de ideias, comum no fim de palestras, o rigor seria ainda maior, somente sendo permitido para Espíritos que já tivessem o mínimo de crédito e experiência espiritual na área de estudo abordada na respectiva preleção. (NOSSO LAR.)

16)                       Tanto nas artes como nas Ciências, grande número de trabalhos originais encontra-se, em realidade, no Mundo Espiritual, e não na Crosta terrestre, sendo que, frequentemente, os chamados autores originais da inovação no mundo físico estão apenas transmitindo as intuições que recebem da esfera espiritual. Isto ajuda a explicar o fato de muitas vezes uma descoberta e invenção ser proposta simultaneamente em várias partes do mundo físico, pois diferentes “intermediários” poderiam transmitir as informações quando nossos mentores consideram que determinado avanço está no momento propício para ser alcançado. Obviamente, esta realidade não retira o mérito do autor físico do trabalho, pois para decodificar a “inspiração” ele deverá apresentar os pré-requisitos intelectos solicitados pela área em questão. De qualquer maneira, a “inspiração artística” ou “científica” amiúde não se trata de figura de linguagem, tratando-se, de fato, de uma “inspiração espiritual”. Portanto, muitos trabalhos são elaborados por meio de uma espécie de “mediunidade intuitiva”, e, em alguns casos, de uma mediunidade realmente “ostensiva”, mesmo que o “médium” em questão desconheça o fenômeno, não se dando conta do processo espiritual do qual faz parte. Infelizmente, tal desconhecimento é muito comum em função das parcas noções espirituais, do medo ou dos preconceitos que vicejam, sobretudo em certos meios da chamada “intelectualidade”, em relação a questões relacionadas à Espiritualidade. (OS MENSAGEIROS.)

17)                       Toda prece, sem exceção, é atendida. O que varia é o tipo de resposta, que dependerá da maturidade da rogativa, condição espiritual do indivíduo que eleva seu pensamento através da oração, mérito espiritual estabelecido por suas obras no bem e repercussão da rogativa para outras pessoas. (MISSIONÁRIOS DA LUZ; ENTRE A TERRA E O CÉU.)

18)                       Quanto maior o crédito adquirido pelo médium em função de sua obra no bem, mais efetiva e “próxima” torna-se a proteção de seu mentor espiritual, em função do merecimento espiritual alcançado em concordância com a Lei de Causa e Efeito. (NOS DOMÍNIOS DA MEDIUNIDADE.)

19)                       No trabalho de assistência a Espíritos sofredores somente indivíduos realmente muito equilibrados conseguem excursionar por regiões do “baixo” umbral, sem se desequilibrarem espiritualmente. (NO MUNDO MAIOR.) De fato, mesmo Espíritos já previamente socorridos em uma determinada colônia espiritual de regeneração podem voltar para o umbral se forem indisciplinados mental e emocionalmente, pois o livre-arbítrio é base da Lei de Deus. (E A VIDA CONTINUA...)

20)                       A irradiação de cada um adquire características específicas relacionadas à evolução espiritual daquela entidade que esteja irradiando. Aquilo que é conhecido no plano físico como “aura” é uma realidade, sendo que o brilho, o esplendor, a cor e essa intensidade dependem da evolução espiritual de cada ser. (OS MENSAGEIROS; MECANISMOS DA MEDIUNIDADE.)

21)                       Existe mediunidade não só no mundo físico, mas também no Mundo Espiritual. De fato, mentores espirituais provenientes de esferas elevadíssimas possuem perispíritos extremamente “rarefeitos”, a ponto de necessitarem, muitas vezes, de médiuns em colônias de evolução intermediária para levarem suas mensagens a estes locais. (LIBERTAÇÃO.)

22)                       Muitas vezes os mentores espirituais atuam em regiões inferiores “disfarçados”, ou seja, sem revelarem sua verdadeira condição de Espíritos evoluídos, pelo menos, em um primeiro momento, pois, do contrário, não seriam aceitos pelos Espíritos a quem desejam ajudar. (AÇÃO E REAÇÃO; LIBERTAÇÃO.)

23)                       A forma perispiritual que utilizamos no Mundo Espiritual, pelo menos em colônias mais próximas à Terra, como é o caso de “Nosso Lar”, corresponde quase que exatamente ao envoltório perispiritual que quando encarnados empregamos, guardando, portanto, extraordinária semelhança com o corpo físico, exceto devido a pequenas alterações no aparelho gastrintestinal e no aparelho sexual. (EVOLUÇÃO EM DOIS MUNDOS.)

24)                       O Perispírito apresenta várias “camadas” ou várias estruturas de manifestação, sendo que, no momento do sono do corpo perispiritual, o Espírito pode se desdobrar em seu corpo mental para regiões diferenciadas, como aconteceu com o próprio André Luiz quando ele dormiu e sonhou com a sua mãe, estando habitando a colônia “Nosso Lar”. (NOSSO LAR.)

25)                       No Mundo Espiritual próximo à Terra, as colônias apresentam significativa semelhanças com relação à vida na Crosta terrestre. Apesar de todos que habitam a Cidade Espiritual de “Nosso Lar”, por exemplo, poderem desfrutar de condições mínimas de vida, independentemente do que realizarem em termos de trabalho no bem, somente aqueles que são mais efetivos ganham direito a adquirirem determinadas oportunidades. Para que a avaliação da produção no trabalho do bem não seja constrangedora e aparentemente subjetiva, sobretudo para os Espíritos mais imaturos, os mentores espirituais evitam critérios que poderiam parecer injustos (o que não seria verdade) aos olhos menos aptos, o que, por sua vez, poderia forçar os guias espirituais a expor drasticamente as causas morais de determinado indeferimento de solicitação ou de restrição no oferecimento de certas oportunidades evolutivas. Assim sendo, “Nosso Lar” faz uso do chamado “bônus-hora”, que, grosseiramente, poderia ser comparado ao dinheiro da vida física ou, pelo menos, a uma espécie de carta de crédito ou curriculum vitae, em função de serviços prestados. (NOSSO LAR; OS MENSAGEIROS.)

26)                       Mesmo no umbral, estamos sempre sendo amparados pela Providência Divina, dentro dos limites que nós mesmos permitimos no que se refere ao recebimento do amparo espiritual, o qual requer sintonia psíquica com os protetores. Mentores visitam os Espíritos umbralinos, auxiliando espiritualmente e tentando despertar as consciências para uma proposta superior de existência. Entretanto, para alguém cujas vibrações mentais estejam muito arraigadas nas viciações materiais, o despertamento espiritual pode não ser trivial, pois o indivíduo teria que romper com a vibração ambiente, realmente superando o padrão vibratório em que se encontra envolvido, desprendendo-se do comportamento e das peculiaridades dos seres que habitam a mesma região espiritual. (NOSSO LAR; OS MENSAGEIROS. OBREIROS DA VIDA ETERNA; NO MUNDO MAIOR.)

27)                       Existem regiões piores do que o Umbral, as quais André Luiz denomina “Trevas”. De fato, os degraus dos níveis evolutivos são incontáveis no mundo espiritual, em função da evidência concreta das barreiras magnéticas (também chamadas barreiras vibratórias) entre as várias faixas evolutivas. Logo, as regiões de sofrimento bem como as regiões mais elevadas variam extraordinariamente em suas manifestações e intensidades de atitudes morais positivas ou negativas. (NOSSO LAR.)

28)                       A evolução moral realmente prevalece em relação à evolução intelectual no que se refere à prioridade de resgate espiritual de regiões umbralinas. Isto ocorre porque é mais fácil e produtiva a convivência com alguém humilde, de boa vontade, mesmo que ignorante, do que com um indivíduo intelectualizado, porém orgulhoso, ressentido e agressivo, pois tal Espírito, enquanto não se elevar moralmente, tende a ser instrumento de rebeldia e perturbação para a colônia espiritual onde seria socorrido. Ou seja, ele não aproveitaria significativamente a inserção na colônia e ainda prejudicaria o ambiente de trabalho e a boa vontade dos habitantes da referida colônia espiritual. (NO MUNDO MAIOR.)

29)                       Além do corpo mental, André Luiz relata a relevância, principalmente para os seres encarnados, do chamado “duplo etérico” ou “corpo vital”, o qual atua como fonte de energia e elo entre o Perispírito propriamente dito e o corpo físico. O fluido vital que o compõe, quando exteriorizado, é conhecido como ectoplasma (NOS DOMÍNIOS DA MEDIUNIDADE.)

30)                       Centros vitais ou centros de força (também conhecidos como chacras pelos orientalistas) são fulcros energéticos que são inter-relacionados. Tais centros funcionam como pontos de interação e ligação entre os diferentes “corpos”, desde o corpo físico, para o indivíduo encarnado, até o corpo mental para os desencarnados. A compreensão da atuação destes centros é fundamental para o entendimento das conhecidas “curas espirituais”, que seriam mais propriamente denominadas “curas perispirituais”, uma vez que cura espiritual, a rigor, seria a transformação intelecto-moral para melhor de cada um de nós. (EVOLUÇÃO EM DOIS MUNDOS.)

             Leonardo Marmo Moreira


                                                                 PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Rose FRA em 19 de Abril de 2011, 10:29
Bom Dia, Queridos Amigos de Forum e de Jornada,

Aqui deixo um texto para nos animar o dia e comecarmos nossa jornada diaria com palavras que somem na nossa evolucao.

Com carinho,
Rose


PREVENÇÕES

No capítulo dos sofrimentos voluntários, se somássemos os problemas, conflitos, obstáculos e tribulações decorrentes da prevenção que alimentamos habitualmente contra aquilo que os nossos irmãos estejam pensando ou poderiam pensar, decerto que chegaríamos a conclusões espantosas acerca de aflição desnecessária e tempo perdido

Oponhamos o bem ao mal e deixemos aos outros a faculdade de serem eles mesmos.

Esse amigo ter-nos-á omitido o nome para determinada manifestação de alegria...

Outro companheiro nos haverá negado a saudação que lhe endereçamos com frase amistosa...

Pessoa querida passou indiferentemente por nós com o semblante carregado de preocupação ou azedume...

Certo colega terá erguido demasiadamente a voz, ferindo-os a sensibilidade, por bagatelas...

E caímos nos excessos de imaginação, fantasiando ofensas que não existem.

Aprendamos a considerar quem tanto quanto nos acontece, os outros também podem sofrer lapsos da memória, contrariedades imanifestas, inquietações e doenças.

E lembremo-nos: toda vez que descambamos para semelhantes desequilíbrios, somos igualmente capazes de esquecer ou ferir, sem participação de nossa vontade.

Evitemos a prevenção no cotidiano, a fim de que a nossa vida encontre o máximo de rendimento no bem.

Confiança em Deus.
Consciência tranqüila.
Dever cumprido.
Trabalho à frente.

E, fazendo todo o bem que se nos faça possível, por todos os modos justos, em todas as ocasiões, com todos os recursos ao nosso alcance e para com todas as criaturas, nunca nos previnamos contra quem quer que seja, porque os pensamentos dos outros pertencem a eles e não a nós.

pelo Espírito Emmanuel- Do livro: Rumo Certo, Médium: Francisco Cândido Xavier
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 20 de Abril de 2011, 11:41
                                      VIVA JESUS!


      Bom-dia! queridos irmãos.

             Depois da morte do corpo



A frase amiga que houvermos proferido no estímulo ao bem será um trecho harmonioso do cântico de nossa felicidade.

A opinião caridosa que formulamos acerca dos outros converter-se-à em recurso de benignidade da Justiça Divina, no exame de nossos erros.

O pensamento de fraternidade e compreensão com que nos recordamos do próximo transformar-se-á em fator de nosso equilíbrio.

O gesto de auxílio aos irmãos de nosso caminho oferecer-nos-à farta colheita de alegria.




Mas, igualmente, além do túmulo:




A maledicência que partiu de nossa boca será espinheiro a provocar-nos dilacerações de ordem mental.

A nossa indiferença para com as amarguras do próximo nos aparecerá por geada desoladora.

A nossa preguiça surgirá por gerador de inércia.

A nossa possível crueldade exibirá, na tela de nossas consciências, a constante repetição dos quadros deploráveis de nossos delitos e de nossas vítimas, compelindo-nos à demora em escuras paisagens purgatoriais.




* * *



A morte é o retrato da vida.

A verdade revelará na chapa do teu próprio destino as imagens que estiveres criando, sustentando e movimentando no campo da existência.

Se desejas alegria e tranquilidade, além das fronteiras de cinza do sepulcro, semeia, enquanto é tempo, a luz e a sabedoria que pretendes recolher, nas sendas da ascensão espiritual.

Hoje - plantação, segundo a nossa vontade.
Amanhã - seara, conforme a Lei.

Se agora cultivamos a treva, decerto encontraremos, depois, a resposta respectiva.

Se, porém, semearmos o amor e a simpatia onde nos encontrarmos, indiscutivelmente, mais tarde, penetraremos a luz e a beleza da imortalidade vitoriosa.




Emmanuel
(Do livro “Plantão de Paz” - Chico Xavier)




                                                              PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Carmen.gbi em 20 de Abril de 2011, 12:47


Bom dia!



AS 7 VERDADES DO BAMBU
(Pe. Léo)
   
  Depois de uma grande tempestade, o menino que estava passando férias na casa do seu avô, o chamou para a varanda e falou:
 Vovô corre aqui! Explica-me como essa figueira, árvore frondosa e imensa, que precisava de quatro homens para balançar seu tronco se quebrou, caiu com o vento e com a chuva… este bambu é tão fraco e continua de pé?
 Filho, o bambu permanece em pé porque teve a humildade de se curvar na hora da tempestade. A figueira quis enfrentar o vento. O bambu nos ensina sete coisas. Se você tiver a grandeza e a humildade dele, vai experimentar o triunfo da paz em seu coração.
 A primeira verdade que o bambu nos ensina, e a mais importante, é a humildade diante dos problemas, das dificuldades. Eu não me curvo diante do problema e da dificuldade, mas diante daquele, o único, o princípio da paz, aquele que me chama, que é o Senhor.

 Segunda verdade: o bambu cria raízes profundas. É muito difícil arrancar um bambu, pois o que ele tem para cima ele tem para baixo também. Você precisa aprofundar a cada dia suas raízes em Deus na oração.

 Terceira verdade: Você já viu um pé de bambu sozinho? Apenas quando é novo, mas antes de crescer ele permite que nasça outros a seu lado (como no cooperativismo). Sabe que vai precisar deles. Eles estão sempre grudados uns nos outros, tanto que de longe parecem com uma árvore. Às vezes tentamos arrancar um bambu lá de dentro, cortamos e não conseguimos. Os animais mais frágeis vivem em bandos, para que desse modo se livrem dos predadores.

 A quarta verdade que o bambu nos ensina é não criar galhos. Como tem a meta no alto e vive em moita, comunidade, o bambu não se permite criar galhos. Nós perdemos muito tempo na vida tentando proteger nossos galhos, coisas insignificantes que damos um valor inestimável. Para ganhar, é preciso perder tudo aquilo que nos impede de subirmos suavemente.

 A quinta verdade é que o bambu é cheio de “nós” (e não de eu’s). Como ele é oco, sabe que se crescesse sem nós seria muito fraco. Os nós são os problemas e as dificuldades que superamos. Os nós são as pessoas que nos ajudam, aqueles que estão próximos e acabam sendo força nos momentos difíceis. Não devemos pedir a Deus que nos afaste dos problemas e dos sofrimentos. Eles são nossos melhores professores, se soubermos aprender com eles.

 A sexta verdade é que o bambu é oco, vazio de si mesmo. Enquanto não nos esvaziarmos de tudo aquilo que nos preenche, que rouba nosso tempo, que tira nossa paz, não seremos felizes. Ser oco significa estar pronto para ser cheio do Espírito Santo.
Por fim, a sétima lição que o bambu nos dá é exatamente o título do livro: ele só cresce para o alto. Ele busca as coisas do Alto. Essa é a sua meta.

SEJA COMO O BAMBU... Ele verga mais não quebra...
   

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 21 de Abril de 2011, 11:54
                                   VIVA JESUS!


           Bom-dia! queridos irmãos.

                  Vivência existencial
 

Ao renascermos, somos pequeninos e desajeitados. Sem o auxílio do outro, ficamos à mercê da provável extinção das forças físicas.

Embora Espíritos milenares, renascemos em condição de aprendizes de todo tipo de condição humana, dentro de um momento histórico, em torno de uma rede social, nossa família de base, e vinculada a nós pelas experiências anteriores.

O que sei ao voltar a um corpinho de matéria densa como o organismo terreno?

Começamos uma nova caminhada, diante de desafios e incertezas, expectativas e esperanças, tendências e probabilidades, velhos e novos aprendizados, de acordo com nossas potencialidades, possibilidades, necessidades e força de vontade.

No campo dos sentimentos, somos ainda sementinhas.

Os primeiros toques, dos pais e cuidadores, além de transmitirem uma energia muito gostosa e sutil, vêm carregados de gestos, de toques e olhares, que serão as nossas primeiras diretrizes, na condição de encarnados, as primeiras lições da alma de volta ao estágio terreno.

Você já reparou como são atentos os olhinhos das crianças, que nada perdem, nada deixam passar em branco, querendo tudo aprender? O sorriso expressando alegria, lágrimas, que podem ser de dor, cansaço ou teimosia. Carinha feia pode ser um não. Carinha feliz, barriga cheia.

Existem tantas possibilidades de aprender a sentir, a se manifestar.

Daí a importância de sermos mais do que reprodutores de crenças, valores e atos. Temos de ensinar, educar nossos semelhantes.

É possível mudar a si mesmo. Um condicionamento adquirido pode ser modificado por um novo aprendizado, desde que haja motivação para tanto.

Motivação: ação que me motiva. Qual é a sua?

Repare que estamos falando de autoconhecimento, da relação com o outro, de dar e receber, da manifestação de existir. Conhecer a si mesmo, sendo-aí-no-mundo-com-o-outro. Coexistir, para autodescobrir.

Lembremos da máxima de nosso querido Mestre Jesus: “Ama ao próximo como a ti mesmo e a Deus sobre todas as coisas”.

Ama, amar – ação de desenvolvimento do amor. Não está pronto nem acabado, não existe fórmula perfeita ou única, é um verbo que transmite o movimento constante da habilidade de amar.

O amor pode ter várias formas de se expressar, mas o verbo fala de uma ação que envolve sempre um ou mais sujeitos. Nós, eu, você, eles, todos, quem sabe? Próximo, posso ser eu, pode ser você, pode ser a natureza. Todos e qualquer um pode ser o seu próximo. Jesus não nomeou nada nem ninguém em especial.

Amar o próximo – movimento de transcender ao outro, de se abrir ao outro, de sentir o outro e de possibilitar o outro a nos sentir.

O outro é um mundo à parte de você e, ao mesmo tempo, em diálogo com você. Mesmo que o outro conviva ao seu lado, é alguém diferente, alguém que, muitas vezes, interpretou e interpreta sons, gestos e sentimentos de forma diferente da sua, mas que está em movimento, tanto quanto você.

É preciso compreender. Compreender toda a energia que pulsa vida, que poderemos nomear Deus, Criador, Senhor, Amor.

Compreender que tudo e todos estão revestidos dessa energia-possibilidade que só conhecemos por meio da convivência.

Viver – relacionar-se com o mundo, mundo que é sentido, para conhecer. Conhecimento de si, conhecimento do outro. Momento de diálogo, que traz o germe do aprendizado de habilidades necessárias para evoluir.

Nomes variados atribuímos ao montante de sentimentos, emoções, pensamentos e energias que precisamos combinar para organizar nossa vida como seres.

Importante se reconhecer em tudo isso.

Mais que olhar só para fora, aprenda a olhar, também, para dentro de si.

A comunhão do ser está na possibilidade de diálogo entre o velho e o novo, entre o hoje e o amanhã, entre o que sei do amor e o que vou aprender com o amor e sobre amar.

A comunhão do ser consigo mesmo atravessa a relação tríade eu-tu-eterno. Você-próximo-Deus.

              Fernanda Leite Bião


                                                          PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Carmen.gbi em 22 de Abril de 2011, 23:41



Boa noite!


Sê cordato sempre.
 
É melhor perderes algo numa disputa, do que te engalfinhares numa luta mais prejudicial, que te trará danos maiores.
 
Não se trata de ter medo, porém de possuir sabedoria.
 
O homem pacífico é feliz, e as quinquilharias não o podem perturbar.
 
O problema é de eleição. Que será melhor: ganhar uma altercação, para não ser ignorante ou bobo, ou perdê-la, sendo prudente e sábio?
 
A cordura sempre vence. 0 que não logra exteriormente, consegue em paz interna.

Joanna de Ângelis
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 26 de Abril de 2011, 01:50



(http://i39.photobucket.com/albums/e167/miazinha_26/fadas/ThumpBlue.jpg)



Boa noite queridos amigos!


Conquistas


O Homem comum satisfaz-se com os fenômenos fisiológicos e os prazeres que exaurem os
sentidos, sem qualquer benefício para a emoção.
Todos os seus planos e aspirações giram em torno de lucros que lhe propiciem as metas imediatas do gozo, da sensualidade.
Gozo alimentar e posse sensual; gozo no sono e sensualidade na ambição; gozo na comodidade e sensualismo na mente.
O seu intelecto se volta para o utilitarismo e o seu sentimento para a sensação.
O crescimento que anela é horizontal, de superfície, encontrando dificuldade para a verticalização da vida, a ascese.
*
O homem que desperta para as experiências libertárias, emerge dos sentidos opressores e ala-se.
O conhecimento torna-se-lhe uma bússola e um roteiro, enquanto o sentimento o propele à
conquista das distâncias.
O prazer instala-se-lhe nas áreas profundas do ser através das sucessivas aquisições da renúncia, da abnegação, da identificação dos valores reais, em detrimento das inquietações provenientes dos desejos insatisfeitos.
Verticaliza a conduta e comanda o pensamento, sem vazios, físicos ou mentais, para os conflitos
que envilecem, atormentando o coração.
Os seus, são os triunfos sobre os próprios limites.
*
O homem comum vê, ouve e vive conforme se apraz.
Os acontecimentos são enfocados de acordo com as lentes dos seus interesses pessoais.
Tudo faz para fruir sempre, desfrutando do maior quinhão.
O seu humor é instável, porque governado pela força da paixão egoísta.
A sua fé é acomodada, por supor que ganhará a Vida utilizando os métodos escusos em que tem posto a existência.
*
O homem lúcido entende a finalidade para a qual foi criado por Deus e vê, ouve e vive obedecendo aos padrões exarados pelas Leis que regem a Vida.
Proporciona os meios para que os fenômenos aconteçam — efeitos naturais das suas ações postas a serviço dos programas divinos.
É estável, porque sabe que somente lhe acontece o que se lhe torna de melhor, daí retirando a boa parte, aquela que o ajuda em qualquer ocorrência.
Crê e ama sem receio, porque a sua é uma vida fecunda.
O homem comum vive embriagado ou aturdido, ansioso ou desiludido.
O homem consciente movimenta-se em paz.
Pilatos, na horizontal do poder, lavou as mãos quanto ao destino do Justo.
Jesus, na vertical da verdade, sem nenhuma queixa submeteu-se. Erguendo-se na cruz, permanece como exemplo fecundo de união com Deus, na conquista total da Vida.


Do livro Momentos de meditação. Autora: Joanna de Angelis.
Psicografia de Divaldo Franco
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 26 de Abril de 2011, 02:09
               Queridos amigos, sejam bem-vindos..

(http://img1.recadosonline.com/121/130.gif) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZG9zLWVzcGVjaWFpcy5jb20=)

 Belos gifs de Boa Noite em um s&oacute; lugar. Clique aqui! (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZG9zLWVzcGVjaWFpcy5jb20=)




A vida é escola. A promoção é certa, mas depende da auto-evolução.

A vida é permanente, a oportunidade se repete, a lição se dearticula, mas o tempo de hoje não mais voltará.

A vida é sempre o resultado de nossa própria escolha.

A vida é um hino de louvor a Deus, um poema de beleza, convite perene à gratidão.

A vida é uma escola. Por mais difícil o processo educativo a que nos vejamos submetidos, saibamos valorizar o tempo, agradecendo e trabalhando ao invés de reclamar ou ferir.

A vida em nome de Deus, nos oferece as possibilidades; a escolha é nossa.

A vida feliz é construída na consciência tranqüila com a bênção do amor.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 28 de Abril de 2011, 20:39
                                          VIVA JESUS!


     Boa-tarde! queridos irmãos.

           Executar bem

“E ele lhes disse: “Não peçais mais do que o que vos está
ordenado.” – João Batista. (LUCAS, 3:13.)

A advertência de João Batista à massa inquieta é dos avisos mais preciosos do Evangelho.

A ansiedade é inimiga do trabalho frutuoso.

A precipitação determina desordens e recapitulações conseqüentes.

Toda atividade edificante reclama entendimento.

A palavra do Precursor não visa anular a iniciativa ou diminuir a responsabilidade, mas recomenda espírito de precisão e execução nos compromissos assumidos.

As realizações prematuras ocasionam grandes desperdícios de energia e atritos inúteis.

Nos círculos evangélicos da atualidade, o conselho de João Batista deve ser especialmente lembrado.

Quantos pedem novas mensagens espirituais, sem haver atendido a sagradas recomendações das mensagens velhas? Quantos aprendizes aflitos por transmitir a verdade ao povo, sem haver cumprido ainda a menor parcela de responsabilidades para com o lar que formaram no mundo? Exigem revelações, emoções e novidades inalienáveis desafiando o espírito eterno.

O programa individual de trabalho da alma, no aprimoramento de si mesma, na condição de encarnada ou desencarnada, é lei soberana.

Inútil enganar o homem a si mesmo com belas palavras, sem lhes aderir intimamente, ou recolher-se à proteção de terceiros, na esfera da carne ou nos círculos espirituais que lhe são próximos.

De qualquer modo, haverá na experiência de cada um de nós a ordenação do Criador e o serviço da criatura.

Não basta multiplicar as promessas ou pedir variadas tarefas ao mesmo tempo. Antes de tudo, é indispensável receber a ordenação do Senhor, cada dia, e executá-la do melhor modo.


Mensagem psicografada por Francisco Cândido Xavier, constante do livro Vinha de Luz, de 1951, publicado pelo Federação Espírita Brasileira.
 


                                                               PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 29 de Abril de 2011, 10:27
                                    VIVA JESUS!


      Bom-dia! queridos irmãos.

             Lições fundamentais à
educação da criança

A criança que não aprende quais são seus limites em casa não os terá fora dele.

Os primeiros anos de vida são fundamentais para ela aprender o que é o mundo, o que é a vida.

Compete aos pais ensinar isso a ela, sabendo dizer “não” quando necessário e estabelecendo, dessa forma, limites.

Os pais devem, ainda, ensinar noções de justiça e de igualdade à criança e dar visibilidade ao amor que sentem por ela.

Essas são, de forma resumida, segundo a educadora Tânia Zagury, tarefas fundamentais no processo de educação da criança.

A conhecida escritora e filósofa expôs essas idéias por ocasião da palestra “Limites sem trauma” que proferiu no 6o Congresso Nacional Amor Exigente, realizado algum tempo atrás na cidade de Londrina (PR).

Não é muito diferente disso a proposta espírita com relação à educação da criança, cujo período mais propício é justamente a infância, quando se torna possível – afirma o Espiritismo – reprimir suas tendências negativas trazidas do passado e reformar seu caráter.

Emmanuel, em conhecida lição acerca da importância da infância para a tarefa de educação que Deus conferiu aos pais, escreveu: “A juventude pode ser comparada a esperançosa saída de um barco para importante viagem. A velhice será a chegada ao porto. A infância é a preparação”.

Santo Agostinho (Espírito), em importante lição que integra o cap. 14 d´O Evangelho segundo o Espiritismo, de Kardec, afirma que os pais deveriam agir como o bom jardineiro, que não deixa jamais faltar água e carinho às plantas de que cuida e, no entanto, sabe arrancar os brotos daninhos à medida que os vê aparecerem na árvore.
 
                  Editorial-O Consolador



                                                                 PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma - De ânimo forte!
Enviado por: Rose FRA em 02 de Maio de 2011, 16:37
Amigos, vamos elevando nossos pensamentos para ficarmos todos os dias mais perto do nosso Pai que estas nos céus....
Aqui vai uma mensagem de ânimo  -  Livro: Vinha de Luz - Chico Xavier - por Emmanuel.

Que a paz de Jesus esteja conosco, hoje e sempre!!

com carinho,

Rose


De Ânimo Forte
"Porque Deus nao nos deu o espírito de temor, mas de fortaleza, amor e moderacao." - Paulo - II Timóteo - 1:7

Nao faltam recursos de trabalho espiritual a todo irmao que deseje reerguer-se, apromorar-se, elevar-se.

Lacunas e necessidades, problemas e obstáculos desafiam o espírito de servico dos companheiros de fé, em toda parte.

A ignorância pede instrutores, a dor reclama enfermeiros, o desespero suplica orientadores.

Onde, porém, os que procuram abracar o trabalho por amor de servir?

Com raras excecoes, observamos, na maioria das vezes, a fuga, o pretexto, o retraimento.

Aqui, há temor de responsabilidade; ali, receios da crítica, acolá, pavor de iniciativa a benefício de todos.

Como poderá o artista fazer ouvir a beleza da melodia se lhe foge o instrumento?

Nesse caso, temos em Jesus o artista divino e em nós outros, encarnados e desencarnados, os instrumentos dEle para a eterna melodia do bem no mundo.

Se algemamos o coracao ao medo de trabalhar em benefício coletivo, como encontrar servico feito que tranquilize e ajude a nós mesmos?  como recolher felicidade que nao semeamos ou amelhar dons que nos afastamos suspeitosos?

Onde esteja a possibilidade de sermos úteis, avancemos, de ânimo forte, para frente, construindo o bem, ainda que defrontados pela ironia, pela frieza ou pela ingratidao, pq conforme a palavra iluminada do apóstolo aos gentios, "Deus nao nos deu o espírito de temos, mas de fortaleza, amor e moderacao."

Que a Paz de Nosso Pai e Jesus Cristo esteja em nossos coracoes.
Com carinho,
Rose
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Carmen.gbi em 04 de Maio de 2011, 02:48


Boa noite!


Lamentar não é atitude saudável.


(Amorterapia -  Joanna de Ângelis /Divaldo Franco)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 04 de Maio de 2011, 21:12
                                    VIVA JESUS!


      Bom-dia! queridos irmãos.
                     
                    Tempo de despertar a alma                     

               “Porque o reino dos céus é semelhante a um dono de casa que saiu de madrugada para assalariar trabalhadores para a sua vinha.” Mateus, 20:1.

O Cristo propôs salário àqueles que começassem a trabalhar mais tarde de igual valor aos que tivessem iniciado mais cedo. À primeira vista é um contra-senso, pois que, hoje em dia, se paga o salário pela hora trabalhada. Por outro ângulo, do ponto de vista ainda legal, pode-se afirmar que, depois de admitido no emprego, quando nada há para fazer no início de sua jornada de trabalho, o operário receberá a diária independente de ter iniciado a tarefa apenas no final do dia. Seria, portanto, pertinente o pagamento do mesmo salário independente da produção do operário, se não havia trabalho a ser feito.

Podemos, no entanto, estabelecer outras considerações a respeito do tema, tendo em vista a aparente injustiça na afirmação de que, cabe o mesmo salário ao que trabalhou o dia inteiro e àquele que só o fez na última hora do dia.

A complexidade da vida na Terra requer do ser humano a habilidade de aprender a fazer escolhas, pois muitos são os caminhos e processos a seguir. Há muito que aprender, não sendo possível fazê-lo numa única encarnação. Ao fazer suas escolhas estará, automaticamente, renunciando a outras, as quais poderá ter que optar mais tarde. Parecerá que, ao escolher determinada via, tenha negligenciado outras que, aparentemente, seriam mais importantes. Quando tiver que retomar aquelas vias não escolhidas, outros já a terão trilhado, parecendo displicência sua. Os que optaram primeiro pela via por ele não escolhida, serão os trabalhadores da primeira hora.

Quando ele optar, será o trabalhador da última hora. De um ponto de vista psicológico poderíamos afirmar que se trata de escolher aquilo que está mais próximo da consciência, como também o que é mais importante para o Espírito naquele momento. As escolhas recaem, muitas vezes, em resolver e vivenciar, o quanto antes, as questões primeiras do processo de Vida, tais como: profissão, casamento, filhos, dinheiro, etc, deixando-se de lado o que seria mais fundamental. Relega-se, na maioria das vezes, a último plano as questões ligadas à espiritualidade. Na visão junguiana existe uma zona psíquica consciente e outra inconsciente, sendo esta muito mais abrangente que aquela.

Ao decidir-se cuidar de seu mundo interior, o ser humano pode iniciar seu processo com suas questões ligadas à área inconsciente como também iniciar pelas ligadas à área consciente. Se optar pela primeira, saberá que se trata de um processo longo e mais difícil do que se optasse pela última.

Na primeira, terá que fazer um mergulho maior em sua essência, tendo que buscar aspectos mais profundos de sua personalidade, isto é, suas motivações espirituais, suas  capacidades evolutivas, sua tendências arquetípicas, etc. Na última, tenderá a cuidar dos aspectos mais recentes de sua vida: infância, relacionamento familiar, escolha profissional, vivência afetiva, etc., todos estes da atual reencarnação.

Para quem optou pela primeira, ao se deparar com aqueles que optaram pela última, parecerá futilidade ou superficialidade tal preferência. Talvez ele não perceba que, um dia, terá que fazer semelhante caminho. Parecerá injusto para ele, por ter trilhado um caminho mais difícil e longo, chegar ao mesmo ponto que aquele que viveu processos, por ele considerados superficiais e, às vezes, fúteis. São os caminhos humanos e deverão ser trilhados por todos nós.

Psicologicamente, na idade adulta, é dar atenção às questões transcendentes do Self, além de cuidar das questões ligadas ao ego. Pode ser um equívoco não dar atenção à estruturação do ego na ascensão espiritual. Há pessoas que enveredam pela religiosidade exacerbada sem cuidar de sua vida pessoal.

O salário é o mesmo, porém o trabalho de estruturação do Espírito como ser interexistente da vida material e da vida espiritual é fundamental. Há que se buscar realizar-se em ambos os campos.

A última hora é o tempo não contado onde não se tem mais esperança quanto ao futuro. É o momento do entardecer na vida do ser humano. É o instante do desânimo e da possibilidade de fracasso. É também nesse momento que se deve buscar o crescimento espiritual, isto é, a atenção às coisas do Espírito. Não deve o candidato ao crescimento espiritual culpar-se por começar mais tarde e após ter vivido uma vida material preenchida de equívocos. É sempre tempo de começar a plantar a semente do próprio crescer. Uma análise mais profunda nos levaria a entender que o Cristo também nos alertava quanto ao tempo e sua premência.

Chamava-nos a atenção para que aproveitássemos todos os momentos de nossa Vida. É sempre a última hora, o derradeiro minuto, isto é, nunca é tarde para buscarmos a transformação de nossos hábitos equivocados em atitudes positivas. Talvez ele também nos alertasse quanto ao momento do planeta Terra, que passa por uma fase transitória de provas e expiações para uma  outra de renovação moral. Alerta-nos para valorizarmos todos os momentos de nossa Vida na busca do equilíbrio e da paz, pois o ‘salário’ será recompensador.

Àquele que reclamara por ter recebido o mesmo salário, embora tenha trabalhado mais, ele diz: “Mas o proprietário respondendo, disse a um deles: Amigo, não te faço injustiça; não combinaste comigo um denário? Toma o que é teu, e vai-te; pois quero dar a este último, tanto quanto a ti. Porventura não me é lícito fazer o que quero do que é meu? Ou são maus os teus olhos porque eu sou bom?

Assim, os últimos serão primeiros, e os primeiros serão  últimos [porque muitos são os chamados e poucos os escolhidos]. O preço do trabalho é o mesmo para todos os Espíritos, quer tenham começado seu processo evolutivo mais cedo ou  não. Todos alcançaremos a felicidade através do conhecimento e da vivência das leis de Deus.

As palavras contidas na parábola do trabalhador da última hora nos levam a entender que não se deve retirar a esperança da vida das pessoas. Mesmo que a pessoa viva iludida, não se deve sumariamente eliminar o motivo que a mantém viva. É preciso aproveitar sua última cota de esperança e de motivação para lhe fazer perceber uma nova realidade. É dar-lhe o ‘salário’ necessário para que rompa com os equívocos do passado.

A mensagem da parábola nos convida a não viver do passado nem reclamar do que não tivemos. Fixar-se no passado é perder tempo no presente. A investigação do próprio passado só tem sentido quando buscamos acertar no presente para não mais cometermos equívocos no futuro.

O trabalhador da última hora não perde tempo em disputas estéreis com seu semelhante, uma vez que enxerga em si mesmo seu próprio adversário interior. É esse seu campo de batalha onde terá de sair vitorioso no futuro. Sua  felicidade, isto é, seu ‘salário’ lhe é dado pelo seu próprio esforço em se melhorar.

As frustrações da infância ou de outras encarnações não devem se constituir em exigências do presente, mas tão somente em caminhos percorridos a fim de se apreender as leis de Deus.

       Adenáuer Novaes


                                                              PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 05 de Maio de 2011, 22:56
Queridos amigos, sejam bem vindos

Tenhamos Ponderação

Não gaste impensadamente os seus dias
na pregação desesperada de princípios
renovadores que você mesmo tem dificuldade
de abraçar.
Corrijamos em nós o que nos aborrece nos outros
e Jesus fará o resto pela felicidade
do mundo inteiro.



Bezerra de Menezes


(http://img1.recadosonline.com/121/138.gif) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZG9zY29tZ2xpdHRlci5jb20=)

 Compare e envie outros recados de Boa Noite! em nosso site. (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZG9zY29tZ2xpdHRlci5jb20=)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 10 de Maio de 2011, 09:14
Queridos amigos, sejam bem vindos

Com as nossas atitudes, pensamentos e palavras, construímos
o verdadeiro mundo em que vivemos.
Por isso, nossa vida e nossa felicidade dependem exclusivamente
de nossas atitudes, nossos pensamentos e de nossas palavras.
Vigie o momento presente, para que seu futuro seja mais feliz.
Plante sementes de otimismo e de amor,
para colher amanhã os frutos da alegria e da felicidade


(http://img1.recadosonline.com/105/191.gif) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZG9zZ2xpdHRlci5jb20=)

 Mostre sua considera&ccedil;&atilde;o enviando de volta um recado de Bom Dia! (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZG9zZ2xpdHRlci5jb20=)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 11 de Maio de 2011, 11:46
                                      VIVA JESUS!


           Bom-dia! queridos irmãos.

                  Glorificando o santo nome 
Meimei

O professor contou, em aula, que no princípio da vida na Terra, quando os minerais, as plantas e os animais souberam que era necessário santificar o nome de Deus, houve da parte de quase todos um grande movimento de atenção.

Certas pedras começaram a produzir diamantes e outras revelaram ouro e gemas preciosas.

As árvores mais nobres começaram a dar frutos.

O algodoeiro inventou alvos fios para a vesti­menta do homem.

A roseira cobriu-se de flores.

A grama, como não conseguia crescer, alastrou-se pelo chão, enfeitando a Terra.

A vaca passou a fornecer leite.

A galinha, para a alegria de todos, começou a oferecer ovos.

O carneiro iniciou a criação de lã.

A abelha passou a fazer mel.

E até o bicho-da-seda, que parece tão feio, para santificar o nome de Deus fabricou fios lindos, com os quais possuímos um dos mais valiosos tecidos que o mundo conhece.

Nesse ponto da lição, como o instrutor fizera uma pausa, Pedrinho perguntou:

– Professor, e que fazem os homens para isso?

O orientador da escola pensou um pouco e respondeu:

– Nem todos os ho­mens aprendem rapida­mente as lições da vida, mas aqueles que procuram a verdade sabem que a nossa inteligência deve glorificar a Eterna Sabe­doria, cultivando o bem e fugindo ao mal. As pes­soas que se consagram às tarefas da fraternidade, compreendendo os seme­lhantes e auxiliando a to­dos, são as almas acorda­das para a luz e que lou­vam realmente o nome de nosso Pai Celeste.

E, concluindo, afir­mou:

– O Senhor deseja a felicidade de todos e, por isso, todos aqueles que co­laboram pelo bem-estar dos outros são os que san­tificam na Terra a sua Di­vina Bondade.

 

Do cap. 7 do livro Pai Nosso, de Meimei, obra psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier



                                                                PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 13 de Maio de 2011, 09:35
Queridos amigos, sejam bem vindos

(http://img1.recadosonline.com/105/200.gif) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5wb2VtYXNwYXJhb3JrdXQuY29t)

 Seja gentil e retribua o recado de Bom Dia! que voc&ecirc; recebeu. (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5wb2VtYXNwYXJhb3JrdXQuY29t)



A paciência é a virtude que te auxiliará na conquista dos bens do corpo, da alma e da sociedade.
Ela ensina a técnica de como se deve aguardar, quando não se pode ter imediatamente o que se deseja.
Jamais te irrites.
A paciência te auxiliará a tudo vencer.


(Joanna de Ângelis / Divaldo P. Franco)
IN: Livro: " VIDA FELIZ" - IV
Título: Re: Terapia para a Alma - De ânimo forte!
Enviado por: Rose FRA em 19 de Maio de 2011, 15:37
Queridos amigos de Forum e de Jornada,

aqui vao mais umas palavras para termos sempre ânimo... bom ânimo para seguirmos o nosso caminho de evolucao e ajuda ao nosso próximo.

Sabemos que nao ouvimos e vivenciamos sempre a palavra de Jesus, nosso Mestre, por fecharmos os nossos próprios ouvidos. 
O caminho para levar a palavra de Jesus, aos 4 cantos do mundo, todos nós sabemos que nao é fácil, a porta é estreita, mas é por isso que estamos aqui.... Para realizar a vontade do Nosso Pai Celeste e fazê-lo conhecido entre os homens. 
Por isso temos que vencer todas as resistências para que isso se realize.  A mudanca é sempre traumática!  Os homens possuem imensa dificuldade para modificar sua maneira de pensar.  Ainda estao presos ao instinto de autodefesa em relacao a tudo que fuja ao seu entendimento.

Nao vamos desanimar!!  Levar os ensinamentos do Nosso Mestre e assim estaremos ajudando a nós mesmos, evoluindo o nosso próprio espírito e ajudando ao próximo, levando com a palavra de Jesus, uma forma de vida mais digna, mas amorosa, mais caridosa, em resumo, uma nova forma de vida.

Estando ligados ao alto, sempre teremos a luz que necessitamos para vermos o nosso caminho com relevancia e amor e a mao do Nosso Divino Mestre Jesus para nos levantar, quando as nossas pernas quiserem dobrar, enfraquecidas pelo desânimo.

O bom ânimo nos leva a frente, com muita fé e esperanca.

Fiquem na paz do nosso Divino Mestre Jesus e com o Amor eternos de Deus nosso Pai.

Com carinho,

Rose

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 21 de Maio de 2011, 21:35
Queridos amigos, sejam bem-vindos...


Impaciência

Assunto importante nas áreas da paciência: a cura da impaciência que freqüentemente alimentamos em detrimento de nós próprios.
Se somarmos os dias e os minutos que sacamos nos créditos do tempo, a fim de acalentar irritação contra nós mesmos, verificaremos que o desespero manifesto ou imanifesto se nos erige na existência em fator de dilapidação, desencadeando enfermidade ou desequilíbrio, desastre ou morte prematura.
E não é só no setor de prejuízo pessoal que o tema nos merece reflexão. A intemperança mental, à frente de nossas fraquezas ou desacertos, gera nos outros azedume ou desânimo, tristeza ou prevenção, estragando-lhes a vida.
Nas horas em que nos conscientizamos, a cerca dos erros que nos sejam próprios, acalmemo-nos para pensar ao invés de lastimarmo-nos sem proveito.
Registrar as nossas falhas, diligenciando saná-las ou suprimi-las, de vez que menosprezando responsabilidades e compromissos, menosprezamos a nós mesmos. Devemos examinarmo-nos com paciência e coragem que nos induzam a melhoria.
Teremos errado, fracassado, destruído recursos ou sofrido ilusões e desilusões.
Queixa inútil e autopiedade, porém, não edificam. Reconheçamos com sinceridade os obstáculos, mutilações morais, conflitos e deficiências que nos caracterizam o modo de ser e que comumente nos fazem cair no chão do arrependimento. Entretanto, não nos permitamos permanecer estirados em angústia vazia e sim, compreendendo os tesouros do tempo de que a Divina Providência nos enriqueceu, procuremos reerguer-nos, trabalhar, corrigir-nos e burilar-nos, tantas vezes quantas se nos façam necessárias, porque a impaciência, de qualquer modo, de nada nos serve e nem ajuda a ninguém.

Do Livro: Rumo Certo – Emmanuel – Psicografia de Francisco Cândido Xavier
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 26 de Maio de 2011, 11:59
                                        VIVA JESUS!


        Bom-dia! queridos irmãos.

                Quando se destrói o próprio instinto de conservação

Renascer no paraíso fora da Terra. Com esse ideal em mente os 39 membros da seita Heaven’s Gate (Portão do Paraíso) cometeram o maior suicídio coletivo da história dos Estados Unidos. Em 1978, na Guiana, o pastor americano Jim Jones induziu membros da sua igreja a tomarem juntos o fatídico suco de abacaxi repleto de cianureto e mais de novecentas pessoas desencarnaram tragicamente. Em março de l996, Venâncio Aires, cidade gaúcha de 55 mil habitantes, ganhou notoriedade por um número assustador. A cidade foi a recordista mundial de suicídios.

Em janeiro, na Estância Cerrito, a 65 km de Itaqui, no Rio Grande do Sul, Manoel Antônio Sarmanho Vargas, o último filho vivo do ex-presidente Getúlio Vargas, também resolveu pôr termo à vida exatamente como fez o pai, desferindo um tiro no próprio peito. No ano de l996, Margaux Hemingway, famosa atriz de Hollywood, neta do escritor americano Ernest Hemingway, suicidou-se em sua mansão nos mesmos moldes que o avô.

Pesquisas realizadas em Nova Iorque, por especialistas do jornal Washington Post, revelaram que morrem no mundo 85 milhões de pessoas por ano, isto é: 7 milhões por mês, 240 mil por dia, 10 mil por hora ou, ainda, 165 por minuto e o índice de morte por suicídio e loucura, nesse contexto, é tão assustador e tão elevado quanto o do câncer e da arteriosclerose − um verdadeiro flagelo mundial. E são exatamente nos países ricos, em que a ambição e o materialismo se acentuam, onde sobressaem os preconceitos, que o número de óbitos por suicídios é maior.

A França enfrentou uma onda assustadora de autocídios que superou as mortes provocadas por acidentes de trânsito e pela aids, e por isso organizaram ali o chamado Dia Nacional de Prevenção do Suicídio. Nesse país, o consumo de hipnóticos e tranqüilizantes aumentou em mais de 200% de uma década para cá. Atualmente se ingere por ano, na pátria de Victor Hugo, mais de 75 comprimidos de benzoadiazepina (sonorífero) por pessoa.

Sob o ponto de vista médico, e considerada a doença do século XX, responsável por muitos suicídios, a depressão tem preocupado os especialistas. Os psiquiatras estimam que, de cada grupo de 100 pessoas, 15 tem a probabilidade de desenvolver a depressão. Isso corresponde à aproximadamente 700 milhões de deprimidos na Terra. Patologia essa causada por um distúrbio psicológico com a alteração na produção de substâncias chamadas neurotransmissoras cerebrais como a serotonina, dopamina, noradrenalina etc.

Sob a ótica sociológica, o escritor francês Albert Camus, no seu livro intitulado O Mito de Sísifo, defende a tese que só existe um problema filosófico realmente grave: o suicídio − julgar se a vida vale ou não a pena ser vivida é responder a questão de filosofia. Que o confirmem os famigerados escritores Arthur Schopenhauer, na sua pessimista obra As Dores do Mundo, que induz o leitor incauto ao suicídio, e Friederich Nietzsche, que afirma em seu livro Assim Falava Zaratustra que orar é vergonhoso.

Emile Durkheim, considerado o Pai da Moderna Sociologia, um dos maiores pesquisadores das teses suicidógenas, afirma que a culpa maior para uma pessoa cometer um ato tão extremo, de vencer ao próprio instinto de conservação, é da sociedade, que é a grande pressionadora para o homem se matar − é o ser psicológico sendo abatido pelo ser social. A questão 949 de O Livro dos Espíritos esclarece a questão quando afirma ser o suicídio resultado da ociosidade, da falta de fé, e geralmente da saciedade. Quando forem abolidos os preconceitos na sociedade não haverá mais suicídios.

A idéia simples que insiste muito até chegar à fascinação estonteante, contínua, até a subjugação, tem levado muitos ao suicídio. Emmanuel ensina que o suicídio é como alguém que pula no escuro sobre um precipício de brasas. Após o ato, sobrevêm ao infeliz a sede, a fome, o frio, o cansaço, a insônia, os irresistíveis desejos carnais, a promiscuidade e as tempestades com constantes inundações de lamas fétidas.

É pura cegueira acharmos que a nossa dor seja maior que a do próximo, há pessoas que sofrem situações muito mais cruéis que a nossa; além do que o avanço tecnológico impõe hoje dar-se valor às coisas sem valor, onde o indivíduo cede ao impacto do contágio social. Adiar dívida significa reencontrá-la mais tarde com juros somados com cobrança sem moratória. Na questão 920 de O Livro dos Espíritos ainda aprendemos que a vida na Terra foi dada como prova e expiação e depende do próprio homem lutar com unhas e dentes para ser feliz quanto puder amenizando as suas dores com amor

              Jorge Hessen


                                                               PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 27 de Maio de 2011, 19:44
                                         VIVA JESUS!


       Boa-tarde! queridos irmãos.

              Gotas de Luz


Lei de Justiça, Amor e Caridade

Caridade e Amor ao Próximo


Benevolência para com todos, indulgência para as imperfeições alheias, perdão das ofensas.

A caridade, segundo Jesus, não se restringe à esmola, mas abrange todas as relações com os nossos semelhantes, quer se trate de nossos inferiores, iguais ou superiores.

Ser indulgentes, porque temos a necessidade de indulgência.

O homem verdadeiramente bom procura elevar o inferior aos seus próprios olhos, diminuindo a distância entre ambos.

Amar aos inimigos é perdoá-los e pagar-lhes o mal com o bem.

Não é a esmola que é censurável, mas quase sempre a maneira por que ela é dada.

O homem de bem, que compreende a caridade segundo Jesus, vai ao encontro do desgraçado sem esperar que ele lhe estenda a mão.

A verdadeira caridade é sempre boa e benevolente; tanto está no ato quanto na maneira de fazê-la. Um serviço prestado com delicadeza tem duplo valor, se o for com altivez, a necessidade pode fazê-lo aceito mas o coração mal será tocado.

A ostentação apaga aos olhos de Deus o mérito do benefício.

Amai-vos uns aos outros, eis toda a lei, divina lei pela qual Deus governa os mundos.

Não olvideis jamais que o Espírito, qualquer que seja o seu grau de adiantamento, sua situação como reencarnado ou na erraticidade, está sempre colocado entre um superior que o guia e aperfeiçoa e um inferior perante o qual tem deveres iguais a cumprir.

Sede caridosos, não somente dessa caridade que vos leva a tirar do bolso o óbolo que friamente atirais ao que ousa pedir-vos, mas ide ao encontro das misérias ocultas. Sede indulgentes para com os erros dos vossos semelhantes.

Em lugar de desprezar a ignorância e o vício, instruí-os e moralizai-os.

É da boa educação moral que depende o melhoramento da Terra.

             Fonte: CVDEE


                                                             PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma - Abstem-se
Enviado por: Rose FRA em 28 de Maio de 2011, 18:48
Amigos de forum, aqui deixo um texto para reflexao.... com certeza estaremos fazendo a Terapia da Nossa Alma, com toda essa coletâne de textos lindos que há postados nesse tópico.

Obrigada pela contribuicao deste Forum em minha vida....

Com carinho,
Rose

ABSTEM-SE

Abstém-se de fixar as deficiências do companheiro e procura destacar-lhe as qualidades nobres, nas quais se caracterizem de alguma forma.

Examina o bem, louva o bem e estende o bem quanto puderes.

A paz pode passar a residir hoje mesmo em nosso campo íntimo. Basta lhe ofereçamos o refúgio da compreensão e isso depende unicamente de nós.

Se te encontras na condição de peça na engrenagem de hoje, a que se acolhem tantas criaturas aflitas, não te entregues ao luxo do desânimo e, sim, trabalha servindo sempre. É preciso aprender a suportar os revezes do mundo, sem perder a própria segurança.

Haja o que houver, trabalha na edificação do bem e segue adiante.

Dor, na maioria das vezes, é o tributo que se paga ao aperfeiçoamento espiritual.

Dificuldade mede eficiência.

Ofensa avalia a compreensão.

A própria morte é nova forma de vida.

Resiste aos movimentos que tendam a desfibrar-te a coragem e mantém-te de pé na tarefa a que a vida te buscou.

Recorda que tudo se altera para o bem.


pelo Espírito Emmanuel - Do Livro: Caminho Iluminado, Médium: Francisco Cândido Xavier.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 30 de Maio de 2011, 08:45
Queridos amigos, sejam bem-vindos

(http://img1.recadosonline.com/214/098.gif) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5nZXJhZG9yZXNhbmltYWRvcy5jb20=)

 Lindas Mensagens de Boa Semana para seus melhores Amigos (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5nZXJhZG9yZXNhbmltYWRvcy5jb20=)


Horas Difíceis

Provável estejas atravessando as horas difíceis
que não aguardavas.
Querias o empréstimo de recursos amoedados para
acertar os próprios negócios e os amigos falharam.
Perdeste todos os haveres num investimento que te
parecia importante e que resultou em fracasso.
Colocaste todas as esperanças num filho querido
que te trocou por aventuras inferiores.
Pessoas amadas deixaram-te a sós, afastando-se
junto daqueles mesmos que te recebiam apreço e confiança.
Companheiros de ontem surrupiaram-te hoje
as vantagens e os bens.
Apoiavas-te no afeto e na dedicação de alguém que
a morte transferiu de plano, impondo-te
desajuste e solidão.
Se essas horas de crise te surgiram na existência,
não te desanimes e nem te desesperes.
Ergue a fronte para o alto e conta com Deus.

*** EMMANUEL ***


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 02 de Junho de 2011, 15:55
                                     VIVA JESUS!


        Bom-dia! queridos irmãos.

                O elã da imortalidade na convivência espírita.

                 A palavra elã merece destaque no cotidiano das casas espíritas e seus arredores. Substantivo masculino, com sua raiz na língua francesa, significa entusiasmo, disposição, inspiração. No entanto, ao contrário do dicionário, resumir a abrangência do termo a momentos efêmeros ou a um simples impulso é ficar preso à “letra que mata, não ao espírito que vivifica”[1].

Elã é constância. É habito natural e espontâneo, que não mais precisa ser vigiado. Sócrates foi movido pelo elã do autoconhecimento; respirava-o em seus diálogos com discípulos e amigos e nas suas discussões com sua esposa, Xantipa.

Mahatma Gandhi viveu na plenitude o elã da não-violência e da liberdade de seu país. Sua atitude pacífica e pacificadora atingiam em cheio o fígado do opressor. Mahatma ("A Grande Alma", em sânscrito) não fazia nada deliberadamente previsto. Estava, isto sim, envolvido no elã necessário que orquestrava seus atos.

Jesus, hors- concours, poucas palavras, viveu o elã do Amor.

Herculano Pires, em uma de suas magníficas notas na sua tradução de O Livro dos Espíritos, editora Lake, nos fala sobre o filósofo Henri Bérgson e sua obra A Evolução criadora. Esse autor francês desenvolve a teoria do elã vital: a evolução que parte da matéria densa e caminha até a liberação da consciência do ser. Mas o professor Herculano completa: “O Espiritismo vai além, admitindo a ‘escala dos mundos’, através da qual a evolução se processa no infinito, sempre com a finalidade da perfeição”

Essa evolução processada no infinito, de que nos fala Herculano Pires, é o elã da imortalidade espiritual. O elã necessário do dia-a-dia dos centros espíritas. Do bate perna útil em direção à conversa fraterna, ao púlpito, às salas de aula, ou, ainda, para oferecer ao visitante a água magnetizada ou um livro da biblioteca.

Jornadeiros do progresso, até que ponto vivemos nas casas, grupos, sociedades, federações e conselhos o elã da imortalidade? Esta força propulsora que nos dá racionalidade e tolerância em um sistema teleológico, ou seja, baseado em meios e fins?

Uma análise franca destas questões deve nos mostrar que não há experimentos suficientes do elã da imortalidade em nossa convivência espírita. Estamos envolvidos por um cabedal de conhecimento, damos aulas e palestras, indicamos livros, citamos autores renomados, marcamos reuniões incessantes dentro do movimento, mas na hora de experimentar, na simplicidade de uma relação entre duas individualidades, nos acovardamos.

O medo de fazer diferente nos apavora. Não gostamos de experimentar. Repetimos e refazemos o igual. O mesmo. E o diferente passa por uma intolerância a menos e um gesto compreensivo a mais. O original é o perdão que surpreende sobre a soberba deixada de lado. O singular é não ter sigilos ao pé do ouvido e, sim, disseminar em alto e bom som experiências e dúvidas com quem atua lado a lado na tarefa de consolo de necessitados e na divulgação espírita. O inédito é a eliminação de formalismos, normas, métodos, parágrafos únicos e a inclusão da espontaneidade, do diálogo, da humildade na resolução dos conflitos, do bom senso. Quem era, mesmo, que dizia tudo isso com outras palavras?

Sentir pulsar serenamente o elã da imortalidade na nossa egrégora pessoal não é somente uma questão doutrinária. Na obra Quem se atreve a ter certeza, de José Pedro Andreeta e Maria de Lourdes Andreeta, a questão dos experimentos é esmiuçada de forma competente sob a ótica da mecânica quântica e da filosofia. Dizem os autores: “Experimentar é uma forma de transcender a nossa individualidade. Quando experimentamos, toda nossa atenção está voltada para o experimento. Neste caso, somente o experimento existe, e nós, de acordo com a física atual, somos parte integrante dele. Não há quem observa; só há experimento. O observador está integrado, sentindo, fazendo parte do experimento”.

Perceber o elã da imortalidade é viver experimentos. Diários, no cotidiano de nossas relações sociais, mas, principalmente, nas casas espíritas, células vivas do movimento. Nelas podemos eliminar nossas miúdas idiossincrasias, nosso medo de viver novas experiências. Reciclar convicções cristalizadas por milhares de encarnações.

Na convivência de trabalhadores espíritas, o elã da imortalidade deve ser exercido em sua plenitude, sem medos de “invasões”, “ataques”, “aberturas”, “brechas”. Ao “confiar e andar”, agimos com autêntica amorosidade, racionalizamos atávicos rancores e integramo-nos plenamente em experimentos cada vez mais inovadores, pois esses criam e recriam o novo a cada encontro e reencontro.

O elã da imortalidade não permite covardias. Façamos sempre diferente!

1- Referência a Paulo, em sua Carta aos Coríntios.


Manoel Fernandes Neto, 44 anos, é jornalista, pesquisador de comunidades digitais, escreve e edita revistas na Internet. Assessor de comunicação e palestrante da S.E. Nova Era, em Blumenau, Santa Catarina; é editor do site www.se-novaera.org.br (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5zZS1ub3ZhZXJhLm9yZy5icg==) .

      Manoel Fernandes Neto


                                                               PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Mourarego em 02 de Junho de 2011, 16:08
Do dicionário:
e.lã (singular masculino)
ímpeto, impulso, precipitação súbita, repentina; entusiasmo, disposição, paixão; inspiração;
calor, fervor.
Etimologia de élan
Sinonímia
élan
Tradução
Francês: élan (fr)

Abraços,
Moura
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 08 de Junho de 2011, 12:28
                                      VIVA JESUS!


      Bom-dia! queridos irmãos.

              Vós, portanto...

“Vós, portanto, amados, sabendo isto de antemão, guardai-vos de que,pelo engano dos homens abomináveis, sejais juntamente arrebatados e
descaiais da vossa firmeza.” – Pedro. (II PEDRO, 3:17.)

O esclarecimento íntimo é inalienável tesouro dos discípulos sinceros do Cristo.

O mundo está cheio de enganos dos homens abomináveis que invadiram os domínios da política, da ciência, da religião e ergueram criações chocantes para os espíritos menos avisados; contam-se por milhões as almas com eles arrebatadas às surpresas da morte e absolutamente desequilibradas nos círculos da vida espiritual. Do cume falso de suas noções individualistas precipitam-se em despenhadeiros apavorantes, onde perdem a firmeza e a luz. 

Grande número dos imprevidentes encontram socorro justo, porquanto desconheciam a verdadeira situação. Não se achavam devidamente informados. Os homens abomináveis ocultavam-lhes o sentido real da vida.

Semelhante benemerência, contudo, não poderá atingir os aprendizes que conhecem, de antemão, a verdade.

O aluno do Evangelho somente se alimentará de equívocos deploráveis, se quiser. Rodopiará, por isso mesmo, no torvelinho das sombras se nele cair voluntariamente, no capítulo da preferência individual.

O ignorante alcançará justificativa.

A vítima será libertada.

O doente desprotegido receberá enfermagem e remédio.

Mas o discípulo de Jesus, bafejado pelos benefícios do Céu todos os dias, que se rodeia de esclarecimentos e consolações, luzes e bênçãos, esse deve saber, de antemão, quanto lhe compete realizar em serviço e vigilância e, caso aceite as ilusões dos homens abomináveis, agirá sob a responsabilidade que lhe é própria, entrando na partilha das aflitivas realidades que o aguardam nos planos inferiores.


Mensagem psicografada por Francisco Cândido Xavier, constante do livro Vinha de Luz, de 1951, publicado pelo Federação Espírita Brasileira.
 


                                                               PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 09 de Junho de 2011, 15:26
                                   VIVA JESUS!


       Bom-dia! queridos irmãos.

               Ajude a você mesmo

André Luiz 

Não ambicione do seu vizinho senão os dons excelentes que lhe exornam o espírito.

*

Não permita que os dissabores governem o leme de seu destino.

*

Não entregue o templo de sua memória às más impressões.

*

Não retire sua experiência dos fundamentos espirituais.

*

Não se esqueça de que o ideal superior, objeto de sua admiração, deve corporificar-se em seus caminhos.

*

Não se prenda ao mal; no entanto, não se desvie das obrigações de fraternidade para com aqueles que foram atingidos pelo mal.

*

Não apague o archote da fé em seus dias claros, para que não falte luz a você nos dias escuros.

*

Não fuja às lições da estrada evolutiva, por mais difíceis e dolorosas, a fim de que a vida, mais tarde, lhe abra o santuário da sabedoria.

*

Não lhe falte tempo para cultivar o que é belo, eterno e bom.

*

Não olvide que a justiça institui a ordem universal, mas só o amor dilata a obra divina.


Página psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier, constante do livro Agenda Cristã, cap. 49, publicado pela Federação Espírita Brasileira
 



                                                                 PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: **SOL** em 09 de Junho de 2011, 17:36
O COMBOIO DA VIDA

Numa viagem de comboio, ao longo do percurso, pode acontecer uma grande diversidade de situações.
A nossa existência terrena pode ser comparada a uma dessas viagens, mais ou menos longa.
Primeiro, porque é cheia de embarques e desembarques, alguns acidentes, surpresas agradáveis em alguns embarques, e grandes tristezas em algumas partidas.
Quando nascemos, entramos no comboio e deparamos com pessoas que desejamos que sigam sempre conosco: os nossos pais.
Infelizmente, isso não vai acontecer: em alguma estação eles descerão e deixar-nos-ão órfãos dos seus carinhos, amizade e companhia insubstituíveis.
Mas durante a viagem, outras pessoas especiais embarcarão e seguirão viagem conosco: os nossos irmãos, amigos, amores e filhos.
A viagem não é igual para todos. Alguns fazem dela um passeio, outros só vêem nela tristezas, e outros ainda circulam pelo comboio, prontos para ajudar quem precise.
Muitos descem e deixam saudades eternas... Outros passam de uma forma que, quando desocupam o seu assento, ninguém se apercebe.
Curioso é constatar que alguns passageiros que nos são caros se acomodam em carruagens distantes da nossa, o que não impede, é claro, que durante o percurso nos aproximemos deles e os abracemos, embora jamais possamos seguir juntos, porque haverá alguém ao seu lado ocupando aquele lugar.
Mas isso não importa, pois a viagem é cheia de atropelos, sonhos, fantasias, esperas, despedidas.
O importante, mesmo, é que façamos a nossa viagem da melhor maneira possível, tentando relacionar-nos bem com os demais passageiros, vendo em cada um deles o que tem de melhor.
Devemos lembrar-nos sempre que, em algum momento do trajeto, eles poderão fraquejar e precisamos entendê-los, pois nós também fraquejaremos muitas vezes e gostamos que haja alguém que nos entenda.
A grande diferença, afinal, é que no comboio da vida, nunca sabemos em que estação teremos que descer, e muito menos em que estação descerão os nossos amores, nem mesmo aquele que está sentado ao nosso lado.
Porque não é fácil separar-nos dos amigos, nem deixar que os filhos sigam viagem sozinhos.
No entanto, em algum lugar, há uma estação principal para onde todos seguimos. Lá nos reencontramos todos.
E quando chegar essa hora, teremos grandes emoções em poder abraçar os nossos amores e matar a saudade que nos fez companhia por longo tempo...
Que a nossa breve viagem seja uma grande oportunidade de aprender e ensinar, entender e atender aqueles que viajam ao nosso lado, porque não foi o acaso que os colocou ali...
Que aprendamos a amar e a servir, compreender e perdoar, pois não sabemos quanto tempo ainda nos resta até à estação onde teremos que deixar o comboio.
Se a sua viagem não está a correr exatamente como esperava, dê-lhe uma nova direção.
Observe a paisagem maravilhosa com que DEUS enfeitou todo o trajeto...
Busque uma maneira de dar utilidade às suas horas.
Preocupe-se com aqueles que seguem viagem ao seu lado.
Deixe de lado as queixas e faça com que o seu percurso fique marcado com rastos de luz.
Pense nisso... E boa viagem!
(Desconheço a Autoria)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 11 de Junho de 2011, 09:58
Queridos amigos, sejam bem-vindos

Ao levantar-se

Agradeça a Deus a bênção da vida,
pela manhã. Se você não tem o hábito
de orar, formule pensamentos de serenidade
e otimismo, por alguns momentos, antes
de retomar as próprias atividades.
Levante-se com calma.
Se deve acordar alguém, use bondade
e gentileza, reconhecendo que gritaria ou
brincadeiras de mal gosto não auxiliam em
tempo algum. Guarde para com tudo e para
com todos a disposição de cooperar para o bem.
Antes de sair para a execução de suas tarefas,
lembre-se de que é preciso abençoar a vida
para que a vida nos abençoe.


_André Luiz_




Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 12 de Junho de 2011, 10:32
                                          VIVA JESUS!


        Bom-dia! queridos irmãos.

               Um só é o vosso Mestre

O Evangelho de Mateus, capítulo 23, diz que, falando Jesus na terceira pessoa do singular, determinara que apenas Ele fosse chamado de mestre, e não os escribas e fariseus. Isso teria acontecido após uma crítica à ostentação, às falsas virtudes, ao interesse deles em sentarem-se nos primeiros lugares em banquetes, nas sinagogas, e ao modo como o povo os cumprimentava, tratando-os por mestres, nas praças públicas:

1      Então falou Jesus às multidões e aos seus discípulos (...)

8      Vós, porém, não queirais ser chamados Rabi, porque um só é o vosso Mestre, a saber, o Cristo, e todos vós sois irmãos (...)

10     Nem vos chameis mestres, porque um só é o vosso Mestre, que é o Cristo.

Noutra tradução e edição de exemplar de bíblia, o texto está diferente, inclusive, para variar, em vez de Rabi e Mestre, grafaram Guia. No mesmo capítulo, Jesus teria concluído:

11    Mas o maior dentre vós será vosso servo.

12   Quem a si mesmo se exaltar será humilhado; e quem a si mesmo se humilhar será exaltado.

Incoerências, contradições

Procederia de Jesus tamanha incoerência? O Antigo e o Novo Testamento apresentam tantas contradições que chagam até a pôr em dúvida a infinita perfeição do Criador e a autoridade moral de Jesus, ao colocar-Lhe palavras na boca e ao se referirem a atitudes nada condizentes com Ele. Se a Bíblia consiste na “palavra de Deus”, conforme declaram, por que mexem tanto nos textos divinos?

Voltemos a Jesus. Ah! O nosso é bem diferente! O Jesus dos espíritas representa o tipo mais perfeito em saber e moralidade, o nosso Guia e Modelo, e a Sua Doutrina, a mais pura expressão das leis imutáveis. Entendemos que Cristo veio a este mundo para demonstrar isso, orientando as Almas deste planeta à guisa de lições determinadas numa ordem de sublimes conhecimentos.

Todo bom professor lecionará uma disciplina com exemplares e recursos que tornem o ensino eficaz e interessante. Como se sabe, Jesus não pôde Se valer de materiais didáticos, de equipamentos como os de hoje, tampouco de uma sala de aula e de tudo mais. Sua sala de aula era ao ar livre, na natureza, no Monte das Oliveiras, ou na residência de um amigo, ou às margens de um lago. 

Sublime didata

Nesse caso, a técnica empregada por Jesus era dotada de objetivos referentes a costumes e determinações da Sua época. Ele, sublime didata dos princípios eternos, utilizava-Se do recurso mais importante de um genuíno educador: os bons exemplos da própria conduta. Sem uso de fórmulas difíceis, Seus ensinamentos principiavam pelo conceito de humildade, tendo em vista o real sentido da espiritualização da alma humana, pela madureza do fruto da fé sob o sol do bom senso, da coerência racional.

A Sua prática compunha-se de um processo de ensino imediatamente vinculado ao exercício em certo espaço de tempo. Os temas irrompiam mediante exigências da hora. A didática de Jesus só desejava tornar livre o templo vivo do coração humano para primazia do amor e do saber. Segundo o pensamento d’Ele avançava, a importância da espiritualidade sobrepunha-se aos interesses de títulos e glórias terrenos.

O produto do pensamento de Jesus coloca-se mesmo sobre o desejo veemente do conceito de posse, de prazer e de certas prerrogativas. Ao propor o Reino de Deus nos corações, quis Jesus passar-nos a ideia de que só a iluminação íntima dá a verdadeira serenidade e a alegria desta e da “outra vida”, a “paz” não ofertada pelo mundo, a que, sôfregas e equivocadas, as gerações têm desejado.

Não exigiu nem deu a entender

Veja, ao prescindir de glórias e honrarias da existência passageira, Jesus curou cegos, surdos-mudos, epilépticos, lunáticos e enfermos de toda a sorte, e nem por isso requereu ou deu a entender que Lhe devessem testemunhos, reconhecimentos públicos; sublimes foram as lições por Ele ministradas, ao luzir o “espírito da letra” da eterna tábua do Sinai, sem reclamar título de levita ou de doutor da Lei; fatos antecipados por intermédio da Sua extraordinária clarividência concretizaram-se, soube o que se passava no íntimo das pessoas, sobretudo, daqueles com quem tinha intimidade, jamais ostentando Seus poderes psíquicos; movido pelas circunstâncias de certo instante, produziu fantástica multiplicação de cinco pães e de dois peixes para nutrir mais de cinco mil pessoas, acalmou temporais, “ressuscitou” alguns, transformou água em vinho e, sem um pingo de vaidade, nunca disse em brados ou a meia voz, ou mesmo em segredo que era Deus, ou um “fazedor de milagres”. Embora dono de todos esses admiráveis atributos, Jesus em tempo nenhum planejou ser adorado como chefe de religião, tampouco conferiu sacramento, status de prepostos a sacerdotes para O adorarem em templos, muitos dos quais suntuosos, imponentes.

Ora! Tem cabimento Jesus, tão modesto, tão moderado que era, arrogar a Si o direito de unicamente Ele ser chamado de mestre?! Até agora, eu não soube de tal descabida solicitação de algum professor a seus alunos. É claro que Jesus é Mestre dos mestres, o nosso educador por excelência. Chegando em paz à manjedoura simples, o berço de improviso, principiaram ali os primeiros anos letivos da Humanidade... Se o prefeito da província romana da Judeia, o ferrenho inimigo de Herodes Antipas, Pôncio Pilatos, perguntasse antes: “és mestre?”, em vez de “és rei?” (João, 19:37), com certeza, Ele lhe responderia: “Tu o dizes”.

          Davilson Silva


                                                                   PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 12 de Junho de 2011, 20:57
Queridos amigos, sejam bem-vindos

Com Efeito

Exercite a humildade ao lado dos modestos servidores do lar doméstico.

Ser humilde com os superiores, de quem se depende, é muito fácil.

*

Suporte com resignação as dificuldades da tarefa nova.

Quem muda de clima sofre a modificação da temperatura.

*

Retorne ao trabalho com ânimo redobrado, no lugar em que o insucesso o magoou.

Nem sempre o triunfo pode ser sentido nas moedas de lucro fácil.

*

Submeta-se às vicissitudes naturais da luta, mas prossiga na direção do serviço honrado.

Não há repouso justo sem o cansaço haurido nas tarefas da aprendizagem.

*
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 17 de Junho de 2011, 11:44
                                     VIVA JESUS!


       Bom-dia! queridos irmãos.

               Cuidar de si para conviver melhor 

Claramente é sabido que há para nós a tarefa de nos tornar nosso ser verdadeiro, ou seja, de dar tom a nossa auto-expressão segundo os requisitos do nosso programa reencarnatório em curso. Mas, essa tarefa é exigente do cuidado consigo mesmo desde que haja, por parte de cada um de nós, o reconhecimento de que nosso ser é relação (a dinâmica ego-alter), ou seja, uma das leis do progresso está enraizada, necessariamente, na sociabilidade, pois precisamos dos outros para nos humanizar.

Contudo, sejamos claros: ninguém hoje pode garantir, no contexto da sociedade técnica, a sobrevivência da espécie: do protocolo de Kyoto às tramas da competição globalizada, há resoluções positivas no que toca ao futuro das gerações baseadas muito mais na fé do que na convicção derivada do ideal das Luzes (mito da ciência) de se manter o otimismo, embora o medo, atualmente, cristalizado em inquietações difusas, se apresente como um dos principais “valores” democráticos da sociedade mundo, na expressão de Edgar Morin.

Que lição tirar de tal cenário?

Acredito que a lição do pessimismo não faça sentido, pois ela é adequada a uma interpretação assistida por um paradigma materialista, que urge ser superado. Estou convencida de que, ao reverso, podemos nos inclinar a uma lição que não nos faça indiferentes: o convite ao amor, que faz derivar a compaixão e a esperança.

Esse convite ao amor pode ser por ocasião de um encontro que nos faz sorrir, de uma conversa que nos ensina, diante de um evento do mundo humano que nos faz somente agradecer... Atitudes felizes que dêem sustento a uma maneira de cuidar de si mesmo que nos ajude nos momentos hostis e obscuros. Sim, mas aí é que está o problema: quando estamos a lidar com nossas dificuldades ainda podemos nos manter ligados ao convite ao amor?

Ao levar isso em consideração, prefiro ainda que haja um engajamento na via do humanismo que é tecido pelo reconhecimento da nossa filiação divina e, por isso, da presença em nós da liberdade de escolha: podemos escolher a paz no lugar da guerra, a indulgência no lugar da discriminação, o perdão no lugar da retaliação. Com isso, por sermos humanos temos a capacidade de escolher entre possibilidades – podemos, portanto, acatar, por vontade própria, o convite ao amor até mesmo nas situações nas quais gravita a falta de amor...

Se prestarmos atenção ao fato de que precisamos do outro para nos conhecer e à medida que nos conhecemos mais habilitados somos para conhecer o outro, podemos considerar conhecer e amar como sinônimos, verbos que se harmonizam e se complementam... Logo, se conhecer e amar integram um mesmo significado, somente o convite ao amor pode nos exortar a sair de nós mesmos para melhor nos encontrar. Onde? No mundo humano, na relação com as pessoas para conhecer melhor e amar mais a si mesmo e aos outros.

É aí que reside o poder do amor que faz valer a sua presença em todos os instantes de nossas existências: um único ato de amor apaga conseqüências negativas de atos nefastos anteriores, pois “o amor cobre uma multidão de pecados” (I Pedro, 4:8). Embora a determinante rigorosa da lei de causa e efeito, à qual todos estamos sujeitos, há, no interior dessa lei, uma possibilidade, através da compaixão, da caridade, de transmutar o mal em bem, de transcender algemas em liberdade.

O fato é: estamos a caminho e no caminho estamos em relação. Desse modo, cabe a cada um de nós, espiritual e amigavelmente, fazer dessa jornada um mecanismo de nossa evolução. Para isso, cientes de nossas necessidades evolutivas, precisamos ir além de nossos medos e, atados à confiança em nossos projetos individuais, fortalecer a cada dia nossa adesão ao convite ao amor. Essa adesão, sem dúvida, pode facilitar o cumprimento da nobre tarefa de nos tornarmos diferenciados e a serviço da sociedade.

              Eugênia Pickina


                                                              PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 19 de Junho de 2011, 10:51
                                          VIVA JESUS!


        Bom-dia! queridos irmãos.

               Pérola de Deus

A pérola, uma das mais belas jóias naturais, é formada a partir do instante em que as ostras são agredidas por algum agente externo e liberam uma substância chamada nácar, cujo objetivo é envolver aquele elemento agressor e protegê-las. O acúmulo de várias camadas de nácar em movimentos concêntricos vai formar a pérola depois de algum tempo.

A felicidade é como a pérola que se forma dentro da ostra: nasce dos embates de cada dia no esforço da transformação no reino do sentimento.

Portanto, mesmo com os problemas e dificuldades, não desanime ou interrompa teus ideais de espiritualização. A seu tempo, perceberás um clarão reluzente na tua intimidade, refletindo a riqueza e a sabedoria do Pai, que servirão para embelezar a vida e fazer-te mensageiro da paz em ti mesmo. É a pérola da alegria definitiva.

Ser feliz é estar bem consigo e com o mundo. É deixar a pérola da alegria luzir para tudo que vibra à tua volta. Ser feliz é desconhecer barreiras, porque a felicidade anda de mãos dadas com a fé.

Ser feliz! Quanto significa esta expressão!

Abre-te para a vida sem medo ou culpa, acredite no futuro, trabalhe e serva, ame e perdoe. Inevitavelmente serás respondido pelas leis que conspiram a favor de teu progresso e ascensão.

Prossiga confiante na conquista de ti próprio e guarda inabalável certeza de que fostes criado por Deus para ser feliz na condição de "ostra da Terra" e pérola de Sua Criação.



Ermance Dufaux.

Do livro Mereça ser Feliz, de Wanderley Soares de Oliveira, pelo Espírito Ermance Dufaux.



                                                                  PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 20 de Junho de 2011, 10:15
                                      VIVA JESUS!


        Bom-dia! queridos irmãos.

               Reflexões 

Adelaide Coutinho

De todas as dedicações terrestres, a mais sublime é aquela que nasce do devotamento maternal.

Acompanhamos nossos filhos, por uma disposição indevassável de Deus, entre flores ou espinhos, entre luzes ou charcos, para darmos, em favor deles, o próprio coração.

Não existem dois tesouros no campo da alma. Quem prefere as fantasias douradas da carne, cedo acorda aqui, em dolorosa e indefinível pobreza!

A fonte da graça espiritual é propriedade daqueles que, desde o mundo, se unem ao Senhor.

Nem sempre, enquanto nos demoramos no mundo, sabemos aproveitar a riqueza da fé!

Supomos que a religião é uma ideia que deve permanecer escravizada aos nossos caprichos e exigências, esperando que as suas forças representativas gravitem ao lado de nossos desejos. Basta, porém, um passo além do túmulo, para  compreendermos a verdade.

Se não lapidamos o coração, sobrevém para nós a tormenta. São os votos mal cumpridos, as promessas olvidadas, as tarefas ao abandono, os compromissos relegados ao esquecimento e a ânsia doentia de colher sem plantar e de auferir lucros sem esforço, na grande jornada em que junto de nossos amigos e adversários, tanto poderíamos realizar em nosso proveito!

Bendigamos a luta!...

Sem ela – a energia viva que nos orienta para cima – que seria de nossas imperfeições? Que seria do ferro bruto sem o fogo da forja incandescente?

Ajudemo-nos uns aos outros com paciência. Aqui reconhecemos que mais vale sofrer e servir sem descanso, que regalar-se a alma no mundo, na expectativa injustificável de permanência num céu que devemos trabalhar, ainda muito, para merecer.

 

Do livro Cartas do Coração, obra ditada por Espíritos Diversos, psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier.




                                                            PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 21 de Junho de 2011, 11:51
                                         VIVA JESUS!


       Bom-dia! queridos irmãos.

               Afinidade


Você já percebeu a arrogância em alguma pessoa?

Aquilo que vemos nos outros são reflexos leais do que somos, ou pistas seguras de que temos algo similar dentro de nós.

Nossa tarefa de educação consiste em disciplinar nossos impulsos ególatras. Seguir a meta em direção aos mundos melhores nos quais "o homem não procura elevar-se acima do homem, mas acima de si mesmo , aperfeiçoando-se."

Não se esqueça de que a pior atitude de arrogância é a de colecionar certezas sobre a vida, sem reciclá-las conforme o ritmo evolutivo de nossa humanização.

A solução vem da capacidade de servir.

Aquele que se fizer o servo de todos será o maior na obra do Cristo.

Afinidade , assim como tudo que a vida nos brinda para celebrar o bem, são responsabilidades pelas quais devemos zelar com máxima prudência, para que jamais se transformem em pasto de arbitrariedade, ou espelho para projetar nossas carências.

Afinidade espiritual deve significar arrimo da ilusão .

Para muitos afinidade é estar com aquele que pensa da mesma maneira, ou que tem os mesmos gostos!...

Os afins, à luz do espírito imortal, são aqueles que constroem juntos na fileira do tempo, a devoção espontânea, ainda mesmo que divirjam sobre os mais variados pontos de vista.

Na obra do Cristo, os afins são aqueles que decidem se amar, apesar das diferenças...


Ermance Dufaux

Do livro "Lírios de Esperança", de Wanderley Soares de Oliveira, pelo Espírito Ermance Dufaux.


                                                               PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 22 de Junho de 2011, 10:33
                                   VIVA JESUS!


        Bom-dia! queridos irmãos.

                Cultiva a paz  

“E, se ali houver algum filho da paz, repousará sobre ele a vossa paz;
e, se não, ela voltará para vós.” – Jesus. (LUCAS, 10:6.) 

Em verdade, há muitos desesperados na vida humana. Mas quantos se apegam, voluptuosamente, à própria desesperação? Quantos revoltados fogem à luz da paciência? Quantos criminosos choram de dor por lhes ser impossível a consumação de novos delitos? Quantos tristes escapam, voluntariamente, às bênçãos da esperança?

Para que um homem seja filho da paz, é imprescindível trabalhe  intensamente no mundo íntimo, cessando as vozes da inadaptação à Vontade Divina e evitando as manifestações de desarmonia, perante as leis eternas.

Todos rogam a paz no Planeta atormentado de horríveis discórdias, mas raros se fazem dignos dela.

Exigem que a tranqüilidade resida no mesmo apartamento onde mora o ódio gratuito aos vizinhos, reclamam que a esperança tome assento com a inconformação e rogam à fé lhes aprove a ociosidade, no campo da necessária preparação espiritual.

Para esmagadora maioria dessas criaturas comodistas a paz legítima é realização muito distante.

Em todos os setores da vida, a preparação e o mérito devem anteceder o benefício.

Ninguém atinge o bem-estar em Cristo, sem esforço no bem, sem disciplina elevada de sentimentos, sem iluminação do raciocínio.

Antes da sublime edificação, poderão registrar os mais belos discursos, vislumbrar as mais altas perspectivas do plano superior, conviver com os grandes apóstolos da Causa da Redenção, mas poderão igualmente viver longe de harmonia interior, que constitui a fonte divina e inesgotável da verdadeira felicidade, porque se o homem ouve a lição da paz cristã, sem o propósito firme de se lhe afeiçoar, é da própria recomendação do Senhor que esse bem celestial volte ao núcleo de origem, como intransferível conquista de cada um. 


Mensagem psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier, constante do livro Vinha de Luz, de 1951, publicado pela Federação Espírita Brasileira.
 


                                                                PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 26 de Junho de 2011, 04:20
                                       VIVA JESUS!


       Bom-dia! queridos irmãos.

               O cisco e a trave no olho

               Por que você fica olhando o cisco no olho do seu irmão, e não presta atenção à trave que está no seu próprio olho?
Mt, 7: 3-5


É típico do ser humano ver o defeito, o erro, o mal do outro e não admitir o mal que está em si mesmo. Por orgulho, costumamos disfarçar nossos defeitos, tanto no plano físico quanto no plano moral. Ora, o orgulho é essencialmente contrário à caridade. A verdadeira caridade é modesta, simples e indulgente. Alguém que se considera muito importante e acredita na supremacia de suas qualidades dificilmente destacará no outro o bem que poderia fazer sombra à sua personalidade. Mais facilmente, apontará o mal que poderá realçar sua aparente “virtude”.

Aquele que vive apontando erros e falhas nos outros incorre em outra atitude censurável: a de julgar. Jesus disse: “Não julguem e vocês não serão julgados. De fato, vocês serão julgados com o mesmo julgamento com que vocês julgarem, e serão medidos com a mesma medida com que vocês medirem”. (Mt, 7: 1-2) E quando lhe trouxeram a mulher que fora pega em flagrante cometendo adultério, lembrando-lhe que a lei de Moisés mandava que mulheres desse tipo fossem apedrejadas, o Mestre limitou-se a responder: “Quem de vocês não tiver pecado, atire nela a primeira pedra”. (Jo, 8:7)

Com essa máxima, Jesus fez da indulgência um dever. Ninguém pode abrir mão da indulgência para si mesmo. Assim, não devemos julgar os outros mais severamente do que nos julgaríamos, menos ainda condenar no próximo o que desculpamos em nós mesmos. Antes de censurar uma falta de alguém, verifiquemos se não merecemos idêntica reprovação.

Censurar a conduta de uma pessoa para reprimir o mal pode ser louvável e até um dever, em certos casos, se disso resultar um bem. Se assim não fosse, o mal não seria reprimido na sociedade. Afinal, todos devemos ajudar o progresso dos semelhantes. Quando, porém, a censura tem por motivação tão-somente desacreditar a pessoa cujos atos são censurados, trata-se de maledicência; um mal, portanto.

Jesus não proibiu de censurar o mal. Ele mesmo fez isso em termos enérgicos quando expulsou os vendilhões do Templo, por exemplo. O que ele quis deixar claro é que a autoridade da censura é proporcional à autoridade moral daquele que a pronuncia. Quem se torna culpável daquilo que condena nos outros perde essa autoridade e se torna agente de repressão. Não há autoridade legítima aos olhos de Deus, senão aquela que se apóia sobre o exemplo que dá do bem.

Fonte: Allan Kardec, O Evangelho segundo o Espiritismo, Capítulo X


                                                           PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 29 de Junho de 2011, 23:14
Queridos amigos... sejam bem-vindos.. Muita paz

(http://img1.recadosonline.com/121/099.jpg) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5naWZzcGlxdWlzLmNvbQ==)

 Clique aqui e confira muito mais Boa Noite!. (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5naWZzcGlxdWlzLmNvbQ==)






Dominio da ira

Ouve quem te fala, sem idéia preconcebida.

Desarma a emoção, a fim de agires com imparcialidade.

A idéia preconceituosa abre espaço mental à irascibilidade.

É necessário combater com ações mentais contínuas, as reações que te assomam entorpecendo-te a lucidez e fazendo-te um tresvariado.

A reflexão e o reconhecimento dos próprios erros são recursos valiosos para combater a irritação sistemática.

Tem a coragem de reconhecer que erras, que te comprometes, não te voltando contra os outros como efeito normal do teu insucesso.


Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 30 de Junho de 2011, 16:32
                                      VIVA JESUS!


      Boa-tarde! queridos irmãos.
 
             Irmãos em perigo

André Luiz 

Os que pretendem transformar o próximo, de um dia para outro, a golpes verbais.

*

Os que descobrem pareceres inteligentes e bons conselhos para todas as pessoas, distraídos dos problemas que lhes são próprios.

*

Os que colocam a mente em outro mundo, de maneira absoluta, sem atender aos deveres do mundo em que respiram.

*

Os que permanecem incessantemente preocupados em se defenderem.

*

Os que fazem dez projetos maravilhosos por dia sem concretizar nenhum deles em dez anos.

*

Os que reconhecem a grandeza das verdades divinas, mas que jamais dispõem de tempo para cultivá-las, em favor da própria iluminação.

*

Os que adiam indefinidamente para amanhã o serviço da compreensão e do amor ao próximo.

*

Os que se sentem senhores exclusivos de todos os trabalhos no campo da caridade, sem distribuir oportunidades de serviço aos outros.

*
 

Os que declaram perdoar a ofensa, mas que nunca conseguem esquecer o mal.

*

Os que encontram ensejo de se entediarem da vida.

 


Página psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier, constante do livro Agenda Cristã, cap. 8, publicado pela Federação Espírita Brasileira.

 

                                                          PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 03 de Julho de 2011, 10:56

Queridos amigos, muita paz


Toda experiência nova é desafio, caracterizado por dificuldades, superáveis, que mais despertam os valores morais de quem a deseja vivenciar. No que diz respeito àquelas de complexidade profunda, quais as de transformação do homem velho em um novo ser, os patamares a conquistar são múltiplos, revestidos de compreensíveis impedimentos.

Não se alteram hábitos doentios, perniciosos, de um momento para outro, com apenas a disposição, sem o correspondente esforço para consegui-lo.

A transformação interior para melhor, que o conhecimento espírita propicia, é precedida de um necessário despertar para a aceitação de novos e preciosos valores morais, que satisfazem e harmonizam a criatura.

Desse modo, ao desejo de crescimento, devem aliar-se o esforço contínuo e o devotamento às idéias renovadoras, trabalhando-se por entender as diretrizes que se lhe apresentam, experimentando e insistindo na sua implantação no mundo íntimo.

A vitória de qualquer tentame chega após a permanência na sua execução.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 05 de Julho de 2011, 11:15
Queridos amigos, muita paz... sejam bem-vindos

(http://img1.recadosonline.com/105/223.jpg) (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZG9zY29tZ2xpdHRlci5jb20=)

 Recados de Bom Dia que s&atilde;o a sua cara! Clique aqui! (http://www.forumespirita.net/fe/go.php?url=aHR0cDovL3d3dy5yZWNhZG9zY29tZ2xpdHRlci5jb20=)



Quanto mais

Abençoai sempre as vossas dificuldades e não as lastimeis, considerando que Deus nos concede sempre o melhor e o melhor tendes obtido constantemente com a possibilidade de serdes mais úteis.

*

Quanto mais auxiliardes aos outros, mais amplo auxílio recebereis da Vida Mais Alta.

*

Quanto mais tolerardes os contratempos do mundo, mais amparados sereis nas emergências da vida, em que permaneceis buscando paz e progresso, elevação e luz.

*

Quanto mais liberdade concederdes aos vossos entes amados, permitindo que eles vivam a existência que escolheram, mais livres estareis para obedecer a Jesus, construindo a vossa própria felicidade.

*

Quanto mais compreenderdes os que vos partilham os caminhos humanos, mais respeitados vos encontrareis de vez que, quanto mais doardes do que sois em benefício alheio, mais ampla cobertura de amparo do Senhor assegurará a tranqüilidade em vossos passos.

*

Continuemos buscando Jesus em todos os irmãos da Terra, mas especialmente naqueles que sofrem problemas e dificuldades maiores que os nossos obstáculos, socorrendo e servindo e sempre mais felizes nos encontraremos sob as bênçãos dele, nosso Mestre e Senhor.


* * *

Xavier, Francisco Cândido. Da obra: Caridade.
Ditado pelo Espírito Bezerra de Menezes.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 05 de Julho de 2011, 11:18
Afirmação

O Céu auxilia sempre a quem trabalha, mas.... Espera de quem trabalha o auxílio possível para todos aqueles
que ainda não descobriram a felicidade de trabalhar.


* * *
Xavier, Francisco Cândido. Da obra: Caminhos.
Ditado pelo Espírito Emmanuel.
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 05 de Julho de 2011, 11:20
Em Seu Benefício

Não se agaste com o ignorante; certamente, não dispõe ele das oportunidades que iluminaram seu caminho.

*

Evite aborrecimentos com as pessoas fanatizadas; permanecem no cárcere do exclusivismo e merecem compaixão como qualquer prisioneiro.

*

Não se perturbe com o malcriado; O irmão intratável tem, na maioria das vezes, o fígado estragado e os nervos doentes.

*

Ampare o companheiro inseguro; talvez não possua o necessário, quando você detém excessos.

*

Não se zangue com o ingrato; provavelmente, é desorientado ou inexperiente.

*
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 06 de Julho de 2011, 18:34
Boa tarde amigos e irmãos

É possível que não encontres o jardim exterior que facilite a meditação, nem algum pedaço de natureza física onde repouses do cansaço material, todavia, penetra o santuário, dentro de ti mesmo.

Há muitos sentimentos que te animam há séculos, imitando, em teu íntimo, o fluxo e o refluxo da multidão. Passam apressados de teu coração ao cérebro e voltam do cérebro ao coração, sempre os mesmos, incapacitados de acesso à luz espiritual. São os princípios fantasistas de paz e justiça, de amor e felicidade que o plano da carne te impôs. Em certas circunstâncias da experiência transitória, podem ser úteis, entretanto, não vivas exclusivamente ao lado deles. Exerceriam sobre ti o cativeiro infernal.

Refugia-te no templo à parte, dentro de tua alma, porque somente aí encontrarás as verdadeiras noções da paz e da justiça, do amor e da felicidade reais, a que o Senhor te destinou.

Emmanuel
(Do livro "Fonte Viva", 147, FCXavier, FEB)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 09 de Julho de 2011, 13:32
Queridos amigos, muita paz... sejam bem-vindos

Em teu mundo

Quando falta o amor, desce a noite sobre o dia da alma...

Permanece em teu mundo, quanto a flor no galho que a viu nascer...
Espalha o perfume de tua alma, a fim de que o teu espaço individual se eleve e engrandeça.
O apoio fraternal opera milagres de fortaleza no espírito abatido.
O mau inclina-se ao bem se tuas mãos lhe descerram os tesouros do auxílio.
O avarento abre as portas da alma quando te vê renunciar.
O ignorante recebe jatos de luz com a tua palavra bondosa e simples.
O homem endurecido cede sempre aos imperativos do perdão se te observa amparando e sofrendo sem reclamar.
O descrente perde o frio do coração ao calor de tua fé.
O desalentado renova as próprias forças, ao contágio de teu bom ânimo.
O triste volta à alegria com o teu sorriso de paz e entendimento.
O desamparado encontra refúgio em teu carinho de irmão.

Cada inteligência é um centro gerador de vida.

Não te canses de criar a felicidade e o amor, trabalhando e cooperando, amando e servindo.
Dá sempre de ti mesmo, a benefício de todos e o Senhor de Tudo te premiará com infinitos recursos.
Quando cessa o entendimento de ajudar, há obstáculos no fazer.
Quando falta o amor, desce a noite sobre o dia da alma...
Quando escasseia a esperança, cai gelo sobre o destino.
Faze de teu mundo um celeiro de bênção e de tua existência um cântico de graças.

O tempo é o nosso aliado divino...

Enche as tuas horas de fé e bondade, serviço e beleza e o Céu virá habitar contigo em qualquer inferno que a ignorância provisória do homem haja construído impensadamente na Terra!

Emmanuel
(Do livro "Nosso Livro", Francisco Cândido Xavier)

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 09 de Julho de 2011, 13:35
O QUE INTERESSA

As ocorrências da vida se destacam em dias determinados,
na senda de todos:

- as tribulações em família;

- os obstáculos no trabalho;

- as enfermidades de longo curso;

- os desgostos domésticos;

- o momento de erro;

- os tempos de crise;

- os empeços profissionais;

- as incompreensões de pessoas queridas;

- os dias de reconforto;

- as horas de êxito nas realizações laboriosamente esperadas;

- os sofrimentos ocultos;

- os parentes difíceis;

- as aversões gratuitas;

- os companheiros-problemas;

- os prejuízos de conseqüências graves;

- os negócios infelizes;

- as épocas de solidão;

- e as sombras da tempestade, quando a tempestade nos domina o ambiente...

De tudo isso, a Divina Providência toma o conhecimento preciso, através dos mensageiros que a representam, junto de nós, mas, em verdade, aquilo que ao plano Superior interessa saber é o nosso tipo de reação, diante disso ou daquilo que nos sucede.


André Luiz
(Do livro “Endereços da Paz”, Francisco C. Xavier, C.E.U)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 09 de Julho de 2011, 13:39
Disseream...


- que não vencerás em teus empreendimentos;

- que o teu doente querido está no clima da morte;

- que atravessarás longa noite de provações;

- que não mais encontrarás o trabalho que mais desejas;

- que não te recuperarás de certas perdas sofridas;

- que não realizarás os sonhos que acalentas;

- que os entes amados distantes de ti nunca mais te voltarão ao convívio;

- que o desgaste do corpo físico não mais te permitirá as realizações que tanto almejas;

- que, por essa ou aquela falta, andarás sobre a Terra constantemente sobre pedras e espinhos.

Tudo isso disseram...

Entretanto, continua agindo e servindo, orando e esperando, porque as opiniões de Deus são diferentes.


Emmanuel
(Do livro "Momentos de Paz", F. C. Xavier )
 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 12 de Julho de 2011, 12:02
Amigos, sejam bem-vindos

Caminho marcado

Segue pelo caminho

Que Jesus te marcou...

Perdão, silêncio e paz

Com serviço constante.

Amigos terás muitos,

Mas,companheiros, raros.

Viverás cada dia

de solidão e amor.

Depois, terás a cruz

Por salário do Bem.

Mas, na cruz ouvirás

A mensagem de Deus.

Emmanuel
(Do livro "Hora Certa", Francisco Cândido Xavier, Edição GEEM)

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 12 de Julho de 2011, 12:10
Auxilia



Não olvides a lei da cooperação, a fim de que a caridade, por estrela de amor, fulgure nos céus de teu destino.
Auxilia a terra seca e amanhã não te faltará o celeiro farto.
Auxilia a fonte amiga e a água pura te regenerara a saúde orgânica.
Auxilia a criança e clarearás o futuro.
Auxilia o ancião desamparado e colherás um tesouro de bênçãos.
Auxilia o aflito e a esperança te coroará a visão da justiça.
Auxilia o faminto e acrescentarás o próprio reconforto.
Auxilia o companheiro da peregrinação em que te encontras e a fraternidade te protegerá, generosa.
Dispões do consolo das horas...
Dispões da palavra fácil...
Dispões de mãos diligentes...
Dispões de movimentos livres...
E, sobretudo, dispões do conhecimento evangélico a enriquecer-te a inteligência...
Não te percas, assim, na província torturada dos momentos perdidos.
Recorda que o relógio humano, agora ou depois, dirá das oportunidades preciosas que recebeste...
Auxilia, pois, enquanto é tempo, ajudando, compreendendo, servindo, perdoando, construindo para o bem e amando, cada vez mais, na certeza de que o auxílio prestado desinteressadamente aos outros, nas lutas da Terra, é investimento de paz e vitória, felicidade e luz, para a glória do Céu.

(Do livro "Correio Fraterno", André Luiz, Francisco Cândido Xavier, Espíritos Divers
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 14 de Julho de 2011, 12:30
                                     VIVA JESUS!


        Bom-dia! queridos irmãos.

                Diante do Amanhã  
 

Compreendemos, sim, todos os teus cuidados no mundo, assegurando a tua tranquilidade.



Organizas com esmero a casa em que vives.



Proteges as vantagens imediatas da parentela.



Preservas, apaixonadamente, a segurança dos filhos.



Atendes, com extremado carinho, ao teu grupo social.



Valorizas o que possuis.



Arranjas habilmente o leito calmo.



Selecionas, com fino gosto, os pratos do dia.



Defendes como podes a melhoria das tuas rendas.



Aspiras a conquistar salário mais amplo.



Garantes o teu direito, à frente dos tribunais.



Vasculhas avidamente o noticiário do que vai pelo mundo.



Sabem procurar, com pontualidade e respeito, os serviços do médico e os préstimos do dentista.



Marcas horários para o cabeleireiro.



Escolhes com devoção o filme que mais te agrada.



Examinas a moda, ainda mesmo com simplicidade e moderação, como quem obedece a força de um ritual.



Questionas sucessos políticos.



Discutem veementes, os serviços públicos.



Tentas, de maneira instintiva, influenciar opiniões e pessoas.



Desvelas-te em atrair a simpatia dos companheiros.



Observas, a cada instante, as condições do tempo, como se trouxesses, obrigatoriamente, um barômetro na cabeça.



Tudo, isso meu irmão da Terra, é compreensível, tudo isso é preocupação natural da existência.



No entanto, não conseguimos explicar o teu desvairado apego às ilusões de superfície, nem entendemos porque não dedicas alguns minutos de cada dia, de cada semana ou de cada mês, a refletir na transitoriedade dos recursos humanos, reconhecendo que nada levarás, materialmente, do plano físico, tanto quanto, afora os bens do espírito, nada trouxeste ao pousar nele.



Ainda assim, não te convidamos à ideia obcecaste da morte, porquanto a morte é sempre a vida noutra face.



Desejamos tão-somente destacar que, nessa ou naquela convicção, ninguém fugirá do porvir.



Disse o Cristo: “andai enquanto tendes luz”.



Isso quer dizer que é preciso aproveitar a luz do mundo, para fazer luz em nós.




Por: Emmanuel

Do Livro: “Justiça Divina”

Médium: Francisco Cândido Xavier



                                                              PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 15 de Julho de 2011, 12:32
Amigos, sejam todos bem-vindos

Apoio Infalível

Talvez estejas só
Lembrando as próprias perdas.

A fortuna deixou-te
As vantagens caíram.

Os bens que já se foram
Já nem sabes contar.

Vistes portas fechadas
E amigos debandando.

Mas não lamentes. Serve
Acharás vida nova.

Se todos te abandonam
Abandona-te a Deus.

***Emmanuel***
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 17 de Julho de 2011, 16:26
                                     VIVA JESUS!


      Bom-dia! queridos irmãos.

              Deus é Caridade


Não guardes e nem fales, coração,
Palavra de azedume ou desesperação.
O verbo que escarnece, esfogueia, envenena,
Traz em si mesmo a dolorosa pena
De amarga frustração!

Muitas vezes nós mesmos, trilha afora
No pensamento que se desarvora,
Nas teias da ilusão sem motivo ou sem base,
Para sair do mal e regressar ao bem
Precisamos apenas de uma frase
Do carinho de alguém!

Na dor que nos renova,
Quantas vezes na vida a gente espera
Simplesmente um sorriso,
Para fazer o esforço que é preciso,
A fim de não perder nas lágrimas da prova
A paz da fé sincera!...

Pensa nisso e abençoa
Àquela própria mão que te espanca ou aguilhoa.
Fel, tristeza, amargura,
Transformam desventura em maior desventura!
Se a mágoa te domina,
Observa a lição da Bondade Divina!

Se o homem tala o campo aos horrores da guerra,
Deus recama de verde as úlceras da Terra.
Cerre-se a noite fria,
Deus recompõe sem falta os fulgores do dia.
Atire-se um calhau à fonte da espessura,
Deus protege a corrente
E a fonte lava a pedra a beijos de água pura
E prossegue indulgente,
Doce, clara, bendita,
Fertilizando o campo em que transita.

Isole-se a semente pequenina
Na clausura do chão
E eis que Deus a ilumina
E ela faz a alegria e a fartura do pão!
Que a poda fira a planta a golpes destruidores
E Deus reveste o tronco em auréolas de flores!...

Conquanto seja em tudo a Justiça perfeita
Que nos premia, ampara, aprimora e endireita
Pelo poder do amor incontroverso,
Deus quer que a Lei do amor seja cumprida
Para a glória da vida,
Nas mais remotas plagas do Universo!

Serve, pois, coração,
À tolerância, à paz, à bondade e à união!
Embora desprezado, anônimo, sozinho,
Agradece, em silêncio, a injúria, o pranto, o espinho
E serve alegremente...

Dor é nova ascensão à Vida Superior!...
Rende-te a Deus e segue para a frente,
Pois Deus é Caridade e a Caridade ardente
Tudo cobre de amor!...


Maria Dolores (Lembrança aos companheiros da Doutrina Espírita)

Do livro "Antologia da Espiritualidade", Francisco Cândido Xavier, pelo Espírito Maria Dolores.



                                                                PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 18 de Julho de 2011, 11:37
                                    VIVA JESUS!


       Bom-dia! queridos irmãos.

               
Conhecimento superior

Na aquisição do conhecimento superior, não acredites que o deslumbramento substitua o trabalho.

Nem julgues que o benfeitor espiritual, por mais que deseje, possa efetuar a obra que te compete.

O professor esclarece. O aluno, porém, deve equacionar os problemas da escola.

O médico auxilia. O doente, contudo, deve atender-lhe as indicações.

Toda realização pede esforço. Toda construção pede tempo.

*

Repara a árvore educada que se fez preciosa.

É um monumento de beleza e vitalidade. Grandes raízes garantem-lhe a existência. Tronco robusto resiste à força do vento. Galhos crescem, enormes, ajudando a quem passa. Flores surgem, desafiando geômetras e pintores. Frutos aparecem, ricos de suco nutritivo. Fibras e folhas, seiva e perfume completam-lhe a respeitabilidade e a grandeza.

Lembremo-nos, no entanto, de que o prodígio, atingindo, às vezes, centenas ou milhares de quilos, estava contido, em essência, na semente pequenina de apenas alguns gramas. Entretanto, se alguém não houvesse cultivado a semente minúscula, consagrando-lhe atenção e trabalho no curso dos dias, a árvore magnificente não se teria consolidado, afirmando-se em madureza e cooperação.

*

Agradece, pois, o carinho dos Espíritos generosos, encarnados ou desencarnados, que te amparam a experiência, aplicando-te às lições de que são mensageiros. Não admitas, contudo, que a presença deles te baste ao aprimoramento individual.

Recorda que nem os companheiros da glória do Cristo escaparam ao impositivo do serviço constante.

Os apóstolos que lhe respiraram a convivência não repousam ante as flamas do Pentecostes, mas seguem, luta adiante, de renúncia em renúncia, adquirindo, pouco a pouco, a grande libertação, e Saulo de Tarso, visitado pelo próprio Mestre, em pessoa, não para sob o jorro solar da senda de Damasco, mas avança, de suplício em suplício, assimilando, a preço de sofrimento, o dom da Divina Luz.

 

Do cap. 8 do livro Seara dos Médiuns, de Emmanuel, obra psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier.
 

                                                               PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 27 de Julho de 2011, 13:34
Amigos e irmãos, sejam bem-vindos

Renasce Agora

A própria Natureza apresenta preciosas lições
nesse particular. Sucedem-se os anos com
matemática precisão, mas os dias são sempre
novos. Dispondo, assim, de trezentas e
sessenta e cinco ocasiões de aprendizado e
recomeço, anualmente, quantas oportunidades
de renovação moral encontrará a criatura, no
abençoado período de uma existência?
Conserva do passado o que for bom e justo,
belo e nobre, mas não guardes do pretérito os
detritos e as sombras, ainda mesmo quando
mascarados de encantador revestimento.
Faze por ti mesmo, nos domínios da tua
iniciativa pela aplicação da fraternidade real,
o trabalho que a tua negligência atirará
fatalmente sobre os ombros de teus benfeitores
e amigos espirituais. Cada hora que surge pode
ser portadora de reajustamento.
Se é possível, não deixes para depois os laços
de amor e paz que podes criar agora, em substituição
às pesadas algemas do desafeto.
Não é fácil quebrar antigos preceitos do mundo
ou desenovelar o coração, a favor daqueles que
nos ferem. Entretanto, o melhor antídoto contra
os tóxicos da aversão é a nossa boa-vontade,
a benefício daqueles que nos odeiam ou que
ainda não nos compreendem.
Enquanto nos demoramos na fortaleza defensiva,
o adversário cogita de enriquecer as munições,
mas se descemos à praça, desassombrados e
serenos, mostrando novas disposições na luta,
a idéia de acordo substitui, dentro de nós e em
torno de nossos passos, a escura fermentação
da guerra. Alguém te magoa? Reinicia o
esforço da boa compreensão.
Alguém te não entende? Persevera em
demonstrar os intentos mais nobres.
Deixa-te reviver, cada dia, na corrente
cristalina e incessante do bem.
Não olvides a assertiva do Mestre: -
"Aquele que não nascer de novo não pode
ver o Reino de Deus."
Renasce agora em teus propósitos, deliberações
e atitudes, trabalhando para superar os
obstáculos que te cercam e alcançando a
antecipação da vitória sobre ti mesmo,
no tempo... Mais vale auxiliar, ainda hoje,
que ser auxiliado amanhã
.


***Emmanuel***

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 29 de Julho de 2011, 18:16
Amigos e irmãos, sejam bem-vindos


Mais e Mais

A multiplicação
É um dom de Deus à vida.

Semente que cultives
Produzirá sem conta.

Mais recursos retidos
Mais as preocupações.

Quanto mais destribuas
Tanto mais colherás.

Quem mais ampara os outros
Mais auxilio recebe.

Do que dês, terás mais
Esta é uma lei de Deus.


***Emmanuel ***

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 09 de Agosto de 2011, 10:37
                                        VIVA JESUS!


          Bom-dia! queridos irmãos.

                 Se você deseja

André Luiz

Se você deseja ser cristão efetivamente:

perdendo, vencerá na batalha humana;

cedendo, obterá os recursos de que precisa;

trabalhando, conseguirá a felicidade própria;

perdoando, edificará em torno de si mesmo;

libertando, conquistará os outros;

suportando, resistirá na tempestade;

renunciando, ganhará tesouros imortais;

abençoando, salvará muitos;

sofrendo, terá mais luz;

sacrificando-se, encontrará a paz;

suando, purificar-se-á;

amando, iluminará sempre.

 

Do cap. 26 do livro Agenda Cristã, de André Luiz, obra psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier.



                                                             PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Marli Pacheco em 10 de Agosto de 2011, 00:54
Boa noite amigos!


 
Se não quiser adoecer

O diálogo, a fala, a palavra, é um poderoso remédio e excelente terapia.. 
 
Se não quiser adoecer - "Fale de seus sentimentos"
Emoções e sentimentos que são escondidos, reprimidos, acabam em doenças como: gastrite, úlcera, dores lombares, dor na coluna.. Com o tempo a repressão dos sentimentos degenera até em câncer. Então vamos desabafar, confidenciar, partilhar nossa intimidade, nossos segredos, nossos pecados.
 
 
Se não quiser adoecer - "Tome decisão"
A pessoa indecisa permanece na dúvida, na ansiedade, na angústia. A indecisão acumula problemas, preocupações, agressões. A história humana é feita de decisões. Para decidir é preciso saber renunciar, saber perder vantagem e valores para ganhar outros. As pessoas indecisas são vítimas de doenças nervosas, gástricas e problemas de pele.

Se não quiser adoecer - "Busque soluções"
Pessoas negativas não enxergam soluções e aumentam os problemas.
Preferem a lamentação, a murmuração, o pessimismo. Melhor é acender o fósforo que lamentar a escuridão. Pequena é a abelha, mas produz o que de mais doce existe. Somos o que pensamos. O pensamento negativo gera energia negativa que se transforma em doença.

Se não quiser adoecer - "Não viva de aparências"
Quem esconde a realidade finge, faz pose, quer sempre dar a impressão que está bem, quer mostrar-se perfeito, bonzinho etc., está acumulando toneladas de peso... uma estátua de bronze, mas com pés de barro.  Nada pior para a saúde que viver de aparências e fachadas. São pessoas com muito verniz e pouca raiz. Seu destino é a farmácia, o hospital, a dor.

Se não quiser adoecer - "Aceite-se"
A rejeição de si próprio, a ausência de auto-estima, faz com que sejamos  algozes de nós mesmos. Ser eu mesmo é o núcleo de uma vida saudável. Os que não se aceitam são invejosos, ciumentos, imitadores, competitivos, destruidores. Aceitar-se, aceitar ser aceito, aceitar as críticas, é  sabedoria, bom senso e terapia.

Se não quiser adoecer - "Confie"
Quem não confia, não se comunica, não se abre, não se relaciona, não cria liames profundos, não sabe fazer amizades verdadeiras. Sem confiança, não há relacionamento. A desconfiança é falta de fé em si, nos outros e em Deus.

Se não quiser adoecer - "Não viva SEMPRE triste!"
O bom humor, a risada, o lazer, a alegria, recuperam a saúde e trazem vida longa.     A pessoa alegre tem o dom de alegrar o ambiente em que vive.

"O bom humor nos salva das mãos do doutor".   Alegria é saúde e terapia.

 
     

"  Dá-me consciência do lugar que me compete, para que não esteja a exigir da
vida, aquilo que não me pertence " 

Chico Xavier
 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 12 de Agosto de 2011, 12:26
                                    VIVA JESUS!


         Bom-dia! queridos irmãos.

                 Juízo
Não é necessário que a morte abra as portas de tribunais supremos para que o homem seja julgado em definitivo.

A vida faz a análise todos os dias e a luta é o grande movimento seletivo, através do qual observamos diversas sentenças a se evidenciarem nos variados setores da atividade humana.

A moléstia julga os excessos.

A exaustão corrige o abuso.

A dúvida retifica a leviandade.

A aflição reajusta os desvios.

O tédio pune a licença.

O remorso castiga as culpas.

A sombra domina os que fogem à luz.

O isolamento fere o orgulho.

A desilusão golpeia o egoísmo.

As chagas selecionam as células do corpo.

Cada sofrimento humano é aresto do Juízo Divino em função na vida contingente da Terra.

Cada criatura padece determinadas sanções em seu campo de experiência.

Compreendendo a justiça imanente do Senhor em todas as circunstâncias e em todas as cousas, atendamos a sementeira do bem aqui e agora, na certeza de que, segundo a palavra do Mestre, cada espírito receberá os bens e os males do Patrimônio Infinito da Vida, de conformidade com as próprias obras.

Mensagem psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier, em reunião pública realizada em 1951 no Centro Espírita Luiz Gonzaga, em Pedro Leopoldo (MG), constante do livro Taça de Luz.
 


                                                      PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 19 de Agosto de 2011, 12:20
                                     VIVA JESUS!


         Bom-dia! queridos irmãos.


                Não basta ver

“E logo viu, e o foi seguindo, glorificando a Deus. E todo o povo, vendo isto,
dava louvores a Deus.” - (LUCAS, 18:43.)

A atitude do cego de Jericó representa padrão elevado a todo discípulo sincero do Evangelho.

O enfermo de boa-vontade procura primeiramente o Mestre, diante da multidão. Em seguida à cura, acompanha Jesus, glorificando a Deus. E todo o povo, observando o benefício, a gratidão e a fidelidade reunidos, volta-se para a confiança no Divino Poder.

A maioria dos necessitados, porém, assume posição muito diversa. Quase todos os doentes reclamam a atuação do Cristo, exigindo que a dádiva desça aos caprichos perniciosos que lhes são peculiares, sem qualquer esforço para elevação de si mesmos à bênção do Mestre.

Raros procuram o Cristo à luz meridiana; e, de quantos lhe recebem os dons, raríssimos são os que lhe seguem os passos no mundo.

Daí procede a ausência da legitima glorificação a Deus e a cura incompleta da cegueira que os obscurecia, antes do primeiro contacto com a fé.

Em razão disso, a Terra está repleta dos que crêem e descrêem, estudam e não aprendem, esperam e desesperam, ensinam e não sabem, confiam e duvidam.

Aquele que recebe dádivas pode ser somente beneficiário.

O que, porém, recebe o favor e agradece-o, vendo a luz e seguindo-a, será redimido.

É óbvio que o mundo inteiro reclama visão com o Cristo, mas não basta ver simplesmente; os que se circunscrevem ao ato de enxergar podem ser bons narradores, excelentes estatísticos, entretanto, para ver e glorificar o Senhor é indispensável marchar nas pegadas do Cristo, escalando, com Ele, a montanha do trabalho e do testemunho. 

 
Mensagem psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier, constante do livro Vinha de Luz, obra publicada em 1951 pela Federação Espírita Brasileira
 


                                                      PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 20 de Agosto de 2011, 19:44
                                        VIVA JESUS!


        Boa-tarde! queridos irmãos.

               

Carta paterna

Neio Lúcio
 

Meu filho, não tinhas razão em favor da cólera.

Vi, perfeitamente, quando o velhinho se aproximou para servir-te. Trazia um coração amoroso e atento que não soubeste compreender. Deste uma ordem que o pobrezinho não ouviu tão bem, quanto desejavas. Repetiste-a e, porque novamente te perguntasse qualquer coisa, proferiste palavras feias, que lhe feriram as fibras mais íntimas.

Como foste injusto!...

Quando nasceste, o antigo servidor já vencera muitos invernos e servira a muita gente. Enfraqueceram-se-lhe os ouvidos, ante as imperiosas determinações alheias.

Nunca refletiste na neblina que lhe enevoa o olhar? Adquiriu-a trabalhando à noite, enquanto dormias, despreocupado.

Sabes por que traz ele as pernas trêmulas? Devorou muitas léguas a pé, solucionando problemas dos outros.

Irritas-te, quando se demora a movimentar-se a teu mando. Contudo, exiges o automóvel para a viagem de dois quilômetros.

Em muitas ocasiões, queixas-te contra ele. É relaxado aos teus olhos, tem as mãos malcuidadas e a roupa não muito limpa. Entretanto, nunca imaginaste que o apagado servidor jamais encontrou oportunidades iguais às que recebeste. Além disto, não lhe ofereces o ensinamento amigo e nem tempo para cogitar das próprias necessidades espirituais.

Reclamas longos dias para examinar pequenina questão, referente ao teu bem-estar; todavia, não lhe consagras nem mesmo uma hora por semana, ajudando-o a refletir...

Respondes, enfadado, quando o velho companheiro te pede alguns níqueis, mas não vacilas em despender pequenas fortunas com amigos ociosos, em noitadas alegres, nas quais te mergulhas em fantasioso contentamento.

Interrogas, ingrato: que fizeste do dinheiro que te dei?

Esqueces que o servo de fronte enrugada não dispôs de tempo e recurso para calcular, com exatidão, os processos de ganhar além do necessário e não conseguiu ensejo de ilustrar o raciocínio com o refinamento que caracteriza o teu.

Ah! meu filho, quando a impaciência te visita o espírito, recorda que o monstro da ira indesejável te bate à porta do coração. E quando a ele te entregas, imprevidente, tuas conquistas mais elevadas tremem nos alicerces. Chego a desconhecer-te porque a fúria dos elementos interiores te alteram a individualidade aos meus olhos e eu não sei se passas à condição de criança ou de demônio!...

Se não podes conter, ainda, os movimentos impulsivos de sentimentos perturbadores, chegado o instante do testemunho cala-te e espera.

A cólera nada edifica e nada restaura... Apenas semeia desconfiança e temor, ao redor de teus passos.

Não ameaces com a voz, nem te insurjas contra ninguém.

É provável que guardes alguma reclamação contra mim, teu pai, porque eu também sou ainda humano. No entanto, filho, acima de nós ambos permanece o Pai Supremo, e que seria de ti e de mim, se Deus, um dia, se encolerizasse contra nós?

 

Do cap. 27 do livro Alvorada Cristã, de Neio Lúcio, obra psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier



                                                            PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 20 de Agosto de 2011, 20:38
Diante da consciência

Ouve a consciência que te impele ao dever e não te perturbes.
Serve e caminha.
Não podemos construir os mínimos tópicos de alegria no próprio espírito, sem que nos rendamos com alegria ao trabalho que nos compete.
Somos material inteligente nas mãos sábias do Cristo. O Senhor, no entanto, não opera em nós através de constrangimento, porque o Reino de Deus deve realmente surgir nos recessos de nossas próprias almas.
Estuda os desafios que as circunstâncias te lançam em rosto.
É possível que todas as opiniões em derredor de ti se façam contrárias ,entretanto, conserva a paciência e espera por Deus, porque a opinião dos Mensageiros de Deus pode ser diferente.
Amar sem exigir compensação.
Colaborar para o bem nos lugares onde o mal se nos afigure solidamente instalado.
Aguardar sempre o melhor, ainda mesmo nas piores situações.
Todos somos obreiros do progresso.
Todos estamos endereçados à perfeição.


(Do livro "Caminho Iluminado", Francisco Cândido Xavier)

Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: lucineide.c em 22 de Agosto de 2011, 16:15
 Bom dia queridos amigos, um abraço  e muita luz a todos!

                     Amor  e perdão
Diante das dificuldades , permita que o teu olhar volte-se para o alto.
É de lá que virá o auxílio que aliviará as tuas dores.
Se o  teu coração está endurecido , mentaliza o perdão.
Deus se fará presente nele; abre pelo menos uma pequena fenda .
O sol iluminará tua mente e teus dias se encherão de raios revigorantes.
Ama com intensidade, ama sem distinção, o amor não tem cor , raça ou religião.
Aproveite os dias de chuva para refletir sobres teus atos e joga fora a sujeira que há em ti.
Revigora  tuas forças diante da dor. Lembra que as lágrimas lavam a alma .
Não guarde rancor no teu íntimo,permita-se perdoar para que tu sejas perdoado.
É preciso aprender que só o amor nos salvará dos nossos dias sombrios.
Executa a lei do amor, Jesus foi o maior praticante desse amor.
Machucamos Jesus e Ele nos tem perdoado sempre e sempre.
Pois seu amor por nós é muito maior que as estrelas , que o céu e do que o oceano.
Que ama assim perdoa e seu perdão é verdadeiro.É um perdão sublime.
Sejamos sábios e aprendamos a perdoar  como Cristo nos tem ensinado.
Amemos e perdoemos quantas vezes forem necessário. Imitemos nosso irmão maior.
Vigiemos nossos pensamentos e nossas práticas de conduta moral.
Oremos sempre, pois a oração alimenta nossa alma e dá força o nosso corpo físico.
É na oração que recebemos a ajuda de que  tanto precisamos .
Conseguiremos  ouvir Deus quando  aprendermos a orar de verdade.
Tenhamos fé e confiemos em Nele , Ele sempre estará conosco.
Que o amor de Jesus nos ilumine e que possamos conhecer e vivenciarmos o verdadeiro amor.

 Lucineide
22/08/11
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 23 de Agosto de 2011, 02:12

Amigos e irmãos. sejam bem-vindos, muiita paz

Evitando inquietações

Considerando que a inquietação em nós
gera inquietação naqueles que nos
rodeiam, revisemos pelo menos de
quando em quando, as induções que
nos possam impedir à intranqüilidade.
Recorda que todos nós, os espíritos
encarnados ou desencarnados, em evolução
na Terra, ainda estamos longe da
condição de espíritos perfeitos.
Quase impossível seguir sem erros na
jornada, mas é preciso reconhecer que
a Divina Providência jamais nos
sonega recursos para corrigi-los.
Aceita-te como és e onde estás, a fim de
que consigas caminhar com segurança para
o que deves ser e para a melhor condição
que te cabe alcançar.
Consulta o passado, por arquivo de
informações que te facilite os movimentos
em rumo certo, mas não te prendas à
lembrança de caráter negativo, porque hoje
é o dia de conseguir o amanhã com o
material selecionado de que disponhas
no campo da experiência.
Libera a capacidade de compreender e perdoar
com que o Cristo nos dotou a cada um,
para que o ressentimento, ante os conflitos
de ação e de opinião, nas áreas de trabalho
em que vês, não te causem desequilíbrios.
Não acredite tanto em doenças e cansaço
que te impeçam de servir ao próximo,
trabalhando um tanto mais.
Auxiliar desinteressadamente aos semelhantes
será sempre a base de qualquer melhoria.
Cultivemos o respeito a nós mesmos, sem o
qual não se sabe de que modo angariar
o respeito dos outros.
Confiemos em Deus, acima de tudo, sem
nos esquecermos, porém, de que Deus
igualmente confia em cada um de nós.


***Emmanuel***




Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 31 de Agosto de 2011, 22:21
Amigos e irmãos. sejam bem-vindos, muiita paz

No curso da vida

Exemplifique o bem desinteressado.
Os nossos atos demonstram a proximidade
ou a distância em que vivemos da Lei Divina.
Viva com alegria.
O presente já faz parte de nossa vida imortal.
Pondere cada atitude.
Tanto é difícil saber fazer quanto
saber e não fazer.
Evite o isolamento sistemático.
Somos peças integrantes do ambiente
em que existimos.
Entenda a função da posse efêmera.
Nem a riqueza e nem a privação
expressão virtude.
Não fuja ao começo.
A caridade corrige qualquer erro.
Estude incansavelmente.
Alcançar novos conhecimentos é formular
novas indagações.
Cultive confiança.
Com temor não há progresso.
Seja paciente na dor.
Crise, muitas vezes, é o nome que aplicamos
à transformação em bem.
Amolde-se aos padrões do Evangelho.
Na essência, o mundo atual permanece
quase o mesmo da época de Jesus.

_André Luiz_





Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 03 de Setembro de 2011, 12:02
                                         VIVA JESUS!


         Bom-dia! queridos irmãos.

                No passeio matinal

Neio Lúcio  

Dionísio, o moleiro, muito cedo partiu em companhia do filhinho, na direção de grande milharal.

A manhã se fizera linda.

Os montes próximos pareciam vestidos em gaze esvoaçante.

As folhas da erva, guardando, ainda, o orva­lho noturno, assemelhavam-se a caprichoso tecido verde, enfeitado de pérolas. Flores vermelhas, aqui e ali, davam a ideia de jóias espalhadas no chão.

As árvores, muito grandes, à beira da estra­da, despertavam, de leve, à passagem do vento.

O Sol aparecia, brilhante, revestindo a pai­sagem numa coroa resplandecente.

Reinaldo, o pequeno guiado pela mão pa­terna, seguia num deslumbramento. Não sabia o que mais admirar: se o lençol de neblina muito alva, se o horizonte inflamado de luz. Em dado momento, perguntou, feliz:

— Papai, de quem é todo este mundo?

— Tudo pertence ao Criador, meu filho — esclareceu o moleiro, satisfeito —; o Sol, o ar, as águas, as árvores e as flores, tudo, tudo, é obra dEle, nosso Pai e Senhor.

— Para que tudo isto? — continuou o petiz contente.

— A fim de recebermos esta escola divina, que é a Terra.

— Escola?

— Sim, filho — tornou o genitor pacien­te —, aqui devemos aprender, no trabalho, a amar-nos uns aos outros, aprimorando senti­mentos, quanto devemos aperfeiçoar o solo que pisamos, transformando colinas, planícies e pe­dras em cidades, fazendas, estábulos, pomares, milharais e jardins.

Reinaldo não entendeu, de pronto, o que significava “aprimorar sentimentos”; contudo, sabia perfeitamente o que vinha a ser a remoção dum monte empedrado. Surpreso, voltou a indagar:

— Então, papai, somos obrigados a trabalhar tanto assim? Como será possível modificar este mundo tão grande?

O moleiro pensou alguns instantes e ob­servou:

— Meu filho, já ouvi dizer que uma andorinha vagueava só, quando notou que um incêndio lavrava em seu campo predileto, O fogo consumia plantas e ninhos. Em vão, gritou por socorro. Reconhecendo que ninguém lhe escutava as súplicas, pôs-se rápida para o córrego não distante, mergulhando as pequenas asas na água fria e límpida; daí, voltava para a zona incen­diada, sacudindo as asas molhadas sobre as chamas devoradoras, procurando apagá-las. Re­petia a operação, já por muitas vezes, quando se aproximou um gavião preguiçoso, indagando-lhe com ironia: — “Você, em verdade, acredita com­bater um incêndio tão grande com algumas gotas dágua?“ A avezinha prestativa, porém, respondeu, calma: — “É provável que eu não possa fazer a obra toda; entretanto, sou imensa­mente feliz cumprindo o meu dever.

O moleiro fez uma pausa e interrogou o filho:

— Não acredita você que podemos imitar semelhante exemplo? Se todos procedêssemos como a andorinha operosa e vigilante, em pouco tempo toda a Terra estaria transformada num paraíso.

O menino calou-se, entendendo a extensão do ensinamento e, no íntimo, contemplando a beleza do quadro matinal, desde as margens do caminho até a montanha distante, prometeu a si mesmo que procuraria cumprir no mundo todas as obrigações que lhe coubessem na obra sublime do Infinito Bem.



Página psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier, constante do cap. 46 do livro Alvorada Cristã.
 



                                                            PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 08 de Setembro de 2011, 10:22
                                      VIVA JESUS!


        Bom-dia! queridos irmãos.

                Encontrando Jesus


“Diante, pois, do próximo, que se acerca do teu coração, cada dia, lembra-te sempre de que estás situado na Terra para aprender e auxiliar.” (Emmanuel, Fonte Viva, item 126, psicografia de Francisco C. Xavier.)

Caminha a humanidade, como um todo, em busca do Cristo. Em todos os quadrantes, observamos as criaturas procurando pelo Mestre, na expectativa de lograr sucesso na busca da paz e da felicidade. Raras delas, no entanto, seguem pela rota certa e pela direção correta que dá acesso ao Divino Amigo.

Encontramos Jesus quando, além da leitura dos Seus notáveis ensinamentos evangélicos, conseguimos colocar em prática as valiosas lições que apresenta.

Encontramos Jesus quando registramos a presença da criança faminta a perambular pelas vias públicas e conseguimos movimentar recursos para aliviar-lhe os padecimentos.

Encontramos Jesus quando localizamos a fome e a carência material que aflige uma família em penúria e conseguimos atendê-la, pelos menos momentaneamente, até que possa encontrar o equilíbrio.

Encontramos Jesus quando identificamos instituições de amparo aos menos favorecidos, de qualquer ordem, e conseguimos doar nossas horas de folga ou mesmo arregimentar donativos, ajudando para que as suas atividades sejam desenvolvidas.

Encontramos Jesus quando nos deparamos com um irmão aflito e conseguimos abrir um espaço de tempo para ouvi-lo, em suas queixas, permitindo que extravase sua dor.

Encontramos Jesus quando exercitamos a paciência ao convivermos com um parente de difícil trato e conseguimos caminhar com ele, dando demonstração de resignação e tolerância.

Encontramos Jesus quando entendemos o valor e a importância da educação e conseguimos oferecer aos nossos filhos ou a qualquer criança, exemplos de nobreza, dignidade e honradez.

Encontramos Jesus quando, ao invés de apontarmos os defeitos alheios, conseguimos nos preocupar em descobrir as imperfeições que carregamos no íntimo e trabalhamos para eliminá-las.

Encontramos Jesus quando entendemos a urgente necessidade de sermos alegres e otimistas, mesmo ante as dificuldades que nos assolam, uma vez que o cristão, como discípulo do Cristo, não tem razões para pessimismo e apatia.

Encontramos Jesus quando compreendemos que em nossas conversações damos amostras do que somos e conseguimos cultivar o hábito de não falar mal da vida alheia e evitar assuntos trágicos, fúnebres e de críticas.

Encontramos Jesus quando temos consciência da nossa imperfeição e conseguimos não esperar a perfeição dos outros, pois a Terra é uma grande escola onde cada qual está matriculado numa classe.

Encontramos Jesus quando lutamos ferreamente para vencer a tristeza, o comodismo e a inércia e conseguimos ser fortes, corajosos e atuantes, oferecendo nossa cota de contribuição para a edificação de uma sociedade mais justa, fraterna e humana.

Enfim, encontramos Jesus quando temos o devido tirocínio, a determinação e a coragem de sair das letras evangélicas para a exemplificação das imorredouras e inquestionáveis lições do Mestre. Quando apagamos a nossa vaidade – que insiste em nos prender aos cultos exteriores e que falam somente às aparências – para valorizarmos a essência do cristianismo no “amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a nós mesmos”... Mas amar verdadeiramente, renunciando, servindo, cooperando, doando-se sem exigir nada em troca.


        Waldenir Aparecido Cuin



                                                          PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 10 de Setembro de 2011, 10:42
                                           VIVA JESUS!


       Bom-dia! queridos irmãos.

               Ânimo e fé

A existência pode ter sido amarga.

Espinheiros talvez se te estendam no caminho.

Caíste, provavelmente, algumas vezes e outras tantas te reergueste, à custa de lágrimas.

Sofreste perseguições e zombaria.

O mundo terá surgido aos teus olhos por vasto deserto.

Anotaste a força da morte que te subtraiu a presença de entes caros.

Viste a deserção de companheiros, renegando-te os ideais.

Seres queridos ignoraram-te os propósitos de elevação.

Varaste crises em forma de fracasso aparentes.

Tiveste o menosprezo por parte de muitos daqueles aos quais te confiaste.

Ouviste as palavras esfogueantes dos que te condenaram sem entender-te.

Palmilhaste longas áreas de solidão.

Perdeste valores que consideravas essenciais à sustentação dos empreendimentos que te valorizam as horas.

Sofres tribulações.

Suportas conflitos.

Atravessas dificuldades e tentações.

Entretanto, por maior que seja a carga de provações e problemas que te pesam nos ombros, ergue a fronte e caminha para frente, trabalhando e servindo, amando e auxiliando, porque ninguém nem circunstância alguma te podem furtar a imortalidade, nem te afastar da onipresença de Deus.

 

Mensagem psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier, publicada no livro Companheiro
 


                                                        PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 14 de Setembro de 2011, 15:51
                                          VIVA JESUS!


        Bom-dia! queridos irmãos.

                  A viagem

O aprendiz chegou ao recanto de antigo orientador da vida cristã e perguntou, em seguida às saudações costumeiras:

– Instrutor, posso acaso receber as suas indicações quanto ao melhor caminho para o encontro com Deus?

A resposta do mentor não se fez esperar:

– A viagem para o encontro com Deus é repleta de obstáculos por vencer... Espinheirais, precipícios, charcos e pedreiras perigosas...

Silenciando o interpelado, o moço prosseguiu:

– Isso tudo conheço... Já visitei vários  templos da Índia, quando estive por vários dias na intimidade de faquires famosos, todos eles revestidos de faculdades supranormais; arrisquei-me a cair nos despenhadeiros do Tibete para conviver com os  monges santos; orei na Grande  Pirâmide do Egito; demorei-me na impressões da paisagem na qual Jesus viveu, no entanto, estou saciado de excursões à procura da Divina Providência...

O orientador escutou com humildade e esclareceu, em seguida:

– Sim, é verdade que todas essas peregrinações e práticas auxiliam na busca do Supremo Senhor, mas, ao que me parece, há um engano de sua parte...

E rematou:

– A viagem para o encontro com  Deus é para dentro de nós.

 

Mensagem psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier, publicada no livro Agora é o Tempo.
 
 
 


                                                             PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 20 de Setembro de 2011, 00:11
Para Renovar-nos

Não espere viver sem problemas, de vez que
problemas são ingredientes de evolução,
necessário sao caminho de todos ante os próprios
erros,não descambe para o desculpismo e
sim enfrente as conseqüências deles, a fim de
retificar-se,como quem aproveite pedras
para construção mais sólida.
Não perca tempo e serenidade, perante as
prováveis decepções da estrada, porquanto
aqueles que supõem decepcionar-no estão
decepcionando a si mesmos.
Reflita sempre antes de agir, a fim de que
seus atos sejam conscientizados.
Não exija perfeição nos outros e nem mesmo
em você, mas procure melhorar-se quanto possível.
Simplifique seus hábitos.
Experimente humildade e silêncio, toda vez que
a violência ou a irritação apareçam em sua área.
Comunique seus obstáculos apenas aos corações
amigos que se mostrem capazes de auxiliar em seu
beneficio com descrição e bondade.
Diante dos próprios conflitos, não tente beber ou
dopar-se, buscando fugir da própria mente,
porque de toda ausência indébita você voltará
aos estragos ou necessidades que haja criado
no mundo íntimo, a fim de saná-los.
Lembre-se de que você é um espírito eterno e se
você dispõe da paz na consciência estará sempre
inatingível a qualquer injúria ou perturbação.


_André Luiz_
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 28 de Setembro de 2011, 14:27
                                           VIVA JESUS!



        Bom-dia! queridos irmãos.

                O Paraíso é possível

Caio F. Quinto    

Vocês se lembram da história ou ao menos a conhecem?

"Duas crianças estavam patinando num lago congelado da Alemanha. Era uma tarde nublada e fria, e as crianças brincavam despreocupadas. De repente, o gelo se quebrou e uma delas caiu, ficando presa na fenda que se formou. A outra, vendo seu amiguinho preso e se congelando, tirou um dos patins e começou a golpear o gelo com todas as suas forças, conseguindo por fim quebrá-lo e libertar o amigo. Quando os bombeiros chegaram e viram o que havia acontecido, perguntaram ao menino: - Como você conseguiu fazer isso? É impossível que tenha conseguido quebrar o gelo, sendo tão pequeno e com mãos tão frágeis! Nesse instante, o gênio Albert Einstein que passava pelo local, comentou: - Eu sei como ele conseguiu. Todos perguntaram: - Pode nos dizer como? - É simples, respondeu Einstein. - Não havia ninguém ao seu redor, para lhe dizer que não seria capaz. Deus nos fez perfeitos e não escolhe os capacitados, capacita os escolhidos. Fazer ou não fazer algo, só depende de nossa vontade e perseverança. (Albert Einstein)

Conclusão: Preocupe-se mais com sua consciência do que com sua reputação. Porque sua consciência é o que você é, e sua reputação é o que os outros pensam de você. E o que os outros pensam, é problema deles."

Deve ser por causa da tal história do Paraíso que a humanidade até hoje se demora neste impasse. Não se sentem capacitadas para correr atrás dos seus melhores sonhos porque nalgum lugar alguém as fez desacreditar de si e dependentes da graça dos santos ou de Deus para que obtivessem o que almejam, esquecendo-se de que cada prédio só é levantado tijolo a tijolo via mão de obra humana, e não por passe de mágica extemporâneo ou sobrenatural...

Não dão o primeiro passo na resolução das suas diferenças porque, de tão imersas em desencantos e em contratempos num mundo onde o objetivo humano se solidificou em torno da competitividade exclusivista, foram ensinadas a declinar dos verdadeiros valores que fazem da vida e da convivência comunhão e prazer, para se consumirem na luta inglória do se valer só em função do ter!

Não valorizam mais a célula familiar porque esta mesma competitividade tornou pessoas em peças descartáveis, em relação às quais o amor conta pouco na hora da comodidade de se prescindir da tolerância buriladora de todos no agrupamento sagrado do lar, para lançá-las no eterno enredo burlesco de se prescindir da qualidade amadurecida da convivência em prol de uma busca inglória de emoções novas com pessoas novas, todavia tão humanas quanto as anteriores: com dilemas, problemas e árduo percurso evolutivo a resolver...

Ninguém se toca mais das necessidades e sofrimentos alheios, por todos se acharem demasiadamente ofuscados pelos seus problemas de ordem transitória, tidos como os piores possíveis, ignorando-se o vizinho ao lado a nos oferecer exemplo de estoicismo e de serenidade de dentro de agruras quiçá maiores, e de molde a tornar as nossas na essência mesma do que se entende como o Éden!

Crimes hediondos são perpetrados como frutos apodrecidos de uma sociedade que atirou ao lixo os seus melhores dons e virtudes, atribuindo significado último ao contexto material sedimentado sobre fatores efêmeros que, em se esvaindo, como ilusão fugaz, nos deixam a todos, no fim da trajetória física, de mãos vazias, tanto quanto assim viemos ter ao regaço materno no princípio da jornada em que mesmo o aconchego do vestuário mais singelo nos faltava!...

Conhecido autor do orbe já nos alertava, dando canal à mensagem valiosa da Voz:

O mundo ainda é um inferno porque vós sois monstros; no dia em que fordes anjos, o mundo será um paraíso

Assim, considerando a profunda autenticidade dos excertos aqui mencionados, lembremo-nos sempre:

Cabe-nos o mérito da conquista que, via esforço nobre e honrado, nos proporciona o alcance de cada um dos nossos melhores sonhos, tendo em conta que todo sonho deve se compatibilizar não somente com o nosso bem estar, mas com o da coletividade.
Harmonizar-se com o semelhante é assunto exclusivo nosso, de vez que no capítulo das diferenças individuais nada será conciliado se indefinidamente nos pusermos à espera de que o outro dê aquele primeiro passo que, provavelmente, também ele espera que lho ofertemos, mais das vezes com lídima razão. De sorte que a consolidação da paz no mundo não virá do céu, do além, de Deus, dos espíritos ou dos santos que - sim! - nos auxiliam, alertando do rumo cuja trajetória só poderá ser seguida com os nossos próprios passos!

Aquilo por que vale a pena se empenhar em qualquer quadrante da Vida universal nunca será o que o consumo e a passagem implacável das horas termina por nos retirar, inexoravelmente, da nossa falseada noção de "posse".

Exercitemos no núcleo sagrado da família a sedimentação dos nossos mais preciosos atributos como seres humanos, porque é daí que se irradiará a nossa contribuição para a sociedade e para o círculo mais amplo das nossas convivências; certo é, de resto, que se não nos cala mais fundo o sentimento fraternal para com os desafetos do ambiente consangüíneo, difícil será que tal proeza se realize para com desafetos alheios ao ninho familiar.

Ofereçamos fraternidade e interesse para com os dramas dos que nos cercam, ofertando-lhes na medida das nossas possibilidades compreensão e arrimo, porque o sentimento humano, em não se exercitando na realidade maior do apoio mútuo, estiolado, deságua em solidão pétrea, que vitimiza os assim ilhados no seu egoísmo, por tempo indeterminado, no abismo fundo da amargura e das angústias inconsoláveis.
Nenhuma moradia se nos faz atraente e limpa se nós mesmos não nos dedicarmos a decorá-la ao nosso gosto, limpá-la, perfumá-la, criar nos seus interiores o clima harmonioso de convivência que nos interessa e que, em todos os sentidos, refletirá não mais do que o perfil de seus habitantes.

Nenhum ser afeito ao pântano há de se rejubilar com o frescor das águas límpidas da nascente brilhando ao sol matutino, assim como jamais aos pássaros delicados aprazerá introduzir-se nas sombras pegajosas própria dos seres rastejantes nas profundidades do solo.

Conscientizemo-nos, em caráter definitivo, de que o Paraíso idealizado é obra nossa, e assunto exclusivo de edificação particular, não vindo agora, ou mais para frente, de cima, do outro, de milagres ou do que quer que seja se, por nós mesmos, não nos sintonizarmos na freqüência certa a que habitemos o remanso pré-existente em nosso próprio íntimo. Porque a partir daí, este se materializará, sem erros, nos cenários exteriores da nossa jornada!

Paraíso e Éden, e um mundo melhor, a qualquer tempo, meus amigos, dependerão apenas das nossas próprias realizações. Já é, pois, ultrapassada a hora de nos libertar-nos das formas infantis de dependência espiritual e psíquica, para assimilarmos com amadurecimento e eficiência esta máxima, assumindo os nossos mais preciosos valores: Como ninguém disse que era impossível, foi lá e fez!

Façamos do planeta Terra aquilo que sonhamos que seja. E assim como o forjarmos, com o cinzel dos nossos pensamentos e atitudes, assim o será!


Mensagem psicografada pela médium Christina Nunes, do Rio de Janeiro (RJ).
 



                                                     PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 01 de Outubro de 2011, 09:56
                                            VIVA JESUS!


         Bom-dia! queridos irmãos.

                 Convivência

André Luiz

A vida vem de Deus, a convivência vem de nós.

Aqueles companheiros que nos partilham a experiência do cotidiano são os melhores que a Divina Sabedoria nos concede, a favor de nós mesmos.

Se você encontra uma pessoa difícil em sua intimidade, essa é a criatura exata que as leis da reencarnação lhe trazem ao trabalho de burilamento próprio.

As pessoas que nos compreendem são bênçãos que nos alimentam o ânimo de trabalhar; entretanto, aquelas outras que ainda não nos entendem são testes que a vida igualmente nos oferece, a fim de que aprendamos a compreender.

Recordemos: nos campos da convivência é preciso saber suportar os outros para que sejamos suportados.

Se alguém surge como sendo um enigma em seu caminho, isso quer dizer que você é igualmente um enigma para esse alguém.

Nunca diga que a amizade não existe; qual nos acontece, cada amigo nosso tem as suas limitações e se algo conseguimos fazer em auxílio do próximo, nem sempre logramos fazer o máximo, de vez que somente Deus consegue tudo em todos.

Se você realmente ama aqueles que lhe compartilham a estrada, ajude-os a ser livres para encontrarem a si mesmos, tal qual deseja você a independência própria para ser você, em qualquer lugar.

Quem valoriza a estima alheia, procura igualmente estimar.

Se você acredita que franqueza rude pode ajudar alguém, observe o que ocorre com a planta que você atire água fervente.

Abençoemos se quisermos ser abençoados.

 

Do cap. 16 do livro Respostas da Vida, de André Luiz, obra psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier.




                                                         PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 08 de Outubro de 2011, 09:47
                                        VIVA JESUS!


       Bom-dia! queridos irmãos.

               Escolha o perdão
e a liberdade!

Nietzsche denunciou o problema do ressentimento nos tempos modernos. E mesmo os que consideram o seu pensar equivocado admitirão que ninguém pode alcançar a liberdade antes de ter encarado honestamente o próprio ressentimento.

No geral, a pessoa não se conscientiza do rancor e, distraída, canaliza a emoção negativa contra os outros ou contra si mesma. Além do mais, a autocomiseração é a forma “em conserva” do ódio ou do ressentimento. Pode-se, num primeiro momento, nutrir a mágoa e sentir pena de si mesmo, consolando-se com a idéia de que se está sofrendo muito, deixando de agir positivamente. Contudo, cedo ou tarde, sentir-se-á o peso da opressão, pois aquilo que não é assumido e transformado se manifestará  na forma de fracasso no trabalho e nos relacionamentos, enfermidades físicas, angústias e fobias.

Em casos graves, torna-se claro que a pessoa, acossada pela mágoa não expurgada, fez do seu ressentimento uma espécie de troféu a ser apreciado e cuidado. O que, infelizmente, não compreende é que, no final, esta emoção nociva a destruirá e seria sinal de maturidade transformá-la em emoção construtiva para avançar o passo e, com isso, expandir sua consciência. 

Em verdade, o ressentimento deveria ser usado como estímulo para a reconquista da liberdade: não se transformarão as emoções tóxicas em sadias enquanto isto não for encarado. E o primeiro passo é saber a quem se destina o ressentimento para tratar de liberar o sujeito. De que maneira? Pelo perdão, pois não há receita melhor...

Muitas pessoas podem demorar a perceber a presença do ódio em si mesmas, internalizadas nas memórias amargas, mas não há dúvida de que, com esforço, içarão formas diversas de ressentimentos.

Contudo, associado ao processo do autoconhecimento, quando um indivíduo entende que sua sombra consiste em mágoas, antigas e recentes, deve aprender a perdoar. E não há como escapar dessa exigência existencial. Os que a evitam ficam suscetíveis a doenças e vícios.

Não há dúvida: com coragem e paciência, a atitude do perdão faz com as coisas mudem, dissolvendo os resíduos da amargura e do rancor e, depois, favorecendo o surgimento do alívio e da paz interior. E a ação do perdão pode ser lenta, mas é poderosa. Ela age suavemente, dissolvendo e transformando.

Embora seja difícil, o perdão cura. Para isso, é preciso voltar-se para a dor-ressentimento para dissolvê-la neste  fármaco abençoado.

Se a dor, em certas circunstâncias, resulta da colheita obrigatória (dor-resgate), o ressentimento pode servir de bússola para a reconstrução daquilo que, no presente, ajudamos a construir para a desarmonização. Na evitação de futura dor-resgate, melhor agir segundo a instrução racional quanto às Leis que regulam as relações entre os seres e perdoar para despertar para um panorama mais sadio, pois assistido pela boa vontade e pela correção do orgulho.

         Eugênia Pickina



                                                         PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 15 de Outubro de 2011, 10:56
                                        VIVA JESUS!


       Bom-dia! queridos irmãos.

              Carta do além

Antenor Amorim

Minha irmã,

Estou feliz, quanto é possível, em minha situação de trabalhador que não aproveitou o dia.

Lastimo que o egoísmo de homem não me tivesse permitido receber as graças do Céu, que me coroavam o caminho.

Que fazer agora, senão ajoelhar-me de mãos postas e suplicar as bênçãos de Deus?

Estou aprendendo que não possuímos bem algum sem preparação, assim como o lavrador nada colhe sem dedicação à sementeira.

Por que razão é preciso morrer para ver?

Hoje reconheço que era um cego. Estou ligado a imensas responsabilidades, mas espero desobrigar-me delas com seu amoroso amparo.

Continue brilhando na sua fé, porque seu devotamento para mim, hoje, é uma estrela a guiar-me na viagem.

Como é rápida a experiência humana! Ontem, projetos a se expandirem para o futuro, com a falsa convicção de que o corpo de carne superaria todos os obstáculos, hoje, porém, a ausência dele, com problemas enormes no espírito.

Tanto quanto pode estar feliz um aluno atrasado no curso repentinamente tocado pela boa vontade, vejo-me reconfortado para seguir adiante.

Graças a Deus refugio-me na fé quando a tormenta de recordações me fustiga a alma, e, desse modo, vou reconquistando as próprias forças para lutar na vida verdadeira.

Ah! Se eu pudesse recuar no tempo, como seria diferente a minha conduta!

Somente aqui conseguimos aquilatar o tempo perdido na procura de fantasias brilhantes e, com lágrimas tardias, reconhecemos que muito poderíamos ter feito, no erguimento de nossa própria felicidade nas sendas eternas.

Feliz quem sabe renunciar e não espera a morte do corpo para confiar-se à própria renovação!

A verdadeira fortuna é justamente essa – a da alma que se consagra ao Senhor, buscando-lhe os divinos desígnios.

Continuemos beneficiando a todos.

Quando as nossas obrigações para com os nossos se acham cumpridas, a nossa casa é o mundo inteiro e a nossa família é a Humanidade.

Hoje entendo que a vitória maior é sempre a daqueles que sabem confiar, amar, perdoar, ajudar e esperar.

Sem o espírito de amor e perdão, que Jesus nos legou, a caminhada para o Alto é difícil, quando não verdadeiramente impraticável.

Trabalhemos na plantação do bem. Nossos corações agora se dirigem para o novo lar sem a dor e sem a sombra, que invadem na Terra o santuário da afeição mais sublime.

E que o Senhor nos proteja sempre em nossos novos propósitos de renovação para a eternidade.

 

Do livro Cartas do Coração, ditado por Espíritos Diversos por intermédio do médium Francisco Cândido Xavier




                                                       PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 17 de Outubro de 2011, 10:22
                                           VIVA JESUS!


        Bom-dia! queridos irmãos.

                Renúncia

 Bezerra de Menezes

Meus amigos:

Rendamos graças ao Nosso Pai Celestial, guardando boa-vontade para com os homens, nossos irmãos.

Como de outras vezes, achamo-nos juntos no santuário da prece...

Nossa visita, contudo, não tem outro objetivo senão colaborar na renovação íntima que nos é indispensável, a fim de que não estejamos malbaratando os recursos da fé e os favores do tempo.

Volvendo a vós outros, endereçamos igualmente a nossa mensagem a todos os companheiros que nos es­cutam fora da carne, órfãos de luz, ao encalço da própria transformação com o Divino Mestre, porque somente em Cristo é possível traçar o verdadeiro caminho da redenção.

Aprendamos a ceder, recolhendo com Jesus a lição da renúncia, como ciência divina da paz.

Constantemente nossa palavra se reporta à caridade e admitimos que caridade seja apenas alijar o supérfluo de valores materiais da nossa vida. Entretanto, a caridade maior será sempre a da pró­pria renunciação, que saiba ceder de si mesma para que a liberdade, a alegria, a confiança, o otimismo e a fé no próximo não sofram prejuízo de qualquer procedência.

Como exercício incessante de autoburilamento, é im­perioso ceder diariamente de nossas opiniões, de nossos pontos de vista, de nossos preconceitos e de nossos hábitos, se pretendemos realmente assimilar com Jesus a nossa reforma no Evangelho.

Toda a Natureza é escola nesse sentido.

Cedendo de si própria, converte-se a madeira bruta em móvel de alto preço.

Abdicando os prazeres da mocidade, o homem e a mulher alcançam do Senhor a graça do lar, em favor dos filhinhos que lhes conduzirão a mensagem de amor e confiança ao futuro.

Consumindo as próprias forças, o Sol mantém a Terra e nos sustenta a vida com seus raios.

Meditai a realidade, principalmente vós outros (1) que já vos desenfaixastes do envoltório físico! Cultivemos a renúncia aos haveres e afetos da retaguarda humana, para que a morte se nos revele por vida imperecível, des­cortinando-nos nova luz!...

Todos os dias, volta o esplendor solar à experiên­cia do homem, concitando-o a aperfeiçoar-se, por dentro, pelo olvido de velhos fardos das impressões negativas, que tantas vezes se nos cristalizam na mente, escravizando-nos à ilusão...

E porque vivemos desprevenidos, gastando a esmo as oportunidades de serviço, obtidas no mundo, com o corpo denso, somos colhidos pela transição do túmulo, como pássaros engaiolados na grade do próprio pensamento.

É necessário esquecer para reviver.

É imprescindível o desapego de todas as posses precárias da estação carnal de luta, para que o incêndio das paixões não nos arraste às calamidades do espí­rito, pelas quais se nos paralisa o anseio de progresso, em seculares reparações!...

Não há liberação da consciência, quando a consciência não se liberta.

Não há cura para as nossas doenças da alma, quando nossa alma não se rende ao impositivo de recuperar a si mesma!...

Saibamos, assim, exercer a doce caridade de compreender as criaturas que nos cercam. Não somente entendê-las, mas também ampará-las pelo desprendimento de nossos desejos, percebendo que o bem do próximo, antes de tudo, é o nosso próprio bem.

Recordemos que as Leis do Senhor se manifestam, em voz gritante, nas trombetas do tempo, conferindo a cada coisa a sua função e a cada espírito o lugar que lhe é próprio.

Desse modo, não nos adiantemos aos Celestes Desígnios, mas aprendamos a ceder, na convicção de que a justiça é sempre a harmonia perfeita.

Atentos ao culto do sacrifício pessoal sob as normas do Cristo, peçamos a Ele coragem de usar o silêncio e a bondade, a paciência e o perdão incondicional, no trabalho regenerador de nós mesmos, de vez que não podemos dispensar a energia e a firmeza para nos afeiçoarmos a semelhantes virtudes que, em tantas ocasiões, repontam entusiásticas de nossa boca, quando o nosso coração se encontra longe delas.

Irradiemos os recursos do amor, através de quantos nos cruzem a senda, para que a nossa atitude se con­verta em testemunho do Cristo, distribuindo com os ou­tros consolação e esperança, serenidade e fé.

Imitemos a semente humilde a desfazer-se no solo, aparentemente desamparada, aprendendo com ela a desintegrar as teias pesadas e escuras que nos constrin­gem a individualidade eterna, a fim de que o nosso espírito desabroche no chão sagrado da vida, em novas expressões de entendimento e trabalho.

Para isso, não desdenhemos ceder.

E supliquemos ao Eterno Benfeitor nos ajude a plasmar-lhe a Doutrina de Luz em nossas próprias vidas, para que a nossa presença, onde quer que estejamos, seja sempre uma fonte de reconforto e esperança, serviço e benevolência, exaltando para aqueles que nos rodeiam o abençoado nome de Nosso Senhor Jesus-Cristo.

(1) Neste tópico da mensagem, o Doutor Bezerra de Menezes dirigia-se, de modo particular, aos desencarnados presentes. (Nota do organizador.)

 

Mensagem psicofônica transmitida por intermédio do médium Francisco Cândido Xavier em 11 de março de 1954, constante do cap. 1 do livro Instruções Psicofônicas.
 



                                                       PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Dothy em 20 de Outubro de 2011, 20:20
Amigos e irmãos, muita paz

Hora de luz

Quando tudo te pareça frustração e impedimento;
no instante em que a solidão te obrigue a pensar e repensar;
em observando os recursos necessários à própria subsistência cada vez mais distantes;
no momento em que os melhores amigos te considerem incapaz para o serviço a fazer;
na travessia de graves desgostos;
nas épocas de crise, quando a provação te procure para demoradas visitas;
ouvindo os pregoeiros do pessimismo e do desalento;
diante das ocorrências complicadas e dolorosas,
quando o desânimo te ameace;
ou na ocasião em que todas as circunstâncias surjam conjugadas como que favorecendo a ignorância e o desequilíbrio;
guarda a certeza de que estás atingindo a hora de luz em que desfrutas a oportunidade de revelar a força de tua fé e o ensejo bendito em que podes, com a bênção de Deus, esquecer o mal e fazer o bem
.


(Do livro “Algo Mais", Emmanuel, Francisco Cândido Xavier)
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 22 de Outubro de 2011, 09:35
                                             VIVA JESUS!


         Bom-dia! queridos irmãos.

                 Nota de irmão

 André Luiz

Diz você, meu amigo, que não se encontra habilitado para as tarefas do bem, à vista das imperfeições que carrega.

Entretanto, ponderemos:

Se você:

não experimenta empeços orgânicos;

se não suporta conflitos íntimos;

se vive isento de tentações;

se respira em clima de paz inalterável;

se você não tem familiares problemas;

se não sofre obstáculos no lar;

se não vê desajustes em seu grupo social;

se não encontra companheiros difíceis;

se você:

não conheceu algum dia a solidão de perto;

se caminha no mundo sem qualquer inquietação;

se não enfrentou crises em seu campo individual;

se nunca enxergou ao seu lado a presença do desânimo ou da aflição;

se você:

não precisa esforçar-se para conservar seus amigos;

se não conhece adversários na tarefa que a vida lhe confiou;

se trabalha sem críticos que lhe façam observações e lhe desafiem o espírito a discussões e distonias em serviço;

se não experimenta contratempos e desgostos que, de quando a quando, lhe impulsionem o coração a renovações necessárias...

Se você desconhece algo desta lista de provas, então estará fora do seu nível de evolução.

Isso ocorre porque, na Terra, é justamente em problemas e lutas que obteremos as vitórias da alma.

Lembre-se:

A criatura humana realmente não entenderia a voz de uma estrela. E sem que a criatura humana ouça o verbo e receba a cooperação de quem lhe compartilhe as experiências, o esforço da evolução para cada um de nós, no clima do mundo, se faria impossível.
 

Do livro Diálogo dos Vivos, de autoria de J. Herculano Pires, Chico Xavier e Espíritos Diversos.




                                                     PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 23 de Outubro de 2011, 09:48
                                         VIVA JESUS!


        Bom-dia! queridos irmãos.

                Serviço de Caridade  


Calemo-nos diante da ofensa.


Auxiliemos aos companheiros de experiência, quanto se nos faça possível.


Abstenhamo-nos de maldizer, onde não possamos auxiliar.


Evitemos ressentimento ou azedume, quando o mal nos alveje.


Busquemos a conciliação fraterna, amparando, ainda mesmo de longe, aqueles que nos firam.


Desculpemos quantas vezes se fizerem necessárias, cada dia, exercitando-nos na prática do verdadeiro perdão.


Olvidemos os caprichos do “eu” que tantas vezes nos escravizam a escuras ilusões.


Aprendamos com a vida, para sermos mais úteis.


Multipliquemos as bênçãos do serviço, no campo das horas, conscientes de que o tempo é um empréstimo inestimável da Providência Divina.


Assim procedendo, estejamos certos de que cultivaremos a caridade para com o próximo e para conosco, de vez que, corrigindo em nós aquilo que nos aborrece nos outros, seguiremos, dia a dia, nos passos de Jesus, em nosso esforço de ascensão.

             Emmanuel



                                                      PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 29 de Outubro de 2011, 13:16
                                         VIVA JESUS!


      Bom-dia! queridos irmãos.

              Dever cristão

Hilário Silva


Rossi e Alves eram diretores de conhecido templo espírita e davam-se muito bem na vida particular.

Afinidade profunda. Amizade recíproca. Sempre juntos nas boas obras, integravam-se perfeitamente no programa do bem.

Alves, com desapontamento, passou a saber que Rossi, nas três noites da semana sem atividades doutrinárias, era visto penetrando a porta de uma casa evidentemente suspeita, lugar tristemente adornado para encontros clandestinos de casais transviados.

Persistindo semelhante situação por mais de um mês, Alves, certa noite, informado de que o amigo entrara na casa referida, veio esperá-lo à saída.

Dez, onze, meia-noite...

Alguns minutos depois de zero hora, Rossi saiu calmo e o amigo abordou-o:

- Meu caro – advertiu Alves, sisudo -, não posso vê-lo reiteradamente neste lugar. Você é casado, pai de família e, além de tudo, carrega nos ombros a responsabilidade de mentor em nossa Casa. Nada podemos condenar, mas você não ignora que álcool e entorpecentes, aí dentro, andam em bica...

Rossi coçou a cabeça num gesto característico e observou:

- Não há nada. Estou apenas cumprindo um dever cristão.

- Dever cristão?

- Sim, a filha de um dos meus melhores amigos está frequentando este círculo. Jovem inexperiente. Ave desprevenida em furna de lobos. Enganada por lamentável explorador de meninas, acreditou nele... Mas a batalha está quase ganha. Convidei-a a pensar. Há mais de um mês prossegue a luta. Hoje, porém, viu com os próprios olhos o logro de que é vítima. Acredito que amanhã surgirá renovada...

E ante os olhos desconfiados do amigo:

- Você sabe. É preciso agir, sem rumor, sem escândalo. Quem sabe? Talvez em futuro próximo a invigilante pequena possa encontrar companheiro digno. E ser mãe respeitada.

Alves riu-se às pampas, de maneira escarninha, e falou:

- Vou ver se é verdade.

- Não, não! Não vá! – pediu Rossi, em súplica ansiosa.

- Tem medo de ser apanhado em mentira? – disse Alves, com a suspeita no rosto.

E sem mais nem menos entrou casa adentro encontrando, num pequeno salão, sua própria filha chorando ao pé de um cavalheiro desconhecido...


Do livro A Vida Escreve, de Hilário Silva, obra psicografada pelos médiuns Waldo Vieira e Francisco Cândido Xavier



                 
                                                            PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: Carmen.gbi em 29 de Outubro de 2011, 19:28

Boa tarde! amigos


Bom dia!


"Um homem deve ir a busca da sabedoria, da mesma maneira que um soldado vai para a guerra: com medo, com respeito, e com total segurança. Deve agir como se soubesse onde está indo, embora na realidade não tenha a menor idéia do que irá encontrar; o que importa é que ele está percorrendo o caminho que escolheu."

Carlos Castañeda  
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 04 de Novembro de 2011, 08:01
                                           VIVA JESUS!


        Bom-dia! queridos irmãos.

                A retribuição

"Pedro disse-lhe: e nós que deixamos tudo e te seguimos que
receberemos?" - (Mateus, 19:27.)

A pergunta do apóstolo exprime a atitude de muitos corações nos templos religiosos.

Consagra-se  o  homem  a  determinado  círculo  de  fé  e  clama,  de imediato: - "Que receberei?"

A resposta, porém, se derrama silenciosa, através da própria vida.

Que recebe o grão maduro, após a colheita? O triturador que o ajuda a purificar-se.

Que prêmio se reserva à farinha alva e nobre? O fermento que a transforma para a utilidade geral.

Que privilégio caracteriza o pão, depois do forno? A graça de servir.

Não se formam cristãos para adornos  vivos do mundo e sim para a ação regeneradora e santificante da existência.

Outrora, os servidores da realeza humana recebiam o espólio dos vencidos  e, com eles, se rodeavam  de gratificações de natureza física, com as quais abreviavam a própria morte.

Em Cristo, contudo, o quadro é diverso.

Vencemos, em companhia dele, para nos fazermos  irmãos de quantos  nos partilham a experiência, guardando a obrigação de ampará-los e ser-lhes úteis.

Simão Pedro, que desejou saber qual lhe seria a recompensa pela adesão à Boa Nova, viu, de perto, a necessidade da renúncia. Quanto mais se lhe acendrou a fé, maiores testemunhos de amor à Humanidade lhe foram requeridos. Quanto mais conhecimento adquiriu, a mais ampla caridade  foi  constrangido, até o sacrifício extremo.

Se deixaste, pois, por devoção a Jesus, os laços que te prendiam às zonas inferiores da vida, recorda que, por felicidade tua, recebeste do Céu a  honra de ajudar, a prerrogativa de entender e a glória de servir.


Página psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier, constante do cap. 22 do livro Fonte Viva




                                                      PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 06 de Novembro de 2011, 07:28
                                           VIVA JESUS!


        Bom-dia! queridos irmãos.

                A quem mais tem

Batuíra

Meus filhos.

Deus nos inspire sempre.

Estudemos o ensinamento de Jesus: “A quem mais tem, mais se dará.”

Vejamos:

Mais caridade – mais bênção.

Mais tolerância – mais compreensão.

Mais esperança – mais fé.

Mais esforço – mais experiência.

Mais paciência – mais realização.

Mais obediência – mais liberdade.

Mais estudo – mais discernimento.

Mais gentileza – mais cooperação.

Mais fraternidade – mais alegria.

Mais abnegação – mais luz.

Mais sacrifício – mais conquista.

Mais desprendimento – mais posse espiritual.

Mais atenção – mais respeito.

Mais serenidade – mais visão.

Mais utilidade – mais auxílio.

Mais boa vontade – mais triunfo.

Mais resignação – mais entendimento.

Mais conhecimento – mais responsabilidade.

Mais correção – mais encargos.

Mais vigilância – mais acerto.

Mais perdão – mais apoio.

Mais disciplina – mais eficiência.

Mais humildade – mais força.

Em suma, é imperioso reconhecer que quanto mais serviço ao próximo – mais vizinhança de Cristo, e quanto mais trabalho – mais crédito.

Observemos, assim, que onde se encontre a criatura humana, em marcha ascendente para a vida superior, surgem problemas e problemas.

E para que venhamos alcançar as devidas soluções será necessário trabalhar e trabalhar cada vez mais.

 

Do livro Mais Luz, de Batuíra, obra psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier.





                                                      PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 07 de Novembro de 2011, 08:49
                                          VIVA JESUS!


          Bom-dia! queridos irmãos.

                  Renascimento
 
Não aguardes o lance da morte para atender, em ti mesmo, à grande renovação.

Se a chama de tuas esperanças mais caras surge agora reduzida a pó e cinza, aproveita os resíduos dos sonhos mortos por adubo à nova sementeira de fé e ca­minha para diante, sem descrer da felicidade.

Muitos desertam do quadro escabroso em que o Céu lhes permite a quitação com as Leis Divinas, deitando-lhe insultos, como se se retirassem de província infernal, mas voltarão a ele, em momento oportuno, com lágrimas de tardio arrependimento, para reajustar suas disposições, quando poupariam larga quota de tempo se lhe buscas­sem compreender as lições ocultas.

Outros muitos fogem de entes amados, reprochando-lhes a conduta e anatematizando-lhes a existência, qual se se ausentassem de desapiedados verdugos; no entanto, voltarão, igualmente mais tarde, a tributar-lhes paciência e carinho, a fim de curar-lhes as chagas de ignorân­cia e ajudá-los no pagamento de débitos escabrosos, en­tendendo, por fim, que teriam adquirido enorme tesouro de experiência se lhes houvessem doado apoio e entendimento, perdão e auxílio justo, no instante difícil em que se mostravam desmemoriados e inconscientes.

Não deixes, assim, para amanhã o trabalho bendito da caridade que te pede ação ainda hoje.

O caminho de angústia e a mão do insensato despon­tam do pretérito, cujas dívidas precisamos solver.

Desse modo, se te não é lícito possuir esse ou aquele patrimônio que te parece adequado à realização do mais alto ideal, faze da tela escura em que estagias a escola da própria sublimação, e, se não podes receber, em de­terminada condição, a alma que amas, no mundo, consa­gra-lhe mesmo assim o melhor de teu culto, estenden­do-lhe a bondade silenciosa, na bênção da simpatia.

Não encomendes, pois, embaraços e aversões à loja do futuro, porque, a favor de nossa própria renovação, concede-nos o Senhor, cada manhã, o Sol renascente de cada dia.


Página psicografada em 2 de março de 1959 pelo médium Francisco Cândido Xavier, constante do cap. 15 do livro Religião dos Espíritos




                                                   PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 08 de Novembro de 2011, 08:50
                                           VIVA JESUS!


       Bom-dia! queridos irmãos.

                 Trabalho além da Terra


Além da morte, a alma continua naquilo que começou a fazer na existência física.

*

E em razão de cada criatura trans­portar consigo a experiência a que se afeiçoa, a Sabedoria Divina concede a cada espírito encarnado determinada tarefa, que, na essência, vale por ensaio precioso, à frente do serviço que lhe competirá no amanhã eterno.

*

Vemos, na Terra, diversificar-se o trabalho...

Esse ensina.

Aquele dirige.

Aquele outro obedece.

Aqui, possuímos quem edifique.

Além, há quem cure.

Adiante, há quem esclareça.

*

Entretanto, se o professor apenas faz jus à remuneração financeira, não terá conquistado o santuário da educação.

Se o dirigente foge à exemplificação e à nobreza íntima, não terá conhecido a verdadeira autoridade.

Se o cooperador subalterno menos­caba a atenção para com o bem comum, viverá muito longe do prazer de servir.

Se quem levanta paredes e monu­mentos cinge-se apenas ao interesse par­ticular, não terá percebido a beleza da construção.

Se quem alivia as dores humanas procura simplesmente o lucro fácil, de­certo desconhecerá o divino templo da cura.

E se quem esclarece foge ao devota­mento e à serenidade, preferindo localizar-se entre a exigência e a aspere­za, não acenderá no caminho a luz do amor.

*

Não olvides que as tuas atividades, fora do corpo denso, serão sempre a con­tinuação daquilo que fazes por dentro de ti, obedecendo ao próprio coração.

*

Não basta erguer braços ágeis, deitar fraseologia preciosa ou provocar excessivo movimento em torno de teus dias, porque há muitas mãos operosas na extensão da sombra, muito verbo faustoso na exploração menos digna e muito ruído vão, provocando, onde existe, tão-somente amargura e cansaço.

*

Ama o serviço que o Senhor te confiou, por mais humilde que seja, e oferece-lhe as tuas melhores forças, porque do que hoje fazes bem, no proveito de todos, retirarás amanhã o justo alimento, para a obra que te erguerá do insignificante esforço terrestre para o trabalho espiritual.


Página psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier, constante do cap. 13 do livro Mediunidade e Sintonia.

 
 

                                                      PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: katiatog em 12 de Novembro de 2011, 04:52
   
                             (http://i244.photobucket.com/albums/gg8/gig34334/priestess.jpg)



DIVINA  CENTELHA


             
Deus está em cada um de nós, no templo vivo da consciência. É aquele o lugar sagrado, o santuário em que se encontra a divina centelha. Homens! Aprendei a imergir em vós mesmos, a esquadrinhar os mais íntimos recônditos do vosso ser; interrogai-vos no silêncio e no retiro. E aprendereis a reconhecer-vos, a conhecer o poder escondido em vós. É ele que leva e faz resplandecer no fundo de vossas consciências as santas imagens do bem, da verdade, da justiça, e é honrando essas imagens divinas, rendendo-lhes um culto diário, que essa consciência, ainda obscura, se purifica e se ilumina. Pouco a pouco, a luz se engrandece em nós outros. De igual modo que gradualmente, de maneira insensível, as sombras dão lugar à luz do dia, assim a Alma se ilumina das irradiações desse foco que reside nela e faz desabrochar, em nosso pensamento e em nosso coração, formas sempre novas, sempre inesgotáveis de verdade e de beleza. E essa luz é também harmonia penetrante, voz que canta na alma do poeta, do escritor, do profeta, e os inspira e lhes dita as grandes e fortes obras, nas quais eles trabalham para elevação da Humanidade. Mas, sentem essas coisas apenas aqueles que, tendo dominado a matéria, se tornaram dignos dessa comunhão sublime, por esforços seculares, aqueles cujo senso íntimo se abriu às impressões profundas e conhecem o sopro potente que atiça os clarões do gênio, sopro que passa pelas frontes pensativas e faz estremecer os envoltórios humanos.



Léon Denis
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 16 de Novembro de 2011, 09:10
                                         VIVA JESUS!


         Bom-dia! queridos irmãos.


Espiritualização e busca da felicidade


Não há quem não deseja a felicidade.

O homem, contudo, muitas vezes, a busca de forma equivocada.

A felicidade no mundo material é relativa. Nosso mundo ainda é de expiação e provas individuais e coletivas. O reino de Jesus ainda não é também terreno.

A felicidade plena, portanto, ainda não é encontrada aqui. Tem-se momentos de felicidade.

Felicidade verdadeira e duradoura sem espiritualização não existe.

O Espírito também tem infância, adolescência e maturidade, nas fases de sua evolução. A história da humanidade retrata essa realidade.

Seres humanos que dão exemplos de desprendimento e amor são Espíritos mais adiantados na senda evolutiva, com mais reencarnações vivenciadas e grau de espiritualização adquirido. São bons Espíritos, em contraponto a Espíritos imperfeitos.

Aspirar pela felicidade é um sentimento inato do ser humano, representando a busca do melhor, no entendimento de cada um. No mundo material, de modo geral, significa possuir algo, ou sentir-se bem com algo. No aspecto espiritual, tanto para o encarnado como para o desencarnado, é sobretudo um estado de espírito, de consciência tranquila.

O grau de espiritualização do ser humano tem a ver com o exercício dos bons sentimentos, sobrepujando os instintos e as paixões.

Os desvios de comportamento e os vícios de toda ordem representam impedimento à conquista da felicidade, ao passo que abraçar o processo dos fundamentos da reforma íntima conduz a ela.

A lei da reencarnação está a serviço da evolução do espírito. Reencarnamos para progredir espiritualmente. Importa, pois, fazer bom uso das oportunidades de tempo e espaço que a reencarnação propicia.

A Doutrina Espírita, levantando o véu que encobria o conhecimento do que é o lado de lá, fornece importantes subsídios para que cada um busque sua melhoria espiritual, visando sua felicidade tanto aqui, enquanto permanecer neste plano, e nos limites do possível, como quando do retorno à pátria verdadeira.

Nesse contexto, importante vigiar cada pensamento e pesar cada palavra ou ato praticado, uma vez que os bons produzem frutos de alegria e propiciam a felicidade, enquanto ao maus redundam em dores e sofrimentos a curto ou médio prazo.

Entendendo que a felicidade é resultado dos bons sentimentos, e que o bom sentimento por excelência é o amor, cada um buscará exercitar a afeição sincera, o esmero dedicado, o carinho no trato, a pureza e simplicidade de coração.

O Alto nos auxilia no procedimento para construir nossa felicidade; Benfeitores espirituais nos inspiram constantemente, passando-nos bons pensamentos para optarmos pelo caminho do bem. Nesse aspecto, ninguém se encontra esquecido ou abandonado.

Todos estamos, direta ou indiretamente, ligados a uma cidade espiritual de luz, que acompanha nossa trajetória e nossa programação da presente jornada física, buscando nos guiar na senda cristã. A expectativa é de que cumpramos satisfatoriamente nossa programação, tanto com vistas à vivência da felicidade relativa neste plano como com a finalidade de voltar-se ao outro plano um pouco melhor do que quando se veio de lá.

Ninguém reencarna para nada fazer. Quando mais próximos da execução de nossa programação reencarnatória estivermos, mais felizes seremos, já aqui e, depois, quando do retorno ao mais-além, cuja volta é certa para todos.

O livre-arbítrio representa, ao lado da vontade, alavanca fundamental para o erguimento, ou reerguimento, de cada um de nós. Querendo, e nos esforçando, somos capazes de desenvolver o potencial imenso que o Pai Maior colocou no âmago de cada um de nós.

A família, o trabalho, a atividade doutrinária são meios de exercício nessa direção. 

     Eugenia Maria



                                                             PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 19 de Novembro de 2011, 07:57
                                           VIVA JESUS!


          Bom-dia! queridos irmãos.

                 Doações mínimas
 

Não subestime as chamadas "pequenas doações".

O prato frugal que você oferece ao necessitado será provavelmente o recurso de que precisa a fim de liberar-se dos últimos riscos da inanição.

A peça de vestuário que você entregou ao companheiro em penúria terá representado o apoio providencial com que se livrou de moléstia.

A reduzida poção de remédio que conseguiu você doar em favor de um doente foi talvez o socorro que o auxiliou a desviar-se do derradeiro corredor em que resvalaria para a morte.

A visita rápida que você levou ao enfermo pode ter sido o estímulo inesperado que o arrancou do desânimo para os primeiros passos, em demanda ao levantamento das próprias forças.

O bilhete ligeiro que você endereçou ao irmão em dificuldade, ofertando-lhe reconforto, possivelmente se transformou na âncora que haverá retomado o acesso à esperança.

O minuto de tolerância com que você suportou a exigência de uma pessoa, em difícil conversação, haverá sido aquele que a ajudou a descompromissar-se com um encontro desagradável ou com determinado acidente.

Algumas poucas frases num diálogo construtivo serão o veículo pelo qual o seu interlocutor evitará render-se a idéias de suicídio ou delinqüência.

Os seus instantes de silêncio caridoso à frente desse ou daquele agressor, significarão o amparo de que não prescinde, a fim de aceitar a necessidade da própria renovação.

Não menospreze o valor das minidoações.

O seu concurso supostamente insignificante pode ser o ingrediente complementar que esteja faltando em valiosa peça de salvação.

 

Do livro Respostas da Vida, cap. 26, de André Luiz, obra psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier.
 



                                                        PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 20 de Novembro de 2011, 08:00
                                            VIVA JESUS!


        Bom-dia! queridos irmãos.

                 

O amor tudo sofre

“Tudo sofre...”- Paulo (I Coríntios, 13:7.)

O noticiário terrestre reporta-se diariamente a desvarios cometidos em nome do amor.

Homicídios são perpetrados publicamente.

Suicídios sulcam de pranto e desolação a rota de lares esperançosos.

Furto, contenda, injúria e perversidade aparecem todos os dias invocando a inspiração do sentimento sublime.

Mulheres indefesas, homens dignos, jovens promissores e infelizes crianças, em toda a parte, sofrem abandono e aflição sob a legenda celeste.

Entretanto, só o egoísmo, traduzindo apego da alma ao bem próprio, é que patrocina os golpes da delinquência, os enganos da posse, os erros da impulsividade e os desacertos da pressa... Apenas o egoísmo gera ciúme e despeito, vingança e discórdia, acusação e cegueira.

O amor, longe disso, sabe rejubilar-se com a alegria dos corações amados, esposando-lhes as lições e dificuldades, as dores e os compromissos. Não se atropela, nem se desmanda. Abraça o sacrifício próprio, em favor da felicidade da criatura a quem ama, a razão da própria felicidade.

Por esse motivo, no amor verdadeiro não há sinal de qualquer precipitação conclamando à imoderação ou à loucura.

O Apóstolo Paulo afirmou divinamente inspirado: - “O amor tudo sofre...”. E, de nossa parte, acrescentamos: - O amor genuíno jamais se desregra ou se cansa, porque realmente sabe esperar.


Do cap. 32 do livro Palavras de Vida Eterna, de Emmanuel, obra psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier.





                                                       PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 21 de Novembro de 2011, 08:37
                                         VIVA JESUS!


        Bom-dia! queridos irmãos.

                No campo doutrinário

Encontrarás no caminho os companheiros que não conseguiram guardar o talento mediúnico na altura que a responsabilidade lhes conferiu.

À maneira dos que não sabem viver retamente, quan­do chamados à mordomia do ouro ou ao cetro do poder, desequilibram-se mentalmente, criando para si próprios o labirinto em que se desvairam.

Começam abandonando a disciplina profissional, que julgam vexatória. Debandam de pequeninos deveres familiares que, na­turalmente cumpridos, formam o alicerce das tarefas maiores. E transformam-se em joguete da fascinação que os inutiliza.

Julgam-se, então, mensageiros especiais. Ausentam-se deliberadamente do estudo. Abraçam exotismos contundentes. Acreditam-se na condição de intérpretes das mais altas personalidades da História. Não admitem advertências.

Supõem dominar o passado e o futuro. Profetizam. Pontificam. Mas, detendo exagerada conceituação de si mesmos, não percebem que se fazem marginais, cristalizados em longos processos obsessivos, aos quais atraem amigos in­vigilantes para deslumbrá-los, a principio, e arrojá-los, depois, à desilusão.

*

Em verdade, não podemos evitar que irmãos nossos se prendam a semelhantes situações perigosas e lasti­máveis.

Se outras formações religiosas vivem juguladas pela autoridade terrestre que lhes frena os impulsos, encon­tramos na Doutrina Espírita o pensamento claro e es­pontâneo da fé viva, favorecendo sementeiras e searas preciosas do livre-arbítrio.

Diante, pois, dos amigos que não souberam situar os compromissos medianímicos em lugar justo, observemos quão duro será, para nós, desertar do serviço constante no burilamento interior, aprendendo, ao mesmo tempo, nos desajustes que mostram tudo aquilo que nos cabe evitar.

Em seguida, se possível, ajudemo-los com a palavra evangélica; entretanto, se essa medida não pode ser posta em prática, à face das circunstâncias que nos obrigam a emudecer, lembremo-nos de que é nossa obrigação tra­balhar sempre mais, na expansão de nossos princípios, para que se faça luz nos corações e nas consciências. E caminhemos adiante, no esforço de tudo melhorar cada dia, com a certeza de que, segundo o Cristo, cada criatura, hoje e sempre, onde estiver, receberá, invaria­velmente, de acordo com as suas obras.

 
Do livro Seara dos Médiuns, cap. 9, de Emmanuel, psicografado pelo médium Francisco Cândido Xavier.




                                                        PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 23 de Novembro de 2011, 08:34
                                       VIVA JESUS!


         Bom-dia! queridos irmãos.

                 Quanto mais...  

Abençoai sempre as vossas dificuldades e não as lastimeis, considerando que Deus nos concede sempre o melhor e o melhor tendes obtido constantemente com a possibilidade de serdes mais úteis.


Quanto mais auxiliardes aos outros, mais amplo auxílio recebereis da Vida Mais Alta.


Quanto mais tolerardes os contratempos do mundo, mais amparados sereis nas emergências da vida, em que permaneceis buscando paz e progresso, elevação e luz.


Quanto mais liberdade concederdes aos vossos entes amados, permitindo que eles vivam a existência que escolheram, mais livres estareis para obedecer a Jesus, construindo a vossa própria felicidade.


Quanto mais compreenderdes os que vos partilham os caminhos humanos, mais respeitados vos encontrareis, de vez que, quanto mais doardes do que sois em benefício alheio, mais ampla cobertura de amparo do Senhor assegurará a tranquilidade em vossos passos.


Continuemos buscando Jesus em todos os irmãos da Terra, mas especialmente naqueles que sofrem problemas e dificuldades maiores que os nossos obstáculos, socorrendo e servindo e sempre mais felizes nos encontraremos sob as bênçãos dele, nosso Mestre e Senhor.


Bezerra de Menezes / Francisco Cândido Xavier. In: Caridade




                                                         PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 24 de Novembro de 2011, 08:18
                                         VIVA JESUS!


         Bom-dia! queridos irmãos.

                Apliquemo-nos  

"E os nossos aprendam também a aplicar-se às boas obras, nas coisas necessárias, para que não sejam infrutuosos." - Paulo. (TITO, 3:14.)


É preciso crer na bondade; todavia é indispensável movimentarmo-nos com ela, no serviço de elevação.

É necessário guardar a fé; contudo, se não a testemunhamos, nos trabalhos de cada dia, permaneceremos na velha superfície do palavrório.

Claro que todos devemos aprender o caminho da iluminação; entretanto, se nos não dispomos a palmilhá-lo, não passaremos da atitude verbalista.

Há no Espiritismo cristão palpitantes problemas para os discípulos de todas as situações.

É muito importante o conhecimento do bem, mas que não esqueçamos as boas obras; é justo se nos dilate a esperança, diante do futuro, à frente da sublimidade dos outros mundos em glorioso porvir, mas não olvidemos os pequeninos deveres da hora que passa.

De outro modo, seríamos legiões de servidores, incapazes de trabalhar, belas figuras na vitrina das idéias, sem qualquer valor na vida prática.

A natureza costuma apresentar lindas árvores que se cobrem de flores e jamais frutificam; o céu, por vezes, mostra nuvens que prometem chuva e se desfazem sem qualquer benefício à terra sedenta.

As escolas religiosas, igualmente, revelam grande número de demonstrações dessa ordem. São os crentes promissores e infrutuosos, que a todos iludem pelo aspecto brilhante.

Dia virá, porém, no qual se certificarão de que é sempre melhor fazer para ensinar depois, que ensinar sempre sem fazer nunca.

 
Do livro Vinha de Luz, cap. 25, de Emmanuel, psicografado pelo médium Francisco Cândido Xavier.



           
                                                            PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 27 de Novembro de 2011, 18:39
                                       VIVA JESUS!


        Boa-tarde! queridos irmãos.

               No futuro

 “E não mais ensinará cada um a seu próximo, nem cada um a seu irmão, dizendo: — Conhece o Senhor! porque todos me conhecerão, desde o menor deles até ao maior.” — Paulo. (Hebreus, cap. 8, versículo 11.)

 
Quando o homem gravar na própria alma

Os parágrafos luminosos da Divina Lei,

O companheiro não repreenderá o companheiro,

O irmão não denunciará outro irmão.

O cárcere cerrará suas portas,

Os tribunais quedarão em silêncio.

Canhões serão convertidos em arados,

Homens de armas volverão à sementeira do solo.

O ódio será expulso do mundo,

As baionetas repousarão,

As máquinas não vomitarão chamas para o incêndio e para a morte,

Mas cuidarão pacificamente do progresso planetário.

A justiça será ultrapassada pelo amor.

Os filhos da fé não somente serão justos,

Mas bons, profundamente bons.

A prece constituir-se-á de alegria e louvor

E as casas de oração estarão consagradas ao trabalho sublime da fraternidade suprema.

A pregação da Lei

Viverá nos atos e pensamentos de todos,

Porque o Cordeiro de Deus

Terá transformado o coração de cada homem

Em tabernáculo de luz eterna,

Em que o seu Reino Divino

Resplandecerá para sempre.

 

Do cap. 41 do livro Pão Nosso, de Emmanuel, obra psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier.




                                                       PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 28 de Novembro de 2011, 08:41
                                          VIVA JESUS!


        Bom-dia! queridos irmãos.

                No território moral do bem

"Se tendes amor, possuís tudo o que há de desejável na Terra, possuís preciosíssima pérola que nem os acontecimentos, nem as maldades dos que vos odeiem e persigam poderão arrebatar." (Um Espírito Protetor) (1)

Os ensinamentos contidos nos Evangelhos ainda estão longe de sensibilizar a maior parte da Humanidade que não consegue apreendê-los. Os Benfeitores Espirituais esforçam-se para esmiuçá-los, tornando-os, assim, mais acessíveis à compreensão de todos os corações indóceis. 

O Espiritismo, entre os incontáveis benefícios que traz às criaturas, mostra o verdadeiro sentido das palavras de Jesus, palavras essas que sofreram graves prejuízos com a manipulação sofrida pelos homens. Facilitará, destarte, a compreensão e prática dessas diretrizes.   

Por outro lado, a decepção e o desânimo espreitam o caminho de todo aquele que resolve adotar a ética cristã; portanto, como aconselha Albino Teixeira (2):

"Não aguardes o amigo perfeito para as obras do bem: Esperavas ansiosamente a criatura irmã, na soleira do lar, e o matrimônio trouxe alguém a reclamar-te sacrifício e ternura; contavas com teu filho, mas ele alcançou a mocidade sem ouvir-te as esperanças; sustentavas-te no companheiro de ideal e, de momento para outro, recolheste a mistura vinagrosa na ânfora da amizade em que sorvias água pura; mantinhas a fé no orientador que te merecia veneração e, um dia, até ele desapareceu de teus olhos, arrebatado por terríveis enganos.

Quase sempre, aqueles que tomamos por afetos mais doces, crendo abraçá-los por sustentáculos da luta, simbolizam tarefas que solicitam renúncia e apostolados a exigirem amor. Não importa o gelo da indiferença, nem o bramido da incompreensão, se buscamos servir.

O coração mais belo que pulsou entre os homens respirava na multidão e seguia só. Possuía legiões de Espíritos angélicos e aproveitou o concurso de amigos frágeis que o abandonaram na hora extrema. Ajudava a todos e chorou sem ninguém. Mas, ao carregar a cruz, no monte áspero, ensinou-nos que as asas da imortalidade podem ser extraídas do fardo de aflição, e que, no território moral do bem, alma alguma caminha solitária, porque vive tranqüila na presença de Deus".

Em Sua Vida luminosa e singular, Jesus sacrificou-Se ao extremo porque sabia que o grande bem coletivo repousa nos pequenos sacrifícios de cada um; portanto, se nos esforçamos para seguir o "Modelo e Guia" mais perfeito, em curto lapso de tempo lograremos transformar a Terra em luminoso caminho para a verdadeira glória.
 

Referências:

(1) KARDEC, Allan. O Evangelho segundo o Espiritismo. 125 ed., Rio [de Janeiro]: FEB, 2006, cap.VIII, item 19.

(2) XAVIER, Francisco Cândido. O Espírito da Verdade. 3 ed., Rio [de janeiro]: FEB, 1977, cap. 33, pp. 83-84.


      Rogerio Coelho




                                                           PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 29 de Novembro de 2011, 08:57
                                        VIVA JESUS!


        Bom-dia! queridos irmãos.

                Cartão de visita

Em qualquer estudo da mediunidade, não podemos esquecer que o pensamento vige na base de todos os fenô­menos de sintonia na esfera da alma.

Analisando-o, palidamente, tomemos a imagem da vela acesa, apesar de imprópria para as nossas anotações.

A vela acesa arroja de si fótons ou força luminosa.

O cérebro exterioriza princípios inteligentes ou ener­gia mental.

Na primeira, temos a chama.

No segundo, identificamos a idéia.

Uma e outro possuem campos característicos de atua­ção, que é tanto mais vigorosa quanto mais se mostre perto do fulcro emissor.

No fundo, os agentes a que nos referimos são neutros em si.

Imaginemos, no entanto, o lume conduzido. Tanto pode revelar o caminho de um santuário, quanto a trilha de um pântano.

Tanto ajuda os braços do malfeitor na execução de um crime, quanto auxilia as mãos do benfeitor no levan­tamento das boas obras.

Verificamos, no símile, que a energia mental, ineluta­velmente ligada à consciência que a produz, obedece à vontade.

E, compreendendo-se no pensamento a primeira es­tação de abordagem magnética, em nossas relações uns com os outros, seja qual for a mediunidade de alguém, é na vida íntima que palpita a condução de todo o recurso psíquico.

Observa, pois, os próprios impulsos.

Desejando, sentes.

Sentindo, pensas.

Pensando, realizas.

Realizando, atrais.

Atraindo, refletes.

E, refletindo, estendes a própria influência, acrescida dos fatores de indução do grupo com que te afinas.

O pensamento é, portanto, nosso cartão de visita.

Com ele, representamos ao pé dos outros, conforme nossos próprios desejos, a harmonia ou a perturbação, a saúde ou a doença, a intolerância ou o entendimento, a luz dos construtores do bem ou a sombra dos carregado­res do mal.


 
Do livro Seara dos Médiuns, cap. 2, de Emmanuel, psicografado pelo médium Francisco Cândido Xavier.




                                                        PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 09 de Dezembro de 2011, 20:17
                                           VIVA JESUS!


        Boa-noite! queridos irmãos.

               Cristo e nós

 E disse-lhe o Senhor em visão: - Ananias! E ele respondeu:
- Eis-me aqui, Senhor!" - (ATOS, 9:10.)


Os homens esperam por Jesus e Jesus espera igualmente pelos homens.

Ninguém acredite que o mundo se redima sem almas redimidas.

O Mestre, para estender a sublimidade do seu programa salvador, pede braços humanos que o realizem e intensifiquem.

Começou o apostolado, buscando o concurso de Pedro e André, formando, em seguida; uma assembléia de doze companheiros para atacar o serviço da regeneração planetária. E, desde o primeiro dia da Boa Nova, convida, insiste e apela, junto das almas, para que se convertam em instrumentos de sua Divina Vontade, dando-nos a perceber que a redenção procede do Alto, mas não se concretizará entre as criaturas sem a colaboração ativa dos corações de boa-vontade.

Ainda mesmo quando surge, pessoalmente, buscando alguém para a sua lavoura de luz, qual aconteceu na conversão de Paulo, o Mestre não dispensa a cooperação dos servidores encarnados. Depois de visitar o doutor de Tarso, diretamente, procura Ananias, enviando-o a socorrer o novo discípulo. Por que razão Jesus se preocupou em acompanhar o recém-convertido, assistindo-o em pessoa? É que, se a Humanidade não pode iluminar-se e progredir sem o Cristo, o Cristo não dispensa os homens na obra de soerguimento e sublimação do mundo.

"Ide e pregai."

"Eis que vos mando."

"Resplandeça a vossa luz diante dos homens."

"A Seara é realmente grande, mas poucos são os ceifeiros."

Semelhantes afirmativas do Senhor provam a importância por ele atribuída à contribuição humana.

Amemos e trabalhemos, purificando e servindo sempre.

Onde estiver um seguidor do Evangelho aí se encontra um mensageiro do Amigo Celestial para a obra incessante do bem.

Cristianismo significa Cristo e nós.

 

Do livro Fonte Viva, de Emmanuel, psicografado pelo médium Francisco Cândido Xavier





                                                             PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 11 de Dezembro de 2011, 07:48
                                          VIVA JESUS!


         Bom-dia! queridos irmãos.

                 Podia ser pior



O médium Filgueiras era espírita de grande serenidade.

Certa feita, um amigo, que ele não via desde muito, visita-lhe a casa e, depois das saudações habituais, dá notícias do próprio pessimismo.

Declara-se ausente de toda atividade doutrinária. Continua espírita de convicção, mas afastou-se do trabalho mediúnico, da leitura, das sessões, das preces...

Inquirido por Filgueiras, começou a explicar-se:

– Imagine você que minha infelicidade começou quando o meu sócio conseguiu furtar-me quase tudo o que eu possuía. Foi terrível desastre...

– Mas podia ser pior! – falou Filgueiras, preenchendo a pausa da conversação.

– Em seguida, estabeleci-me com pequena loja; no entanto, meu único empregado ateou fogo a tudo, após roubar-me...

– Podia ser pior... – atalhou Filgueiras.

– O azar não ficou aí, pois, quando me viu sem qualquer recurso, a companheira me abandonou, buscando aventuras inconfessáveis...

– Podia ser pior...

– Depois disso, minha única filha, aquela que ainda se mantinha ao meu lado, ouviu as insinuações de um homem que a seduziu, desprezando-me com amargas palavras...

– Podia ser pior...

– Por fim, meu irmão, a única pessoa que ainda me dispensava proteção e carinho, foi assassinado por um salteador que escapou à cadeia.

– Mas podia ser pior... – acentuou Filgueiras, calmo.

O outro sorriu, mal-humorado, e objetou:

– Ora essa! Que podia ser pior? Dois ladrões me acabam com os negócios, dois malandros me acabam com a família e um assassino me acaba com o único irmão... Que podia ser pior, Filgueiras?

O prestimoso médium abanou a cabeça e respondeu calmamente:

– Podia ser pior, sim, meu amigo! Podia ser você o autor de tantos crimes; entretanto, cá está conversando comigo, de consciência purificada e mãos limpas. Sofrer dos outros é, de algum modo, trilhar o caminho em que Jesus transitou, mas fazer sofrer os outros é outra coisa...

O amigo silenciou e, ao despedir-se, rogou a Filgueiras o benefício de um passe.

 

Do cap. 3 da segunda parte do livro Almas em desfile, de Hilário Silva, obra psicografada pelos médiuns Waldo Vieira e Francisco Cândido Xavier.





                                                          PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 17 de Dezembro de 2011, 08:23
                                          VIVA JESUS!


        Bom-dia! queridos irmãos.

               Jesus veio

 “Mas aniquilou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens.” — Paulo. (FILIPENSES, capítulo 2, versículo 7.)
 

Muitos discípulos falam de extremas dificuldades por estabelecer boas obras nos serviços de confraternização evangélica, alegando o estado infeliz de ignorância em que se compraz imensa percentagem de criaturas da Terra. Entretanto, tais reclamações não são justas.

Para executar sua divina missão de amor, Jesus não contou com a colaboração imediata de Espíritos aperfeiçoados e compreensivos e, sim, “aniquilou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens”.

Não podíamos ir ter com o Salvador, em sua posição sublime; todavia, o Mestre veio até nós, apagando temporariamente a sua auréola de luz, de maneira a beneficiar-nos sem traços de sensacionalismo.

O exemplo de Jesus, nesse particular, representa lição demasiado profunda.

Ninguém alegue conquistas intelectuais ou sentimentais como razão para desentendimento com os irmãos da Terra.

Homem algum dos que passaram pelo orbe alcançou as culminâncias do Cristo. No entanto, vemo-lo à mesa dos pecadores, dirigindo-se fraternalmente a meretrizes, ministrando seu derradeiro testemunho entre ladrões.

Se teu próximo não pode alçar-se ao plano espiritual em que te encontras, podes ir ao encontro dele, para o bom serviço da fraternidade e da iluminação, sem aparatos que lhe ofendam a inferioridade.

Recorda a demonstração do Mestre Divino.

Para vir a nós, aniquilou a si próprio, ingressando no mundo como filho sem berço e ausentando-se do trabalho glorioso, como servo crucificado.

 

Do cap. 8 do livro Caminho, Verdade e Vida, de Emmanuel, obra psicografada pelo médium Francisco Cândido Xavier.





                                                          PAZ, MUITA PAZ!
 
 
 
 
 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 24 de Dezembro de 2011, 14:23
                                         VIVA JESUS!


         Boa-tarde! queridos irmãos.

                 
A ansiedade

Não se deixando vitimar pela rotina, o homem tende, às vezes, a assumir um comportamento ansioso que o desgasta, dando origem a processos enfermiços que o consomem.

A ansiedade é uma das características mais habituais da conduta contemporânea.

Impulsionado ao competitivismo da sobrevivência e esmagado pelos fatores constringentes de uma sociedade eticamente egoísta, predomina a insegurança no mundo emocional das criaturas.

As constantes alterações da Bolsa de Valores, a compressão dos gastos, a correria pela aquisição de recursos e a disputa de cargos e funções bem remunerados geram, de um lado, a insegurança individual e coletiva. Por outro, as ameaças de guerras constantes, a prepotência de governos inescrupulosos e chefes de atividades arbitrários quão ditadores; os anúncios e estardalhaços sobre enfermidades devastadoras; os comunicados sobre os danos perpetrados contra a ecolo­gia prenunciando tragédias iminentes; a catalogação de crimes e violências aterradoras respondem pela inquietação e pelo medo que grassam em todos os meios sociais, como cons­tante ameaça contra o ser e o seu grupo, levando-os a permanente ansiedade que deflui das incertezas da vida.

Passando, de uma aparente segurança, que era concedida pelos padrões individualistas do século 19, no apogeu da industrialização, para o período eletrônico, a robotização ameaça milhões de empregados, que temem a perda de suas atividades remuneradas, ao tempo em que o coletivismo, igua­lando os homens nas aparências sociais, nos costumes e nos hábitos, alija os estímulos de luta, neles instalando a incerte­za, a necessidade de encontrar-se sempre na expectativa de notícias funestas, desagradáveis, perturbadoras.

Esvaziados de idealismo e comprimidos no sistema em que todos fazem a mesma coisa, assumem iguais compostu­ras, passando de uma para outra pauta de compromisso com ansiedade crescente.

A preocupação de parecer triunfador, de responder de for­ma semelhante aos demais, de ser bem recebido e considera­do é responsável pela desumanização do indivíduo, que se torna um elemento complementar no grupamento social, sem identidade, nem individualidade.

Tendo como modelo personalidades extravagantes, que ditam modas e comportamento exóticos, ou liderado por ído­los da violência, como da astúcia dourada, o descobrimento dos limites pessoais gera inquietação e conflitos que mal disfarçam a contínua ansiedade humana.

A ansiedade tem manifestações e limites naturais, perfei­tamente aceitáveis.

Quando se aguarda uma notícia, uma presença, uma res­posta, uma conclusão, é perfeitamente compreensível uma atitude de equilibrada expectativa.

Ao extrapolar para os distúrbios respiratórios, o colapso periférico, a sudorese, a perturbação gástrica, a insônia, o cli­ma de ansiedade torna-se um estado patológico a caminho da somatização física em graves danos para a vida.

O grande desafio contemporâneo para o homem é o seu autodescobrimento.

Não apenas identificação das suas necessidades, mas, principalmente, da sua realidade emocional, das suas aspirações legítimas e reações diante das ocorrências do cotidiano.

Mediante o aprofundamento das descobertas íntimas, altera-se a escala de valores e surgem novos significados para a sua luta, que contribuem para a tranqüilidade e a autoconfi­ança.

Não há, em realidade, segurança enquanto se transita no corpo físico.

A organização mais saudável durante um período, debilita-se em outro, assim como os melhores equipamentos orgâ­nicos e psíquicos sofrem natural desgaste e consumição, dando lugar às enfermidades e à morte, que também é fenômeno da vida.

A ansiedade trabalha contra a estabilidade do corpo e da emoção.

A análise cuidadosa da existência planetária e das suas finalidades proporciona a vivência salutar da oportunidade orgânica, sem o apego mórbido ao corpo nem o medo de perdê-lo.

Os ideais espiritualistas, o conhecimento da sobrevivência à morte física tranqüilizam o homem, fazendo que consi­dere a transitoriedade do corpo e a perenidade da vida, da qual ninguém se eximirá.

Apegado aos conflitos da competição humana ou deixan­do-se vencer pela acomodação, o homem desvia-se da finali­dade essencial da existência terrena, que se resume na aplica­ção do tempo para a aquisição dos recursos eternos, propici­adores da beleza, da paz, da perfeição.

O pandemônio gerado pelo excesso de tecnologia e de conforto material nas chamadas classes superiores, com absoluta indiferença pela humanidade dos guetos e favelas, em promiscuidade assustadora, revela a falência da cultura e da ética estribada no imediatismo materialista com o seu arro­gante desprezo pelo espiritualismo.

Certamente, ao fanatismo e proibição espiritualista de caráter medieval, que ocultavam as feridas morais dos ho­mens, sob o disfarce da hipocrisia, o surgimento avassalador da onda de cinismo materialista seria inevitável. No entanto, o abuso da falsa cultura desnaturada, que pretendeu solucio­nar os problemas humanos de profundidade como reparava os desajustes das engrenagens das máquinas que construiu, resultou na correria alucinada para lugar nenhum e pela con­quista de coisas mortas, incapazes de minimizar a saudade, de preencher a solidão, de acalmar a ansiedade, de evitar a dor, a doença e a morte...

Magnatas, embora triunfantes, proíbem que se pronuncie o nome da morte diante deles.

Capitães de monopólios recusam-se a sair à rua, para evi­tarem contágio de enfermidades, e alguns impõem, para vi­ver, ambientes assepsiados, tentando driblar o processo de degeneração celular.

Ases da beleza cercam-se de jovens, receando a velhice, e utilizam-se de estimulantes para preservarem o corpo, apli­cando-se massagens, exercícios, cirurgias plásticas, muscu­lação e, não obstante, acompanham a degeneração física e mental, ansiosos, desventurados.

Propalando-se que as conquistas morais fazem parte das instituições vencidas — matrimônio, família, lar — os apaniguados da loucura crêem que aplicam, na velha doença das proibições passadas, uma terapêutica ideal. E olvidam-se que o exagero de medicamento utilizado em uma doença, gera danos maiores do que aqueles que eram sofridos.

A sociedade atual sofre a terapia desordenada que usou na enfermidade antiga do homem, que ora se revela mais debilitado do que antes.

São válidas, para este momento de ansiedade, de insatisfação, de tormento, as lições do Cristo sobre o amor ao pró­ximo, a solidariedade fraternal, a compaixão, ao lado da ora­ção, geradora de energias otimistas e da fé, propiciadora de equilíbrio e paz, para uma vida realmente feliz, que baste ao homem conforme se apresente, sem as disputas conflitantes do passado, nem a acomodação coletivista do presente.

 

Extraído do cap. 3 do livro O Homem Integral, psicografado pelo médium Divaldo P.Franco.
 
 



                                                         PAZ, MUITA PAZ! 
Título: Re: Terapia para a Alma
Enviado por: dOM JORGE em 27 de Dezembro de 2011, 22:13
                                           VIVA JESUS!


        Boa-noite! queridos irmãos.

               Encontrando-se com Deus

“Ó profundidade das riquezas, da sabedoria e do conhecimento de Deus!Quão incompreensíveis são os seus desígnios! Quão imperscrutáveis os seus caminhos! Pois quem conhece os pensamentos do Senhor? Dele, por Ele e para Ele são todas as coisas.” - Paulo (Romanos 11: 33, 34, 36)


Certo dia, voltávamos eu e um amigo da faculdade. Cansados, mas empolgados pela conversa que fluía fácil, observamos que o rumo da prosa nos levava ao encontro da temática Deus. Naquele instante, percebi que o colega parecia um tanto quanto confuso sobre a existência do Pai. Em seu íntimo - suas palavras deixavam transparecer - havia um certo rancor para com a Divindade. Porque, porém, ele não falasse, guardei silêncio, respeitando-lhe a intimidade.

Chegando em meu lar, fiquei com a conversa em minha mente. E, meio relutante, segui minha intuição e lhe enviei um e-mail. Neste, tentei falar-lhe de quão pequeninos somos e de quão grandioso é o Pai. Com outras palavras, repeti as frases supracitadas do apóstolo Paulo. Pouco instante depois, recebi a resposta dele, agradecendo-me, sensibilizado, já que também tinha ficado refletindo sobre a nossa conversa anterior, e me dizendo que, de fato, aos poucos, estava tentando reaproximar-se do Criador, já que começava a compreender aquilo que eu lhe havia escrito.

Aquele amigo, ao seu modo, ia, paulatinamente, encontrando-se com Deus.

Em tua vida, porém, caro colega de juventude, quantas vezes não te encontraste revoltado com o Criador?

Será que não chegou o momento de fazeres uma reflexão para, novamente, encontrar-te com o teu Pai, nosso Deus?

Reclamas dEle por qualquer acontecimento em tua existência. Lembra-te, no entanto, que ainda não somos capazes de dizer, como Jesus[1], que estamos em Deus, muito embora Ele esteja em nós. E, por isso mesmo, por enquanto, “quão imperscrutáveis” são “os seus caminhos! Pois quem conhece os pensamentos do Senhor?”.

Busca, portanto, encontrar-te, novamente, e um pouco mais, com a Força que mantém o universo. Ao contrário, porém, do que imaginas, não precisarás de uma viagem interplanetária para fazê-lo, já que Ele não mora em lugares externos, pois, como disse Jesus[2], o Reino dEle está dentro de ti, dentro de todos nós.

Desse modo, escuta a tua consciência, e ouvirás a voz de Deus em ti, aconselhando-te, através das Leis universais. Ama-te e amarás, também, a Ele. Busca a fé, e O encontrarás. Recolhe-te em prece, e com Ele conversarás. Vai ao encontro do teu próximo, e com Ele, também, encontrar-te-ás.

É provável que, em momentos de mágoa, possas falar como o famoso cientista Laplace[3]. O matemático, tentando depurar e aperfeiçoar os cálculos de Newton, escreveria, em cinco volumes, o seu notável “Mecânica Celeste”. Quando, porém, da entrega da primeira edição do compêndio a Napoleão, ouviu deste: – Senhor Laplace, disseram-me que o senhor escreveu este grande livro sobre o sistema do universo mas nele não mencionou o seu Criador.

Sem afetação, contudo, ele respondeu: - Eu não precisava desta hipótese.

Nada obstante, a verdade é que, se o Universo por inteiro precisa da sua dinâmica, todos, da mesma forma, necessitamos dEle em nossos dias e do amor que Ele gera em nós a cada instante. 

É certo, outrossim, que, quando a dor chega, em suas variadas formas de apresentação, quase sempre, porque nos sentimos impotentes, vez que outra, queremos projetar esta impotência na raiva para com o que não compreendemos, Deus. Esta atitude, entretanto, só mais angústia gera.

Sendo assim, por que não tentar ter uma outra postura diante da vida e dos seus acontecimentos? Ao invés de nos afastarmos dEle, por que não buscar nEle a dinâmica do existir para melhor nos adaptarmos aos vários momentos, tristonhos ou felizes, a que somos convidados a estar? 

Sendo assim, colega de mocidade, não nos afastemos de Deus, nem um segundo sequer, pois, na relatividade do tempo, um segundo pode trazer conseqüências seculares. Além disso, quando dEle estamos longe, na realidade, muito distante de nós, igualmente, ficamos. E, por isso mesmo, devemos procurar marcar encontros diárias com Ele, desde agora em nossos dias juvenis, pois, dessa maneira, no amanhã, teremos logrado compreender mais os caminhos dEle e o nosso.


        Leonardo Machado




                                                      PAZ, MUITA PAZ!
Título: Re: